Ir para conteúdo
Entre para seguir isso  
Flávio Martins

Pescador morto por onças no MT

Posts Recomendados

Onças matam rapaz de 21 anos em MT

Segundo a polícia, ele foi atacado em acampamento às margens do Rio Paraguai.

Acompanhado de seu pai, jovem planejava fazer uma pescaria na reserva Taiamã.

Duas onças mataram um rapaz de 21 anos, na noite de terça-feira (24), na reserva Taiamã, em Mato Grosso. Segundo a polícia, o ataque aconteceu quando a vítima estava sozinha, dormindo em um acampamento montado às margens do Rio Paraguai.

O rapaz estava acampado na região, acompanhado de seu pai. Eles planejavam fazer uma pescaria.

Biólogos da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) dizem que ataques de onças a seres humanos são raros. Segundo os especialistas, neste caso, eram dois animais jovens em busca de alimento.

Noticia completa

Fonte: http://www.24horasnews.com.br/index.php?mat=259136

Um pescador foi atacado e morto por duas onças na região do pantanal a 230 quilômetros de Cáceres. Luiz Alex da Silva Lara, 22 anos, estava acampado, em companhia do pai, Alonso Silva Lara, 45 anos, na localidade denominada ?pacu gordo?, próximo a estação ecológica do Taimã, no rio Paraguai, sentido Cáceres/Corumbá. O ataque aconteceu às 19h do dia 24, terça-feira. Os animais, supostamente, um casal surpreenderam o pescador quando ele dormia no acampamento.

As onças rasgaram a barraca e o puxaram pela cabeça. Ao retornar, o pai que havia saído para pegar iscas, ainda assistiu o filho ser dilacerado pelas feras. Alonso diz que nada pode fazer porque estava sem nenhuma arma de fogo. Ele ainda tentou tomar o filho das garras das onças, com um facão. Mas as tentativas foram vãs, porque todas as vezes que ele aproximava os animais ameaçavam atacá-lo também.

?Foi o momento mais difícil de minha vida ver o meu filho ser morto e não poder fazer nada?, observou assegurando que ?se fosse só uma talvez eu tivesse conseguido, mas eram duas, se eu insistisse elas me matavam também?, disse Alonso. O pai conta que os animais arrastaram o corpo já sem vida por cerca de 50 metros do local. Após o pedido de socorro, outros pescadores compareceram, mas já era tarde. Luiz estava morto.

Após atacar e matar, as onças comeram as bochechas e a parte da nuca do pescador. A família não permitiu fazer imagem do corpo, durante necropsia no Instituto Médico Legal (IML), na manhã de ontem, em Cáceres, devido ao ?estado? do corpo. A cabeça, principalmente, estava totalmente desfigurada. Havia também marcas de unhas nas pernas e nas costas da vítima.

Alonso Lara conta que esse não foi o primeiro ataque de onças naquela região. Pescadores de outros acampamentos, segundo ele, também já foram atacados. Ele atribui os constantes ataques das feras a falta de comida no local. ?Há três anos haviam, jacarés, capivaras e outros bichos. Agora já não existem e para sobreviver as onças estão atacando os homens?.

O corpo do pescador foi resgatado, com autorização da Polícia Civil, pelo barco Babilônia. Da reserva ecológica do Taimã, a vítima foi levada para a sede da fazenda Jatobá, onde um veículo do IBAMA, responsável pela fiscalização na reserva, já o aguardava. O corpo chegou em Cáceres na manhã de ontem, onde até as 12h permanecia no IML para realização da necropsia. O pescador foi velado na rua da Violetas, no bairro Jardim Vila Nova.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Visitante

Que situação dificil esse pai deve ter passado.

Infelizmentes essas coisas podem acontecer

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Tenho uma "amiguinha" que dorme comigo toda vez que vou a algum lugar mais longe ou perigoso...nunca se sabe...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Infelizmente, sobrou para o nosso amigo.

Com proibição ou não, não acampo no Mato Grosso e no Pará sem boa "compania".

Principalmente na região do São Benedito e Porto Jofre.

Não queria estar na pele deste pai.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Também não queria estar na pele do pai.

?Há três anos haviam, jacarés, capivaras e outros bichos. Agora já não existem e para sobreviver as onças estão atacando os homens?. Não precisa dizer nada sobre isso, né não?

PRE-SER-VAR. medo::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Esta questão sobre porte de armas para aventureiros, expedicionários, praticantes de esportes que utilizam o meio natural, ou áreas inóspitas como área de atuação deveriam ter porte.

Isto ja foi palco de bate boca em alguns foruns que participo, mas a lei é cega ou melhor, prefere fazer algo "rígido" para os de bem e algo mais "leve" para os bandidos.

Isso seria não so para evitar ataques de animais mas também por segurança contra bandidos.

Exemplos disso no Brasil que possui o filme queimado no exterior em questão de segurança para aventureiros. Casos como o navegador Australiano que foi morto no norte, o remador Inglês que foi morto no Maranhão.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Por isso que tem vez que eu levo a minha "amiga" mesmo fora da Lei...

No Brasil quem paga imposto e está dentro da Lei não tem o direito nem a auto-defesa, enquanto isso os ladrões continuam cada vez mais "armados" com armas até proibidas para uso pessoal.

Mas isso é um caso polêmico.

O menino não deve ter tipo reação, estranho é estar dormindo às 19:00 hs...

DICA:

" Em acampamentos assim mantenha sempre uma fogueira acessa! Animais silvestres odeiam Fogo e Fumaça " repelente natural...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pois é...

Vejam: "As onças rasgaram a barraca e o puxaram pela cabeça."

E há pescadores que imaginam que dormir na barraca oferece alguma proteção...

Recentemente estive no Iriri-PA e ficamos acampados na beira do rio (em plana cheia). O ribeirinho que ali mora, nos avisou da possibilidade de um encontro com onças e que havia uma em especial, que sempre ficava à espreita dele no caminho que levava ao rio (exatamente onde acampamos).

Como não tínhamos armas a solução foi fazer uma cerca (?) com varas de madeira protegendo o rancho onde colocamos as barracas, mas no "bar" e cozinha só colocamos uma lona azul sem proteção nenhuma.

Encareci a todos que em momento algum fossem pescar sozinhos e fiquei cobrando este comportamento todo o tempo. (De janeiro à junho as onças haviam comido 27 cabeças de gado, mas com humanos apenas um susto aplicado num vizinho).

Com relação ao que aconteceu no Pantanal, o sacrifício destes animais é inevitável, uma vez que depois de aprender a "caçar" seres humanos elas não param mais de tentar (e se possível matar).

abs

kruel

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Esta questão sobre porte de armas para aventureiros, expedicionários, praticantes de esportes que utilizam o meio natural, ou áreas inóspitas como área de atuação deveriam ter porte.

Isto ja foi palco de bate boca em alguns foruns que participo, mas a lei é cega ou melhor, prefere fazer algo "rígido" para os de bem e algo mais "leve" para os bandidos.

Isso seria não so para evitar ataques de animais mas também por segurança contra bandidos...

Era o que eu estava querendo dizer, mas ainda não tinha encontrado as palavras certas...

É claro que houve um problema de preservação, e as onças deveriam estar com fome por não terem mais o que caçar...

Mas nada justifica a morte do jovem inocente (se ele fosse culpado, tudo bem!).

Um abraço a todos!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Tens razão! Se o cara tava pescando de rede, espinhel, pinda (comercialmente) ou caçando animais silvestres!

Não houve perda!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Tenho uma "amiguinha" que dorme comigo toda vez que vou a algum lugar mais longe ou perigoso...nunca se sabe...

Amigo Adão!!!

Essa amiguinha sua de nada adiantaria se ocorresse nessa situação!!!

Os animais atacaram o rapaz dormindo dentro de uma barraca e... possivelmente, não daria tempo de localizar algo no escuro com 02 onças atacando!!!

Melhor opção é saber escolher um bom local para acampar, preferencialmente com mais pessoas e em formação circular nas barracas e, observando que não tenha só uma das pessoas usando uma "amiguinha" dessas!!! Dessa forma, em caso de ataque que seja a alguma pessoa armada teria outra em condição de responder o ataque de imediato!!!

Pena que isso ocorreu mas serviu de exemplo aos incrédulos que acham que esse fato é difícil de ocorrer!!!

Que seja com outro então!!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Lamentável senhores. O que se discute aquí não é porte de arma. Diante de uma situação destas é muito difícil emitir uma opinião. Só quem vivenciou essa tragédia pode avaliar. De repente, já que o pai estava com um facão, poderia ter cortado um pedaço de pau, com tamanho suficiente para espantar os animais.

Estive naquela região, inclusive na reserva Taiamã. Já naquela época os piloteiros não deixavam o pescador descer da canoa. Quando isso se tornava necessário eles desciam na frente. Eu tive a oportunidade, e porque não dizer, o privilégio de ver duas onças pintadas, às duas horas da tarde, deitadas no barranco observando o rio.

Para o leigo é um risco muito grande. O pior é que ninguém acredita que uma coisa dessas acontece, Agora é tomar cuidados extremos. Seria o caso de consultar os especialistas no assunto para saber como um animal desses se comporta depois de atacar um ser humano. E mais, dentro da barraca. Até conhecer a versão oficial fica a dúvida. Não é comum este tipo de ataque.

Mas, de toto modo, fica aquí nosso abraço de consolo para a família.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Assuntinho polêmico Flávio!!!

Onças com fome, matar ou não matar os animais por que comem gente, porte de arma, levar ou não para pescarias, pesca legal ou ilegal, etc!!!

Complicou...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Assuntinho polêmico Flávio!!!

Onças com fome, matar ou não matar os animais por que comem gente, porte de arma, levar ou não para pescarias, pesca legal ou ilegal, etc!!!

Complicou...

Já que nos não fazemos as leis e já que somos alguns que tentam nos proteger mesmo que passando por cima da lei, o que nos resta é pedir proteção divina.

Como meu pai fala o melhor alarme, o melhor seguro, a melhor arma vem da mão de Deus. mestre::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Assuntinho polêmico Flávio!!!

Onças com fome, matar ou não matar os animais por que comem gente, porte de arma, levar ou não para pescarias, pesca legal ou ilegal, etc!!!

Complicou...

Já que nos não fazemos as leis e já que somos alguns que tentam nos proteger mesmo que passando por cima da lei, o que nos resta é pedir proteção divina.

Como meu pai fala o melhor alarme, o melhor seguro, a melhor arma vem da mão de Deus. mestre::

Faço minhas as suas palavras!!! (E olha que sou PM de Minas e tenho arma particular toda legalizada!!!) oloko:: oloko:: oloko::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Como diz o Flavio Deus que abençoe os pescadores!!!

Agpra isso tá igual A sombra e a Escuridão!!!! Chama o Brad Pitt que ele resolve. hehe

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

.... O pior é que ninguém acredita que uma coisa dessas acontece, Agora é tomar cuidados extremos. Seria o caso de consultar os especialistas no assunto para saber como um animal desses se comporta depois de atacar um ser humano. E mais, dentro da barraca. Até conhecer a versão oficial fica a dúvida. Não é comum este tipo de ataque.

Que é estranho é. Agora vou dizer uma coisa meio que idiota mas que passou pela minha cabeça. Será que esse cara tava roncando bem alto que chamou a atenção das onças que passavam por perto?

Lembro-me de uma vez que ficou um amigo nosso no acampamento e quando voltámos para o acampamento escutamos o som do ronco dele bem longe.

Agora em um lugar cheio de onças e ficar circulando sozinho como o pai dele fez, é pedir pra ser atacado.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Que merda heim, imagina a situação. Acho que vale ressaltar 2 coisas.

1) Cuidados extras devem ser tomados em locais como esse.

2) Estão acabando com Meio Ambiente, essa é somente uma, das milhares de consequencias negativas que enfretaremos com a total destruição das reservas naturais.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
Entre para seguir isso  

×