Ir para conteúdo

Amayumi

Membro
  • Total de itens

    49
  • Registro em

  • Última visita

  • Dias Ganhos

    1

Sobre Amayumi

  • Rank
    Pescador de Lobó
  • Data de Nascimento 05-05-1978

Profile Fields

  • Sexo
    Masculino
  • Nome + Sobrenome (obrigatório)
    Amayumi
  • Sobre mim
    Pescador domingueiro

Informações de Perfil

  • Localização
    Salvador - BA
  • Interesse
    Pesca em família

Últimos Visitantes

973 visualizações
  1. (gente, meu nome é Daniel, mas estou postando usando o perfil de meu pai, o amayumi) Gente, boa noite. Seguindo o conselho dos amigos aqui, meu pai me levou para pescar na pousada da Cida em Miranda e foi muito bom. (Obrigado) Mas ao chegar lá notamos que a cidade é perto e que poderíamos ter ficado em hotéis mais baratos que a Cida, ir de carro para a pousada de manhã cedo e investir essa economia em mais diárias com o piloteiro dela (que também aluga barcos e piloteiro pra quem não quer dormir lá). Aí veio a dúvida:. Tem algum lugar em Balbina que poderíamos fazer isso? Tipo, dormir mais barato ( numa cidade?) que no pesqueiro, acordar, ir de carro para o pesqueiro e gastar mais dinheiro com as diárias de piloteiro do pesqueiro? Obrigado Daniel
  2. Prezados, buenas Após seguir a dica dos amigos e ir na pousada da cida em miranda (muito obrigado!), ja estou me organizando para ir em balbina com o bruno (cabana quatá) no final do ano (obrigado, de novo!) Escrevo para perguntar o seguinte: Eu queria montar uma agenda de viagens de pesca com meu garoto para 2022, nesse mesmo esquema da cida e do bruno, tipo um hotelzinho simples com uns 3 ou 4 dias de pesca para nós, dois pescadores fracos que priorizam mais a ação que o tamanho. Dito isto, os amigos poderiam recomendar mais opções de operações de pesca com preços acessíveis em outros lugares do brasil, além de miranda e balbina? Vejo que há muitos relatos de viagens incríveis aqui no fórum, mas sendo o custo um fator muito limitante para mim, eu gostaria de saber o nome de alguns destinos legais com preços mais em conta. Os amigos poderiam listar alguns destinos assim para eu pesquisar? Se eu souber o nome do destino ou operador eu me viro para levantar mais informações. Pode ser hotel ou barco flutuante, tanto faz. Basta ter uma estruturazinha básica para a esposa esperar a gente voltar do rio. Obrigado! abs
  3. Prezados, Alguém recomenda alguma pousada , pacote ou operador mais em conta para pescadores sem muitos recursos matarem a vontade de conhecer o teles pires ? Cresci pescando arranchado então não tenho problema com lugares simples. Minha limitação é o preço. Pescadores: eu e filho jovem . Não pescadores: esposa . Agradeço qualquer dica. Abs
  4. Oi, Obrigado pela atencao! A temperatura/vento/chuvas etc do ano não influencia em Balbina? Como faço para descobrir se a represa está cheia ou não? Tem alguma época do ano mais indicada? Abs e obrigado!
  5. olá, fui em miranda em julho de 2020 nao estou achando o telefone do piloteiro, mas basta ligar lá e pedir o zap do milton que o pessoal passa (imagino) abração
  6. Prezados vou enviar um Esic pra anac com algumas duvidas sobre embarque de equipamentos. as minhas duvidas especificas são sobre embarque de varas na cabine dentro de tubos porta-projeto (aqueles com coisa de 1 metro de comprimento) mas lendo aqui no forum vi que há duvidas sobre proibicoes possivelmente infundadas, como transporte de carretilhas e linhas na bagagem de mão. aproveitando que vou pedir por um canal oficial (esic) e que que a legislação do ministério do planejamento os obriga a me responder formalmente e por escrito em até 2 semanas, escrevo para perguntar se os prezados gostariam de acrescentar aqui mais alguma duvida pessoal. assim acrescento as suas duvidas na minha carta e já pego uma resposta oficial de interesse comunitário. as minhas perguntas vão ser sobre a possibilidade de entrar com vara dentro de tubo porta-projeto na cabine sem pagar taxa alguma. também vou perguntar sobre o poder da policia e dos operadores de raio x de barrarem meu embarque com vara nesse tipo de tubo. voces querem acrescentar algo sobre carretilha, linha , chumbo anzol ou algo assim? abs
  7. Prezados, Boa noite. Reiterando meus agradecimentos pela dica sobre a pousada da Cida em Miranda, venho uma vez mais pedir ajuda dos amigos para montar minha segunda viagem de pesca para um destino desconhecido (fora do Araguaia, que é onde sempre pesquei.) Após ler os tópicos, vi que os amigos concordam que Balbina tem um bom custo benefício. Também vi que há várias opções de pousadas, sendo a ilha do Jeff e a pousada quatá as mais faladas, havendo ainda outras opções , como a ilha de caras e mesmo acampamentos um pouco mais afastados Antes de definir a pousada, queria saber qual o efeito da época do ano (clima , vento , temperatura etc ) sobre a pescaria em Balbina. Procurei nos tópicos mas só vi que por ser um lago, não tem repiquete. Fora isso, não tem nenhum outro detalhe que recomende uma época do ano sobre outra? Tipo, sai mais peixes em um determinado mês? Quais meses a preferir e quais a evitar? Outra coisa: como vou em família, é comum esticar a viagem para conhecer atrações locais como cidades e cachoeiras (li que há perto). Por isso, Alem da melhor época para pescar, eu queria saber se tem uma época melhor para passear com a família, tipo, com menos chuva , com mais festas regionais (para conhecer ou mesmo evitar) ou algo assim. Agradeço a sempre gentil ajuda. Obrigado!
  8. Sou um pescador fraco, mas vou tentar descrever a experiência. Vejamos 1. Fiz toda a programação pelo celular do filho da dona Cida, seu yoshio +55 67 9841-3443. Ele que manda na relação com o publico pelo telefone , dona Cida cuida das engrenagens. Ele demora pra responder, então tem q insistir. Uma vez na pousada, quem cuida de te dar atenção é a filha do Yoshio , uma jovem de cabelo curto que pela Extrema competência com certeza vai longe na vida. Esqueci o nome dela, mas basta perguntar. cole nela e não vai te faltar nada. 2. Pedi um piloteiro bom e Yoshio disse que ia separar o Milton para mim. 3. Cheguei lá e a pousada estava cheia, pescadores de todo país. Eu não sabia que podia ficar na cidade (pertinho, poucos minutos de carro) e só pagar o barco e o piloto e por isso acabei pegando um quarto pra mim, com pensão completa (achei caro, mas é inegável que vem MUITA comida boa. Alem de ser mais prático. Vc acorda e já está no Rio). Cada quarto tem 2 beliches, um armário, tv , ar condicionado, WC com chuveiro quente e um freezer horizontal grande do lado de fora do quarto. Tudo muito simples mas funcional. Colchão agradável. Esposa passou o dia vendo tv, cansou, pegou o carro alugado e foi fazer compras na cidade. 4. A cidade não se preocupa com coronavirus. Ninguém usa máscara em lugar nenhum. Apesar disso há uma barraquinha da prefeitura anotando as placas e medindo a temperatura na entrada da cidade. Presumo que tenha a ver com a necessidade de emitir relatórios para manter o repasse de verbas durante a Pandemia. As lojas tem tudo mas é caro. Sugiro levar a tralha completa e só comprar lá o chumbo e as iscas. Há muita gente vendendo isca no caminho de Miranda. Se a cidade estiver sem isca, pense em comprar logo. A melhor é o tal do peixe jeju. 5. Hotel pequeno mas movimentado, com música e violeiros de noite. (As vezes chegava alguém com um Jaú enorme de noite) 6. Hotel em madeira. Quartos em alvenaria. 7. Piloteiro e barco prontos as 5:30. O meu piloteiro milton já estava pronto as 5. Calado e solícito, sempre disposto para ajudar. Fala pouco mas responde tudo com educação e paciência. Conhecia bem cada cantinho do rio e cada pau onde o dourado morava. Falava pra eu jogar ali q ia sair um e realmente saia. Teve paciência com minha falta de jeito e inexperiencia com dourados e ensinou do zero. Usamos iscas vivas (jeju ou jejum) mas como os pescadores da cidade acabaram com todas nas lojas, ele foi buscar direto no catador de iscas na beira do rio e paguei mais barato por elas. Também escolheu o melhor casco (soube que era o melhor quando elogiei a estabilidade e ele disse que preferia aquele casco). Sugeriu q eu pegasse o motor 45 ao invés do 25 pois assim ele poderia ir mais longe comigo e eu veria mais peixes . Realmente andamos muito. 8. Pescaria (para mim !!) ótima, coisa de 20 a 25 ataques de dourado por dia, mas como sou fraco, só consegui fisgar e tirar uns 10 peixes por dia. Todos ali pelos seus 4 a 5kg. Alguns arrebentaram a linha outros arrebentaram o líder de aço. Infelizmente muitas piranhas grande matando as iscas. Piloteiro informou q o rio Paraguai não havia enchido em 2020 e não havia derramado peixes no Miranda e se tivesse enchido eu veria mais ação. Só vimos dourados pois não havia outros cardumes andando naquela parte do rio na epoca. TB pegamos umas cachorras grandes de uns 60-70 cm, mas não lembro o peso. Bagrinho na beira do rio nem se conta (meu filho pequeno gostava de pescar eles de noite, no cais do hotel, depois da janta, usando salsicha). 9. Piloteiro informa que a maioria dos clientes vai pra beber e fazer bagunça e q poucos vão para pescar do amanhã ver ao anoitecer como fizemos. Me senti muito bem tratado e além de uma diária extra (paga diretamente a ele, não ao Yoshio) também deixei um molinete pesado pra pesca de Jaú. 10. Se eu soubesse como funcionavam as coisas, teria ficado num hotel mais em conta na cidade (mais diversão pra esposa), comido coisas compradas no mercado ou lanchonetes e só pagaria pelo barco, motor, combustível, isca e piloteiro. Assim as diárias do hotel virariam mais dias de pesca. 11. A brincadeira não é barata, mas é mais barata que ir pescar no Araguaia, vi mais peixes e não me aborreci com absolutamente nada. Então eu achei perfeita. 12. Meu filho se divertiu muito e isso é muito importante para mim, então agradeço a todos pelas dicas valiosas. Obrigado!! Abs
  9. Prezados Retribuindo a atenção dispensada, escrevo para agradecer a indicaçao da pousada da Cida. Foi uma das melhores pescarias q já fiz. Minha família toda se divertiu e meu garoto guardou boas lembranças de peixes enormes. Muito obrigado mesmo. De Coração. Abs
  10. Prezado, Obrigado pelo conselho e sábias palavras!!!!
  11. Prezado, Bom dia. Viu? Não exigiu prática nem tampouco habilidade. Abs
  12. Prezado, boa noite. 1. Nao que importe ou que alguém se interesse em saber, mas trabalho com controle de doenças há bons 25 anos, participo de grupos de ação nacionais e uma ou outra atividade internacional. Por isso, creio q tenho uma noção até razoável da situação atual. Não a que passa na tv e sim a situação real, incluindo relatórios, artigos, taxas de transmissão e letalidade, variações em função do clima local, animais que transmitem a doença e que não há porque discutir agora para nao criar o caos social, medicamentos funcionais ainda em teste, entre outras informações que nao haveria porque citar em um fórum de pesca. Pouca gente se interessa por esse nível de chatices e acredito que ninguém vem a um fórum de pesca para ler tal coisa. 2. Dito isso, registro q não há uma pandemia stricto sensu, e sim uma situação bastante grave sendo sobrexplorada politicamente, para fins diversos (políticos e econômicos). E embora o caso presente mereça atenção e cuidado, pandemia mesmo é a gripe, que contamina milhoes e mata centenas de milhares todos os anos sem sair no JN. 3. Imagino que na sua rua, como no resto do brasil, o comércio já funcione com meia porta aberta (ao menos no Brasil real, aquele que não sai na tv). A recessão causada pela interrupção desse comércio (i.e., interromper a troca de valores por bens e serviços) quebraria a economia, causaria desemprego em massa e FOME. E não apenas no porteiro ou entregador de pizza que atendem nossa casa, mas em muitas famílias que dependem de ALGUM trabalho para viver, como, por exemplo, quem vive de catar isca viva. 4. Não obstante, concordo que o capitalismo é realmente o pior sistema de trocas inventado pelo homem. Com excessão apenas de todos os outros sistemas. Nele, as coisas funcionam por oferta e demanda. É o que faz o amigo escolher o posto mais barato para abastecer, assim como outros clientes decidirem que serviços cabem ou não em seu bolso. Se não há demanda, as coisas fecham, sejam mercados, vendinhas ou pousadas. É bem simples de entender e não exige prática nem tão pouco habilidade. 5. Acredito que todos possuem liberdade para expressar suas opiniões, inclusive, se é o que está ao seu alcance, aquelas limitadas, brutas, deselegantes ou de qualquer outro modo socialmente aleijadas, como parece ser o caso do colega. 6. Falar de tal modo, contudo, não o torna senhor da razão. Só mostra para os ouvintes a sua volta o material de que vc é feito e a educação que recebeu de seus pais. 7. Aos demais colegas que aqui vieram contribuir, peço desculpas pelo textao e agradeço a sempre gentil paciência e conselhos diante de tantas perguntas repetitivas. Obrigado a todos.
  13. Pux, Obrigado pelos esclarecimento!!! Bem didático!! Essa da Cida alguem já foi? Tipo, tem mais chances por ser mais afastada? Obrigado!!
  14. Prezados Agradeco o tempo e a preocupação de todos!! É bem possível que remarque essa pescaria, mas pretendo ao menos marcar a passagem aérea pra lá enquanto posso, pois assim tenho a comodidade de (se a LATAM cancelar) eu marcar de novo para quanto eu quiser. (Assim a vantagem fica comigo e nao com a companhia aerea). Dito isso, alguém poderia opinar quanto a quantidade de peixe e custo benefício das opcoes citadas, sejam elas ; - pousada da cida - pesqueirobonito -pousadadoinacio21 -cabanadopescador -pousadas na cidade de Guia Lopes Laguna. Alguém arrisca colocar em ordem do melhor pro menos melhor? Agradeço! Fiquem com deus Abs
  15. Estou anotando tudo, muito obrigado. Aproveitando a ocasião (coronavirus x preços) , alguém recomenda pacotes de pesca, locais ou pesqueiros perto da cidade de Bonito, no mato grosso do sul? (Estou comparando os preços aqui e vi que a hospedagem despencou por lá )
×
×
  • Criar Novo...