Ir para conteúdo

Olá amigo que está de passagem pelo Fórum Turma do Biguá (FTB).

É um enorme prazer tê-lo em nossa casa. O fórum é aberto a todos. Pra nós, tê-lo participando é sempre um prazer. Para utilizar nossa plataforma em sua totalidade, basta clicar em CADASTRE-SE e siga os passos seguintes. É fácil e em poucos segundos você estará interagindo com todos.

Para aqueles que já se cadastraram mas não se recordam dos seus nomes de usuário, SOLICITAMOS QUE NÃO EFETUE UM NOVO CADASTRO. Basta enviar um email para fbigua@gmail.com nos informando os dados que vc se recorda, que em pouco tempo resetaremos seu perfil e enviaremos os dados para você.

Qualquer dúvida basta ser enviada para o mesmo email acima mencionado.

Att. Equipe de Moderação do FTB

Fabrício Biguá Fabrício Biguá
Entre para seguir isso  
Rodrigo Yamaki

HIDRODINÂMICA DAS CANOAS E BARCOS.

Posts Recomendados

Concordo plenamente com o Rodrigo...

As de quilha são mais hidrodinâmicas e possuem menor arrasto!

Mas observo que para pescar, a "estabilidade parada" é fundamental!

Até mesmo porque quanto mais alta uma plataforma, mais instável fica...

arrow:: Meu voto vai para as chatas!

Agora...

Tem aquelas "raias" no casco que orientam a água para trás do barco ( e não para o lado ) e permitem um desempenho em arrasto do barco um pouco melhor sem prejudicar a estabilidade parada. isso ocorre porque quanto mais o barco levanta da água, menor o arrasto.

Outra observação é que os barcos chatos levantam mais a frente do barco e assim são instáveis em alta velocidade, o que somado à pior hidrodinâmica reduzem seriamente a velocidade final ( mesmo que haja motor para levá-los a velocidades maiores, o barco não permite fazê-lo com segurança de que o barco não vai virar... ).

Quanto menor o ângulo de penetração do barco na água e quanto maior seja a quilha, menor a instabilidade do barco porque a frente levanta menos...; e maior a instabilidade com alguém em cima de uma plataforma alta.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Continuando (neste ponto, me chamaram com urgência no hospital e por isso fui obrigado a completar a mensagem mais tarde)...

Creio que uma boa forma de mostrar a física por trás destes formatos e suas consequências, é mostrar os extremos de cada formato:

Alguém conhece o ?aerobarco??

Projeto revolucionário de barco que, com o aumento da velocidade, se erguia sobre 2 ?esquis, hidrofólios, asas, lâminas, ou carenagens (não tenho certeza qual é o nome apropriado)?, uma na proa e outra na popa do barco; e com isso reduzindo seu arrasto hidrodinâmico e permitindo atingir velocidades ainda maiores (já que o arrasto do ar é muito menor que o da água). Não tenho conhecimento de um barco que esteja em uso atualmente e que use de tal expediente, pois se faz necessário um motor muito potente para tal efeito, mas fica o conceito exemplificando como obter menor arrasto hidrodinâmico.

Imagem Postada

OBS: Estas lâminas sob a água possuem o formato de uma asa, com maior distância a ser percorrida na parte superior, e com o lado de baixo reto; o quê ajuda a obter a sustentação para erguer o barco.

Outra forma de aproveitar o mesmo conceito seria criar um barco capaz de se erguer sobre as águas (e não apenas a frente do barco, como acontece com os ?não-aerobarcos?); por isso que há uma maior eficiência em um baixo ângulo de ataque à água, não apenas pelo menor arrasto, mas também porque o empuxo gerado incide mais próximo ao centro do barco que sofre maior elevação sobre a água que o temível efeito de levantar a proa. Um barco que segue este exemplo é o hidroplano:

http://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/thumb/f/ff/MissMadisonHydroplane2007.jpg/800px-

Barcos de corrida como este, podem ser lançados ao ar, ou simplesmente submergir (partindo-se por não terem resistência estrutural para resistir ao impacto com a água) pelo simples efeito de ?rampa? que uma onda pode ter a grandes velocidades sobre a água; mostrando a maior eficiência do aerobarco que possui 2 pontos de apoio, e não apenas um ponto central como o hidroplano (situação conhecida como ?equilíbrio instável").

Tendo tudo isto considerado, talvez um barco de fundo plano, bem quadrado mesmo, fosse o melhor para o pescador esportivo.

Um barco feito para passar sobre a vegetação aquática sem perder a estabilidade (e que o faz formidavelmente) são as voadeiras:

Imagem Postada

Não é capaz de atingir grande velocidade sem virar, mas seu funcionamento deve ser bem silencioso (ao menos, do ponto de "auscuta" de um peixe...)!

Ainda vou ter um barco desse, com plataformas bem altas...

Aquele abraço a todos!

Imagens tiradas de: http://pt.wikipedia.org/wiki/Carenagem

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Apesar de não entender..rs Eu compraria uma semi-chata que terá estabilidade parada e boa navegabilidade devido a meia quilha..

Acho que uma semi-chata é juntar o que cada uma tem de melhor.

Está na minha lista de compras uma semi-chata 5m.. Só falta $$$ mas Eu espero. joia:::

Imagem Postada

Nessa só faltou uma plataforma.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Acho EU, que uma barco semi chato com o hidrofóio seria uma boa alternativa.

Sei que é mexer em marimbondo, pois na discussão sobre hidrofóilo muitos de manifestaram contra, mas eu arriscaria.

E como foi dito,corretamente, pelo moacir, as chatinhas geram desestabilidade em altas velocidades, onde já ocorreram acidentes em minha região por este motivo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

É um dilema que me acompanha. Enquanto se está pescando, vc quer aquela baita plataforma de uma chata ou semi-chata. Mas como não tem pescaria sem navegação, qdo a coisa fica feia, aí vc quer uma boa proa, alta e quilhada, não é facil equacionar isto doeu:: .

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Em alta velocidade qq barco ou lancha perde estabilidade. Qnto menor for o atrito na agua, maior velocidade. Como os "bass boat". Quem ja pilotou um desses sabe como é, mas por mais largo que seja ele "dança" em cima da agua.

O esquema é dosar um meio termo, pois tem que pensar na probabilidade de pegar um temporal feio no meio do lago. Se vc tem um bass ou algum semi-chato, vai desejar ter comprado uma marajó ehheheheheh.

Diferença em velocidade da sim, mas não tanta! vc correria o risco de ter menor estabilidade para ter algumas milhas finais?

Vamos comparar uma marajó 19" com um 150 etec e um bass com o msmo motor.

A marajó vai atingir dependendo do peso umas 55 milhas tranquilamente, podendo chegar a 60 e poucas. Um bass com o mesmo motor pode chegar a 70 e tantas.

Imagine vc a 70 e tantas milhas bater em um toco boiando... doeu:: doeu::

ou acertar umas pedras? ae o bicho pega.

Prefiro segurança.

Tem varios apetrechos para melhorar o tempo de planeio de uma embarcação como flaps, hidrofólios para o motor e tals...

ou mesmo saber usar certinho a maquina q vc tem. Ja vi muitos pescadores que não sabem a posição correta do trim do motor, mesmo manual. Andam com o bico do barco afundado ehhehehehe.

Tem um leque de informações no meio de tudo isso. joia:::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Bom eu tenho uma canoinha bico fino borda alta que ando tranquilo sosinho com o motor 15hp, mais ontem em corumba IV fui pescar sosinho, e fiquei com medo da canoa que aluguei que e semi chata, a 30 km por hora ela ficava dançando, ai como sesultado voltei para o porto, não teria coragem de andar com marolas, pois as poucas marolinhas que peguei ja me fizeram ficar com muito medo de capotar.

prefiro bico fino borda alta, corta muito melhor a agua, equilibrio com o barco parado depende muito do pescador tambem.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Bom eu tenho uma canoinha bico fino borda alta que ando tranquilo sosinho com o motor 15hp, mais ontem em corumba IV fui pescar sosinho, e fiquei com medo da canoa que aluguei que e semi chata, a 30 km por hora ela ficava dançando, ai como sesultado voltei para o porto, não teria coragem de andar com marolas, pois as poucas marolinhas que peguei ja me fizeram ficar com muito medo de capotar.

prefiro bico fino borda alta, corta muito melhor a agua, equilibrio com o barco parado depende muito do pescador tambem.

Adhemar,

Eu tenho uma semi chata borda alta, Calaça Flash 500 e tbm ando com um 15 hp. Mesmo sozinho ela é absolutamente estável em qq condição. Já naveguei até no mar com ela. Talvez o problema não seja o modelo, mas o barco que vc pegou ou o posicionamento do motor.

Abraço,

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Uma dúvida.

Dizem que chata é melhor para pescar.

Quilhado pra navegar.

O interessante é semi-chata, isto é, proa quilhada.

Mas os barco levanta a proa e praticamente é uma chata navegando.

Então..........

Onde estou equivocado nesse raciocínio?

Grato pelo esclarecimento!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Vamos por parte

Walter: este problema pode ocorrer devido o uso de alcool que não e o meu caso, mais estas canoas muito leves não me dão segurança nenhuma.

Binho: em parte ela levanta a proa, mais se estiver levantando a proa a mais da metade o motor vai estar posicionado errado, quando voce arranca ela levanta o bico mais depois voce tem que achar o ponto, apos arrancar ela tem que ir para posição de planeio com pelo menos a metade na agua.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Uma dúvida.

Dizem que chata é melhor para pescar.

Quilhado pra navegar.

O interessante é semi-chata, isto é, proa quilhada.

Mas os barco levanta a proa e praticamente é uma chata navegando.

Então..........

Onde estou equivocado nesse raciocínio?

Grato pelo esclarecimento!

Então, chata e semi-chata são boas para navegar em rios.

Agora pega um lago com um pouco de vento e umas ondas boas e umas marolinhas o unico que fica confortavel é o piloto.

Quem senta no meio e na frente ta praticamente "fufido" oasieuhoasieuh

A largura de fundo tbm ajuda mto na navegação com ondas.

É mesma coisa vc ir pegar ondas com uma sabre da levefort e um marfim marino.

arrow:: Marfim vc navega bem confortavel, corta bem as ondas, ja a sabre bate nelas e não corta.

arrow:: Semi-chato ajuda um pouco na hora de cortar, mas bate muito tbm.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Uma dúvida.

Dizem que chata é melhor para pescar.

Quilhado pra navegar.

O interessante é semi-chata, isto é, proa quilhada.

Mas os barco levanta a proa e praticamente é uma chata navegando.

Então..........

Onde estou equivocado nesse raciocínio?

Grato pelo esclarecimento!

Binho, o Diego foi muito feliz na justificava dele...acrescentaria apenas....

...navegando em uma superfície totalmente plana, a canoa chata, a quilhada ou semi-quilhada desempenharão o mesmo papel durante a navegação. ( isso depois do planeio )

Já parada, quanto mais chata, mais larga e com maior contato de superfície, mais estável será a canoa...

O problema é navegando e com água revolta....aqui o bicho péga...

Se vc pegar marolas relativamente altas com uma canoa chata é arriscado a água passar por cima do bico e afundar a canoa pela proa...sacou?!?!....

A quilhada corta a água....e, para atender a gregos e troianos criaram a semi-quilhada, permitindo uma boa navegação em qualquer situação e boa pescaria quando parado. joia:::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ressucitando!

E a diferença entre chata de bicho fino e chata de bico semi-chato?

Notei que a maioria é chata com o bicho semi-chato e não fino.

Será que o de bicho fino perde muito em estabilidade (parado pescando)?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Mais um conceito da fisica, empuxo.

O empuxo e a forca para cima que um corpo (no caso, o casco do barco) recebe ao ser mergulhado em um fluido (no caso, a agua); sendo igual ao peso do volume deste fluido deslocado. Em outras palavras; o barco e empurrado pela agua com uma forca igual ao peso do volume de agua que e ocupado pelo casco do barco dentro d'agua.

Dai que um barco chato vai afundar maior volume do casco no lado em que afunda e por isso tera maior resistencia a inclinar. E mais facil inclinar o barco quanto menor seja esta volume a mais afundado no lado para onde o barco penda.

Em outras palavras; se o bico fino nao representar porcao significativa do casco do barco, ele nao ira influenciar muito a estabilidade parado, e o barco ainda sera bastante estavel.

Ressucitando!

E a diferença entre chata de bicho fino e chata de bico semi-chato?

Notei que a maioria é chata com o bicho semi-chato e não fino.

Será que o de bicho fino perde muito em estabilidade (parado pescando)?

Voltando a pergunta; nao apenas a proa, mas todo o formato do barco deve ser considerado para estimar a sua estabilidade parado. Se o barco tiver um bico fino mas for chato e largo por grande parte de sua extensao, ainda tera grande estabilidade parado. Quanto menos largo e chato for o resto de sua extensao, assim como quanto menor essa extensao apos o bico, menor a estabilidade parado.

Aquele abraco a todos!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olá Joelmo Barros !

Bem vindo ao Fórum frequentado pelo pessoal ligado a Turma do Biguá, Mocorongos e Tucunas do Cerrado, dentre outras... !

Imagem Postada

arrow:: Claro que não é exclusivo ! Sinta-se em casa... :amigo:

Como você poderá ver, nossa intenção é interação e congraçamento. Não temos fins lucrativos e buscamos apenas boas amizades e novas informações sobre a pesca esportiva. Temos certeza de que suas contribuições se tornarão valiosas para todos aqui, por menos que isso possa lhe parecer...

Inicialmente gostaríamos de pedir-lhe que entrasse na categoria ( Seção ) BEM VINDO, APRESENTE-SE e falasse um pouco mais sobre você, suas pescarias, as experiências vividas, como ingressou na pesca esportiva, onde costuma pescar, qual a prática mais utilizada, etc...etc..etc... pois isso ajuda muito no entrosamento.

No mais é só ir se familiarizando com a linguagem do Fórum e postar a vontade.

Fica logo uma dica de endereçamento para você dar uma olhada ( recomendado para quem se inicia no Fórum )

viewtopic.php?f=1&t=8478

Temos várias categorias ( Seções ) e com certeza você poderá contribuir para deixar o nosso Fórum cada dia melhor.

Aproveite também para providenciar seu "avatar", já que será essa imgem que o representará cada vez que postar aqui !

arrow:: Postar um "avatar" é mais simples do que parece, e para tanto, recomendamos a leitura da FAQ ( alto do cabeçalho ), que traz algumas dicas de interesse...

arrow:: Se mesmo assim, a dificuldade persistir, entre em contato com um de nossos "Adm / Moderadores", que eles certamente lhe ajudarão a superar !

arrow:: Em tempo, para postar o "Avatar" ( assim como sua "assinatura personalizada" ), é necessário acessar seu Painel de Controle do Usuário, cujo indicativo está no lado direito do cabeçalho... palmas::

Para lhe facilitar o entendimento de funcionamento do Fórum, tem também esse outro endereçamento a ser lido e observado !

Tenha certeza de que ele lhe será de enorme utilidade ! arrow:: Veja só :

viewtopic.php?f=1&t=8479

Contamos com a sua compreensão e participação ! alegre::

No caso de qualquer dificuldade e/ou dúvida, tenha certeza de que um dos nós ( Moderadores ) irá em seu auxílio, além de ( é claro ) toda nossa comunidade de usuários... !

Fique a vontade, e nos vemos nos tópicos em que participar... joia:::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olá amigo,

Hoje sou possuidor de um Karib 600 c/ Yamha 40 HP e digo o seguinte, embarcação muito estavel nãao balança muito, e corta bem as meias marolas, e anda muito!!!!!!! barcos modelo Aruak/e Squalus c/ mesma motorização chia p/ andar junto, apesar de os rios em que eu pesco não possuirem marolas, se vc for usar a embarcação em lagos onde surgem muitas marolas te digo o seguinte vai de Big Fish ou Marfim ou Lanchas

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

É um dilema que me acompanha. Enquanto se está pescando, vc quer aquela baita plataforma de uma chata ou semi-chata. Mas como não tem pescaria sem navegação, qdo a coisa fica feia, aí vc quer uma boa proa, alta e quilhada, não é facil equacionar isto doeu:: .

Quem já pegou uns bons ventos e ondas e represas concordam com vc.

Quilhado é muito mais seguro na navegação em águas agitadas, assim um barco com uma boa boca e borda alta fica bem estável e se pesca tranquilo nele...sem balançar.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
Entre para seguir isso  

×