Ir para conteúdo
Entre para seguir isso  
Dair Helaehil

GUIA DE PESCA - capacitação

Posts Recomendados

Guia de pesca pode ser a salvação como a frustração do investimento que fazemos numa pescaria.

Tenho lido alguns tópicos aqui com reclamações aos guias de pousadas.Eu , assim como a maioria, já voltei de uma viagem frustrado com o atendimento que recebi.

 

Mas há esperança de um dia isso melhorar. Com a profissionalização da profissão. E MUITO treinamento , como este dado pelo Betinho.

 

http://www.fishtv.com/programas/vida-de-guia/capacitacao-para-guias-de-pesca-1077

 

abçs

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Amigo Dair,

 

Lendo o seu tópico e até mesmo vendo trechos da bela reportagem postada, vieram-me a mente algumas considerações...

 

arrow:: Naturalmente que a busca de uma melhor eficiência nos serviços de pilotagem é essencial (diria até imprescindível) para a satisfação do cliente, que normalmente paga caro pelo serviço. Mas se assim é, por que será que ainda existem aqueles operadores que mesmo sabendo dessa realidade, relutam em preparar e investir na sua mão de obra, peça fundamental para o sucesso de seu produto, que é a pesca esportiva ? Me parece ser pela "nossa" falta de exigência na escolha e valorização daqueles que assim fazem... Apenas a título de comparação, até pouco tempo atrás, os operadores ficavam "temerosos" de perder seus clientes que não se adaptassem ao propósito do "pesque e solte" ! Medo de que não repusessem "novos clientes" no lugar dos até então "matadores"... A prática de hoje mostra que há mercado para essa modalidade cada vez mais crescente e consciente ! No caso dos piloteiros, quantos depoimentos já lemos de pescadores que disseram não ir mais (ou até para conhecer) locais onde esse serviço é deficiente... ? Diversos, e numa proporção crescente... Fala-se que os "piloteiros de Barcelos" são mais "conscientes", e mesmo já tendo testemunhado isso, diria que mesmo assim são muito mal treinados (se é que são treinados) nesse ofício ! A maioria persiste na prática desenvolvida nos seus próprios conhecimentos de pesca profissional ! E convenhamos, não é disso que estamos tratando aqui ! Ser bem atendido na pescaria não é apenas ficar de frente com o peixe, e sim uma série de outros serviços que antecedem isso...

 

arrow:: No mesmo foco, e ainda olhando para as regiões menos abonadas do nosso País, ou seja, o No, Ne e parte do Centro Norte, como algum empresário pode querer implementar uma gestão compartilhada (e aí me refiro a pagar melhor seus funcionário e piloteiros), quando mal conseguem se manter no atual "status quo" de equilíbrio financeiro ? Bom seria que trabalhassem lastreados em clientes do exterior que possam pagar em moeda forte, mas esses são mais meticulosos e exigentes que nós, e aparecem quando o serviço oferecido é de qualidade ! Podemos dizer que no nosso caso isso acontece na maioria dos locais onde pescamos ? Raras são as exceções (infelizmente). Não temos preparo para oferecer um serviço de pesca compatível ao visto no exterior, onde mesmo que em condições até mais simples que as nossas (algumas delas), o índice de satisfação é muito superior ! Para não ficar ainda mais chato do que já estou sendo, o que falar do nosso vizinho, onde os "hermanos" nos dão um SHOW nesse quesito de serviço e atendimento ! Imaginem se eles também tivessem os Açus além dos Dourados...  :choquei:

 

arrow:: Só para concluir, sou uma pessoa que acredita (sempre) em treinamento ! Nada melhor que a técnica aplicada da teoria em bases reais para melhorar (e muito) o serviço ! Mas tudo isso só tem SEMPRE um pré-requisito ! O "treinando" quer ser treinado ? Muitas são as vezes em que ele diz que sim, mas a prática mostra que é (ou será) apenas para "se proteger" de mais uma "chuva", pois seu propósito não será nada daquilo num futuro próximo ! A identificação de talentos ou piloteiros já em serviço, é o primeiro grande desafio que permitirá o sucesso da iniciativa ! Tão importante quanto tudo isso, é a questão do exemplo dado ! Não adianta insistir no "pesque e solte" se o abate de espécies para serem consumidas for parte do processo operacional ! Se o peixe deve ser solto, não é para ser comido, nem mesmo na "beira do barranco" (haja gritaria) ! Claro que será preciso conviver com algumas realidades de hoje, mas algumas das práticas "nocivas" são implementadas (ou permitidas) pelos próprios proprietários, mesmo que de forma inconsciente ! Não serei eu que jogará as pedras, até por desfrutar parte disso, mas profissionalmente entendo que o processo motivacional das pessoas (aí inclusos os piloteiros ou "candidatos a piloteiros"), passará sempre pela questão da exemplificação !

 

Não é para polemizar, meu amigo, mas para que reflitamos sobre essas realidades !

E sim, reafirmo com total convicção, o treinamento é (e será sempre) a base da melhoria pró qualidade !    

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
Entre para seguir isso  

×