Ir para conteúdo
Entre para seguir isso  
Alex Wisch

Olha as pérolas do enem 2010!!!

Posts Recomendados

Gente quase chorei de rir quando li isso... :gorfei: :gorfei: :gorfei: :gorfei:

Olha as pérolas do ENEM 2010 !

· "O Brasil não teve mulheres presidentes mas várias primeiras-damas foram do sexo feminino".

·(Ou seja: vários ex-presidentes casaram-se com travestis.) ·

"Vasilhas de luz refratória podem ser levadas ao forno de microondas sem queimar". ·(Alguém poderia traduzir?!) ·

"O bem star dos abtantes da nossa cidade muito endepende do governo federal capixaba". (será que ele é brasileiro?)

·(Vende-se máquina de escrever faltando algumas letras.)

· "Animais vegetarianos comem animais não-vegetarianos".

·(Esse aí deve comer capim.)

· "Não cei se o presidente está melhorando as insdiferenças sociais ou promovendo o sarneamento dos pobres. Me pré-ocupa o avanço regresssivo da violência urbana".

·(“Sarneamento” deve ser o conjunto de medidas

·adotadas por Sarney no Maranhão. Quer dizer, eu “axo”, mas não me “pré-ocupo” muito. E esse avanço regressivo, acho que ele é amante de Hitler.)

· "Fidel Castro liderou a revolução industrial de 1917, que criou o comunismo na Russia".

·(Não, besta, foi o avô dele.)

· "O Convento da Penha foi construído no céculo 16 mas só no céculo 17 foi levado definitivamente para o alto do morro".

·(Demorou o "céculo" inteiro pra fazer a mudança.)

· "A História se divide em 4: Antiga, Média, Momentânea e Futura, a mais estudada hoje".

·(Esqueceu a História em Quadrinhos.)

· "Os índios sacrificavam os filhos que nasciam mortos matando todos assim que nasciam".

·(Mas e se os índios não matassem os mortos????)

· "Bigamia era uma espécie de carroça dos gladiadores, puchada por dois cavalos".

·(Ou era uma "biga" macho que tinha duas "bigas" fêmeas, puxada por um burro?!)

· "No começo Vila Velha era muito atrazada mas com o tempo foi se sifilizando".

·(Deve ter sido no tempo em que lá chegaram as primeiras prostitutas contaminando a todos.)

· "Os pagãos não gostavam quando Deus pregava suas dotrinas e tiveram a idéia de eliminá-lo da face do céu".

·(Deus, pregando a doutrina dos pagãos?????

E como será que eles pretendiam fazer isso, eliminá-lo do céu?!)

· "A capital da Argentina é Buenos Dias".

·(De dia. À noite chama-se Buenas Noches.)

· "A prinssipal função da raiz é se enterrar no chão".

·(E a "prinssipal" função do autor deveria ser a mesma. E ainda vivo...)

· "As aves tem na boca um dente chamado bico".

·(Cruz credo.)

· "A Previdência Social assegura o direito a enfermidade coletiva".

·(Hehe. Esse é espirituoso...todo mundo vai ficar doente e morrer, prepara o caixão)

· "Respiração anaeróbica é a respiração sem ar, que não deve passar de 3 minutos".

·(Senão a anta que escreveu isso morre.)

· “Ateísmo é uma religião anônima praticada escondido. Na época de Nero, os romanos ateus reuniam-se para rezar nas catatumbas cristãs".

·(Fala sério....................E alguns ainda vivem nas "catatumbas".)

· "Os egipícios dezenvolveram a arte das múmias para os mortos poderem viver mais".

·(Precisa "dezenvolver" o cérebro. Será que egipício é para rimar com estrupício?)

· "O nervo ótico transmite idéias luminosas para o cérebro".

·(Esse aí não deve ter o tal nervo, ou seu cérebro não seria tão obscuro.)

· "A Geografia Humana estuda o homem em que vivemos".

·(I will survive.) ..........sem comentários.............

· "O nordeste é pouco aguado pela chuva das inundações frequentes".

·(Verdade: de São Paulo até o Nordeste, falta construir aquadutos para levar as inundações.)

· "Os Estados Unidos tem mais de 100.000 Km de estradas de ferro asfaltadas".

·(Eu não li isso....)

· "As estrelas servem para esclarecer a noite e não existem estrelas de dia porque o calor do sol queimaria elas".

·(Hum... Desconfio que vai ser poeta, cuidado para não queimar seu cérebro!)

· "Republica do Minicana e Aiti são países da ilha América Central".

·(Procura-se urgente um Atlas Geográfico que venha com um Aurélio junto.)

· As autoridades estão preocupadas com a ploleferação da pornofonografia na Internet".

·(Deve estar falando do CD dos Raimundos, só pode ser.)

· "A ciência progrediu tanto que inventou ciclones como a ovelha Dolly".

·(Teve a ovelha Katrina, a ovelha La Niña, também. Só que eram meio violentas...)

· "O Papa veio instalar o Vaticano em Vitória mas a Marinha não deixou para construir a Capitania dos Portos no mesmo lugar".

·(Foi quando ele veio no papamóvel, lembra?)

· "Hormônios são células sexuais dos homens masculinos".

·(Isso. E nos homens femininos, essas células chamam-se frescurormônios.)

· "Os primeiros emegrantes no ES construiram suas casas de talba".

·(Enquanto praticavam “Tiro ao Álvaro”.)

· "Onde nasce o sol é o nacente, onde desce é o decente".

·(Indecente: o sol não nasceu pra todos.)

· "A terra é um dos planetas mais conhecidos e habitados no mundo. Os outros planetas menos demográficos são: Mercurio, Venus, Marte, Lua e outros 4 que eu sabia mas como esqueci agora e está na hora de entregar a prova, a :gorfei: senhora não vai esperar eu lembrar, vai? Mas tomara que não baixe minha nota por causa disso porque esquecer a memória em casa todo mundo esquece um dia, não esquece?".

·(Quase chorei. Mas todo mundo deveria esquecer a memória em casa, ao menos um dia: isso é lindo. Me avisa quando tiver condução para esses planetas habitados, preciso de férias para descansar a cabeça depois de ler tanta burrice) :gorfei: :gorfei: :gorfei: :gorfei: palmas:: palmas::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

E não é só no ENEM.... Todas as universidades deveriam ter uma disciplina básica - Português e não tem. Infelizmente.

De qualquer forma temos que rir destas coisas!!!! :gorfei: :gorfei: :gorfei:

Verdade! Aqui também saem umas pérolas...kkkkk

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Triste mesmo Fernando, é o País do futuro que nunca chega! He he. Será que ainda pode piorar?

Eu era completamente ignorante em relação a isso no passado, nunca pensei que um aluno de uma universidade pudesse ser analfabeto funcional, mas infelizmente já vi isso com os meus próprios olhos e juro que no início custei a acreditar. Aos poucos fui percebendo o horror desta situação.

No ensino superior, 38% dos alunos não sabem ler e escrever plenamente

17 de julho de 2012 | 3h 07

LUIS CARRASCO, MARIANA LENHARO - O Estado de S.Paulo

Entre os estudantes do ensino superior, 38% não dominam habilidades básicas de leitura e escrita, segundo o Indicador de Alfabetismo Funcional (Inaf), divulgado pelo Instituto Paulo Montenegro (IPM) e pela ONG Ação Educativa. O indicador reflete o expressivo crescimento de universidades de baixa qualidade.

Criado em 2001, o Inaf é realizado por meio de entrevista e teste cognitivo aplicado em uma amostra nacional de 2 mil pessoas entre 15 e 64 anos. Elas respondem a 38 perguntas relacionadas ao cotidiano, como, por exemplo, sobre o itinerário de um ônibus ou o cálculo do desconto de um produto.

O indicador classifica os avaliados em quatro níveis diferentes de alfabetização: plena, básica, rudimentar e analfabetismo (mais informações nesta pág.). Aqueles que não atingem o nível pleno são considerados analfabetos funcionais, ou seja, são capazes de ler e escrever, mas não conseguem interpretar e associar informações.

Segundo a diretora executiva do IPM, Ana Lúcia Lima, os dados da pesquisa reforçam a necessidade de investimentos na qualidade do ensino, pois o aumento da escolarização não foi suficiente para assegurar aos alunos o domínio de habilidades básicas de leitura e escrita.

"A primeira preocupação foi com a quantidade, com a inclusão de mais alunos nas escolas", diz Ana Lúcia. "Porém, o relatório mostra que já passou da hora de se investir em qualidade."

Segundo dados do IBGE e da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad), cerca de 30 milhões de estudantes ingressaram nos ensinos médio e superior entre 2000 e 2009. Para a diretora do IPM, o aumento foi bom, pois possibilitou a difusão da educação em vários estratos da sociedade. No entanto, a qualidade do ensino caiu por conta do crescimento acelerado.

"Algumas universidades só pegam a nata e as outras se adaptaram ao público menos qualificado por uma questão de sobrevivência", comenta. "Se houvesse demanda por conteúdos mais sofisticados, elas se adaptariam da mesma forma."

Para a coordenadora-geral da Ação Educativa, Vera Masagão, o indicativo reflete a "popularização" do ensino superior sem qualidade. "No mundo ideal, qualquer pessoa com uma boa 8.ª série deveria ser capaz de ler e entender um texto ou fazer problemas com porcentagem, mas no Brasil ainda estamos longe disso."

Segundo Vera, o número de analfabetos só vai diminuir quando houver programas que estimulem a educação como trampolim para uma maior geração de renda e crescimento profissional. "Existem muitos empregos em que o adulto passa a maior parte da vida sem ler nem escrever, e isso prejudica a procura pela alfabetização", afirma.

Jovens e adultos. Entre as pessoas de 50 a 64 anos, o índice de analfabetismo funcional é ainda maior, atingindo 52%. De acordo com o cientista social Bruno Santa Clara Novelli, consultor da organização Alfabetização Solidária (AlfaSol), isso ocorre porque, quando essas pessoas estavam em idade escolar, a oferta de ensino era ainda menor.

"Essa faixa etária não esteve na escola e, depois, a oportunidade e o estímulo para voltar e completar escolaridade não ocorreram na amplitude necessária", diz o especialista.

Ele observa que a solução para esse grupo, que seria a Educação de Jovens e Adultos (EJA), ainda tem uma oferta baixa no País. Ele cita que, levando em conta os 60 milhões de brasileiros que deixaram de completar o ensino fundamental de acordo com dados do Censo 2010, a oferta de vagas em EJA não chega a 5% da necessidade nacional.

"A EJA tem papel fundamental. É uma modalidade de ensino que precisa ser garantida na medida em que os indicadores revelam essa necessidade", diz Novelli. Ele destaca que o investimento deve ser não só na ampliação das vagas, mas no estímulo para que esse público volte a estudar. Segundo ele, atualmente só as pessoas "que querem muito e têm muita força de vontade" acabam retornando para a escola.

Ele cita como conquista da EJA nos últimos dez anos o fato de ela ter passado a ser reconhecida e financiada pelo Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb). "Considerar que a EJA está contemplada no fundo que compõe o orçamento para a educação é uma grande conquista."

Fonte: http://www.estadao.com.br/noticias/impresso,no-ensino-superior-38-dos-alunos-nao-sabem-ler-e-escrever-plenamente-,901250,0.htm

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
Entre para seguir isso  

×