Ir para conteúdo

O FTB foi atualizado e otimizado.

Antes, para visualizar todas as nossas salas, era preciso descer a barra de rolagem por muito tempo. Isto dificultava a nossa vida, principalmente a dos novos usuários, que não encontravam as salas/assuntos de interesse.

Agora as salas foram transformadas em "sub salas" e incluídas em grandes fóruns.

Esperamos que tenham gostado. :amigo:

Todas Atividades

Atualizada automaticamente     

  1. Recentemente
  2. Blz pura, Kruel?!? Bom demais tê-lo novamente pontuando assunto tão complexo e chato. Concordei com tudo, mas permita-me discordar do trecho acima citado, uma vez que a região de SIRN (TI Jurubaixi-Téa) não era indígena até 2016. Acessar os rios de SIRN há poucos anos atrás era algo perfeitamente legal. Dá forma postada acima, fica parecendo q todos os operadores de SIRN se incluem nesse "escambo" indígena, o q não aconteceu.
  3. Hoje
  4. Então faz horas que fala mas fotos não chegam.
  5. Ontem
  6. Foi isso que a operadora, que vou, propôs. Vou até me informar melhor.
  7. Amigos, estou vendendo uma série de iscas artificiais - novas e usadas (vejam as fotos e descrições). Todas de marcas renomadas. Frente por conta do comprador. Origem: Jundiaí-SP. Possibilidade de negociação de preço (20%) somente caso a compra ultrapasse R$ 250,00. 1 - Bomber - Long 15A - Tipo: Meia-água - Cor: Verde com dorso roxo (glitter) - Tam: 12 cm - Peso: 18 g - Nova, na caixa - Valor: R$40,00 2 - Rebel - Jumping Minnow T20 - Tipo: Zara - Cor: Osso - Tam: 11,4 cm - Peso: 23 g - Nova, na caixa - Valor: R$50,00 3 - Yara - Destroyer - Tipo: Meia-água - Cor: Verde transparente - Tam: 11,5 cm - Peso: 18 g - Nova, na caixa - Valor: R$40,00 4 - KV - Dr. Hélice II - Tipo: Hélice Dupla - Cor: Laranja Fosco - Tam: 16 cm - Peso: 31 g - Usada - Valor: R$18,00 5 - KV - João Pepino - Tipo: Zara - Cor: Osso - Tam: 11,5 cm - Peso: 22 g - Usada - Valor: R$14,00 6 - KV - João Pepino - Tipo: Zara - Cor: Osso - Tam: 11,5 cm - Peso: 22 g - Usada - Valor: R$14,00 7 - Zagaia - Cascavel - Tipo: Zara - Cor: Prata com Cabeça Vermelha - Tam: 13 cm - Peso: 34 g - Usada - Valor: R$18,00 8 - Borboleta - Little Bob - Tipo: Zara - Cor: Branca com Dorso Lilás - Tam: 12 cm - Peso: 25 g - Usada - Valor: R$23,00 9 - Borboleta - Perversa - Tipo: Sub-Superfície - Cor: Branca com barriga e dorso rosa - Tam: 10 cm - Peso: 21 g - Usada - Valor: R$23,00 10 - Borboleta - Perversa - Tipo: Sub-Superfície - Cor: Branca e cinza - Tam: 10 cm - Peso: 21 g - Usada - Valor: R$23,00 11 - Borboleta - Perversa - Tipo: Sub-Superfície - Cor: Branca com barriga e dorso rosa - Tam: 10 cm - Peso: 21 g - Usada - Valor: R$20,00 12 - Borboleta - Perversa - Tipo: Sub-Superfície - Cor: Amarela com barriga laranja e dorso verde - Tam: 10 cm - Peso: 21 g - Usada - Valor: R$23,00 13 - Borboleta - Perversa - Tipo: Sub-Superfície - Cor: Branca - Tam: 10 cm - Peso: 21 g - Usada - Valor: R$23,00 14 - Rapala - Magnum CDMAG 14 - Tipo: Meia-água - Cor: Fire Tiger com barriga laranja - Tam: 14 cm - Peso: 36 g - Usada - Valor: R$58,00 15 - Borboleta - Juana S - Tipo: Meia-água Sinking - Cor: Branca com cabeça vermelha - Tam: 14 cm - Peso: 35 g - Usada - Valor: R$33,00 16 - Borboleta - Juana S - Tipo: Meia-água Sinking - Cor: Branca com cabeça amarela - Tam: 14 cm - Peso: 35 g - Usada - Valor: R$33,00 17 - Marine Sports - Inna Pro Tuned - 140 - Tipo: Meia-água - Cor: Prata com Dorso Amarelo - Tam: 14 cm - Peso: 31 g - Usada - Valor: R$18,00 18 - Marine Sports - Inna Pro Tuned - 140 - Tipo: Meia-água - Cor: Marrom com barriga branca - Tam: 14 cm - Peso: 31 g - Usada - Valor: R$18,00 19 - Borboleta - Lola - Tipo: Meia-água - Cor: Branca com cabeça vermelha - Tam: 11,5 cm - Peso: 22 g - Usada - Valor: R$26,00 20 - Marine Sports - Inna Pro Tuned - 90 - Tipo: Meia-água - Cor: Branca com cabeça vermelha - Tam: 9,0 cm - Peso: 16 g - Nova - Valor: R$17,00 21 - Lumis - Easy Cast - HMCF105 - Tipo: Meia-água - Cor: Prata com Dorso Azul - Tam: 10,5 cm - Peso: 14 g - Nova - Valor: R$11,00 22 - Lumis - Easy Cast - HMCF105 - Tipo: Meia-água - Cor: Prata com Dorso Rosa - Tam: 10,5 cm - Peso: 14 g - Nova - Valor: R$11,00
  8. Excelente esclarecimento, principalmente porque vivemos o tempo todo as vias de fechar pescarias nesses locais e ter a ideia ampla é importante. Apenas uma opinião sobre um fato que não consigo entender: A maioria sabe que a pesca de tucunaré é regida pelo nível das aguas e não consigo entender como 1 única empresa consegue fechar um acordo de exclusividade em apenas 1 rio que pode ficar sem condição de pesca em 90% da temporada. A mobilidade é a grande sacada do barco hotel! Fugir de condições adversas é diferencial.... Mesmo paraísos como o Marié podem proporcionar pescarias terríveis dependendo do nível da agua e, acreditem, a maioria dos clientes ou não retornam ou saem descendo a lenha na pescaria. Me corrijam se tiver errado pois sou especialista em falar besteira ...kkkkkkkkkk. No fim de tudo acredito que a falta de união tanto de operadores quanto de comunidades e indígenas pode comprometer até a arrecadação a longo prazo. Se der prejuízo, os formatos mudam e muitos perdem. Enfim, boa sorte a quem vai subir.
  9. 900,00 reais! Boa tarde! Tá novinha!! Acessórios que tbem são caros pagos a parte, tá preço excelente e completinhas e novinha!!
  10. Bah!!! Ainda há muito que ser dito e mais ainda: há muita coisa a ser esclarecida... Que tipo de solução podemos esperar??? As que passariam pelo crivo da legalidade ou todas estas que derivam de "jeitinhos" sabidamente ilegais??? O rio é Negro, mas não é preciso que tenhamos que conviver com um mar de lama! Mas vou esperar mais um pouquinho, pois sempre surgem informações valiosas que ajudam a compor um cenário mais atual do que acontece na bacia do Rio Negro! Da forma habitual, com que todos agem, é quase impossível encontrar uma solução que contemple a segurança jurídica, tanto para os operadores quanto aos usuários (pescadores)! Entretanto existe alternativas para pelo menos discutir os problemas e avançar nas soluções, desde que o governo fique fora já que até hoje nada fez nem produziu a favor da sociedade. Ao que tudo indica os operadores sonham com os tempos de antigamente, em que eram menos embarcações, que não existia regramento para nada, que acertavam as entradas em reservas indígenas com os caciques com pequenos presentes e outros mimos... Acaso mudou a Constituição? Mudou o Estatuto do Índio ? O arcabouço legal foi revogado pela FUNAI? Ora, para mim tudo o que foi feito até agora é ilegal, imoral e inconstitucional. Quando a coisa assume proporções como as descritas onde o responsável (poder público) é quem proporciona a ilegalidade e fomenta o exercício de atividades sabidamente fora da lei é porque o império é do arbítrio e provavelmente da corrupção. Será que o governo federal conseguirá algum avanço ou tudo continuará como dantes nas águas negras de Abrantes?
  11. Última semana
  12. Realmente falei mesmo. Olhe só quando que eu vim a por em pratica a ideia. hehehehehe
  13. Só p esclarecer um detalhe sobre o rio preto, já pesco nele desde desde 2013, inclusive meu maior peixe peguei lá... sempre foi cobrada essa taxa, sempre achei legal isso, pois o rio é mais preservado e sempre sai peixe grande, inclusive uns dos recordes por tamanho, foi pego lá, o dinheiro fica na comunidade, e de alguma forma ajuda muito a comunidade, diferente dessas licitações de cartas marcadas, depois de toda essa confusão em sirn, em 2017 sair de Sirn e fui pescar no rio preto, o chefe da comunidade disse que não estava cobrando a taxa p quem estava vindo de Sirn. Só estava cobrando de quem vinha de Barcelos... pesquei lá 2 dias e não me cobraram, não sei como está atualmente... A respeito de Sirn, puts pescaria lá agora 10 mil reais😑😑😑😑
  14. Amigo Fabrício, Não tenho dúvidas que toda essa explanação se deve ao fato de acompanhar (e sentir) o problema na região ! Pessoalmente encaro as pescarias de uma outra forma, ou melhor, com um outro objetivo ! Claro que gosto de pescar na bacia do Negro com tantos afluentes cheios de açus... Mas gosto muito mais de desfrutar de algo que não me traga estresse e/ou desapontamento ! Barcelos se tornará muito em breve num imenso atracadouro de barco-hotéis, muitos dos quais falidos... Não aprendemos com o ocorrido na região do pantanal e vamos repeti-la na bacia do Negro. Os operadores podem fazer seus pacotes de pesca, MAS precisam ser bem mais transparentes no que vendem ! Felizmente tenho ótimas (assim como péssimas) lembranças dessa região onde já pretendi levar meus netos...
  15. Caramba! Que bagunça esse rolo em Santa Isabel obrigado pelas infos Biguá, ajudou a entender essa confusão toda!
  16. Boa tarde, Fábio. Como são muitassss informações, vamos lá. Primeiro dê uma lida neste post abaixo: https://www.turmadobigua.com.br/forum/topic/20039-sonar-vale-a-pena-pela-ótica-de-um-pescador/ Depois dê uma lida neste daqui: https://www.turmadobigua.com.br/forum/topic/3416-o-q-vc-precisa-saber-sobre-sonares-aqui/ Estão um pouco desatualizados mas, sabendo isso, será difícil sobrar alguma dúvida. Se sobrar, poste aqui pra baixo.
  17. Eu tenho muita vontade de pescar no rio Alegria. Porem não tem como prever as condições locais com grande antecedência. Infelizmente não da para escolher o rio antecipadamente, o ideal e seguir o que os guais recomendam para aquela semana, pois eles colhem informações com os ribeirinhos... Eu estou indo na semana seguinte que você. 09/11/2019 Abraços
  18. Boa tarde!!!! Turma estou montando um conjunto pra mim, pela primeira vez terei meu barco, estou querendo colocar um sonar e gps e gostaria de ver o que me indicam fazer e qual colocar, desde ja eu falo que não quero e não posso gastar muito, quero algo simples, pratico e funcional!!!! Para barco de alumínio!!!! Conto com a colaboração de todoss!!!! Um grande abraço a todos!!!!
  19. 1.000,00 reais! Boa tarde! Tá novinha!! Acessórios que tbem são caros pagos a parte, tá preço excelente e completinhas e novinha!!
  20. Isso aí, Betão...Na verdade o q definiu o Preto como sendo de SIRN, não foi a ABOT e tals, o q divide é a linha do município mesmo. Inclusive um lado do Padauari pertence a SIRN. Olhem na foto abaixo.
  21. Rio Preto pertence a SIRN. Ainda está longe do "poder" indigenista. Lá as comunidades que mandam (e não as ONGs). Então, quem for para lá se prepare. Há 3 comunidades ao longo do rio, cada uma delas cobra R$ 150,00 por canoa/dia de pescaria. Se passar pelas 3, serão R$ 450,00 por dia, por voadeira...rsrs Falaram isso pro grupo?!?!
  1. Mais Resultados
×
×
  • Criar Novo...