Ir para conteúdo

Guto Pinto

Membro
  • Total de itens

    3.682
  • Registro em

  • Última visita

  • Dias Ganhos

    72

Sobre Guto Pinto

  • Rank
    Super Pescador
  • Data de Nascimento 18-01-1982

Profile Fields

  • Sexo
    Masculino
  • Nome + Sobrenome (obrigatório)
    Carlos Augusto Pnto

Informações de Perfil

  • Localização
    São José do Rio Pardo - SP
  • Interesse
    pescador

Últimos Visitantes

4.175 visualizações
  1. Muito peso pra um barco de 5m standart. Deve estar com muito arrasto. Ideal é distribuir o peso e colocar um tacometro pra ver qual rpm esse motor tá girando, provavelmente terá q diminuir o passo 1 a 2 polegadas da original pra melhorar um pouco.
  2. A mudança é grande apesar de usar a mesma cabeça de força . Cabeçote é diferente, o 25 e 30 amarelo tem maior taxa de compressao, as paletas de admisao tb tem angulos diferentes e o carburador tem 25mm de boca contra 22mm dos antes de 2015.
  3. Coloque uma Sorabo passo 12 vc aumentará uns 200 rpm e a velocidade tb
  4. Não tem receita de bolo, tem corredeira que tem que descer acelerado pra fugir das pedras ou ondas, tem corredeiras que tem que enfrentar as ondas pois é lá que está o canal e tem corredeiras que é melhor descer no remo ou na agua rasa do motor pra não acabar com ele nas pedras . O maior segredo e saber onde está andando e por onde vai passar, ideal ir com alguém que conheça o local .
  5. Deve ter ficado muito economico, mas difícil mensurar se a velocidade tá compatível ou não, isso varia do peso carregado e de cada motor. Meu Yamaha 40hp na chata 6m em dois pesados com média de 110kg, poitas, elétrico, bateria 60amp e tralhas de pesca a 5000 rpm que é mais ou menos 3/4 do acelerador ele fica a 48km/h , em aceleração maxima 5.500 rpm e 54 a 55km/h
  6. Deu pra entender, eu vou ver no meu 18, o sistema é o.mesmo. Mas ele fica no condomínio. E te retorno.
  7. uma espiral que fica aparente, eu entortava o batente dela pra ir aumentando a pressão.
  8. Seapro que tive e no Tohatsu 18 vive acontecendo, mas era na posicao basculada, as vezes não travava, e só de tirar o barco da agua e levar pro rancho trecho de 500m eles destravavam e caiam, eu resolvia entortando a mola com alicate pra dar mais pressão e jogando um wd, durava uns 2 meses e voltava o problema
  9. Tem 2 problemas Fabiano, primeiro o legal, se seu barco for fiscalizado pela marinha e tiver com uma potencia acima da recomendada terá problemas. O segundo estrutural , se seu barco for pra 30hp e colocar um 40, no transporte rodoviário e uso frequente se sua região tiver um pouco de aguas agitadas provavelmente certamente poderá ocorrerá trincas na popa e afrouxamento de rebites. Meu barco é pra até 30hp porem eu fiz com fundo soldado , popa reforcada e chapa 1.5mm e faz quase um ano usando 40hp sem problema algum, mas eu nao tenho esses 2 problemas que citei acima.
  10. Concordo com Fabrício, tente utilizar a maior potência recomendada ou mais próximo disso, economizar agora vai ter um maior gasto no futuro se o desempenho ficar ruim. Particularmente nesse estilo de barco hoje eu já optara por um motor 4T injetado, pois os 2t jnessas potências á sairam de linha, e no futuro próximo vai ter problema de peças e revenda
  11. Acredito que exatamente isso, lá tem 3 liger, a 30 que é a nossa atual, a MG que não acha mais aqui e a AL que acredito ser a Venator AL nossa.
  12. Complicado, esse sintomas lembra elétrica, mas como trocou todos componentes já se exclui isso. Verifique a compressao e junta cabeçote. E como estão as velas quando se para ele, se tem resquicios de agua ou combustivel.
×
×
  • Criar Novo...