Ir para conteúdo
Entre para seguir isso  
Gustavo Martins

Jigs vs. tucunarés

Posts Recomendados

Amigos,

Tenho tentado, sem sucesso, confesso, pescar tucunarés com jigs já tem tempo. Acho que me falta técnica. Eu faço o seguinte: quando não tenho ação nas iscas de superfície, vou "descendo" a profundidade que ela alcança, e sigo a seguinte ordem:

1º) Superfície (hélices, zaras, jumping minnow, poppers);

2º) Sub-superfície (perversa e prima);

3º) Meia-água (X-Rap, umas da MS, bomber...);

4º) Jiigs.

Trabalho o jig da seguinte forma: arremesso como se fosse outra isca qualquer e deixo ele bater no fundo. Aí venho dando ponta de vara pra cima e recolhendo, deixando a isca sempre em movimento e tocando no fundo de vez em quando.

Só que eu nunca peguei um peixe desse jeito! Tô fazendo alguma coisa errada? Ou é "vício de amostra" (só uso o jig quando tá totalmente ruim, por isso não pego nada)???

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olá, gustavo. A pesca com qualquer tipo e isca sempre oferece uma certa dificuldade. Quando o Tucunaré, em especial, está com fome ele ataca qualquer tipo de isca. E com o Jig não é diferente.

Às vezes o peixe está inativo e aí, não tem Jig que dê jeito.

Eu, particularmente, não deixo o Jig tocar o fundo, pois tem grande chance dele ficar preso em uma estrutura qualquer. Faço o contrário. Em cada arremesso deixo ele descer um pouco mais, às vezes,até tocar o fundo.

Na minha opinião você não está fazendo nada errado. Tente usar Jigs diferentes até acertar. Boa sorte. João Biguá.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pois é, Gustavo... aparentemente tá tudo certo, como o Seu João falou. tenta variar a velocidade de recolhimento tbém, dar alguns toques... como se vc estivesse trabalhando uma isca de meia água, só um pouco mais lento. O formato da cabeça do jig tbém influencia bastante, cada perfil se presta melhor pra um tipo de trabalho. O negócio é testar, parceiro.... hehehehehe...

Grande abraço!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Aqui na região essas iscas são as mais usadas pelos ribeirinhos e observei que eles lançam a isca com a mão e recolhem com certa agiliade, puchando a linha como se fosse um pipa, dessa maneira o jig vem dançando na meia água e os caras pegam muito, então comecei a fazer um trabalho parecido com a vara, trabalho o jig dando toques longos e laterais com recolhimento médio, confesso que teve dias que o jig salvou a pescaria, é impressionante como tem dias que ele faz a diferença, mas isso não é regra, tem dias que não pega nada também.

Por outro lado, pescando no fundo e dando pindocadas eu nunca peguei nada, acho que isso tem haver com a profundida da lagoa que não ultrapassa os 3 metros, talvez em uma região mais profunda o efeito deve ser melhor.

Abração

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Apenas como complemento ao que já foi dito, já vi "jigs" sendo usados com enorme sucesso até no corrico para pegar tucunas...

A questão mesmo, é que o peixe precisa estar ativo ! Imagem Postada

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Faz seguinte Gustavo, o dia que tiver pegando muito com outras iscas tente o jig trabalhado dessa forma, aí Vc vai ver se pega, pois como os amigos acima já falaram, se não estiverem ativos nada feito..

e se der resultado, conte pra gente, ok?

Abraço!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

E outra, na hora da compra os melhores jigs são feitos com pena de ave ou pelo de animal, os de cabelo de boneca (nylon) não são tão atrativos...

Tem um da "willianson" acho que é isso, que é bonzão!! Tanto o amarelo quanto o branco com vermelho.

Tem na juninhopesca...

Bração!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Acho que só falta dizer que um jig funciona melhor com líder de fluor...

Como é uma isca lenta, a linha fica em evidência.

Outro detalhe é que os toques bem secos funcionam melhor, use uma vara bem curta e lenta para trabalhar com a linha bamba (na medida em que o peso do jig permitir...).

no mais, a galera já disse tudo!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
Entre para seguir isso  

×