Ir para conteúdo

MarceloSiqueira

Membro
  • Total de itens

    384
  • Registro em

  • Última visita

8 Seguidores

Sobre MarceloSiqueira

  • Rank
    Integrante do Grupo
  • Data de Nascimento 07-07-1986

Profile Fields

  • Sexo
    Masculino

Informações de Perfil

  • Localização
    Goiânia - GO

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

  1. Chrystiano, tenho uma Scorpion DC 7 já fazem 2 anos. Pra mim é uma carretilha excelente. Relativamente leve, ela tem as mesmas características das Curado 200 E7. Por dentro são praticamente iguais, mudando apenas o tipo dos rolamentos e o digital control. É excelente para iscas leves, e arremessa muito. Se você ficar arremessando com ela muito tempo com um conjuto só (vara e isca), ela faz ótimos arremessos sem dar nada de cabeleira. Nem aquela minima que deixa um ou dois fios mais frouxos no carretel. Só tenho elogios pra minha Scorpion DC7. Inclusive considero ela uma das melhores carretilhas que tenho, e olha que na minha coleção tenho 2 zillion, 1 smoke, 2 curado 100B, 2 Curado 200SF, 2 Curado 200E7, 1 chronarch SF, 1 scorpion 1000mg, fora as maiores...
  2. Pedro... Qualquer uma das duas que você comprar, você estará muito bem servido. As duas são bem fortes, tem uma boa capacidade de linha, são leves e mto prazerosas pra se pescar. Eu particularmente gosto mais das carretilhas da shimano, porque unem eficiencia, boa construção, força e maciez. As penn são ótimas, tem todas as qualidades das shimano, mas acho que não tem a mesma maciez e suavidade no recolhimento e na fricção. Minha tekota já capturou mais de 20 piraibas, uma infinidade de pirararas e jaús, fora as arraias às vezes exigem mais da carretilha que as piraibas. Ela está simplesmente perfeita. Amanha, se tiver tempo vou abrir ela e fazer um release pro pessoal ver. Abraço
  3. Em normativas do IBAMA, MPA e aqui em goias da Secretaria do Meio ambiente, fica claro que o defeso se aplica a ambientes naturais ou artificiais que não sejam privadas (caso de serra da mesa, lago do peixe, corumbá IV...). Represas de fazendas, tanques de aquiculturas, ou reservatórios de água particulares, que são devidamente licenciados (outorga d'agua, autorização ambiental para a construção e etc) não se sujeitam ao defeso. Mas a legislação exige que o transporte do pescado proveniente destes locais deve ser feito com algo que comprove sua origem.
  4. Policia neles... agora ja temos lei pra punir crime virtual. abraço
  5. Pouca gente dá valor na carne da traíra. Eu mesmo menosprezava o sabor do peixe até ir pra amazonia e o piloteiro la me colocar pra comer dessas bichas ai... Do jeito que ele fazia lá, ficava melhor que o tucunaré. Pena que tem muito espinho. Mas deve ser porque, como o João Medeiros disse... elas já são feias vivas, mortas são mais feias ainda... pessoal fica com preconceito de comer. abraço
  6. Pedro, o melhor jeito de você introduzir o tucunaré na sua represa é adquirindo casais de alguma piscicultura ou pesqueiro próximo de você. Se não tiver como você comprar os casais, ou achar caro, você pode comprar os alevinos mesmo, tendo cuidado de deixa-los crescer antes de soltar na represa. De início você pode colocar uns 2 ou tres casais e logo vc ja terá vários tucuninhas na represa. Com o tempo você vai precisar colocar mais alguns indivíduos para que eles não fiquem cruzando apenas entre eles, já que com apenas 2 ou 3 casais, em pouco tempo todos serão parentes e você terá o problema do cruzamento co-sanguineo que pode gerar má formação ou fazer com que os indivíduos se desenvolvam menos. quanto as outras espécies, você não precisa se preocupar que a tendencia é que a propria represa se equilibre. Quanto a introdução de alevinos, eu considero a matrinxã pior que o tucunaré pra comer alevinos, como você ja tem a matrinxã, não vai mudar muita coisa quando você for introduzir novos peixes. Tenho certeza que você vai achar uma piscicultura proxima de você que terá esses peixes para vender.
  7. Belíssimo peixe. Mas não é tambaqui nao, é uma Pirapitinga (Piaractus brachypomus). abraço
  8. Eu ainda digo... pra pesca pesada, utilizem Shimano ou Penn... quando muito uma Daiwa... a coisa é feia e já vi muitas, mas muitas mesmo dessas carretilhas MS, okuma, mitchell quebrarem no primeiro peixe.
  9. Ta ficando complicado comprar as coisas fora. E aqui dentro do BR a gente quase tem q ganhar na mega sena pra comprar tralha boa. Aqui em goiania qualquer carretilha shimano ou daiwa não sai por menos de R$ 1.000,00 Brasilzão véio ta virando uma merda mesmo.
  10. Com piranha, bobeou perdeu. Nunca vi nada pra cortar igual ao dente daquilo. E o pior é q acho q o corte é tão fino que abre até os menores vasinhos, e ai demora muito pra parar de sangrar. Já levei uma mordida no pé e fiquei quase o dia todo segurando o ferimento pra parar de sangrar. Outra coisa que corta pra caramba e é bom ter cuidado é dente de cachorra. Não é tão perigoso quanto a piranha, mas uma bobeada e vc ganha um arranhão fundo, praticamente um corte, que vai ficar ardendo a pescaria toda. Escrevi um tópico há algum tempo, alertando o pessoal pra comprar um alicate truquês ou turquês (já vi gente falando dos dois jeitos, apesar do certo ser turquês). Em uma das minhas pescarias deste ano, tivemos o desagrado de um anzol 12/0 entrar no dedo de um companheiro. A coisa foi feia.
  11. não é errado abater peixes, o problema é que, se você tem um pescador ou 10 pescadores abatendo 10 kg mais um exemplar em um rio de vários kilometros, a natureza não sentirá. Mas se você tem milhares de pescadores abatendo 10 kg cada um, você tem um verdadeiro genocídio de espécies. A população mundial tem crescido muito (vide aumento nos ultimos 150, 200 anos) e com ela o número de pessoas que gostam de pescar. Com este aumento, ou se restringem os direitos individuais (direito a cota de cada um) em favor de um direito coletivo e ambiental (todo mundo pode ir ao rio, se divertir, mas não pode transportar nada pra casa), ou daqui uns anos não teremos nada o que pescar.
  12. Amestieri, Estive por duas vezes no Araguaia neste julho e conversando daqui, dali, com donos de pousadas, guias autônomos, e um monte de comerciantes/amigos de Luis Alves, São Miguel do Araguaia, Fio Velasco... POUSADAS CHEIAS, MUITO CHEIAS!! RESERVAS AUMENTARAM SIGNIFICATIVAMENTE PARA 2014 TAMBÉM!! Péssima notícia para os praticantes da pesca predatória. :gorfei: Aos que praguejaram a falta de turistas... MEUS SENTIMENTOS! E para o azar destes, está sendo senão a melhor, uma das melhores temporadas de piraíbas pegas em pesca esportiva nesta região do Araguaia, lógico que não é resultado ainda da nova IN, mas chama mais turistas ainda. Vi a ambiental trabalhando dentro da água e fomos parados na estrada pela SEMARH ::tudo:: Não é resultado da nova IN xande, mas é resultado da cota zero pra espécie que vigora desde 2003. Se não fosse essa cota zero o araguaia não estaria tão cheio de turista em busca de pirarara e piraiba.
  13. E o bicho ta pegando, a fiscalização teve até helicoptero esse ano e parece que foi muita gente multada. Tomara mesmo que os engraçadinhos que não pegam consciência que tem que respeitar sejam todos multados. Outra coisa que eu sempre falo, é sobre o respeito de não abater espécies como a Bargada. Ainda vejo gente matando esse peixe pra comer na beira do rio ou no acampamento, sendo que a espécie agora é de captura proibida.
  14. Tenho esse que acho bem bonito, mas se for pra votar, o campeão é o tucuna do avatar do Felipe Teixeira, pra mim ele é com certeza um dos peixes mais bonitos q eu já vi.
×
×
  • Criar Novo...