Ir para conteúdo

O FTB foi atualizado e otimizado.

Antes, para visualizar todas as nossas salas, era preciso descer a barra de rolagem por muito tempo. Isto dificultava a nossa vida, principalmente a dos novos usuários, que não encontravam as salas/assuntos de interesse.

Agora as salas foram transformadas em "sub salas" e incluídas em grandes fóruns.

Esperamos que tenham gostado. :amigo:

Paulo Macuco

Membro
  • Total de itens

    77
  • Registro em

  • Última visita

Sobre Paulo Macuco

  • Rank
    Já consegue zarar
  • Data de Nascimento 11-11-1958

Profile Fields

  • Sexo
    Masculino

Meu contato

  • Website URL
    http://www.facebook.com.br/barcofascinacao

Informações de Perfil

  • Localização
    Pará de Minas - MG
  • Interesse
    pescaria em rios e lagos

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

  1. Acabei de passar 20 dias navegando de Xique Xique até Petrolina pescando e conhecendo o rio e suas historias. "O maior surubim que tive noticias de ter sido pego nos últimos tempos não passava de um palmo" como me disse de forma muito humilde um pescador profissional com quem tive o prazer de prosiar. O lago de Sobradinho que tinha sido contaminado por tucunarés, não que seja contra o tucunaré, mas cada espécie no seu lugar, agora está infestado de pescada, um peixe parecido com corvina que acredito ter vindo da bacia do Araguaia para "criames" de tanque rede e que acabou por escapulir para o lago. As espécies nativas sucumbiram. O São Francisco está ferido de morte.
  2. Tem uma fabrica de barcos muito boa em Bom Despacho/MG, pertinho de você. Já tive oportunidade de ver barco feito por eles e gostei muito.
  3. Olha Priscila, Lá até que tem tucunarés, mas é difícil pegar algum de tamanho razoável. A represa é igual sanfona. Um dia tá baixinha e qualquer chuva ela sobe, além de ter o nível controlado pela usina. Tem vários lugares de acesso público. O que acredito ser mais fácil é pela margem esquerda, com acesso pela cidade de Carmo do Cajuru atravessando a ponte no rio abaixo da barragem e voltando em direção a esta, que apesar de mais longe que outros pontos na cabeçeira do lado da cidade, tem acesso por asfalto. Chegando na cidade as pessoas te explicam o caminho.
  4. Estou marcando uma pescaria para o Rio Parú para inicio de novembro... Alguem tem mais alguma informação? Sei que é uma pousada bem simples e que Sai de Monte Dourado em direção a Puxurí e sobe o rio Parú. Alguem já esteve nesta região?
  5. Paulo Macuco

    Rio Parú - PA

    Alguem já pescou no rio Parú, no Pará? Tive um convite para ir lá em novembro mas não tenho nem ideia de como é!
  6. Aleluiaaaaaaa.... Tinha ficado sabendo de um amigo que ouviu falar de outro amigo, e tal tal tal, que pela falta de engenheiro naval no mercado, o CREA autorizou ao engenheiro mecânico a confecção deste laudo. Fiz uma consulta ao CREA-MG e eles me confirmaram que é verdade. Então facilitou muito. Engenheiro mecânico pode sim fazer o laudo. Engenheiro mecanico tem vários por aqui. Felizmente não vou precisar ficar com documentação "meia boca". Não sou muito chegado à nada "meia boca". Vou providenciar o laudo.
  7. Dorico, seu problema deve ser o mesmo meu. Como o barco tem mais de 5 metros, para registrar um motor maior que 35HP, tem que ter laudo.
  8. Como o documento dele é muito antigo, não consta motorização máxima. Aí o pessoal lá da Capitania dos Portos me disse que quando não tem, eles consideram 35hp como máximo. E o mais interessante é que me disseram que se o barco tivesse no máximo 5metros eu poderia alterar preenchendo apenas um Termo de Responsabilidade, mas como tem mais de 5m, precisa de laudo. Agora, acredito que engenheiro naval aqui em Minas Gerais num vai ser facil arrumar não. Naonao:: Aí vou ter que ficar com o barco irregular.???. seila::
  9. Meu barco cabinado é da década de 80 e no documento dele consta um motor de Evinrude 15hp da época. Eu reformei o barco todo tem uns 3 anos e coloquei um motor Yamaha 90 4t, e ficou ótimo. Entretanto me informaram que pra ficar certinho tenho que averbar este motor no barco junto à Capitania dos Portos, e que para isto é necessário um laudo de um engenheiro naval. Alguem já passou por isso e tem informações a respeito?
  10. Com certeza o transdutor está perdendo o contato com a água. Siga o manual direitinho que dará certo. Ele tem que ficar um pouquinho abaixo da linha do fundo (+-2mm) e com um ligeiro angulo para baixo. Assim ele não gerará bolhas. Veja se voce não colocou ele no rumo de alguma saliência no casco tais como rebites, etc, o que também irá gerar turbulencia no transtudor.
  11. Apesar de 3Marias estar soltando apenas 80m2/s e retendo todo o resto, e por isto está enchendo tão rápido, os rios que caem abaixo da represa estão com bastante água a exemplo do Rio das Velhas pois tem chovido nas cabeceiras. Passei de 02 a 18 de abril passeando entre Carinhanha e Xique Xique. Lá pra baixo, o rio está com bastante água e sujo. Tá dando só Serrudo. Seus afluentes Carinhanha, Corrente e Grande estão caldalosos e com água limpa, mas os profissionais estão "cuando" com rede malha #4. caveira:: negativo:: .Um absurdo. Ví Pirá (peixe em extinção) de um palmo sendo vendido no mercado de Barra/BA. Dá dó.
  12. um macete é deixar o que entra agua apenas frouxo, para não entrar muita água e no que sai a agua, enrroscar do lado de dentro um pedacinho de cano de PVC de -+12cm (ou a gosto do freguês) para que quando estivar andando não sugue toda a água do viveiro, ou seja quando chegar na altura do tubo, para de puxar.
  13. Veja bem, o fato da agulha estar com o corpo com algumas corrosões não impede seu funcionamento não. O que tem que estar em perfeitas condições é a ponta cônica (essa pretinha da foto) que em algumas são até de material sintético. É ela que veda a passagem da gasolina. Portanto basta limpar o corpo dela com cuidado, usando bombril por exemplo, atentando para não arranhar a ponta conica que provavelmente voltará a funcionar. Verifique também a sede onde ela vai vedar (furo onde sai a gasolina). Se lá tiver corrosão, aí sim pode não vedar direito e ter problema com vasamento. Em muitos carburadores esta sede é uma peça que pode ser retirada, semelhante a um giclê. Quanto aos gicles, deixar os gicles de molho só não resolve não. Tem que passar algo pelo furinho para tirar a sujeira. Para não ficar na dúvida se tava realmente entupido ou não, eu olho o buraquinho contra a luz para ver como está e depois pego um pedaçinho de um cabinho de cobre e retiro um dos fiosinhos que compoem o cabo e uso para desentupir o furinho. Depois dou um jato de ar e confiro contra a luz novamente. WD40 e outros semelhantes, são apenas oleos lubrificates bem finos. Eles não retiram sujeira. Podem muita das vezes maquea-las. Quando vou deixar o motor parado muito tempo, eu bambeio o parafuso que esgota o carburador e deixo escorrer o resto da gasolina da cuba. Depois conecto o tubinho do WD40 no furinho do dreno e esguicho bastante lubrificante no interior do carburador pelo próprio buraco que escorreu a gasolina. Retiro a mangueira de gasolina e pelo caninho de entrada do carburador jogo mais WD40, desta feita para justamente lubrificar a agulha.
  14. Nossa, que decepção...... Sempre tive a Garmin como uma empresa tão séria! Será que ela deteriorou a esse ponto!!!! Todos meus equipamentos são Garmin mas de agora pra frente, num sei não viu.... De empresa que só pensa no cliente até vender o equipamento o brasileiro já está farto.
×
×
  • Criar Novo...