Ir para conteúdo

Edu_Nakiri

Membro
  • Total de itens

    631
  • Registro em

  • Última visita

2 Seguidores

Sobre Edu_Nakiri

  • Rank
    Pescador
  • Data de Nascimento 01-01-1970

Profile Fields

  • Sexo
    Masculino
  • Nome + Sobrenome (obrigatório)
    EDU NAKIRI

Informações de Perfil

  • Localização
    São Bernardo do Campo - SP
  • Interesse
    Pesca esportiva

Últimos Visitantes

1.176 visualizações
  1. Instalado e ficou show !!!! 😄😄😄😄😄😄😄😄 Valeu !
  2. Imagino que o meu seja o G3... ele é o 480 (4,80m). Bom saber desse detalhe, às vezes o dele era menor... Esse fds passei fazendo uns testes, falei com outros amigos e vi que tem várias pequenas diferenças entre um e outro... o de um outro amigo não tinha umas ondulações no painel prá encaixar melhor as pernas. E o tamanho do volante também influencia no espaço que sobra. Como meu volante é pequeno (32cm), sobra mais espaço prás pernas. Vou arriscar. Na pior eu desmonto e vendo o pedal... hahaha Valeu pela dica !
  3. Fala amigos, Os benefícios de um acelerador de pedal já são bem claros, inclusive eu estou pensando em colocar um no meu Trick. O problema é que um amigo que tinha um me falou que no Trick é ruim porque o cockpit é pequeno e, como eu sou alto (1,90m) é bem provável que fique muito apertado e eu fique com o joelho esmagado no volante. Como eu nunca pilotei um trick com pedal, não faço a menos idéia se isso procede... O que vocês me dizem ? Especificamente no Trick, fica apertado para colocar um ? Valeu !
  4. Valeu ! Eu acho que apoiar no extensor vai judiar muito dele, e se der o azar de bater o extensor em alguma coisa, o impacto vai direto no motor. Vou fazer um braço de apoio aqui em casa mesmo, comprei a borracha da torre de proa. Depois posto aqui como ficou o "suviço"... kkk A título de informação a futuras pesquisas, também falei com o Juarez (Megabass) e ele falou que se for só asfalto bom, não precisa de nada. Mas se pegar terra, seria bom ter um apoio. Como vou pegar 18Km de terra e com as orientações do Fabrício, vamos colocar a bagaça. Valeu !!!
  5. Fabricio, eu não entendi direito... "usa aquele suporte" é o que eu tenho, ou o "normal" ? Ah, e não entendi também o lance do "cambão"... Você quer dizer apoiar no extensor do para choque ??? A minha carreta é FORTCAR... MEU "NORMAL" (peguei um da web)
  6. Boas ! Vou fazer uma viagem de quase 1.000Km com meu barco e queria tirar uma dúvida: Bassboat precisa daquele braço que fica preso na carreta e dá apoio para o motor ? Eu sei que em barco de alumínio ele protege o espelho de popa... Mas Bassboat precisa disso ? Um amigo me falou que é bom ter um apoio para não forçar o TRIM... Então eu até tenho um "quadrado" de ferro onde eu levanto o motor apoio nesse quadrado, mas ele só dá apoio no próprio motor, não apoia na carreta. Dicas ? Valeu !!!
  7. É por aí ! Lembra que se for usar com anzol "escondido", é bom levar uma vara com ação bem rápida (recomendo uma 25lb) prá conseguir uma fisgada boa. Em anexo tem a montagem que eu falei que gostei muito. Com um chumbo leve, vc trabalha em qualquer profundidade. E tb pode usar com anzl de jidhead e anzol exposto, basta não tem muita vegetação prá enroscar... Abraço e boa pescaria !
  8. Cara, eu não conheço Balbina. Mas Tucunaré sendo Tucunaré... pode levar sim.... rs Eu levei shad Camalesma de 13cm e 15cm para o Rio Juma, montado com um chumbo leve passado da curva do anzol... Pqp, os bichos ficavam doidos.... rs Azul tb pega muito bem nesses shads. Só amarelos que nunca tentei...
  9. Bela pescaria, parabéns !!! Gostei dos pontos de churras, hein... hahaha Estou me programando para levar meu pai e meu filho para Nova Morada em outubro, eu acredito. Logo vou pedir ajuda aos amigos que conhecem o local... hehehe Abraço !
  10. Estou procurando um sonar GARMIN EchoMap (SV) ou LOWRANCE HDS, que tenha Side View. O tamanho vai depender do preço... rs Mas minha idéia inicial é entre 7 e 8 polegadas. Quem tiver um aí dá um alô por favor !
  11. Manooooooooooo Desculpa demorar tanto prá responder... Pesquei pouco e com essa porcaria de pandemia, só olhei pro barco prá tirar poeira e funcionar o motor no orelhão... hahaha Não mexi mais em ajuste algum desde que conversei com o pessoal aqui, mesmo porque quase não andei com o barco e, quando fui pescar, só tava afim de pescar mesmo... rs ****** "Com o motor a 2,5pol abaixo do PAD, você consegue dar o máximo de trim!??!" - NÃÃÃÃÃÃOOOO !!!! E isso tava me tirando o sono, até eu achar a informação no manual da Mercury (aliás, achei isso semana passada), explicando que tem um limitador por "pressão do trim"... eu achando que o motor tava com problema... rs ***** "E outra, eu sei que é um saco, mas mexa na altura do motor de 1cm em 1cm. Teve um teste aí q tu abaixou 5cm de uma vez...rsrs..." - É, eu tava procurando sabe o que acontece quando fazemos alguma mudança, mas de forma radical.... Vou me atentar para fazer com calma. O duro mesmo é reproduzir o teste nas mesmas condições (peso/passageiros). ***** "Conseguiu a hélice passo 26 emprestada???" - Achei quem tem, mas não peguei emprestada ainda. O dia que eu resolver tirar só prá mexer nisso, eu pego o raio da hélice... UPDATE: Esse final de semana eu joguei as duas bateria do elétrico para a frente. Uma ficou lá na primeira caixa (na ponta da proa) e a outra eu deixei dentro do porta varas esquerdo (não uso). Vamos ver o que acontece com o planieo e vel final. E, claro, se não vai ficar desbalanceado...
  12. Fala senhores, passaram 2 finais de semana e eu fiz alguns testes e vou colocar aqui o resultado... junto com outras dúvidas... hahaha - Quando vim aqui da primeira vez, o motor estava a 1,5 pol (3,5cm) abaixo do PAD - O motor está instalado no JACK o mais alto que deu (último furo do motor) - De novo, o Jack é de 9,5 pol - Bateu 56.2 milhas com 2 pescadores, tanque cheio e tralhas (sem gelo/bebidas) - O giro não passou dos 6.000 RPM - Primeiro final de semana, taquei o motor com 3,1 polegadas (8 cm) abaixo do PAD - Ficou uma porcaria. O giro nem chegava nos 6.000 RPM - A final tambám caiu... comigo sozinho. - A represa não estava lisa por causa do vento e isso contribuiu prá piorar a final, mas já sabia que ali não era o caminho - Segundo final de semana, subi um pouco mais o motor. Ficou com 2,5 pol abaixo do PAD - Voltou a bater os 6.000 RPM - Chegou a 58.56 milhas. Só que com um pescador, tanque cheio e + gelo/bebidas - Represa praticamente lisa (igual do primeiro teste) Já sei que vocês vão me xingar que eu não faço os testes direito porque teria que ser tudo em um dia com a mesma condição (passageiros/carga/integrantes/vento), mas eu tenho sócio e a pescaria tá mais importante do que acelerar... hahaha Mas agora já tenho idéia de como vou fazer os testes (se não conseguir tirar um dia livre só prá isso... rs) Nos últimos 2 finais de semana, pescamos em 3. O tempo de planeio piorou MUITO. Estava até pensando em levar as baterias do elétrico para a frente para ver se ajudava, mas nem faço idéia de onde colocá-las, ou se nem faria muita diferença... Uma pergunta que me parece besta, mas... Considerando que o meu jack tenha espaço prá subir ou descer, bem como o motor intstalado nele também tenha furos disponíveis para baixo e/ou para cima... FAZ ALGUMA DIFERENÇA subir/descer um furo do motor ou a mesma proporção no JACK ? Dá exatamente na mesma, certo ? Se eu colocar um hélice menor vai acontecer essas 3 coisas ? - Sobe RMP - Plana mais rápido - Perde final Ou isso pode resultar diferente (não é uma regra?). Valeu !!!
  13. Fala Cassio, tudo bem ? Cara, eu já ahavia lido estes posts (excelentes por sinal), exceto o do hélice de superfície, porque não é um assunto que me interessa por se tratar de investimento alto demais prá pescar... rsrsrs Até procurei o Alex Prime, mas ele não acessa o Fórum faz anos... Até pensei em tentar achá-lo na empresa (ele deixou o nome no perfil e eu achei no google), mas acabei achando que seria abusar... rs Na verdade a minha dúvida era bem específica e eu não havia achado a infos nestes tópicos (se estava lá me desculpe, sou cego... kkk). A sua resposta foi a que eu precisava (baixou o motor, cai o giro), porque eu acabei pagando prá ver.... rs Mas valeu por ajudar e buscar os link, onrigado ! Vou postar os testes que fiz num outro post... Falou tudo André !!!! - Tô chegando a essa conclusão sobre trocar o passo. Não sei se o resultado vai se o que eu quero... vou ver se acho uma passo 26 emprestada prá não gastar muita grana... - A comparação com o Trick do meu amigo foi só para vocês entenderem onde ele chegou com o barco dele, prá ter idéia de como o hélice 27 está se comportando no conjunto, porque eu já imaginava que todo mundo ia falar que 27 é muita coisa (ele falou que todo mundo falou que não ia prestar no dele... rs) Eu uso de baliza mas sei que nunca vai chegar na marca enquanto eu não fizer a mesma coisa que ele e inclusive for para o nível do mar... Mas eu acho que serve pra eu saber se dá prá ganhar mais uma milhazinha ou não... rsrsrsrs - Vou perguntar essa parada do furo num post separado, veja o que vc acha... - SIM !!! Essa era a ideia, o barco tava navegando de nariz enfiado nágua... rs Muito obrigado pela resposta !!!!!
  14. Vamos lá: O Jack é de 9.5 polegadas e o eixo do hélice está a 3 cm abaixo do PAD (medi ontem). O hélice é grande mesmo, mas eu copiei o setup do trick de um amigo (menos o Jack, que o dele é de 8 pol), que conseguiu 64 milhas com o trick dele (sozinho, pouca gasolina, sem 1 cockpit, etc). Mesmo trick (G3), mesmo motor, mesma marca de helice e mesmo passo. Sim ! As entradas de água estão saindo quando eu dou trim... Então eu tenho um limite "X" prá levantar o trim. O que eu imaginei seria de baixar o motor para conseguir levantar mais o trim sem entrar ar (não sei se essa é a idéia correta) para ver se aumentaria o giro final. Não sei se o correto talvez fosse até aumentar mais, prá chegar mais perto do zero do eixo para o PAD... por isso pedi uma ajudinha aqui... rs Valeu !
×
×
  • Criar Novo...