Ir para conteúdo
Entre para seguir isso  
Walther Volpini

Mineirinho brincando

Posts Recomendados

- Ô, Zé! Vâmu brincá di antônimo?

- O que c'ocê falô???

- Brincá di antônimo, sô! Qué dizê, uma coisa contráia da ôtra! Purixemplu: arto e baxo, forte e fraco...

- Ah, intindi! Intão, vâmu brincá!

- O que vai valê?

- Uma cerveja... Eu cumeço, tá?

Começaram a brincadeira:

- Gordo?

- Magro!

- Hômi?

- Muié!

- Preto?

- Branco!

- Verde?

- Verde? Nada disso! Verde é cor, num tem antônimo, não!

- Craro que tem!

- Intão ixprica, sô!

- Maduro!

- Ô, merda ! Pirdi a aposta! Vâmu di novo, valendu ôtra cerveja?

Mas dessa veiz ieu cuméçu!

- Pódi cumeçá!

- Saúde?

- Duença!

- Moiádo?

- Seco!

- Agora ocê vai sifudê, sô fidumaégua! Qué vê só?

- Fumo?

- Não, não! Peraí, peraí... fumo num tem antônimo!!!

- Craro qui tem, uai!

- Intão, diz aí, qualé o antônimo de fumo?

- Vortemo!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

ô Waltão, não confunda "abrir o armário" c/ "sair do armário" hehehehheee... em qual situação vc se encontra?! hehhheee...

Abraço,

Ô Paulão... Que papo de armário é esse?

Eu sou espada!!!!! rsrsrsrsrsrsrsrsrs

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
Entre para seguir isso  

×