Ir para conteúdo

Beto-BH

Membro
  • Total de itens

    884
  • Registro em

  • Última visita

2 Seguidores

Sobre Beto-BH


  • User Group: Membro


  • Member ID: 313


  • Rank: Pescador


  • Post Count: 884


  • Post Ratio: 0.21


  • Total Rep: 2


  • Member Of The Days Won: 0


  • Joined: 29-11-2007


  • Been With Us For: 4192 Days


  • Last Activity:


  • Atualmente:


  • Age: 49


Clubes

Profile Fields

  • Sexo
    Masculino
  • Nome + Sobrenome (obrigatório)
    Beto-BH

Informações de Perfil

  • Localização
    Belo Horizonte - MG

Últimos Visitantes

460 visualizações
  1. Cheguei ontem de Barcelos.......Tivemos notícias que o Negro e Afluentes estavam pegando água e por isso decidimos subir o Demeni. Quanto mais subiamos, mais seco ficava, à ponto de ficar perigoso encalhar o Thayaçu II. Rio secando forte, condições maravilhosas de pesca, mas peixe bem manhoso. Pegamos muito peixe pequeno, até 4kg, principalmente cardumes onde tirávamos até 40 peixinhos no mesmo ponto. Como o Demeni tava baixando decidimos correr pro Aracá tentar os grandes. Rio secando forte, condições maravilhosas de pesca, água na altura ideal......subimos até o Curunduri na lancha e de lá pra cima nas voadeiras. Peixe ainda manhoso, difícil de achar, mas saíram alguns peixes de 7 à 9 kg. O Flutuante do Marlon tava na boca do Curunduri, pode ter dado uma estressada nos peixes daquela região. Não consegui achar motivos pro peixe não estar comendo loucamente pois o cenário era perfeito. Na volta pescamos meio dia no Negrão que realmente estava pegando água e bem cheio, agua no mato ainda. Em Manaus o Negrão estava mais baixo e secando.
  2. A turma do sogro de um amigo estava lá em Barcelos essa semana......muita chuva e pouco peixe, mas o pessoal não era do tipo alucinado não, alguns nem saiam pra pescar na chuva. Quero ter notícias dos malucos que não medem esforços atrás dos bitelos
  3. Beto-BH

    Sobre minha ultima pescaria em SIRN

    Pois é moçada.... o meu objetivo era esse mesmo. Cada vez mais me convenço que existem verdades verdadeiras que são pura lorota ou preferências pessoais.... ferra ou não ferra.... segura ou deixa correr.... usa lider ou não usa.... duas garateias é melhor que três e vice versa, e por aí vai. E outra..... me convenci também que um monte de afirmações certeiras dos piloteiros são puro chute ou costume local.... o tal do "peixe está parado porque tá sentindo água nova".... "peixe tá acasalando".... "peixe tá tomando conta da cria"...... tô propenso a afirmar que é balela pra justificar uma coisa que, às vezes, não tem explicação mas a gete quer uma justificativa. Outro exemplo..... em muitos pontos tinha uma nata esquisita, oleosa, na flor dágua de muitos lagos...... ouvi dos piloteiros que aquilo era areia, que era óleo do Angatu que já tinha passado por ali e até que aquilo era serração ( e ainda com a afirmação que era aquilo que causava reumatismo). Respeito muito os piloteiros e suas dicas mas temos que ficar com um pé atrás. Abraxx Beto
  4. Beto-BH

    Cachorro do mato

    Então vou contar o nome do santo.... :amigo: :amigo: :amigo: Essa história é do nosso querido amigo Lusardo que, quando jovem, gostando muito de caçar, resolveu adestrar um Sorro para que esse servisse de cão de caça, usando a lógica de que, se o bicho caça na natureza, por conta própria, se fosse adestrado seria imbatível. Montou uma armadilha e pegou o bicho e o colocou dentro de um canil. Só que o bicho fedia demais e ele então encasquetou que tinha que dar um banho no bicho. Quem sofreu foi o Sr. Pavão, capataz da fazenda, incubido de segurar o bicho na coleira enquanto o Lusardo metía-lhe água no lombo. Diz que o bicho virou o capeta..... rodopiava mais que o Taz ( o demônio da Tasmânia dos desenhos animados) e sempre que tinha oportunidade metia os dentes no Sr. Pavão :gorfei: :gorfei: :gorfei: Depois de desistir desta empreitada chegou à conclusão que o bom mesmo seria cruzar o sorro com uma cadela perdigueira.... sorte de todos que o Sr. Pavão não tinha mais condições físicas de unir o casalzinho para procria rindo3:: rindo3:: rindo3:: Esse foi um dos muitos casos contados na nossa ultima pescaria.... isso aí com umas 3 cervejas na cabeça foi motivo de risada por horas..... Valeu Lusardo Abraxx Beto
  5. Beto-BH

    Cachorro do mato

    Pessoal.... Gosto muito de caçar e para isso tenho alguns cães de caça que aprecio muito. O que vocês acham da idéia de eu pegar um Sorro (cahorro do mato), dar um bom banho no bicho e treiná-lo como cão de caça? Será que dá certo??? Abraços Beto
  6. Estou colando aqui o que respondi no relato do Lusardo para a apreciação dos amigos sobre ferrar ou não o peixe. Muito bom Lusardo.... o relato sintetizou bem o que foi nossa pescaria.... rio num nível bom e descendo, tempo bom, rio pouco batido mas o peixe, inexplicavelmente, manhoso. Individualmente foi minha pior pescaria na amazônia em termos de tamanho de peixe. Até então, em todas minhas idas tinha embarcado ao menos um peixe acima de 6kg e desta, mal mal passei dos 4. O que não quer dizer absolutamente nada..... em termos de número de capturas não posso queixar de nada pois mesmo em dias muito ruins embarquei pelo menos uns 10 a 15 peixes entre tucunas e trairas enquanto em outras pescarias passei alguns dias dedão. De fora isso, em praticamente todos os dias o meu barco embarcou um belo exemplar acima das 14lbs, eu é que estava dando azar mesmo.... às vezes passava a isca 10 vezes no mesmo ponto, na hora que desistia, o companheiro passava uma única vez e acertava o bicho..... isso aconteceu várias vezes. Além disso, tive 3 bons peixes na linha e aqui quero tecer um comentário. Um dia, pescando com o Felipe, entrou um bom peixe que não tomou conhecimento do freio da Metânium do Felipe e partiu em direção ao molongó.... o piloteiro logo gritou.... não põe o dedo no carretel.... deixa ir pro pau que a gente tira ele de lá..... o peixe emaranhou no molongó e se foi sem deixar vestigios. Pensei comigo mesmo.... se fosse eu tinha dado uma segurada no carretel ( sem travar). Passou um tempo e desta vez fui eu o premiado.... mesma cena.... peixe põe a linha nas costas e vai pro molongó.... aí não seu danado ..... e dou uma segurada no carretel.... o peixe sente a pressão, pega embalo, salta e cospe a isca..... aí penso....devia ter deixado ir pro pau!!!! No penúltimo dia..... trabalhando uma hélice e porrada das grandes..... dou aquela firmada (sem ferrar) o peixe toma linha, salta e cospe a isca. O piloteiro me condena.... isso que dá, não ferra o bicho.... tem que meter o braço pelo menos uma vez pra ferrar direito.... ódio!!! Passam uns 4 pontos e nova porrada das grandes... dessa vez meto o braço e pergunto pro piloteiro.... desse jeito tá bom? Tá bem ferrado??.... Agora sim.... esse não escapa, ele responde. Peixe corre prum lado, corre pro outro e de repente a linha fica frouxa.... vem só escama agarrada na garateia..... e aí.... ferra ou não ferra???? Deixa ir pro pau ou tenta segurar???? Acho que não tem certo e errado.... é sorte mesmo. Além disso só quero lembrar o dia em que entrei no lago com o Vitor... entramos num braço ele batendo o meio eu a margem e nada.... na saida voltamos ao contrário e bem no bico, onde eu já tinha passaqdo isca umas 10 vezes, um monstro pega a isca do Vitão..... peixe enorme!!!! O Vitor traz ele pra perto do barco e as pernas tremem..... disparado o maior tucunaré que já vi na vida..... o lombo do bicho tinha uns dois palmos de largura.... ele levanta a cabeça e mostra a isca enxarutada.... esse aí num escapa..... o bicho dá mais um mergulho e começa a pranchear.... quando vê, do nada, sacode a cabeça pela última vez, cospe a isca.... dá um tchauzinho e vai-se embora sem nos da o prazer de fazer belas fotos com o troféu.... coisa de louco.... fiquei lamentando a perda por mais de 1 hora. No outro extremo do mesmo lago, de um lado uma bela ilha com drops nas duas pontas de um lado do barco e galhadas do outro. Fico de costas para o Vitor e quando vou falar para ele virar e tentar a ilha ouço a porrada.... pow!!!! zum....zum...zum (tomando linha)...plack quando viro pra ver o que era tá o Vitor só com o toquinho de vara na mão e a linha saindo da carretilha como se não existisse freio.... o peixe entra pra pauleira e abre as garatéias da rip.... vara de 30lbs quebrada a mais ou menos um palmo do reel seat.... outro monstro que não quis se mostrar e vai pro meio do mato. Só isso já valeu os 10 dias de pescaria. Adrenalina 100%. No mais agradecer imensamente à toda a turma que me ajudou muito a participar desta empreitada. Vini e Vitor, Lusardo e Eloy já são companheiros de outras empreitadas, pessoas de primeiríssima qualidade e os novos companheiros, Daniel Felipe e Thiago se mostraram companheirões, super tranquilos, excelentes pescadores nota 10. Abraços Beto
  7. Quer quantidade ou qualidade? No angical quase só tem azul.... dá pra tentar o troféu. No Araguaia / Cristalino... Azul, Pitanga, amarelo, Popoca.... sei lá quantos tipos que ficam menores que os azuis.... quantidade. Conferir como está a questão de pescar nos lagos do Araguaia e a época certa para os tucunas pois com o rio cheio fica mais dificil.
  8. Beto-BH

    como fisgar um boto?

    Ainda não havia visto este post.... uma opção para este tipo de pesca é colocar um pedaço de carne num anzol e jogar perto de fila brasileiro, um Rotiweiler ou outro grande cachorro.... deixa o bicho abocanhar e senta o braço.... deve ser uma briga bacana. CÊS TÃO DOIDO???? bang:: bang:: bang:: bang:: Boto é mamifero....sistema nervoso bem complexo.... deve sentir uma dor enorme quando fisgado.... è muita sacanagem gente!!!!
  9. Beto-BH

    Agua ja baixou 60 cm. em BARCELOS

    Pessoal... podem ter certeza..... não adianta nada procurar informações sobre o nivel das águas antes de sua chegada no rio.... a coisa muda muito rapidamente e condições ideais de pesca não representam sucesso nem condições adversas representam fracasso. Cheguei de SIRN ontem. Pescamos por 10 dias na região. No dia que chegamos o Negrão estava alto, mas secando, quase no ponto ideal de pesca. A boca do Jurubaxi estava bem alta ( água represada ainda pelo Negro). Subimos o Jurubaxi e em poucas horas o nivel do rio estava legal. Do meio do caminho pra cima água no ponto e secando.... pontimha das praias aparecendo, molongos ainda dentro da água mas rasuras com drops perfeitos, água fora do mato, sol de rachar, chuvas rápidas, emfim.... tudo que sempre sonhei em termos de nivel de água. Rio pouco pescado mas já havia recebido os dois Angatus. Pescaria mmmmuuuuuiiiiittttttoooooo difícil mas saindo bons peixes esporádicos. Ninguém soube explicar o porque de os peixes estarem tão inativos.... aí vem com aquela história de peixe sentindo água. Subimos o Jurubaxi até o repartimento e mais uns 20 minutos ( creio que poucos homens brancos foram onde fomos, quase 1h acima do Colombiano) e nem sinal de água nova ou rio subindo. Como o peixe estava inativo e outra turma estava programada para subir até perto de nós resolvemos descer e tentar o Negrão, voltamos descendo. Depois de uns 7dias de nossa chegada, o Negrão tinha subido muito ( no olhometro uns 50cm) e a boca dos afluentes estava com água até o talo. Subi o Ayuanã por dois dias.... no primeiro por cerca de 2hs de voadeira e o segundo por quase 4hs, chegando em pontos que ninguém pescou ainda nesta temporada ( e provavelmente também poucos pescaram na última). Nivel de água igual ao do Jurubaxi.... muito bom e descendo....peixes também agindo da mesma maneira....inativos e dificil de serem achados. No total, cerca de 40 pescadores (20 voadeiras) dividiam os espaços nos rios. Não que fique inviavel, mas toda hora você topa com gente. Pelo avião dá pra ver que a região ainda tem muita água e quase não se vê praia no Negrão. Chegando pra Manaus as praias começam a aparecer e vão aumentando até Manaus. Conclusão.... RELAXA E GOZA.... NADA QUE EU ESCREVI AQUI VAI SERVIR PARA VOCÊ QUE VAI SEMANA QUE VEM POIS VAI ESTAR TUDO DIFERENTE, MÊS QUE VEM MAIS AINDA E POR AÍ VAI!!!
  10. Grandes chances de em outubro estar top Marcus..... independente disso vá lá e curta a viagem que por si só é boa demias!!!
  11. Beto-BH

    Agua ja baixou 60 cm. em BARCELOS

    Tem gente nossa por lá agora mesmo... Rio tá alto ainda mas, realmente, baixando. Cego lá 04/09 e 15/09 dou notícias procês. Fato é que, com água ou sem água vou curtir de montão!!!!
  12. Galera. Estamos participando das discussões sobre a´pesca em Três Marias e nosso bilogo representante da pesca esportiva está precisando de alguns dados que mostrem como a pesca esportiva de peixes exóticos fomenta o turismo em outros países tipo o Bass nos EUA ( o Bass é do Canada). Quem puder ajudar me avise Abraxx Beto
  13. Se você é um dos que sonha com essa possibilidade, ajude-nos a tornar o sonho uma realidade. Assine o abaixo assinado em defesa do tucunaré de Três Marias. Precisamos desta força. Está na hora de parar de reclamar por trás de um teclado e se manifestar e agir em prol da causa. viewtopic.php?f=2&t=25844&p=292044#p292044
  14. Já assinei.... e quanto mais gente assinar, de todos os cantos do país, mais força nosso representante terá na reunião.... ajuda aí gente!!!!
  15. Beto-BH

    Rio Negro: dúvidas e certeza!

    Vai lá Mestre, ajeita tudo direitinho pra nóis.... avisa pro Lusardo que os jigs chegaram e que eu levo pra ele. Até daqui a pouco
×