Ir para conteúdo
Fabrício Biguá

Antes de comprar uma nova embarcação. Leiam.

Posts Recomendados

Opa turma...resolvi fazer esse tópico na intenção de esclarecer e de aprender um pouco com os mais experientes.

O tópico é gigantesco, mas tenho certeza q quem estiver interessado em adquirir uma nova embarcação (ou um novo conjunto) aprenderá alguma coisa aqui.

Seguinte...estou trocando de barco, e com isso, tenho lido muito a respeito do assunto. Constatei q algumas informações prestadas por muitos usuários são, de certa forma, muito tendenciosas, ou não expressam a verdade real dos fatos.

Deixe-me ser mais claro.

Todos nós somos tendenciosos com nossas opiniões, e eu me incluo aí tb..hehehe.....pois no decorrer de nossas vidas, vamos "arrecadando" experiências q nos levam as escolhas das coisas ou dos caminhos a serem seguidos.

Ocorre q, quem está do lado de cá, aprendendo a cada segundo, é um ser humano, e, dependendo da ocasião e do seu estado de espírito, pode analisar essa mesma situação de formas diferentes.

Vamos a explicação.

Eu já fui proprietário (junto com meu pai e meu irmão) de outros 2 barcos de pesca.

Eu tive um Squalus 500 da Levefort e um um S600 da Pety.

Levefort é a marca mais conhecida do Brasil, mas a cada ano q passa eu gosto menos do acabamento dos seus barcos, de forma q o nosso, ano 1998, era mais bem acabado q um 2009....

Depois pegamos um Pety...q puts...q barco show de bola...Gostamos muito dele.

Onde quero chegar?!?!

Mesmo não gostando do acabamento da Levefort, em especial do Squalus, isso não quer dizer q os outros barcos da marca são também mal acabados.

E nem pq nós gostamos do Pety ele é o melhor barco do mundo....hehee...gosto é algo muito pessoal.

O q tenho visto é q a maioria das pessoas q opinam sobre um determinado conjunto, valorizam muito a sua própria opinião...Isso é normal. Deixo claro q não estou condenando isso....meu alerta aqui é para quem está lendo um texto ou uma opinião, seja ela postada em qualquer lugar...hehehee...Muito cuidado ao ler a opinião de apenas uma meia dúzia de pessoas.

É óbvio q aprender com a opinião dos outros é uma grande virtude...mas muito cuidado ao investir uma boa quantia de dinheiro em um conjunto de pesca.

Dito isto, vamos passar adiante.

arrow:: Antes de escolher uma nova embarcação, ou um novo conjunto de pesca, vc deve primeiramente se perguntar...

Qual o meu objetivo?.

Inclua aqui o tipo de pescaria a ser feita, quais as características do local q será mais frequentado po vc, qual o peso q geralmente carrego no barco (inclui-se ai o peso dos pescadores + tralha + combustíveis), qual a distância média a ser percorrida diariamente para se chegar nos bons pontos de pesca, carro que irá rebocar o conjunto e etc.

Saiba exatamente o que vc quer e precisa usar.

arrow:: Agora uma das fases mais importantes da escolha.

Quanto eu tenho ou preciso investir no novo conjunto?

Lembre-se que o é bom é caro. Desconfie de produtos muitos baratos, sejam eles motores de popa, elétrico, bateria, motores de popa, embarcação e por aí vai.

Lembre-se ainda dos acessórios e gastos extras.

Deixar um conjunto completinho, do jeito q vc gosta, demandará mais e mais "capilé". Esteja atento a cada detalhe do conjunto.

Se vc vai colocar uma plataforma a mais daqui, um volante mais bonitinho, uma cadeira mais confortável, reforços nas estruturas (carreta ou barco), pintura, cabos mais grossos, etc, etc, e mais de 1000 etc., podem fazer o seu orçamento ir nas alturas...além do que, remendar o q já está pronto é sempre complicado. E normalmente não fica tão bom quanto o q é feito na fábrica.

Temos ainda o emplacamento da nova carreta, o registro do novo barco, e por aí vai.

Obs: já comentei acima, mas é bom saber se o seu carro conseguirá puxar o novo conjunto, assim como colocá-lo e retirá-lo da água.

Não se esqueça de onde vc irá guardar o conjunto.

Ok...até agora ficamos apenas no campo das idéias...mas é assim mesmo...ainda nos manteremos assim mais um pouquinho....hehhee..

arrow:: A escolha do barco. (estamos falando de embarcações pequenas e médias)

Como eu disse lá pra cima, muito cuidado com opiniões alheias. Se possível, vá até o local onde se encontra a embarcação q quer comprar e veja se é o q vc deseja.

Se vc puder fazer o test-drive então, puts...bom demais...Aí sim vc saberia exatamente o q está precisando.

Se não tiver jeito, colha as mais diversas opiniões...mas acesse o site do fabricante, e busque todo e qualquer detalhe sobre a embarcação, dentre elas:

- Tipo de embarcação:

Se para a pesca, passeio (lazer), ou mista.

O q comentarei aqui abaixo não é um regra, ok?!?! Tento repassar apenas uma visão geral da coisa.

Passeio - Normalmente os barcos de passeio são mais reforçados, isso pq prima pela segurança e otimiza a capacidade de carga. Possui ainda bancos mais confortáveis, borda mais alta, porém, pode não ser totalmente plataformado, o q dificultará a sua utilização em pescarias.

Pesca - Já os de pesca são otimizados para a pesca, sendo barcos mais leves, mais plataformados e sem muitos detalhes, como capotas, iluminação, e por aí vai.

Misto - o nome diz tudo...é um misto dos dois tipos citados acima.

- Comprimento:

5m = Ideal para 2 pescadores em pescarias com iscas artificiais.

5.5m = Tamanho "meio q" padrão para pescaria com artificais, e 03 pescadores a bordo.

6m = Super confortável para as pescarias acima, com 03 pescando tranquilamente.

Isso não é uma regra...pois um BassBoat (barco de fibra de alta performance) tem 5 metros de comprimeto mas tem 2 metros de largura, pescando mais pescadores. Ocorre q o casco pesa algo em torno dos 350 kg, e precisam de super motores para empurar isso tudo (90Hp pra cima).

- Largura.

Quanto mais largo, mais estável.

Tenha cuidado para não pegar um barco tão largo q o peso dele passe a ser um óbice. Peso, arrasto, e por aí vai, devem ser considerados aqui. Lembrem-se q vc precisa empurar isso com um motor de popa, e puxar isso com uma boa carreta...hehee...

- Pontal.

Vulgamente conhecido como a altura da borda do barco.

Tecnicamente Pontal é a distância entre o fundo e o convés principal do barco. Em alguns tipos de embarcação isso pode ser medido de forma diferente, mas basicamente é isso.

Se borda alta, média ou baixa, dependerá do local em vc irá navegar, se é muito marolado, se muito corrente, se com muita carga, e por aí vai. Dê preferência por embarcações com borda alta.

Em canoas (5,5m) uma altura de pontal considerada boa é de 60cm.

Em lanchinhas é óbvio q esse valor será maior.

- Peso.

Espessura da chapa, largura, comprimento, acessórios e etc..tudo isso deve ser considerado, afinal, o motor a ser instalado na embarcação deve ser compatível com ela.

Normalmente essas pequenas canoas utilizam chapas de 1.5mm....noutras 1.5mm, mas o casco usa 2mm...sendo q quanto mais grossa for essa chapa, mais pesado, caro e seguro será o seu barco.

- Espessura das chapas (no caso barcos de alumínio).

Como eu disse no item acima...muita atenção na escolha da espessura da chapa. Muitos fabricantes usam chapas fininhas...tudo para baratear o custo da embarcação.

Barcos feitos em chapas muito finas e sem muitos reforços torcem a sua estrutura quando submetido a condições severas (marolas, excesso de carga e por aí vai), e como torcem suas estruturas, acabam trincando a solta (no caso dos soldados), ou afrouxando os arrebites e entrando água na embarcação.

- Capacidade de carga.

É aqui q vc sabe se o barco é resistente ou não. Compare a capacidade de carga dos barcos q vc tem em mente...Repare q normalmente os com maior capacidade são justamente os q possuem chapas mais reforçadas.

- Tipo de bico.

Outro ítem muito discutido aqui no fórum. Procure q vc encontrará muita coisa a respeito.

Resumidamente...(tb não é regra).

Bico Fino = corta mais água, sendo melhor em marolas, porém menos estável.

Semi-quilhado = misto de fino e chato. É o preferido atualmente.

Chato = mais estável, porém ruim em águas maroladas.

Exemplo de uso....Vamos supor q vc está navegando num barco cara chato, as marolas estão muito altas...Caso a marola esteja mais alta q frente do barco, ela pode passar por cima dela e o barco vir a naufragar. Com um barco de bico fino é bem provável q ele corte a onda...entendeu??!

Obs: lembre-se de navegar sempre com segurança, pois dependendo da condição climática (vento e marola) até o Titanic nafragaria.

- Soldado ou Rebitado.

Já ouvi muita conversa a respeito. Uns preferem o soldado, já q a resistência aumenta, e dificilmente entrará água. Ocorre q o barco fica um pouco mais pesado e o custo aumenta, é claro.

Já o rebitado é mais leve e barato. Hj os bons barcos rebitados dificilmente entram água.

A escolha de um tipo ou de outro tb recai sobre o tipo de trabalho q o barco irá desempenhar (trabalho mais pesado ou light...hehee)...o soldado aguenta mais o tranco.

Bem....é isso...ainda existe muito assunto a ser abordado antes de escolher uma embarcação...Espero q as dicas acima tenham servido para ajudá-lo nessa escolha.

arrow:: A escolha do Motor de Popa: (pequenos e médios)

Peso, partida, potência, quantidade de cilindros, tipo de combustão, injeção, e etc...tudo faz dirença na hora da compra.

Não irei me aprofundar muito em cada ítem desse acima pq o tópico já está gigantesco....mas tente, ou melhor, use sempre um motor compatível para a sua embarcação. Jamais sobrecarrege o espelho de popa (local onde motor é fixado) do seu barco.

- Potência.

Tente adquirir o maior motor recomendado para a sua embarcação.

Nós sempre queremos andar mais e mais rápido, então, compre logo a maior potência recomendada e seja feliz...Se não quiser acelerar tanto melhor ainda...assim vc economiza combustível e fica com potência de sobra para uma necessidade.

Andar com a aceleração em torno de 80% da máxima economiza muitttooooo combustível.

- Tipo de Combustão.

Aff...assunto para mais de mês de discussão..hehehee...

Basicamente os motores 2T ainda são os mais utilizados no Brasil.

Hj os motores 2T estão mais e mais tecnológicos, poluindo menos e consumindo quase igual um 4T, porém, são mais leves e rápidos (isso não é uma regra).

Os 4T chegaram com força lá pelos anos 1999 / 2000, porém, continuam muito caros e relativamente pesados. São muito mais silenciosos e fáceis de lidar, já q usam óleo no cárter, e não no combustível. Poluem muito pouco e são bem econômicos.

Exitem ainda os 2T com injeção "eletrônica" de combustível, conforme veremos abaixo.

- Tipo de Injeção de Combustível.

Existem os motores carburados (2T ou 4T), e ainda existem os 2T injetados.

No caso desses novos motores injetados, o óleo 2T não é misturado diretamente na gasolina. Existe um reservatório próprio, debaixo do capacete do motor, onde o óleo fica armazenado, e, dependendo da situação, o motor exige mais ou menos óleo 2T a ser misturado. A mistura padrão de 1:40 para a grande maioria dos motores 2T, normalmente nesses motores "injetados" passam para 1:100 (1 litro de óleo 2T para cada 100 litros de gasolina).

Quando acaba o óleo 2T dentro desse reservatório uma luz acende no painel para avisar o piloto.

Atenção apenas para não investir em um motor tecnológico e caro (33% em relação a um carburado de mesma cilindrada), sendo q vc irá utilizá-lo muito pouco.

Apenas a título de conhecimento, observe os cálculos q fiz aqui com uma diferença de valor (R$ 4.000,00) entre um motor 60Hp carburado, e outro 60Hp injetado:

Se vc pesca/navega 1 ou 2 vezes por mês acredito q vc, com essa diferença de valor, navegue por um bom período...(e muitos não chegam a pescar nem isso). suici::

Mas vamos supôr...Ok?!?!

Olha só:

1 vez por mês = 2 anos (60 horas por ano)

1 vez e meia por mês = 1 ano e meio (90 horas por ano)

2 vezes por mês = 1 ano (120 horas por ano)

* Considerei 5h de navegação em cada pescaria.

- Peso.

Resumidamente.....motores acima de 50hp (+ ou - 60kg - 70Kg) devem ficar presos na embarcação. Imagina carregar um motor desses fora do barco?!?! bomba2

Devem ter partida elétrica. Imagina puxar uma cordinha e fazer rodar um motor com 800cc...hehehee.... suici::

Devem ter Power Trim, q é um "macaco" hidráulico q levanda e abaixa a rabeta do motor. Imagina levantar um motor desse peso na mão?!? raivinha::

Por isso a grande maioria dos motores, de 40Hp pra cima, virem de fábrica com Power Trim.

tenho um 40hp yamaha e nao tem trim... como consigo um para instalar nele e nao ficar caro porem pratico...

Continua....

tenho um 40hp yamaha e nao tem trim... como consigo um para instalar nele e nao ficar caro porem pratico...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

rindo2:: já que ressucitaram o post, vamos dar uns pitacos também...

primeiramente sem puxassaquismo... o post ficou com informações muito valiosas, realmente dá pra os mais incautos se localizarem aplauso::

então, qdo comprei meu primeiro barco, eu já havia experimentado alguns modelos, mas sempre borda alta, os únicos borda baixa que experimentei foram um campineiro daqueles usados por pescadores profissionais que bescam só no remo, o casco deslisa que é uma maravilha, e o outro foi um chato... assim eu adquiri um marajó 5 mts borda média... rapazzzzzzzzzz danca:: estava eu feliz e contente com minha "canoa", que adquiri para brincar somente em lagoas e represas com as crianças e aproveitar pra dar uma pescadinha, até que um dia, com lotação máxima 3 adultos e 2 crianças, mais uma boa carga de peso o barco quase fez água, isso pq o dia estava explendido e a água um espelho, qdo dei por mim tinha menos de dois dedos da água em determinada linha da estrutura. Pra minha sorte eu tinha 2 sujeitos no meu pé querendo o barco de todo jeito e eu fazendo doce pois estava muito satisfeito com o barco. mas nunca tinha saído com todo aquele peso, qdo ví aquilo pra mim acabou, o meu principal objetivo havia sido pra brincar com as crianças, aí já era.... vendi na mesma semana.

que "lição" quero passar aos caros amigos do forum, precisamos trocar idéia com os amigos :amigo: mesmo e a todo momento decisivo em nossas vidas.

foi muito dinheiro, pois eu havia feito tudo sertinho, com registro da documentação e aí vc perde a que tinha e tem que gastar na da nova embarcação, vai muito dinheiro.

tem outros lances como já abordados, troca o barco ou o motor fica pequeno/fraco ou forte/pesado. se o barco novo for muito grande a carreta pode não ser mais a mais adequada, ou pelo tamanho, ou pela altura/largura, ou porque o material do chassis vai ceder/empenar trincar as soldas e um monte de situações inusitadas.

um amigo meu, veio todo contente mostrar pra mim que havia trocado o conjunto, ele só pesca em represa, nossa região não tem muito cavaleiro [ondas] o barco dele era borda alta mas de 4,60 mts, mas era muito robusto, largo, tinha 1,60, todo em chapa 2 mm, barco explendido, com bancos largos e altos, show de bola e ele achava perigoso por conta do comprimento... acabou trocando por um pantanaltica de borda alta de 6 mts, bom barco tb, mas com casco de chapa de 1,5 mm, a borda com 52 contra o dele que era de 65. doeu:: não para por aí, o dele já estava registrado no nome dele, ou seja, mais um registro pra ele fazer, e mais a enxição de saco de ter de ficar no pé do comprador para transferir o seu para o nome dele, pois a responsabilidade perante a marinha continua sendo tua!!! ele fez a grande besteira de trocar a carreta junto, pois ele achou a outra mais maneira em relação a peso..... que tiro no pé!!! suici:: a carreta dele era muito mais robusta, larga e com as lanternas elevadiças para não molhar os contatos, só merda no negócio..... isso sem falar que tem a documentação da carreta pra fazer, qdo eu o lembrei destes detalhes o camarada empalideceu na hora... morto::

nada nada quase milão pro saco com doctos.

não acabou, o motor dele, um 15 hp, ficou miudinho... não preciso nem falar né??? surtei::

vale a premiça: macaco que muito pula.....

logo tomemos cuidado com o entusiasmo.... entusiasmo com tralha, eletronicos, veículos e acessórios...

eu mesmo vendi o barco, aí fui atras de um com borda extra, adquiri um com borda 72, largura de 1,65 em chapa 2mm, 6mts, como estava encomendando, tirei um banco e pus mais um viveiro, isso ficou show, assim acaba aquela farra de "ou pega um lambari pra mim... e vc perde sua fisgada".

Claro que eu estava consciente do que estava fazendo, mesmo assim o motor ficou um motorzinho, a carreta não tive problemas pois a minha já era uma carreta para 6 mts que qdo comprei já comprei pensando que um dia podia adquirir um barco maior.... mas o carro tb não ficou do meu gosto, pois o barco ficou muito grande e pesado, aí pra andar por perto tava sussa danca:: , mas pra pegar estrada ficou parecendo que arrastava o titanic sem tirar a água de dentro... Conada e olhe que o meu carro na época era um 1.8 gasolina, mas com o titanic acoplado parecia um 1.0, sem reação para retomadas e ultrapassagens, mudou não só o peso como a aerodinâmica, o barquinho se escondia atras do carro, já o barcão tomou outro volume, dava pra rodar tranquilo, mas eu gosto de ter um gole a mais no pedal pra não passar apuros, segurança em primeiro, sempre. Acabei trocando por um "caminhão"... que já paquerava... :gorfei:

então galera, a coisa vai longe... longe um tantão, não pense que é como diz o mineiro: é um tirinho, logo ali... véioooo o trem vai longe!!! rindo3::

alie tudo isso a, e espera-se seja assim.... A DONA PATROA TEM QUE CONCORDAR COM TUDO mau:: joia::: Naonao::

a minha graças ao Bom Deus é tão companheira nessas horas que minha carreta foi ela quem achou um excelente negócio, e o problema do carro.... bem ela deu conta tb, me ajudou a achar a net e até deu uma força no dim dim. danca:: aaaahhhhh aíííííí e só ::fisherman .

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Tenho um motor 40hp sem trim.... como consigo um para instalar se meu veio sem, de fábrica....?

Ademir, nas concessionárias tem um trim para adaptar aos moteres que não saem de fábrica, é só vc procurar na sua região em um revendedor da marca do seu motor. ::tudo::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Aos expert no assunto estou me preparando para fazer upgrade na barqueta tenho olhado bastante a malibu 16 devido ao uso misto com 75 Mercury 4 t devido aos seus 1732 cilindradas pretendo pescar uma vez por mês na serra da mesa rodando entre 80 e 100 km por pescaria o detalhe mais intrigante e o carro estou a comprar um ecoespot 2.0 4wd será que consegue colocar e tirar da água e subir ladeira?

peso do barco 260 quilos

motor 181 quilos

mais carreta

carro ecoesport 2.0 4wd 16v

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Aos expert no assunto estou me preparando para fazer upgrade na barqueta tenho olhado bastante a malibu 16 devido ao uso misto com 75 Mercury 4 t devido aos seus 1732 cilindradas pretendo pescar uma vez por mês na serra da mesa rodando entre 80 e 100 km por pescaria o detalhe mais intrigante e o carro estou a comprar um ecoespot 2.0 4wd será que consegue colocar e tirar da água e subir ladeira?

peso do barco 260 quilos

motor 181 quilos

mais carreta

carro ecoesport 2.0 4wd 16v

Por que não vai de 90 4t ? é o mesmo peso e a diferença de preço é irrelevante !!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Aos expert no assunto estou me preparando para fazer upgrade na barqueta tenho olhado bastante a malibu 16 devido ao uso misto com 75 Mercury 4 t devido aos seus 1732 cilindradas pretendo pescar uma vez por mês na serra da mesa rodando entre 80 e 100 km por pescaria o detalhe mais intrigante e o carro estou a comprar um ecoespot 2.0 4wd será que consegue colocar e tirar da água e subir ladeira?

peso do barco 260 quilos

motor 181 quilos

mais carreta

carro ecoesport 2.0 4wd 16v

Por que não vai de 90 4t ? é o mesmo peso e a diferença de preço é irrelevante !!!

tem algum amigo que tem uma malibu com um 90 4t ou 75 para saber como e o comportamento

valeu abraços !!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olá amigos, nos próximos dias realizarei um grande sonho, possuir um conjunto pra pesca, as dúvidas parece não acabar, quando acho que decidi, la vem elas (dúvidas mais uma vez), já estou certo do conjunto pra pesca em represa do interior paulista e rio Paraná em SP, barco Maresias de 6 mts BA, Mercury Sea pro, e reboque, porém, vou ter que fazer uma reforma na minha garagem pra guardar o conjunto, mas isso ñ é problema, pois penso mto no conforto e segurança quando estiver na água, tbm tem o problema de puxar o conjunto, o carro é um Gol G5 1.0 e puxar o conunto 3x por ano + ou - 700km.....será que da conta.......nessa hora penso num conjuntinho de barco 5 mts, motorzinho Mercury 15 super, bem equipado, c/ motor eletrico, cadeiras, etc....vamos pescar sempre em 3 pescadores, em forma hehehe (80 Kg). Preciso das dicas do amigos, Obrigado.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Bom dia amigo,

Bom saber que mais um, dentre tantos que existem (inclusive eu) realizará o sonho de ter seu próprio conjunto de pesca. Tenho 1/3 do conjunto só, o Sea Pro 25HP. Ótimo motor, econômico e potente, 2 características essenciais, eu acredito.

Bem, quanto às suas dúvidas, acredito que o seu Gol 1.0 é capaz sim de puxar o conjunto que pretende, ainda mais se der um jeito de carregar o motor la na popa do barco, isso reduziria o peso da traseira do carro (caso pretende-se transportar o motor no porta malas) facilitando a tração do mesmo, que é nas rodas da frente.

Quanto ao tamanho do barco, 5 metros pra pescar em 3, mesmo apoitado, vai passar raiva, com certeza vai faltar espaço e o conjunto não vai render, muito peso pra pouco espaço, perda de rendimento com certeza.

Vai de 6 metros e Sea Pro, qualquer coisa depois você troca o carro. Rs....

Bem, essa é minha opinião.

Abraços.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olá amigos, nos próximos dias realizarei um grande sonho, possuir um conjunto pra pesca, as dúvidas parece não acabar, quando acho que decidi, la vem elas (dúvidas mais uma vez), já estou certo do conjunto pra pesca em represa do interior paulista e rio Paraná em SP, barco Maresias de 6 mts BA, Mercury Sea pro, e reboque, porém, vou ter que fazer uma reforma na minha garagem pra guardar o conjunto, mas isso ñ é problema, pois penso mto no conforto e segurança quando estiver na água, tbm tem o problema de puxar o conjunto, o carro é um Gol G5 1.0 e puxar o conunto 3x por ano + ou - 700km.....será que da conta.......nessa hora penso num conjuntinho de barco 5 mts, motorzinho Mercury 15 super, bem equipado, c/ motor eletrico, cadeiras, etc....vamos pescar sempre em 3 pescadores, em forma hehehe (80 Kg). Preciso das dicas do amigos, Obrigado.

primeiramente parabéns pela aquisição!

olhe se vc vai viajar tão pouco o carro não será problema, a questão é que vc não terá potência para ultrapassagens, será uma viagem mais tensa. Eu tinha um santana 1.8 e qdo aumentei o conjunto de 5 mts pra 6 mts com toda carga que carregamos o carro ficou parecendo um 1.3, como meu uso não é tão esporádico qto o seu eu troquei o carro, não gosto de não ter pedal em ultrapassagens cada um viaja de um jeito. qto a embarcar e desembarcar, caso sua carreta não tenha instale uma roda maluca na frente com pneu de carriola dos grandes, assim vc pode entrar com a carreta na água e deixar o carro no piso mais firme e puxar com uma corda a carreta pra fora da água, o carro dá conta dessa maneira, tipo a rampa muito enclinada, deixa o carro no plano e com uma corda arraste a carreta, simples assim, e qto a transportar o motor na popa do barco o seu carro vai perder ainda mais aderencia, se puder leve o motor no porta malas e coloque a carga do porta malas no barco o que for mais pesado fica na mala do carro se colocar no barco vai virar um efeito ancora e o carro patina. Patinou as vezes apenas um pouco de presão no paralamas dianteiro resolve, um parceiro senta ali e o carro traciona, cuidado com a aceleração é claro.

Na minha modesta opnião ou vc compra o de 6 mts mesmo ou compra um bom motor e deixa pra alugar um barco onde for pescar, veja 700 km puxando carretinha é um porre eim?!?! e tb tem o seguinte, vc não empata o valor no equipamento, se vc usa-se ele a cada 60dias ao menos até valeria a pena, mas pra fazer 3 pescaria no ano, vai tomar espaço, vc empata o dinheiro.... é claro que é um tesão ter o equipamento próprio, arrumar tudo do seu jeito e ter tudo a mão, mas pense se realmente vai valer a pena. Precisando tenho material para venda. http://www.barcosecia.com

abraço

Pascuoti

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Srs. Boa Tarde,

Exelente descrição tópico muito proveitoso para quem esta querendo uma nova embarcação.

Mas como saber a procedencia e a qualidade de algumas marcas?

Alguem poderia me ajudar?

Estou vendo modelos da Alumibarcos Tapajos 600xls e Chata600xls.

Alguem conhece, poderiam me dar recomendações?

Abraço.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Bom dia!!

Ótimo tópico!! Muito esclarecedor e me ajudou muito!

Agora, gostaria de compartilhar minhas dúvidas e se possível, receber algumas sugestões e dicas dos amigos mais experientes para a compra da minha primeira embarcação!! ::bassboat::

Pesco tucunaré com isca artificial, geralmente com mais 2 amigos....então são 3 pescadores em um barco.

Tenho um motor Yamaha 15 HP....o básico....

Estou com duas opções de barcos:

1-Um barco de 6 metros de bico fino, tipo Squalus, que seria melhor para cortar as marolas....e que seria um barco com mais espaço para os pescadores.

2-Um barco de 5,5 metros, semi-chato/semi quilhado, que ganharia em estabilidade para a pesca com artificial....mas perderia espaço.

Dúvidas:

1- Alguém que tenha um barco de 5,5 poderia relatar se realmente faz diferença esses 50 cm de diferença na pescaria??? Fica pequeno para 3 pessoas na pesca com artificial??

2-Será que haverá diferença significativa no desempenho do meu motor 15 HP (quinzinho HP) em relação as embarcações??

Sei que o ideal seria um 25HP, mas por agora num dá pra trocar....e motor 25 HP é um mostro pra carregar...

3-Como eu vou mandar fazer o barco do meu jeito, to pensando em colocar uma plataforma na proa até onde seria o primeiro banco....ai o barco ficaria apenas com a plataforma, um banco no meio e o banco do piloto na popa. Alguém tem alguma sugestão ou dica em relação a isso??? O que acham??

Bom, tenho outras dúvidas, mas pra começar essas são as principais! joia:::

Desde já, agradeço a todos que puderam gastar um tempo e me ajudar!!

Obrigado!!

Renato

Rio Preto-SP

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olá, se está certo ou não, não sei, Mas quando vou guardar o barco, coloco o tanque na vertical (meu barco é de pobre, não é o avião do Camargos&filhos) e deixo esgotar tudo, ou seja, nem na mangueira fica combustível. Até agora nunca me deu problemas. Faço isso pq imagino que sempre fica alguma coisa na mangueira, se não for esgotada, e aí poderá criar borra/geleca/meleca e ir para o carburador quando do próximo uso.

Outra forma, para não colocar o tanque em pé, é desligar a mangueira NO TANQUE, apenas, e usando uma ferramenta que tenha cabo de borracha/plástico, deixar o motor funcionando e apertar aquela peça que fica no centro (dentro) do engate da mangueira.

Ab,

TBA

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olá, se está certo ou não, não sei, Mas quando vou guardar o barco, coloco o tanque na vertical (meu barco é de pobre, não é o avião do Camargos&filhos) e deixo esgotar tudo, ou seja, nem na mangueira fica combustível. Até agora nunca me deu problemas. Faço isso pq imagino que sempre fica alguma coisa na mangueira, se não for esgotada, e aí poderá criar borra/geleca/meleca e ir para o carburador quando do próximo uso.

Outra forma, para não colocar o tanque em pé, é desligar a mangueira NO TANQUE, apenas, e usando uma ferramenta que tenha cabo de borracha/plástico, deixar o motor funcionando e apertar aquela peça que fica no centro (dentro) do engate da mangueira.

Ab,

TBA

Ótimas dicas Braun....fizemos muito isso.

Realmente ajuda...mas ainda assim fica gasolina no copinho do carburador...

Quando usávamos o Sea Pro...e fazermos este procedimento descrito por vc, ao chegar em casa o pai ainda esgotava no carburador o resíduo de gasolina... joia:::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Uma coisa importante a ser destacada por experiência própria e de ter muita atenção ao comprar a carreta para transporte da embarcação.

 

Ocorre que eu comprei um botinho de 6,5 metros de comprimento com um 40 HP que veio sem a carreta, devido a escassez de fabricantes de carretinhas em manaus acabei comprando de um fabricante que não tinha autorização para fazer o emplacamento da mesma, ficando apenas com a nota fiscal referente a compra da carreta, ate então tudo ok pois pensei que qualquer despachante faria o serviço de emplacamento da bicha, mas engano meu, o processo é bem mais complexo do que imaginei.

 

Hoje estou tendo o maior trabalho para conseguir emplacar e marcar o chassis dessa carreta e correndo contra o tempo pois estamos a menos de 1 mês do início da temporada e vou fazer pescarias com o bote que passam por barreiras federais.

 

Fica a dica galera, quando for comprar um bote, fiquem atento para o emplacamento da carreta.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Fabrício,

 

Show o tópico!

Muito útil para quem assim como eu está adquirindo o primeiro conjunto.

Estou "namorando" um semi-chato de 5 ou 5,5 metros, com um mercury 15 HP.

Ficaria um conjunto bom?

Pra mim que pesco em rios, represas, lagoas ambos de água doce.

 

Agradeço a atenção.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O tópico foi muito esclarecedor, acredito que para comprarmos um bom material precisamos saber das nossas intenções.

 

Eu adquiri recentemente um Mercury Super 15 (Tohatsu 18). Pretendo compra agora uma semi-chata de 5 metros para pescar sentado, talvez em algumas situações em pé (uso de isca).

 

Estou super satisfeito com o meu conjunto, pois ele vai me proporcionar boas pescas. Se eu fosse pescar em grandes rios e com muita correnteza eu compraria o 25 (Seapro) + semi-chata de 6 metros...

 

Boa pesca a todos!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ai moçada topico excelente! Estou neste momento comprando meu primeiro barco. Pesquei recentemente na pousada kojak no lago do peixe em um Metalforte de 5,5 m com largura de 1,6 m com motor mercure de 40hp. como meu peso é relativamente grande o comportamento do barco mesmo em marolas foi espetacular. Estou quase definido neste conjunto. Abraços.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ai moçada topico excelente! Estou neste momento comprando meu primeiro barco. Pesquei recentemente na pousadaarrow-10x10.png kojak no lago do peixe em um Metalforte de 5,5 m com largura de 1,6 m com motor mercure de 40hp. como meu peso é relativamente grande o comportamento do barco mesmo em marolas foi espetacular. Estou quase definido neste conjunto. Abraços.

 

 

Olá, Marcelo. Boa tarde!

 

Tudo bem?

 

Você já viu a FlashBass? Ela também possui 1.60 m de boca.

 

Como você é de Goiânia é melhor ainda, podemos fazer um teste drive pois temos uma represa dentro de nossa empresa, assim você pode ver coisas como estabilidade e o comportamento do barco na água.

 

Outra coisa é que a FlashBass continua em promoção, deixo esse convite aqui para fazer uma visita a Calaça Náutica, vai gostar muito!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

×