Ir para conteúdo

Cristiano Rochinha

Membro
  • Total de itens

    1.297
  • Registro em

  • Última visita

  • Dias Ganhos

    31

Histórico de Reputação

  1. Upvote
    Cristiano Rochinha deu reputação a Octávio Amaral em Relato Atrasado - Alto do Rio Aracá - Pousada Tupanaçu - Barcelos - AM - Fevereiro 2020   
    Bom dia, Boa tarde e Boa noite amigos do FTB!
     
    Depois de longos anos sem fazer um relato por aqui, admito por pura preguiça, cá estou para relatar uma excelente viagem/pescaria, ocorrida em Fevereiro/2020, no alto do Rio Aracá - Barcelos - AM, na Pousada Tupanaçu.
     
    Antes de iniciar o relato, vou compartilhar algumas informações que pode ser útil a aqueles que tem vontade de conhecer a Pousada Tupanaçu mas não encontram muitas informações disponíveis...
    Falo isso pois na época que comecei a organização dessa pescaria, procurei muito e achei pouquíssimas informações.. bora lá!
    Aqui já vai um agradecimento especial ao @Fabrício Biguá e @Francisco Jr por me ajudarem com as informações que tinham na época... Muito obrigado!
     
    A Pousada Tupanaçu, como já dito anteriormente, fica no alto do Rio Aracá, afluente do Rio Negro, na região de Barcelos-AM, comporta até 10 pescadores, 5 suítes com AC, confortavelmente.
    É oferecido 2 opções de translado (Barcelos>Pousada).
    1ª - Hidro avião, Manaus > Pousada Tupanaçu e depois Pousada Tupanaçu > Manaus.
    - De Barcelos até a pousada, em linha reta, são apenas 80km, então eu acredito que Manaus>Pousada, dê em torno de 1:40 de voo no máximo.
    - O pequeno grande problema dessa opção é que, para valer a pena, financeiramente falando, é necessário "casar as penas" ou seja, o avião sempre voa levando e trazendo as turmas... o que pode ser difícil, pois nem sempre essa é a opção escolhida pela turma anterior e posterior a nossa.
     
    2ª - Translado feito por lanchas rápidas partindo de Barcelos até a Pousada Tupanaçu. 
    - São 360km ao total (partindo da escadaria da Igreja de Barcelos até a pousada) é chão, quer dizer, é agua... rsrs 
    - Essa opção de transfer, lancha rápida, está incluso no valor do pacote da pousada.
     
    Nossa turma escolheu ir de lancha rápida... no começo acharam que seria a pior parte da pescaria, mas recebi feedback de quase todos de que essa foi uma das melhores partes... 
     
    Com um pouco do contexto já fornecido, vou partir para melhor parte, na minha opinião, fotos seguidas de descrições...
     
    Essa pescaria ocorreu entre os dias 15/02 à 22/02/2020. (Pandemia chegando no Brasil e nem sabíamos de nada....)
     
    Fomos em 10 amigos... mas na foto abaixo, estávamos em 8, pois 2 só chegariam no dia seguinte...
    Demos aquele passadinha de leve, na famosa e deliciosa Cachaçaria do Dedé, ponto de reuniões estratégicas.. kkkkk
     

    Começando da esquerda para a direita...
    Marcão, Anivaldo, Tonho, Bah, Canalha, Eu, Anderson e Waltinho.
     
    Abaixo já estávamos com o time completo e todos prontos para o embarque em Manaus, com destino a Barcelos. 
    Fretei o aéreo pela Manaus Aero Taxi, tudo nos conformes!

    Agora com a presença de meus 2 grandes amigos Alexandre e Moacyr, a esquerda da foto...
     
    A foto clássica:

     
    Voo muito tranquilo, de 1:15 aproximadamente e pousamos em Barcelos as 7:30 AM.
    Fomos recepcionados no aeroporto de Barcelos pela Iara, responsável pela Pousada Tupanaçu e pegamos nosso transfer até a escadaria da igreja, onde duas lanchas rápidas nos esperavam para iniciarmos o pequeno translado rumo a Pousada Tupanaçu.
     
    Dividimos a turma em duas lanchas, 4 pessoas em uma lancha e 6 pessoas na outra... todos foram muito bem confortáveis, cadeiras macias e etc... 
    Eu, em frente a escadaria da igreja:

     

    Nos 4 (Eu, Canalha, Ale e Moacyr) devidamente acomodados e prontos para partir.
    Só pra ter uma ideia de como estávamos de bagagem:

     
    Nesse translado tivemos a nossa disposição bebidas geladas (Agua, cerveja, refrigerante) e comida (salgados, pães recheados e etc) ninguém passou sede nem fome, muito pelo contrário. rs
     
    Começamos nossa navegação exatamente as 8:00 AM, quando saímos de frente a igreja...
    O Rio Aracá estava absolutamente seco, torrado.... o que dificultava ainda mais nossa navegação...
    Até o repartimento Aracá / Demeni, nosso translado foi rápido, sem problema com os baixios do Aracá... Só parávamos para abastecer e esvaziar a agua do joelho... rs
    Do Demeni para frente a coisa mudou.... em determinados trechos do Aracá, havia cerca de 30 cm de agua no seu canal... já imaginou isso ?!
    Pois é... precisávamos diminuir a velocidade... e por muitas vezes o ajudante do piloto descia e ajudava na direção...
    Eles não deixavam de forma nenhuma nós desembarcarmos para ajudar... sempre muito preocupados com a nossa segurança...
     
    Bom... depois de tudo isso, quando bateu 17:00 horas no relógio nós chegamos... opa, pera.. chegamos no Acampamento avançado e não ainda na pousada... rs
     
    Isso já era sabido por todo o grupo...  
    Devido ao rio estar muito seco o que atrasava muito na navegação, eles nos sugeriram parar no acampamento avançado, nos instalarmos e descansarmos, para no dia seguindo saissemos pescando sentido a pousada... que ainda estava a umas 3 horas pra cima..
     
    Algumas fotos do acampamento:

     

     

     

     

     

     
    Esse barco que aparece nas fotos acima, possui 3 camarotes para 2 pessoas cada, todos os 3 com banheiros privativos, chuveiro, ar condicionado....
    Possuem também barracas e redes para os demais que optarem por essa opção. Na verdade sobrou até vaga no barco... eu dormi na barraca e os demais amigos que não optaram pelo barco, dormiram em redes na praia... 
     
    Jantamos, arrumarmos as tralhas e dormimos, já ansiosos para o próximo dia, que seria o primeiro dia de pesca...
     
    Como já dito, o Aracá estava bem seco e, graças a Deus, continuava a secar lentamente, o que é excelente para a pesca dos Tucunarés na Amazônia...
    No geral, saíram muitos Borboletas, Pacas e Açus.
    Deram as caras também as grandes Aruanãs, traíras e até Cachara na artificial....
    E claro, os troféus também deram as caras, para a alegria de todos! E não foram poucos!
     
    Vou compartilhar algumas fotos da pescaria de toda a turma.
    Primeiro peixe sempre vai pra foto, caso contrário, dá azar na pescaria:

     
    Canalha ficou com receito da zica pegar nele, e o primeiro também foi pra foto:

     
    Nesses dois padrões acima, saia de porrada... muito peixe, todos atacando iscas de superfície (zara, stick) e para nossa alegria as hélices.

     
    Meu primeiro peixe grande nessa pescaria, lindo Paca Açu:

     

     
    Guia Rafael, excelente profissional, conhecedor da região e sempre otimista, a cada arremesso.

     
    Anivaldo com seu belíssimo Açu de cupinzão!!!!

     
    Linda Aruanã.
    Mas reparem ao fundo, como estava seco o rio....

     
    Paca sempre garantindo aquelas explosões surreais!

     

     

     
    Anderson e seu lindo e comprido Paca!

     
    Mais um gigante capturado pelo Anderson... se ele estava feliz?! kkkk

     
    Por algumas vezes avistávamos um grande cardume de paca açu..... era a isca cair na agua e começava a pancadaria... 
    No cardume, peixes na média de 65~70cm... é top demais!

     
    Abaixo a dupla, Tonho (esq) e Marcão (dir) e um exemplo claro de como não se deve tirar foto... kkkkkk
    Rapaz... eu fiquei com uma dó enorme disso... 
    É um duplezão de respeito.... 81CM e 78CM e a foto do guia saiu assim... kkkkkkk

     
    Ou corta a cabeça deles, ou o rabo do peixe... kakakakak
     

     
    Olha o tamanho das naves.. Guia Sandrinho... Não pesquei com ele, mas virou meu amigo.. ótimo profissional, sempre, sempre mesmo disposto a ajudar.

     
    Pelo o menos uma do Marcão saiu boa kkkkkk

     
    Anderson continua com belos peixes....

     
    Beijo do Tonho... kkkk


     
    Mais um gigante... Dessa vez foi nosso amigo Ale:

     

     

     
    Linda coloração do Paca Açu!

     
    Outro gigante, dessa vez foi o Moacyr!!! Rapaz, é muito peixe grande !

     
    Nosso amigo Bah... pensa em um cara rabudo... por algumas vezes ele mesmo disse que quando a isca bateu na agua, antes de trabalhar, o peixe atacou... estava virado pra lua... kkkk

     

     
    Pensa em um cara que bateu hélice? Foi esse cara ai... o Canalha! 
    Linda foto, diga-se de passagem.. rs

     
    Lembram que falei da Cachara na artificial? Foi ele, o Canalha que fez o feito.. um cardume enorme passando por nós... o rio tinha uns 40cm de agua... cristalina... lindo de se ver!!

     

     
    Eu ainda fui agraciado com esse Acuzão!!
    As fotos não ficaram boas pois foram capturadas do vídeo da GoPro do Canalha... estava chovendo muito e não dava para tirar foto com a câmera fotográfica...

     
    É meus amigos, foi a semana de peixe grande...
    Ao total, contabilizamos na turma mais de 6 peixes acima de 80cm....
    Entre 70 e 79 foram pelo o menos uns 20 peixes pra mais...
    Fomos abençoados!!
     
    Todas as noites, ao retornar da pescaria, fazíamos aquela boa resenha, jogando um bilhar e tomando nosso relaxante muscular!

     

     
    Se teve luau? Claro que teve.
    Optamos por descer um dia antes e finalizar nossa viagem no acampamento e foi onde fizemos nosso luau...

     

     

     

     
    Se existe algo melhor, ainda desconheço!
     
    Algumas fotos do Rio Aracá e da Pousada Tupanaçu:

     

     

     

     
    Região do pedral... Lugar dos pacas malucos... 

     

     

     

     

     
    Como diz o ditado, para descer todo santo ajuda... nossa volta a Barcelos foi bem tranquila...
    Saímos as 7:00 do acampamento e quando era 15:00 horas já avistavamos Barcelos...
    Nos hospedamos no ótimo Hotel Amazonita e fizemos nosso jantar de despedida por lá mesmo...
     
    Ah... e teve monstrinho que ficou com piercing no beiço... rsrsrs

     
    Link do vídeo que mostra o que aconteceu:
     
     
    Agradeço a Deus por me dar saúde e oportunidade de me reunir com amigos e em lugar mágico que é a Amazônia!
    Agradeço a minha família por segurar as pontas nessa ausência em casa...
    Agradeço a toda família Tupanaçu.. para quem não sabe, na pousada trabalham: pai, mãe, filhas, genros... é um ambiente impar... em um lugar impar... agradeço em nome de todo o grupo!
     
    Espero que tenham gostado do relato, meio enferrujado de fazer relatos, mas vou voltando aos poucos!
     
    Estávamos com a semana pronta para irmos agora em Fevereiro/2021, mas por conta do C0vid decidimos postergar para Fevereiro/2022, e ainda temos 1 (uma) vaga para essa pescaria....
    Se gostou das fotos, do local, dos amigos, você está mais que convidado... me chame no pv.
     
     
    Abraços a todos e que todos estejam/fiquem bem!
    Octávio Amaral
  2. Upvote
    Cristiano Rochinha deu reputação a Antonio Maia Junior em Pescaria no Rio Aripuanã - AM. Out-1997   
    Depois de longo tempo sem postar, estou enviando um Vídeo relato de uma pescaria antiga, mas que tem muitas curiosidades e locais que já não existem.
    Normalmente apresento somente o resumo, espero que gostem. Abraços.
     
     
  3. Upvote
    Cristiano Rochinha recebeu reputação de Cezar.ATL em Ajuda! Qual ? Uatumã, Juma, Tupãna, Mutuca, etc... ?   
    Informações sobre o Juma:
    As iscas como spinner, shads e jigs são bem mais produtivas. Procede a informação ?
    A época de setembro e outubro são bem movimentadas e tem congestionamento de voadeiras. Procede a informação ?
    Resposta: Sim, tudo procede. Contudo,há ótimas estruturas de pesca na região e a chance real de pegar peixes de mais de 10kg.
     
    Informações sobre o Mutuca:
    As iscas como spinner, shads e jigs são bem mais produtivas. Procede a informação ?
    Resposta: Sim,tudo procede. É bem parecido com o Juma,contudo costuma ter uma janela de pesca mais curta.
     
    Informações sobre o Uatumã:
    Pelo que eu sei o rio possui uma usina hidrelétrica em seu curso que forma a represa de balbina. Está correto essa informação ?
    O melhor trecho de pesca é o trecho de água corrente ou trecho represado ?
    Há boas pousadas na região ?
    Resposta: Sim,você está correto. Mesmo abaixo da hidrelétrica a água quase não corre,é bem lenta,propicia pros tucunas.Ainda não vi nenhum tucuna gigante na região,embora alguns digam que eles existam...Pousadas na região são estruturas bem simples,como a Pousada do Donato por exemplo,simples mas de bom atendimento.Existia (ou existe ainda ,não sei) uma pousada dentre de uma reserva extrativista na região,que era operada pelo Cuca,da Buriman.
     
    Informações sobre o Tupãna:
    Não sei nada desse rio.
    Resposta: Realmente quase não há relato nenhum de pesca nesse rio.Não sei se há alguma estrutura de pesca em comunidades de suas margens,mas trata-se de um rio não muito grande também,mas que tem tucunas de bom tamanho.Bem semelhante ao Mutucu.
  4. Upvote
    Cristiano Rochinha deu reputação a Eder Nascimento em ARACU CAMP - VILANOVA AMAZON - OUTUBRO 2020   
    Salve amigos do FTB, depois de um bom tempo afastado do Fórum venho trazer esse relato para vocês. Mesmo que atrasado não poderia deixar de registrar aqui esta semana de pesca espetacular na companhia de grandes amigos.
     
    A VIAGEM
     
    Nossa aventura iniciou no dia 09 de Outubro para uma parte do grupo e no dia 10 para o restante, pois alguns decidiram chegar um dia antes por segurança devido a tantas mudanças nos vôos.

    Chegando a Manaus percebemos que a cidade estava indo muito bem no enfrentamento da Covid-19 e podemos curtir restaurantes, shopping e claro aquela passada na Sucuri Pesca. Hoje (18/01/2021) no momento em que escrevo este relato para minha tristeza a realidade é outra.

    Turma reunida no Restaurante Moquen do Banzeiro
     
    Ficamos hospedados no excelente Quality Hotel, já incluso no pacote de pesca.
     

    Café da manhã Quality Hotel - Fábio, Mozart, Rogério e Arthur
     
    No domingo pela manhã embarcamos para o Aracu Camp que fica na junção dos Rios Sucunduri e Camaiu, uma localização extremamente privilegiada.
    A logística da Vilanova Amazon conta com hidroavião incluso no pacote, que além de ser uma aventura a parte é um ganho de tempo precioso.
    Imagina às 6h sair do Hotel em Manaus e antes das 9h você já esta desfrutando do deck da pousada em meio a selva amazônica comendo um petisco e tomando um bebida gelada? Bom demais faz toda diferença!

    Gabry, Eder, Fábio, Rafael, Mozart, Rógerio, Arthur e Ronaldo           Tássio, Guilherme, Jerry, Vander, Evaldo, Roberto, Russo e Lucas
     

    Pousando no Aracu Camp                                                                                    Mozart e Evaldo na chegada ao Aracu Camp, brindando o início da semana de pesca
     
     
    ARACU CAMP - A ESTRUTURA
     
    Resume-se em impecável, esta é a palavra.
    Para quem conhece a Vilanova Amazon, sabe que a empresa opera no Rio Sucunduri há muitos anos, e até o ano de 2019 atendia em barco hotel. Porém com sucesso da estrutura do Camaiu Camp a empresa investiu pesado em uma nova estrutura na junção dos dois rios: Sucunduri e Camaiu, que leva o nome de Aracu Camp.
    A estrutura além de todos os serviços já oferecidos como: pensão completa e serviço de lavanderia, conta com 8 quartos climatizados, um refeitório climatizado que atende com muito conforto 16 pescadores e uma varanda enorme que era onde fazíamos as resenhas ao chegar do dia de pesca, com muitos petiscos, drinks e cerveja gelada.
     

     Sala de descanso muito confortável                                                                                                          Logo ao lado da sala um bar para preparação de drinks
     


     Quarto para dupla climatizado e com banheiro privativo.
     
     
    Mas deixa de conversa e vamos para algumas fotos dos peixes desta semana incrível... 
    *peço desculpas mas desta vez não vou inserir legenda nas fotos
     

     




     

     

     

     

     

     

     

     

     
    AGRADECIMENTOS
    Em primeiro lugar agradeço a Deus, pelo privilégio e por me permitir mais uma vez ter estado naquele lugar.
    Agradeço a minha família, por ser paciente em me esperar e me receber com amor no meu retorno.
    E não poderia deixar de agradecer cada um dos meus amigos que estiveram comigo nesta aventura amazônica, com a companhia de vocês a alegria é garantida. Obrigado meus amigos por sempre estarem juntos.
    E um agradecimento especial ao meu amigo Victor Vilanova, sem ele nada disto seria possível, obrigado por sua perseverança e por sua luta de longa data em tornar o sonho dos pescadores possíveis.
     
    Para mais fotos e vídeos desta pescaria sigam no Instagram @ederfishing 
     
     
    Mais algumas fotos
     

    Eu e meu tio que me sempre me levou para pescar na infância
     

    A dupla mais barulhenta da pescaria kkk ,Mozart e Jerry
     

    Terceiro ano seguido tirando foto nesta árvore
     

    Rio estava bem seco e mesmo assim muito peixe
     

    Turma pesada, só jogador caro: Rafael, Guerra, Lucas e Gabry
     

    Novatos na Amazônia e pegaram os maiores peixes, premiação merecida: Guerra e Jerry
     

    Gabry quebrando a cadeira do restaurante kkkk                  Rafael me presenteado com uma isca top 
     

    Arthur e Rogério ( Pai e filho pescando juntos) bonito de se ver.
     

    Victor Vilanova e Eder (obrigado por tudo meu amigo)
     
     
     
  5. Upvote
    Cristiano Rochinha deu reputação a Tammer Mendes em Morada Nova de Minas Janeiro 2021   
    Ola pessoal... iniciei o ano ja com pescaria marcada... viajamos dia 08 deste mês para Morada Nova de Minas, onde mais uma vez nos hospedamos na Pousada do Rui, e fomos em busca dos Troféus da represa de Três Marias.
    Viajamos em 4 amigos de Campestre sul de minas, por 600 km. Onde nos encontramos na pousada com outro amigo vindo de Brasilia.
    Estavam presentes, Oreia, Titi, Caio, Ze Juninho e eu. Passamos dias de muitas risadas, zoeiras e claro de muita luta para achar os azuis. Pescaria difícil... Muito vento e peixe manhoso! Sairam muitos amarelinhos que nem iam para a foto, mais a procura pelos brutos azuis continuava, embarcamos tres bons peixes, um de 58,5 cm do titi, e tive a sorte de embarcar dois brutos no ultimo dia... na verdade na ultima tarde de pescaria... um belo azul de 54 cm que veio para as fotos... e logo no primeiro arremesso pós soltura.... ja engato uma nave!!! Um bitelo de 61,5 cm... ambos em uma varinha 12 lbs, que bebeu água.... mais venceu o duelo com o peixe. Peixe literalmente de troféu! Como ja é costume, sempre fazemos com o amigo Tulio de sete lagoas um troféu para o Maior peixe... e mais uma vez ele veio ficar aqui em casa!!! Diversão total, pescaria encerrada com chave de ouro... e com aquele ansiedade para voltar logo!!! Foi top demais!!!  Tivemos Snap 40 lb quebrado, Linha estourada do companheiro... pesca la é Bruta!!!! segue abaixo algumas fotos... 
    E também o contato da pousada do Rui!
    Contato do Rui 
    31997093635
    Valeu pessoal!!!










































  6. Upvote
    Cristiano Rochinha deu reputação a Vagner em Pescaria Em Epitacio Realizada dia 9/10 janeiro 2021   
    Boa tarde Pessoal Aqui vai um Relato RApido de uma Pescaria realizada em Presidente Epitácio dias 9 e 10 janeiro 2021,
    Guia Lobão indicado Pelo João Medeiros
    Meu Parceiro de Pesca Crezinho
    Muito Peixe na Linha , Peixe Manhoso pra caramba mas saiu bastante azuis, segue algumas fotos
    Isca que matou a pau brava transparente , peixe so queria ela
    E saius os troféus acima de 50 up ate um amarelão saiu 48, pegamos mais azuis que os amarelos
    Guia Lobão excelente profissional, sempre achava os bitelos e deixava na cara do gol

















  7. Thanks
    Cristiano Rochinha deu reputação a Robson Ludjero em Fátima do Sul/MS - guia e pousada   
    Boa noite Galera, jóia?
    Sou de Vicentina/MS, 7 km de Fátima do Sul.
    Nosso Rio Dourados está show de bola... exemplares de dourados e pintados gigantes...
    Liguem para o Sr Domingão, guia de pesca da cidade, mto gente boa, conhece o rio como ngn, 067-999672701.
    Abraço
  8. Like
    Cristiano Rochinha recebeu reputação de Guto Lopes em Pousada Genipapo   
    Esse ano graças a proteção ao dourado no estado,saiu bastante deles por lá...Porém pescaria de dourado naquela região do Miranda depende muito da condição da água...Tem que pegar o rio baixo e com água limpa...Lá quando chove o rio enche e turva muito rapidamente,o que dificulta muito a pesca do dourado....E também depende bastante do guia...Tem bastante dourado lá sim,porém não são todos os guias que tem as manhas de pescá-los.Mas  isso se resolve avisando antes na pousada.No mais,com água baixa e limpa pode se pegar bons piauçus e piraputangas e alguns pacus (poucos) e com rio cheio e água turva pega-se jurupocas,alguns jaus e jurupensens e muito,mas muito armau...
  9. Upvote
    Cristiano Rochinha deu reputação a Marcel Werner em Pousada Angical - nov2020   
    Olá, amigos!   A convite do grande capitão Edson, me juntei ao seu grupo em novembro, passando meu aniversário com a turma na pousada Angical do amigo e mestre Mariozan. Pude viver mais um alguns dias de pesca e conhecer também novos amigos.    Pela primeira vez, peguei Peixe choco no Lago do Peixe, batendo de boca fechada. Faltou também um pouquinho de talento, pois tive ao menos uma chance por dia de fisgar um grandão, mas não fui capaz de fazê-los morder. Mas o que conta é a diversão e estar entre amigos sempre. Deixo abaixo algumas das imagens desta semana maravilhosa.                    Tive muita sorte de pegar a época de reprodução das aves.
    Quando encostávamos em um toco de Buriti, Eu colocava o celular por cima pra tirar foto. Achei ninho de arara, papagaio e a desova de uma pata selvagem, que saiu assustada e quase derrubou meu celular na água, então tem que ter cuidado com isso.            A pousada está com uma estrutura ótima, cada vez que volto é uma novidade. Agora tem muitos quartos, um belíssimo refeitório e uma piscina deliciosa pra ficar batendo papo e petiscando no final da pescaria.      O contato da pousada é (63) 99978-2357 e mais fotos podem ser vistas no Instagram da pousada, que teve que começar de novo devido a hacker, então se você não segue, procure @pousadaangical   Forte abraço a todos. 
  10. Like
    Cristiano Rochinha recebeu reputação de Evandro P. F. de Camargo em NO QUINTAL DE CASA   
    Galera,blz aí???!!!
     
    Passando aqui só pra deixar um relatinho bem breve sobre 3 dias de pescaria no meu "quintal de casa" os rios Grande e Pardo,na cidade de Colombia-SP.
    Esses 3 dias foram em pescarias separadas (agosto,outubro e novembro consequentemente).
     
    Começando no auge da seca,mês de agosto,resolvi convidar meu amigo Piapara pra conhecermos um trecho do rio Pardo a 90km de Colombia,na cidade de Jaborandi-SP...Tínhamos notícias de bons dourados aparecendo por aquelas bandas.
    Escolhemos ir até a pousada do Jaú,pousada bem simples as margens do rio,que vem fazendo um trabalho bacana de incentivo a pesca esportiva na região.
    Levamos boa quantidade de tuviras,mas já sabendo que os peixes estavam se alimentando mais de iscas brancas (piaus).
     
    O local...

     
    Corredeiras do Pardo...

     
    Rio extremamento baixo..

     
    A primeira dificuldade encontrada foi achar iscas...Como já disse anteriormente,levamos somente tuviras e precisávamos pegar uns piaus...E pensa numa dificuldade pra achar esse piau...Pescamos a manhã toda atrás deles,mas pegamos somente pacus-cd...Outros barcos que estavam na mesma missão também tiveram a mesma dificuldade.
     
    Partimos então com as tuviras e pacuzinhos mesmo....
    Sem a isca ideal (piau) ficou difícil...Tivemos apenas 2 ações na isca do parceiro,mas que não se concretizaram em fisgada.Mas mesmo assim,um pescador ao nosso lado com 2 piaus conseguiu 2 bons dourados.Fiz questão de registrar, (tirando foto com peixe dos outros ) mais para mostrar mesmo aos amigos o potencial de mais um trecho de rio de nosso interior paulista.
    Infelizmente,esses 2 peixes não voltaram pro rio,porém mais uma vez quero lembrar do trabalho que o proprietário da pousada do Jaú vem fazendo para incentivar a pesca esportiva,proibindo o abate do dourado em sua pousada.
     

     
    Bem,se não pegamos o dourado do rio,vimos o grande dourado dos céus,e assim nos despedimos do Pardão....

     
    Em outubro,recebi a visita de um amigo pra fazermos uma pescaria de 1 dia e meio....
     
    Primeiro,escolhi ir atrás dos tucunas acima da hidrelétrica de Porto Colombia,represa com grande potencial pra pesca dos azulões.
    Pegamos um dia nublado,com ameaça de chuvas...Peixe ativo bem pela manhã,atacando bem plugs de 7 a 9cm brancos com cabeça vermelha (Inna e Raptor)e os fatais jigs...Nosso ponto escolhido foi o rio Uberaba,afluente do Grande que deságua bem próximo ao clube náutico de onde saímos.
     
    Ah,claro,começamos sempre bem né...

     
    Primeiro peixe do dia,um azul de padrão mediano pra região,mas já um bonito peixe.

     
    Na sequência,uma pequena boa surpresa...Uma tilápia atacando a meia água...

     
    Ainda pela manhã,pegamos mais alguns tricks e 2 bons peixes... 
    Um azul...

     
    E um "azurelo" dos grandes,que brigou muito,pego na King Shad 70 MS...

     
    Após as 10:30h as ações pararam por completo...Logo comemos um lanche a beira da represa e voltamos pra dar mais uns pinchos,porém tivemos que parar mais cedo pois tínhamos umas coisas pra fazer na cidade...
     
    No dia seguinte fomos atrás dos barbados na rodada,porém como eu já esperava,havia muitos,muitos barcos mesmo rodando no mesmo ponto, por ser final de semana com feriado prolongado (12 de outubro), e claro,isso atrapalhou bastante...Pescamos só meio período com apenas 2 barbados pequenos e um mandi (nem tirei fotos).
    Dica:Outubro é o melhor mês pra pesca de peixes de couro no rio Grande,principalmente barbados...Saem boa quantidade deles e em ótimo tamanho (esse ano vi peixes de até 12kg),porém por ser o último mês de pesca aberta antes da piracema,evite ir aos finais de semana.Se possível pesque de segunda a quinta e não vá em feriados...
     
    E por fim,semana passada,dias 21 e 22 de novembro,recebi a visita de outros 2 amigos pra repetirmos a empreitada: Tucunas na represa e barbados no rio...
     
    Na represa,dessa vez pegamos um solão de rachar,e peixe mais ativo justamente nesse horário de Sol mais quente,ao meio do dia...Dessa vez,não estavam querendo meia água.Alguns subiram na superfície,mas apenas rebojando na isca (Zig Zarinha principalmente)...Aí entrava em ação mais uma vez os "fatais jigs de pelo".....
    Conseguimos alguns tricks e 4 bons peixes...Todos no rio Grande,sempre procurando locais com algas no fundo...
     

     
    O maior do dia

     
    A tradicional parada pro almoço a beira da represa...E sempre dar mais aquela apreciada na paisagem...

     
    Final de dia,mais uma vez um belo pôr do Sol pra nos presentear....

     
    No dia seguinte,atrás dos barbados mais uma vez só pegamos pequenos,e um pintadinho no final da tarde...Nem registrei em fotos...
     
    É isso aí amigos...Relatinho só pra descontrair mesmo,e claro,sempre lembrar que os rios do interior de SP ainda podem nos proporcionar muitas alegrias.
    Até breve e um grande abraço a todos.
     
     
     
     
     
     
     
  11. Like
    Cristiano Rochinha recebeu reputação de Guto Pinto em NO QUINTAL DE CASA   
    Galera,blz aí???!!!
     
    Passando aqui só pra deixar um relatinho bem breve sobre 3 dias de pescaria no meu "quintal de casa" os rios Grande e Pardo,na cidade de Colombia-SP.
    Esses 3 dias foram em pescarias separadas (agosto,outubro e novembro consequentemente).
     
    Começando no auge da seca,mês de agosto,resolvi convidar meu amigo Piapara pra conhecermos um trecho do rio Pardo a 90km de Colombia,na cidade de Jaborandi-SP...Tínhamos notícias de bons dourados aparecendo por aquelas bandas.
    Escolhemos ir até a pousada do Jaú,pousada bem simples as margens do rio,que vem fazendo um trabalho bacana de incentivo a pesca esportiva na região.
    Levamos boa quantidade de tuviras,mas já sabendo que os peixes estavam se alimentando mais de iscas brancas (piaus).
     
    O local...

     
    Corredeiras do Pardo...

     
    Rio extremamento baixo..

     
    A primeira dificuldade encontrada foi achar iscas...Como já disse anteriormente,levamos somente tuviras e precisávamos pegar uns piaus...E pensa numa dificuldade pra achar esse piau...Pescamos a manhã toda atrás deles,mas pegamos somente pacus-cd...Outros barcos que estavam na mesma missão também tiveram a mesma dificuldade.
     
    Partimos então com as tuviras e pacuzinhos mesmo....
    Sem a isca ideal (piau) ficou difícil...Tivemos apenas 2 ações na isca do parceiro,mas que não se concretizaram em fisgada.Mas mesmo assim,um pescador ao nosso lado com 2 piaus conseguiu 2 bons dourados.Fiz questão de registrar, (tirando foto com peixe dos outros ) mais para mostrar mesmo aos amigos o potencial de mais um trecho de rio de nosso interior paulista.
    Infelizmente,esses 2 peixes não voltaram pro rio,porém mais uma vez quero lembrar do trabalho que o proprietário da pousada do Jaú vem fazendo para incentivar a pesca esportiva,proibindo o abate do dourado em sua pousada.
     

     
    Bem,se não pegamos o dourado do rio,vimos o grande dourado dos céus,e assim nos despedimos do Pardão....

     
    Em outubro,recebi a visita de um amigo pra fazermos uma pescaria de 1 dia e meio....
     
    Primeiro,escolhi ir atrás dos tucunas acima da hidrelétrica de Porto Colombia,represa com grande potencial pra pesca dos azulões.
    Pegamos um dia nublado,com ameaça de chuvas...Peixe ativo bem pela manhã,atacando bem plugs de 7 a 9cm brancos com cabeça vermelha (Inna e Raptor)e os fatais jigs...Nosso ponto escolhido foi o rio Uberaba,afluente do Grande que deságua bem próximo ao clube náutico de onde saímos.
     
    Ah,claro,começamos sempre bem né...

     
    Primeiro peixe do dia,um azul de padrão mediano pra região,mas já um bonito peixe.

     
    Na sequência,uma pequena boa surpresa...Uma tilápia atacando a meia água...

     
    Ainda pela manhã,pegamos mais alguns tricks e 2 bons peixes... 
    Um azul...

     
    E um "azurelo" dos grandes,que brigou muito,pego na King Shad 70 MS...

     
    Após as 10:30h as ações pararam por completo...Logo comemos um lanche a beira da represa e voltamos pra dar mais uns pinchos,porém tivemos que parar mais cedo pois tínhamos umas coisas pra fazer na cidade...
     
    No dia seguinte fomos atrás dos barbados na rodada,porém como eu já esperava,havia muitos,muitos barcos mesmo rodando no mesmo ponto, por ser final de semana com feriado prolongado (12 de outubro), e claro,isso atrapalhou bastante...Pescamos só meio período com apenas 2 barbados pequenos e um mandi (nem tirei fotos).
    Dica:Outubro é o melhor mês pra pesca de peixes de couro no rio Grande,principalmente barbados...Saem boa quantidade deles e em ótimo tamanho (esse ano vi peixes de até 12kg),porém por ser o último mês de pesca aberta antes da piracema,evite ir aos finais de semana.Se possível pesque de segunda a quinta e não vá em feriados...
     
    E por fim,semana passada,dias 21 e 22 de novembro,recebi a visita de outros 2 amigos pra repetirmos a empreitada: Tucunas na represa e barbados no rio...
     
    Na represa,dessa vez pegamos um solão de rachar,e peixe mais ativo justamente nesse horário de Sol mais quente,ao meio do dia...Dessa vez,não estavam querendo meia água.Alguns subiram na superfície,mas apenas rebojando na isca (Zig Zarinha principalmente)...Aí entrava em ação mais uma vez os "fatais jigs de pelo".....
    Conseguimos alguns tricks e 4 bons peixes...Todos no rio Grande,sempre procurando locais com algas no fundo...
     

     
    O maior do dia

     
    A tradicional parada pro almoço a beira da represa...E sempre dar mais aquela apreciada na paisagem...

     
    Final de dia,mais uma vez um belo pôr do Sol pra nos presentear....

     
    No dia seguinte,atrás dos barbados mais uma vez só pegamos pequenos,e um pintadinho no final da tarde...Nem registrei em fotos...
     
    É isso aí amigos...Relatinho só pra descontrair mesmo,e claro,sempre lembrar que os rios do interior de SP ainda podem nos proporcionar muitas alegrias.
    Até breve e um grande abraço a todos.
     
     
     
     
     
     
     
  12. Like
    Cristiano Rochinha recebeu reputação de Fabrício Biguá em Pousada Genipapo   
    Esse ano graças a proteção ao dourado no estado,saiu bastante deles por lá...Porém pescaria de dourado naquela região do Miranda depende muito da condição da água...Tem que pegar o rio baixo e com água limpa...Lá quando chove o rio enche e turva muito rapidamente,o que dificulta muito a pesca do dourado....E também depende bastante do guia...Tem bastante dourado lá sim,porém não são todos os guias que tem as manhas de pescá-los.Mas  isso se resolve avisando antes na pousada.No mais,com água baixa e limpa pode se pegar bons piauçus e piraputangas e alguns pacus (poucos) e com rio cheio e água turva pega-se jurupocas,alguns jaus e jurupensens e muito,mas muito armau...
  13. Upvote
    Cristiano Rochinha recebeu reputação de Rogério Araujo Pinheiro em DÚVIDAS SOBRE GOPRO   
    Opa Rogério,obrigado pela dica. Na verdade nem sei como está...Vou verificar.
    Abraço!
  14. Upvote
    Cristiano Rochinha deu reputação a Rogério Araujo Pinheiro em DÚVIDAS SOBRE GOPRO   
    Ola amigo, beleza?
     
    Não sei se já esta nesse modo, mais nas configurações de vídeo tem o ícone do Protune... lá tem as configurações de áudio e dentro dele duas configurações diferentes.
     
    -Wind e Estereo
     
    Tente selecionar o wind (redução de barulho do vento) e veja se melhora um pouco.
     
    Hoje eu não uso mais gopro, migrei para o DJI Osmo Action... porem tive varias delas... estou bem familiarizado.
     
    Grande Abraço,
  15. Thanks
    Cristiano Rochinha deu reputação a Isac em Carretilhas BFS - China   
    No início não tinha mas agora saíram BFS também... Comprei uma Red Fox normal mas ainda não chegou. Segue link da BFS
    https://pt.aliexpress.com/item/1005001632397882.html?spm=a2g0o.detail.0.0.5711bcf4855EsU&gps-id=pcDetailBottomMoreThisSeller&scm=1007.13339.169870.0&scm_id=1007.13339.169870.0&scm-url=1007.13339.169870.0&pvid=842ddcb1-58f6-4b33-a047-5b883548e28d&_t=gps-id:pcDetailBottomMoreThisSeller,scm-url:1007.13339.169870.0,pvid:842ddcb1-58f6-4b33-a047-5b883548e28d,tpp_buckets:668%230%23131923%230_668%23808%234094%23254_668%23888%233325%2319_668%232846%238114%23791_668%232717%237564%23618_668%231000022185%231000066058%230_668%233468%2315612%23397
  16. Like
    Cristiano Rochinha recebeu reputação de Leonardo Nakata em Rio Juma - 26 a 30/10/2020   
    Lindas fotos!
    Muito legal ver a galera postando relatos amazônicos...Muitos de nós chegamos a pensar que sequer haveria temporada de pesca esse ano,e em meio a todas as dificuldades,as pousadas no mínimo vem conseguindo se manter,sobretudo com a ajuda de grupos como o do amigo @Leonardo Nakata....
    Show de bola!
  17. Upvote
    Cristiano Rochinha deu reputação a Leonardo Nakata em Rio Juma - 26 a 30/10/2020   
    No final de setembro de 2019 nossa turma ficou em uma pousada no Alto Juma. Água ainda muito cheia e pescaria bem dificíl, o que nos deixou com a sensação de querer voltar para a região em condições melhores de pesca.
    Em 2020 optamos por pescar no final de outubro, sendo a semana dos dias 26 a 30 os dias escolhidos.
    A pousada foi a Amazon Tucuna Expedition, que fica no Lago do Maçarico. Vale o destaque quanto a qualidade da operação. Estrutura e atendimentos nota 10!
    A viagem começa no porto da Ceasa em Manaus, e atravessa em lancha rápida até o Porto Careiro da Várzea, passando pelo famoso encontro das águas.
     
    Depois são mais algumas horas de micro ônibus até o Porto do Maçarico e de lá mais alguns minutos de lancha rápida até a pousada.
    Me surpreendi positivamente com toda a estrutura que a pousada oferece, tanto nos quartos bem amplos, salão e refeitório bem climatizados e pela piscina que era o ponto de encontro após o dia de pescaria pra relaxar e tomar aquela gelada!

     
    A pescaria nesse ano também foi bem difícil por conta do nível da água estar bem baixo, água suja e bem quente na superfície. Que fez com que tivéssemos pouquíssimas ações na superfície, sendo a maioria de traíras e aruanãs. Queria ver as grandes explosões nas hélices e zaras, mas não foi dessa vez hehehe
    A estratégia então foi afundar as iscas e as que mais tiveram resultado foram os shads em anzol offset pra não enroscar, jigs e iscas de meia água (destaque pra destroyer da Yara)
    Com isso a pescaria foi boa e o grupo todo teve boas ações de peixe, sendo os maiores com 75, 74 e 72cm. Conseguimos pegar tb um pequeno pirarucu, aruanãs e traíras.
    Segue algumas fotos dos peixes:















     
    Ano que vem estamos planejando conhecer Barcelos. Tomara que dê tudo certo 🙏

  18. Upvote
    Cristiano Rochinha recebeu reputação de Francisco Jr em RIO JURUBAXI- SIRN 24 a 31/10/2020   
    Parabéns....Só peixasso......
    Agora vejam só como esse mundo é pequeno:
    Ano passado estive pescando no rio Araguaia,na Pousada Cristal...E um dos piloteiros do nosso grupo havia falado pro meu amigo que estava pescando com ele,que também trabalhava num barco hotel na Amazônia...Meu amigo não soube dizer bem que barco era...Disse que talvez era um tal de "Kalua"....
    E aí ta o cara....Abraão se não me falha a memória....

  19. Upvote
    Cristiano Rochinha deu reputação a Francisco Jr em RIO JURUBAXI- SIRN 24 a 31/10/2020   
    Tudo em ordem amigos pescadores!?
     
    Venho relatar sobre a nossa pescaria em SIRN no Rio Jurubaxi a Bordo do Barco Hotel Kalua II com a Turma dos Bigodes. A pescaria renderam belos peixes na casa dos 80ups grande parte dos peixes e a turma insistindo nas iscas de Hélice .
     
    A Turma chegando em SIRN e com destino ao Barco para irmos em busca dos brutos.

     

     
    Os Tucunarés Brutos.
     
     
     
     
       
     
      
     
     
     
     
     
     
     
     
     
     
     
     
     
     
     

     

     
     
     
     
     
     
     
     
     
     
     

     
     
     
     
     
     
     

     
     
     

     
     
     

     
     
     

       
     
     
     
      
     
     
     

     
     
     
     
     
     
     

     
    Os peixes de couro e aruanã da dupla.

     

     

    E as belezas que sempre a  Nossa Amazônia nos presenteia.
      
     

     
    Venho agradecer e agradecer a equipe do Kalua pelo ótimo trabalho e aos amigos dos Bigodes.
     
    Abraço se Deus quiser que venha a próxima.
  20. Like
    Cristiano Rochinha recebeu reputação de GuilhermeLimahHB em Melhores Iscas Sem Rattlin   
    Pra mim são:    Superfície Spitifire e meia água/profundidade são Papa Black e Rapala Shalow Shad Rap.
  21. Upvote
    Cristiano Rochinha deu reputação a labareda em Barcelos 16 a 27 de outubro 2020   
    Essa foi minha segunda viagem em busca dos grandes tucunarés do Rio Negro. Da primeira vez, em novembro de 2018, acertei na veia de cara! Pescaria inesquecível com grande quantidade e qualidade de peixes. Daquelas que se leva uma vida inteira para acertar. A contagem final dos guias ficou em mais de 110 tucunarés açu acima de 60 cm numa equipe de 4 pescadores sem contar os popocas, borboletas e outras espécies. Dentre eles, provavelmente o maior tucunaré que verei em minha vida: um açu de 89cm e 26lb fisgado pelo amigo Amâncio.

    Ciente de que já tinha feito uma pescaria excepcional da última vez, fui sem grandes expectativas de superar o sucesso de 2018. No entanto, fui mais uma vez abençoado com outra pescaria farta de peixes. Particularmente peguei ainda mais peixes grandes dessa vez. Parece que sou pé quente para encontrar os gigantes. Peguei um 20 up logo na minha segunda pescaria de açus!
    Marcamos a data em fevereiro e seguramos a ansiedade até chegar o grande dia. Reservamos com o Ney 10 dias de pescaria: embarcando no dia 16 e desembarcando dia 27/10. Formamos a mesma equipe planejada em 2018: eu, Amâncio, André e Teodoro. Equipe firme que se manteve mesmo com todo o desenrolar da pandemia que acometeu dois dos nossos que resistiram bravamente e se recuperaram a tempo de embarcar para a nossa aventura.
    Equipe confirmada, ainda recebemos mais um companheiro advindo de uma das muitas outras operações canceladas por conta da pandemia. Sempre existe o lado bom nas dificuldades. Ganhamos a companhia de um grande pescador que durante a semana se tornou também um grande amigo. O Rogério, com toda sua paixão pela pescaria de açus cruzou o país para se juntar a nós em Manaus.
    Na viagem de ida a notícia não era das melhores. Depois de secar forte desde setembro, o Rio Negro e afluentes estavam voltando a subir e a previsão era de mais chuva. Combinamos, então, de subir o máximo possível para buscar locais com bom nível de água.

     
    A estratégia deu certo. Já no primeiro dia à tarde saiu peixe de 70cm. Um paca açu fisgado pelo amigo André que chutou pra longe a fama de pé frio pegando sucessivamente peixes entre 70 e 80cm nos primeiros dias de pesca. No início da pescaria tentamos apelidá-lo de AndrElsa de Arendele (Frozen), mas o apelido não colou. O cara arrebentou!
     
     

     
     
    Alternamos dias bons e dias ruins à medida que avançávamos pelo Rio Negro e diferentes afluentes. De forma geral os peixes não estavam seguindo as iscas para atacar. Normalmente entravam nos primeiros metros de trabalho quando a isca caia bem perto do seu raio de ação. Apesar de o nível da água estar bom, a temperatura estava baixa devido às chuvas recorrentes.
    Observamos que as hélices não estavam tão produtivas e alternamos bastante com T20, zaras e, em último caso, iscas de meia água. Sempre preferência pelas iscas de superfície para ver as explosões que ficam marcadas na memória.
    A fama de pé frio estava quase recaindo para o Teodoro (Japa), já que nos primeiros dias ele não acertou grandes exemplares, mas logo ele tomou um banho de sal grosso e voltou ao seu normal de pegar belos açus acima de 13lb.
     

       
     
     
    Sorte mesmo tive eu que logo no segundo dia completo de pescaria acertei um animal de 87cm e 21lb. Neste dia, no sorteio, saí para pescar sozinho com o guia Edivan. As ações começaram logo cedo. Saíram alguns exemplares entre 50 e 60 cm. Próximo das 9h, o Edivan indicou uma árvore caída na beira do lago e tocou o elétrico na sua direção. Como estava um pouco distante, resolvi dar uma esticada na linha e joguei minha hallowen próxima a um barranco embaixo do galho de uma árvore. A hélice nem roncou direito e veio a explosão. O peixe saiu debaixo da árvore como um submarino e acertou minha isca com toda força jogando água pra todo lado. Logo firmei a linha e tive dificuldades de confirmar a fisgada, já que o monstro utilizou toda a ação da minha vara de 40lb logo na primeira corrida.  Foi difícil segurar o bicho! A essa altura, já com as pernas tremendo, consegui quebrar o queixo dele e com a valiosa ajuda do Edivan, que puxou o barco pro meio do lago, consegui tirar ele do meio dos garranchos. Daí foi só aliviar o freio da carretilha e desfrutar a batalha com o animal. E como tem força o danado! Depois de algumas idas e vindas, quando fomos passar o passaguá na cara do bicho ele ainda tirou forças para uma nova disparada que quase acabou com minha alegria. Ele destruiu o passaguá deixando somente a isca presa na rede. Uma debatida mais forte e ele abriria a garatéia rumo à liberdade. Para azar do peixe o Edivan foi mais rápido e segurou no rabo enquanto eu peguei o alicate de contenção para, enfim, embarcar o troféu. A partir daí, só alegria. Tocamos pra uma praia próxima para tirar fotos e ainda avistei vários outros peixes correndo enquanto encostávamos, mas a essa altura, nada mais importava. Eu queria registrar o momento e devolver o bicho à liberdade. 87cm e 21lb. Que maravilha de peixe!


     
    E não foi só esse 20up que saiu, não! No dia seguinte, o Catarina disse que gostaria de ir a um local onde ele tinha deixado escapar um gigante numa das pescarias passadas. Como o local era distante de onde estávamos, ele organizou uma expedição com o guia Negão para sair bem cedo e voltar só no fim da tarde. Como ninguém mais se habilitou para encarar a missão ele partiu sozinho mesmo.
    No fim da tarde, voltou com as histórias das aventuras para vencer um trecho de corredeiras e dos muitos troféus fisgados, dentre eles o sonhado gigante de 20up que ele perseguia desde sua primeira pescaria na Amazônia. Daí eu percebi o quanto fui sortudo em fisgar um desses já na minha segunda empreitada.
     

     

     
           
    Quando cheguei ao barco fiquei sabendo da saga. Depois de mais de 2 horas rio acima e diversos obstáculos, a pescaria começou animada com bons peixes, mas nenhum troféu. Por volta de meio dia, quando chegou ao ponto onde havia deixado escapar um gigante, não deu outra: pancada na isca e briga com o bruto. Novamente o peixe venceu a batalha e escapou. O desânimo abateu o pescador que nem quis almoçar, mas o Negão não se deu por vencido e motivou o Catarina a voltar a buscar seu troféu. Poucos minutos depois a perseverança foi recompensada: um troféu de 82cm e 20lb.
    Esse peixe foi o último pesado no boga grip do Catarina. Um ou dois dias depois, num dia muito difícil de achar peixe, eu e Catarina só tivemos um rebojo de peixe bom durante toda a manhã. Já próximo da hora do almoço avistamos a outra equipe com Japa e André e nos aproximamos para descansar um pouco. Enquanto estávamos conversando e tomando umas, bate um cardume ao lado dos nossos barcos. Mais que depressa lancei minha isca na direção dos ataques. Mal bateu na água fisguei dois belos pacas na mesma isca. Os dois próximos de 60cm. Foi aquela farra até a hora de preparar os bichos pra foto. Quando fui deixar um peixe respirar para pegar o outro e posar pra foto, o danado deu um supapo e arrancou o boga da minha mão. Ainda tentei recuperar alcançando o rabo dele, mas com mais uma batida ele se livrou facilmente e foi embora levando o alicate. Prejuízo!
     
     

          Depois disso o Catarina entrou numa sequência de azar: deixou a vara cair num lugar aonde tinha acabado de avistar um jacaré e, no reflexo, mergulhou atrás. Recuperou o equipamento, mas passou um belo aperto quando lembrou que o jacaré poderia estar à espreita. Não vou esquecer a cara de desespero dele quando submergiu. No outro dia, foi demostrar pro Amâncio como eu havia deixado o peixe levar o alicate e encenou tão bem que perdeu outro boga também! Kkkk.
    Apesar da semana chuvosa e da baixa atividade dos peixes, conseguimos superar as dificuldades e obtivemos ótimos resultados na pescaria. Muito açu entre 70 e 80cm, além dos dois troféus acima de 80cm e 20lb. Novamente uma excelente pescaria do ponto de vista de produtividade de peixes e, como sempre, ótimos momentos vividos na companhia de velhos e novos amigos que deixarão belas lembranças e histórias para contar: teve gente perdendo vôo na ida, virando porco espinho, usando ninho de jacaré como banheiro no aperto, novos sinais de zap no truco e por aí vai...
    Obrigado aos companheiros de pesca André, Amâncio, Rogério e Teodoro e, principalmente, à equipe do Ney Pesca liderada pelo Barata e composta por Pulga, Cristo, Cláudia, Neli, Andres, Edivan, Welington (Gordo) e Valciclei (Negão) que, como de costume, nos atendeu com o maior profissionalismo e cuidado para que tudo corresse bem durante a semana com todas as mordomias possíveis (devo ter engordado uns 5kg nesses dias). Obrigado pela paciência e dedicação de todos. Abraço e até a próxima!

     
     
     
     
     
     






































  22. Upvote
    Cristiano Rochinha recebeu reputação de Rogerio_MGA em Amazônia - Rio Alegria - set 2020 iniciando a temporada   
    É aquela velha história: COM PEIXE OU SEM PEIXE,PESCAR É SEMPRE MARAVILHOSO!
    Parabéns pelo belo relato!
  23. Like
    Cristiano Rochinha recebeu reputação de Edson C. Martins em Amazônia - Rio Alegria - set 2020 iniciando a temporada   
    É aquela velha história: COM PEIXE OU SEM PEIXE,PESCAR É SEMPRE MARAVILHOSO!
    Parabéns pelo belo relato!
  24. Upvote
    Cristiano Rochinha recebeu reputação de Rogério Araujo Pinheiro em TRAIRÕES AOS MONTES   
    Pois é Rogério...Claro que não dá pra manter totalmente em sigilo, mas evitando um pouco em espalhar demais já dificulta e atrasa a chegada dos matadores...Grande abraço!
  25. Upvote
    Cristiano Rochinha deu reputação a Vagner em Pescaria Tio Teles pires setembro de 2020 com a Pimenta Fishing   
    Boa tarde pessoal Compãrtilhar com vocês um pouco da nossa pescaria que realizamos no rio teles pires do dia 16 a 20 setembro de 2020 , na pousada Remanso com a Pimenta Fishing         ( https://www.facebook.com/pimentafishing/ )

    Operação bem estruturada, ótima Estadia comida e atendimento Nota 10 pelo Carlos com sua Equipe , pontos de pesca próximos a pousada, recomendo levar material ultra light para pesca no porto da pousada , tem muito pacu, pacu borracha piau 3 pinta piau flamingo ECT, muito peixe mesmo e diversão garantida, muito peixe grande da artificial, Gigantes Bicudas e cachorras Largas e não poderia faltar o tucunaré, meu maior tucunaré La foi de 65 cm, devido a seca a incidência de piranhas era grande, não deixou focar muito nos grandes bagres . nao dava sossego ai partimos para outras espécies que foi sucesso.

    Único ponto negativo foi a fumaça causada pelos incêndios que era de arder os olhos.

    Segues algumas fotos.



















    saiu quase igual a foto a dirfença foi os ponto e um era macho rei do poço rsr

       
     
     
       

       
       
       
     
     
     

     



×
×
  • Criar Novo...