Ir para conteúdo
Entre para seguir isso  
Kid M

Mocorongos em Barcelos

Posts Recomendados

O Relato que inicio a seguir, até para efeito de uma ?visão geral?, não inclui algumas descrições mais detalhadas, que serão posteriormente acrescentadas em outros e específicos tópicos, por entender que ? por si próprias ? já se justificarão. Dito isso, vamos as coordenadas principais do que será tratado !

Grupo Mocorongos n.º 19, composto por 10 integrantes ( 8 de Salvador, 1 do Guarujá e 1 de Ribeirão Preto )

Local da Pescaria : Rio Negro ? a partir de Barcelos na direção de Santa Isabel do Rio Negro ( subindo o rio )

Período : 22 à 29 de outubro ( lua quarto crescente ) ? Barco hotel ANGATU ( regional adaptado para até 12 pescadores )

Embora assinalada a data de 22 ( dom ), a pescaria teve início mesmo na véspera, com o deslocamento do Grupo ! Viagens desse tipo, só através de programa de milhagem, pacientemente agregado ao longo do ano, e reservadas / emitidas com alguma antecedência, senão fica impraticável ! Viajamos ( a maior parte do Grupo ) de TAM, com conexão em Brasília ( troca de aeronave ) até Manaus ! O incidente inicial foi o temporal que caiu em Salvador na hora do embarque, ficando o aeroporto fechado por mais de 2 horas ! Meu filho que foi de Gol fazer conexão VARIG ( Smiles ) em SP, conseguiu decolar minutos antes do aeroporto fechar, mas nós não, e mesmo com conexão em Brasília na própria TAM, terminamos perdendo o vôo ! Depois de um pequeno ?entrevero?, fomos acomodados num vôo da GOL e chegamos em Manaus com 2 horas de atraso ( excepcional diante de perspectivas de aguardar o vôo noturno da TAM... ). São por essas e outras que planejo sempre a chegada em Manaus com antecedência, exatamente para evitar esses problemas de conexão, que sempre existem nesse tipo de vôo... Nossa ida para Barcelos somente aconteceria na ?madrugada seguinte?, de modo que com o Grupo reunido, era hora de pegar a bagagem ( sempre há aquela palpitação e torcida para que nada extravie... ) e tratar da ?barriga?, pois a fome era grande ( serviço de bordo agora é uma ?piada? ? de mau gosto... ). Assim, com aquele ?aprazível? tempo úmido de Manaus, embarcamos nas VANS pré-contratadas e seguimos para o restaurante escolhido.

Imagem Postada

O restaurante já era nosso conhecido do ano passado, e se mantinha no mesmo padrão de qualidade e serviços, de modo que com a fome que estávamos, foi um estrago ! Sem entrar em maiores detalhes, lembro-me de que de peixe ( não como carne vermelha ? salvo cordeiro ? há 5 anos ) tinha Pirarucu, costela de tambaqui, tucunaré e surubim numa grande churrasqueria que agregava também todas as demais carnes ( picanha, costela, lombinho de porco, e todas aquelas ?misérias? intrinsecamente ligadas ao ?colesterol?... ). Sem falar na parte das ?pastas? com tudo que se tem direito da cozinha italiana ( pizza, risoto, etc.. incluso tb ), também os nipônicos bem representados, a cozinha mineira presente, a carioca com uma enorme feijoada ( feijão preto ), e até mesmo a gaúcha com um carneiro no rolete ! Para os que gostam, ?marvadas? de todas as cepas ( inclusive de Patos de Minas, Salinas e arredores... branquinhas, amarelinhas, etc... ), assim como um enorme buffet de saladas ( pouco freqüentado ? forçoso confessar ! ). Tudo isso com sobremesas e um ótimo serviço, e custo pré-estabelecido de R$ 45 p/cabeça ( só para constar ) ! É um local ?criminoso? que sempre se jura que é a última vez, mas o Grupo tem memória fraca e gosta de comer bem... ( já faz parte da pescaria ! ). Olha uma foto do local... ( já no final da festa... )

Imagem Postada

Final de tarde, depois de uma passada no hotel ( TAJ MAHAL ***** ) que tem um esquema de preço super especial para Grupos de Pesca ( e nós que somos reincidentes então... R$ 70,00 p/cabeça com café da manhã incluso ), fomos todos para um ?bordejo? no shopping Amazonas, por motivos variados, dentre eles, a complementação de algumas compras no supermercado pelos ?chef de cuisine? presentes ( também curtimos preparar uma comidinha... ) para as comemorações em pleno rio Negro, e uma passadinha pela Sucuri Pesca, que é uma das melhores casas de pesca que conheço ( sem desmerecer Hali, Vírgílio, Roger, Beni e outros Intrépidos... ). Fisicamente pequena, mas com um estoque excepcional ! Mas daqueles que não tem nada que se possa considerar ?supérfluo? ! Só tem material de ponta ( inclusive fly ) e com preços bastante razoáveis ! É quase uma tortura, mas desta feita consegui sair ?ileso?, mas quase que ?me suicidava? ( andei próximo ! ) ! Pescar com a despesa do filho inclusa faz-nos refletir mais... Mas o cansaço bateu, e antes das 22:00 h alguns de nós já retornara ao hotel, outros chegaram mais tarde... A dormida foi reparadora, e os xingamentos aconteceram às 05:15 h no telefonema dado aos quartos ( instruções de véspera ! ). Como num passe de mágica, em menos de 15?, todos no saguão do Hotel ! O que não faz a ansiedade de pescar... O café da manhã farto e saboroso foi apreciado por todos, e rapidamente as bagagens, tubos, caixa térmica ( levando os ?acepipes? ? voltou vazia de peixe, pois já não trazemos mais pescado há algum tempo ! Ou consumimos no local, ou soltamos ! ) e demais caixas ( camisetas, supermercado, etc... ) foram condicionados nas VANS ( recomendo sempre ter esse esquema de traslado pré acertado ? no nosso caso a Aruak é a ?transportadora oficial? dos Mocorongos há bastante tempo ! ), e lá seguimos para o ?Eduardinho? ( aeroporto regional que fica ao lado do internacional ), não sem dar um ?pit stop? no mercado de Manaus atrás de uns temperos verdes ( coentro, cebolinha, etc... ). Mas foi tudo muito rápido e chegamos logo ! O esquema do pacote contratado, incluía ( por nossa exigência e experiência passada ) o vôo para Barcelos, o que terminou significando que iríamos mesmo de vôo fretado ( Bandeirantes ? bi-motor para os mais temerosos... ). Um adendo : Quem for se aventurar para aquelas bandas, não se assuste com os preços praticados pelas companhias regionais ( são muito caros proporcionalmente ), bem como sua desorganização e falta de horário ! Trata-se de algo próximo a ?loteria? ( talvez esteja exagerando, mas cuidado com os esquemas, principalmente dos ?over books? ! ). Mesmo assim tivemos um contratempo de saber que o nosso avião havia ido para Barcelos pegar um grupo, mas já estaria de volta em pouco tempo... ( durou mais de hora e meia essa espera ! ). Insisto sempre que na ida, tudo é festa... ( felizmente ). Mas o fato é que nos acomodamos no Bandeirantes e seguimos viagem para nosso objetivo : BARCELOS !

Imagem Postada

No vôo, podíamos ver que o rio estava bastante baixo, com muita areia aparecendo nas suas margens, como aliás o Fabrício Biguá já havia comentado no seu Relato ! Isso só fazia aumentar nossa adrenalina, e uma foto do rio bem que merece ser exibida :

Imagem Postada

Chegamos em Barcelos, e enquanto embarcávamos nossa bagagem o contato com quem partia ( tinha um outro Grupo embarcando de volta ) deixava gente com princípios de taquicardia ! Rio na caixa, e peixe no rio e em todo lugar ! Conversas de cardumes de 40 capturas acima de 3 quilos, e contabilidade ( elevada ) a partir dos de 5 quilos ! Muito peixe grande embarcado ! Vários de 2 dígitos e um número muito grande de peixes na faixa dos 6 a 8 quilos ! A recomendação básica era de trocarmos nossas garatéias para 6x, pois as originais estavam sendo abertas e/ou arrancadas com muita facilidade... Ações de superfície, principalmente em zaras e hélice ! Avisei logo que o FDP que me acordasse desse sonho ia se ver comigo... O Grupo estava num estagio próximo ao Nirvana ! E fomos para o Angatu, que para quem não conhece ( recomendo não subestimar o ?estilo? ) está numa foto próxima a da mesa de ?boas vindas? :

Imagem Postada

A seguir a foto do ANGATU, com suas 6 cabinas/suites refrigeradas ( split ) e banheiros pressurizados independentes, e convés intermediário e superior restrito aos pescadores, sem acesso que não o autorizado ! Com Globalstar ( telefone internacional ), 7 botes ( 1 reserva ) com motor de popa ? 25 HP, elétrico, caixa térmica, poltronas forradas giratórias, etc... ? cozinha semi-industrial, acesso aos botes na lateral do 1º deck, onde ficavam também as tralhas guardadas, lavanderia e mais outras ?cozitas? mais... ( claro que cabina de comando completa com GPS, Sonar, rádio, etc... ).

Imagem Postada

Antes de servirem o almoço, a ?fominhagem? já imperava, e as ?tralhas? dominavam o ambiente, como se só tivéssemos aquela tarde para pescar ! O ?frenesi? em preparar os conjuntos era incrível, mas já no caminho do nosso percurso ! Iríamos permanecer no rio Negro, pescando as ressacas e pontos pré-conhecidos dos piloteiros ( todos eles absolutamente excepcionais ? talvez a melhor equipe desses profissionais que já desfrutamos ! ). Mais adiante retorno ao tema... Olha o ?frenesi?...

Imagem Postada

Naturalmente que não demorou muito para esticarmos as linhas, e nisso, mais um mérito do pessoal do Angatu, que se estrutura de forma a oferecer exatamente aquilo que nos interessa ! O esquema de navegação é preparado de forma a que possamos usufruir dos bons locais de pesca ( tanto na ida, quanto na volta, pois o barco navega à noite também ! ) ao longo de todo o trajeto ! E quando chegou a hora, as duplas estavam preparadas ( fazemos previamente um esquema de rodízio por turnos, possibilitando que todos pesquem com todos, inclusive com rodízio dos botes e piloteiros, de forma que esse é um estresse já superado pela experiência de outras viagens... ) e prontas para ir atrás dos tucunas...

Imagem Postada

E olhas os primeiros embarcados...

Imagem Postada

E não ficou só nisso, naturalmente... ( olha aí um crescidinho de uns 5 quilos, pego há 3 horas de Barcelos ! Só precisa saber onde eles estão, e isso, esses piloteiros sabiam de sobra... )

Imagem Postada

O entardecer foi gratificante, com vários tucunas embarcados, alguns bonitos, e numa região em que a atividade de pesca já nos faz passar por outros Grupos e barco hotéis... Nessa região ( próximo à Barcelos ) é que fica o Rio Negro Lodge, de um americano Philip ( já virou ?Felipe? na região ), que trabalha com bass boats Tracker, com motores de 90 à 115 HP ( vi e passei por diversos fazendo marolas... ). Nada demais, se já não fossem 50 botes ( só da Pousada ? que não fui conhecer, mas deveria ter ido, pois só a conheço de internet... ), além do barco hotel Amazon Queen II, que tem 10 cabinas duplas ( e conseqüentemente + 10 bass boat ) e apesar do seu estilo regional ( foi mandado construir com pé direito mais alto que o tradicional por conta da altura dos estrangeiros usuários ! ), é uma belíssima embarcação ! Apenas para ?fechar? o tema, a Pousada dispõe também de serviço de hydro-aviões para traslado de seus clientes... Quem estiver disposto a desembolsar US$ 6 mil ( de dólares mesmo ) pela semana, precisa fazer as reservas com bastante antecedência, principalmente após o vôo Miami / Manaus que está funcionando... Voltando ao ?nosso Brasil?, com seus ?reais?, há também inúmeros outros barco hotéis operando por lá, com estrutura e preços para todos os bolsos, com belos iates ( Forest, Amazon Princess, etc... ) a outros com estilo mais regional, mas que também ( até pela oferta existente ) devem ter uma estrutura de serviços semelhante ! É pesquisar, manter contato, e buscar informações de funcionamento com turmas que já usaram seus serviços, antes de uma tomada de decisão ! Minhas experiências por lá ( Região Norte ) recomendam muita cautela e verificação de idoneidade e serviços prestados antes de fechamento de negócio, principalmente em função de preços oferecidos... Os serviços ( e conseqüências e até mesmo a quem apelar nessa região ) são coisas difíceis de serem encontrados... Cautela SEMPRE ! Mas a viagem continua...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Depois de uma noite bem dormida, com o sono dos justos e recompensados, era hora de encarar aquela ?vidinha mais ou menos? de correr atrás de peixe, e não é que às 05:00 h da matina, não respeitando os 17º do termômetro digital do ar condicionado da cabina, um dos meus irmãos já fazia barulho nas portas das cabinas ( rotina que se repetiu todos os dias... ). Acordou, tá acordado, e com as primeiras luzes da manhã que se aproximava ainda envoltas na escuridão, nos reuníamos em torno da mesa para degustar aquele café matinal, composto por tudo aquilo já tradicional, mas com alguns requintes como ?panquecas americanas?, ou ?churros com creme de baunilha?, e por ai ia, sem repetição a cada dia ! D.Maria, a cozinheira ( nossa conhecida desde 2004 já conhecia a fome dos Mocorongos ) não deixava por menos, e até sanduíche de ovo ( coisa que não via há anos ) rolava fartamente nos pratos sempre avolumados dos pescadores... Importante não esquecer que voltamos para almoçar... Olha as caras matinais...

Imagem Postada

Antes que alguém pergunte, deixe-me esclarecer que um hábito já estabelecido nas nossas viagens, que nem sempre dispõem de ?lavanderia?, é de adquirirmos ( mandamos fazer na verdade ) camisetas de malha ( dessas bem simples, de algodão penteado ) para serem usadas durante os dias de pesca, na base de uma por dia, devidamente personalizadas e nas proporções de tamanho de cada um dos integrantes ! Isso simplifica muito o esquema, já que a cada banho ( início de noite ), já se troca a indumentária para o dia seguinte ! É uma ?dica? que recomendo, pois essas camisetas não são caras ( tipo R$ 10/15,00 a unidade ) e servem bastante bem ao seu propósito, ficando depois de lembrança para uso caseiro... Uma solução simples, barata e de plena aceitação ! Por isso, não estranhem ver as pessoas usando sempre ?a mesma camisa? ! Mas e a pescaria...

Imagem Postada

Os pontos de pesca foram ficando cada vez mais interessantes, e a cada dia que nos afastávamos de Barcelos, mais locais deslumbrantes eram encontrados ( alguns ? no nosso caso ? revistos... ). Os piloteiros não esmoreciam, e com a implementação de uma ?caixinha especial? para o bote que embarcasse o maior tucunaré da pescaria, os ?caras? não queriam nem parar para almoçar... Uma loucura verdadeira ! Antes que já fiquem ?elocubrando? esse ?adicional? eram R$ 20,00 por pescador ! Uma ?merreca? de grana para tanta disposição ! Tenho certeza contudo, que a despeito do profissionalismo de todos, a empatia dos caras com os Mocorongos era uma coisa evidente, e não raras as vezes que os piloteiros entravam nas ?artimanhas? e ?zoações? existentes em algumas das duplas, quando ?rolava? uma ?competição paralela? de peixes embarcados... Com meus irmãos, isso já é uma tradição e haja gozação e brincadeira posterior, já que na hora, pesca-se mesmo em parceria, uma ajudando o outro... ( esquema campeão ! ). Olha ai, somente para exemplificação, um dos pontos em que estivemos ( nesse caso, Pai e Filho juntos ? tem algo melhor ? Tem ! Um dublê ! )

Imagem Postada

Mas não apenas de locais se faz uma pescaria, embora esses sejam importantes ! Olha alguns dos ?bichos? ai...

Imagem Postada

Imagem Postada

E tivemos algumas aruanãs também, com seus saltos acrobáticos e muita disposição...

Imagem Postada

Imagem Postada

Imagem Postada

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

É muito peixe, e ao longo desse Relato ( que já está grande ) irão aparecendo, entremeando os comentários ! Como já disse antes, tínhamos alguns esquemas pré-determinados, como o de vir almoçar no Angatu, não apenas para fazer a troca de duplas, como também alguns aproveitarem o ?frio do quarto? para um ?cochilo? reparador ( 1 hora ? no máximo ). Era hora também de rever tralha, trocar linha, consertar ou trocar garatéias abertas e por ai vai ! Estávamos usando linhas Power Pro ( a maioria de nós ) de 40 ou 50 lb, sendo que alguns ainda tinham líderes de mono ( ou flúor ) de 60 lb, e mesmo assim não foram poucas as iscas perdidas ( para peixe ! ) ! Ao que me lembre, o Grupo nunca perdeu tantas iscas ( e material ? inclusive uma vara MH quebrada por peixe - nunca tinha visto isso acontecer... ) Vai ver ?a coisa? andou por lá também, e ?entrou? numa ?perversa? da Borboleta ! O ?bruto? ficou fisgado, e sendo ?puxado na mão?, quando a isca soltou com as garatéas destroçadas... era peixe para bem mais de 10 quilos ( na opinião do experiente piloteiro, mas como ele estava concorrendo ao ?caixinha?... esse era o cometário típico que fazíamos dentro do ?Grupo? para ?desmerecer? o peixe quase capturado... ).

Numa dessas manhãs contudo, entendemos de fazer uma ?incursão? a um lago ?escondido? ( sempre tem um nesses lugares ), e fomos em 4 botes ( apenas uma das duplas não aderiu ) à essa aventura ! Esquema brabo de entrada por canais, por cima ( ou por debaixo ) de árvores caídas, corte de facão em acessos fechados, enfim, um percurso para ninguém mais se esquecer ! Seguem algumas imagens desse procedimento... ( as fotos falam por si próprias... ).

Imagem Postada

Imagem Postada

Imagem Postada

Imagem Postada

Imagem Postada

Imagem Postada

Imagem Postada

Imagem Postada

Imagem Postada

Imagem Postada

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

É claro que foi show ! Uma pescaria para ninguém mais esquecer, com fartura, variedade de peixes, e muitas risadas, que é sempre um dos principais ingredientes desses esquemas ! Fair play e bom humor são sempre pré-requisitos de qualquer pescaria, pois sempre podem acontecer coisas inesperadas ! Em se tratando de Amazônia, as chances disso acontecer são ainda maiores...

Mas retornando ao ?Relato?, e dentro do próprio tema ( ALEGRIA ), é preciso também prestar uma pequena homenagem ao trabalho realizado por alguns em preparar acepipes a serem degustados nessa "vidinha mais ou menos? em que estávamos... Independente dos shashimi, azeitonas temperadas, salaminho, provolone e essas coisinhas ?triviais?, tivemos também ( só para provocar a memória degustativa de alguns ) uma carne de sol de ?dois pelos? flambada no aguardente... ( não comi, mas vi gente suspirando... ), queijo coalho derretido, lingüiça apimentada, entre outras misérias, e como ?pratos? ( sempre noturnos ) os já tradicionais ?tucuna a Mocorongo? ( feito com azeite extra-virgem e no laminado ), moqueca do Boto ( com azeite de dendê artesanal e farinha fina ? claro que levados da Bahia ), Cuscus à Maragogipe ( esse não dá nem para descrever ! ) e Polenta com Ragu ( absolutamente fantástico ), sempre que possível regado a um vinho tinto ( honesto ? Cabernet Sauvignon - da região do rio São Francisco ! ). Ao contrário que possa parecer, esse Grupo de Amigos ( que também pesca... ) é quase uma ?confraria? ! Olha uma imagem dessa ?vidinha mais ou menos?... ( pena que tudo isso é tão curto... em tempo ! ).

Imagem Postada

Embora o Relato já esteja por demais extenso, existe uma outra passagem nesta viagem, que vale a pena ser descrita, até pela peculiaridade que a cerca ! Saímos pela manhã na direção de um lago ( mais um daqueles... ), e encontramos o acesso já raso o suficiente para evitar que os botes passassem, mesmo sem o peso adicional dos pescadores e piloteiros ! Desistir, nem pensar, mas esse não era o ?nosso lema? e sim dos piloteiros, que sem qualquer pleito, pediram-nos atravessar a ?praia? por onde passava um igarapé e os esperasse adiante ( quase uns 300 m de distancia... ). Olha a foto do lugar, ou melhor dos ?andarilhos? em plena praia... !

Imagem Postada

Pescamos ? como de hábito ? alguns peixinhos, até aí nada demais, mas no retorno ( após empurrar os botes igarapé acima ? teve que ter ajuda, senão... ) "ficamos pelo caminho?, ou melhor, reunimo-nos numa das muitas praias do rio para um momento de descanso ! As imagens a seguir não são recomendadas para gente estressada, mau humorada e com muito tempo sem pescar e/ou relaxar ( quem avisa amigo é ! ). Vamos as imagens...

Imagem Postada

Imagem Postada

Imagem Postada

Imagem Postada

Muito complicado encerrar aquela ?dormidinha básica? após um excelente banho de rio, em pleno rio Negro ( estávamos numa praia junto a ponto onde se faz a navegação para Santa Isabel do Pará ? aliás, bem próximo dessa cidade... ), mas era preciso retornar, até por conta de termos programado uma ?churrascada? no entardecer, que também vou ter que lhes mostrar em algumas imagens adiante... ( já estou achando que o material está grande demais, mas avisei que isso iria acontecer... ) ! Na pescaria da tarde aquela sempre dificuldade de ?parar de pegar peixe? ! A pressão atmosférica tinha dado uma estabilizada ( chegamos a pegar uns 3 turnos de chuva, um deles com um belo temporal ? o que me lembra ser necessário um comentário sobre uma ?comunidade local", que farei posteriormente em um outro tópico ! ), e os peixes voltaram a atacar nossas isquinhas, cujo destaque ( desta feita ) ficou mesmo para as ?twich bait?, ou as de nado errático próximo a superfície ( perversa - borboleta, cruel ? kv ), além das sempre eficientes rapalas ( aquela que tem uma barbela quadradinha ) ! É lógico que as Dr Spock ( obrigado Zuanon ! ), as João Pepino, Poppers, hélices e outras de superfície foram eficientes, mas as pequenas de ?sub superfície? foram destaque ! Cores claras ( osso e branca cabeça vermelha ) eram verdadeiros ?venenos? ! Nas de meia água, as Maria The First se destacaram, nas versões de 14 cm ! Mesmo assim, tivemos MUITAS GARATÉIAS abertas e/ou arrancadas ! Aliás, nem sei se já comentei, mas tinha muito tempo que não perdíamos tantas iscas assim... Foi bom que tivéssemos estoque, embora as ?preferidas? tenham sido perdidas ( ?emprestadas aos brutos? ) mesmo...

Imagem Postada

Imagem Postada

Imagem Postada

Imagem Postada

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

No nosso retorno para a "churrascada", olha só o que nos esperava...

Quando digo que não é só de peixe que se faz uma pescaria...

Uma "visão" esperta do Angatu, que certamente ficará para sempre...

Imagem Postada

O "local do crime", com todas as "mordomias" armadas na praia ( rio Negro ) !

Imagem Postada

Parte do "problema" sendo preparado... PEIXE foi proibido nessa noite... comi galinha...

Imagem Postada

Caras de tristeza ! É o que um ambiente como esse acaba produzindo...

Imagem Postada

É claro que teve o ?day after?, com um café da manhã servido nas praias de areias brancas do rio Negro, que sempre fazem com que aquela nossa ?vidinha mais ou menos? se torne menos estressante ! Antes que perguntem, dia de trabalho normal, com busca de novos troféus... ( mas ? infelizmente ? já próximo do final ! ). Fazer o que ?

Imagem Postada

Imagem Postada

Imagem Postada

Antes que se conclua, importante também mencionar que a ?fominhagem? dos Mocorongos não se restringe apenas aos tucunas, pois nos inicios de noite, ainda mais no rio Negro, sempre se deve tentar um ?couro?, não apenas para dar uma ?linguiçada?, mas por ser palco dos grandes e vigorosos bagres amazônicos ! Não é bem a ?nossa praia?, mas não fizemos vergonha...

Esta foi a maior Piraíba ( ?Filhote? ? 40 kg ) embarcada após 45? de esforço de um dos meus irmãos...

Imagem Postada

Esta foi a que embarquei ( 28 kg ) e que demorou 25? para ?pranchar? ( ambas foram devolvidas )

Outra visão para os que pensam que ?filhote? ( Piraíba abaixo dos 70 kg ) é ?filhote?...

Imagem Postada

Outra Piraíba ( Filhote ) embarcada pelo outro irmão... essa era pequena... mas brigou como grande !

Imagem Postada

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ainda 'falando" sobre a ETAPA dos "de couro"...

Mais uma de 12 kg que foi trazida por um dos integrantes... essa ?tadinha?, machucou as guelras, e virou um fantástico cozido com molho branco... uma ?dilicia?...

Imagem Postada

Mas já é hora de concluir ( nem sei em quantas partes ? tópicos - será necessário dividir esse Relato ), e faço isso com as imagens de retorno e encerramento da pescaria na cidade de Barcelos ! Temos sempre uma ?brincadeira? de entrega de troféus ( maior tucuna e maior peixe ? incl couro ), medalhas ( quantidade e fair play ? através de voto aberto dos integrantes... ), distribuição de camisetas aos piloteiros e tripulantes ( bem como do caixinha a ser dividido ? R$ 100 por pescador ), além dos agradecimentos de praxe ! Não vou me alongar mais, pois as imagens falam por si !

Todos os envolvidos neste ano, pescadores, tripulação, piloteiros, UMA FESTA DE DESPEDIDA !

Imagem Postada

Este é o Grupo 19 dos Mocorongos, que teve o privilégio de participar e viver essa aventura inesquecível !

Imagem Postada

Os três ( irmãos ) que deram início aos Mocorongos em 1989... ( nunca imaginamos que iria chegar a uma coisa dessas... e ainda vai melhorar mais ainda ! )

Imagem Postada

?Barriga?, aquele que acumulou as medalhas de Quantidade ( 106 embarques ) e de Fair Play ( venceu no 2º turno, disputando com outros dois... )

Imagem Postada

O vencedor do maior peixe ( no caso o ?Filhote? de 40 kg ), que bisava a premiação, já que também levara o troféu em 2005, com uma pirarara de 45 kg

Imagem Postada

E finalmente o grande campeão, que levou o troféu de maior tucuna, e o direito de usar uma estrela na manga nas próximas pescarias ( é um procedimento acumulativo que indica o nº de vezes que se tornou o ?campeão? de uma pescaria ? estabelecemos que é o do maior tucuna e não do maior peixe... ) ! O cara tem mais de 1,90 m !

Imagem Postada

Para fechar as imagens, deixei para o final o retrato do tucuninha que pesou os 10 quilos... tá bom ou quer mais ?

Imagem Postada

Concluindo, com algumas considerações finais...

A pescaria, como pode ter sido apreciado, não é apenas pescar ! É ? acima de tudo ? saber aproveitar os momentos de convívio com as pessoas presentes ! Cabe aos integrantes dos Grupos de Pesca, harmonizar os interesses, e fazer com que ?pescar? seja mais uma das possibilidades de SATISFAÇÃO geradas nesse convívio ! É claro que ter a pressão do peixe na outra ponta da linha é adrenalina pura, mas o que dizer das cores do entardecer, dos sabores, cheiros, imagens, equilíbrio e convivência ? Quando conseguimos fazer com que todas essas coisas funcionem sem percalços, e que estejamos envolvidos numa energia de amizade pura, sem maldade, de companheirismo autêntico, independentemente de ?laços de sangue?, é FÁCIL voltar a ser criança, de ser feliz com mínimas coisas, e de acreditar que a vida ? por si só ? pode ser muito melhor do que a que temos visto acontecer ao nosso redor, independente de onde estejamos ! Não pensem que isso é uma ?mágica? ou algo conquistado ao longo de um tempo, pois muito mais importante que isso, é a disposição das pessoas envolvidas, em fazer com que esses momentos sejam OS MOMENTOS ! Desculpem pelo tamanho do RELATO ( embora muito mais pudesse ser dito / escrito ), e façam bom proveito dele, que possivelmente estará sendo compartilhado em outros fóruns também, até porque a intenção é envolver os amigos ( mesmo que ainda não Mocorongos... ) nessa ENERGIA e ALEGRIA coletiva ! :plamas:

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Kid, já havia lido, simplesmente show ao reler, o que comprova a maravilha desta aventura.Parabéns a todos, nem meia cara ruim nas fotos.Agora dá licença que eu vou ali infartar de inveja! rsrsrsrsrs :lol:

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Qualé Xandego ?

Já soube que você é fera, e aterroriza as "redondezas"...

Tem muito para contar também... Deixa de modéstia... e "infarta nóis"... ! :P :shock:

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Deixa de bobagem, pois se você é quem estou pensando, isso aí é uma brincadeira junto do teu histórico... :twisted:

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Qualé Xandego ?

Já soube que você é fera, e aterroriza as "redondezas"...

Tem muito para contar também... Deixa de modéstia... e "infarta nóis"... ! :P :shock:

Kid Color, tenho umas historinhas pra contar mas é micharia junto de peixe de olho no rabo com 10Kg. Vou refazer um relato do Xingú que ficou pouco tempo no ar no Fishpoint e um de Pirararas no Javaé e juntarei a este teu acervo de troféus, estou tentando ainda mais duas pescadas este ano, quem sabe arrumo material pra 2 conversas descentes, hehe.

Abração irmão. :lol:

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Estou no aguardo, até porque nem só de "rabo de ocelos" de 10 kg se faz uma pescaria... deixa de modéstia ! :twisted:

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

KID M estou MARAVILHADO com essa viagem sua.. PARABÉNS de verdade.. Você vivenciou o que eu chamo de um SONHO, com certeza uma viagem dessa merece todos os méritos possíveis.. PARABÉNS mais uma vez.. abraço getúlio

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa

Você pode postar agora e se registrar depois. Se você tem uma conta, CLIQUE AQUI para postar com a sua conta.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.

Processando...
Entre para seguir isso  

×
×
  • Criar Novo...