Ir para conteúdo
Entre para seguir isso  
Marcio Boechat

"Meu pequeno Cachoeiro"..." ai que saudade dessas terras"...

Posts Recomendados

Semana passada tive uns dias de folga no trabalho e resolvi pescar. Minha primeira opção seria voltar à Pousada Thaimaçu para rever aquele povo todo e o lindo lugar que é. Pousada lotada, tive que mudar os planos e resolvi ir para casa. Cachoeiro de Itapemirim fica no sul do Espírito Santo e foi lá onde toda minha dedicação com as artificiais começou.

Antes das artificiais, tive uma outra escola e outro professor. Meu tio Zequinha foi meu primeiro parceiro de pesca. Maior pescador de lambaris e piaus que conheço, me ensinava sobre os locais de pesca desses peixes tipos de iscas pra pegá-los etc.

Tio Zequinha na Bahia e comigo numa pescaria de corrico com artificias segurando uma sarda de 6 kg

Imagem Postada

Além dos meus pais e Tio Zequinha, mora em Cachoeiro meu primeiro professor de carretilha, Marcelo Maleque. Maleque é um pescador esportivo extremamente técnico e sabe de tudo que envolve a pesca. Além disso frequenta o fórum e contribiu com várias informações.

Lembro-me como se fosse hoje a primeira vez que fomos pescar no rio Itapemirim ( corta a cidade e deságua na barra de Itapemirim que fica na praia ). No meio da semana saíamos pra pescar robalos e piabanhas numa parte do rio que passa dentro de uma usina de cana. Na maioria da vezes não pegávamos nada mas o prazer de estar ali aprendendo a arremessar e a trabalhar as iscas era inexplicável. A companhia não precisa de comentários.

Além do Maleque, nos acompanhava nas pescarias o Rodrigo Lugão. Maratimba, como nós o chamamos mora em Marataízes, cidade onde deságua o rio Itapemirim e ponto de saída para as pescarias no mar tanto de corrico ou de pincho. Grande amigo e pescador, Lugão e Maleque me ensinavam na carretilha e de vez em sempre tinham que entrar no rio pra retirar minhas iscas que ficavam presas em algum galho. Morro de medo de entrar em rio ou lago.

Toda vez que vou pra casa, o encontro com eles é inevitável e uma saída pra pescaria de robalos ou no mar também.

Cheguei em casa dia 22, quarta passada e a pescaria pra quinta já estava armada. Nesta época de inverno os peixes dão uma sumida no mar e a opção e a pescaria de robalos. Geralmente vou na época de verão e com as chuvas, fica difícil a pescaria no mangue em função da cor da água. Mas agora tinha grande esperança de realizar uma boa pescaria de robalos.

Na quinta o Maratimba não pode ir e quem me levou foi o Luciano que mora a 5 minutos do mangue e conhece tudo das marés e do peixe. O robalo.

Imagem Postada

Barco na água e a primeira coisa que percebo é que a água está um gelo e a cor da água não tão limpa como deveria estar. Pescaria difícil.

Subimos o rio e paramos no mangue pra dar uma pinchada. Coloquei uma isca de superfície e o professor diz que seria difícil bater em função da temperatura da água e cor. Ele logo pega um robalinho flecha e depois eu pego um peva pequenino.

O professor

Imagem Postada

Imagem Postada

O aluno

Imagem Postada

Imagem Postada

Nesse primeiro dia foi somente o que pegamos. Luciano teve mais uma ação mas não conseguiu embarcar.

No dia seguinte a empreitada estava novamente armada mas a estratégia seria diferente e o Lugão nos acompanharia desta vez. O robalo é um peixe, EXTREMAMENTE GAY. Qualquer mudançazinha de temperatura tando da água como a do ar infuenciam seu comportamento assim como a pressão barométrica e principalmente a maré. Dependendo da maré ou horário da maré, o péixe não come. Às vezes pinchávamos mais de 30 vezes no mesmo lugar e nenhuma ação acontecia e de repente ele começavam a atacar. Na verdade o que acontecia é que eles não estavam naquele momento e em determinado ponto da maré eles apareciam e ficavam ativos.

Baseados nessa gayzisse do peixe, resolvemos subir o rio até o ponto onde não havia infuência da maré e tentaríamos os robalos e piabanhas. No caminho explorávamos os pontos de estruturas de galhos detro dágua e outros pontos com possibilidade de esconderijo do peixe.

Rodrigo e Luciano

Imagem Postada

Estruturas

Imagem Postada

Imagem Postada

Imagem Postada

Nosso último ponto de parada subindo o rio seria nos mesmo locais on dei meus primeiros arremessos e que fica dentro da usina de cana. O cheiro do vinhoto quando cheguei foi inconfundível. Em segundos voltei 10 anos no tempo, relembrei todo meu começo, de um tempo que não volta mais e que graças a esses pescadores eu desenvolvi meu trabalho com pesca esportiva.

Voltando a pescaria, pinchei numa galhada de corredeira rápida e peguei o primeiro peixe do dia. Logo em seguida Luciano arremessou para fazer um dublê de piabanhas.

O aluno

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/019-1.jpg

O professor

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/020.jpg

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/021.jpg

Minha escola

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/023.jpg

Quando íamos pescar na Usina, os pinchos eram do barranco. Se alguma isca agarrasse na galhada, já era.

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/024-1.jpg

Voltando ao ponto de partida, encontramos um bezerro que havia caído na água e paramos para o resgate.

A vítima.

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/025.jpg

Lugão boiadeiro.

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/027-2.jpg

De volta ao mangue, a maré ainda não estava boa pra peixe. Assim, Jugão e Luciano resolvem abrir buracos no mangue pra poderem arremessar. Na verdade eles retiram os galhos do alto e deixam a estrutura no fundo para que o robalo tenha onde se esconder e caçar.

A sutileza

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/028-1.jpg

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/029-1.jpg

Paramos pra almoçar e bombardeei os dois com perguntas sobre o robalo. Queria aprender mais sobre esse peixe que quase não tenho oportunidade de pescar.

Luciano parecia desanimado em função da improdutividade da manhã mas eu e Maratimba voltamos no horário da maré para tentar pela tarde. A água continuava gelada e como estava entre amigos e não me importava se pegaria ou não, coloquei novamente isca de superfície. No mínimo treinaria um trabalho diferente e mais arremessos nos buracos abertos por eles. Lugão dá uma olhada na isca e diz: " Marcio, é muito difícil pegar na superfície com essa água gelada". Eu sabia mas continuei brincando.

Pouco tempo depois tive uma ação na superfície e um pevão estava na ponta da linha. Como a boca do robalo é muito mole, tinha medo que pulasse e fosse embora. O mais legal é que o peixe bateu num buraco aberto por eles no mesmo dia pela manhã.

Meu troféu

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/030-1.jpg

O professor ficou orgulhoso e tirou uma foto com ele também

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/032-1.jpg

Logo em seguida entrou outro pro lugão que parecia rebocar o barco. Foi pro pau e não conseguimos tirá-lo.Mas professor é professor e sua vez chegou

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/036-1.jpg

Logo depois desse peva ele engata um flecha e eu dei uma de Eribert kkk

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/033-1.jpg

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/034-1.jpg

Logo depois peguei outro flecha que tinha um rasgão de rede.

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/043.jpg

Luciano ficou doente quando contamos da pescaria. Rapidinho liguei pro Maleque e marcamos pro dia seguinte. Desta vez o time estava completo. Infelizmente não saiu peixe mas nos confraternizamos e acabamos comendo um peixinho frito no fim do dia com outros caras que estavam pescando no mesmo local.

Maleque e Luciano e ao fundo os outros pescadores.

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/044.jpg

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/050-2.jpg

Esse é o meu pequeno Cachoeiro. Lugar de uma vida, um começo, amizades e saudades.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

ahahahahahahahahahaha :gorfei: :gorfei: :gorfei:

VOCE E INCRIVEL :gorfei: :gorfei: :gorfei: ,CHAMANDO A MIM E ESSES CAVALOS DE PAU DE PROFESSORES , SO SE FOR DE GROSSERIA danca:: danca:: danca::

BRINCADEIRAS A PARTE ME ORGULHO MUITO DE TER INICIADO VC NAS ARTIFICIAIS E HOJE CONSIDERO VC NOSSO GRANDE PROFESSOR DE TUCUNARES E DE ISCAS DE SUPERFICIE,ESTA MAIS DO QUE PROVADO QUE BASTA INSISTIR QUE OS BITELOS ACABAM SUBINDO.

DUVIDO QUE ALGUEM JA TENHA VISTO , ABRIR UM BURACO PARA ARREMESSAR DE MANHA E PEGAR UM PEVÂO DE 3 KILOS Á TARDE.KKKKKKK.

ESPERO OUTRAS OPORTUNIDADES PRA PESCARMOS JUNTOS. ABRAÇO

MARCELO MALEQUE

TAMOS AI.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Grande Márcio!

A cada dia um novo horizonte!

Parabéns pela insistência e pelo sucesso! Acabei de voltar da beira-mar sem nenhum pincho.

Lindas fotos, o Eriba que se cuide!

Abraços...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Mas que beleza de pevoes hein!! parabens...o bixo é arisco demais

Fora as piabanhas e os flexas, putzz, top demais

Parabens pelas pescadas!!

E conseguiram subir o bezerro?? rsrsrsrs

Abraco

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Visitante

Muito legal o relato, a volta onde tudo se iniciou...

Parabéns Marcio, relato emocionante...

Tudo de bom parceiro

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Melhor é ver a cara do Márcio. Parece cara de menino que acaba de ganhar sua primeira vara de pescar, tamanha a alegria.

Parabéns ao grupo pela oportunidade de fazer esse moço voltar no tempo para relembrar os tempos de garoto.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Muito legal o retorno às origens!!!

Peixe Gay foi ótima Boechat... rindo3:: rindo3:: rindo3::

Parabéns pela pescaria!!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Muito fera Boechat e Maleque. Bom demais entender como vc começou na pesca com artificiais e melhor ainda ver vc pegando um robalão desses. palmas::

A primeira vez a gente nunca esquece. Foi meu segundo robalo na artificial na vida.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

ahahahahahahahahahaha :gorfei: :gorfei: :gorfei:

VOCE E INCRIVEL :gorfei: :gorfei: :gorfei: ,CHAMANDO A MIM E ESSES CAVALOS DE PAU DE PROFESSORES , SO SE FOR DE GROSSERIA danca:: danca:: danca::

BRINCADEIRAS A PARTE ME ORGULHO MUITO DE TER INICIADO VC NAS ARTIFICIAIS E HOJE CONSIDERO VC NOSSO GRANDE PROFESSOR DE TUCUNARES E DE ISCAS DE SUPERFICIE,ESTA MAIS DO QUE PROVADO QUE BASTA INSISTIR QUE OS BITELOS ACABAM SUBINDO.

DUVIDO QUE ALGUEM JA TENHA VISTO , ABRIR UM BURACO PARA ARREMESSAR DE MANHA E PEGAR UM PEVÂO DE 3 KILOS Á TARDE.KKKKKKK.

ESPERO OUTRAS OPORTUNIDADES PRA PESCARMOS JUNTOS. ABRAÇO

MARCELO MALEQUE

TAMOS AI.

Eu lembro quando você ia lá em casa e eu ficava treinando na piscina e ficava perguntando as coisas pra você. Piscina é fodis. kkkkk. Obrigado por tudo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Grande Márcio!

A cada dia um novo horizonte!

Parabéns pela insistência e pelo sucesso! Acabei de voltar da beira-mar sem nenhum pincho.

Lindas fotos, o Eriba que se cuide!

Abraços...

Pois é Eloy. O lugar que pescamos é um mangue bem pequeno com relação a sua extensão e sempre sai uns peixinhos. Essa pescaria de robalo com artificial é de paciência viu, testa muito a gente.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Mas que beleza de pevoes hein!! parabens...o bixo é arisco demais

Fora as piabanhas e os flexas, putzz, top demais

Parabens pelas pescadas!!

E conseguiram subir o bezerro?? rsrsrsrs

Abraco

Valeu Rodrigão. Conseguimos sim e ele foi direto mamar na vaca.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Melhor é ver a cara do Márcio. Parece cara de menino que acaba de ganhar sua primeira vara de pescar, tamanha a alegria.

Parabéns ao grupo pela oportunidade de fazer esse moço voltar no tempo para relembrar os tempos de garoto.

Como que não fica feliz ne Sr. João. Rever os amigos e poder pescar com eles, relembrar de todo um começo e ainda por cima pegar um peixinhos....só alegria.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Muito legal o retorno às origens!!!

Peixe Gay foi ótima Boechat... rindo3:: rindo3:: rindo3::

Parabéns pela pescaria!!!

O tal do robalo é fdp. Peixe macho é tucunaré rapaz que você arremessa e se tá encomodando ele, é só porrada em cima. Já o robalo é todo sensível. Depende de maré. temperatura de água, pressão barométrica etc. Além disso, costumava, na pescaria, atacar uma vez e depois desaparecer ou então rebojar muitas vezes na isca e não atacar. É gay mesmo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Sensacional...!!! joia:::

Relato bem diferente...!!!

Parabéns...!!! aplauso::

Aqui é tucuna pra todo lado né Luciano. Nada contra mas os robalos são difíceis e legais de se pescar ao mesmo tempo. Valeu .

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Show Marcião, belos robalos hein, até que enfim vc se encontrou com a flecha prateada, gostou de pescar em aguas correntes e com essa história de Mare, Pressão barométrica, cor e temperatura da água!!!!

KKKKKKKKK!!!

Só com muita tecnica!!!!!

Abços!!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Show Marcião, belos robalos hein, até que enfim vc se encontrou com a flecha prateada, gostou de pescar em aguas correntes e com essa história de Mare, Pressão barométrica, cor e temperatura da água!!!!

KKKKKKKKK!!!

Só com muita tecnica!!!!!

Abços!!!

Vala grande VINI. O peixe é manhoso demais mas foi uma pescaria muito legal. Sempre quando vou pra casa é difícil conseguir fazer uma pescaria dessas mas dessa vez deu certo. Abração.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa

Você pode postar agora e se registrar depois. Se você tem uma conta, CLIQUE AQUI para postar com a sua conta.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.

Processando...
Entre para seguir isso  

×
×
  • Criar Novo...