Ir para conteúdo
Entre para seguir isso  
Gelson Petuco

Barcelos - 22 a 29/10 - Do Nada a Realização de um sonho.

Posts Recomendados

Primeiro gostaria de agradecer a Deus por ter criado aquela maravilha chamada Amazônia e por ter me dado a oportunidade de conhecer de perto tudo aquilo.

Depois minha família que me apoiou e dividiu todos os momentos. Ao meu filho Gabriel que participou e incentivou desde as escolhas dos equipamentos aos treinamentos nos lagos da vida. Foram vários arremessos mirando bacias, baldes, caixas de papelão e árvores na praça em frente a minha casa. E ele sempre ao meu lado, com seus 9 anos numa mistura de filho e parceiro.

Aos meus amigos Carretilheiros com suas dicas precisas sobre o que eu iria passar pela frente. Em especial ao meu amigo, irmão, o criador de ‘monstros’ ... Ricardo Canali. Esse cara, em meio à produção de seus frogs, dedicou horas ao telefone comigo trabalhando todas as ‘variáveis’ possíveis de uma pesca de tucunaré.

Por fim a todos do FTP. Foram horas e mais horas lendo dicas, equipamentos, iscas e tudo mais sobre o que eu iria precisar para ter sucesso nessa primeira empreitada rumo a Barcelos. Montei um livro com tudo que tem nesse site, compilei idéias, tentei separar o sonho da realidade para montar um objetivo e criar uma expectativa real dos dias de hoje.

Meu mundo sempre foi a pesca de praia. Aqui no Rio Grande do Sul pesquei uma vida em naufrágios de beira de praia. Muitas miraguaias, burriquetes, violas, corvinas entre outros. Mas os pontos de pesca estão ruindo aos poucos, os naufrágios estão virando em pequenas estruturas afundadas no mar, com pouca comida e muita pressão de pesca. O resto está num crescente processo de extinção. Violas sumiram devido aos arrastos dos barcos de pesca, redes de cabo a cada 100 metros nas praias e etc. Com tudo isso o mar está virando um deserto que nossos olhos não vêem e nossos governantes fingem que se importam.

O IBAMA aqui, só serve para intimidar velhinhos que estão pescando com seus netos e pescadores que estão tentando encontrar uma corvina seca para bater uma foto. Enquanto isso, vemos a olhos nus, diversas vezes, muitas vezes, inúmeras vezes 20, 25, 30 barcos reunidos cercando cardumes a alguns metros da costa.

Com tudo isso o meu filho chegou aos 8 anos querendo sair numas fotos. Nesse momento entram em minha vida as iscas artificiais. A mudança total de rumo, costumes, hábitos, linguajares, culturas e entre outros. Uma escola completamente diferente até então. Até aqui foram 18 meses dedicados de forma intensa nesse assunto.

Muito fui ajudado pela experiência em pesca, mesmo que diferente, mas que encurtou em muito o caminho. O objetivo final é abrir caminho para meu filho, parceiro, amigo de todas as horas que agora está com 9 anos.. o Gabriel Petuco.

No final de julho, desse ano(2011), fui convidado pelo meu amigo Álvaro Scott, a fazer parte de um grupo de pesca na Amazônia. Jamais tinha visto um tucunaré, não tinha a mínima idéia de iscas, carretilhas, varas, linhas, garatéias e tudo mais, pois só havia pescado traíras até então.

Nesse momento, numa madrugada fria no sul, entro de cabeça na internet pesquisando tudo e mais um pouco. Acabo encontrando http://www.turmadobigua.com.br. Aí os ‘problemas’ começaram. Fui montando aos poucos as necessidades de compras. Fui duas vezes ao Paraguai, horas e mais horas garimpando material no e-Bay, nos classificados e o restante nas demais lojas no Brasil com seus preços abusivos. Achei o Jansen Irioda que foi o criador das varas mais tops que já vi. O cara montou uma Saint Croix SCIII e duas Lumiglas. Sem palavras.. de babar...

Muita teoria e muito grana até então... nada disso adianta sem o treinamento, sem a prática. Foram dias e mais dias em pesque e pague, para fazer um ‘Z’ numa Jumping Minnow T20 e para levantar um palmo de água numa Rip Roller 6.25.

Nas caixas foram Rip Roller, Tucunarex, Trairão, Rebel Super Spook, Jumping Minnow T20, Rapala Walk, Zagaia Prima, Perversa, Maria Pop Queen, Rapala Sub-Walk, Maria The First, Tobimaru, Aile Magnet e alguns Jigs. Quem tem um não tem nenhum, então foram vários de diversas cores.

Todas trocadas por garatéias Owner ST-66TN 4x e split ring Capella.... por sinal um show de argola e snaps.

Carretilhas duas Daiwa Type-R, uma Zillion Coastal e uma Scorpion 1500-7 XT abastecidas com Power Pro 65 Lbs.

Vamos à pesca:

As notícias não eram boas e confirmaram logo na chegada. Peixe tinha, mas estava complicado. Estava num grupo formado por italianos e alguns brasileiros. Deus mais uma vez me ajudou. Formamos as duplas na chegada, sem conhecer ninguém e sem saber acabei ganhando um grande amigo, com um coração amazônico e com mais de 40 semanas de pesca por lá. Morador de Manuas... Ricardo Romano.

O primeiro ato: não embarcaram a bagagem dele de carretilhas, iscas e etc. Só vieram as roupas e o tubo de varas. Tudo foi perdido. Até agora não acharam. Só material TOP..muito TOP...

Parceiro é parceiro e não pensei duas vezes, tratei de cara de largar na mão dele uma Zillion Type-R e uma Zillion Coastal, ambas zero e sem linha. A linha que ele pesca eu tinha PP 65 e as iscas também Rips. Arrumamos tudo e esquecemos o contratempo.

Foram dias caçando, caçando e caçando... água entrando nos lagos e fomos bem nas praias. A cada saída ruim rendia uma reunião para tomada de uma nova decisão. Subindo o Negro era água e mais água.. raio, chuva e mais água...

Nos dias tranqüilos a pesca foi produtiva, mas trabalhosa. Eram 200 arremessos para um peixe.

Um amigo italiano estava pescando a dois dias e nenhum peixe. Quando dei para ele uma sub-walk, uma perversa e uma zagaia prima.... o resto vocês já sabem.

Foram momentos de depressão, decepção, angústia. Quando caiu a ficha do lugar onde eu estava, de tudo de lindo que tem lá, dos amigos que ganhei e da oportunidade que Deus me deu. Foi nessa hora que começaram os powww nas hélices do Ricardo. Visão ímpar que tinha visto na internet pela primeira vez em julho e que agora estava vendo a poucos metros.

Eu estava treinando um Popper com hélice, do Mauro Nakatani, no meio de um lago e do nada powwww na minha cara... aí vieram as lágrimas, a luta em tempo Record para chegar ali pronto para esse momento, as imagens de alegria do meu filho a km de distância, de orgulho do pai. Aí foi hora de dizer muito obrigado meu Deus, baixar a cabeça e tirar o nó da garganta, chorar feito menino e começar tudo novamente.

Vamos as fotos:

O primeiro açu, não faltaram lágrimas:

Imagem Postada

.

Vamos aos valentes pacas:

Imagem Postada

.

Açu medonho:

Imagem Postada

.

Açu no Popper com Hélice do Mauro Nakatani:

Imagem Postada

.

Esse Popper jamais entrará na água novamente, ficará para lembrança:

Imagem Postada

.

Paca na Super Spook:

Imagem Postada

.

Vamo, vamo Inter:

Imagem Postada

.

De-lhe banho no piloteiro.. amigo do pau tem disso.. tem que buscar na toca:

Imagem Postada

.

Imagem Postada

.

Visões do paraíso:

Imagem Postada

.

http://i1110.photobucket.com/albums/h448/gpetuco/DSCF2818.jpg

.

http://i1110.photobucket.com/albums/h448/gpetuco/DSCF2833.jpg

.

Meu amigo canadense e seu troféu:

http://i1110.photobucket.com/albums/h448/gpetuco/PA250168.jpg

.

Outro açu bonito e Vamo, Vamo Inter:

http://i1110.photobucket.com/albums/h448/gpetuco/DSC00152.jpg

.

Grande Simone, italiano mestre do Fly:

http://i1110.photobucket.com/albums/h448/gpetuco/DSCF2796.jpg

Essa foi por ti meu filho. No próximo ano estaremos juntos se Deus permitir.

http://i1110.photobucket.com/albums/h448/gpetuco/DSC04196.jpg

Muito Obrigado a todos.

Gelson Petuco

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Parabéns Gelson!!! é isso aí, gostei da interação com o filho, o meu filho foi assim, hoje é um excelente pescador.

Bela pescaria num lugar sem igual... é meu sonho tbm conhecer esse paraíso!!!

valeu . abraço :amigo:

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Opa Gelson,

Fico feliz que no fim deu tudo certo e que você se rendeu ao encanto dos açus.

Seu relato e as etapas do seu aprendizado emocionam, até os mais experientes.Meus parabéns e seja bem vindo ao viciante mundo dos Tucunarés açus. ::tudo::

Um abração

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Parabens amigo...é emocionante como vc descreveu o momento de captura dos peixes, e dá para ver nas fotos a alegria que vc sentiu...

abraços...

Olá Odirlei, muito obrigado. Cara a alegria não cabia dentro de mim. Momento mágico que só aquele lugar pode proporcionar.

Obrigadão.

Gelson Petuco

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Parabéns Gelson!!! é isso aí, gostei da interação com o filho, o meu filho foi assim, hoje é um excelente pescador.

Bela pescaria num lugar sem igual... é meu sonho tbm conhecer esse paraíso!!!

valeu . abraço :amigo:

Olá Léo. A gente entende o que é ser filho, só depois que é pai. Hoje eu entendo as lágrimas do meu pai na minha formatura. Cara pescar com um filho, ver sua evolução, dedicação, empenho é algo sem palavras. Só agradeço a Deus por tudo isso.

Já pensou nossos filhos pescando juntos naquele paraíso e nós num barco comemorando juntos? Torço muito que você logo consiga pescar por lá. É sem palavras. Com ou sem peixe.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Opa Gelson,

Fico feliz que no fim deu tudo certo e que você se rendeu ao encanto dos açus.

Seu relato e as etapas do seu aprendizado emocionam, até os mais experientes.Meus parabéns e seja bem vindo ao viciante mundo dos Tucunarés açus. ::tudo::

Um abração

Olá Schmidt, os açus e todos os peixes que pesquei eu dei um beijo de muito obrigado, soltei com todo o cuidado e segurança. Eles me fizeram chorar de emoção e devolve-los para um outro pescador sentir o que eu senti, é algo muito bom.

Foi duro o aprendizado, sair de um Exportex com 3,8 metros para uma vara de bait foi complicado. Mas logo começaram a aparecer os resultados e a cada dia dormia menos para buscar mais e mais. Até em dias de chuva e muito frio eu fui num pesque e pague treinar.

Mas o resultado até aqui é sem valor comercial... o meu coração está lotado de alegria.

Muito obrigado pelos teus posts. Tu não tem idéia o quanto ajudaram nessa peleia.

Abração,

Gelson Petuco

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Parabéns Gelson belos peixes...Tucuaré açu é assim a primeira a gente nunca esquece....kkkk

Abrassss

Olá Francisco. Estou com 41 anos e muita coisa já não lembro. Ficaram no passado, mas a minha primeira miraguaia e o meu primeiro açu ficarão registrado para sempre.

Abração.

Gelson Petuco

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Parabens Gelson!!! ::tudo::

Belas fotos, Bela pescaria.

Abçooss... :amigo:

Olá Diogo, as fotos e o relato é o que ficam. Hoje fico pensando, onde estão nadando os personagens principais? Estão lá no meio da coca-cola do Negro, num lago só deles e que assim seja para sempre.

Abração,

Gelson Petuco

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Sonho realizado .... meus parabéns pela pescaria ! joia::: joia:::

Olá Felipe, sonho mais que realizado e já está marcado a volta. Já estou sonhando com 2012. Agora com meu filho on-bord.

Vai ser um ano duro de treinamento para ele. Tem apenas 9 anos, irá fazer 10 em março. Sei que a coisa lá é complicada para uma criança como ele, mas também sei que será o momento de dedicar isso para ele. Dar essa oportunidade. Sei que vou pescar menos e cuidar mais, mas também sei que as fotos aqui serão lembradas por todos.

Abração.

Gelson Petuco

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Belo relato :bompost: :bompost:

Pescar é muito bom,melhor ainda quando for num lugar magico igual a esse ::tudo:: ::tudo::

Eu tentei de todos os meios ir para barcelos em fevereiro,mas não vai ser desta que irei conhecer aquele paraiso chorei:: chorei::

Parabens mesmo ::tudo:: ::tudo:: :amigo:

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Parabéns, show de pescaria!

Abraço!

Olá Gabriel. Esse é o nome do meu menino. Do Hebráico significa Enviado de Deus.

"Muito sério, e com grande honestidade no meio profissional, busca a perfeição em tudo e se aborrece quando as coisas não saem conforme o planejado.

Reflete muito antes de agir, e quando toma uma decisão é capaz de mergulhar de cabeça no que está fazendo e esquecer todo o resto à sua volta."

Queria ter escrito mais do que passei por lá, mas o texto já ficou longo. A vivência com os piloteiros, a caça permanente ao peixe, o visual.. tudo lá é mágico. Para marinheiros de primeira viagem, demora entender tudo isso, mas quando cai a ficha meu irmão. Putz... aí o cara não quer mais voltar.

Abração,

Gelson Petuco

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Belo relato :bompost: :bompost:

Pescar é muito bom,melhor ainda quando for num lugar magico igual a esse ::tudo:: ::tudo::

Eu tentei de todos os meios ir para barcelos em fevereiro,mas não vai ser desta que irei conhecer aquele paraiso chorei:: chorei::

Parabens mesmo ::tudo:: ::tudo:: :amigo:

Olá Alex. A pesca faz parte da minha vida assim como minha alma e o corpo. Está tudo agindo em conjunto.

Aí somado com um peixe cheio de magia num lugar mais belo do mundo.. é nitroglicerina pura.

Espero que logo você consiga ir a Barcelos. Aquilo é algo feito por Deus e desfrutado por poucos.

Obrigadão.

Gelson Petuco

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Parabéns pescador... seu relato só me deixa mais ancioso!!!

Sábado embarco pra Manaus... vou pescar de 06 a 12... torço muito por um nível de água estável nesses dias!!!

Abraço!!! joia:::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Parabéns pescador... seu relato só me deixa mais ancioso!!!

Sábado embarco pra Manaus... vou pescar de 06 a 12... torço muito por um nível de água estável nesses dias!!!

Abraço!!! joia:::

Grande Jean, é caçar peixe. Na semana passada a água estava entrando com tudo nos lagos e as folhas saíndo dos iguapós... dica é pescar nas praias. As hélices detonaram por lá. A produção foi fraca nos lagos. Muito barco hotel e suas voadeiras batendo nos mesmos pontos. Com isso o peixe está misturado com os macacos... lá no meio da mata.

As notícias que os afluentes estavam cheios... vai e mete a mão num bocudo.. aposta nas praias...

Abração e ótima pescaria. Manda um relato bomba na volta.. com muitos bocudos de respeito.

Gelson Petuco

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

olá Gelson,não tem preço essa emoção,parabéns pela pescaria joia:::

Olá Ramon, devo tudo isso a vocês. Esse forum é do caraio... muita informação e quem tiver boa vontade de garimpar poderá em curto tempo começar num bom caminho.

A emoção disso tudo se chama PEIXE SOLTO.... nada mais.

Abração,

Gelson Petuco

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa

Você pode postar agora e se registrar depois. Se você tem uma conta, CLIQUE AQUI para postar com a sua conta.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.

Processando...
Entre para seguir isso  

×
×
  • Criar Novo...