Ir para conteúdo

Alequisandra

Membro
  • Total de itens

    29
  • Registro em

  • Última visita

1 Seguidor

Sobre Alequisandra

  • Rank
    Pescador de Lobó
  • Data de Nascimento 07-09-1974

Informações de Perfil

  • Localização
    Formoso do Araguaia To
  • Interesse
    amigos.Pacotes para Formoso

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

  1. PARABÉNS... SHOW!!!! TU SEMPRE COM A QUALIDADE E O POFISSIONALISMO EM PRIMEIRO LUGAR. BEIJO. joia::: palmas:: love::
  2. Olá pescadores, Não tinha visto todas as fotos, ficaram show!....Parabéns à todos e aos Guias que sem eles essas emoções não seriam possíveis... lugares magníficos, alegria e muito peixe. Isso é uma grande pescaria! Parabéns a todos que participaram dessa pescaria. OBS: Lourival tu já foi bem direto...perdeu 7 iscas...rsrsrsrrs...já quer ganhá-las de volta...rsrsrsrrs. abraço em todos. Alê.
  3. Eu já falei no outro forun......... valeu casal lindo........Bigadaaaaaaaaaaaaa...... Alex..... ele é o CARA...... cheiro.
  4. ACREDITAR NA VIDA É TER ESPERANÇA NO AMANHÃ. SABER QUE APÓS A NOITE VEM O DIA. VIVER INTENSAMENTE AS EMOÇÕES! APRECIAR O NASCER E O PÔR-DO-SOL. APROVEITAR TODOS OS MOMENTOS? VENCER A DEPRESSÃO! FAZER TRABALHO VOLUNTÁRIO CONFIAR NA VOZ DA INTUIÇÃO. PERDOAR ... ESTIMULAR A CRIATIVIDADE. NÃO SE PRENDER A DETALHES. CHORAR DE FELICIDADE? DEIXAR PARA LÁ. TER PENSAMENTO POSITIVO. RESPEITAR OS SENTIMENTOS DOS OUTROS. RIR SOZINHO. SER SINCERO. ENCONTRAR A FELICIDADE NAS PEQUENAS COISAS. ENTENDER QUE SOMOS PESSOAS ÚNICAS. É DANÇAR SEM MEDO. NÃO SE APEGAR A BENS MATERIAIS. RESPIRAR A BRISA DO MAR. OUVIR A MELODIA SUAVE DE UMA FONTE. OBSERVAR A NATUREZA. ADORAR UM DIA DE CHUVA. TER MOTIVAÇÃO! ENXERGAR ALÉM DAS APARÊNCIAS. DESCOBRIR QUE PRECISAMOS DOS OUTROS. ESQUECER O QUE JÁ PASSOU. BUSCAR NOVOS HORIZONTES. PERCEBER QUE SOMOS HUMANOS. VENCER A NÓS MESMOS. VER A BELEZA DA ALMA. SAIR DA PASSIVIDADE. SABER QUE A VIDA É CONSEQÜÊNCIA DE NOSSAS ATITUDES? NÃO ADIAR DECISÕES. MIMAR A CRIANÇA INTERIOR. DEIXAR ACONTECER? PRATICAR A HUMILDADE. CURTIR AS PEQUENAS VITÓRIAS. VIVER APAIXONADO PELA VIDA! ENTENDER QUE HÁ LIMITES. TER AUTO-ESTIMA. COLOCAR SUA ENERGIA POSITIVA EM TUDO QUE REALIZAR! VER A VIDA COM OUTROS OLHOS? SÓ SE ARREPENDER DO QUE NÃO FEZ. FAZER PARCERIAS COM OS AMIGOS. DORMIR FELIZ. AMAR? SABER QUE ESTAMOS SÓ DE PASSAGEM. APROVEITAR AS OPORTUNIDADES. E.... OUVIR O CORAÇÃO? tchau:: tchau:: praia:: praia:: texto de Noelson Paim
  5. meu amigo cada dia aprendemos uma coisa... Pois é não sei o que foi com meu avatar... me juda!?!..rsrsrsrrs abraço.
  6. Sempre vejo anunciados cursos de oratória. Nunca vi anunciado curso de escutatória. Todo mundo quer aprender a falar. Ninguém quer aprender a ouvir. Pensei em oferecer um curso de escutatória. Mas acho que ninguém vai se matricular. Escutar é complicado e sutil. Diz Alberto Caeiro que "não é bastante não ser cego para ver as árvores e as flores. É preciso também não ter filosofia nenhuma". Filosofia é um monte de idéias, dentro da cabeça, sobre como são as coisas. Para se ver, é preciso que a cabeça esteja vazia. Parafraseio o Alberto Caeiro: "Não é bastante ter ouvidos para ouvir o que é dito; é preciso também que haja silêncio dentro da alma". Daí a dificuldade: a gente não agüenta ouvir o que o outro diz sem logo dar um palpite melhor, sem misturar o que ele diz com aquilo que a gente tem a dizer. Como se aquilo que ele diz não fosse digno de descansada consideração e precisasse ser complementado por aquilo que a gente tem a dizer, que é muito melhor. Nossa incapacidade de ouvir é a manifestação mais constante e sutil de nossa arrogância e vaidade: no fundo, somos os mais bonitos... Tenho um velho amigo, Jovelino, que se mudou para os Estados Unidos estimulado pela revolução de 64. Contou-me de sua experiência com os índios. Reunidos os participantes, ninguém fala. Há um longo, longo silêncio. (Os pianistas, antes de iniciar o concerto, diante do piano, ficam assentados em silêncio, [...]. Abrindo vazios de silêncio. Expulsando todas as idéias estranhas.). Todos em silêncio, à espera do pensamento essencial. Aí, de repente, alguém fala. Curto. Todos ouvem. Terminada a fala, novo silêncio. Falar logo em seguida seria um grande desrespeito, pois o outro falou os seus pensamentos, pensamentos que ele julgava essenciais. São-me estranhos. É preciso tempo para entender o que o outro falou. Se eu falar logo a seguir, são duas as possibilidades. Primeira: "Fiquei em silêncio só por delicadeza. Na verdade, não ouvi o que você falou. Enquanto você falava, eu pensava nas coisas que iria falar quando você terminasse sua (tola) fala. Falo como se você não tivesse falado". Segunda: "Ouvi o que você falou. Mas isso que você falou como novidade eu já pensei há muito tempo. É coisa velha para mim. Tanto que nem preciso pensar sobre o que você falou". Em ambos os casos, estou chamando o outro de tolo. O que é pior que uma bofetada. O longo silêncio quer dizer: "Estou ponderando cuidadosamente tudo aquilo que você falou". E assim vai a reunião. Não basta o silêncio de fora. É preciso silêncio dentro. Ausência de pensamentos. E aí, quando se faz o silêncio dentro, a gente começa a ouvir coisas que não ouvia. Eu comecei a ouvir. Fernando Pessoa conhecia a experiência, e se referia a algo que se ouve nos interstícios das palavras, no lugar onde não há palavras. A música acontece no silêncio. A alma é uma catedral submersa. No fundo do mar - quem faz mergulho sabe - a boca fica fechada. Somos todos olhos e ouvidos. Aí, livres dos ruídos do falatório e dos saberes da filosofia, ouvimos a melodia que não havia e que de tão linda nos faz chorar. Daí a importância de saber ouvir os outros: a beleza mora lá também. Comunhão é quando a beleza do outro e a beleza da gente se juntam num contraponto. Rubem Alves
  7. Jckruel muito legal te conhecer pessoa alegre e um grande profissional. mais n'ao foi bom me conhcer ne??!!!?/rsrsrsrrsrsrsr...falou de todos menos de mim....intriguei........rsrsrsr......... brincadeira amigo. a feira foi um sucesso para todos, gra;as a Deus, e esperamos que os contatos e parcerias feita nela seja levadas a serio e vamos la... foi muito legal conhecer a galera.. valeu meninos. danca:: Grande cheiro.
  8. Bem meninos vs falaram tudo e mais um pouco,srsrsrsrrs Sou apaixonada pela pesca esportiva, está em contato com a natureza é maravilhoso.
  9. Obrigada , Parabéns por levar tua esposa nas pescarias é muito bom abraço
  10. Alequisandra

    Bom Dia........

    Lindo dia em Formoso, depois de uma noite de chuva,
  11. Onde está o meu emprego?" Os empregos estão mudando de característica. A mão-de-obra foi substituída pelo computador, a força, pela criatividade, e o medo começa a ser trocado pela motivação. O trabalho em equipe minou o individualismo, ou pelo menos está quase chegando lá. O setor de serviços tem crescido exponencialmente, e novas competências são exigidas pelas empresas. Resumindo: os empregos não estão onde sempre estiveram, e o mais dramático é que a maioria das pessoas disponíveis no mercado está desatualizada, vive correndo atrás de empregos que não existem mais. A tecnologia que chegou para facilitar nossa vida criou uma nova "encrenca" em nossa carreira. As planilhas de custos substituíram muitas pessoas nas empresas de contabilidade, o sintetizador eletrônico substituiu muitos músicos nas gravações. Lembra aquela orquestra com dezenas de músicos? Hoje, só há um tecladista com um computador. Os caixas eletrônicos, por exemplo, estão demitindo muitos bancários. Essa é uma realidade à qual não há retorno. Precisamos nos acostumar a essas mudanças e não ficar lamentando o "leite derramado". Quando falo em evolução tecnológica, não falo de algo necessariamente sofisticado, uma simples rede de pesca pode mudar a vida de uma vila de pescadores. Imagine a seguinte cena: uma vila onde os pescadores usam vara de pescar e conseguem, em média, 2 kg de peixe por dia. Cada um come 1 kg e vende o outro quilo por R$ 5. No fim do mês, cada um fatura algo como R$ 100, o que é mais do que suficiente para a sobrevivência da família. Tudo em perfeita harmonia. Até que um dia, Renato, um dos pescadores, aparece com uma rede e consegue pescar 100 kg de peixe por dia. Ele come 1 kg e vende o restante por R$ 1 o quilo. Fatura R$ 99 por dia, uma pequena fortuna naquela vila. Resultado: o equilíbrio em que a comunidade vivia foi para o espaço. Agora, os compradores não estão mais dispostos a adquirir o peixe dos outros pescadores por R$ 5. Adianta reclamar? Não, a rede do Renato matou os empregos dos pescadores que usavam vara de pescar, e outros trabalhos surgiram, então: vendedores de peixe em outras cidades, peixarias especializadas, franquias, restaurantes. Uma simples rede bagunçou a vida de muita gente. A mesma coisa acontece nas empresas. Há muitas redes de pescar aparecendo todos os dias nos escritórios, nas fábricas, nas multinacionais. Uma revolução tecnológica, por mais simples que seja, traz sempre novas perspectivas e diferentes empregos. Mais importante do que reclamar é fazer a si mesmo a pergunta: "O meu emprego ainda existe?". Ele só vai ter boa expectativa de vida se você souber se reciclar e estiver aberto às novidades. Não há outra saída: é assumir o controle da sua carreira e investir pesado na sua evolução profissional. Quem estaciona morre em águas turbulentas. Cresça dia-a-dia, espelhe-se em profissionais bem-sucedidos e desafie-se. Fique de olho em alguns detalhes fundamentais: 1. Procure conhecer o mundo fora da sua empresa! Seus concorrentes vão lhe motivar a avançar. 2. Estude! Estude sempre. 3. Aprenda com as derrotas e comemore as suas vitórias. 4. Abra sua cabeça! Valorize teatro, cinema, música, literatura, a inspiração vem de sua riqueza interior e de experiências de vida. 5. Seja feliz, realize os seus sonhos, dê atenção à sua família, aos seus amigos, tenha atividades lúdicas e, principalmente, dê um tempo para você. (por que vcs são especias)
×
×
  • Criar Novo...