Ir para conteúdo

O FTB foi atualizado e otimizado.

Antes, para visualizar todas as nossas salas, era preciso descer a barra de rolagem por muito tempo. Isto dificultava a nossa vida, principalmente a dos novos usuários, que não encontravam as salas/assuntos de interesse.

Agora as salas foram transformadas em "sub salas" e incluídas em grandes fóruns.

Esperamos que tenham gostado. :amigo:

Carlos Fonseca

Dúvidas na compra de meu primeiro Bassboat (Usado)

Posts Recomendados

Boa noite companheiros, estou para fechar negócio em meu primeiro bass boat nesta quinta feira e tenho algumas dúvidas sobre isso pois a mesma é usada.

Primeiro o que devo olhar para saber se a lancha está em bom estado? Quais pontos são os mais importantes para me precaver de algum dano na embarcação?

Segundo, quais documentos preciso pedir ao antigo proprietário e como devemos proceder? Tem algum documento de compra e venda que deverá ser assinado em cartório para reconhecer firma das assinaturas como nos carros( sei que isso deverá ser feito na carreta, mas e na embarcação?)? Não tenho a menor idéia do processo.

Por favor me ajudem nesta "díficil"  seila::  seila::  tarefa de comprar meu tão sonhado primeiro bass!!! Obrigado amigos e abraços a todos.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Quanto a documentação o proprietário deve ter em mãos o recibo da embarcação que é igual o recibo do carro,ele e vc vão no cartório reconhecem firma e ai vc leva em um despachante náutico para transferência de titularidade........quanto ao barco em si tem muitas coisas a serem analizadas e vou deixar pro pessoal ai fo fórum te ajudar...boa sorte

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Quanto a documentação o proprietário deve ter em mãos o recibo da embarcação que é igual o recibo do carro,ele e vc vão no cartório reconhecem firma e ai vc leva em um despachante náutico para transferência de titularidade........quanto ao barco em si tem muitas coisas a serem analizadas e vou deixar pro pessoal ai fo fórum te ajudar...boa sorte

Agradeço a ajuda Algacir. Vou aguardar o pessoal me ajudar. Abraço.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Fica mais fácil se voce der algumas informações sobre o bass boat que voce vai adquirir, ano, modelo, marca, valor, etc. ai nós lhe daremos as nossa opiniões a respeito.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Boa noite, Carlos...

 

Vamos lá...deixa eu ver se consigo te ajudar.

Esta semana eu já ajudei um amigo com estas mesmas dúvidas e acredito q esta seja a dúvida de outros amigos tb.

 

Quanto ao conjunto:

arrow:: Motor de Popa

Horas de uso, revisões, estado de conservação geral (estado do leme, hélice, capacete, cavalete, direção hidráulica/cabo), tudo isso deve ser muito bem observado.

Um dos exemplos:

Se vc ver uma hélice de inox amassada, fuja da compra...pois o inox é tão duro q na hora q hélice deu a porrada no fundo, tôco ou sei lá o q, a energia do impacto foi transferida para as engrenagens internas da rabeta (q são mais "macias"). Lá dentro existem 3 engrenagens, sendo q cada uma delas custa uns 3 mil reais...hehee...ou seja, se elas não foram trocadas logo após a porrada, certamente podem estar trincadas e virem a quebrar na mão do novo dono.

 

Se o motor é 2T injetado ou 4T (com computador de bordo) vc conseguirá extrair todas as informações de uso dele. Peça um diagnóstico para comprovar o real uso do motor.

Se for um motor muito usado, aí só mecânico especializado pra te dar uma opinião mais acertada do motor.

 

- Exija a Nota Fiscal do Motor. Observe se a nota foi emitida da loja (pessoa jurídica) para pessoa física, pois só assim foi recolhido o devido imposto. Tem muita gente comprando motor como se Pessoa Jurídica fosse (de PJ pra PJ) e não declarando o imposto devido...um dia alguém irá pagar este imposto pra Dilma...Fuja dessa lista.

- Para transferir o motor basta a Nota Fiscal do proprietário e o RECIBO DE COMPRA E VENDA devidamente assinado e autenticado.

 

 

arrow:: Casco

Observe trincas, bolhas na pintura e o espelho de popa. A fibra, quando bem aplicada, chega a ser 10x mais dura q o aço, caso vc veja algum trincado na estrutura do barco, MUITA ATENÇÃO...ele provavelmente levou uma porrada muito forte.

Pintura esbranquiçada. Observe se a pintura não fica esbranquiçada no frio. Sim, a transparência do verniz / gel dá lugar a um branco opaco quando submetido ao frio. Isso é sinal de gel de baixa qualidade ou aplicação inadequada. Cuidado com barcos feitos entre 2011 e 2013. Teve uma grande leva de uma determinada marca q apresentou este problema, que é apenas estético, mas não deixa de incomodar.

Passe a mão por todas as linhas onde há mudança de cor no barco. Tudo deve ser liso (vc passa mão e não sente desnível algum). Caso vc passe a mão num filete e sinta a borda dele, é quase certeza q aquela cor foi aplicada depois do barco já pronto. 

 

Cascos registrados tem documento igual carro. Exija este documento devidamente autenticado em cartório. Apenas com ele vc dará entrada no seu registro.

- Exija o documento de registro do barco;

- Exija ainda a nota fiscal de compra;

- Exija o laudo do engenheiro informando os detalhes de construção do barco, bem como o motor suportado, número de tripulantes, passageiros e etc.

 

arrow:: Acessórios e instalação

Muitos não dão valor a isto, mas na maioria dos casos os acessórios são mais caros que o casco em si.

Motor elétrico, jack plate, bombas de porão, relógios do motor, direção hidráulica, luzes, cabos, fiação, timer, bomba do viveiro, tudo, simplesmente confira tudo. É nesta hora q vc vê o capricho do dono do barco. 

Abaixe sob o cockpit...se tudo estiver muito bem amarrado e organizado, é certo q o dono é cuidadoso. Se tudo estiver uma zona, saiba que o correto é vc mandar arrancar tudo e instalar tudo novamente. O q não faltam são histórias de fiação pegando fogo por aí.

 

arrow:: Carreta

Atenção para a estrutura da carreta. A maioria do Brasil produz carretas em fundo de quintal. O cara "arruma" nota fiscal fake e constrói qualquer coisa. Instala cubos e rolamentos usados, pneus recauchutados e por aí vai. Fuja destas carretas. Naonao::

Investimos "suor e muito trabalho" em nosso barcos e ele merece uma carreta a altura.

Cheque os pontos de solda, verifique se a carreta entrou em água salgada, e verifique se ela é compatível para o peso do barco.

Os pneus devem ser sempre 8 lonas e novos.

Os rolamentos deve estar sempre sem folgas e engraxados.

A iluminação precisa estar em ordem.

 

- Exija o DUT preenchido em seu nome e uma certidão de quitação de débitos junto ao Detran de onde ela foi emplacada.

 

Bem, é isso.

Pode parecer frescura...mas não é.

Quem quer fugir de ter dor de cabeça e quer realmente um barco para o próprio uso, isso, e muito mais, deve ser observado.  ::tudo::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Fabricio muito obrigado de verdade pela ajuda, faz pelo menos 5 anos que tenho esse desejo de possuir um bass boat e a pelo menos 2 anos acompanho diariamente o forum na sessão bass boat em busca de dicas e também dos classificados. Eu estava no escuro do que deveria verificar no barco. Assim que eu tiver a oportunidade, e claro, se tudo estiver certo com o a máquina, postarei as fotos na no forum. Agradeço novamente a ajuda. Abraço.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
15 horas atrás, Vinicius Lemes disse:

Bom dia galera,

Gostaria de tirar uma duvida, quem ja passou com o motor em cima de uma rede em alta velocidade, sabe me dizer qual a diferença entre a helice de inox para a helice de aluminio nessa hora ?

Vinícius.....eu nunca passei e nunca tive notícias de amigos que passaram por essa situação. Acredito q não deva ser nada bom...rsrs...Certamente irá estourar toda a rede que irá enrolar em toda a hélice até apagar o motor.

Se irá danificar a hélice?!?! Acho q vários fatores poderão influenciar (espessura das bóias, linha, e etc)...

Se alumínio ou inox?!?! Não sei se fará muita diferença...O alumínio é mais macio...mas não sei se a rede enrolada conseguirá quebrar a hélice....mas vamos aguardar pra ver se alguém passou isso...legal::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Tu vai precisar de um recibo de compra e venda do motor que esta anexo na embarcação também para fazer a transferência, reconhecido firma por verdadeiro de ambas as partes. 

Procure marcas de chaves no motor. 

Leva em um mecânico de confiança, pede pra medir compressão também.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.

Processando...

×
×
  • Criar Novo...