Ir para conteúdo

Seja muito bem vindo ao novo Fórum Turma do Biguá.

Como vc pode perceber, o fórum passou por mais uma atualização, além da busca constante por melhorias, a segurança do conteúdo postado por todos nós é levada a sério. 

Torcemos para que você goste do novo visual e, caso encontre algum erro no fórum, por gentileza nos comunique através do fbigua@gmail.com

Desculpe o transtorno e nos vemos em nossas salas.

Moderação do FTB.

Todas Atividades

Atualizada automaticamente     

  1. Recentemente
  2. Motor 25 ou 40hp

    Os mariner serie marathon são cambio na lateral. Seja o 15 ou 25 mesmo os americanos . Nessa faixa de potência o único que é Yamaha é o 30hp que é o mesmo que o seu 25 Adriel, mudando carburaçã
  3. Motor 25 ou 40hp

    Guto os mercury nao o cambio no manche? Ate onde conheco e me informei quando estava procurando foi que soube, cambio lateral mecanica yamaha, mercury americano otimo mais peças caras e rabeta problematica segundo os mecanico do paraqueda, mas n tenho certeza como disse foi que fui orientado
  4. Motor 25 ou 40hp

    , Não existe Mariner 25hp fabricado pela Yamaha , só o 8. 15, 30 e 40. Se esse mariner fosse 96, teria que ser assim, basicamente um Mercury Americano sem o câmbio no manche:
  5. Hoje
  6. Motor 25 ou 40hp

    Bruno esse Mariner da foto é fabricado pela Mercury, é o modelo americano porém deve ser o modelo Marathon por isso a alavanca de cãmbio na lateral. Esse motor não é 97, é 93 no máximo e o adesivo do capô não é original, portanto cai fora se vc não conhece o motor, eu gosto muito dos mercurys americanos, mas não compraria um usado, nem Jon hson Evinrude, nem Suzuki nas potências de 25/30hp, os 15hp sim. Peças são mais chatas e os Mecânicos não gostam deles Se quer 25hp, eu acho um motor condizente pro Rio grande e região e é um motor que dá pra carregar, procure um Mercury Seapro ou Yamaha apartir dos anos 2000 ou se achar um inteirinho , Yamaha da década de 90. Mas antes de comprar coloque a foto aqui pra gente, to vendo um número absurdo de motores usados a venda na net não condizente com o ano ou com adesivos trocados. Se for pegar uma usado, vai mais de estado do que a característica do motor, melhor um Yamaha zerado que um Seapro zuado, mesmo pq quem não pesca constantemente 5 litros por dia mais e 3kmh a menos não vai mudar muita coisa no resultado da pescaria. E pense no 15 super ou 18 sim, por esse valor que vc cogita pegar o 40, vc pega um 18 zero com garantia. Não pegaria o 18 só se vc anda muito pesado ou se o deslocamento até um ponto de pesca ultrapassar 40minutos com um 15 . Eu pesquei muito na região do Rio Grande aí onde vc mora, não vi necessidade de motor maior que 30, sendo a maioria das vezes usava 15, só usava 25/30 quando os parceiros e a carga era maior. seja em Miguelópolis,Volta grande , Colômbia, Planura ou Orindiúva. Fora que se vc não for com piloteiro é até perigoso ficar andando em motor potente no meio daquelas pauleiras.
  7. Laçamento Molinete Venator By Johnny Hoffmann 2017

    Valeu obrigado!!! Estou pensando comprar o Sahara 2017 com essa tecnologia, um 3000.
  8. compro Shimano Metanium

    Tenho essa, se tiver interesse! Metanium MgDC7
  9. Curso de Manutenção - Carretilhas

    Boa noite, tb gostaria de receber essa apostila antonioarneto@hotmail.com
  10. Pescaria de matrinxã com iscas artificiais.

    Eu já quebrei a boca de algumas quando não usava esses procedimentos é de da dó..
  11. comanche 500

    Essa adaptação que você fez foi para direção remota do motor elétrico?
  12. Curso de Manutenção - Carretilhas

    Boa noite, poderia me enviar a apostila também? diego_utsunomiya@hotmail.com Valeu
  13. Ola amigos, boa noite !!! Pescando em Tres Marias (MG), infelizmente perdi a tamObrigapa lateral da minha Carretilha Shimano Chronarch MGL 150, alguem saberia onde posso adquirir outra ? Obrigado
  14. Alguem de SORRISO ou redondezas?

    Felipe, irei entrar em contato essa semana. Estou reunindo algumas informações antes. Obrigado Obrigado! Mas eu preciso de informações da cidade, nada em relação a pesca.
  15. Quem foi na feira?

    Bacana,mas sem novidades....Belos lançamentos e equipamentos mais tradicionais com o mesmo preço de algumas lojas...Nada de barato! Valeu a pena mais por rever alguns amigos operadores de pesca mesmo.
  16. Duvida Rover 128 river2sea

    eu usei a ideia do nosso amigo @Wellington BSB para zara uso 3 garateias 1/0 na frente , #1 no meio e #1 atras ficou zarando top demais!!! agora para stick coloquei 1/0 atras e #1 no meio ficou show!
  17. Pantanal, noticias de como está a pescaria.

    Magrão,pelo o que sei,a cota do MS é de 10kg por pescador + 1 exemplar de qualquer espécie + 5 piranhas.Dificilmente se encontram pescadores por lá que abrem mão de trazer essa cota. Corumbá e Aquidauana tem cota zero somente para o dourado,que aliás já surtiu efeito,e em algumas épocas,se pega boa quantidade dessa espécie...No mais,é uma pescaria de variedades de peixes né...Ainda se pegam por lá muitos piauçus,pacus e pintados fora de medida,além de outros peixes menores como palmitos,piraputangas e jurupensens..Pra quem gosta de artificial, pra cima de Corumbá tem lagoas com boa quantidade de tucunarés azuis... Barco hotéis muito bem conceituados em Corumbá são os da empresa Joice Tur e Raquel Tur...Barcos com excelente estruturas. E sem dúvida alguma,o Pantanal continua a encantar pela beleza e magia daquele lugar.
  18. Pescaria de matrinxã com iscas artificiais.

    Vlw pela dica parceiro! Na verdade não tenho muito costume de pegar as matrinxãs, porém essa dica de manuseio é bem interessante. Já peguei algumas bem grandes! Passarei a adotar essa técnica de manuseio sempre! Grande abraço.
  19. Pescaria de matrinxã com iscas artificiais.

    Muito bom, só uma dica nunca pendure matrinxã no alicate a boca dela é sensível e pode se partir no meio, pode até colocar o alicate mas deve-se apoiar o peso dela com a mão, hoje em dia amasso tbm as farpas das garatéias assim a coisa fica mais divertida pq tu tem que se preocupar em manter a linha sempre esticada, as perdas são mínimas... Matrinxã é showwwwww vlw
  20. Quem foi na feira?

    Kkkkkk estive lá e não vi ele kkk mas achei bacana. Da pra ver os lançamentos e falar com os pescadores da FishTV PLO menos.
  21. Tudo bem mestre Marcão, aos poucos voltando às pescarias hehehe depois de alguns anos afastado, vamos ver se não esqueci o pouco que sabia de pesca kkkkk Abração pra vcs !!!!
  22. Redai R1 25lb EF

    Parabéns Odirlei, belo trabalho, ficou um show essa varinha !!!!
  23. Amigo, HGN ou Hagane ao que eu sei é um padrão de projeto e construção dos equipamentos shimano, significa que os equipamentos que seguem esse padrão tem muita resistência e a mesma qualidade de fabricação, independente de onde forem fabricados, japão ou Malásia, pq a shimano inaugurou fabricas na Malásia há algum tempo. Aqui um texto da propria shimano sobre o conceito Hagane: O conceito de qualidade HAGANE , lançado ano passado pela matriz da Shimano no Japão, propõe uma nova maneira de desenvolver produtos com foco na mais alta performance. A marca japonesa, mundialmente reconhecida pela expertise no desenvolvimento de tecnologias e aplicação na produção de equipamentos para pesca, lança o conceito HAGANE para ilustrar e esclarecer o emprego destas em seus molinetes e carretilhas. O nome HAGANE faz referência à milenar arte Japonesa na fabricação de espadas. A cidade de Sakai, sede da Shimano, é famosa na manipulação de metal desde o século X. Esta expertise se mantém até hoje na região e a Shimano incorporou os principais preceitos da forja a frio na produção de seus equipamentos. O conceito de qualidade HAGANE , lançado ano passado pela matriz da Shimano no Japão, propõe uma nova maneira de desenvolver produtos com foco na mais alta performance. A marca japonesa, mundialmente reconhecida pela expertise no desenvolvimento de tecnologias e aplicação na produção de equipamentos para pesca, lança o conceito HAGANE para ilustrar e esclarecer o emprego destas em seus molinetes e carretilhas. O nome HAGANE faz referência à milenar arte Japonesa na fabricação de espadas. A cidade de Sakai, sede da Shimano, é famosa na manipulação de metal desde o século X. Esta expertise se mantém até hoje na região e a Shimano incorporou os principais preceitos da forja a frio na produção de seus equipamentos. Na década de 70, quando a Shimano Iron Works iniciou a produção de sua linha para o mercado de pesca e, a partir da primeira carretilha da marca, a “BANTAM”, a combinação entre tradição e aperfeiçoamento na arte da fundição, tornou possível o constante desenvolvimento de inovações tecnológicas, ano após ano. “Na Shimano, trabalhamos todo o potencial que apenas os metais possuem. ‘HAGANE’ personifica a filosofia que tem sido a base na fabricação de carretilhas e molinetes e que é a essência de todo o desenvolvimento de nossa tecnologia” menciona Atsushi Yukawa, gerente do departamento de Pesca da América Latina. HAGANE ilustra o conceito único na combinação de tecnologias desenvolvidas com base em acúmulo de experiência e conhecimento. Os produtos de media a alta gama que possuem algumas das principais tecnologias dentro deste conceito de excelência, passarão a ser estampados de fábrica com a logo do HAGANE. A Shimano, líder no desenvolvimento de tecnologias para a produção de equipamentos de pesca com a alta performance e qualidade, destaca as principais patentes que formam o conceito HAGANE: HAGANE Body, o corpo (chassi) da carretilha apresenta material metálico de extrema rigidez, que elimina distorções assim como flexões durante o recolhimento e protege o interior da carretilha e molinete de impactos inesperados; HAGANE Gear, engrenagens feitas sob o exclusivo sistema de forja a frio, para maior durabilidade e suavidade; X-Ship, sistema exclusivo no qual o pinhão é sustentado por 2 rolamentos, resultando em maior durabilidade e maciez no recolhimento; Micromodule, sistema de engrenagem com características de dentes em maior quantidade e menor espaço entre si, resultando em precisão e encaixe altamente refinado;
  24. Microxisto na Vida de Peixe - Serra da Mesa/GO

    Parabéns!! Belos azulões!! É sempre bom voltar em Serra da Mesa...!!!
  25. Motor 25 ou 40hp

    absolutamente todas essas duvidas estao exaustivamente bem descritas, ponderadas, com diversas visoes e usos no forum , por melhor que nós tenhamos boa vontade em te responder, se vc nao procurar, ler e reler, pouco irá destruir suas duvidas. Via de regra, motor sem procedencia, e entenda procedencia como CARA A CARA com o dono e preferencialmente, dono que vc CONHECE de VERDADE, eu nem levaria em conta. A menos que vc entenda do assunto e saiba ver detalhes escondidos. Portanto, bonito ou nao, loja idonea ou nao, vc ja descarta 99% das opçoes do mercado. Especialmente , pq sendo bem sincero, é muito fácil maquiar um motor, pegar um motor arregaçado, fundido, destruido, dar um tapa e deixa-lo zero é muito mais facil que fazer o memso numa moto ou carro. Portanto, eu ficaria com os dois olhos abertos e as mangas bem passadas em relação a isso. É comum também motores de muitos anos de vida sem riscos em estado impecavel, mais comum do que imagina. O problema é que motor é feito pra rodar, e ficar parado as vezes é pior, sem contar que muitos desses motores o dono esquece de por oleo, liga o motor e em 40 segundos ele funde por falta de lubrificacao, simplemsnete, pq anda tao pouco q o dono esquece e ai ja viu, tem uma bela viola por fora e um pao bolorento por dentro. Aí na tua regiao, os motores 25 em diante sao pouco valorizados, justamente pq td é pirambeira e subir um motor depois de uma pescaria longa, com sol, cansado, barranco acima é coisa pra super homem ou acaba em motor na agua ou machucado ou ambas as situacoes. Sem contar que os rios ai perto sao todos cheios de pedra, um 25 quebra o pescador no final do dia de tanto ter que levanta-lo pra fugir das pedras. De qqr forma, achei os precos dos motores BEM caros, seja qual for a sua regiao. Esse mariner aí é pra pagar 4000 a 4500 no max. Sem contar que achei ele bem ralado. Sinceramente, leia o forum, procure topicos antigos, versoes de opinioes e vc entendera melhor. Lembre-se, vc precisa ir e voltar da pescaria. Via de regra, se teus pontos estiverem entre 30 e 45 minutos de navegacao: 15 hp Entre 45 e 1 hora , ou 1 hora e 10: 25 hp Acima de 1 hora e meia: 40 hp Investir em motores maiores para distancias curtas é por puro prazer , ego, vontade, etc... nao por racionalidade. Qto as opcoes q vc postou, veremos: Esse mariner 25 é fabricado pela yamaha, é igual um yamaha quadrado 25, dos mais antigos, como vantagem tem uma velocidade melhor e uma bela força entre todos os 25, e consumo igual a deles (ou seja, nao é pouco). Pecas sao faceis de achar. Partida pesada, peso pesado. Motores yamaha: Os antigos, quadrados 15 e 25, foram motores lendários, muita confiabilidade, muita força, boa velocidade, consumo entre alto e medio. Os mais novos , chamados de bolinha grafismo vermelho: altamente confiaveis, mas nao andam como os antigos quadradoes e nao raramente bebem mais ou bebem igual. Os ultimos com grafismo verde e amarelo: sao bem economicos e andam o correto pra sua potencia. Altamente confiaveis. tohatsu é hoje qm fabrica pra mariner, mercury, tohatsu e nissan e deve ter outra fabrica com certeza. Apenas os mercurys tem algumas diferencas na carburacao e nao atingem os 18hps reais. Mas sao excelentes motores. qto a preco é complicado, varia de regiao, estado etc. Mas eu os achei muito caro. Motor ta td encalhado faz tempo por causa da crise. Sobre economia: falar que tal motor bebe mais que outro é complicado, depende do rio, altura, manutencao, barco, etc, inclusive do proprio motor. Motor se mede consumo por tempo e nao distancia, ou seja, um 15 bebe menos pra andar 2km, porem demora mais pra chegar no fim, entao no fim das contas, um 25 as vezes pode ser mais economico. Por isso, se vc anda pouco, um 15 ta otimo, se for media longa distancia, vai de 25, se for andar muito um 40 é melhor, mas isso depende do local de andar. Os yamahas perderam muito espaco por serem beberroes (os novos verde e amarelos estao tentando mudar essa imagem, mas ate agora nao temos relatos precisos), os tohatus/,ercurys/nissan andam mais e bebem muitas vezes metade. OS 18hps tohatsus nao bebem nada, da ate raiva, o 25/30 bebe ainda menos se usado com parcimonia, mas é mais pesado, etc, etc, etc....
  26. Vara para Dourado na artificial em porto xavier

    Gabriel eu iria de vara com no minimo 6´0 pés e com um cabo mais alongado pois arremesso com iscas grandes tem que ser feitos com as duas mãos... Eu quando vou pra lá uso 6´3 e 6´6 melhor arremesso e melhor alavanca na fisgada... Abraço..
  27. Pescaria de matrinxã com iscas artificiais.

    Obg meu amigo! Tá sabendo bem hein rsrs é uma bora 75. Mas mudei para o spiner pq estavam escapando muito na bora! Se for possível, se inscreva lá no canal! Abraço!
  1. Mais Resultados
×