Ir para conteúdo

Glauco Fortini

Membro
  • Total de itens

    6
  • Registro em

  • Última visita

Sobre Glauco Fortini

  • Rank
    Pescador de Lobó
  • Data de Nascimento 07-06-1964

Profile Fields

  • Sexo
    Masculino
  • Nome + Sobrenome (obrigatório)
    Glauco Fortini

Informações de Perfil

  • Localização
    Vargem Grande do Sul - SP
  • Interesse
    Pesca amadora e náutica

Últimos Visitantes

37 visualizações
  1. Sempre usei capa para transportar motor fixo, mas capa que envolve completamente o motor. Segura um pouco da poeira (não muito), mas o principal é dar uma amortecida nas pedras jogadas por outros veículos. Certa vez um Johnson 25 zero bala tomou uma pedrada levantada por uma carreta que quase furou o capô.
  2. Meio que pegando a rabeira da conversa... Sobre gasolina velha posso dizer o seguinte. Tenho 2 motos, uma YBR 125 2003 e uma Hayabusa 1300. A 125 uso só para rodar na cidade, mas como é muito econômica e rodo pouco, acabo abastecendo ela a cada 3 ou 4 meses (sim, isso mesmo..rs..) Sempre usei a Shell V-Power e nunca notei nenhuma diferença do início ao final do tanque. Tomo sempre o cuidado de esgotar o carburador sempre que chego e não vou usar mais ela. Já a Hayabusa tenho andado muito pouco com ela, no máximo dou uns pulos em Águas da Prata que fica a 30km daqui, nos finais de semana. Nela só coloco BR Pódium e já teve época de ficar mais de 7 meses com a gasolina no tanque. E como é carburada e injetada não tem como esgotar. Guardar gasolina tem muito a ver onde e como se armazena. Se é local onde vai esquentar durante o dia e esfriar a noite é complicado, vai estragar mais rápido.
  3. Amigos, dei uma olhada aqui no fórum, mas não encontrei nada sobre essa invenção. Não tenho na a ver como o produto ou mesmo com o inventor, apenas achei interessante a ideia e decidi compartilhar com os senhores.
  4. Guto, e quais são os comentários de seus amigos sobre esse barco? Eles usam essa configuração? Estarei indo amanhã na Pantanáutica ver o casco de perto. Grato.
  5. Olá Guto, obrigado pela atenção. A intenção é usar o motor em um Pantagold 550 com console e comando remoto, 2 bancos e um celin de pesca na proa. O barco pesa 130kg e o limite de motorização é 40Hp. O uso é 50% lazer com a patroa e 50% pesca com ela também. Não posso pegar casco muito pesado pois somos sempre só nos dois para lidar com toda a traia. O local de uso será Rio Grande, Rio Tietê e eventualmente umas voltas na represa de Caconde aqui perto. Quanto a preços, o Mercury 30 c/ partida e manche encontrei por R$10.890,00, o 40 já com o kit remoto completo por R$ 13.490,00 já o 50 por R$ 15.980,00. Mas ai já tem de comprar o Mercury 50 EOLPTO com Power Trim por R$ 18.500,00. Problema que a diferença do 30 para o 50 é em torno de 50% a mais e do 30 para o 40 é exatamente o que iria gastar no painel e comando remoto. A potência a mais "vem de brinde"..rs.. Como vê, as diferenças não são tão poucas assim, ao menos para meu bolso...rs..
  6. Prezados amigos, Grato por me aceitarem no TDB. Este é meu primeiro post aqui. Estou entre um Mercury 30Hp e 40Hp. No entanto, como mostra a imagem, poderiam me explicar a diferença em desemprenho desses dois motores já que conforme testes realizados pelo Sr. @Reginaldo Herrera e demonstrados na imagem, ambos os motores, com a mesma carga e mesmo casco apresentaram as mesmas velocidades. Inclusive ambos apresentando praticamente o mesmo consumo. Grato à todos pelos comentários.
×
×
  • Criar Novo...