Ir para conteúdo

O FTB foi atualizado e otimizado.

Antes, para visualizar todas as nossas salas, era preciso descer a barra de rolagem por muito tempo. Isto dificultava a nossa vida, principalmente a dos novos usuários, que não encontravam as salas/assuntos de interesse.

Agora as salas foram transformadas em "sub salas" e incluídas em grandes fóruns.

Esperamos que tenham gostado. :amigo:

Paulo Roberto

Membro
  • Total de itens

    524
  • Registro em

  • Última visita

3 Seguidores

Sobre Paulo Roberto

  • Rank
    Pescador
  • Data de Nascimento 20-06-1957

Meu contato

  • Website URL
    http://www.gynestetic.com

Informações de Perfil

  • Localização
    CONFRESA - MT
  • Interesse
    A JATUARANA !!!!

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

  1. Chegou hoje, a empresa é séria. Parece um celular. Breve aqui as latitudes e longitudes dos bocudos do Mato Grosso. Grato a todos pelas dicas.
  2. Já que ninguém respondeu nada, decidi comprar o equipamento pelo preço: Comprei o mais barato... Agora vou aguardar chegar, vou pessoalmente confeccionar o equipamento e depois de pronto, postarei aqui as fotos de tudo funcionando. tenho certeza que todos vão adorar. AH! antes que eu esqueça, comprei 3 varas do Sr. Marco e D. Bete, e assim que chegarem, postarei as fotos também aqui...
  3. Já que BUILDERS, significa construtor ou empreiteiro, quero registrar aqui uma invenção que estou desenvolvendo, após noites em claro delirando com o projeto. Estou inventando um sistema, baseado nos carros guincho, que se vê rebocando carros na rua, para colocar e retirar o barco de dentro da água, sem fazer força, e é claro, sem necessitar de rampas concretadas. Na realidade é bem simples: Chego de ré com a carreta no barranco, porém sem entrar com as rodas na água. Solto as amarras do barco, e o elevo 1 cm acima da carreta em roletes de borracha rolamentados, deixando-o fixo apenas na correia do guincho manual. Na parte de traz, puxo uma espécie de escada com 3 metros de comprimento, cuja extremidade distal vai até a água, e a extremidade proximal acopla no final da carretinha. Solto do engate do carro a carreta, e permito que a mesma se eleve (segura por uma corrente), até ter a inclinação próxima com a escada já acoplada. Esta escada possuirá dois carrinhos rolamentados, sendo que o traseiro ficará na popa, e o dianteiro na curva do bico do barco, seguro pela mesma correia do guincho manual. a decida será suave, controlada, e induzida pela força da gravidade... O inverso também será tranquilo. Como o projeto é puramente mecânico, com os materiais que se tem hoje, não tem como dar errado. Estou colocando este tópico por dois motivos básicos: 1º) Quando eu for copiado pelas grandes indústrias, e todos os pescadores do mundo estiverem usando este sistema, todos vocês já saberão quem foi o autor e idealizador !!! :gorfei: 2º) Tô precisando de orientação para comprar uma polikorte, para cortar estes metalões, ferros em U, canos, cantoneiras, etc, com bitolas de chapa de 18 à 14. 3º) Tô precisando de orientação para comprar uma máquina de solda, para soldar estes metais, na realidade ferro comum... Sei que neste fórum há muitos especialistas em todas as áreas, e gostaria destas duas dicas: Vi no ML, o anuncio de uma polikorte makita de 2000wats, com um preço bem em conta, e uma transformadora de solda shultz de 250 A, com um preço bem legal. Vou usá-las só como hobby, e minha preocupação é nem sub e nem super dimensionar o equipamento que vou comprar. Alguem aí pode me ajudar? Desde já agradeço as respostas.... Não sei se postei na sala correta, mas é builders de carreta de pesca... ::tudo: Forte Abraço à todos os "builders" tchau:: danca::
  4. Georeferenciada ! Isso, Isso, Isso, Isso, Isso! Foi o que eu quis dizer, kkkk Obrigado! joia::: joia:::
  5. Decidi! Comprei o Oregon 550 na "globaltech USA", por R$ 1409,06, via transferência bancária, dizem que sedex grátis para a região centro-oeste. Vou aguardar a entrega e aviso se foram corretos. Achei que seria bacana fotografar os lugares, os quais são automaticamente registradas as localizações no GPS. Assim quando eu postar as fotos já terá a localização. Obrigado a todos pelas dicas, e forte abraço.
  6. Vi as dicas do mestre Fabrício, de maio do ano passado, fui no mercado livre atrás do 450, e já achei o 550, como era de se esperar; pois já faz quase um ano... Pergunta: Atualizo com o 550 ? ou não há grandes diferenças ? E o etrex 30 ? É muito inferior aos Oregon? Quero um gps para marcar os pontos de pesca, e as rotas de estradas das pescarias. Descobri que os tucunarés e Jatuaranas, sempre estão nos mesmos lugares. Quase sempre... Descobri também, que onde não estão, dificilmente estarão... Forte abraço a todos os amigos... Desde já agradeço as respostas... joia::: joia:::
  7. Porque não consigo ver o link do vídeo anunciado neste tópico ??? Naonao::
  8. CARACAS! ALEX.!Valeu mesmo, vou fazer isto agora mesmo. valeu !!!!! ...E pensar que elas estão assim a anos, e eu tava com "vergonha" de perguntar... Grato. joia::: joia::: ::tudo::
  9. Tenho 2 varas, ótimas, (São ótimas porque fiz lindas pescarias com elas...); porém estão encostadas num canto da parede do quarto. Uma é uma quantum, e a outra é uma fleming apache... As duas são como eu gosto: 6'', 25 lbs, e ação rápida. A primeira soltou o passador de titanio da ponteira, de maneira que a ponteira está no local, porém somente com o esqueleto de metal. A segunda quebrou somente a ponta DA PONTEIRA. Comprei 2 ponteiras fuji, com 2,8 mm, e to querendo umas dicas tipo: Como tiro as ponteiras velhas?? Ponho na água quente?, num maçarico?, ou o único jeito é cortando a ponta?? E prá colar? alguma dica?? É claro que não to querendo um trabalho lá muito profissional, e sim um "quebra galho". Penso que se eu tiver que gastar tempo e dinheiro, embalado vara, em cano de PVC, achar uma transportadora, e enviar para um profissional, (Ambas não custaram nem 180,00, juntas), seria mais em conta esquecê-las e ficar só com as substitutas, já em uso... Alguem poderia me dar umas dicas??? joia::: ::tudo::
  10. Meu Deus do Céu!!! O que é um Crocs ???? Se pinta, deve ser pra por no cabelo !!! ou nas unhas ??? É shampoo de silicone ???? surtei::
  11. joia::: Volto a me apresentar, porque estive tanto tempo ausente, que, imagino, ninguém lembra de mim. Sou o Paulo Duro Guimarães, pesco desde sempre, direciono minha vida, de maneira nunca ficar longe do peixe, e agora como tudo mudou em minha vida, resolvi compartilhar com todos vocês minhas novas experiências. Após morar 3 anos em Canavieiras, e Ilhéus, decidi há 10 dias atrás, deixar o mangue de lado, e retornar ao meu habitat natural, que é o estado do Mato Grosso. Ainda no voo em minha vinda para cá, sobrevoei a Serra da Mesa, e lembrei de todos vocês... Tomei a decisão de mudar, da noite para o dia, e agora estou aqui, feliz, me preparando para quando as águas baixarem, e eu voltar para minha adoradas e saudosas matrinchãs, (na verdade, Jatuaranas...) Já encomendei, via internet, 50 colheres jonhson 3/4 oç, gold, e as Innas cor fire tiger... (me indicadas pelos índios de Água Boa...)(cor 13). ::tudo:: :gorfei: kkkkkk, parece que to vendo a carinha de alguns lendo isto aqui...kkkkkkkkk!!!!!!!!!!!!! :gorfei: :gorfei: Aqui perto de minha casa, tenho o Cmte Fontoura, o Tapirapé, o Xinguzão, e o Araguaia, todos dentro de um raio próximo a 150 km... Outra coisa, que é absolutamente novidade, é que, já há dois anos, abandonei completamente o tabagismo, e o alterocopismo, e sendo assim, todos os meus depoimentos, à partir de agora, serão com 100 % de lucidez... rindo3:: :gorfei: Trouxe minha clínica para cá: - http://www.gynestetic.com - e pela primeira vez na minha vida, estou com tempo para mim mesmo; e espero, daqui prá frente, compartilhar minhas experiências de pesca, com todos vocês, de maneira amigável, divertida e respeitosa. Um abraço fraterno, deste gauchinho, que nunca os esqueceu! Paulo
  12. joia::: Volto a me apresentar, porque estive tanto tempo ausente, que, imagino, ninguem lembra de mim. Sou o Paulo Duro Guimarães, pesco desde sempre, direciono minha vida, de maneira nunca ficar longe do peixe, e agora como tudo mudou em minha vida, resolvi compartilhar com todos voces minhas novas experiencias. Após morar 3 anos em Canavieiras, e Ilhéus, decidi há 10 dias atras, deixar o mangue de lado, e retornar ao meu habitat natural, que é o estado do Mato Grosso. Ainda no vôo em minha vinda para cá, sobrevoei a Serra da Mesa, e lembrei de todos vocês... Tomei a decisão de mudar, da noite para o dia, e agora estou aqui, feliz, me preparando para quando as águas baixarem, e eu voltar para minha adoradas e saudosas matrinchãs, (na verdade, Jatuaranas...) Já encomendei, via internet, 50 colheres jonhson 3/4 oç, gold, e as Innas cor fire tiger... (me indicadas pelos índios de Água Boa...)(cor 13). ::tudo:: :gorfei: kkkkkk, parece que to vendo a carinha de alguns lendo isto aqui...kkkkkkkkk!!!!!!!!!!!!! :gorfei: :gorfei: Aqui perto de minha casa, tenho o Cmte Fontoura, o Tapirapé, o Xinguzão, e o Araguaia, todos dentro de um raio próximo a 150 km... Outra coisa, que é absolutamente novidade, é que, já há dois anos, abandonei completamente o tabagismo, e o alterocopismo, e sendo assim, todos os meus depoimentos, à partir de agora, serão com 100 % de lucidez... rindo3:: :gorfei: Trouxe minha clínica para cá: - http://www.gynestetic.com - e pela primeira vez na minha vida, estou com tempo para mim mesmo; e espero, daqui prá frente, compartilhar minhas experiencias de pesca, com todos voces, de maneira amigavel, divertida e respeitosa. Um abraço fraterno, deste gauchinho, que nunca os esqueceu! Paulo
  13. Abalroamento com moto não é colisão. É atropelamento. É um aviso das Seguradoras: Como advogados sempre nos indagam de coisas parecidas, sugerimos o seguinte: Registrar, fotografar (agora com celular é fácil até fazer um filminho), pegar nome de testemunhas. ... Aviso das seguradoras: Leiam o relato abaixo, de um sinistro com um de nossos segurados: "No mês de abril, o carro do meu filho foi abalroado na TRASEIRA, Num farol fechado, por uma motoqueira com outra na garupa. A moto caiu e A garupa ficou com a perna embaixo da moto. Meu filho filmou a placa da moto e obteve telefone com a garupa. Telefone inexistente. Um funcionário da CET, que estava próximo, acionou o resgate e a motoqueira mandou cancelar. Como ela não quis ser socorrida, o marronzinho pediu para que saíssem do local, sem antes orientar meu filho de que seria interessante registrar um BO. Foi o que fizemos na mesma tarde. Um mês depois, recebi telefonema "em casa" da dita cuja, querendo fazer um acordo, dizendo que o conserto da moto estava por volta de R$ 800,00 e que a garupa machucou muito a perna, estando 20 dias sem poder trabalhar. Por ela não ter aceito o atendimento do resgate, disse que não teria acordo nenhum. Mais um mês se passou (Junho) e recebi uma intimação policial, na minha casa, para me apresentar no distrito de Perdizes para prestar depoimento, por "OMISSÃO DE SOCORRO". Chegando lá, soubemos que havia sido registrado um BO e elas tinham passado, 4 dias depois, no IML para fazer exame de corpo de delito. Fizemos os depoimentos, meu filho como condutor, eu como proprietário do veículo, o carro passou por perícia policial e o caso está com minha advogada para provar que não houve omissão de socorro. Felizmente o nosso BO foi feito antes do delas e tinhamos o nome do policial que atendeu a ocorrência, bem como sabíamos a hora exata que o chamado do resgate foi cancelado. Mesmo assim, a dor de cabeça e trabalheira estão sendo grandes". =================================== Agora, leiam atentamente o texto abaixo: Aviso das seguradoras Todas as vezes que os senhores se envolverem em acidente de trânsito, cujo terceiro seja um motoqueiro, façam o BO (boletim de ocorrência), independentemente de serem culpados ou não. Têm ocorrido fatos em que o motoqueiro é o culpado e tenta fazer um acordo no local, diz que está bem e não quer socorro médico. Só que, depois, ele vai a um distrito policial, registra o BO e alega que o veículo fugiu do local sem prestar socorro, cobrando, na justiça, dias parados, conserto da moto, etc ... Na maioria dos casos, as testemunhas do motoqueiro são outros motoqueiros. Isto é um fato, pois está ocorrendo com muita freqüência. Portanto, não caia na conversa do motoqueiro, que diz não ter acontecido nada. Em um dos casos recentes a pessoa envolvida foi até a delegacia registrar BO e, eis que, quando chega à delegacia, lá estavam os tais amigos do motoqueiro tentando registrar BO de ausência de socorro. ISTO É MUITO IMPORTANTE !!! QUEM NÃO FOR MOTORISTA, REPASSE AOS AMIGOS. ABALROAMENTO EM MOTO NÃO É COLISÃO. É ATROPELAMENTO! PONHA ISSO NA CABEÇA! OLHO VIVO!
×
×
  • Criar Novo...