Ir para conteúdo
Entre para seguir isso  
Cristiano Rochinha

BAGAGENS EM AVIÕES.SERÁ UMA BOA NOTÍCIA?

Posts Recomendados

Galera,dando continuidade a novela da cobrança das bagagens em aviões,achei essa matéria,que não sei dizer se é verídica ou não...Mas se for,pode ser algo de bom pra nós pescadores.

https://www.tribunapr.com.br/noticias/economia/comissao-aprova-mp-do-setor-aereo-e-retoma-despacho-gratuito-de-bagagens/?utm_source=facebook&utm_medium=midia-social&utm_campaign=tribuna&fbclid=IwAR21awWqLAumwaFu0YZtf0e3uhQNxxVVr0o7w9fB0QfVQV5qMXMalZVFrPs

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

A noticia é verdadeira, a possibilidade foi acrescida na Comissão por ocasião da análise da MEDIDA PROVISÓRIA 863/18 que trata da entrada de até 100% do capital estrangeira em empresas de navegação aéreas.

A inclusão da franquia de bagagem pode ser vetada pelo Presidente da República.

A matéria  abaixo trata do assunto. 

Plenário pode votar MP sobre capital estrangeiro na aviação e franquia de bagagem

Pauta da semana também inclui outras cinco medidas provisórias. Entre elas, a que cria a empresa NAV Brasil para assumir atribuições de navegação aérea que estavam com a Infraero

deputados vão analisar possibilidade de volta da franquia mínima de bagagem no transporte aéreo

O Plenário da Câmara dos Deputados pode analisar, a partir de terça-feira (14), a Medida Provisória 863/18, que autoriza até 100% de capital estrangeiro em companhias aéreas com sede no Brasil.

O texto da MP foi aprovado pela comissão mista na forma do projeto de lei de conversão do senador Roberto Rocha (PSDB-MA), que inclui pontos como a volta da franquia mínima de bagagem no transporte aéreo doméstico e internacional.

Nas linhas domésticas, essa franquia por passageiro será de 23 kg nas aeronaves acima de 31 assentos. A mesma existente à época em que a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) editou resolução permitindo a cobrança. Nas linhas internacionais, a franquia de bagagem funcionará pelo sistema de peça ou peso, de acordo com regulamentação específica.

No caso do controle das aéreas pelo capital internacional, Rocha exige que as empresas interessadas em aumentar o limite para além dos 20% permitidos pelo Código Brasileiro de Aeronáutica (Lei 7.565/86) operem ao menos 5% de seus voos em rotas regionais por, no mínimo, dois anos.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

"PODE SER VETADO PELO PRESIDENTE..."

 

CONCRETO APENAS O FATO DE QUE A MEDIDA GERAL(TAMANHO DA MALA) DE BAGAGENS DESPACHADAS AGORA PASSA A SER 158MM (CENTO E CINQUENTA E OITO MILÍMETROS) 50CM LARGURA POR 28CM ALTURA POR 80CM COMPRIMENTO.

 ACIMA DESSA MEDIDA É TRATADO DA MESMA FORMA QUE OS TUBOS DE VARAS, OU SEJA, COBRADO À PARTE, INDEPENDENTEMENTE DO PESO.

ENQUANTO NÃO FOR VETADO PELO PRESIDENTE, SÓ PIOROU A SITUAÇÃO!

 

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
3 minutos atrás, Vagner disse:

se vai poder despachar uma mala maoir , nao tem como ter piorado, duro era despachar alem do tubo as malas

O LIMITE DE TAMANHO DE BAGAGENS PASSA A SER 80CM DE COMPRIMENTO, SE FOR MAIOR QUE ISSO SERÁ TRATADO COMO TUBO, OU SEJA, COBRADO À PARTE.

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
6 minutos atrás, Mauricio Rossetim disse:

O LIMITE DE TAMANHO DE BAGAGENS PASSA A SER 80CM DE COMPRIMENTO, SE FOR MAIOR QUE ISSO SERÁ TRATADO COMO TUBO, OU SEJA, COBRADO À PARTE.

 

BAGAGENS DESPACHADAS 80X50X28

BAGAGENS DE MÃO CONTINUA A MESMA MEDIDA

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

MEDIDAS CONSTANTES NO SITE DA GOL.

 

Bagagem despachada

Tamanho permitido: 50 x 28 x 80 cm

(comprimento x largura x altura)

Peso permitido: Até 23 Kg

Cada bagagem despachada corresponde a um único volume de até 23 kg. Se esse peso for dividido em dois ou mais volumes, cada volume extra será cobrado como bagagem adicional.

.

Bagagem de mão

Todos os passageiros podem levar gratuitamente uma bagagem de mão de até 10 kg e um item pessoal como uma bolsa, um notebook, um tablet ou uma sacola com produtos comprados em free shop.

Tamanho permitido: 35 x 25 x 55 cm

(comprimento x largura x altura)

Peso permitido: Até 10 Kg

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Lógico que não existe nada gratuito, essa obrigatoriedade de ter o despacho "gratuito" é um tiro no pé, acredito que as próprias cia aéreas brasileiras querem essa "gratuidade" de volta claro que o preço será incluído na passagem, não é malandragem, e sim mercado empresas foram feitas para lucrar. Acontece que tirou a "gratuidade" do despacho mas não liberaram a concorrência na prática continua o oligopólio então logicamente essa medida de cobrarem o despacho não refletiu nos preços das passagens. 

Aí um "jênio" ou bandido mesmo de um burocrata pega uma medida altamente benéfica para os consumidores e coloca uma #@##$#$@ de um jabuti desse de "gratuidade de despacho" na MP o que acontecerá na prática, essa obrigatoriedade inviabilizará a vinda das low cost estrangeiras para o Brasil que tem na estratégia terem preços das passagens baratas, mas cobram por tudo até na água, elas trabalham no mundo todo assim e não irá mudar sua estratégia para vir para um mercado complicado como o brasileiro, continuando o oligopólio e consequentemente preços estratosféricos. E o brasileiro aplaude os burocratas e continua acreditando na gratuidade, não existe nada grátis muito menos por força de lei.

Já ouvi relatos de valor de despacho em vôos em low cost na europa ser mais caro que a própria passagem, além de cobrarem por marcação, o que consumir, check-in no balcão etc. Acho justo se eu for viajar sem despachar bagagem porque devo pagar a mais para outros despacharem.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
Entre para seguir isso  

×