Welcome to Fórum Turma do Biguá

Pra nós é um enorme prazer tê-lo em nossas páginas. 
Todo o conteúdo postado por nós é aberto a todos, no entanto, para postar suas dúvidas, dicas, vendas ou para comprar um produto e etc, é necessário que você se cadastre em nosso fórum. 

Sinta-se em casa no fórum onde as turmas se encontram!

Fórum Turma do Biguá ::tudo:: 

Barcos Calaça

Membro
  • Total de itens

    409
  • Registro em

  • Última visita

  • Days Won

    1

Barcos Calaça last won the day on Novembro 29 2016

Barcos Calaça had the most liked content!

2 Seguidores

Sobre Barcos Calaça

  • Rank
    Já consegue zarar
  • Data de Nascimento 26-03-1994

Informações de Perfil

  • Localização
    Goiânia - GO

Últimos Visitantes

1.613 visualizações
  1. A Flash foi o primeiro barco semi chato do Brasil, e que trouxe várias novidades que se popularizaram no mercado. Agora para continuar a frente recebeu algumas atualizações, como mini-borda-flutuante desenvolvida apenas para o modelo, diminuição de peso, agora são apenas 77KG (5m), redução de 60% dos rebites no casco em relação a um casco comum, maior velocidade devido ao menor arrasto do novo casco e como a velocidade é maior, o casco também é mais resistente. Você pode usar motores de 15 a 30 hp ou na opção de maior potência, você pode pedir o barco de fabrica para até 50 HP. Disponível nos tamanhos de 5.0, 5.5, 6.0 e 7.0 m, alem das melhorias do casco as vantagens estão no preço bacana pela qualidade do produto. Boca: 1.48 m borda: 0.52 m Peso: 77kg (5m), 85kg (5.5m) e 95kg (6.0m). Valores: Flash 5.0 m R$4.650,00 Flash 5.5 m R$5.150,00 Flash 6.0 m R$5.450,00 - Melhor acabamento da categoria - Alto custo beneficio - Praticidade devido ao baixo peso, graças a nova tecnologia com bancos prensados e sem rebites - Resistência - 10 anos de garantia na solda e 5 na estrutura em geral Fotos: Esperamos que gostem.
  2. Olá, Gilbertinho. Boa noite! Entao, em relação aos comentários, alguns podem nao terem sido expressados da melhor forma. Respondendo a seus comentários. A) Isso é verdade, qualquer rebite faz a diferença. Utilize um exemplo simples, tente colocar sua mão para dentro da água em um barco a 40km/H, você não conseguirá. Agora imagine o arrasto criado em maiores velocidades até por poucos rebites. B) Sim, isso é verdade. Mas o que tentei expor no comentário é que mesmo fazendo a diferença em todos os cascos, em alguns ou os que são preparados para isso, a diferença é gritantemente maior. C) Realmente, o tamanho do Jack faz diferença. D) Sim e não em relação a ressalva. Por qual motivo? Além de demonstrar que um barco de alumínio pode atingir uma alta perfomance(contradizendo comentários anteriores), e pode ser notada grande diferença com um JackPlate não apenas na teoria, utilIamos o exemplo do modelo, das fotos e vídeos para provar. Além disso, para os amigos conhecerem, pois não adiantaria nada nosso comentário falando sobre tal coisa em barcos de alumínio se não existisse nenhuma prova. Agora puxando um pouco para esse lado, o que proporcionou toda essa evolução foram todos vocês que estão lendo isso, que criticam, demonstram opiniões e através disso acontecem as evoluções! ;) Observacao: Em relação ao JackPlate, uma das coisas mais notadas antes e depois do alongamento, foi a mudança do centro de equilíbrio do casco, o que ajudou na performance.
  3. Amigos, falando em relação do JackPlate em casco de alumínio. Geralmente quase todos os cascos de alumínio não terão nenhuma diferença significativa com um Jack, devido simplesmente ao casco ser fabricado de forma tradicional, não é atoa que muitos tentam utilizar mas acaba não surtindo nenhum efeito pois são cascos de desenvolvimento mais antigo (mesmo casco a quase 30 anos) como do amigo @AlissonCividini e falado sobre barcos de alumínio pelo @Caparroz. Mas isso, especificamente esse fato dos cascos de alumínio não proporcionarem alta velocidade, entre outros fatores já foi resolvido. Nos da Calaça Náutica resolvemos com nossos modelos. São mais de 30 modelos para motores de 5 a 400 HP. Porém vou mencionar alguns de 90 a 400 HP especificamente. Vamos falar da nossa BASS, simplesmente para espetar na popa um motor de 150,200,250,300,350 ou 400 e ser feliz! É um casco com generosas proporções. já que são 6.23m de comprimento e 2.42 m de boca. Largamos de mão daqueles cascos tradicionais que todas as marcas fazem em alumínio e inovamos. Possuem tecnologia de primeira, são cascos com toda a parte navegável lisa, sem nenhum único rebite, com maior resistência, ótimo peso e design novo tanto na estética quanto na engenharia. Com um motor de 300 HP pode ultrapassar as 80 mph. - Casco de alumínio, porém diferente dos tradicionais. - Engenharia inteligente - Casco liso, sem nenhum rebite na parte navegável - A junção do fundo com as laterais é lisa, sem rebites ou soldas. - Maior resistência - Comportamento e navegabilidade diferentes Além disso, nossa unidade de testes com motor 300 HP está equipada com um Jack Plate Bobs Machine de 8'', onde depois de alguns testes fizemos uma especie de alongador onde chegou a 12'', e melhorou a performance e navegação. O veredito é que sim, O JackPlate faz diferença tanto em cascos de fibra quanto de alumínio, DEPENDENDO DA ENGENHARIA DO CASCO. Outra coisa é falarem que barco de alumínio não faz curva. Bem... As coisas agora mudaram, não só a BASS mas todos os cascos da Calaça são surpreendentes em curvas. Então vamos aos fatos com fotos e vídeos. Primeiro dois vídeos, um com 85% de aceleração com um motor 300 HP e o segundo fazendo algumas curvas(ah, a última é a melhor), podendo fazer até mais. Olhem um pouco algumas fotos do casco. Essa é na lateral, exatamente onde o fundo se encontra com as laterais, o acabamento é todo liso. Agora em relação ao casco, aqui algumas fotos do fundo tiradas olhando da proa. Aqui também o JackPlate, reparem no alongador entre o Jack e o espelho de popa, ele foi feito no mesmo formato e o motor usado Evinrude G2 de 300 HP. Muitos tem preconceito contra o alumínio, mas é normal devido a maioria dos barcos e lanchas do país serem os mesmos e antigos cascos (formato) a quase 30 anos, parecem ser todo iguais, e muitos os julgam por serem pouco confortáveis e navegação inferior aos de fibra. Mas não é bem assim, entre alumínio e fibra NÃO HÁ DIFERENÇA, o que muda é o que você consegue fazer com os dois materiais, e buscando inovações e tecnologia chegamos a tecnologias assim, com os barcos mais confortáveis com ótima navegação. A Calaça Náutica veio para revolucionar, já estamos a 27 anos no mercado, mas os modelos novos são tão revolucionários que vendemos mais de 5.000 barcos e lanchas em pouco mais de 2 anos mesmo com esta crise, de forma simples, apenas inovando.
  4. Olá, Silas. A diferença se dá pelo ano dos barcos. Sempre buscamos atualizar todos os detalhes para que os barcos sejam cada vez melhores. A sua FlashBass provavelmente é ano 2015, já a do Weslei é 2016/2017 onde há essa mudança no modelo do bujão/válvula do viveiro.
  5. Olá, Carlos. Boa noite! Temos duas opções para o motor 50 HP para comando a distância. São elas a Panther L e a Panther GL. Para saber a correta, dependerá da rabeta do seu motor, a Panther L é para rabeta curta de 15'' e motores de 25 a 50 HP, já a Panther GL é rebeta longa de 20'' e para motores de 40 a 60 HP. O Layout interno de ambas é bem parecido, porém com mudanças na forma da estrutura, fundo e boca. A Panther L possui 1.75 m de boca e a Panther GL possui 1.95m de boca e ambas tem desempenho extremamente satisfatório com o 50 HP. Além disso, para compra na fábrica há um valor bem especial, a Panther L parte de apenas R$11.900,00 e a Panther GL de R$13.900,00 dependendo do tamanho escolhido. Veja elas no site www.calaca.com.br
  6. Você já viu a fabrica sede da Calaça Náutica? É aqui que fabricamos nossos barcos e lanchas, além da loja de fábrica. Observe algumas fotos aéreas tiradas com um drone. Informações ou dúvidas sobre a fábrica? É só perguntar nos comentários.
  7. Opa, Tiago. Tudo bem? Realmente, no desenvolvimento da versão ProFishing a maior influência foi a opinião dos pescadores. Analisamos os dizeres de muitos em fóruns além de outros meios, da grande quantidade de pedidos através de nossos vendedores e após isso resolvemos fabricar um modelo em linha que atenda diversas especificações como plataformas grandes, estabilidade, espaço é um acabamento primoroso para o melhor barco ao pescador esportivo. Não apenas agradando na parte interior como nas plataformas e o espaço voltado ao pescador esportivo, disponíbilizamos duas versões de tamanhos dependendo da necessidade. A primeira é a de 1.60 m no casco da FlashBass, perfeita para motores de 15 a 30 HP com baixo peso e podendo ser utilizada até com 50 HP sob encomenda. Já a versão com 1.80 m é no casco da GranFlashBass, com 1.25 m de fundo e altíssima estabilidade, na versão ProFishing pode ser equipada com motores de 25 a 50 HP, ou até 60 HP sob encomenda devido à diferenças da rabeta, e mesmo com a motorização mínima o casco continua ágil, já com motor 40 atinge altas velocidades devido ao seu casco especial. Todas essas versões estão disponíveis em versões de 5.0, 5.5 e 6.0 m, e ainda dispõem alguns opcionais como caixa térmica, caixa separada para bateria, entre outros. Atenciosamente, equipe Calaça Náutica.
  8. Vinicius Lemes, além das diferenças mencionadas pelo Diego Rudek como da maior arrancada do CT, e a maior velocidade final proporcionada devido a rabeta do 150 HP, o 115 CT por exemplo já vem com hélice de inox,confira também se o 90 CT acompanha a de inox. Caso acompanhe, além da diferença da rabeta, arrancada entre outros, apenas a hélice já pagaria a diferença pois uma nova para comprar de forma avulsa chega ao valor de quase R$3.000,00.
  9. Opa, Marco. Como você vai? O amarelão é lindo mesmo, não é? Há ainda outras 7 opções de cores, nas quais são, o vermelho, azul, verde, laranja, prata, camuflado e branco.
  10. Opa, Marcelo. Tudo bem? A FlashBass ProFishing tem o peso a partir de 115kg no tamanho de 5m, já nos tamanhos de 5.5 e 6.0m tem 125kg e 130kg respectivamente. Mesmo possuindo várias plataformas e extrema robustez, o casco mantem as características de baixo peso, e grande agilidade na água, alcançado praticamente a mesma velocidade das versões tradicionais e mais leves. Nós que agradecemos, Marcelo! Esperamos ter ajudado, qualquer outro dúvida pode nos perguntar. Atenciosamente, equipe Calaça Náutica.
  11. Agradecemos pela confiança, Marco. Nosso objetivo é desenvolver os melhores barcos e lanchas do Brasil, e para isso precisamos de grandes investimentos. Opa, Eder. Agradecemos pela confiança! Ficamos extremamente felizes por realizarmos o sonho de pescadores de todo o Brasil. Opa, Fabrício. Como você vai amigo? Agradecemos pelo elogio! Tudo que é grande começa pequeno. Opa, Fabio. Nosso objetivo é sempre esse, fabricarmos os melhores produtos do Brasil, e investimos pesado nesta questão e ficamos extremamente felizes pelo reconhecimento. Opa, Rennó. Tudo bem? Ficamos felizes pelo reconhecimento de nosso trabalho! Agradecemos muito João Biguá! Estamos aqui para fazer a diferença, um abraço para todos do FTB!
  12. Apresentamos ao Fórum Turma do Biguá a nova versão dos barcos FlashBass (1.60m de boca) e GranFlashBass (1.80m de boca). A versão ProFishing foi elaborada com foco nos pescadores esportivos que buscam um barco altamente estável, com grandes plataformas, performance, conforto e exclusividade. Em relação as versões normais, a versão ProFishing possui plataforma de proa estendida e plataforma central, além da plataforma de popa já inclusa. As plataformas de proa e central contam com grandes porta objetos para guardar bolsas de pesca, entre outras coisas. Possui viveiro mais largo focado em torneios de pesca para que o peixe fique o maior tempo vivo, e para completar vários porta varas embutidos na plataformas e para finalizar, pintura exclusiva da série. Disponíveis nas versões de 5.0, 5.5 e 6.0 m, com 1.60 m de boca (FlashBass) e 1.80 m de boca (GranFlashBass). Poderão ser utilizadas com motores de 15 a 50 HP dependendo da versão. A partir de apenas R$6.900,00 já com o banco de proa incluso. Esperamos que gostem, quaisquer dúvidas postem nos comentários. Atenciosamente equipe Calaça Náutica.
  13. Olá, amigos do FTB! Como estão vocês? Como fabricamos produtos que serão utilizados para pesca e lazer, estamos sempre atentos nas conversas e demandas solicitados por todos os pescadores, sejam em redes sociais e fóruns de pesca. Temos acompanhado vários assuntos principalmente aqui nos tópicos de náutica. Estamos sempre coletando várias informações, onde o FTB se destaca, e estamos aqui agora para participarmos mais perto das discussões, auxiliar em informações e fazer amigos da Calaça Náutica em parceria com o FTB. Dedicamos muito tempo e dinheiro para desenvolver qualidade e fabricarmos barcos, lanchas e carretas com o que há de melhor e com qualidade, então, apresentamos para que conheçam um pouco de nossa história, que se iniciou a mais de 30 anos. Há cerca de 30 anos (aproximadamente), dois irmãos chamados Itamar Rodrigues da Silva (50) e Osvaldo Rodrigues da Silva(60) adoravam pescar no rio Araguaia, viam barcos passando e sonhavam com um barco para poder pescar e passear com a sua mãe. Mas na época, como ambos eram policiais militares, não tinham condições para adquirir um barco, foi ai que surgiu a ideia de montarem um pequeno e simples barco. Com essa ideia de montarem um barco para o uso próprio, resolveram fazer o fundo do casco com o teto de uma antiga kombi (ferro). Com muito esforço pegaram uma máquina de solda emprestada e com muita dificuldade fizeram um barquinho para pescarem no Araguaia. O resultado foi um barco com cerca de 4 metros de comprimento que levaram para rio, se divertiram muito, fez um enorme sucesso com os amigos e parentes. Vendo que todos haviam gostado resolveram fabricar mais alguns que foram vendidos. E por sorte como relíquia temos na sede da empresa o primeiro barco fabricado pela Calaça a cerca de 30 anos, ele foi recentemente reformado (pintura, etc) para não se desgastar com o tempo, aqui esta ele, é esse azul: Devido a todos gostarem e elogiarem e ter feito sucesso na época aos arredores com elogios de amigos e familiares, resolveram começar a fabricar barcos de alumínio, a primeira questão foi o nome, que como vimos no começo, nenhum dos dois fundadores têm ''Calaça'' ou tinham em seu nome (agora já mudaram o nome para Calaça...rsrs),mas para explicar melhor, o nome Calaça foi retirado de seus pais que havia falecido quando o mais velho, o Itamar tinha aproximadamente 12 anos no ''meio do mato'', passaram muitas dificuldades sem o pai, passaram fome, trabalharam pesado na meio rural (roça), e anos depois vieram para Goiânia apenas com a roupa do corpo para trabalharem como pintores, serventes de pedreiro, ou o que tivesse pois não tinham outra opção. Um tempo depois tornaram-se policiais militares, e já chegamos novamente no ponto da historia contado logo acima (ideia de fazer o barco). Finalizando sobre o nome Calaça, foi uma forma de elogiar enfim o pai deles, com a fundação da empresa e o começo da fabricação em 21 de outubro de 1989 (21/10/1989). No começo contam que foi extremamente difícil, principalmente pelo preconceito que havia na época com produtos fabricados em Goias, todos queriam produtos fabricados por exemplo nas região sudeste, pois não acreditavam que um barco fabricado em Goiânia seria bom. Bem, pode ser contraditório mas esse fato proporcionou a Calaça se tornar tão revolucionária atualmente em barcos e lanchas de alumínio, justamente pois com todo esse preconceito da época acabaram os formando, e de certa forma os forçando a criar produtos diferentes para poderem se destacar e conseguirem venderem. Essa criatividade rendeu muitos frutos e inovações que estão presentes em praticamente todos os barcos no Brasil mesmo que muitos não saibam, porém de criação Calaça, então vamos saber alguns... - Pioneirismo em solda em barcos de alumínio no Brasil: Antes da Calaça inovar nesse quesito, todos os barcos inclusive da Calaça tinham todo o fechamento em rebites, que se tornou quase obsoleto com o uso da solda, um sistema muito a frente se utilizado corretamente. Modernizamos totalmente o sistema de solda, hoje é algo em que cada barco sai perfeito, inclusive em 2017 será robotizado. - Criação do barco com bico semi chato: Para solucionar o problema de barcos com o bico-fino geralmente pouco estáveis, e ao mesmo tempo solucionar o problema de barcos chatos com marolas, entre outros coisas, por que não um que esteja entre os dois? O barco semi chato foi um marco, e hoje é amplamente usado, mas bolado pelos irmãos Calaça. - Piso dos barcos com borrachão EVA: Pode parecer bobo, mas foi a solução. Já imaginou o fundo de barcos mais simples hoje em dia com aquele velho e não muito prático piso de madeira? Então, além do peso, a madeira pode apodrecer, já o EVA é macio, bom de utilizar, melhora o acabamento e é fácil trocar. - Piso anti-derrapante (xadrez): Sim, isso também. Todos os modelos costumavam ter em acabamentos melhores como nas suas plataformas o uso de compensado naval que pode ser considerado atrasado, com apenas isso foi possível maior leveza, o alumínio não apodrece como a madeira, e a grande redução de peso e bom acabamento. Bem, são coisas as vezes até simples, mas fazem a diferença e estão na maioria dos barcos e lanchas produzidos no Brasil hoje. Bem, o tempo passou.. Lançamos vários produtos, inclusive alguns fizeram muito sucesso. E em alguns anos a Calaça Náutica tornou-se líder no centro-oeste no segmento, onde chegamos a fabricar dependendo da demanda até 12 barcos em um único dia, fora contando a montagem de lanchas, carretas e acessórios que são divididos em outras seções. Mas com tudo isso, a crescente demanda, busca por mais qualidade, e outros fatores, no ano de 2010 a Calaça Náutica comprou uma área de 66.000m², onde no dia 15 de janeiro de 2011 inaugurou sua nova sede em Goiânia, em local estratégico na saída da cidade, na BR-060. Decidimos levar o desenvolvimento e o prazer de possuir um barco ou lancha Calaça a um nível superior, além dos produtos diferenciados disponibilizamos algumas coisas exclusivas como você poder andar em um barco ou lancha para fazer teste drive dentro da empresa, isso mesmo, construímos um grande lago só para isso, além de nos auxiliar em testes. Veja algumas fotos de nossa sede em Goiânia - GO. Essa é a loja de fábrica, você pode conhecer dezenas de modelos para todos os gostos, cores e usos. A Calaça hoje possui as melhores, mais modernas e tecnologias lanchas e barcos de alumínio no Brasil, prova disso é o último lançamento a Pesca&Lazer BASS que pode ser equipada com motores de 150 a 400 HP, isso mesmo 400 HP sem nenhum problema para o casco, que além de gigantes plataformas possui espaço para 8 pessoas sentadas. Veja esse esquipado com EVINRUDE ETEC G2 300 e pode chegar a 130km/H: A parte da fabricação é dividida em 3 partes. São 3 galpões, o principal onde é feita a montagem de barcos, lanchas, contém cerca de 4.500m², os outros galpões possuem cada um 1.200m², um deles é destinado a pintura, onde é divido em pintura de barcos, pintura de lanchas e pintura de carretas, já o 3° é apenas para a fabricação das ''Calaça Trailers'. Veja a fábrica por cima (google mapas), com área total de 66.000 metros quadrados: O maior, onde se inicia o sonho de milhares de pescadores é esse aqui com 4.500m² responsável pelas montagens: NO 3° galpão, resolvemos investir na fabricação das melhores carretas, e iniciamos uma produção em linha, as carretas são milimetricamente fabricadas com gabaritos especiais, o montador apenas coloca a peça em cima de um suporte com formato da carreta e faz as soldas, simples e totalmente preciso, além do corte das peças totalmente perfeito através de máquinas especiais, olhem só algumas Calaça Trailer ainda na montagem e depois prontas: O sistema da pintura das carretas é especial, feito por elevação, de forma que a pintura seja perfeito tanto por cima, quando por baixo, o pintor pode posiciona-la na altura e posição que desejar: Aqui já prontas as Calaça Trailer: Ah outro fato que investimos bastante é no sistema de solda, como somos pioneiros. Além disso são 10 anos de garantia. Veja como é soldada uma FlashBass atualmente... Esse é nosso exclusivo lago para testes, dentro da empresa. Veja: Para finalizar, veja vídeos de uma parte de nosso estoque nacional de barcos, além de fotos de barcos e lanchas da Calaça: Inserir outra mídia Esperamos que tenham gostado. Atenciosamente Calaça Náutica.
  14. Opa, Octávio. Tudo beleza amigo? Não, não tem nenhum vínculo com nenhum dos proprietários da Calaça Náutica. Se disseram isso a vocês, logo de cara, contaram uma grande mentira. Octavio, outra coisa é que o proprietário da dekka já foi funcionário da Calaça, mas você sabia que ele nunca fez um barco? Ele apenas cortava os borrachões para colocar no piso dos barcos como acabamento. Os barcos tambem também não tem nada haver, são totalmente diferentes dos da Calaça Náutica.
  15. "PUTZ, estou espantado com a quantidade de mentiras que disseram à vocês..." Octávio, não tinha nada de sócio, isso na verdade é uma mentira descarada que eles dizem aos seus clientes para dizerem que o barco era parecido. Ps: Simplesmente, não tem nada haver. Mas o detalhe mais importante, o que montou a Dekka JAMAIS foi projetista na Calaça,querem saber qual a real função dele? As únicas funções prestar-se por ele a Calaça Náutica foram de cortador de borrachão para colocar no piso do barco, o mesmo jamais fez um barco. Gostaria de informar também que os projetistas e proprietários da Calaça Nautica que são dois irmãos, são os mesmos desde o início há 28 anos.

Sobre nós

O Fórum Turma do Biguá (FTB) surgiu no ano de 2006. Na época os poucos fóruns de pesca que existiam estavam voltados a divulgação de produtos e marcas, ocasião em que o FTB foi criado com a intenção de reunir amigos e grupos de pesca de todo o Brasil sem vinculação a qualquer empresa ou produto..

Cadastre-se

Se cadastrando no fórum você terá acesso a conteúdos exclusivos e ainda poderá postar sua dúvida, opinião, ajuda e etc..