Ir para conteúdo

Guto Lopes

Membro
  • Total de itens

    28
  • Registro em

  • Última visita

Sobre Guto Lopes

  • Rank
    Pescador de Lobó
  • Data de Nascimento 07-12-1999

Profile Fields

  • Sexo
    Masculino
  • Nome + Sobrenome (obrigatório)
    Gutierres Lopes Silva
  • Sobre mim
    Apaixonado pela pesca desde criança, agora buscando novos aprendizados.

Informações de Perfil

  • Localização
    Cordeiro - RJ
  • Interesse
    Pescaria no plug, jig, e na rodada.

Últimos Visitantes

  1. Nessa época do ano os peixes ficam mais inativos, reduzem sua temperatura em resposta ao frio, e consequentemente se alimentam menos. Pode acontecer de passar a isca na cara dele que não tem ação. Tente apelar mais para as softs de fundo, trabalhando bem lentamente, ou de superfície com sticks provocando mais e recolhendo menos. Acho que as zaras funcionam melhor quando os peixes estão com seu instinto predatório mais intenso, diferente do que acontece nessa época, em que os peixes atacam mais por irritabilidade. Tenho tido bons resultados com as traíras nessa época com a montagem Texas Rig.
  2. Amigos, postei um tópico recentemente sobre um afluente do Araguaia que pretendia conhecer, mas não tive sucesso com comentários. Então resolvi reformular meu tópico... Trata-se do Rio Tapirapé. Um grupo de conhecidos de minha cidade já fez essa expedição algumas vezes, porém esse grupo fez a última aventura a cerca de 6 anos, pois a a maioria dos integrantes não possui mais idade para encarar 15 dias acampado, passando perrengue com transporte, enfim... Mas alguns pescadores mais jovens desse grupo estão retomando essa expedição, que me empolgou com a possibilidade de fazer minha primeira pescaria fora do RJ. Fui informado por um amigo de que as piras não são monstruosas como o no Araguaia, sendo que até hoje o recorde do grupo alcançou cerca de 28kg, sendo que piras de até 20kg são encontradas com maior frequência. Com o fortalecimento dessa ideia, pesquisei muito aqui no fórum sobre o Araguaia, vi muito sobre os equipamentos para cada espécie, e criei algumas possibilidades de equipamentos dentro de minha realidade, como sou novo e ainda estudante não posso investir muito. Pensei no seguinte: Para tucunas, aruanãs, e apapás no pincho: Vara Evolution G3 17lb Carretilha Loki Linha J braid x4 30lb Fluor 0.45mm 30lb Para pirarucus, cachorras e cacharas, no pincho ou isca viva Vara Daiwa Laguna 25lb Carretilha Lubina BW GTS Linha YGK Upgrade x4 30lb Fluor 0.45mm 30lb com pequeno empate também de fluor 0.70mm Para as pirararas Vara Daiwa Beef Stick 40lb (e outra vara 60lb de reserva) Carretilha Titan BG SW 400 (14kg Drag) Linha: 185m de SpiderWire 65lb + 5m mono 0.80mm Encastoadores 75lb e anzóis nº 34 Minha maior dúvida é se valeria a pena arriscar com a vara de 40lb, tendo em conta o que falei sobre o tamanho das piras, e também se a multi 65lb dá conta... Vou deixar o link de um vídeo de um amigo meu que esteve por lá na última viagem, soltando uma baby pira kkkk:
  3. rapaz, ultimamente tenho estudado muito sobre nós, com certeza eles são o calcanhar de aquiles da maioria das montagens, mas não conseguimos viver sem eles. Acho que talvez o trilene ou o palomar consigam manter melhor a resistência normal da linha. Mas é bom também verificar se o rompimento foi mesmo no nó ou na linha mestra. abraço
  4. apesar de perfil baixo, acho q segue a mesma linha das carretilhas Penn perfil alto. Não vejo como uma carretilha para pincho devido o peso, mas talvez uma opção para pescaria na rodada para pescas de potências pesada e média-pesada, ou até para pesqueiros.
  5. Pessoal, gostaria de saber mais sobre o Rio Tapirapé, um dos afluentes do Araguaia. Um grupo de pescadores de minha região costumava ir para essa região periodicamente, no entanto, a mais de 6 anos eles não vão... Mas pelo pouco que conversei com um amigo, parece que os peixes são um pouco menores dos que os encontrados no Araguaia (falando da pirarara, principalmente). Como existe uma ideia forte dos pescadores mais novos retomarem essa aventura na região, gostaria de saber sobre esse rio, ou se existe uma semelhança entre os afluentes do Araguaia, quanto ao tamanhodos peixes, se o equipamento poderia ser mais leve em relação ao Araguaia, enfim...
  6. Abu Garcia Ambassadeur C3, bom custo benefício. Se quiser algo mais parrudo eu ia de Titan SW400, que tem a pegada de uma perfil baixo e capacidade de 220m linha 0.40mm.
  7. Vendo vara Maruri Pintado 30-60lb 6'0" 2 partes. Vara de fibra de vidro, emenda com barra rosqueada. Motivo de venda: libragem muito pesada para minha região. Usada poucas vezes. Valor: R$ 100,00 + frete
  8. Guto Lopes

    NOVA VARA DAIWA BEEFSTICK

    Boa noite amigos pescadores! Queria saber a opinião de vcs sobre essa nova vara da Daiwa. Essa construção de carbono com a ponta de fibra de vidro é ideal para quais situações. A opção 40lb dela serve para tambas e/ou surubins de pequeno/médio porte ? A tradição encontra o contemporâneo no visual e estilo com o lançamento da nova Daiwa Beefstick-BR. Em homenagem às varas tradicionais de fibra de vidro com ponta sólida do passado, a Daiwa oferece uma reforma nas amadas máquinas de trabalho, para oferecer aos pescadores uma série de varas que não decepcionam no desempenho, no design ou no valor. Com um acabamento em preto fosco, a Beefstick-BR possui uma extremidade de grafite/vidro para resistência e durabilidade incomparáveis, com a seção inferior apresentando um envoltório de carbono para maior resistência e redução de peso. Uma ponta integrada e sólida oferece a máxima sensibilidade, mas oferece durabilidade incomparável. Guias sólidos, porém sensíveis, fornecem conectividade máxima entre pescador e peixe, com sua construção ultra-resistente que lida com os rigores da pesca, enquanto seu design sensível proporciona aos pescadores uma sensação incomparável por uma vara do seu preço. ] Numero do modelo Para Forca Acao Comprimento Partes Para linhas Para iscas BF561MFB-BR Carretilha M F 1.68m 1 10-20lb 10-30g BF562MFB-BR Carretilha M F 1.68m 2 10-20lb 10-30g BF562MFS-BR Molinete M F 1.68m 2 10-20lb 10-30g BF561MHFB-BR Carretilha MH F 1.68m 1 15-30lb 12-40g BF562MHFB-BR Carretilha MH F 1.68m 2 15-30lb 12-40g BF601MFB-BR Carretilha M F 1.83m 1 12-25lb 12-40g BF601MHFB-BR Carretilha MH F 1.83m 1 20-40lb 20-80g BF602MHFB-BR Carretilha MH F 1.83m 2 20-40lb 20-80g BF602MHFS-BR Molinete MH F 1.83m 2 20-40lb 20-80g BF662MHFB-BR Carretilha MH F 1.98m 2 20-40lb 20-80g BF702HFB-BR Carretilha H F 2.13m 2 25-50lb 30-120g BF702HFS-BR Molinete H F 2.13m 2 25-50lb 30-120g
  9. Amigo, nunca vi essa linha não... mas pelo valor não arriscaria... já tive experiência com essas linhas xing ling e não recomendo, sempre têm a bitola maior que o especificado. Melhor gastar um pouco a mais em uma J-Braid, q já tem otimo custo beneficio, como o Cristiano disse.
  10. obrigado fabricio! teve um dia que elas pegaram muita chuva sim. mas como vc falou, tenho medo de abrir ela e nao saber montar kkkkk, prefiro daqui a uns meses mandar pra algum especialista mexer...
  11. Pessoal, tenho lido alguns tópicos antigos sobre esse assunto, e dentro do que vi gostaria de tirar algumas dúvidas: 1 - Com que frequência preciso fazer a limpeza e lubrificação das engrenagens? Nesse caso, é mais indicado a utilização de graxa a base de sabão de lítio ou a teflonada? 2 - Por ignorância minha, apliquei WD-40 no orifício onde encaixa o eixo do carretel de uma carretilha. Notei que a manivela ficou bem mais solta. Porém depois fiquei pensando se isso poderia ter escorrido para as engrenagens, tirando a lubrificação delas. O que vcs recomendariam fazer nesse caso? OBS: No caso dos rolamentos, tenho feito limpeza após média de 3 pescarias, com fluido de isqueiro Ronson, e depois de secos, aplico uma gotinha de óleo fino.
  12. Rapaz, eu migrei dos molinetes para as carretilhas a mais ou menos uns 4 meses. Dois pontos que por experiência própria eu posso te falar 1- Não vale a pena economizar muito com material. Gastar errado significa gastar duas vezes. Depois que vc compra uma carretilha de baixa qualidade, mesmo sendo sua primeira, com pouco tempo de uso, conhecimento e prática, vc já sente necessidade de trocar. Além disso, um material de boa qualidade facilita muito mais seu aprendizado. 2- Como o amigo de cima já disse, especifique qual modalidade vc vai pescar. Um conjunto para iscas artificiais preza pela leveza, já se for pra pesca de espera não há essa necessidade.
  13. Pessoal, to procurando mas está difícil... alguém sabe de algum lugar que posso comprar uma BW GTS esquerda nova, na faixa de 600-700 reais? a maioria dos sites estão esgotadas... só tem na Paraná Pesca com um bom preço, mas ouvi dizer que atrasa muito, e precisava pro dia 06/05. Mas se não tiver jeito, compro lá mesmo.
  14. gostei sim, é uma vara muuuito leve, tem uma boa pegada e acabamento lindo! acho que tem ótimo custo benefício
  15. Rapaz, uma coisa que percebi é que algumas iscas de hélice vêm com esse split ring no pitão traseiro (como na Yara Devassa 90), imagino que seja para manter a garatéia a uma maior distância da hélice, evitando enrosco, mas é só um pitaco mesmo... Rs
×
×
  • Criar Novo...