Ir para conteúdo
Entre para seguir isso  
Adão

Manutenção de Motor de Popa em Casa.

Posts Recomendados

Artur, não sei até que ponto vale a pena fazer uma manutenção geral em casa...

antigamente trocava óleo do diferencial, limpava carburador, velas e etc...

mas para vc fazer uma cagadinha eh facil, dae o preju eh maior.

Limpar carburador é mole, ou vc desmonta, ou compra aqueles sprays de limpeza de bico injetor. Para utilizaçao do spray, basta tirar o parafuso de sangrar o carburador e espirrar uma quantidade razoavel do produto dentro, fechar rapidamente o parafuso e deixar agir... depois sangra oq resta dele, bombeia gasolina e bate partida. Normalmente resolve, mas se precisar desmontar, cuide dos reparos e juntas, limpe chiclê e passe um ar com compressor. Na hora de montar, a regulagem do ar é mais ou menos um padrão, feche ate o final e conte 2 voltas e meia do parafuso (abrindo). É bater e pegar.

Você pode tambem utilizar o msmo produto para limpeza nas velas, aplicando o produto, e com uma escova de dentes limpar, depois acende um isqueiro para queimar o excesso.

Isso mais qndo ta falhando ou afogando.

Pode dar uma lavada com agua e sabão neutro no cabeçote e parte da carcaça do motor.

Por capricho, todo mes passo uma cera de polimento no motor. Sempre que navego em agua muito suja, deixo o motor funcionando uns 5 minutos com o orelhão fora d'agua.

Como tenho tbm motor com injeção eletronica, tenho um tanque separado na lancha, que deixo sempre com gasolina azul. Antes de tirar da agua, deixo um pouco funcionando com essa gasolina.

As vezes tbm funciono os motores carburados com ela. Tenho um 15 que pesco no pantanal, meu pai comprou ele novo em 92 e tah fileh ateh hje. Temos um 90 2t yamaha, um mercury 40 3c e um 90 4t yamaha. Nunca tivemos que limpar bico, carburador, nada. Apenas oleo de carter e rotor de bomba d'agua.

Espero ter ajudado.

Grande abraço!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Uhm...interessante o tópico....Já aprendi um monte de coisas nele...Depois poderíamos até inserí-lo nos melhores do fórum, claro q depois de editá-lo e deixá-lo com cara de tutorial. O q acham?

Eu, particularmente, nunca tive problemas com motores de popa, mas a minha utilização é pequena e sempre usei motores novos.

Tivemos um Honda 4T de 15HP....ficamos 7 anos com o motor e foi só alegria. Uma verdadeira máquina. Como não podíamos transportá-lo deitado com óleo no cárter (para evitar do óleo escorrer pelas válvulas, cair na câmara de combustão e dar um calço hidráulico)..nós nos acostumamos a trocar o óleo do motor a cada transporte, ou seja, trocávamos o óleo a cada 5 horas de uso, no máximo. Um exagero, mas um litro de óleo custa 13 reais...hehee....cuidado e saúde extra para o motor.

A cara 03 pescarias o óleo da transmissão tb era trocado.

Nunca funcionamos o motor no orelhão. (Estamos fazendo isso atualmente no Sea Pró).

Nunca acelerávamos demasiamente o motor quando ele estava no orelhão...eram apenas aqueles oscilações para checar a "vida" dele.

No final das pescarias empurrávamos com uma chave a esfera de travamento da mangueira de combustível q vai para o tanque/motor para esvaziar a mangueira.

Ao chegarmos em casa e lavarmos todo o motor (externamente)....esvaziamos a cuba do carburador, jogamos um pouquinho de óleo de máquina (esses Singer) pra dentro, para evitar ressecamento das juntas. Como faço isso nos motores de automodelismo...tb faço no nosso de popa...hehee..

Bem....só sei q nosso motores nem arranhões tem....Bateu pegou.e nunca tivemos um motor com problemas....

...mas vamos trocando experiências aí... joia:::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pra falar a verdade nosso motor está com 15h de uso....hehee....mas nunca fiz uma descarbonização em nenhum.

Existe um produto descarbonizante da Wurtz q usamos muito nos motores de motos....Sei lá quando pode precisar eu jogo o tréco pra dentro...Como vc faz isso, e de quanto em quanto tempo?

Bem...vou fazer o tutorial...hehee....mesmo não sabendo "P" nenhuma de motores de popa.... paia::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

To vendo que o pessoal aqui é fera em motores de popa.

Meu sogro tem um 25 yamaha, e toda dia que vamos usar a primeira partida é sempre muito dificil de se pegar, tem que ficar tentando várias vezes até pegar, depois que pegou a primeira vez ai não dá mais problema, pega sempre de primeira.

O que será que estamos fazendo de errado?

No final do dia, ele tira a mangueira do motor e deixa ligado pra esgotar a gasolina.

Ele é transportado sempre deitado no porta malas do carro.

A gasolina é temperada na proporção 40/1.

Qual será a possivel causa dessa dificuldade na primeira partida?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Talvez exatamente por ter esgotado a gasolina no final da pescaria anterior, pode levar um tempinho até encher todo o circuito novamente. Uma regulagem fina na mistura ar/combustível também melhora a 1º partida.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Não se deve esgotar a gasolina no final da pescaria, mesmo sabendo que a proxima vez que for usar vai demorar a chegar?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Não se deve esgotar a gasolina no final da pescaria, mesmo sabendo que a proxima vez que for usar vai demorar a chegar?

De um dia para o outro não precisa esgotar, mas no final da pescaria sim.

Quanto a ligação com o motor frio, vc está puxando o afogador?

Experimente puxa o afogador, apertar a perinha até ficar dura e mandar ver... o do Joelson já pega na segunda ou terceira puxada...

Assim que pegar, empurra o afogador e avelera um pouquinho.... joia:::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

To vendo que o pessoal aqui é fera em motores de popa.

Meu sogro tem um 25 yamaha, e toda dia que vamos usar a primeira partida é sempre muito dificil de se pegar, tem que ficar tentando várias vezes até pegar, depois que pegou a primeira vez ai não dá mais problema, pega sempre de primeira.

O que será que estamos fazendo de errado?

No final do dia, ele tira a mangueira do motor e deixa ligado pra esgotar a gasolina.

Ele é transportado sempre deitado no porta malas do carro.

A gasolina é temperada na proporção 40/1.

Qual será a possivel causa dessa dificuldade na primeira partida?

Jonas....com certeza absoluta é por conta do resíduo de combustível velho q fica na tubulação.

Vcs estão fazendo duas coisas erradas.

1 - Ao final da pescaria vc deve enfiar uma chave na esfera da mangueira de combustível a fim de retirar todo o combustível q fica internamente armazenado. Se vc não fizer isso, todas as vezes q for ligar o motor na próxima pescaria, o primeiro combustível a ser injetado no carburador será esse da mangueira....ou seja, combustível estragado.

2 - Mesmo deixando o motor funcionando sem estar ligado ao tanque...depois dele desligar....ainda sim, ficará combustível dentro da cuba do carburador e tubulações....então, ao chegar em casa vc deve abrir o capacete do motor, soltar a cuba/copinho do carburador e puxar a cordinha de arranque para q todo o combustível saia do sistema de alimentação do motor.

No dia em q vcs forem ligar o motor novamente...vc conecta a mangueira no tanque (mas não no motor)...enfie a chave novamente na esfera da mangueira para q o restinho de resíduo do combustível antigo q ficou na mangueira seja jogado fóra juntamente com a gasolina nova. Conecte a mangueira no motor...bombe a perinha (essa bomba q fica na mangueira) injetando combustível novo no carburador. Puxe o afogador, acelere um pouquinho e tente a partida.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

...

detalhe importante esse!

Já os sprays que comentei acima, não são a base oleosa não, são com produtos que soltam mesmo a sujeira.

A idéia de tirar a parte de baixo do carburador é boa tbm, não sei se toda a pescaria, mas pelo menos uma vez por mes é muito util.

Esgotando bem o motor, seca até o filtro junto, mas sempre sobra algum residuo, que chega em algumas vezes formar uma especie de "gelatina" depositada no fundo do carburador. Funcionando ele as vezes com gasolina azul, não precisa ser pura, ou em um tanque de 24 litros, colocar uns 5 ou 6 litros de podium da petrobras já ajuda muito.

Sempre também cuidar a hélice, caso ocorra alguma colisão, não é muito bom continuar usando por algum tempo ela torta, pois fica desbalanceada, vibrando, e em alta rotação não faz muito bem para o eixo ehhehehe.

Óleo do diferencial é o normal, óleo 90. Quando for trocar, sempre observar a cor. Se ele sair meio branco, é bom dar uma conferida nas juntas, pois pode estar entrando um pouco de água.

Certa vez um mecânico me falou, qndo fica o motor muitoo tempo parado, antes de funcionar ele, tirar a capa de proteção do volante e as velas. Aplicar óleo em spray pelo orificio das velas, girar algumas vezes o volante com a mão. Dependendo o motor, pode oxidar a camisa, correndo o risco de qndo for funcionar, riscar a camisa, ocasionando um desgaste não muito bom ehhehe.

Quando funcionar com o orelhão, não é recomendado ultrapassar 3000rpm, mas alguns manuais dizem que não pode ultrapassar 1500. Também não é recomendado engatar e acelerar.

Se for pescar em outra região, as vezes é necessario fazer ajustes no ar, por causa da diferença na pressão atmosférica.

Agora a lavagem do motor com sabão neutro, depois passar uma cerinha de polimento, o motor sempre vai ter aspecto de novo, protegendo da poeira e sujeira da agua. Até para lava-lo fica mais facil.

joia::: joia::: joia:::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Artur Lucena tudo bom.

Eu tenho um motor de 15hp Johnson e nunca tive problemas com ele, agora que ele está com aproximadamente 30 horas de uso é que eu vou mandar fazer uma revisão. Vejo que vc entende muito de motores de popa, más eu particularmente não me sinto muito trânquilo pra fazer uma manutenção, gostaria um dia de pode aprender um pouco com vc. Um forte abraço. joia::: joia::: joia:::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

estava olhando antes o motor que compramos, 90 4 tempos da yamaha, ele tem um sistema interessante, para uso continuo no mar, ou que não saem da agua, tem um adaptador de ligar a mangueira para lavagem.

sistema muito bom

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Galera, valeu pelas dicas, na proxima pescaria vamos tentar colocar em prática pra ver se o problema é solucionada.

Qualquer coisa peço ajuda novamente.

Obrigado

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Boa essa da descarbonização. essa do car 80 faz sentido heim, uma hora vou testar essa da gasolina no meu 15 pra ver!

O que dava pra fazer passo a passo com fotos uma hora é troca do rotor de bomba d'agua, que qq troca dessas em oficina nao fica por menos de 100 reais + a peça, e com limpeza de carburador não baixa de 150. E realmente é como vc falou, praticamente nenhum mecanico tem alguma certificação com motores de popa, a maioria aprendeu fuçando e tem apenas curso com motos.

Outra coisa em questão seria uma comparação de motores maiores tbm. Uma vez fomos do nosso clube até a ponte da cidade de Guaira, em varios barcos. Fui com motor 90 yamaha, velocidade média de 37 mph, gastei um tanque de 24 litros para subir e quase um para voltar. Levei 1 hora para ida. Tinha um pessoal com motor 30 suzuki e 40 yamaha, 60 yamaha, gastaram bem mais combustivel do que eu, levando menos peso, e chegaram bem depois que minha embarcação no destino.

Então fica assim a questão:

Tempo de viagem x motor x consumo.

Qual realmente tem vantagem fazendo uma média?

Bora lá, vamos tirar a prova real disso.

To vendo que o pessoal aqui é fera em motores de popa.

Meu sogro tem um 25 yamaha, e toda dia que vamos usar a primeira partida é sempre muito dificil de se pegar, tem que ficar tentando várias vezes até pegar, depois que pegou a primeira vez ai não dá mais problema, pega sempre de primeira.

O que será que estamos fazendo de errado?

No final do dia, ele tira a mangueira do motor e deixa ligado pra esgotar a gasolina.

Ele é transportado sempre deitado no porta malas do carro.

A gasolina é temperada na proporção 40/1.

Qual será a possivel causa dessa dificuldade na primeira partida?

Jonas....com certeza absoluta é por conta do resíduo de combustível velho q fica na tubulação.

Vcs estão fazendo duas coisas erradas.

1 - Ao final da pescaria vc deve enfiar uma chave na esfera da mangueira de combustível a fim de retirar todo o combustível q fica internamente armazenado. Se vc não fizer isso, todas as vezes q for ligar o motor na próxima pescaria, o primeiro combustível a ser injetado no carburador será esse da mangueira....ou seja, combustível estragado.

2 - Mesmo deixando o motor funcionando sem estar ligado ao tanque...depois dele desligar....ainda sim, ficará combustível dentro da cuba do carburador e tubulações....então, ao chegar em casa vc deve abrir o capacete do motor, soltar a cuba/copinho do carburador e puxar a cordinha de arranque para q todo o combustível saia do sistema de alimentação do motor.

No dia em q vcs forem ligar o motor novamente...vc conecta a mangueira no tanque (mas não no motor)...enfie a chave novamente na esfera da mangueira para q o restinho de resíduo do combustível antigo q ficou na mangueira seja jogado fóra juntamente com a gasolina nova. Conecte a mangueira no motor...bombe a perinha (essa bomba q fica na mangueira) injetando combustível novo no carburador. Puxe o afogador, acelere um pouquinho e tente a partida.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Só como comentário... Já usei o Car80 no motor do meu carro para descarbonizar e ficou jóia. E olha que é um 6 cil com quase 200 cv.

Pois tbm sempre usei nos carburadores, até tenho junto na mala de ferramentas do barco ehhehehe

Sempre é util!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Iteressante essa análise de economia, quanto ao tempo que se gasta, pois esses motores maiores gastam mais na relação litros/hora, mas o tempo de viagem é muito menor.

Com isso cairia por terra essa história de motor menor é mais economico? O que o pessoal mais experiente tem a dizer?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Visitante

Ola amigos, boa noite.

Meu nome é glauber e estou aqui graças ao amigo Artur que ja provou por A mais B que é um fera nesse ramo de manutençao de motores.

Gostaria de contar com a colaboraçao de cada um no sentido de mandar dicas de manutençao, manuseio e o mais entenderem sobre motores de popa.

Grato pela colaboraçao de todos e fico aguardando.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Aprendi mais uma essa semana na troca do oleo do diferencial, com tubo de catchup, esses do 1,99.

Da certinho para adicionar o oleo novo pelo parafuso correto, pois adicionando por cima corre o risco de ficar um pouco de ar dentro.

joia:::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Visitante

estava olhando antes o motor que compramos, 90 4 tempos da yamaha, ele tem um sistema interessante, para uso continuo no mar, ou que não saem da agua, tem um adaptador de ligar a mangueira para lavagem.

sistema muito bom

Grande Diego... !! O Evinrude E-Tec tbm tem junto a saída de água no motor uma conexão rosqueada para instalação de adaptador , com a mesma finalidade do seu yamaha.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
Entre para seguir isso  

×