Ir para conteúdo

Olá amigo que está de passagem pelo Fórum Turma do Biguá (FTB).

É um enorme prazer tê-lo em nossa casa. O fórum é aberto a todos. Pra nós, tê-lo participando é sempre um prazer. Para utilizar nossa plataforma em sua totalidade, basta clicar em CADASTRE-SE e siga os passos seguintes. É fácil e em poucos segundos você estará interagindo com todos.

Para aqueles que já se cadastraram mas não se recordam dos seus nomes de usuário, SOLICITAMOS QUE NÃO EFETUE UM NOVO CADASTRO. Basta enviar um email para fbigua@gmail.com nos informando os dados que vc se recorda, que em pouco tempo resetaremos seu perfil e enviaremos os dados para você.

Qualquer dúvida basta ser enviada para o mesmo email acima mencionado.

Att. Equipe de Moderação do FTB

Fabrício Biguá Fabrício Biguá

Bem vindo ao Fórum Turma do Biguá

Sinta-se em casa. O Fórum Turma do Biguá há mais de 10 anos é a casa do pescador esportivo. Você encontrará milhares de informações sobre a pesca esportiva, náutica, camping, e tudo o que envolve o esporte mais praticado no Brasil. Contamos com a sua participação para deixar o nosso blog fórum ainda mais interessante. Seja muito bem vindo!!!

Confira os mais de 4.000 relatos postados pelos nossos amigos

Clique aqui e vá direto para a sala dos Relatos de Pescaria. São milhares de belíssimos relatos repleto de fotos, paixão e muito peixe grande. Aproveite para eternizar sua pescaria, publicando detalhes sobre a sua aventura.
Acesse agora

Apaixonados pelo Tucunaré Açu

Adoramos a pesca esportiva em todas as suas modalidades, independente do peixe escolhido, mas temos uma paixão especial pelo tucunaré de olhos vermelhos. Navegue em nossas páginas e saiba tudo sobre eles.

Mas esportividade é a nossa razão de ser

Pequenos, grandes, bagróides, redondos?!?! Não importa.

BASSBOAT BRASIL

Mais uma marca registrada do FTB. O Bassboat Brasil é o único fórum do Brasil que traz tudo sobre os barcos de pesca esportiva de alta performance.
Acesse agora
  • +26 °C
  • Cadastre-se
Entre para seguir isso  
Flávio Martins

Peixes do Lago Paranoá

Posts Recomendados

Tambaqui e Balck Bass no Lago Paranoá?

A história:

As introduções de peixes no Lago Paranoá se iniciaram já no ano seguinte do seu enchimento, tendo sido lançados no reservatório entre março e dezembro de 1960, no total de 145 tilápias do congo (Tilápia rendalli), 6.500 "black-bass" (Micropteuros salmoides ); 7.000 "bluegill" (Lepomis macrochira ); 5.000 mandi amarelo (bagre não identificado) e 12 reprodutores de piapara (espécie da Família Anostomidae- piaus), peixes estes oriundos da Granja do Ipê.

Em janeiro de 1964 o Departamento de Nacional de Obras Contra as Secas (DNOCS) realizou o primeiro levantamento dos peixes do Lago Paranoá, e coletou mais de 1.500 exemplares de tilápia do congo e alguns "bluegill", além de peixes nativos da região como lambaris, charutinhos e cascudos. Devido a esses resultados o lago foi considerado como um ambiente com poucos peixes sem captura para pesca comercial, e com a pesca esportiva incipiente.

Entre as décadas de 60 e 70 foram introduzidas no lago novas espécies, como carpa comum (Cyprinus carpio), tucunaré (Cichla ocellaris) e a tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus) conforme relatado por DORNELLES & DIAS NETO (1985).

Segundo Bastos (1980), durante a década de 70, introduções voluntárias e/ou clandestinas de peixes ornamentais criados por aquaristas amadores, tais como espadinha e "guppy" se somaram a lista de peixes já ocorrentes no Lago Paranoá.

O início da década de 80 foi marcado pelos peixamentos do lago com duas espécies amazônicas, o tamoatá (Callychthys callychthys) e o tambaqui (Colossoma macropomum), além de uma espécie de camarão de água doce. Dos poucos milhares de alevinos de tambaqui lançados no lago não se teve nenhuma notícia, ao passo que o tamoatá estabeleceu população reprodutiva no resevatório.

Na década de 90 , apenas dois outros novos registros vieram a ampliar a participar da lista de espécies exóticas introduzidas no Lago Paranoá, uma delas é o bagre africano (Clarias sp.), introduzido clandestinamente, enquanto que a outra é a carpa chinesa prateada (Hypophthalmichthys molitrix), na oportunidade em que alguns exemplares escaparam de tanques experimentais proveniente do experimento do programa de biomanipulação da CAESB, que e passaram a habitar o espelho d'água do lago.

Principais peixes nativos adaptados ao Lago Paranoá: Acará preto; Acará amarelo; Bagre; Cascudo; Lambaris; Saguirú; Traíra; Trairão

Principais peixes exóticos do Lago Paranoá: Bluegill; Tambaqui; Tilápia do Nilo; Tilápia do Congo; Bagre Africano; Tucunaré Comum; Tucunaré pima; Carpa comum; Carpa prateada

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Bacana esse histórico... Sabe se tem algo recente em projeto para futuros peixamentos??

Não falaram aí das Traíras... e tem muita lá.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
Entre para seguir isso  

×