Ir para conteúdo
Entre para seguir isso  
Flávio Martins

Projeto Mega Fishes

Posts Recomendados

Ta a toa no serviço?

Da uma olhada:

Neste domingo vi sobre o trabalho que este camarada vem fazendo junto a Nationalgeograpic, na Tailandia, Camboja... um trabalho de proteção aos gigantes dos rios daquela região.

Passa cenas submarinas e de pescadores com estes brutos e cá pra nois, o peixe feio esse aim viu!

Mas é trabalho bacana e bem feito e vem dando bons resultados.

Poderia ser feito aqui no nosso Brasil, mas esperar ter apoio de empresas ou governo é mesma coisa que cavar a cova dos peixes.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

+ sobre o projeto:

O projeto Mega Fishes representa a primeira tentativa mundial para documentar e proteger os maiores peixes do mundo de água doce. O projeto envolverá uma equipe de trabalho de mais de 100 cientistas em 17 países. O objetivo - Avaliar o estagio de conservação dos grandes bagres, carpas, salmonideos, estrujões e outras espécies de peixes de água doce que crescem até no mínimo 6 pés de comprimento ou 200 libras de peso. A pesquisa ajudará a identificar também os maiores peixes de água doce do mundo. Os trabalhos do projeto estão previstos a serem realizados na Asia em 2007, Australia, Africa e Europa em 2008 e nas américas em 2009.

O ANO PILOTO

A equipe do projeto usou o ano de 2006 trabalhando em expedições para o Mekong e Selenge/Baikal (Mongolia) e prepararam o terreno para futuras missões nos rios através da Asia, America do Sul e América do Norte.

RESULTADOS

Como resultado do trabalho do lider do projeto Dr. Zeb Hogans junto ao governo do Camboja, Tailandia e Laos, agora é ilegal a captura do bagre gigante do Mekong nestes países desde o verão de 2006.

Camboja: O projeto MegaFishes se reuniu com o Cambodian Department of Fisheries and the Mekong Wetland Biodiversity Program para criar um dos primeiros programas de preservação de água doce do mundo ? a área especial de pesca no Rio Tonle Sap feita para proteger algumas das maiores especies de peixes de água doce do mundo, incluindo a gigante stingray e a barb. O Dr. Hogan trabalhou com a organização local Save Cambodia?s Wildlife para produzir um livro infantil sobre preservação da biodiversidade da água doce. O livro é muito bem ilustrado por artistas cambojanos e impresso em Khmer e inglês.

O livro conta a historia das fases da vida do bagre gigante do Mekong com um jovem cambojano chamado Sammang. Quando o enorme peixe, que se tornou amigo de SAmnang é pego por um pescador o garoto convence o homem a daixa-lo ir, pois trata-se de um peixe especial e muito raro.

Tailandia: No triangulo dourado no norte da Tailandia, biologos do projeto estabeleceram um trabalho com mais de 2 duzias de pescadores para definir a rota de migração de peixes gigantes no Rio Mekong. Eles esperam descobrir as barreiras naturais e outros pontos criticos para a sobrevivência dos peixes.

Junto com o Thai Department of Fisheries e com o Mekong Giant Catfish Fishermen?s Club, o projeto Megafihes capturou, marcou e soltou um bagre gigante em homenagem ao 60o. Aniversário da acensão ao trono do rei da Tailandia. Além disso, houve uma reciprocidade em junho de 2006. Esta é a data quando ocorre a cerimônia da adoração do deus do bagre gigante e é feito em homenagem ao rei. Pescadores de Chiang Khong concordaram em parar de pescar o bagre gigante e colocaram 68 redes de pesca, avaliadas em mais de 34 mil dolares. a venda como simbolo do acordo.

Mongolia: O projeto teve inicio com um grupo local , Taimen Conservation Fund, formado com fins academicos e recreativo para proteger a ameaçada truta gigante da Euroásia.

Cientistas estão trabalhando para entender a ecologia do Taimen, uma área especial de pesque e solte que pode ser criada com doações de uma comunidade local. O projeto está também trabalhando com a Montana ? based organization e fundos tributários, para reconstruir o monasterio de Buddhist, em homenagem ao rio, a vida e as tradições culturais que o rio sustenta.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
Entre para seguir isso  

×