Ir para conteúdo
Entre para seguir isso  
ThaisonScopel

CPI DAS PCHs

Posts Recomendados

Pelo jeito as coisas aqui no MT vão mudar ou vai acaba em pizza do melhor sabor R$$$$$$$$l, foi aprovada ontem a CPI das PCHs (pequenas centrais hidrelétricas) vamos ver o que vai dar nisso ou será que a fará vai continuar.

http://www.sonoticias.com.br/noticias/10/122891/riva-diz-que-e-ameacado-e-que-documentos-estariam-saindo-da-sema

Riva diz que é ameaçado e que documentos estariam saindo da Sema

Fonte: Só Notícias/Alex Fama

arrow:: O presidente da Assembleia Legislativa, José Riva (PP), declarou que vem recebendo certas ameaças depois que decretou a abertura da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar a concessão de licenças para instalação das Pequenas Centrais Hidrelétricas (PCHs) em Mato Grosso. Estas ameaças seriam de "endurecer" possíveis investigações as seus bens, já que suas fazendas já foi alvo de operação por parte da Polícia Federal, com sua mulher, Janete Riva, chegando a ser presa. Todavia, ele disse que estas ameaças não vão intimidá-lo.

Durante a sessão matutina da Assembleia, Riva também aproveitou para denunciar que havia "caminhão saindo com papéis da Sema". Tudo com o intuito de travar as investigações da nova CPI e aproveitou para criticar o chefe da pasta, Alexander Maia. De acordo com seu discurso, o secretário afirma estar tranquilo, mas manda empresários fazerem pressão contra as investigações.

Riva declarou que vai pedir a participação intensa de membros dos Ministérios Públicos Estadual e Federal e Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-MT), Defensoria Pública e demais autoridades.

Conforme Só Notícias já informou, na terça-feira (15), foi instaurada a CPI das PCHs. Riva afirmou que apenas 12 usinas hidrelétricas em Mato Grosso tiveram processo encaminhado à Assembleia, de um total de mais de 120 usinas. A CPI será integrada por dez membros, entre titulares e suplentes. Os titulares são Sérgio Ricardo (PR), Walter Rabello (PP), Baiano Filho (PMDB), Dilmar Dal Bosco (DEM) e Percival Muniz (PPS). Enquanto os suplentes serão Sebastião Rezende (PR), Airton Português (PP), Nilson Santos (PMDB), Luiz Marinho (PTB) e Ademir Brunetto (PT). Os membros da comissão devem se reunir ainda esta semana para definir quem ocupará os postos de presidente e relator.

http://www.olhardireto.com.br/noticias/exibir.asp?noticia=Riva_acusa_Maia_e_denuncia_retirada_de_papeis_da_Sema&edt=33&id=165106

arrow:: Riva 'acusa' Maia e denuncia retirada de papéis da Sema

Da Redação - Alline Marques

Foto: Mauricio Barbant/ALRiva 'acusa' Maia e denuncia retirada de papéis da Sema

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual José Riva (PP), denunciou que documentos estariam sendo retirados da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema), na tentativa de esconder supostas fraudes no setor de concessão às usinas que serão investigada pela Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI). O parlamentar ainda criticou duramente o secretário Alexander Maia, voltou a afirmar que não cederá às pressões e diz não ter medo de perseguição.

“Quem não deve não teme. Se está tranquilo porque marca coletiva, mandando empresário ligar ou tentando evitar a CPI. Oras, deveria ser ao contrário. Fiquei sabendo que tem caminhão de papel saindo da Sema. Tomara que seja mentira, porque se algum processo desses não for encontrado, nós vamos tomar medidas”, afirmou durante discurso na sessão ordinária na manhã desta quinta-feira (17).

Riva demonstrou uma ‘antipatia’ por Maia e chegou até a cobrar uma atitude do governador governador Silval Barbosa (PMDB). “É preciso que o governador tome uma atitude, mande seus assessores e principalmente o secretário a responder os requerimentos da CPI”, afirmou.

O progressista informou ainda que irá solicitar aos Ministérios Público Estadual e Federal para indicar membros que possam acompanhar os trabalhos da CPI, e também convidará integrantes da Associação Mato-grossense dos Municípios, Ordem dos Advogados do Brasil – seccional de Mato Grosso (OAB-MT), Defensoria Pública. O progressista quer evitar críticas de abuso por parte da CPI.

Sobre as reclamações de que os trabalhos na Sema seriam prejudicados em função da CPI, Riva rebateu e afirmou: “Vai atrapalhar somente os especuladores. Empreendedor sério não vai ser atrapalhado”.

O deputado voltou a falar que não teme perseguição e insinuou ter recebido algumas ‘ameaças’. “Cuidado, colocaram duas pessoas para ir lá no Ministério Público. Oras eu não tenho medo de perseguição. Não sou filho de pai assustado. Por cinco anos, a Receita Federal fez uma devassa na minha vida e não encontraram nada”, afirmou.

Sobre suas fazendas, que já foram alvo da Polícia Federal durante a Operação Jurupira, o parlamentar voltou a reforçar que sempre seguiu a legislação. “Se existir outra fazenda que se preocupe mais com meio ambiente eu doou a minha”, garantiu.

Há ainda denúncias de que a Sema estaria comercializando a liberação de licenças para usinas, Riva destacou que não irá admitir este tipo de conduta. “Não vamos admitir isso, porque ele não é dono. Isso é uma riqueza da sociedade. Vendendo um bem que é nosso e que não pode ser comercializada”, ressaltou.

O presidente da AL destacou que, apesar de não poder ser membro da CPI, acompanhará todas as reuniões e já exigiu que todos os parlamentares indicados para comissão acompanhem todos os encontros.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa

Você pode postar agora e se registrar depois. Se você tem uma conta, CLIQUE AQUI para postar com a sua conta.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.

Processando...
Entre para seguir isso  

×
×
  • Criar Novo...