Ir para conteúdo

O FTB foi atualizado e otimizado.

Antes, para visualizar todas as nossas salas, era preciso descer a barra de rolagem por muito tempo. Isto dificultava a nossa vida, principalmente a dos novos usuários, que não encontravam as salas/assuntos de interesse.

Agora as salas foram transformadas em "sub salas" e incluídas em grandes fóruns.

Esperamos que tenham gostado. :amigo:

Pesquisar na Comunidade

Mostrando resultados para as tags ''recorde''.



Mais opções de pesquisa

  • Pesquisar por Tags

    Digite tags separadas por vírgulas
  • Pesquisar por Autor

Tipo de Conteúdo


Fóruns

  • Bate Papo Geral e Assuntos Correlatos.
    • Selecione a sala abaixo:
  • Pesca em Água Doce
    • Assuntos Gerais (água doce)
    • Equipamentos de Pesca (água doce)
    • Relatos de pescaria (água doce)
  • Pescaria em Água Salgada.
    • Assuntos Gerais (água salgada)
    • Equipamentos de Pesca (água salgada)
    • Relatos de pescaria (água salgada)
  • Pesqueiros (pesca-e-pague), Fly Fishing e Caiaque.
    • Selecione o tipo de pescaria abaixo:
  • Náutica
    • Tudo sobre náutica
    • BassBoat Brasil
  • Eletrônicos
    • Selecione a sala
  • Aprenda a usar o fórum. Entenda como ele funciona.
    • Selecione a sala
  • Anúncios Globais e Anunciantes
    • Anunciantes do FTB. Promoções aos nossos amigos pescadores!
  • Club das 22lbs
    • Galeria 22lbs. Só monstro acima de 10Kg.
  • Pacotes de pesca dos nossos usuários
    • Em Andamento
  • Classificados
    • Selecione a sala abaixo:
  • Grupos Organizados
    • Traga a sua turma de pesca pra cá. É fácil e rápido.

Encontrar resultados em...

Encontrar resultados que contenham...


Data de Criação

  • Início

    FIM


Data de Atualização

  • Início

    FIM


Filtrar pelo número de...

Data de Registro

  • Início

    FIM


Grupo


Nome + Sobrenome (obrigatório)


Localização

Encontrado 14 registros

  1. ...detalhe, devolvendo o peixe a água. Na categoria All-Tackle (por peso). Pois é turma, há algum tempo eu, meu pai e o Marquinhos estivemos pescando na Serra da Mesa. Em nosso primeiro ponto de pesca, tive a sorte de acertar a cabeça de um tucunaré azul de 4.5kg de peso e, como já estava querendo montar um tutorial exclusivo aqui, em nosso fórum, resolvemos registrar todos os procedimentos para ensinar a todos passo-a-passo como se fazer para homologar um recorde mundial. Claro q tb estou aprendendo. Sei que vários usuários acreditam q ser um recordista mundial é uma tremenda besteira (e no fundo pode ser mesmo...ehhee.... ), mas longe de querer postar isto aqui para me gabar ou para dizer q sou o gostosão e etc (como alguns tb pensarão), fato é q temos vários relatos de pescadores que mataram tucunarés de 6 Kg ou mais na Serra da Mesa (e outros lagos tb). Sabemos q a espécie pode atingir estas proporções mas, se não a homologarmos, tudo pode não passar de boato. Fato é q estou tentando dar início a um hábito, o de homologar / registrar um grande peixe para q em pouco tempo tenhamos certeza de suas reais proporções. Vale ressaltar q o atual recorde mundial do tucunaré azul foi homologado com o peso de 4,020g em novembro de 2011 e foi capturado pelo nosso amigo Eloy Fonseca. Apesar de não saber se realmente o meu peixe será aceito ou não como o novo recorde, o meu pedido já foi recebido pela IGFA, então, estou me antecipando (e correndo o risco de não ser aceito e quebrar a cara...kkkk). ...mas vamos lá. A primeira coisa a se fazer é estar PREPARADO, PREPARADO E, PREPARADO para quebra do novo recorde. Sim, estando preparado vc não precisará matar o peixe e seu provável recorde poderá ser homologado mais rapidamente. Partiremos do pré suposto que vc sabe qual a espécie q está pescando e qual o atual recorde desta espécie, ok!??! Você precisa ter: 1 - SABER AS REGRAS DA IGFA. O primeiro procedimento a ser adotado, e isso pode ser feito agora, é o de ler as regras do único órgão q registra os recordes de todo o mundo. Vc não irá decorar todas as regras mas, mesmo q superficialmente, vc terá noção dos passos a serem seguidos, e o principal, o que vc não pode fazer ou usar durante a captura. - Aqui as regras em espanhol - -Clique Aqui- - Aqui as regras em inglês - -Clique Aqui- - Aqui em português - - Clique Aqui - 2 - ESTAR DE POSSE DE UM ALICATE BOGA GRIP ORIGINAL DA MARCA EAST BOGA E QUE ESTEJA AFERIDO PREFERENCIALMENTE PELA PRÓPRIA IGFA. Este alicate pode ser adquirido nas melhores lojas do Brasil e do mundo (sem ser homologado), mas, para ser homologado vc precisará levá-lo (ou enviá-lo até a sede da IGFA q fica na Flórida), ou comprar diretamente do site FishQuest q pode ser acessado através do link abaixo. http://fishquest.com/Qshop.asp?Option=Product&Detail=BogaGrip+%26+BogaFloat Hoje um alicate de 30lbs aferido custa lá fora 160 dólares + taxas. Lembrando q a aferição tem validade de apenas 1 ano. Outra coisa, é possível q depois de capturado o peixe, vc envie o alicate pra lá para eles confrontarem a aferição dele, contudo, acredito q o processo seja bem mais complicado. ::nada:: 3 - ESTAR DE POSSE DE UMA RÉGUA DA PRÓPRIA IGFA. RECORDE POR TAMANHO. Para os interessados em homologar o recorde por tamanho, basta baixar as regras que são basicamente as mesmas da categoria por peso, contudo, o peixe obrigatóriamente precisa se solto e filmado. Aqui só será homologado com a soltura filmada. link das regras - Clique aqui A régua custa atualmente 50 dólares + taxas e pode ser encontrada no link abaixo. http://store.igfa.org/Category/21-igfa-world-record-tools.aspx 4 - MÁQUINA FOTOGRÁFICA DIGITAL. O bom destas novas máquinas é q elas também filmam e isto ajuda muittttoooo a comprovar o q quer q seja. No meu caso em específico, ao ver o grande peixe pulando na ponta da linha, de imediato começamos a fotografá-lo. Isca na boca, o equipamento utilizado, o horário exibido no EXIF da foto, tudo isto atestará q as informações enviadas não foram forjadas. Se filmar tudo será ainda mais fácil. Lembre-se de configurar a máquina para capturar o maior tamanho de foto possível (se sua máquina é de 10 MegaPixels, configure-a para fotos de 10Mb, isto é de fundamental importância). Acerte o horário, data e etc, antes de começar a pescaria. De posse de todos estes materiais vc estará 99% preparado para a quebra do recorde. Aqui algumas informações importantes q tenho a obrigação de repassar pra todos vcs. - Sempre pese o peixe estando desembarcado. Puxe o barco para o barranco e pese o peixe lá (embarcado não vale). - Meça o comprimento do peixe com ele de boca fechada. Se ele estiver em cima da régua da IGFA, melhor ainda, assim, ninguém contestará nada. - Meça a circunferência do peixe em seu ponto mais largo (geralmente na região da nadadeira dorsal). - Ao fotografar o peixe com o alicate na boca, faça um quadro que pegue um pouco abaixo do rabo dele, até um pouco acima do alicate, assim, ao se dar zoom na imagem, vc verá perfeitamente a medida registrada no alicate. - Guarde uns 5 metros da linha utilizada. Eles exigem este pedaço de linha. - Tire uma foto sua com o equipamento utilizado na captura (vara, carretilha, linha e isca). Bem....já falamos demais...vamos agora colocar a mão na massa. Aqui estão as fotos q eu enviei para a IGFA. Obs: Na verdade não precisa de tantas fotos, ocorre q a IGFA tem cobrando de todo pescador um pequeno relato de como a captura foi feita, então, para facilitar as coisas, já enviei fotos q retratam isto. Eu dei uma grande bobeira. Reparem q na foto 05, aparece apenas a foto do alicate, ou seja, se tivesse o Marquinhos dependurado alí, a IGFA poderia contestar o recorde. Por isto eu disse q é preciso de um quadro q pegue um pouco abaixo do rabo até um pouco acima do alicate, na maior resolução da máquina. Por sorte eu fiz o vídeo abaixo, onde a filmagem mostra tudo isto (olha o vídeo me salvando). - OS FORMULÁRIOS. De posse das fotos e dos vídeos, vc precisa preencher o formulário com todas as informações necessárias. Para facilitar a compreensão do que está sendo solicitado, aqui vai o link com um formulário escrito em português. Lembro que ele serve apenas para orientar o pescador, pois o formulário a ser enviado para a IGFA deve ser o escrito em INGLÊS. - Formulário em Português (apenas para orientação) - - Formulário em Inglês (este q será enviado para a IGFA) - Aqui as fotos do meu formulário. Obs: - reparem q existe um campo para ser inserido os números do seu cartão de crédito. - para quem não é filiado a IGFA é cobrada uma taxa de 65 dólares para o registro do novo recorde. - cada "certificado" da IGFA atestando o seu recorde custa 5 dólares, então, veja quantos vc quer e adicione nos 65 dólares do registro. Reparem q no meu caso eu solicitei 5 certificados. - é preciso q um biólogo ateste a espécie capturada. - é preciso registrar em cartório a sua assinatura / firma. Tb é preciso enviar uma amostra da linha. Aqui como eu fiz para enviar. Coloquei tudo isto dentro de um envelope e enviei para a sede da IGFA nos EUA. O envio foi feito em uma agência dos Correios (peça o envelope para correspondência internacional). 10 dias depois do envio o meu nome já constava no sistema da IGFA como PENDENTE. Agora é esperar para saber se eles me solicitarão alguma informação adicional, e esperar a saída ou não do novo recorde do azulão. Atualizado em 17 DE AGOSTO DE 2012. Somente em 26 de maio é o recorde foi realmente homologado. 45 dias depois recebi em minha casa os 05 certificados de homologação. Como fui "obrigado" a me cadastrar na IGFA para registrar o recorde, recebi uma edição da revista deles a cada 2 meses....Recebi ainda uma carteirinha de membro. Tive a oportunidade de ir pra Miami antes da homologação do recorde....Estive mais uma vez na IGFA e fui muito bem atendido. O Jack Vitek, responsável pelas homologações, é um cara super legal e atencioso. Como membro não precisei pagar os 8 dólares de acesso ao museu, e ainda homologuei novamente o meu Boga Grip sem custo algum. Bem...no meu caso valeu muito a pena ter me cadastrado junto a IGFA, tanto q estarei renovando meu cadastro por lá. Em breve postarei as fotos do certificado para vcs verem como ele é. Espero q este tutorial sirva para orientar os nossos amigos pescadores. O peixe foi solto, está lá, crescendo para ser capturado novamente, então, porque não homologar os nossos recordes?!?! A IGFA pode ser uma grande aliada da pesca esportiva brasileira mas, se nós não nos movermos, não seremos vistos nunca. Abs...e até a próxima. ::tudo:: Fabrício Biguá
  2. Essa semana os pescadores do Roçado pegaram 6 peixes acima de 20lbs, sendo que um dos peixes capturados pesou 24lbs. Um lindo peixe q será submetido a apreciação pela IGFA. Sem dúvida estamos diante de um monstro de peixe... Lindo mesmo... Primeiramente gostaria de parabenizar o pescador pela captura...Show, e torço para q o peixe seja aceito. Eu não deveria nem estar postando isso aqui, pois tenho certeza q vários irão falar de inveja, de interesses escusos e por aí vai...mas nada a ver. Coisa de mimizeiro...💩. Na verdade o meu maior interesse é o de que vc, q está lendo este texto, tome todos os cuidados para q o seu troféu não seja NEGADO perante a IGFA. Incrível como alguns guias, ainda mais em um local onde um possível recorde está o tempo todo olhando para a sua isca, não se cerca dos cuidados necessários para q o recorde seja aceito facilmente. Repare no vídeo q o peixe ESTÁ DE BOCA ABERTA...o q não é permitido. Num torneio de pesca aqui no Brasil, os pescadores são craques...Jamais dão mole assim... Repare que o pescador foca no rabo (92cm) e vai para a cabeça do peixe (onde se constata q ele está de boca aberta)... e, quando volta para o rabo novamente, a medida volta para os 91cm. Segundo as regras da IGFA, o ponto de medida do rabo deve ser o vértice central da bifurcação do rabo...contudo, como o rabo do tucunaré é não é bifurcado, acredito q o ponto mais distante valha. Torço para q o pescador tenha outros vídeos q cumpram todas as regras estabelecidas. Estamos sim, diante de um belíssimo peixe de 92cm, 91cm... Quem tiver interesse de conhecer as regras da IGFA (em português), segue o link. https://igfa.org/images/uploads/files/IGFA International Angling Rules_Portuguese.pdf https://www.riverplateanglers.com/wp-content/uploads/2018/11/TROFEO-90-CMS.mp4
  3. Estamos em festa! O amigo pescador Gustavo se tornou o novo recordista mundial do Tucunaré Vazzoleri (Cichla vazzoleri), guiado por mim no Vazzoleri Camp. Com muita alegria e satisfação venho dar essa notícia aqui no FTB. http://wrec.igfa.org/WRecordsList.aspx?lc=AllTackle&cn=Peacock, vazzoleri E tem margem para mais! Nossos clientes já capturaram tucunarés de até 20 lb com 85 cm de comprimento. Eu já peguei um de 19 lb, e temos a gravação do TV Pesca Brasil (disponível no YouTube) em que batemos o recorde antigo de 13 lb cinco vezes, terminando com um monstro de 18 lb e 83 cm explodindo na hélice. Quem quiser ter a chance de capturar o seu recorde, vem comigo. E todos ficamos torcendo por mais recordes! Abraços e boas fisgadas!
  4. Ontem a informação chegou a ser divulgada na redes sociais, mas hoje a coisa bombou de vez...rsrs Segundo as informações colhidas, o peixe foi capturado ondem no Marié. Pesou 31lbs e mediu 88cm. Ainda não saíram fotos com a medição do peixe, mas assim q formos recebendo mais dados, vamos postando aqui pra turma.
  5. Vídeo da captura de um belo exemplar de tucunaré por meu amigo Danilo e belas imagens desta pescaria, espero que gostem, abraços.
  6. O staff da Pesca & Companhia, Alexandre Dick, bateu o recorde da pirarara mais comprida. Ele fisgou um exemplar de 132 cm no Rio Negro, em Barcelos no Amazonas, enquanto que o recordista anterior possuía 126 cm. O feito do brasileiro já foi homologado pela IGFA. Dick conta que havia viajado para Barcelos (AM) no mês passado com o intuito de pescar tucunarés-açus. No entanto, ao chegar no Rio Negro, se deparou com uma situação de repiquete, bastante desfavorável para pescar os “bitelos”. “Não me atrelo a um peixe só e gosto de estar preparado para outras espécies”, conta Dick. “Então decidimos tirar um período para pescar os peixes de couro”. Dick pegou equipamento emprestado da pousada onde estava e usou vara de 180 lb, linha 0,90 mm de monofilamento, carretilha grande, anzol 12/0 e chumbo pesado o suficiente para segurar uma cabeça de piranha como isca no fundo do rio. O pescador conta que não pretendia ficar muito tempo em apenas um ponto, “não mais que 15 minutos”. Mas, com menos de cinco minutos, Dick teve a ação e não precisou de mais cinco para dominar o peixe e, com o auxílio do guia Wilson, fazer todos os procedimentos para uma homologação de recorde na IGFA. “Nunca imaginei que fosse pegar um exemplar para recorde”, conta. “Mas sempre levo a régua da IGFA na minha tralha”. Apesar da façanha, Dick revela que já havia pegado exemplares maiores, mas não havia feito os procedimentos corretos para homologação. “Acredito que outros pescadores também já tenham conseguido maiores”, cita. Fonte: Pesca & Companhia
  7. Car@s amig@s de Fórum, estou aqui para relatar minha pescaria realizada em SIRN no período de 19/11/2016 a 27/11/2016. Como a grande maioria dos pescadores, minha pescaria começou há 1 ano, ano esse de muita expectativa, ansiedade, investimentos $$$, planejamentos e noites sem dormir. Esse foi meu terceiro ano na Amazônia ( 2014 - Juma = Lástima, 2015 - Uatumã = Perfeito ), e sempre sendo agenciado pelo Cuca da empresa Buriman, rapaz super prestativo e responsável, sempre procurando proporcionar o melhor nas operações. Mas esse ano ele apenas intermediou nossa operação, o barco ficou responsável pelo Joelson, da Taua Adventurex, que se mostrou sempre disposto e ajudar e informando as situações do rio. Esse ano fomos em 8 pescadores, Eu (dudu), Kid (primo), Irio, Dani, Wallace (primeira pescaria), Alemão, Mineiro e o Mateus. Galera nota 1000, terceiro ano consecutivo com esses amigos que muitos se tornaram uma família. Semana da pescaria, as notícias não eram as melhores, rio secando, porém, peixe inativo e rio ainda cheio mas sai de Brasília com o pensamento de que o peixe era apenas uma consequência, onde outros fatores são essências para uma boa pescaria, apreciar a natureza ímpar, compartilhar ótimos momentos com os amigos e bater muita isca!!! Chegamos no domingo, almoçamos e partimos para os primeiros arremessos...A tripulação decidiu subir o TEA, acreditavam que por não terem subido antes, o rio estaria "virgem" na temporada, porém, não se concretizou, peixe muito inativo e rio muito cheio a cada subida!!! Tivemos ações dos borboletas e popocas, só que decidimos voltar e subir o uneuixi, pois esse mesmo apresentou boa pesca na semana passada e aparentava estar mais seco, então partimos para lá... Já na terça feira, pescaria muito fraca, a cada chegada no barco principal percebia-se o semblante de tristeza em todos que chegavam, É A PESCARIA VAI SER MUITO DIFÍCIL...Mas a noite chegou e o momento de confraternizar e aproveitar aquele momento em meio a amazônia estava ali, então tínhamos que curtir aquele momento, e o que seria das pescarias sem os amigos e momentos inesquecíveis. E mais uma manhã chegou, e eu sempre otimista, fui com o novato da galera, o Wallace, que já estava arremessando como poucos...Passamos uma manhã com bastante ação dos popocas e borboletas, e algumas traíras deram a graça também, mas os açus e pacas NADA, incrível como 3 dias de pesca e nem os açus e pacas menores apareciam... Eis que por volta das 11hrs, depois de bater toda extensão de um lago, avistamos a ponta do lago com uma ilha submersa, o piloteiro pediu para que eu arremessasse a Hélice atravessando a ilha submersa e trazendo por cima, missão dada é missão comprida, no primeiro arremesso da minha hélice da Deconto, trabalho por cima da ilha, já chegando no barco, aparece o tão esperado açu, sugou a isca e foi para o limpo, ai a briga foi boa, carretilha cantando e desespero do meu parceiro e meu...peixe bem trabalhado e embarcado para emoção e alívio...Meu parceiro ficou impressionado pelo peixe e eu tbm, meu tucunaré de 7kg, e para a semana estava sendo um belo troféu, estava louco para compartilhar esse momento com o pessoal do barco para que eles pudessem ficar mais motivados. Chegando no barco, compartilhei do momento e das fotos, galera com ânimo renovado, e partimos para a tarde, que foi muito fraca e nem tenho fotos para mostrar. Chegando quinta feira, o dia melhorou para grande maioria, peixes bom embarcados, Wallace novato tinha engatado um de 8kg e meu primo pegou a fêmea de 6kg. Eu fui com meu amigo Irio de São Paulo, ele diz que sou o seu pé de coelho, porque no ano passado no Uatumã, quando pescou comigo engatou um bitelo de 8kg. E não é que ele estava certo, numa única manhã ele tinha pego de 3kg, 5kg, 7kg e um monstro, tinha acabado de comemorar o peixe de 7kg, quando ele arremessa a T20 a 2 metros do barco, na caída sentimos a explosão (era peixe grande), desespero bateu no barco, câmera na mão filmando toda a ação, e eis que surge um lindo tucunaré açu, gigante de 84cm e 9kg exatos...ai foi só festa, fotos, filmagem e cachaça!!! Ps: Não postei fotos dele pq não consegui falar com ele!!! Fomos para o almoço no barranco, ele tomou 13 latinhas em menos de 20 minutos . Quando compartilhamos tivemos a notícia de que o Mateus também havia pego um de 9kg ( não tenho fotos). Eu já estava feliz demais, dormindo mais aliviado e bem mais leve...a tarde eu perdi um peixe muito bom, mas nada me abalaria mais Sexta feira e o Irio pediu para pescar comigo de novo , porém esse dia foi horrível, pegamos uma tempestade de raios e quase não pescamos, nem os popocas explodiram nas sticks, e vale ressaltar que até então peixe só batia nas sticks e zaras, salvo o que peguei na hélice ( sorte ), nem adiantava jogar meia água ou jigs. O bom da sexta foi o lual, que maravilha, parabéns a tripulação do Tauá Adventurex....Belíssimo lual!! Sábado, última manhã de pesca, pois a tarde teríamos que voltar, fui com meu primo nesse dia, batemos a boca do uneuixi e nada, nada mesmo...já cansados e todo empolado de uma alergia que pegamos lá, entramos num lago onde meu primo varando com a T20 e eu cansado no meio do barco, com meu kit mais leve, vara de 17lbs e com uma Borá, arremessando no meio do lago, o piloteiro (Aracá) avista um borbulhão na água, pediu para arremessar passando o borbulho e trazer bem no fundo, dito isso arremessei certinho e nada, outro arremesso e nada, terceiro arremesso e nada, já estava desistindo, quando no quarto arremesso a coisa ficou feia, uma tomada de linha surreal para o meio do lago, quando me deparo com minha carretilha acabando a linha, o desespero bateu, pedi para o piloteiro ligar o motor porque não tinha linha suficiente, motor ligado e depois foi só festa...o peixe saltava no meio do lago, cada salto o coração faltava saltar junto, muito trabalho e depois de algum tempo embarcamos o MONSTRO, o piloteiro já gritava, 22lbs com certeza, mas eu nem sou muito ligado nessas coisas, queria bater meu recorde que era de 7kg no uatumã, mas quando eu tiro o bitelo da água percebo um peso fora do normal, quando levanto o boga eis que apareceuuuuuu o 10kg não estava acreditando no que estava acontecendo, lágrimas escorriam despercebidas, e a emoção me pegou de vez....Depois de leva-lo para uma praia, VÁRIAS fotos e filmagens, o gigante voltou para a sua casa!!! Segue algumas POUCAS fotos do meu troféu Sonho mais do que realizado, depois não pescamos mais, meu parceiro de pesca estava sofrendo bastante com a alergia e voltamos para o barco, eu já não ia pescar mesmo, alegria e sorriso estampado. Galera chegando e compartilhando o dia, que no geral foi fraco, e todos felizes pelo meu feito!!! Depois foi se despedir de SIRN!!! Essa foi nossa casa durante uma semana, barco confortável que supriu todas as necessidades dos pescadores!!! Parabéns Panga!!! Por último agradecer aos meus amigos e parceiros por mais essa jornada juntos!!! Da esquerda para direita = Wallace, Mineiro, Kid, Eu, Írio, Dani, Alemão e Mateus. Segue alguns vídeos... Soltura do 7kg 20161123_171820.mp4 Soltura do 10kg 20161126_102533.mp4 Pesagem do 10kg (ignorem o palavrão, ele foi direcionado aos nossos amigos do barco kkkkkkkkkkkkk) 20161126_101639.mp4
  8. Amigos, agora em outubro, voltei ao famoso Rio Sucunduri, na excelente operação do amigo Vilanova(show). Entre muitos tucuna e aruanas, no terceiro dia de pesca, no sol das onze, vejo boiado duas grandes manchas marrons, uma é gigantesca a outra era menor. Estava na mão com uma isca papa Black, não pensei, só joguei um metro a frente, por sorte a maior mancha explodiu como um foguete, e já saltou. No primeiro pulo, já falei "este é o maior aruana que eu já vi", briga passada, encosta o monstro no barco, e faço a medição e pesagem 10lbs e 86cm. Alegria total, pois sabia, que o recorde mundial era de 84cm. Fotos todas realizadas e peixe devolvido(como manda a regra) O recorde anterior Agora estou montando o processo para dar entrada na IGFA com a solicitação de homologação. A pescaria foi fantástica, até amanha posto o relato da viagem completa. Vai um aperitivo... Abs Dini
  9. Galera,não vou postar somente 1 mas sim 2 peixes,os maiores da minha vida até hoje. Apesar de no comprimento haver diferença,1,30 para a pirarara e 1,49m para a piraíba,acredito que os 2 tenham a mesma faixa de peso. Sempre muito difícil dizer o peso sem pesar rsrsrs,mas em 3 pessoas (eu,o parceiro e o guia) chegamos a um consenso aí de cerca de 45kg para cada....Nunca saberemos,mas sempre vamos achar isso kkkk! Ambos pegos no rio Araguaia,em Luiz Alves. Abços!
  10. Bom Dia pessoal! Temos 2 vagas para pescaria em Barcelos AM, para pescar no afluente Rio Cuiuni / Alegria, no Barco Tayaçu. Grupo de 14 pescadores Data: 07.10 à 15.10.2016 - Sábado a Sábado Valor R$ 6.290,00 com Fretado de Manaus a Barcelos Incluso ( pode parcelar o valor ) Incluso: voo fretado Manaus/Barcelos/Manaus, traslados, pensão completa no barco hotel, bebidas frias, combustível, piloteiro, serviço de lavanderia, barcos de pesca estáveis com motor de 60hp e motor elétrico. Somos o Grupo VixPesca do Espírito Santo. Pescamos juntos há mais de 4 anos, grupo experiente e sempre com a intenção de ir em locais em busca dos maiores tucunarés. Interessados entrar em contato comigo, Bernardo, ou Wagner da http://www.vixpescaesports.com.br/ Bernardo 27-99977-8881 ou Wagner 27-99617-8598 Integrantes do Grupo 1 - Bernardo Cassundé 2 - Ronaldo 3 - José Jorge 4 - Sobrinho 5 - Penedo 6 - Élcio 7 - Greco 8 - Coronel Ciromar 9 - Wagner VixPesca 10 - Pimentel 11 - Antônio 12 - Kiko 13 -Celso 14 - Segue alguns relatos de nossas pescarias e videos Obrigado http://www.turmadobigua.com.br/forum/topic/38874-pescaria-sirn-rio-jurubaixi-23-a-2810-grupo-vixpesca/?hl=%2Bbernardo+%2Bcassund%C3%A9 http://www.turmadobigua.com.br/forum/topic/34791-pescaria-sirn-rio-jurubaixi-setembro-de-2014/
  11. Vazzoleri Camp Acampamento Selvagem Rio Paratucu – Temporada 2017 LOCAL Rio Paratucu, Amazonas. Este rio de águas incrivelmente cristalinas é afluente do rio Nhamundá, e é no Paratucu que estão os maiores tucunarés existentes da espécie Cichla vazzoleri. Para os amantes da pesca com mosca (fly fishing), o rio também é muito farto em Matrinchã, além de uma infinidade de espécies menores de jacundás, acarás, pacus e até peixes de couro (geralmente pequenos surubins) que poderão atacar as iscas, o que não ocorre com frequência na pesca com iscas plásticas/madeira (baitcasting), focada no tucunaré. As águas cristalinas poderão proporcionar aos praticantes de fly condições extraordinárias para a pescaria, mas em qualquer modalidade tem-se a rara oportunidade de pescar no visual e observar a luta do tucunaré também dentro da água e não apenas nos saltos. O rio Paratucu também é extremamente raso em toda a sua extensão, chegando a não ter canais de navegação em vários trechos do rio, o que impede o acesso dos barcos-hotéis que operam no rio Nhamundá durante a temporada de pesca. PERÍODO A temporada começa sempre em setembro e geralmente finaliza em dezembro. Longas estiagens devido a eventos El Niño podem permitir pescarias em janeiro e até fevereiro. Em 2016, dois potenciais recordes mundiais foram capturados no mesmo dia. ESTRUTURA Apesar de se tratar de um acampamento, há uma generosa estrutura de apoio à higiene e segurança, além de um potente gerador elétrico para atender às nossas necessidades. As barracas são individuais e no tamanho “5 pessoas”, além de possuir colchão, travesseiro e mais itens de conforto. A área tem iluminação e banheiros amplos e confortáveis. Lá não tem pium e outros mosquitos! Os botes são semi-chatas de 5,5m de comprimento com motor de popa 30 HP e motor elétrico. ROTEIRO O pacote se inicia em Manaus, com o hidroavião fretado no domingo pela manhã. Pesca no domingo à tarde. Segunda a sexta são dias integrais de pesca. Sábado, a pescaria se encerra ao meio-dia. DETALHES DO PACOTE Cada grupo será composto de apenas 8 (oito) pescadores, ou seja, são pouquíssimas vagas para a temporada, então apresse-se em conseguir sua vaga, pois elas esgotarão muito rápido. O local é inexplorado e pretendemos manter uma pressão de pesca baixa. Também há o fato de que o rio é estreito e o trânsito intenso de voadeiras poderia influenciar no comportamento do peixe. Por isto, não trabalharemos com grupos maiores do que 8 pessoas. Valor por pessoa: R$ 6.000,00 (Promoção Sem Crise Temporada 2017) com hidroavião incluso O pagamento deve ser realizado com entrada de 30% e o restante parcelado conforme a necessidade do cliente, devendo estar totalmente quitado até 15 dias antes do início da viagem. Todos os pagamentos podem ser feitos via boleto bancário ou depósito/transferência, basta informar a opção escolhida. ESTÁ INCLUSO Pensão completa: acomodação, refeições, água, cerveja, refrigerante e lavagem de roupas. Translado em hidroavião. Embarcação, combustível e guia de pesca para cada dupla. NÃO ESTÁ INCLUSO Equipamentos de pesca, licença de pesca, bebidas destiladas, gorjetas e outros itens não citados como incluídos. Temos um telefone via satélite para emergências. Ligações particulares podem ser realizadas ao custo de R$10 por minuto. Atenção: as passagens aéreas de suas cidades até Manaus-AM não estão incluídas nos pacotes, elas deverão ser adquiridas direto com as cias aéreas de sua preferência utilizando milhagens e pagamento facilitado nos seus cartões de crédito. Aqui neste link você pode ler o relato que resume as pescarias de prospecção do rio Paratucu e ver os Vazzoleri enormes que capturamos, inclusive os dois recordes no mesmo dia: http://www.turmadobigua.com.br/forum/topic/39822-rio-paratucu-%E2%80%93-os-maiores-vazzoleri-do-mundo-wrec/ Para pescar no Paratucu, você deve entrar em contato pelo WhatsApp: (92) 99495-1987 Boas pescarias!
  12. arrow:: Tudo se inicia em um churrasco onde reunimos uma pequena parcela dos integrantes do Baquara Team - Roraima/Amazonas, onde amadurecemos a ideia de ir pescar os gigantes trairões no Suriname. A partir dai fomos nos organizando para seguir rumo a aventura mais emocionante de nossas vidas e sem duvidas uma das melhores pescarias já feitas pelo grupo. arrow:: Chegando no Suriname de avião partimos de carro até uma vila nas proximidades do Rio Orim que desemboca em um pequeno braço conhecido como braço Rupestre. Ficamos cerca de 1 dia no alojamento e partimos cedo de barco para o acampamento na mata onde nos deparamos com uma seca extrema no local, o nível do rio estava espantosamente baixo, nos deixando desanimados pois sabíamos que com pouca água as chances de capturas diminuiriam consideravelmente. arrow:: No primeiro lançamento de isca do acampamento uma explosão surpreende a todos e o silencio e quebrado em vibração de todos no grupo, um grande trairão tinha errado a isca do nosso parceiro Baquara Team - Nadim Abdala e rapidamente foi lançada uma isca pelo outro componente da expedição Oilen Garcia que termina por capturar a fera e deixar em êxtase a expedição com um belo exemplar de trairão. Após essa fera o parceiro Wallace Garcia captura um grande exemplar de 9,5 kg em uma explosão na superfície que deixa a todos bastante animados pois acreditávamos que seria o maior exemplar de toda a pescaria, apos esse monstro, inúmeras capturas foram realizadas com trairões variando entre 5 e 8 kg todos nas ações de superfícies, vários ataques explosivos com os trairões mostrando a sua brutalidade! arrow:: Ao cair da noite e com as ações nas artificiais diminuindo, decidimos pescar peixes de couro e apoitamos em um ponto do rio, onde um grande arrasto carregou a linha do nosso amigo Oilen Garcia deixando todos eufóricos pois pensávamos ser um exemplar de couro gigante porem fomos surpreendidos com um grande salto calando o silencio da madrugada...era um TRAIRÃO de 92,5 cm e mais de 25 lb brigando na escuridão. Ficamos loucos observando a potência do animal e o tamanho desproporcional que tinha. arrow:: Passada a noite das emoções, tivemos um dia com menos ações nas iscas artificiais mas não deixando de capturar alguns bons exemplares de trairões. arrow:: Ao anoitecer partimos para o mesmo ponto e por volta das 18:00 h Nadim Abdala captura 2 bons exemplares de CAPARARI, um belo peixe e que briga ate o ultimo segundo. Por volta das 21:00 h todos com as linhas na água meu parceiro Nadim Abdala pede para que eu segure seu equipamento de pesca que estava com a linha na água. Senti alguns minutos depois que existia a presença de algo na linha e ofereci para que ele pegasse o equipamento de volta, porém ele autoriza que eu tire o que está na linha já que ele estava resolvendo um problema com algo que não lembro agora no barco. No momento que fisgo o peixe todos no barco ficam em silencio que é quebrado com um grande salto causando um barulho muito diferente dos outros trairões pegos anteriormente e todos ligam as lanternas na escuridão e mais uma vez ele salta ! É uma anomalia da natureza ! Um TRAIRÃO de 97 cm e mais de 30 lb ( Balança IGFA ). Um peixe gigante extremamente maior que qualquer outro que tínhamos visto na pescaria e nas nossas vidas. Ao ser embarcado todos ficam extasiados com o tamanho da NAVE ! Um VERDADEIRO RECORDE que a natureza me presenteou e que foi devolvido vivo a mesma como todos os outros capturados ! A balança IGFA não aguentou a pressão dos gigantes e já não esta entre nós. arrow:: Após esse MONSTRO DO RIO nosso amigo Oilen Garcia captura mais outra anomalia um verdadeiro GIGANTE de 94,5 cm com mais de 30 lb seguido também pela captura de outra NAVE de 88 cm de Nadim Abdala com mais de 25 lb, deixando a pescaria sensacional e mostrando inúmeros exemplares variando de 88 cm ao recorde de 97 cm....sem dúvidas a melhor pescaria de trairões de nossas vidas. arrow:: Vamos parar de blá blá blá e vamos ver as ALGUMAS DAS FERAS ? arrow:: O primeiro da aventura capturado por OILEN GARCIA vulgo BOILEN arrow:: Belo trairão do Baquara Team Thyapuã "Caveirão" Batista arrow:: Trairão violento pela manhã do Nadim "Indio" Abdala arrow:: Boilen Garcia com mais um exemplar arrow:: Wallace "Zica" "Arraia" Garcia arrow:: Bocudo braaaaaaabo do Nadim "Índio " Abdala arrow:: Mais uma FERA do "Caveirão" Batista arrow:: Belo gigante do Wallazica ! arrow:: Bocudo!!!!!!!!!!!!!!! Aaaaaaanimaaaaaaaaaalll arrow:: PANCADA do "Índio" Abdala arrow:: ENCHARUTADA NO TRAIRÃO!!!!!!!!!! arrow:: Dublê DE GIGANTES! arrow:: Sinta a Potencia arrow:: Belo CAPARARI do Nadim Abdala arrow:: CHAMA O GIGANTE arrow:: Nosso amigo WALLAZICA ! Fazendo cara de BRADOCK arrow:: Bela coloração de Trairão arrow:: Animal BRUTO arrow:: Belo Exemplar do Wallace Garcia Arraias arrow:: Hora de dormir! Caveirão esquecendo cobertor teve que improvisar ! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk arrow:: Quando chega a noite as feras CRESCEM!!!!!!! Agora vai começar a pescaria das ANOMALIAS arrow:: AQUI SÓ 88 cm e 25 lb UP!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! BAQUARA NELES!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! arrow:: Agora o RECORDE da pescaria! 97 cm e mais de 30 libras (balança IGFA 30lbs) CAVEIRÃO NELES ! BAQUARA TEAM caveira:: caveira:: caveira:: caveira:: caveira:: caveira:: caveira:: caveira:: caveira:: caveira:: caveira:: caveira:: ::excl:: ::excl:: ::excl:: ::excl:: ::excl:: ::excl:: ::excl:: ::excl::
  13. Do álbum: Amazonas Barcelos 2006

    O recorde da pescaria tucunaré açu de 22lbs, capturado pelo meu amigo Oswaldo, foi uma briga bonita, isca de meia agua no meio do lago, excelente ano de pesca.
×
×
  • Criar Novo...