Ir para conteúdo
Pepe Melega

Sobre trocas anzóis e garatéias

Posts Recomendados

Bom - vou deixar claro que é a minha opinião. Iscas artificiais nascem pela curiosidade de pescadores, foi assim com Lauri Rapala e muitos outros, ou seja ao observar o que acontece na natureza procuram fazer algo que imite o que viram para despertar atenção do predador desejado.  Obviamente que no mundo há evolução em tudo, na pesca não seria diferente, e hoje há projetistas com recursos tecnológicos a disposição para suas ideias em CAD, etc. Ou seja se pode fazer muitas simulações antes mesmo de ter o primeiro protótipo em mãos, depois disso há testes e mais testes realizados para se concluir que estamos reproduzindo a ação desejada - aquela que foi vivenciada junto ao ambiente natural que levou a criar mais um apetrecho para iludir nosso alvo (o peixe). Obvio que os projetos são baseados em especies de peixes e situações diversas e muitas vezes desejamos que esse modelo sirva para um especie que pescamos com mais frequência, é nesse momento que temos que compreender o que queremos de uma isca !

Se você gostou do nado (trabalho) da isca originalmente, mas essa não tem garatéias resistentes suficiente para o peixe que deseja iludir sua alternativa é troca-las. Mas você quer o mesmo trabalho, como a original o faz ! Trabalhe para isso, retire as garatéias originais com os split rings e pese, com a informação de quanto cada uma pesa e também do conjunto - vá atrás de um conjunto o mais semelhante possível e digo que é possível acha-lo e que será mais resistente. Não faça o inverso pegando a garatéias que você sabe que são resistentes e substitua as existente - isso vai desequilibrar o trabalho da isca que o agradou. Pesquise, tente, experimente esse é o encanto de nosso lazer também. A distração antes da pescaria !

IMG_7231.jpg.ac0793541a81c20d1b87a53b0e406be2.jpg

Não achou as garatéias + split rings adequados, por que não tentar com anzóis adequados (tipo in line) elas são fortes, muitas vezes bem mais fortes do que garatéias - você pode não acreditar, mas eles são ! E isso tem a ver com o processo de confecção para te entregar anzóis e garatéias. Podem abrir, podem ! Por mais forte que sejam, podem ! Basta não entrar o suficiente, que é até a curva do anzol ou de uma perna da garatéia. A alavanca que fica numa penetração superficial é maior, e a pequena parte que entrou é a parte de menor resistência. Menor resistência + Alavanca maior = Desastre: quebra ou abre e o peixe se vai !

" Lembre-se sempre de uma regra importante: Iscas menores são muito mais difíceis de se ajustar do que iscas maiores, pois normalmente estão mais no limite de suas estruturas " Odeio regras, mas essa é bem real !

 

Tudo bem ser criativo ! Sim,  você acredita que a isca x com trabalho mais lento ou que afunde um pouco ou muito mais que a original é melhor para a sua forma de pescar, bárbaro. Troque as garatéias por outras maiores e ou mais pesadas, experimente com anzóis, pinte e borde até fazer da forma que você acha adequado para ti. Essa é a magia de nosso hobbie, de nosso lazer.  Só não estrague isso querendo impor verdades que são reais para sua forma de pescar, pois a forma de outros pode e normalmente é diferente da sua. Compartilhe a sua forma, isso é melhor e ajuda outros a descobrir o melhor caminho para eles.

 

Abraços

 

 

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Muito bom explicação! Estou indo a primeira vez para barcelos, e como já sou fã da Bonnie 95 (e quem não é?), estou levando comigo a Bonnie 128. Troquei as garateias por VMC #4 6X 8527 (BN) + Split Rings CCM 130lbs com trava, ela afunda bem mais, não faz mais aquele trabalho "cabeça para cima", pode até ser o jeito que eu trabalho ela. 

Com isso, decidi mudar levar 2 com garateias e 2 com anzoios Owner. a diferença do conjunto deu dois gramas no máximo, mas mesmo assim, já percebi um nado melhor (pode ser placebo rsrsrs)

Vamos ver a fisgada, isso não testei ainda! e torcer pro negro baixar logo.. semana que vem estou embarcando! rss

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
6 horas atrás, Jorel disse:

E fazer isso pode desequilibrar a isca?

Brincadeirinha😁

20180926_190643.jpg.7830f2fb025ec2002d2328647671dd30.jpg

 

20180926_190540.jpg

"Tudo bem ser criativo ! Sim,  você acredita que a isca x com trabalho mais lento ou que afunde um pouco ou muito mais que a original é melhor para a sua forma de pescar, bárbaro." Como dito no texto original, ser criativo é sua praia - ótimo. A ideia é legal e me agrada muito, tanto quem em 1998 foi lançada uma isca semelhante no Brasil que o principio era o mesmo. Bastante flutuação para popar várias vezes seguidas e um boca em forma de barbela para poder afundar e nadar como meia água.  Existe até hoje, chama-se  Super Popper. Também há a MR 44 da MirroLure com o mesmo principio.  Abs

IMG_7233.jpg.df7d9af79dc24b310545b3e9ce6535f4.jpg

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
7 horas atrás, Pepe Melega disse:

Bom - vou deixar claro que é a minha opinião. Iscas artificiais nascem pela curiosidade de pescadores, foi assim com Lauri Rapala e muitos outros, ou seja ao observar o que acontece na natureza procuram fazer algo que imite o que viram para despertar atenção do predador desejado.  Obviamente que no mundo há evolução em tudo, na pesca não seria diferente, e hoje há projetistas com recursos tecnológicos a disposição para suas ideias em CAD, etc. Ou seja se pode fazer muitas simulações antes mesmo de ter o primeiro protótipo em mãos, depois disso há testes e mais testes realizados para se concluir que estamos reproduzindo a ação desejada - aquela que foi vivenciada junto ao ambiente natural que levou a criar mais um apetrecho para iludir nosso alvo (o peixe). Obvio que os projetos são baseados em especies de peixes e situações diversas e muitas vezes desejamos que esse modelo sirva para um especie que pescamos com mais frequência, é nesse momento que temos que compreender o que queremos de uma isca !

Se você gostou do nado (trabalho) da isca originalmente, mas essa não tem garatéias resistentes suficiente para o peixe que deseja iludir sua alternativa é troca-las. Mas você quer o mesmo trabalho, como a original o faz ! Trabalhe para isso, retire as garatéias originais com os split rings e pese, com a informação de quanto cada uma pesa e também do conjunto - vá atrás de um conjunto o mais semelhante possível e digo que é possível acha-lo e que será mais resistente. Não faça o inverso pegando a garatéias que você sabe que são resistentes e substitua as existente - isso vai desequilibrar o trabalho da isca que o agradou. Pesquise, tente, experimente esse é o encanto de nosso lazer também. A distração antes da pescaria !

IMG_7231.jpg.ac0793541a81c20d1b87a53b0e406be2.jpg

Não achou as garatéias + split rings adequados, por que não tentar com anzóis adequados (tipo in line) elas são fortes, muitas vezes bem mais fortes do que garatéias - você pode não acreditar, mas eles são ! E isso tem a ver com o processo de confecção para te entregar anzóis e garatéias. Podem abrir, podem ! Por mais forte que sejam, podem ! Basta não entrar o suficiente, que é até a curva do anzol ou de uma perna da garatéia. A alavanca que fica numa penetração superficial é maior, e a pequena parte que entrou é a parte de menor resistência. Menor resistência + Alavanca maior = Desastre: quebra ou abre e o peixe se vai !

" Lembre-se sempre de uma regra importante: Iscas menores são muito mais difíceis de se ajustar do que iscas maiores, pois normalmente estão mais no limite de suas estruturas " Odeio regras, mas essa é bem real !

 

Tudo bem ser criativo ! Sim,  você acredita que a isca x com trabalho mais lento ou que afunde um pouco ou muito mais que a original é melhor para a sua forma de pescar, bárbaro. Troque as garatéias por outras maiores e ou mais pesadas, experimente com anzóis, pinte e borde até fazer da forma que você acha adequado para ti. Essa é a magia de nosso hobbie, de nosso lazer.  Só não estrague isso querendo impor verdades que são reais para sua forma de pescar, pois a forma de outros pode e normalmente é diferente da sua. Compartilhe a sua forma, isso é melhor e ajuda outros e descobrir o melhor caminho para eles.

 

Abraços

 

 

 

Nobilíssimo Sr. Pepe Melega,

Tem pousada pedindo que o pescador/turista substitua a garatéia por anzol.

Em sua opinião perde mais peixes quando usamos anzóis?

Tem alguma técnica diferente para pescar de hélice com anzol, por exemplo, e não perder mais peixes do que quando pescamos com garatéia?

 

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
14 minutos atrás, MAURICIO ROSSETIM disse:

Nobilíssimo Sr. Pepe Melega,

Tem pousada pedindo que o pescador/turista substitua a garatéia por anzol.

Em sua opinião perde mais peixes quando usamos anzóis?

Tem alguma técnica diferente para pescar de hélice com anzol, por exemplo, e não perder mais peixes do que quando pescamos com garatéia?

 

 

Novamente opinião pessoal, ok comprovada pela pratica de usar há muito tempo, mas é minha opinião  - não fiz uma estática para comprovar.  Perdi menos peixe fisgado com certeza, isso é fato, porém fisgo menos peixe. Adotei um procedimento, trabalho de isca lento como stick e popper opto por usar anzol. Quando o trabalho da isca é rápido  tipo junpping minnow ou as walk in dog uso garatéias. Se é regra do local, respeito e vamos em frente ! Mas não tenho nenhuma restrição em usar ambos os sistemas !

 

 

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 hora atrás, MAURICIO ROSSETIM disse:

Jorel e vc vai nos deixar curiosos quanto ao resultado do "monstrinho"?

Pô mano não chama minha criação de monstrinho não :gorfei::gorfei:, amanhã vou colocar ela na água vou ver se faço um videozinho mas só posto se funcionar kkkkk,

essa é outra "demo" feita a partir de uma Firestick fake, se funcionar como estou imaginando vou fazer uma no capricho rs.

a idéia é que ela crie muitas bolhas no toque de ponta de vara e em seguida faça um trabalho de sub superficie

20180928_172700.jpg

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 hora atrás, MAURICIO ROSSETIM disse:

Jorel e vc vai nos deixar curiosos quanto ao resultado do "monstrinho"?

 

1 hora atrás, Pepe Melega disse:

"Tudo bem ser criativo ! Sim,  você acredita que a isca x com trabalho mais lento ou que afunde um pouco ou muito mais que a original é melhor para a sua forma de pescar, bárbaro." Como dito no texto original, ser criativo é sua praia - ótimo. A ideia é legal e me agrada muito, tanto quem em 1999 foi lançada um isca semelhante no Brasil que o principio era o mesmo. Bastante flutuação para popar várias vezes seguidas e um boca em forma de barbela para poder afundar e nadar como meia água.  Existe até hoje, chama-se  Super Popper. Também há a MR 44 da MirroLure com o mesmo principio.  Abs

IMG_7233.jpg.df7d9af79dc24b310545b3e9ce6535f4.jpg

A idéia veio a partir da 2 deadly, essa é a vantagem de ter um lixão de iscas fazer experiências rs

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Boas noites Pessoal... Post sensacional... Muito obrigado  mestre:: Pépe Melega e demais amigos que postaram suas experiências...

Eu também gosto de inventar e testar coisas não convencionais... Se eu achar fotos dos "meus monstrinhos" posto aqui também :good:

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
16 horas atrás, Jorel disse:

Pô mano não chama minha criação de monstrinho não :gorfei::gorfei:, amanhã vou colocar ela na água vou ver se faço um videozinho mas só posto se funcionar kkkkk,

essa é outra "demo" feita a partir de uma Firestick fake, se funcionar como estou imaginando vou fazer uma no capricho rs.

a idéia é que ela crie muitas bolhas no toque de ponta de vara e em seguida faça um trabalho de sub superficie

20180928_172700.jpg

"a idéia é que ela crie muitas bolhas no toque de ponta de vara e em seguida faça um trabalho de sub superficie" - Penso que esse seja um trabalho seja inédito no mundo😁palmas::

Não deixe de nos informar sobre o resultado...

Forte abraço.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
18 horas atrás, Pepe Melega disse:

Bastante flutuação para popar várias vezes seguidas e um boca em forma de barbela para poder afundar e nadar como meia água. 

eu usava a KV Cruel assim ( acho que é de 99 / 00 tbem ... )  ... isca tucuneira ... rsrsrs

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 hora atrás, MAURICIO ROSSETIM disse:

"a idéia é que ela crie muitas bolhas no toque de ponta de vara e em seguida faça um trabalho de sub superficie" - Penso que esse seja um trabalho seja inédito no mundo😁palmas::

Não deixe de nos informar sobre o resultado...

Forte abraço.

Tem várias iscas que fazem isso, meu amigo Maurício! A Stick Popper da Borboleta é uma delas, assim como a lindíssima e raríssima Mouth Washer da Daiwa. E várias outras. Com barbela como a do Jorel também já vi, mas não me recordo os modelos. Não sei quem é mais curioso, nosso amigo Jorel ou o Tucunaré. 🤣 Abraços em todos. 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
17 horas atrás, Jorel disse:

Pô mano não chama minha criação de monstrinho não :gorfei::gorfei:, amanhã vou colocar ela na água vou ver se faço um videozinho mas só posto se funcionar kkkkk,

essa é outra "demo" feita a partir de uma Firestick fake, se funcionar como estou imaginando vou fazer uma no capricho rs.

a idéia é que ela crie muitas bolhas no toque de ponta de vara e em seguida faça um trabalho de sub superficie

20180928_172700.jpg

Tu transformou a Fakestick em Frankestickein. 😳🤯

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Não ficou exatamente como eu queria mas melhorou muito em relação ao que era, mas passou no teste vai viajar vai que um azulão goste dela rs, a outra não prestou mas eu sei onde tá o erro vou insistir um pouco mais nela depois rs.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
5 horas atrás, Jorel disse:

Não ficou exatamente como eu queria mas melhorou muito em relação ao que era, mas passou no teste vai viajar vai que um azulão goste dela rs, a outra não prestou mas eu sei onde tá o erro vou insistir um pouco mais nela depois rs.

Vai pegar um azuzao com ela... trabalhe fazendo o máximo de barulho possível... E de forma rápida... ficou boa...Deus não  conta os dias que passamos pescando...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

×