Welcome to Fórum Turma do Biguá

Pra nós é um enorme prazer tê-lo em nossas páginas. 
Todo o conteúdo postado por nós é aberto a todos, no entanto, para postar suas dúvidas, dicas, vendas ou para comprar um produto e etc, é necessário que você se cadastre em nosso fórum. 

Sinta-se em casa no fórum onde as turmas se encontram!

Fórum Turma do Biguá ::tudo:: 

Pesquisar na Comunidade: Mostrando resultados para as tags ''trairão''.

  • Pesquisar por Tags

    Digite tags separadas por vírgulas
  • Pesquisar por Autor

Tipo de Conteúdo


Fóruns

  • Anúncios Globais e Anunciantes
    • Informações de caráter geral do FTB
    • Anunciantes do FTB. Promoções aos nossos amigos pescadores!
  • Iniciação ao Fórum e Informações Gerais
    • Novos Usuários. Começem por aqui, apresentem-se.
    • Mostre o seu maior peixe. Poste o seu recorde pessoal
    • Tutoriais - Entendendo o fórum.
    • Dúvidas, Sugestões e Críticas ao FTB???
  • Conversas e Descontração
    • Sala do Bate Papo
    • Aniversariantes do Dia
  • Equipamentos de Pesca
    • Varas, Carretilhas/Molinetes, Iscas e Linhas
    • Acessórios de Pesca e Camping
    • Eletrônicos
    • Náutica
    • Poste aqui as fotos do seu barco.
    • Builders. Personalização de Varas, Carretilhas, Iscas e etc.
  • Pesca Esportiva
    • Assuntos Gerais sobre a Pesca
    • Sala Vintage - Fotos e "causos" muito antigos.
    • Pegou as manhas? Quer Ensinar? Compartilhe sua experiência conosco.
    • Relatos de Pescarias
    • Convites de Pescaria
    • Aprovado ou Desaprovado?
    • Ambientalismo e Legislação de Pesca - Cantinho do JCKruel
  • Club das 22lbs
    • Galeria 22lbs. Só monstro acima de 10Kg.
  • BassBoat Brasil
    • Assuntos Gerais sobre BassBoats.
    • Desempenho, Acertos e Regulagens.
    • Poste aqui as fotos/vídeos do seu BassBoat.
    • Classificados BassBoats.
  • Pacotes de pesca dos nossos usuários
    • Em Andamento
  • Classificados
    • Classificados de "Tráias de Pesca".
    • Classificados de barcos, motores, carretas, ranchos de pesca, carros, e etc..
  • Grupos Organizados
    • Traga a sua turma de pesca pra cá. É fácil e rápido.

Calendários

Não há resultados


Encontrado 27 registros

  1. Eu acordei às 04h00 da manhã e, consultando meu telefone, vi que ainda faltavam 2 horas para o despertador tocar. Dormir de novo? Claro que não. Hora de rever todos os detalhes para que esta fosse mais uma grande pescaria. Nosso destino desta vez seria um retorno à Pousada Juruena no Rio Juruena, estado do Mato Grosso, onde estivemos em 2013. O voo da Azul partiu de Curitiba no dia 02/06 às 09h10 e pouco depois das 14h00 já estávamos pousando em Alta Floresta-MT. O Cléber, representante, e o Raimundo, proprietário da pousada, já nos aguardavam no aeroporto para nos levarem até o Hotel Floresta Amazônica, com uma parada técnica e almoço na Churrascaria Cambalacho. Aproveitamos a tarde para descansar e colocar a conversa em dia. Também fomos a uma loja de pesca comprar as últimas iscas, pois para pescador que é pescador, tralha nunca é demais. Para esta aventura nosso grupo foi composto pelos colegas pescadores: Rogério, Osmar, Luiz Cláudio, Germano, João Manoel, Zacarias, Trevisol, Ulysses, Luís Mário, Luiz , Jorge e Fernando. Encomendamos um jantar de peixes amazônicos com a Gabriela do Hotel Floresta Amazônica e este foi o grande destaque do dia, pois as Matrinxãs ao forno estavam deliciosas. Pela manhã carregamos as 4 camionetes que nos levariam até o ponto de embarque na beira do Rio Juruena. Nossos motoristas eram o Raimundo (proprietário da pousada), seu filho Raylan, o Manoel (também piloteiro) e o Ganso. Esta viagem foi uma aventura à parte, pois seguimos confortavelmente (apenas 3 pescadores por camionete) por cerca de 220 km até o almoço em Nova Bandeirantes, mas os 90 km finais da estrada seriam nosso grande desafio. A segunda parte da viagem foi complicada, pois a estrada estava em condição muito ruim de conservação e para piorar encontramos um caminhão prancha, carregando uma pá escavadeira, atravessado e atolado na estrada. O motorista ainda tentou desatolar utilizando a própria Pá Escavadeira, mas ela superaquecia e não conseguia ajudar, até que finalmente quebrou. A solução veio de outros motoristas de camionetes, que com enxadas e facões abriram um pequeno desvio na estrada, por onde veículos 4x4 poderiam passar. Mas, e tinha que ter um mas, um dos nossos veículos estava com pane na tração e a solução foi passar duas das nossas camionetes primeiro para que elas pudessem rebocar a terceira, e ainda deixando a quarta na espera, caso fosse necessário puxá-la no sentido contrário. Toda esta operação durou cerca de 3 horas e os 310 km foram feitos em 10 horas. Importante dizer que a opção de viagem por terra foi nossa, pois existe uma pista de pouso quase em frente à pousada. Graças ao colega Luís Mário, que resolveu comprar cervejas para viagem em Nova Bandeirantes e também um isopor cheio de gelo (será que ele teve alguma visão???), pudemos passar este trecho de modo bem relaxado. É bom ressaltar que boa parte do grupo literalmente entrou na lama, para ajudar a empurrar, amarrar correntes e colocar calços nos veículos durante esta operação de guerra. Chegamos à beira do Rio Juruena com os últimos raios de sol e seguimos em barco de transporte por mais uma hora até podermos finalmente chegar ao nosso destino. A Pousada. A Pousada fica localizada em uma ilha do Rio Juruena e apresentou grande evolução desde a nossa última estadia. Desde a decoração, quartos, ar condicionado, gerador silencioso e aparelhos de TV, parece que tudo passou por uma grande melhoria. Foi também construído um novo anexo com pequenas vilas para grupos de pesca. Estas vilas são compostas por uma sala de TV com sofás e mais duas ou três suítes para acomodar o grupo com toda privacidade. Todo o complexo é fechado por telas mosquiteiras, para reduzir o ataque dos piums, que infernizam os menos avisados. A solução para os "piums" é a não exposição da pele com a utilização de buffs, luvas, camisas de manga comprida, meias,... Os repelentes são parcialmente eficientes e é muito comum a utilização de "óleo paixão", porém deve-se ter muito cuidado com a exposição da pele ao sol quando coberta por este tipo de óleo. Um ponto muito importante da pousada é a flexibilidade de datas oferecida aos grupos, sem obrigação de número mínimo de dias para a pesca, nem de dia específico da semana para chegada ou saída. O refeitório e o salão principal foram ampliados e receberam novo revestimento e ar condicionado. A nova equipe, composta pelo Auricélio (Negão), Francisca, Silvânia, Ângela e Antônio é extremamente profissional e competente. Muito importante também ressaltar a presença constante do proprietário da pousada, que é uma garantia de que as coisas funcionem e que qualquer queixa ou sugestão seja rapidamente avaliada. Também foi criada uma loja completa para venda ou aluguel dos mais diversos equipamentos e acessórios para a pesca. Cada equipe de pesca tem suas exigências, chatices e peculiaridades. Em nosso caso temos por costume enviar com antecedência, (desde Curitiba até a Pousada), nossas bebidas, especialmente vinhos e espumantes. Esta pequena operação logística é bastante complicada em operações de selva, mas nossas 11 caixas de bebidas já estavam nos esperando quando da nossa chegada e até a marca de cerveja que solicitamos foi encomendada. Ressaltamos a competência, simpatia e profissionalismo do Auricélio, que atendia sozinho o salão com seus quase 30 pescadores, sem deixar de estar sempre presente servindo nossos drinks ou bebidas preferidas e adaptando o cardápio à solicitação de cada um. A Pescaria. Os grandes destaques desta operação são: a proximidades dos pesqueiros, a diversidade de espécies para pesca e o estado de conservação das matas. Nossos piloteiros foram o Davi, Ló, Isaías, Manoel, Jeremias e Izaquias, todos experientes e treinados em pescarias na região do Juruena, Barcelos e Santa Isabel. Seguindo as dicas do Cléber, compramos um bom números de iscas naturais (minhocoçus e tuviras) para a pesca de fundo, também compramos iscas argentinas Cucu para arremessos nas margens e entre pedras para a pesca de trairões, mas esta última com pouca produtividade. A nossa pescaria poderia ser resumida em três tipos: - pescaria com iscas naturais (minhocuçus, tuviras e pedaços de isca branca - peixes). Tratava-se da soltura das iscas na vertical ou arremesso nos poços mais profundos conhecidos. Nesta modalidade, eram pegos grandes trairões (foram diversos exemplares de até 20 kg pegos por todos os membros do grupo), cachorras e algumas cacharas. Também foram capturados jaús, corvinas e jurupensens nestas situações. Note-se que embora seja uma pesca tradicional de espera, muitas vezes com a vara "na secretária", é muito importante a atenção aos sinais dos peixes. Um trairão come devagar e pode engolir a isca e anzol, podendo ter que ser sacrificado após o embarque (ps: este tipo de situação não aconteceu conosco). Um grande jaú quando sente o anzol na boca começa a nadar em velocidade, ficando difícil retirar a vara da secretária. Eu vivi uma situação destas quando estava fumando tranquilamente o meu charuto e o piloteiro gritou - "peixe"! Tentei sem sucesso retirar a vara para trabalhar o bicho e tive que assistir passivamente 120 metros de linha F1 de 65 libras serem levadas até o estouro do nó da carretilha. Quando se acertava a hora e local das cachorras, a utilização de tuviras mostrava-se mortal, podendo ser embarcados diversos exemplares de até 12 kg em poucos minutos. Estes peixes são muito esportivos e bravos na água, mas muito frágeis fora dela, devendo ser fotografados e devolvidos rapidamente para o rio. Outras espécies muito frágeis que devem ser rapidamente devolvidas são as corvinas e as bicudas. - a segunda modalidade de pesca era o arremesso de iscas artificiais em direção da margem do rio, especialmente na região chamada de "ilhas", onde o rio corre mais forte pelo súbito estreitamento do seu leito. Aqui eram utilizadas iscas de superfície (tipo zara e joão pepino), iscas de meia água (especialmente a papa black), iscas de profundidade (Cucu e jigs), entre outras. Como o rio ainda estava muito cheio a produtividade não foi tão elevada, mas mesmo assim foram capturados diversos matrinxãs, bicudas, tucunarés e pacus. O trabalho da vara com as matrinxãs e com as bicudas deve ser feito com a ponta para baixo ou até enfiada na água, dificultando os saltos e que a isca seja arremessada e o peixe se liberte. - a outra modalidade de pesca era com iscas artificiais em áreas de água mais parada, formando lagoas, especialmente produtiva para os Tucunarés. Nos dois primeiros dias a produtividade com iscas de superfície foi muito boa, mas nos outros 3 dias da nossa estada o peixe foi para o fundo e apenas jigs e iscas de profundidade eram produtivos. Foram capturadas algumas centenas de tucunarés entre 1 e 4 kg, mas a utilização de material leve e a saúde destes peixes garantiram a diversão. O trabalho com jigs tinha que ser feito bem lento e deixando a isca bater no fundo, para ser então a isca erguida com movimentos de ponta de vara, no melhor estilo das pescarias de robalo. Algumas áreas ao redor da pousada são de posse dos índios kayabis e fomos informados que estariam abordando pescadores para cobrar uma taxa de R$ 200,00 por barco, mas em nosso caso não tivemos nenhum problema. Após o quinto dia de pesca produtiva e ensolarada tivemos que empacotar tudo para voltar para nossas famílias e trabalho, com a certeza das baterias recarregadas. Saímos da pousada às 05h00 da manhã e fizemos o trecho de rio até o atracadouro onde estavam nossas camionetes em 2 horas, pois a presença de neblina impediu a navegação por quase uma hora na metade da nossa viagem. O Rio Juruena é perigoso pela presença constante de pedras e bancos de areia, além de trechos de corredeiras, assim todo cuidado é importante. O retorno a Alta Floresta teve ainda 5 horas de estrada (principalmente de terra) sem obstruções, uma verdadeira dádiva para quem havia percorrido o mesmo percurso no dobro do tempo em nossa viagem de vinda, mas com o agravante que desta vez não teríamos cerveja gelada para viagem. Até a próxima!
  2. vendo

    Ola pescadores, Estou disponibilizando para venda, esse LOTE de iscas imakatsu TRAIRÃO. Comprei para realizar uma pescaria e por outros contra tempos não consegui realizar e também não tenho previsão. 2 novas na CAIXA, sem uso ou risco algum 2 usadas, porem em estado de novas, conforme a foto. NÃO DESMEMBRO! FRETE POR CONTA DO COMPRADOR SEGURO - CASO O COMPRADOR QUEIRA. R$ 400,00 + frete Obrigado!
  3. Pimenta Fishing – Realizando sonhos! Neste mês de Abril/2017, iniciamos nossa operação no Trombetas Budget e quero compartilhar aqui com os seletos pescadores do Fórum Turma do Biguá. Já adianto que foi um sucesso. A pousada A pousa é simples e fica a margem do majestoso Rio Trombetas, porém atende com muito conforto e segurança o grupo de pescadores. Conta com uma estrutura em madeira rústica o que torna a pousada ainda mais atraente. A comida tem um tempero todo especial e foi muito elogiada por todos os grupos de pescadores. Não tem a fartura de um resort ou de um hotel cinco estrelas, mas se come muito, muito bem. Contamos ainda com serviço de lavanderia para que o pescador não traga excesso de bagagem. O Rio O Rio Trombetas é um caso a parte, considerado uns dos mais belos rios do Brasil com suas corredeiras e belas cachoeiras. O rio Trombetas é um curso de água que banha o estado do Pará e todos que nele pescam dizem ser um rio maravilhoso. A pesca neste rio se destaca pela qualidade dos peixes e uma enorme variedade. O Rio Trombetas também é famoso por seus enormes e pré-históricos Trairões. Não podemos deixar de falar também dos grandes peixes de couro, que em Abril imperou nas águas do rio como: Jaus, Jundiás Onça, Cacharas, Piraíbas e Pirararas. Outras espécies que também podemos citar são: as Bicudas, Corvinas, e as gigantescas Piranhas Pretas e muitas outras. A pescaria do mês de Abril O rio estava muito, muito cheio, mas o Trombetas não costuma decepcionar os pescadores e nunca falha. A pescaria foi farta em peixes de couro e os Trairões do Rio Velho (afluente em que levamos os grupos para uma pesca voltada para espécie). Nas três semanas de pesca todos os três grupos tiveram sucesso e fizeram uma pescaria muito satisfatória. Segue as imagens deste lugar mágico e dos grandes exemplares capturados. O grande diferencial do Trombetas e que não se mata peixe, os quilombolas (que são os guias) se preocupa muito com isso, e sabe que o peixe vivo vale muito mais. Deixo aqui o convite para as próximas datas que promete ser muito melhor do que o mês de Abril, saindo espécies que não foi possível pescar na cheia. Venha se surpreender com Trombetas: um lugar intocado com uma natureza exuberante. Só isto já vale sua viagem, eu garanto! Rio trombetas Uma experiência que jamais será esquecida por quem participou e participará dessas operações. Datas disponíveis para 2017 “Consulte” Maiores informações somente pelo e-mail contato@pimentafishing.com.br ou pelo WhatsApp 19 99811-7796
  4. Vc sai pra pescar, onde a maioria das pessoas não se conhecem e encontra pessoas tão bacanas, fazendo grandes amizades. Isso é uma pescaria!!! Primeiramente agradecer a Deus por me proporcionar tudo isso, também ao Grande Carlos operador de pesca, proprietário da famosa empresa pimenta Fishing, que teve essa iniciativa de nos proporcionar uma pesca esportiva sensacional, onde se esforçou muito pra nós atender da melhor maneira possível, se preocupando com cada um do grupo, se estávamos satisfeitos, se pegamos Peixes, a gasolina era a vontade pra ir atras dos monstros dos rios, uma culinária de dar gosto, bebidas extremamente gelada... E claro não deixar de falar do Guilherme Lobo, Vitor, João vitor , Ricardo, João, Barni, Carlão, o grande piloteiro Camisa e também jamais esquecer das outras pessoas q não citei o nome mas fizeram de tudo pra nos proporcionar uma pescaria tão especial... Agora é hora de mostrar e contar a minha aventura na Amazônia. Recepção de um parceiro pimenta fishing uniformizado desde aeroporto até o hangar Voo, "Que vista" Chegada na comunidade recepção do Carlos Subimos em um caminhão adaptado e seguimos para comunidade Descendo Onde tivemos a primeira reuniao e um almoço de boas vindas Após o almoço seguimos para pousada, 31km de estrada para subir nas voadeiras e atravessar o Igarapé partindo pra pousada pousada refeitório aqui nós recepcionava com petiscos e cerveja bem gelada dormitório Nosso jantar na pousada, só gente boa. comida maravilhosa piloteiros sensacionais, conhecem muito o rio. indo atrás dos bitelos meu amigão arrebentou nessa pescaria, teria fechado com chave de diamante se tivesse embarcado a piraíba q arrastou o barco, mas infelizmente ela escapou. grande carlos, vulgo Sergio reis,kkk grande amigo q fiz nessa pescaria. tropa de elite esse é o Barni, outro amigão q fiz nesta pescaria... acertou uma piraíba filhote. os campeões ... acertaram dois jaús com mais de 50kg é uma piraíba filhote.. grandes amigos , pescam muitos anos juntos... viraram meus amigos tbm, quero pescar com eles por muitos anos tbm Pesca e solta , essa é a ideia... o Peixe vale mais dentro d'Água do q fora!!! pai e filho, fazendo um belo dublê de trairão. Meus grandes amigos tbm João Vitor e vitor meu dublê , foi espetacular!!! grande camisa, foi nosso piloteiro, muitas histórias, muitas risadas, cara alegre, sangue bom pra caramba!!! Tamo junto camisa... Meu irmão de pesca, q venham as próximas... E assim termina a minha história aqui pra turma do bigua, indiscutivelmente a melhor pescaria da minha vida... q venham pescarias melhores... rio trombetas 2017... #pimentafishing
  5. Ultimas vagas da promoção de lançamento TROMBETAS BUDGET Abril de 2017 11 a 17 – 02 vagas Pacote de pesca ideal para quem procura funcionalidade e objetividade aliada à um excelente custo-benefício. Venha conhecer essa nova opção no Rio trombetas 05 dias de pesca – R$ 4.900,00 com Taxi aéreo incluso ida e volta partindo de Manaus. Informações e detalhes Pelo whatsapp 19 99811-7796 Contato por telefone: (19) 3562-6964 Email:contato@pimentafishing.com.br
  6. BOM DIA A TODOS , VENHO PEDIR ORIENTAÇÃO CASO ALGUEM JA TENHA IDO ,OU CONHEÇA A REDONDEZA DO RIO DO SANGUE,BARRA COM RIO JURUENA, ESTOU COM VIAGEM MARCADA PARA LÁ MAIS GOSTARIA DE MAIS INFORMAÇÕES E DICAS, DESDE JÁ AGRADEÇO. ORIENTAÇÕES COMO: MELHOR PONTO PESCA ATIVIDADE DIURNA E NOTURNA DE ESPECIES CONFLITOS E/OU DEMARCAÇÕES INDÍGENAS PRODUTIVIDADE DE PESCA ISCAS INDICADAS
  7. Trombetas ALL INCLUSIVE Valor R$ 6.400,00 - 05 dias de pesca - Translado de Porto Trombetas a Cachoeira Porteira - 03 Refeições Diarias - nós incluímos nas refeições: Carne de boi, carne suina, frango conforme disponibilidade! - Um tipo de sobremesa diferente a cada dia. - Chumbadas e iscas brancas inclusas conforme disponibilidade - Lanchas com bancos estofados e plataformas para bait casting. - Não há limite do uso de gasolina, porém, não se navega a noite, portanto o limite fica por conta da segurança. - Bebidas: água, cerveja e refrigerante sem limites. - Pousada com Ar e banheiro privativo. Data 08 a 15 de Outubro E Trombetas BUDGET Valor R$ 4.950,00 05 dias de pesca - Translado de Porto Trombetas a Cachoeira Porteira - 03 Refeições Diarias - Nós incluímos nas principais refeições: frango e suíno conforme disponibilidade! - Café da manhã: café, leite, pão, queijo, presunto e margarina. - Chumbadas e iscas brancas inclusas conforme disponibilidade. - Lanchas com bancos estofados e plataformas para bait casting. - Não há limite do uso de gasolina, porém, não se navega a noite, portanto o limite fica por conta da segurança. - Bebidas: água e refrigerante sem limites - Cerveja *descrito em contrato - Pousada com ventiladores e banheiro coletivo Data 12 a 19 Novembro ALTO TROMBETAS A Pimenta fishing preparou pacotes de pesca na região do alto trombetas, O Trombetas BUDGET localizado a 30 km da Cachoeira Porteira e o Trombetas ALL INCLUSIVE localizado a 60 km da Cachoeira Porteira, para quem procura Pesca com privacidade e objetividade aliada à um excelente controle de preservação. Nosso roteiro inclui pesca no *Rio do velho* um Afluente do Rio trombetas que foi matéria na revista pesca esportiva janeiro/2017. Para quem busca melhor qualidade de pesca na superfície e meia-água, com artificiais, os meses de outubro e novembro são os que recomendamos, pois é período de rio baixo. (Trairões, Tucunarés, Bicudas, Cachorras-larga,entre outros). Solicite maiores Informações e Reservas:Pelo whatsapp 19 99811-7796Inbox ou Email:contato@pimentafishing.com.br
  8. ALTO TROMBETAS LODGE O Alto Trombetas Lodge é o pacote de pesca na região do alto trombetas, localizado a 60 km da Cachoeira Porteira, para quem procura Pesca com privacidade e objetividade aliada à um excelente controle de preservação. Nosso roteiro inclui pesca no *Rio do velho* um Afluente do Rio trombetas que foi matéria na revista pesca esportiva janeiro/2017. Temporada 2017 dos gigantes de couro e trairões: OPERAÇÃO INVERNO MAIO E JUNHO DE 2017 DATAS: 21/05 A 28/05 – 14 VAGAS 28/05 A 04/06 – 08 VAGAS 18/06 A 25/06 – 14 VAGAS A partir de PORTO TROMBETAS ( 5 DIAS DE PESCA ) lancha rápida saindo de porto trombetas Refeições Chumbadas e iscas brancas ( peixes ) inclusas. Lanchas com bancos estofados e plataformas para bait casting. Bebidas: água, cerveja e refrigerante, sem limites Pousada com Ar e banheiro privativo Não incluso: *Refeições na comunidade Venha conhecer essa nova opção no Alto Rio trombetas Solicite maiores Informações e Reservas: Pelo whatsapp 19 99811-7796 Inbox ou Email:contato@pimentafishing.com.br
  9. Pescaria - Alto Trombetas Olá pescadores, segue abaixo um curto relato da nossa ultima aventura! Realizamos uma pescaria com muita diversidade de peixes e muita diversão, nossa TRIP foi praticada, quase 100% com isca de superfície, revezamos as fisgadas entre zaras, poppers e hélices! Para quem gosta de ver o estouro na superfície... o local é um “prato-cheio”. -Iniciamos nossa viagem rumo ao aeroporto Internac. em Guarulhos ate Manaus, Manaus voamos MAP ate Porto Trombetas, chegando em P.Trombetas fomos ate o cais e bora subir o Rio Trombetas de barco rápido, cerca de 2:30hs desembarcamos na comunidade Quilombola de Cachoeira da Porteira – Oriximiná/PA E assim chegamos a 2/3 da viagem ate a pousada, seguimos de caminhão transporte até os igarapés para que o pessoal da 3HFishing iniciasse a travessia das bagagens, pois como o rio esta baixando muito nesta época... a travessia se torna difícil, partimos para a caminhada por uma trilha aberta na floresta e o pessoal arrastando os barcos com as bagagens nos encontraria na boca do igarapé, realizado esta parte do trajeto agora era subir o rio até a pousada!! Booora-lá... estamos chegando para encarar os Tucunarés e Trairões que vivem e caçam nas corredeiras!! Enfim chegamos à Pousada Alto-Trombetas, tudo muito organizado, fomos recebidos com porções de petiscos e muitas geladas para afastar a canseira da viagem... quartos com o ar condicionado trincando de gelado... desta forma não teria fadiga para nos abater!! A vontade de esticar as linhas era tanta que as lombrigas estavam por sair pela boca... não resisti e fui arrumar a tralha para que no próximo dia saíssemos bem cedo em busca dos Thyrorus e demais habitantes destas aguas límpidas e preservadas!! Vou resumir em algumas linhas o que aconteceu durante a pescaria... muitos peixes fisgados!! muitos Trairoes(traiçoeiros e intimidadores), muitos Tucunarés, Cachorras, Bicuda, Pirararas, Jaus, Jundiás, Pacus, Piranhas gigantescas (estas deixam muitos pacus de pesqueiro no chinelo... rsrsrsrs) e assim foi nossa empreitada nesta maravilha chamada RIO TROMBETAS!! Local impar... muito preservado(GRAÇAS A DEUS) ***e o melhor é que todos que estão envolvidos com o local compartilham do mesmo ideal... tem a consciência que a preservação é a melhor e única saída!! O pessoal da 3HFishing esta realizando um belíssimo trabalho por lá, meu muito obrigado pela recepção e toda dedicação, foi show! Deixar um grande abraço ao Diogines e Jack da 3HFishing, todos os guias, cozinheiras, proeiros e demais funcionários da pousada que não mediram esforços para nos dar um atendimento TOP! Nós pescadores, só temos a agradecer!! Aproveito também para agradecer aos pescadores que estavam conosco nesta viagem... a galera da Brutus Fishing Club: Anderson, Jorge, Guilherme, Joao, Viana e Vinicius completaram as equipes eu e meu irmão Wagner! Já estou aqui matutando... quando será a próxima!! Vlw, confiram as fotos: Material que utilizei: Carretilha: Venator Lite, Curado 200, Metanium, Zillion Varas: 17, 20 e 30 lbs todas 6` Linhas: Multi 30 e 40 lbs Leader: 50 lbs Iscas: Zaras, Poppers, Helices e jigs (Zara - Snake MS, Popper - PopQueen, Helice - Nakamura e Highroller, Jigs by Braguinha) esses fizeram a diferença e nao saiam do jogo! Muiita Tijuca Gelaaada, nao tem como dar errada a pescaria! Grande abraço a todos e ate a proxima!
  10. Olá amigos pescadores, venho aqui relatar uma das melhores pescarias que eu já fiz em águas amazônicas. Há muito tempo queria conhecer o maravilhoso Rio Trombetas e enfim consegui. Que lugar meus amigos, que lugar. Além de belo, é quase intocado, preservado e somente nossa turma no rio. Resultado: muitos, muitos, muitos peixes de qualidade e quantidade. O sonho de todo pescador! Nossa aventura começou 1 ano antes quando o Baita escolheu o Rio Trombetas para nossa pescaria amazônica. Fechamos o pacote com o Diógenes da 3HFishing, compramos os vôos e foi só esperar. Chegamos em Manaus 2 dias antes do voo fretado que nos levaria a comunidade quilombola Cachoeira da Porteira, porta de entrada da operação. Conhecemos a turma que acompanharíamos na van no caminho ao aeroporto. Turma mineira de BH, excelentes pescadores e de farra então nem se fala hehe. Galera finíssima, nos tornamos grandes amigos. A galera, esq. p/ dir.: Seu João, PC filho, PC pai, atrás o Nigrin, Eu, Picolé, Baita e Sujeito: Outro da turma foi o Carlos da Pimenta Fishing que nos encontrou na comunidade Cachoeira da Porteira. O voo Manaus/Cachoeira da Porteira foi top. Galera se entrosando, trocando histórias e com uma vista fenomenal da floresta amazônica e seus rios. Rio Trombetas: Depois do voo tranquilo(1:30hra) um caminhão veio nos buscar na pista e seguimos pra comunidade, onde o agora grande amigo Jack Hoffman nos aguardava. Almoçamos e depois mais caminhão por 31km até chegar no igarapé que nos ligaria 1hra depois ao Rio Trombetas e de lá 3hrs até a linda pousada da 3HFishing em meio a Floresta Amazônia. O Igarapé: Chegando no Rio Trombetas: A pousada: A pousada tem vários quartos, com ar condicionado e banheiro. Tem um restaurante onde a farra come solta. Tudo muito simples, logicamente por conta da logística que não é fácil por estar muito longe de tudo(mais perto do peixe), mas nem por isso deixou a desejar em algum aspecto. Tudo muito bom: comida, limpeza, atendimento. Depois de nos instalarmos, começou a arrumação das traias tomando aquela cerveja gelada, cachacinha, violão com Nigrin e Seu João, churrasco e uma bela noite de sono porque no outro dia o trabalho é árduo. A pescaria: O Rio Trombetas é pura corredeira. Pedras e ilhas compõem o maravilhoso cenário e o tornam um lugar único! A variedade de peixes é enorme. Pega quase de tudo. Pirarara, piraíba(não saiu mais tem), jaú, jundiá, cachara, tucunaré, trairão, bicuda, cachorra, corvina, piau flamengo, piranha, pacú borracha e ferrugem e só Deus pra saber o que mais vive naquelas águas. O que mais eu gostei foi que, se você está pescando peixe de couro e enjoa, você já pode encostar numa ilha do outro lado que já pega tucunaré, trairão, bicuda e vice versa. E em quase todo ponto, quase mesmo, que se joga a isca pega peixe. Eu mesmo peguei 2 pirararas em 15 min. Foi soltar uma, arrumar o barco e a outra já puxou e o Baita estourou uma linha 0,80mm e perdeu outro peixe porque a piranha comeu a linha. Isso tudo em 30min. de pescaria. O Nigrin e Seu João pegaram um total de 18 jaús nos 5 dias de pesca em apenas um ponto de pesca. Aí eles cansavam os braços e iam pegar pirarara pra relaxar. E todo dia era essa mesma sofrência. Os peixes: 12lbs: 13lbs: 14lbs: 15lbs: 18lbs: 23lbs: Esse quis levar meu dedo embora: Os peixes de couro: Esse jaú abaixo foi igual aquelas histórias de pescador. Fomos todos almoçar no barranco e o Nigrin chega contando que pegou 8 jaús e o maior quebrou a vara assim que ele boiou na beirada do barco. "Não sei o que aconteceu, mais eu vi o bicho e era gigante, daí tentei levantar ele mais um pouco e a vara partiu no meio, estourou a linha e ele foi embora" nos contou. Eu disse pra ele que esse iria ser o maior peixe da pescaria com certeza. Escapou, mais pelo menos ele viu o tamanho do bicho(tá tudo filmado). Almoçamos e depois eu e o Baita decidimos tentar a sorte com os jaús também. Meia hora debaixo de um sol de 40 graus depois do almoço não é fácil. Decidimos recolher as linhas e ir pra uma sombra e jogar novamente. Minha linha tava enroscada. Fomos tirar e não saia nem a pau. O guia pegou na linha pra tirar do enrosco e com toda sua experiência me disse que aquilo ali não era enrosco não, era peixe. "Jaú e tá na loca!" Eu que nunca tinha pego um jaú já fiquei doido. Uns 10min depois tentando tirar ele da loca finalmente ele sai e começa a tomada de linha. Bicho briga d+. 1hra de briga depois eu consegui levantar ele e ver sua cara. Um monstro de peixe. Enorme. Mais o tinha fisgado pelo rabo. Isso mesmo, pelo rabo. O peixe já é um jaú, gigante e ainda fisgado pelo rabo? Não tinha jeito de cansar ele. Toda vez que eu o levantava, ele descia pro fundo tudo de novo e era mais briga. 30min depois eu já tava morto e o bicho não vinha. Aí decidimos tentar levantar ele mais uma vez e amarrar uma cordinha no seu rabo e arratar pra margem. Tivemos que pedir ajuda pro PC que estava perto porque ele estava nos levando pras corredeiras, já que o guia estava tentando colocar a corda nele. Enfim conseguimos e o resultado ta aí abaixo. Tirando umas fotos com ele na praia percebo que tem um anzol na boca dele. Mostro pro guia e ele me diz que o anzol é do Nigrin. Que ele e o guia do Nigrin tinham feito na noite anterior porque tinha acabado . Acreditem se quiserem. Peguei o Jaú do Nigrin pelo rabo com o anzol dele na boca . 1,69m e mais ou menos uns 70kgs. Olha o tamanho da criança: Cheguei na pousada e disse pro Nigrin que tinha um presente pra ele. Entreguei o anzol e contei a história . Ficou louco . Ainda bem que ele já estava meio cansado, senão seria mais uma história do "perdi um peixe gigante, mais maior sempre escapa!" Outros peixes do Trombetão: Outras imagens de nossa aventura: Piabas: Nós com os excelentes guias Sandro e Adriano: Hora triste é essa : Maior toco da pescaria: O paraíso Trombetas: O imenso Rio Amazonas perto de sua foz no oceano: Na volta ainda passamos uma noite em Alter do Chão, as margens do belo Rio Tapajós. E essa foi nossa pescaria no Rio Trombetas. Agradeço a Deus pela oportunidade de ter saúde e paz pra fazer o que eu mais gosto.A minha esposa por tolerar esse meu vício sendo muito compreensiva. Ao meu irmão e grande pescador Tiago Baita, meu grande parceiro de aventuras por aí.Aos novos amigos Carlos Pimenta, PC pai, PC filho, Seu João, Fábio Nigrin, Mateus Sujeito e Picolé. Vocês são demais turma.Aos outros novos amigos da 3HFishing, Diógenes e Jack Hoffman por toda atenção, antes e depois, e pela semana perfeita. Em breve estaremos aí novamente. A todos os guias, sem vocês não há pescaria, ainda mais num rio de tão difícil navegação. Ao pessoal da pousada pela excelente organização de tudo. Vocês estão de parabéns.. O Carlos tem uma agência de pesca, Pimenta Fishing e está fazendo o pacote pro Rio Trombetas. Contato: (19) 9 9811-7796 Grande abraço a todos e boas pescarias!!!
  11. TROMBETAS BUDGET LODGE RESTAM POUCAS VAGAS PARA A PROMOÇÃO DE LANCAMENTO! ABRIL - Peixes: Couro (Todos), pacu, trairão, cachorra entre outros R$ 4.900,00 (05 DIAS DE PESCA) Translado manaus/pousada/manaus (Táxi aéreo incluso) Datas: Abril 2017 19 a 25 - 5 dias de pesca - qua/ter (em aberto) – falta 8 vagas 25 a 01 - 5 dias de pesca - qua/ter (em aberto) – falta 8 vagas Incluindo também: - Refeições - Chumbadas e iscas brancas ( peixes ) inclusas. - Lanchas com bancos estofados e plataformas para bait casting. - Bebidas: água, cerveja* e refrigerante. - Pousada com ventiladores e duas camas por quarto *Taxi aéreo e Cerveja conforme especificado em contrato Objetivo Trombetas Budget Lodge é ser o pacote de pesca ideal para quem procura funcionalidade, aliada à um excelente custo-benefício.
  12. Mais uma vez, tive a oportunidade de voltar ao incrível Rio Arraias. Desta vez a aventura seria meio louca, mas necessária pois a intenção seria conhecer novos pontos do rio onde eu nunca tinha ido, assim como pouquíssimas pessoas, salvo os próprios índios quando vão fiscalizar o rio. Nesta aventura me acompanharam mãe e tio. Quando estive em agosto, devido à seca, os lagos que eu geralmente pescava estavam secos e no último dia desta pescaria, subi o rio e encontrei outra situação. Lagos com água e bastante peixe. A ideia então, seria pescar apenas Rio acima. Saímos às 6:45 da manhã da porta da minha casa, Brasília. Fomos de carro. Dirigi por 1580km até Sinop, a capital do Nortão. A viagem, apesar de cansativa e longa, foi TOP. Passamos pelo Rio Araguaia(divisa de GO/MT), praticamente sem água, vastas plantações de soja e algodões e pela Chapada do Guimarães. Divisa: Às 23horas chegamos em Sinop para dormirmos e terminar a viagem no dia seguinte. Ainda faltavam 330km para chegarmos até o Arraias. No meio do caminho, paramos em Marcelândia para fazer a compra do rancho, combustível necessários pra nosso acampamento. Às 16 horas da tarde do dia 18, na beira do rio. Carregamos o barco, e subimos até a Aldeia Sobradinho(maior comunidade do rio) para dormir e seguir viagem no dia seguinte. Nosso barco estava bem pesado. Motor de 15 hp apenas. Às 6 da manhã já estávamos na água para subir o rio, trajeto este que levou 6 horas e meia para chegar no ponto do acampamento. Neste trajeto passamos em mais uma comunidade para deixar umas roupas e claro, quando avistávamos um trairão na praia, era arremesso na certa. Silos e plantações de Algodão e Soja: Passando pela Chapada dos Guimarães: Estrada de Sinop para Marcelândia:(Castanha do Pará) Estrada de terra de Marcelândia ao Arraias: (Angelim-saia) Porto do Arraias: Chegando na Comunidade Sobradinho: Pausa e pernoite na Comunidade Sobradinho: Saindo da Comunidade Sobradinho como nosso guia Tomé: Subindo o Rio com o barco carregado: Visita à Comunidade Maraká para entrega de roupas. Minha mãe com o Cacique Kamirang(Maraká) e sua esposa: O primeiro peixe da pescaria foi bem bacana. Avistamos 2 trairões e fiz o arremesso com isca de meia-água. Cortou o líder. Amarrei isca de superfície. Cortou o líder. Troquei o líder e joguei um jig. Peguei o peixe e resgatei as duas iscas que estavam na boca do peixe. Foto e vídeo: Neste mesmo ponto, ainda peguei mais um tucunaré no jig. Continuamos subindo o rio e avistei outro imenso trairão, na mesma situação que este anterior. Foi meu maior trairão pego nesta pescaria: Chegamos no ponto escolhido, descarregamos o barco, montamos as barracas e após o almoço saímos pra pescar por perto. A pescaria mesmo começaria na manhã seguinte. RESUMINDO: nos dias seguintes, pescamos em aproximadamente 20 lagos sem repetir nenhum. Fui até o limite da reserva que da aldeia Sobradinho até lá, marcaram 45km em linha reta. Da Aldeia Sobradinho, descendo o rio até sua foz no Rio Manito, provavelmente a mesma distância. Ou seja, muito rio pra se navegar, muitos lagos pra explorar e muitos peixes pra se pescar. Ebora tenha ido aproximadamente um mês após a minha última estada no Arraias, ou seja, rio mais seco ainda, todos os lagos estavam com água e não estavam cortados do rio. Seguem algumas fotos e vídeos: O Maior Tucunaré. 11 libras Estes dois peixes foram pegos no mesmo lago. Lindos: Es Após receber um beijinho do trairão, foi solto e saiu nadando normalmente. Espero que tenha sobrevivido: Nossos almoços sempre a base de churrasco: Apenas estas piranhas foram abatidas, e 1 tucunaré por ter tido a nadadeira caudal destruída por um trairão: Como o local tinha zero de pressão de pesca, muitos peixes foram pegos no visual e alguns cardumes de trairão foram vistos: Nossa volta, descendo o rio, foi mais rápida. Passamos em outra comunidade (Iguaçu) para deixar mais roupas e o que sobrou do nosso rancho. Cacique Kavé, no meio: Mais 1850km de volta até em casa e energia revigorada. Ano que vem tem mais.
  13. TROMBETAS BUDGET UMA NOVA OPÇÃO DE PESCA NO RIO TROMBETAS PROMOÇÃO de lançamento TEMPORADA ABRIL E SETEMBRO / 2017 Descrição do pacote: O Trombetas Budget é o pacote de pesca ideal para quem procura funcionalidade e objetividade aliada à um excelente custo-benefício. Vagas Disponíveis Abril 2017 "Operação exclusiva para peixes de couro" Peixes: Couro (Todos), pacu, trairão, cachorra entre outros 12 a 19 - 6 dias de pesca - falta 4 vagas 19 a 25 - 5 dias de pesca - falta 2 vagas 25 a 01 - 5 dias de pesca - falta 8 vagas Setembro 2017 "Variedade, esportividade com iscas artificiais" OBS. Grupos somente de 8 pessoas, optando por 6 dias de pesca será cobrada uma diária e será concedido um desconto. Fale conosco: Contato por telefone: (19) 99811-7796 watts Email:contato@pimentafishing.com.br Aproveite e confira todas as nossas operações de pesca em nosso site. www.pimentafishing.com.br
  14. Segue relato da nossa pescaria no Rio Suiá Miçu em Agosto de 2014...Sei que estou sumido nem entrar no fórum estava conseguindomas, hoje domingão estava organizando fotos e achei as de 2014 que fui no Suiá com meus Pais e Irmão...a Pescaria foi fantástica pois, alem de pescar com a família, o Suiá é um rio Magico com suas paisagens e Beleza impares e novamente fizemos uma excelente pescaria com muito peixe e qualidade também Por isso resolvi compartilhar aqui com todos. Como nas outras vezes fomos de carro Próprio de Batatais-SP até a Pousada Suiá Miçu em Querencia-MT um trajeto de entorno de 1600km feitos em 1,5 dias, estradas estovam boas graças a Deus rsrs no primeiro dia dormimos em Água boa MT e dia seguinte estávamos na pousada no meio do dia apos 3:00hrs de percurso de estrada de chão em boas condições de Querencia a Pousada(175km)...UFa rsrs Familia/Pescadores Angelin saia arvore bastante comum na regiao O trajeto de Querencia a Pousada passamos por fazendas e por dois rios de água cristalinas que sao paradas obrigatórias pra contemplar é possível ver vários cardumes de diferentes especies, oq ja vai aumentando a vontade de esticar as linhas kkkk Transparência Rio Darros Chegando na Pousada fomos muito bem recebidos pela equipe da Pousada e fomos apresentados aos nossos guias nos próximos dias o Jaó(infelizmente fiquei sabendo que ele nao esta muit bem de saude e não esteva mais trabalhando) e o Piau os dois ja conecidos de outras pescaria e muito conhecedores do Suia e afluentes...nos colocaram cara cara com os montros do SUiá miçu . Mais tarde chegou o outro grupo de pesca que dividiria a pousada com a gente nessa semana... amigos dodo Interios de Sao Paulo tb...grupo 100% tb, muito gente boa tb. Eles ja postaram seu relato aqui no Forum d 2014 e 2015rsrs ja ate voltaram e eu aqui ainda Vamos a Pescaria!!! Pescamos sempre alternando as duplas e guias e a pescaria foi excelente todos os dias. Primeiro dia pescamos mais perto da pousada explorando logos e margens e já saíram bons peixes tucunas de ate 4kg e trairao de ate 11 kg e muita quantidade de tucunas menoes de media 800g a 2kg que é a media que se pega la mesmo mas a quantidade é absurda chegando a mudarmos de ponto atras dos maiores kkk começamos bem Demais dias pescamos subindo o rio ate região aguas claras e Paranaíba pescando nos lagos e batendo muito nas margens do Suia, Trabalhando 70% com Zaras(Trairão, Zig Zara e JP) e Helices grandes depois foi meia água e tuviras em alguns pontos mas é sacanagem pega um atras do outro quando acha o pondo dos monstros. O Rio Paranaíba vale so por suas agas transparentes e infinitos cardumes que passam debaixo do Barco...tanto que minha mãe quase não pescou esse dia so ficou vendo os peixes logo abaixo do barco, é um aquario natural. e pescar nesse rio é show demais pela pesca no visual...vc vê o peixe , depois vê ele indo atras e dando o bote...e visualiza toda a Briga ,é inexplicável...pura emoção. Nao achamos os grandes em quantidade só um tucuna de 4 kg e os demais na media de até 2kg. Algumas fotos da pescaria: 2014 no Suiá foi o ano de grandes peixes pra nos... Todos nos pegamos Tucunas acima de 4KG e Trairoes acima de 8kg .Meu Pai pegou o maior Trairão da pescaria com 13kg na superficie e Eu bati meu recorde de Trairao e Tucuna no Suiá e tudo pego na Superficie...Um tucunaré de respeito de 14lbs(boga original)/6,3kg uma pena que nao medi ele, mas era bem maior que esse na regua(foto acima) que deu 66cm e 11lbs...a emoção e cuidado com peixe foi maior que a curiosidade rsrs e o Trairao de 11kg pego uma zig zarinha. Trairão 13kg Trairão 11kg Piau com Trairão 11kg Tucunaré 14lbs/6,3kg É isso ai pessoal!!! Agora esse ano devemos voltar pra la fim de agosto pra ver se os monstros continuam crescendo...nos resta segurar a ansiedade kkkk Grande abraço
  15. Fala galera, Mais uma vez de volta aqui com mais um relato, ano passado postei um relato aqui de uma pescaria exclusiva de Trairão em Guaranta do norte - MT que foi SENSACIONAL, e ano passado fomos em 4 pescadores e os mesmos se prontificaram a voltar esse ano, e assim foi, porem esse ano com mais dois pescadores, o Rene adicionou mais um bote na pousada, e assim foi. Novembro de 2015 fechamos nosso grupo para esse ano, composto por: Chrystiano, Gustavo Maas e Nadim que eram os mesmos do ano passado, esse ano o joão nos abandonou, trocou pelo xingu, assim entrando o Jneto no lugar dele, e para concluir os 6 pescadores entrou o Gustavo Souza e o André. Grupo fechado, passagens compradas para o dia 25 de maio... Agora só controlar as lombrigas e esperar 6 meses kkkkkkk.. Chegado o grande dia, os Baquaras Nadim e andré vieram de Boa Vista, nos encontramos em Manaus e partimos em direção a Brasilia, onde trocamos de aeronave, embarcamos na Passaredo.. 2 horas depois estavamos em Sinop.. ai ja começa toda o clima de pescaria.. mentiras.. cerveja.. ô vida marromenos.. Ficamos um dia em Sinop, ja no outro dia, dia 26(quinta) partimos as 09:00 de Sinop-MT rumo a nossa pousada, cerca de 300km dividido em estrada boa e estrada ruim.. As 08:30 os guias Marcos Beckmann (xuxa) e o Edgar (Rustico) ja nos aguardavam no hotel em seus respectivos carros, PARTIUUUUUUUUU! Por volta de 13:30 chegamos no Rancho Serra do Cachimbo, Costela pronta.. rangamos.. e preparamos nosso equipamente, por voltar de 15:30 estavamos trabalhando isca no rio e embarcando os primeiros Trairões.. Mais uma pescaria top pro curriculo, Valeu Rene, Marcão, Edgar, Dona Amelia e Sr. Zé que foram essenciais para o nosso sucesso nessa pescaria, onde sairam varios recordes pessoais, amizades novas e amizades fortalecidas.. Ano que vem tem mais.. e vamos as fotos!!!!!!!!!!!! Nossa Equipe!! Souzete trocando informações com o xuxa, do tipo: "essa pega?" KKKKKKKKKKK Ano passado pescamos usando apenas Leader e perdemos algumas iscas, esse usamos um empate de aço por volta de 10cm, resultado? Nenhuma isca perdida por conta de trairão torar no dente, APROVADO! Armas preparadas.. Vamos a guerra... Nossa casa por 5 dias e 4 noites, Rancho mais que perfeito!! Nosso lago, casa de monstros!!!!!!!!!! Imagina a zarinha passando nesse corredor, beirando o capim.. é EXPLOSÃO na certa!!!!!!!!!!! Adrenalina a MIL.. descarregando os botes para começar os trabalhos.. Deixando o material no jeito.. Atras das melhores imagens.. Jneto, Nadim e Xuxa trabalhando.. O paraíso... Maas, também na batalha.. Jneto exibindo seu Arsenal.. o Trairão.. a matadeira local.. Grande Guia e amigo Renê. Vamos deixar de conversa fiada e mostrar peixe grande... esse o drone registrou, bela briga do Maas!! Jig do nosso amigo Flavio mostrando que nao é so bom com o tucunare, Trairão também se amarra!! kkk Neto exibindo seu primeiro trairão.. descabaçou.. Souza também exibindo seu primeiro Trairão.. descabaçando.. Primeiro do André tbm.. Nadim garantindo seu trairão no seu retorno ao Rio braço norte.. O meu também foi garantido... Agora vou póstar uma sequencia de fotos.. Detalhe nessa isca o Nadim fez uma pintura especial na Trairão do neto, Tinta Glow.. Na pescaria noturna foi sucesso.. Monstra... Bocuda do souza.. Cada coloração mais bonita que a outra.. Souza devolvendo sua criança para o lago.. Belo exemplar do dedé. Essa nao teve pena da isca.. Minha criança.. O ataque dessa foi animal.. na caida.. PÔUU! Os malabares delas são simplesmente incriveis!! Diz ai se essa nao quis posar pra foto, simplesmente apaixonante! AGORA A HORA MAIS ESPERADA, A HORA DO RANGO... Pra quem gosta de peixe.. olha o tamanho desses piaus.. Pra quem gosta de carne... vai uma costela? sugestivo ein... Quem veio nos visitar no almoço.. Vida que nao tem preço.. Valeu.. depois do almoço aquela rede.. me acorde as 15:00 FALOU!! Vamos voltar aos peixes... Dublê top do Neto e Nadim.. Fim de tarde TOP! E tome malabarismo... ahhh bixa bruta!! Nao resistiu ao sapinho.. Dublê demais.. Na parte da manha perdi um monstro nesse mesmo ponto e perdi quando ele saltou do lado do bote, apelidei ele de hulk e disse que a tarde ia buscar ele, e peguei.. e veio junto um dublê pro gustavo e um dublê de respeito.. 80up.. 84 e 81. Chrystiano Gustavo Maas Vamos a mais fotos desse dublê.. Isso que é vida.. Também teve duble noturno.. Belo duble do Andre e Souza, Souza quase conseguiu um trairao albino kkkkkkkkkk Posando pra foto.. Spinner bait foi sucesso também.. Mais um no spinner.. Trairão na trairão! foto top!!! Trairão no visual é top demais!!! Buff das Arabias, top demais kkkkkkk kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk Galera, agora vamos aos troféus da pescaria, só 80UP. Meu duble e o do Maas.. 84 e 81. Agora esse 80up deu trabalho, Renê teve que se molhar pra tirar o trofeu do jneto!! Pronto.. passou o boga ta garantido.. Vamos agora ao troféu do Nadim, mais um 80up Eu, comparando a criança comigo.. Cuida que a criança é tua!! 85cm de Trairão, olha a largura.. Agora vamos ao meu Troféu, 90 UP!! No sabado, logo cedo, o Maas me falou: chrys, tem um gafanhoto na tua cabeça.. eu falei: deixa ai que vai me dar sorte.. e nao deu outro, logo no escurecer tirei meu BRUTO, ADRENALINA A MIL.. VALEUUU BRASIL, VALEU GAFANHOTO! Olha o tamanho dessa nave, pqp.. valeu demais!! Olha o tamanho da cabeça do monstro.. Vai la meu amigo, volta pra vida.. Ate que vem te quero com 1 metro! Incrível galera, uma semana antes de nossa pescaria um grupo de argentinos foram pescar na mesma pousada que a nossa, e o pescador Maxi teve uma surpresa desagradável, kkkkkkkkk um Trairao resolveu atacar sua isca ao lado do bote, a porrada foi tão bruta que quebrou a sua vara na mesma hora(não estamos falando de qualquer vara, foi uma st croix) levando a mesma para o fundo do rio com uma shimano metanium XG, será que o Trairao era BRUTO??? Mas para a sorte do nosso hermano, na semana seguinte nosso amigo Gustavo sem pretenção nenhum conseguiu o feito de pescar o material do hermano(já sem o Trairao kkkkk), material foi devolvido para o pescador que havia perdido, pescador bom é pescador honesto!! Valeu souzete!! Final de pescaria.. os estragos... Abençoados com essa visão.. E ja estamos com saudades... Domingão e a galera reunida pra assistir a pelada da seleção brasileira.. E assim se vai mais uma pescaria pra conta.. espero que tenham gostado e que as fotos nao tenham ficados enjoativas.. tinha muito mais pra ser postado mas ai ia acabar so meio dia esse relato... comecei fazendo 01:00 da matina e terminando agora 04:30 kkkkkkkkkkkkkk Mas é isso ai, é muito prazeroso tentar dividir com voces o que passamos nesses dias la, Obrigado Rancho Serra do Cachimbo mais uma vez vocês foram nota 1000000000! Em breve os videos! Valeu BaquaraTeam Chrystiano Ricardo
  16. Na semana do dia 23 a 26 de Maio 2016, nossa turma de pesca de Atibaia estivemos na Pousada Juruena, voamos até Alta Floresta pela azul, e de Alta Floresta até a Barranca do Rio Juruena foram 7 horas de sacolejo nas caminhonetes. Sairam muitos peixes, meu parceiro Pedro tirou um trairão acima de 20kg, todos pegaram trofeus acima dos 10kg, mas quando vemos um bruto acima dos 20kg os trairões de até 10kg parecem lobós, rs. segue abaixo o link do video:
  17. Ja postei o relato dessa pescaria, agora vai o video. Valeu meus amigos
  18. arrow:: Tudo se inicia em um churrasco onde reunimos uma pequena parcela dos integrantes do Baquara Team - Roraima/Amazonas, onde amadurecemos a ideia de ir pescar os gigantes trairões no Suriname. A partir dai fomos nos organizando para seguir rumo a aventura mais emocionante de nossas vidas e sem duvidas uma das melhores pescarias já feitas pelo grupo. arrow:: Chegando no Suriname de avião partimos de carro até uma vila nas proximidades do Rio Orim que desemboca em um pequeno braço conhecido como braço Rupestre. Ficamos cerca de 1 dia no alojamento e partimos cedo de barco para o acampamento na mata onde nos deparamos com uma seca extrema no local, o nível do rio estava espantosamente baixo, nos deixando desanimados pois sabíamos que com pouca água as chances de capturas diminuiriam consideravelmente. arrow:: No primeiro lançamento de isca do acampamento uma explosão surpreende a todos e o silencio e quebrado em vibração de todos no grupo, um grande trairão tinha errado a isca do nosso parceiro Baquara Team - Nadim Abdala e rapidamente foi lançada uma isca pelo outro componente da expedição Oilen Garcia que termina por capturar a fera e deixar em êxtase a expedição com um belo exemplar de trairão. Após essa fera o parceiro Wallace Garcia captura um grande exemplar de 9,5 kg em uma explosão na superfície que deixa a todos bastante animados pois acreditávamos que seria o maior exemplar de toda a pescaria, apos esse monstro, inúmeras capturas foram realizadas com trairões variando entre 5 e 8 kg todos nas ações de superfícies, vários ataques explosivos com os trairões mostrando a sua brutalidade! arrow:: Ao cair da noite e com as ações nas artificiais diminuindo, decidimos pescar peixes de couro e apoitamos em um ponto do rio, onde um grande arrasto carregou a linha do nosso amigo Oilen Garcia deixando todos eufóricos pois pensávamos ser um exemplar de couro gigante porem fomos surpreendidos com um grande salto calando o silencio da madrugada...era um TRAIRÃO de 92,5 cm e mais de 25 lb brigando na escuridão. Ficamos loucos observando a potência do animal e o tamanho desproporcional que tinha. arrow:: Passada a noite das emoções, tivemos um dia com menos ações nas iscas artificiais mas não deixando de capturar alguns bons exemplares de trairões. arrow:: Ao anoitecer partimos para o mesmo ponto e por volta das 18:00 h Nadim Abdala captura 2 bons exemplares de CAPARARI, um belo peixe e que briga ate o ultimo segundo. Por volta das 21:00 h todos com as linhas na água meu parceiro Nadim Abdala pede para que eu segure seu equipamento de pesca que estava com a linha na água. Senti alguns minutos depois que existia a presença de algo na linha e ofereci para que ele pegasse o equipamento de volta, porém ele autoriza que eu tire o que está na linha já que ele estava resolvendo um problema com algo que não lembro agora no barco. No momento que fisgo o peixe todos no barco ficam em silencio que é quebrado com um grande salto causando um barulho muito diferente dos outros trairões pegos anteriormente e todos ligam as lanternas na escuridão e mais uma vez ele salta ! É uma anomalia da natureza ! Um TRAIRÃO de 97 cm e mais de 30 lb ( Balança IGFA ). Um peixe gigante extremamente maior que qualquer outro que tínhamos visto na pescaria e nas nossas vidas. Ao ser embarcado todos ficam extasiados com o tamanho da NAVE ! Um VERDADEIRO RECORDE que a natureza me presenteou e que foi devolvido vivo a mesma como todos os outros capturados ! A balança IGFA não aguentou a pressão dos gigantes e já não esta entre nós. arrow:: Após esse MONSTRO DO RIO nosso amigo Oilen Garcia captura mais outra anomalia um verdadeiro GIGANTE de 94,5 cm com mais de 30 lb seguido também pela captura de outra NAVE de 88 cm de Nadim Abdala com mais de 25 lb, deixando a pescaria sensacional e mostrando inúmeros exemplares variando de 88 cm ao recorde de 97 cm....sem dúvidas a melhor pescaria de trairões de nossas vidas. arrow:: Vamos parar de blá blá blá e vamos ver as ALGUMAS DAS FERAS ? arrow:: O primeiro da aventura capturado por OILEN GARCIA vulgo BOILEN arrow:: Belo trairão do Baquara Team Thyapuã "Caveirão" Batista arrow:: Trairão violento pela manhã do Nadim "Indio" Abdala arrow:: Boilen Garcia com mais um exemplar arrow:: Wallace "Zica" "Arraia" Garcia arrow:: Bocudo braaaaaaabo do Nadim "Índio " Abdala arrow:: Mais uma FERA do "Caveirão" Batista arrow:: Belo gigante do Wallazica ! arrow:: Bocudo!!!!!!!!!!!!!!! Aaaaaaanimaaaaaaaaaalll arrow:: PANCADA do "Índio" Abdala arrow:: ENCHARUTADA NO TRAIRÃO!!!!!!!!!! arrow:: Dublê DE GIGANTES! arrow:: Sinta a Potencia arrow:: Belo CAPARARI do Nadim Abdala arrow:: CHAMA O GIGANTE arrow:: Nosso amigo WALLAZICA ! Fazendo cara de BRADOCK arrow:: Bela coloração de Trairão arrow:: Animal BRUTO arrow:: Belo Exemplar do Wallace Garcia Arraias arrow:: Hora de dormir! Caveirão esquecendo cobertor teve que improvisar ! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk arrow:: Quando chega a noite as feras CRESCEM!!!!!!! Agora vai começar a pescaria das ANOMALIAS arrow:: AQUI SÓ 88 cm e 25 lb UP!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! BAQUARA NELES!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! arrow:: Agora o RECORDE da pescaria! 97 cm e mais de 30 libras (balança IGFA 30lbs) CAVEIRÃO NELES ! BAQUARA TEAM caveira:: caveira:: caveira:: caveira:: caveira:: caveira:: caveira:: caveira:: caveira:: caveira:: caveira:: caveira:: ::excl:: ::excl:: ::excl:: ::excl:: ::excl:: ::excl:: ::excl:: ::excl::
  19. Mais uma vez aqui aprovando o trabalho do Sr. Marco Antonio de Manaus-AM. Recentemente abri um topico parecido com esse, mas esse se trata de outra especie que era meu sonho um dia pesca-la, e vi que muitos andam fazendo pescarias tops de trairão e o Sr. Marco atendeu o meu pedido e me fez uma, ficou perfeito, acredito eu que seja a primeira replica de trairao ja feita. Vou deixar o contato dele, caso alguem queira saber mais sobre o seu trabalho ou fazer encomenda. É com grande satisfação que compartilho com vocês esse troféu. Trairão - Guaranta do Norte - MT 18LB 81cm A Replica: Valeu meus amigos!
  20. Fala meus amigos, gravamos essa pescaria juntamente com o Joao Paulo do Canal Meu Mundo Minha Vida, do youtube. E ja saiu os videos da nossa pescaria no Mato Grosso no canal dele, confiram la, ficou show demais. Logo logo sai os videos no nosso canal tbm. São dois videos: Video 1: Video 2: Valeu, Chrystiano Ricardo Baquara Team
  21. Fala meus amigos biguenses! Nossa segunda pescaria da temporada foi top demais, uma das melhores da turma que foi, simplesmente sensacional. Uma pescaria programaDA com 4 meses de antecedência e com uma turma Top, nossa pescaria foi do dia 27/08/2015 até 30/08/2015. Muito ataque na superfície, atendimento diferenciado DEMAIS, muito peixe grande, Trairões entre 8 e 12 libras cada pescador pegou mais de 50 em 3 dias e meio de pesca, e exemplares entre 13 e 17 libras no geral da equipe saiu uns 30, e o Gustavo conseguiu a proeza de seu primeiro trairão pesar 25lb e medindo 94cm, um CAGÃO!! SaÍmos em um grupo de 4 pescadores, Eu e Gustavo de Manaus, o Nadim de Boa vista e o JoÃo paulo de Jundiaí Voo muito ruim de Manaus até sinop, que seria o destino final, via aeréo. Fomos de Azul, Manaus até Porto velho, Porto velho até Cuiaba e finalmente de Cuiaba ate Sinop, saimos de Manaus as 21:20 e chegamos em Sinop 07:40 kkkkkkk sim... quase 12 horas viajando. Ao chegar em Sinop o Joao Paulo ja nos aguardava no aeroporto, o mesmo tinha ido um dia antes, e nos encontramos com o Marcos Beckmann que nos levou ate Guarantã do Norte, uns 320km e depois mais 10km ate chegar na fazenda em que iamos ficar, chegamos la por volta das 13:30. Começamos a montar nossos equipamentos, colocar leader, trocar ideia com o Marcos e o Renê sobre as iscas mais produtivas e pronto. Almoçamos, colocamos as tralhas no carro e fomos aproveitar o resto de dia que ainda tinhamos. Pescamos das 15:30 ate as 18:30, Simplesmente F-A-N-T-A-S-T-I-C-O, Nunca nenhum de nos tínhamos feito uma pescaria de trairão e nos surpreendeu bastante, 10x mais agressivas que o Tucunaré, muita violencia e insistencia nos ataques, pra quem gosta de pescar de superficie eu acredito que seja um dos peixes favoritos para a modalidade. Já arrebentamos na primeira tarde de pescaria, e logo no primeiro dia o Gustavo tirou uma de 25Lb, sim, no primeiro dia kkkkkkkk e isso só nos animou ainda mais. Voltamos para a fazenda e contamos as historias do dia e aquela cervejinha gelada pra acompanhar, show demais, e depois um jantar sensacional que o Renê preparou, alias todos os dias foram tops, acredito que cada um engordou no minimo 3kg nessa pescaria. Dormimos, e acordamos as 04:00 e saimos da fazenda 04:30, pois o trairão começa a comer ainda antes do sol nascer e assim foram todos os dias. Pescamos das 05:00 ate as 10:00 após esse horario é so pra cansar o braço, pois o peixe nao fica ativo, e fomos a um acampamento para fazer o almoço e pegar uma rede pra descansar porque as 15:00 elas voltavam a ativa novamente e a porrada encaixava ate as 19:30, muito massa a pescaria noturna, você arremessa no meio do nada, sem enxergar um palmo a sua frente, calcula o tempo da isca cair n´agua e trabalha a zarinha e ae é esperar o baralho das pancadas pra fisgar as monstras. E assim foi por mais 3 dias. E foi assim nossa pescaria, Natureza maravilhosa e sempre respeitando MUITO ela, Amizade sensacional, muito churrasco e cerveja! Agora nos resta aguardar a proxima pescaria, que com certeza vai ser de Tucunaré açu ainda esse mes. Queria muito agradecer Ao Pedro Dib, que atraves do relato dele entrei em contato com o Renê, Agradecer ao Renê que sem sombra de duvidas ele e o Marcos foram os melhores Guias de pesca que ja pescamos, sempre muito atenciosos e prestativos conosco, Renê exímio mestre na arte de cozinhar, até arroz com piqui tivemos. O Marcos Beckmann putaquelospariu kkkkkkkkkkkkkk muito divertido e sangue bom, apelido nao faltou pra ele, "xuxa" "THORmento" "neutrox" e outros. Vou deixar de lero lero e vamos as fotos, são mais de 100, tenham paciencia. Chrystiano Ricardo Baquara Team PRIMEIRA TARDE DE PESCARIA: Meu Primeiro Trairão Trairão "pequeno", mas por ser o meu primeiro a empolgação foi muita. A primeira do Joao Paulo Renê sempre com os melhores cliques Mais uma Cada Violencia no ataque Primeiro Trairão norturno do João. Nadim tambem garantiu seu bitelo Meu primeiro trairão Noturno mais uma do nadim Ta ae galera, o trofeu da pescaria que saiu no primeiro dia, pego pelo gustavo! bruta demais 25lb 94cm Volta pra vida, gigante!! Comemorando com o Marcão Finalizando o primeiro dia de pescaria com um churrascão top 2º dia de pescaria: Iniciando o primeiro dia com esse nascer do sol maravilhoso Primeiro do dia do Nadim A primeira do dia Dublezão top Nadim tbm caiu n´agua pra soltar o bitelo Vaaaaiiii os biguas do braço norte Turma que chegou primeiro no nosso apoio, ja foi pro rilex Voltando aos trabalhos e da-lhe banho Nadim e Gustavo Mais uma noturna a noite rendeu Belo duble noturno Agora vamos ao meu segundo dia e o do Joao paulo. E o dia começou assim, agitado! Coloração incrivel desse trairão e toma-lhe malabarismo essa bem nega Segundo o Renê essa é a mãe do Rio Aquela pausa pra prosear e tomar uma gelada e voltamos aos trabalhos Pancadão na Trairão Entao, Trairão na trairão. mais uma bitela Uma visita aos brothers Marcão só de boa E antes do sol se por, consegui fisgar o meu trofeu!! 18lb ahhh bocudo 80cm, simplesmente fantastico E ainda deu tempo de fisgar esse outro belissimo trofeu!! Soltando uma bitela ja a noite Joao Paulo, triste depois de ver seu trofeu escapar ao lado do bote 3º dia de pescaria: Mais um nascer do sol maravilhoso Nadim garantindo sua primeira do dia Gustavo e seu monstro Uma bitela logo cedo Primeiros pinchos do Joao Levantando o drone Vamos aos trabalhos E da-lhe salto tai o resultado Charutoou! Essa o João tirou do buraco do Pedro dib(segundo o renê) kkkkkkkk Mais pancada A pausa do almoço e descanso O Renê e o marcão levantaram uma cozinha muito rapido kkkkkkk Depois aquela refrescada Vamos aos trabalhos Ultimo duble do dia Mais uma bitela com a lua de fundo Finalizamos o terceiro dia com esse arroz com piqui, sensacional!! 4º e ultimo dia de pescaria: Preparando voo A primeira Cansados de pegar trairão, era so arremessar no meio do cardume de curimba e fisgar elas, pense numa briga boa!! só observando Começando a pescaria noturno do Nadim e Gustavo bitela Belo do duble do xuxa e do Nadim. Belissima imagem E assim finalizou o ultimo de pescaria do Nadim, Gustavo e Marcão. Agora o ultimo dia de pescaria da minha dupla. O animo da galera pra acordar as 04:00 pra ir pescar kkkkkkkkk vamos la Primeiros pinchos e ja saiu duble Tentamos pegar alguns ataques gravado pelo drone. E tivemos alguns resultados, no video vao ter varios. Mais pancada Renê tambem garantiu a sua Essa me deu um banho top!! Essa foi sensacional, o joao viu ela no visual, tentamos todo tipo de isca de superficie e nada, resolvi coloca tb rip 110 da mp, fazendo um trabalho lento na frente dela e ela nao resistiu!! Esse eu fiz questao de mergulhar pra soltar ele. Consegui uns trairões na Rip tambem, show de ataques! E mais banho... E assim finalizamos nossa pescaria Espero que nao fique enjoativo o tanto foto galera, tentei resumir ao maximo o numero de fotos, valeu!!! BAQUARA TEAM Youtube: BaquaraTeam Instagram: @baquarateam Facebook: Baquara Team Abraços Chrystiano Ricardo
  22. Olha aí galera! pra quem dar valor a uma boa pescaria como nós,estive recentemente no rio Jarí no Amapá,o acesso não é o melhor pois de Macapá até a cidade de onde se parte de barco são 270 Km de estrada de chão( sem asfalto) umas 6 horas de carro,mais o que mais importa é o que se consegue subindo o rio,tucunas gigantes trairões de 10,15 Kg Jaú,Pirararas... a variedade é extensa,tendo um bom contato e muita disposição se consegue façanhas nesta pescaria!!!
  23. Aoooooo sertão véio sô!!! To postando aqui um vídeo de um dos programas do Monstros do Rio que passa na Discovery, apresentado pelo pescador JEREMY WADE que foi lá para o Suriname atrás do Peixe Lobo, Aimara, Anjumara ou Trairão como queiram chamá-lo. Ele foi para aquelas bandas porque ouviu uma história onde um pescador levou várias mordidas no braço pelo Anjumara e por causa disso levou mais de 100 pontos!!! Além disso os locais contam que o Anjumara devorou cachorros, garças e até macacos! Assistam e curtam o video ai. :choquei: :choquei: :choquei: :choquei: :choquei: :choquei: :choquei: :choquei: :choquei: :choquei: :choquei: :choquei: :choquei: :choquei: :choquei: :choquei: :choquei: :choquei: :choquei: :choquei: :choquei: :choquei: :choquei:

Sobre nós

O Fórum Turma do Biguá (FTB) surgiu no ano de 2006. Na época os poucos fóruns de pesca que existiam estavam voltados a divulgação de produtos e marcas, ocasião em que o FTB foi criado com a intenção de reunir amigos e grupos de pesca de todo o Brasil sem vinculação a qualquer empresa ou produto..

Cadastre-se

Se cadastrando no fórum você terá acesso a conteúdos exclusivos e ainda poderá postar sua dúvida, opinião, ajuda e etc..