Ir para conteúdo
Entre para seguir isso  
Paulo Roberto

Loucuras e maluquices de Pescarias! Quem não fez ?

Posts Recomendados

diabo:: danca:: rindo2::

Vc já dormiu dentro do seu barco ? Em rede? (Eu já...)

Vc já cozinhou dentro do seu barco? (arroz e bife frito?) (Eu já...)

Vc já deu aquela pegada em sua esposa dentro do barco no meio do rio ? (Eu já...)

(E ela ficou tão desnorteada, que a seguir, caiu dentro d'água, na corredeira, te obrigando a uma operação de salvamento? (Eu já...)

Vc já passou 2 hs sob a mira de duas carabinas, apontando prá sua cabeça, até por no lugar aquele desonesto espinhel que voce cortou, no meio do rio? (Eu já...)

Vc já mentiu prá sua esposa que ia pescar e foi prá zona? (Eu não...)

Vc já mentiu prá sua esposa que ia prá zona e foi pescar? (Eu não...)

Vc já passou 3 dias, perdido num rio ermo, abrindo caminho a facão, pro barco poder passar, sob tempestade, e a policia e a TV local, tentado te achar?? (Eu já...)

Vc já entrou num ultraleve de plástico, prá delimitar as estradas com GPS, que iria fazer no dia seguinte? (e achando que iria morrer naquele vôo?)(Eu já...)

Vc já foi atacado por um enxame de abelhas, no meio do rio, (sem gasolina, mais no tanque), e pulando dentro d'água, com celular e tudo, prá salvar sua vida? (Eu já...)

Voce já teve todas, eu disse todas!, as suas carretilhas, destroçadas, em cabeleiras, por um reporter famoso da globo, que resolveu aprender a pescar enquanto te entrevistava no meio do rio? rindo3:: (Eu já...)

Então meu povo!

Loucuras de pesca é o que não falta!

Poste aqui a sua, COM DETALHES, e eu aos pouquinhos vou contando estas e outras histórias...

Quem será o primeiro? ( Honesto e humilde o suficiente prá não se envergonhar de suas "cagadas" de pescarias, e demonstrar toda sua paixão e amor por este esporte?)... Só quero ver...

danca:: aplauso:: palmas:: rindo3:: rindo3::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Tá certo que vcs são meus amigos, mas, como diria o KID: Se atenham a assunto do tópico.

Ele é muito sério, e o acho interessante.

Sei que acrescentei um toque de humor, mas queria ver aquelas histórias, até dramáticas, de nosso esforço, prá dar uns pinchos...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Tá certo que vcs são meus amigos, mas, como diria o KID: Se atenham a assunto do tópico.

Ele é muito sério, e o acho interessante. Sei que acrescentei um toque de humor, mas queria ver aquelas histórias, até dramáticas, de nosso esforço, prá dar uns pinchos...

Diego e Jean, não me sacaneiem, quero ver se consigo um tópico fixo, não importa o preço... rindo2::

Pior que não é sacanagem não Paulo...

Tem umas situações que você citou que é de rolar de rir mesmo!!!

Coisa pra colocar banco e assistir de camarote e com plateia mesmo!!!

Você já viu seu pai teimoso, cheio de maribondo ( cachaça ) na cabeça insistir em dormir deitado em cima do fundo de um barco ( mas é com a boca pra baixo e com aquelas canaletas de 15 em 15cm de distância por 02cm de altura )... e no outro dia levantar todo empenado... ( eu já... )

Você já foi levado em pescaria quando era criança em um local sem luz, sem repelente e cheio de mosquito onde tomo mundo dormiu tonto e você ficou a noite toda acordado... ( eu já... )

Você, quando adolescente foi fazer gracinha praquelas garotas bonitinhas na beira do rio... e caiu dentro d'água... quase morrendo afogado!!! ( eu já... chorei:: chorei:: )

Muito osso isso!!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Tá certo que vcs são meus amigos, mas, como diria o KID: Se atenham a assunto do tópico.

Ele é muito sério, e o acho interessante. Sei que acrescentei um toque de humor, mas queria ver aquelas histórias, até dramáticas, de nosso esforço, prá dar uns pinchos...

Diego e Jean, não me sacaneiem, quero ver se consigo um tópico fixo, não importa o preço... rindo2::

Pior que não é sacanagem não Paulo...

Tem umas situações que você citou que é de rolar de rir mesmo!!!

Coisa pra colocar banco e assistir de camarote e com plateia mesmo!!!

Você já viu seu pai teimoso, cheio de maribondo ( cachaça ) na cabeça insistir em dormir deitado em cima do fundo de um barco ( mas é com a boca pra baixo e com aquelas canaletas de 15 em 15cm de distância por 02cm de altura... ) e no outro dia levantar todo empenado... ( eu já... )

Você já foi levado em pescaria quando era criança em um local sem luz, sem repelente e cheio de mosquito onde tomo mundo dormiu tonto e você ficou a noite toda acordado... ( eu já... )

Você, quando adolescente foi fazer gracinha praquelas garotas bonitinhas na beira do rio... e caiu dentro d'água... quase morrendo afogado!!! ( eu já... chorei:: chorei:: )

Muito osso isso!!!

joia::: aplauso:: Então Jean, é isto que to falando e querendo, quero que todo o mundo conte suas loucuras de pesca, aqui.

Eu por exemplo, tipo prof. Pardal, montei um dispositivo, que se arrumava na hora de dormir, e se extendia duas redes lado a lado dentro do barco.

Eu e meu parceiro, deitamos um em cada rede, com o barco amarrado no meio do rio, em uma árvore.

Resultado: Além de bater queixo, a noite toda de frio, os dois cheios de trago, cada vez que um queria fazer xixi, tinha que acordar o outro, senão, se só um levantasse virava o barco.... rindo3:: rindo3:: rindo3::

Ops!: Que tu quis dizer de assistir de camarote??? Take easy my boy!!!!

paia:: paia:: paia::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Gente, besteira é que não falta.

Algumas não dão nem para contar, tamanha a vergonha passada na hora.

Mas com certeza renderam muitas risadas depois, outras ainda rendem até hoje.

Eu participava de um grupo de 12 pescadores e era o mascote do grupo.

A “moçada” já estava na casa dos 40 e eu ainda não tinha 18.

Chegamos a ter um rancho no Araguaia por mais de 20 anos, até que o Collor nos tirou de lá.

Um dos participantes deste grupo, médico, tinha o apelido de Turcão.

Quando a gente chegava no Araguaia, dependendo das condições do rio, tínhamos duas opções:

Se o rio estivesse baixo dava para ir até o rancho com as “conduções” passando pelo furo do Javaés.

Se estivesse alto só por Luis Alves ou pelo Fio Velásquez.

Como ninguém queria gastar alugando um batelão, toda a tralha, combustível, bebidas ( muita ) e comidas iam na canoas mesmo ( nem sei se tinha naquela época ), nos motores Johnson de 7,5 HP, uma maravilha para a época ( 1965/1970 ).

Era muita irresponsabilidade descer o rio com toda aquela carga, mas íamos.

Era quase um dia inteiro socado no meio da carga, com o barco totalmente desequilibrado querendo virar.

Numa dessas viagens, no final da tarde, já chegando ao rancho e ameaçando cair o maior toró e com cara de banzeiro ( ventania ), o Turcão resolve que não iria direto para o rancho.

Iria mais para baixo um pouco, até o rancho de um amigo, morador da ilha e vizinho.

Paramos no rancho e conseguimos descarregar toda a carga de nossas canoas antes que o banzeiro passasse e nada do Turcão chegar.

Passou um forte vento leste seguido de chuva violenta que durou pouco tempo.

A noite já havia caído e o danado do Turcão não chegava.

Resolvemos ir atrás para ver o que tinha acontecido.

Fomos até o rancho do Enéas mas o danado do Turco não havia passado por lá.

Tocamos a procurar pelo rio fazendo pente fino com os faróis até que começamos a encontrar uma coisa aqui, outra acolá, boiando no rio ou enroscada nas galhadas, até que demos de cara com a canoa virada e os três ocupantes agarrados nela.

Para encurtar o causo, o que aconteceu foi que com a chuva violenta, a canoa pegou um pouco de água.

Como o Turcão já tinha visto a gente tirar a água da canoa ( vazia ) abrindo o bujão do fundo e abrindo o motor, ele resolveu fazer o mesmo ( sic ).

Só que, como a canoa estava super carregada, quando ele tirou a tampa, era só água que entrava muito rapidamente em função do peso e da baixa velocidade.

Não deu outra, a canoa foi a pique, debaixo da ventania.

Perderam tudo, dos documentos pessoais à chave da caminhonete.

Sorte não terem perdido a vida.

Perderam até um máquina de costura que estava por cima da carga, propriedade da dona Viridiana, um velhinha que morava na ilha.

Eu havia levado para consertar para ela na viagem anterior.........

Deu um trabalhão danado achar outra igual em São Miguel do Araguaia para repor à perdida.

Coisas do Turcão.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

CRUZ ! CREDO ! Vai faltar vaga no céu prá tanto santo assim !!!!

São Pedro deve estar se escabelando, em projetar uma ala nova, só prá comportar tantos santinhos, ("corajosos"), assim... (Quase ninguém ta postando nada...)

Agora até fiquei envergonhado em ser tão honesto...

Adorei as histórias já contadas, grato, valeu!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Você já andou 30km a cavalo só para pescar lambari?!!... Claro que já! Cavalgar é chic!...

Agora, VÁ NA GARUPA!

Eu tinha 7 anos e até hoje hoje a buzanfa tá esfolada... doeu:: doeu:: doeu:: doeu::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

TOP Paulo to rindo pacas aqui e lembrei dumas minha hehehehehe.

Já dormi no barco pescando, nessa ocasião coloquei o alarme da carretilha para funcionar e abracei a varinha debaixo do suvaco KKKK. No meio da noite acordo com o Xande do meu lado: "" PORR... Bruca tua carretilha tava gritando ai e tu não fez nada ???" kkkk rindo3:: rindo3:: perdi a corrida e o peixe, uuahuaahauhau mas não o sono hehehehehe.

Já fizemos uma vez um churrasquino dentro do barco... comida mesmo só tu rsrsrsrs.

Certa vez na SM rolou uma pega pra capa no barco com minha esposa tb, hehehe coisa de louco, eu mesmo nem queria saber mais de tucunaré rsrsrsrsrs. Agora cair na água foi comédia hehehehehe gorfei::

Uma vez no araguaia fomos abordados por uns índios, todos armados, levaram tudos que tínhamos no barco, deixaram pelo menos agente como motor de popa, porque era um bem velhinho, disseram que era tão ruim que não quiseram roubar kkkk bang::

Já rolou uma idas numas "casas noturnas" em Luiz Alves, mas o fato nunca foi consumado, acho que faltou "cachaça" rsrsrsrsr, não tive coragem hehehehehehe.

Uma vez meu pai teve que costurar a perna do meu tio com agulha de costura e linha de

fio dental... mataram um jacaré e na hora da foto o bicho "acordou" do nada e deu uma mordida na canela do meu tio. Detalhe que o primeiro hostipal ficava e uns 200 km de onde estávamos.

Certa vez na serra da mesa estava pescando com minha esposa, bem na hora que fizemos um dublê de tucunas, meu barco que estava a deriva bateu num toco, um enxame de vespas nos atacaram, eu tive que cair na água, tomei umas picadas na mão e no pescoço, foi FOD..... heheheheh minha mulher se protegeu com um casaco, eu nadando levei o barco pra longe rsrsrsrs. Bom que não perdemos os peixes rsrsrsr.

Depois vou lembrando das boa para contar aí pra galera rsrsrsrs.

Bração!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Você já andou 30km a cavalo só para pescar lambari?!!... Claro que já! Cavalgar é chic!...

Agora, VÁ NA GARUPA!

Eu tinha 7 anos e até hoje hoje a buzanfa tá esfolada... doeu:: doeu:: doeu:: doeu::

A cavalo, não!, mas eu quando trabalhei num PSF rural no interior do sudoese paranaense, atendia no posto de saúde de manhã, e voltava pro posto às 14 hs, prá atender de novo. Enquanto a equipe almoçava, e ia prá beira dos riachos pescar lambaris...

Aliás, diga-se de passagem, lambarí, é no Paraná, no resto é piabinha....

Aliás, foi pescando lambarí, que quase perdi afogada minha queridissima filha, na época então com 4 anos, prá um afluete do rio Iguaçu, lá no interor do Paraná.

Eu não consegui salvá-la, mas a mãe dela, conseguiu...(Depois posto a foto atual dela com um tucuna na mão...)

Mas graças as estes fatos, nesta singela pescaria de lambari, emagreci 40 kilos, e fiquei sem fumar e beber durante 5 anos seguidos...

Grato por me lembrar...

Forte abraço...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

TOP Paulo to rindo pacas aqui e lembrei dumas minha hehehehehe.

Já dormi no barco pescando, nessa ocasião coloquei o alarme da carretilha para funcionar e abracei a varinha debaixo do suvaco KKKK. No meio da noite acordo com o Xande do meu lado: "" PORR... Bruca tua carretilha tava gritando ai e tu não fez nada ???" kkkk rindo3:: rindo3:: perdi a corrida e o peixe, uuahuaahauhau mas não o sono hehehehehe.

Já fizemos uma vez um churrasquino dentro do barco... comida mesmo só tu rsrsrsrs.

Certa vez na SM rolou uma pega pra capa no barco com minha esposa tb, hehehe coisa de louco, eu mesmo nem queria saber mais de tucunaré rsrsrsrsrs. Agora cair na água foi comédia hehehehehe gorfei::

Uma vez no araguaia fomos abordados por uns índios, todos armados, levaram tudos que tínhamos no barco, deixaram pelo menos agente como motor de popa, porque era um bem velhinho, disseram que era tão ruim que não quiseram roubar kkkk bang::

Já rolou uma idas numas "casas noturnas" em Luiz Alves, mas o fato nunca foi consumado, acho que faltou "cachaça" rsrsrsrsr, não tive coragem hehehehehehe.

Uma vez meu pai teve que costurar a perna do meu tio com agulha de costura e linha de

fio dental... mataram um jacaré e na hora da foto o bicho "acordou" do nada e deu uma mordida na canela do meu tio. Detalhe que o primeiro hostipal ficava e uns 200 km de onde estávamos.

Certa vez na serra da mesa estava pescando com minha esposa, bem na hora que fizemos um dublê de tucunas, meu barco que estava a deriva bateu num toco, um enxame de vespas nos atacaram, eu tive que cair na água, tomei umas picadas na mão e no pescoço, foi FOD..... heheheheh minha mulher se protegeu com um casaco, eu nadando levei o barco pra longe rsrsrsrs. Bom que não perdemos os peixes rsrsrsr.

Depois vou lembrando das boa para contar aí pra galera rsrsrsrs.

Bração!

Show de bola, Bruca. kkkkk rindo3:: rindo3:: rindo3::

Só nao precisa levar tão ao pé da letra os meus exemplos, são só exemplos...kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

rindo3:: rindo3:: rindo3:: rindo3:: rindo3:: rindo3:: rindo3::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu e meu irmão poderíamos trabalhar num studio de body piercing, de tanta isca que já prendemos um no outro. Cabeça, braços, costas, pernas... Depois da segunda iscada, a regra era amassar as farpas de TODAS as garatéias. Eu sigo isso até hj... Amassar as farpas, claro! rindo3::

Já participei de um naufrágio na Javaezinho, à noite... caravana de 3 barcos, nós na frente, carga até a tampa. O condutor do barco do meio encheu os cornos, fez marola pro barco de trás, uma chata... resultado, ficamos até 3 da madrugada catando o que boiou e tentando funcionar o motor da chatinha! Sem sucesso, e tínhamos mais uns 20 km até o rancho, de madrugada, ensopados... alegre::

Já caí NO MEIO de uma ceva de piapara preparada com todo carinho, por mais de 10 dias, no comecinho da pescaria do ÚNICO DIA que teríamos pra pescar nela... aplauso::

Já errei a manobra do elétrico e taquei o parceiro no cerne de uma moita de arranha gato, tentando tirar ele dali na hora q o tucunão bateu na isca dele... gorfei::

Já esqueci de abastecer o tanque do barco, e só lembrar disso a 20 km do acampamento... doeu::

Já esqueci isca em casa... palmas::

Já esqueci A TRALHA em casa, completa ou um pouco de cada vez... chorei::

Já amarrei mal o barco no barranco e ele rodou uns 10 km na madrugada... chorei::

Já pulei do barco sem avisar ninguém pra me refrescar num dia de muito calor, e qdo emergi vi que todo mundo tinha caído dentro do barco com o galeio... seila::

Já esqueci o samburá das iscas na ceva e o jacaré mastigou tudo... TRÊS VEZES na mesma pescaria, o que nos deixou sem nenhum samburá... blink::

Já.... JÁ CHEGA, NÉ? KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK....

Abraços a todos!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

tem uns ai que se a esposa ler as loucuras vão ficar uma fera hein??? cuidado..

mas vamos lá!!

- Eu ja fiquei 3 dias sem tomar banho, pescaria no iverno no meio do rio é fogo..ainda mais falando que tinha uma sucuri que morava embaixo da casa flutuante que estavamos..hehehehe

- Eu já cortei redes que enroscaram no meu motor (todo mundo devia fazer isso!!!!)

- Ja fui pescar de bicicleta (15km) pra pescar tilapinhas. minusculas!

- Ja pesquei em represa particular sem autorização

- Ja fui pescar a noite, tinah que andar uns 3km dentro da mata pra chegar em um ponto pra pescar....nem sei não pegavamos nada!!! programa de índio!!

- eu ja entrei na água pra pegar o peixe do meu amigo, era muito grande!! mas era divertido.

- Eu ja dormi em cima da ponte pescando curvina, os carros passavam, os caminhões passava e balançava a ponte...heheheh acordei de madrugada com chuva na cara. horrível!

É isso ai moçada, lembrando de mais coisas eu falo ok.

abraço.

kimura

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Prá todos! aplauso:: aplauso:: rindo3:: rindo3:: rindo3:: rindo3:: rindo3:: rindo3:: rindo2:: rindo2:: rindo2:: rindo2:: rindo2:: rindo2:: rindo2:: rindo3:: rindo3:: alegre:: alegre::

Muito legal...(a partir daqui só vou curtir, tá muito bom, não vou mais responder nada, prá deixá-los mais a vontade, mas depois vou contar os detalhes, destes e de inúmeras outras...)

Engasguei de tanto rir, vai vir muito mais...kkkkkkkkkkkkkkkkk

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Kkkk.....show demais o tópico do Paulo.

Eu tenho algumas...Não tão legais quanto a de vcs, mas tb já ri muito.

Primeira vez na Serra da Mesa (99/00) meu pai esqueceu os molinetes em casa.

Segunda vez na Serra da Mesa meu pai esquece as varas. (ô peste)

Já nadei em cima de um cardume de arraias fogo acima da minha barriga uns 60cm...Queria virar aquele calango q corre sobre a água.

Já liguei o cilibrim em cima de um cardume de tucunaré dormindo. Os bichos pularam fóra da água e nos acertaram em cheio. O problema é q com a susto, e a porrada deles na gente, eu caí no fundo do barco e puxei o fio da bateria. Tudo ficou escuro. Uma barulheira dos infernos...Pensei q tivesse morrido...kkkkk...

Na primeira vez q levamos minha mãe pra pescar largamos ela no acampamento e fomos para os poços mais promissores...Cada um de nós pegou uns 3 piauzinhos e tals....Voltamos no final da tarde e ao chegar no acampamento vimos o viveiro de peixes lotado dentro da água...Pois não é q a velha sozinha havia pegado 10 vezes mais peixes q nós juntos?!??! kkkkk....

Já passei noite perdido no mato. Esperando o dia clarear para sabermos onde estávamos.

Uma vez fui pescar com o meu sogro. Para o meu azar minha barraca, uma "Transa 2" tipo canadense, tinha o pano externo com desenho de onça. Pensem uma sacanagem q essa turma fez da minha barraca?!?!? kkkkk (merecida, é claro)...mas aí depois de muita gozação, fomos pescar, jantar, dormir e tals...Durante a madrugada caiu uma chuva pior q essa q está caíndo no Piauí...kkk....Só sei q a enxurrada levou o acampamento inteiro pra dentro do rio....kkkk...e a minha barraca de onça lá...firme como rocha...Foi uma correria danada a madrugada toda pra não deixar as panelas descerem rio abaixo, para salvar os colchões, roupas e tals...só sei q a turma toda dormiu dentro dos carros...

Assim q o dia clareou eu abri o zíper da barraca e começei a esturrar....UUURRGGGHHH...UUURRRGGGHHHH....minha vingaça foi completa. kkkk...Até hoje me sacaneiam...kkkk

Depois conto outras. joia:::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Vishh vamos começar de pequeno.

Ia junto com meu pai e os amigos pescar em barrancos nos rios aqui da região, que realmente era desculpa pra tomar cachaça e dar tiro em toco. Eu deveria ter meus 6 anos de idade. Tinha um doido que corria atras de mim e falava que ia assar minhas botinas rindo3:: rindo3::

Certa vez um elemento bebeu tanto no acampamento que arrancou as calças e as botas, e dormiu com as pernas pra fora da barraca. Resultado: atacado por pernilongos que mal dava pra encostar nas pernas rindo2:: rindo2::

Esse mesmo elemento em outra pescaria bebeu tanto que não acertava o garfo na boca! rindo3:: rindo3:: rindo3:: rindo3::

Novamente o msmo com outros 2 companheiros beberam tanto em cima da lancha e se perderam no meio das ilhas, gastaram quase 1 tanque da lancha pra encontrar o acampamento dnovo a noite. No que foram descer da lancha foram os 3 pra agua rindo3::

No msmo dia o dono da lancha se escodia atras de uma arvorezinha da espessura de uma garrafa pet pra tentar assustar qm ia chegando com os barcos rindo3:: rindo3:: rindo3::

O msmo elemento dono da lancha, em uma pescaria de tucunaré, pilotando o eletrico, bateu em uma arvore com a lancha e foi soh marimbondo picando todo mundo rindo3::

Fritar peixe na lancha

Ir pescar e esquecer a chave da lancha em casa

Dormir na lancha por "preguiça" por estado de embriaguez violento de montar a barraca

Certa vez fomos em 4 companheiros pescar no fundo da fazenda, levamos 6 caixinhas de cerveja, 1 cuca e uma rodela de salame que era para o café da manha. A missão era pescar a janta e o almoço.

Resolvemos subir o rio abrindo picada no meio das ilhotas e corredeiras, com 2 facões. Até que um dos elementos falou: puts perdi o facão. Daqui a pouco pegou o outro facão pra cortar um galho e putsss perdi o facão! Resultado, acabou a empreita de fazer a picada para subir o rio rindo3:: rindo3:: rindo3::

Depois de levar muitos bicudos, se emburrou e voltou pro acampamento a nado. Depois de umas 2 horas voltamos pro acampamento. Chegando vimos que ele tinha comido a cuca inteira e o salame, tomou uma pancada de cerveja, mijou do lado onde iriamos dormir, abriu uma arraia não sei por que cargas d'agua em cima da lona do acampamento, sujou as lonas onde iriamos dormir em cima. Resultado, 4 horas da madruga os elementos voltando pra sede da fazenda pra dormir rindo3:: rindo3::

Outra vez pescando em Guaira, quebrou a helice e meu primo foi trocar. Qndo tirou a hélice quebrada ouvimos um PLOC!

Derrubou tudo na agua. Imaginem o resultado rindo3:: rindo3::

Outra vez com o lago de itaipu baixo, resolvi pegar a namorada, montar no jipe e dar umas bandas no antigo leito do lago. Andei uns 4km e vi que não dava mais pra passar. Tinha umas marcas d pneus e resolvi fazer a volta ali msmo. So senti o jipe afundando rindo3:: rindo3::

Por sorte os filhos de um amigo estavam de quadriciclo e foram chamar uma camionete para puxar. Chegou meu pai puto da vida, me metendo a boca, pedindo qq eu tinha ido da pau de carro pra esses lados e bla bla bla. Todo mundo rindo da minha cara.

No outro dia, meu pai fominha por tocos, raizes de arvores e etc, chamou meu cunhado e eu para ir buscar umas que ele tinha visto na beira do lago. Montou na f350 e fomos.

Resultado: atolou!

La vai eu chamar o vizinho do clube com o trator pra puxar. Chegou la o lazarento com um massey 50x, mais velho que mijar na parede, todo arregaçado.

Resultado: atolou o trator!

ae virou o motivo de corneta do clube, até conseguir um traçado para puxar os dois, e o pior eh que quase o traçado ficou atolado tbm rindo3:: rindo3:: rindo3::

a cada 10 minutos vinha um vizinho na nossa casa tirar sarro do velho! diabo:: diabo:: diabo::

Doce vingança!! ::evil:: ::evil:: ::evil:: ::evil:: ::evil:: ::evil::

rindo2:: rindo2:: rindo2:: rindo2:: rindo2:: rindo2:: rindo2::

Passam e cantavam: to ficando atoladinho, to ficando atoladinho!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Opa lembrei outra de um amigo levar uma "piraputangada" na cara e ficar com olho roxo rindo3:: rindo3:: rindo3::

nesse msmo lugar pulou um dourado dentro do barco a noite. Foi o dourado pular e o que tava de carona no barco pular fora rindo3:: rindo3:: rindo3::

Falou que achava que era um jacaré ou coisa parecida! rindo3:: rindo3:: rindo3::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Vc já deu aquela pegada em sua esposa dentro do barco no meio do rio? Ela ficou tão desnorteada e caiu dentro da água, na corredeira te obrigando a uma operação de salvamento?? KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK... EU RÍ ALTO rindo3:: rindo3:: rindo3:: rindo3:: KKKKKKKKKKK... (EU NÃO NÃO TENHO ESPOSA KKK praia:: paia:: ) rindo3:: rindo3:: rindo3::

Alguem ae, foi decer um barranco bem inclinado com um motor ( e um mais pesado la acho que e um suzuki se nao me ingano) com um amigo e escorregou e deceu barranco abaixo rolando com o motor ate dentro da agua??? ( Eu Ja lacou:: doeu:: morto:: )

Alguem ae quando estava navegando a noite, um dourado ou outro peixe grande pulou na canoa e batendo em cima da caixa de isopor e apos quebrala ainda cair dentro da agua?? (Comigo ja chorei:: )

Alguem ae ja passou a noite inteira pescando e chorando as magoas de um namoro terminadoo?? ( KKKKKKKKKKKKk) (É fodz mais EU JA chorei:: seila:: rindo3:: rindo3:: )

Alguem ae ja foi pescar com um bando de amigos e os bixo incheu a cara,na hora de por o barco na agua vc insiste pra eles falando nao é ae que deceee NAO É AEEEEEE...ae os bixo dece a canoa la e a canoa vira com toda a tralha de pesca dentro?? (Eu ja surtei:: )

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Xiiiiii...tenho umas tristes, mas a inesquecível é esta longa estória:

Em 1996 a convite de um amigo de pesca 30 anos mais velho que eu, apelidado de véio é claro, fui pescar com um rapaz que trabalhava com ele e dizia que a cidade do irmão dele tinha um rio "bom de peixe", de peixe bruto mesmo, a cidade era Nova Diamantino, 400 km acima de Cuiabá e o rio era o Arinos...Como o rapaz não tinha muitas condições financeiras e eu e meu amigo ficamos na fissura de conhecer o local, marcamos a viajem, rachamos a passagem área dele e fomos os 3 para lá!

Fomos muito bem recebidos pelo irmão dele que tinha uma situação financeira bem melhor, plantava soja na chapada dos Parecis e foi nos buscar no aeroporto com sua picape e após uma longa viajem de Cuiabá até Nova Diamantino e uma noite bem dormida no barraco dos funcionários da fazenda fomos conhecer o tão falado Rio Arinos, fomos eu, meu amigo, o rapaz e o irmão dele e mais uns 4 funcionários...Acampamos na beira do rio e foram 5 dias show de bola, com muito peixe, onde pesquei a maior matrinxã que conheci (4,5 kg) e o maior peixe da minha vida, um Jaú de 42 kg, a única parte chata desconfortável era conviver com a matança indiscriminada de animais a tiro, Emas, Queixada e até Arara os FDPS gostavam de matar para comer, não aguentava mais ouvir tiro de calibre 12 ao pé do ouvido diabo:: ::evil:: diabo:: ::evil:: .

Até aí, beleza...Agradecemos a hospitalidade, trocamos telefones e retornamos felizes para São Paulo, inclusive o rapaz que nunca havia entrado em um avião e por ter visto seu irmão que não via há dez anos era só sorrisos e agradecimentos!

Passados 3 anos, eu desempregado e fud#do, o Véio que na época já estava aposentado me liga numa quarta-feira a tarde e fala: O Alemão...vamos marcar outra para o Arinos?

Falei...Véio...vamos como, tô desempregado e sem um puto no bolso?

Aí surgiu a grande idéia....Vamos de ônibus!!!Por um momento recusei, mas quando ele me disse o preço da passagem, pro idiota aqui, começou a ficar mais tentador.Custava naquela época umas 8 vezes mais barato que o avião, o único problema eram os 2 dias de viajem...mas pra quem estava desempregado e fud#do, o que são dois dias num buzão, kkkkk.Só de ida! oloko::

O Véio ligou para o irmão do Rapaz no Mato Grosso e como já era "Íntimo"(afinal pescou 5 dias com o cara três anos antes,rs), perguntou das condições do Rio e marcou a pescaria para fim do mês, mais precisamente saímos de Sampa no dia 28 de Setembro, só que desta vez, o irmão do fazendeiro não ia.

O cara da Fazenda aparentemente ficou feliz com nossa ida e explicou como fazíamos para ir de ônibus até lá, só ressaltou que era ano de eleição e ele estava apoiando um candidato da cidade e que ele estava um pouco enrrolado, mas no dia 2 de outubro, véspera da eleição ele ia fazer um churrasco para o candidato e depois disso, estavámos liberados para ir para o Rio pescar e assim os trouxas foram...

Amigos...foi a experiência mais traumática da minha vida, não sei se alguém aqui já viajou de ônibus esta distância, mas se arrempedimento matasse...

Após 2 dias e pouco dentro de ônibus, chegamos em Nova Diamantino...Um calor assustador e nós exaustos com a viajem...

Na cidade com uma população de uns 500 habitantes rindo3:: só se falava da bosta da eleição e chegando na fazenda, o assunto não era diferente...Tinham 2 candidatos, um tal com apelido de Índio e outro que não me lembro o nome e a cidade se matando para trabalhar para um ou para o outro e pescaria que é bom, nada!Os dias passando eu e o Véio para cima e para baixo com o cara da fazenda atrás de faixas, cerveja e sei lá eu que Puts mais para o tal de ìndio em baixo de um calor de 40º graus. ::evil::

Finalmente chegou o esperado dia do churrasco, acordamos cedo, ajudamos a montar a churrasqueira de blocos que devia ter uns 6 metros de comprimento e lá pelas 10:00hs da manhã chegou a "carne"...Dois bois sem couro, aquela sangria escorrendo em cima da caçamba de um caminhão e com um enxame de moscas varegeiras capazes de arrastar os bois lá de cima, aquela nojeira...em baixo daquele famigerado calor!!!E nóis achando que viriam as picanhas embaladas a vácuo em caminhão frigorífico, kkkkkk!

Ainda caí na besteira de perguntar para o cara da fazenda...Vai ser boi no rolete?

Ele riu, sacou uma peixeira da cinta e disse: Não...Vocês vão comer o verdadeiro churrasco matogrossense e com mais 10 funcionários comecaram a picotar os bois, do jeito que dava, com miúdos e tudo...putz..só de lembra me dá ansia de vômito!

Por volta das 11:30hs começou a chegar gente de tudo quanto era canto e depois de 1 hora umas 300 pessoas se matavam para comer aquilo...

A festa do candidato acabou umas 20:00 horas e minha paciência e a do Véio que era menor ainda já tinha se esgotado dois dias antes ::evil:: .Foi quando chegamos para o anfitrião e dissemos: Se amanhã não formos pescar, estamos "rapando" fora!

Ele concordou e se desculpou pelo atraso na festa, mas prometeu que na manhã seguinte estaríamos pescando no Arinos.

Ufa...Resumindo a novela...No dia seguinte só às 11:00hs as tralhas esrtavam no caminhão e após andar por mais 1 hora em meio as plantações de soja, chegando no rio no mesmo lugar de 3 anos antes, não reconheci o lugar...a soja havia dominado quase toda mata em volta do rio e enxergavámos o fundo do rio de tão raso, não dava nem para por o motor na água em alguns trechos e concluímos aquele dia sem nenhum peixe entre os 8 que estavam pescando no acampamento.

Para completar minha sorte, após tomar um banho no Rio, uma vespinha amarela entrou por dentro da bermuda e me picou na coxa...após 3 horas estava com uma ingua na virília que parecia uma linguiça,kkkk e sem poder andar.

No segundo dia de pescaria, pescamos até meio dia e rodamos mais do que notícia ruim, voltando para o almoço mo acampamento, vimos que ninguem havia pego peixe também e diante de tanta frustração e raiva, resolvemos encarar mais dois dias de buzão de volta e fiquei com a perna zuada ainda uns 3 dias por causa da vespa maldita.

Bem, essa foi minha roubada...depois disso, nunca mais entrei em ônibus, nem em circular de linha, kkkkk e como diz minha sábia esposa...

"Todo dia acorda um trouxa" mestre:: mestre:: mestre::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O Arinos continua muito bom de peixe, ele se junta com o teles pires e forma o Tapajos...

Não em época de eleição rsrsrsrsrsrsrsrss doeu:: doeu::

Comédia essa história rindo3:: rindo3::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa

Você pode postar agora e se registrar depois. Se você tem uma conta, CLIQUE AQUI para postar com a sua conta.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.

Processando...
Entre para seguir isso  

×
×
  • Criar Novo...