Ir para conteúdo
Entre para seguir isso  
Leonardo Fernandez

URGENTE - CAMPANHA CONTRA A USINA DE BELO MONTE

Posts Recomendados

Caros amigos, antes de mais nada, gostaria de pedir aos adiminstradores desse site, que deixem esse tópico fixo em algum local de destaque, pois precisamos reunir o maior número de assinaturas possível para evitar esse desastre.

Não há ninguém mais interessado neste assunto do que nós, pescadores esportivos, amantes da natureza.

Peço a ajuda de todos vocês para perderem alguns minutos do seu dia, e entrarem no site que está no fim desta mensagem, vejam o vídeo, e depois assinem esta campanha, que está sendo iniciada pela rede globo. E se a própria Rede Globo está apoiando esta campanha, é porque ainda há esperança que essa usina seja barrada.

E mesmo que a gente não consiga barrar essa usina, precisamos fazer barulho para barrar futuras usinas que o governo tem a intenção de construir, como as da região do rio teles pires...

Amigos, assinem e repassem aos seus contatos nas redes sociais, divulguem como puderem para que essa campanha atinja o maior número possível de pessoas. Não vamos ficar aqui de braços cruzados, apenas lamentando a falta de sorte dos nossos rios e florestas..

http://www.movimentogotadagua.com.br/

Conto com todos vocês.

Grande abraço.

Leonardo.

arrow:: O tópico já foi colocado como FIXO pela Moderação !

Imagem PostadaImagem Postada

Um local onde as turmas se encontram...

conversando e fazendo novas amizades!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

olá a todos

a questão de Belo Monte é muito controvertida, alias como toda construção de barragem

a questão da Globo estar apoiando esta campanha contra a usina não serve de parametro

ja foram feitos muitos estudos sérios de impactos ambientais e sociais à respeito que atestam a viabilidade da usina

faço Pós na Universidade Federal de São Carlos (SP) - UFSCar - vários dos professores com quem tenho aula se posicionam favoráveis a construção - com base em estudos de campo (muitos profissionais na UFSCar - deram consultoria para construção da usina)

o Brasil precisa andar - e nossa melhor fonte de energia é a hidroeletrica

será que aqui alguem quer arriscar uma usina nuclear ???

apoiar só por conta da Globo é fazer uma leitura muito superficial de um tema muito vasto

fica a dica - analisem o tema de forma imparcial - ha muitos pontos contra más ha muitos à favor !!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Mario, desculpe a franqueza, mas não é o momento de ser bairrista e apoiar a universidade da sua cidade.

Todos nós sabemos o impacto que uma usina traz ao ecossistema... Em breve não teremos mais rios com suas características originais, teremos apenas grandes áreas alagadas, na qual talvez seja possível pescar umas tilapias e tucunarés. Nada contra essas espécies, mas é obvio que estaremos exterminando espécies que precisam das características originais de nossos rios para sobreviverem.

Hoje tive outra triste notícia, a região das 7 quedas, situada no rio teles pires, o grande santuário da pesca esportiva, irá desaparecer, motivo ? advinha qual? A construção de mais uma grande usina, para gerar mais energia para o nosso conforto e bem estar. Acabei de saber disso ao tentar reservar uma viagem para a pousada salto da thaimaçu, e tive como resposta que a pousada não sabe se poderá estar operando devido as explosões com dinamites...

Se vc tivesse idéia da indignação que esse tipo de coisa causa a um pescador esportivo de verdade, aliás, indignação que estou nesse momento escrevendo esta mensagem, jamais apoiaria a construção dessas usinas na última das bacias ainda preservadas nesse país: a Amazônica.

Já sei, vai dizer que não sei nada e que tiveram sérios estudos em relação a isso... Papai noel pra mim já deixou de existir faz tempo, ou é só coincidencia os grandes dourados e pintados da bacia do rio paraná só serem encontrados em terras argentinas ? Bem longe das grandes barragens brasileiras ?

Dê os parabéns aos seus mestres na pós graduação, será uma bela obra sócio/economica para o país. Pena que será às custas do exterminio de todo um ecossistema.

E uma última coisa, você não está falando com nenhum ignorante que é manipulado como as grandes massas pela rede globo, tudo o que expressei na primeira mensagem foi com base no que penso e acredito, e que bom que um grande veículo de comunicação também tenha o mesmo pensamento.

É isso aí pessoal, analisem o tema, há muitos pontos contra, mas a favor temos que durante um curto período essas usinas irão gerar empregos para a região, mas assim que acabar as obras, estarão novamente desempregados, e sem o seu meio ambiente original. Há, e esqueci, também precisamos de mais energia elétrica, que se danem as piraíbas, pirararas, matrinxãs, cacharas, etc, etc, etc...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Fabrício Bigua, muito obrigado por deixar o tópico fixo.

Desculpe minha indignação, mas é muito díficil ter apenas 28 anos de idade, nunca ter ido ainda até a amazônia, e quando vc se programa para ir, recebe notícias como essas, que todo aquele paraíso irá não acabar, mas piorar muito. É revoltante saber que novamente o homem está mudando irremediavelmente o seu destino.

Mais uma vez, desculpe pela indignação, mas tudo o que escrevi nos dois últimos textos é exatamente o que estou sentindo.

Grande abraço.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Mario, desculpe a franqueza, mas não é o momento de ser bairrista e apoiar a universidade da sua cidade.

Todos nós sabemos o impacto que uma usina traz ao ecossistema... Em breve não teremos mais rios com suas características originais, teremos apenas grandes áreas alagadas, na qual talvez seja possível pescar umas tilapias e tucunarés. Nada contra essas espécies, mas é obvio que estaremos exterminando espécies que precisam das características originais de nossos rios para sobreviverem.

Hoje tive outra triste notícia, a região das 7 quedas, situada no rio teles pires, o grande santuário da pesca esportiva, irá desaparecer, motivo ? advinha qual? A construção de mais uma grande usina, para gerar mais energia para o nosso conforto e bem estar. Acabei de saber disso ao tentar reservar uma viagem para a pousada salto da thaimaçu, e tive como resposta que a pousada não sabe se poderá estar operando devido as explosões com dinamites...

Se vc tivesse idéia da indignação que esse tipo de coisa causa a um pescador esportivo de verdade, aliás, indignação que estou nesse momento escrevendo esta mensagem, jamais apoiaria a construção dessas usinas na última das bacias ainda preservadas nesse país: a Amazônica.

Já sei, vai dizer que não sei nada e que tiveram sérios estudos em relação a isso... Papai noel pra mim já deixou de existir faz tempo, ou é só coincidencia os grandes dourados e pintados da bacia do rio paraná só serem encontrados em terras argentinas ? Bem longe das grandes barragens brasileiras ?

Dê os parabéns aos seus mestres na pós graduação, será uma bela obra sócio/economica para o país. Pena que será às custas do exterminio de todo um ecossistema.

E uma última coisa, você não está falando com nenhum ignorante que é manipulado como as grandes massas pela rede globo, tudo o que expressei na primeira mensagem foi com base no que penso e acredito, e que bom que um grande veículo de comunicação também tenha o mesmo pensamento.

É isso aí pessoal, analisem o tema, há muitos pontos contra, mas a favor temos que durante um curto período essas usinas irão gerar empregos para a região, mas assim que acabar as obras, estarão novamente desempregados, e sem o seu meio ambiente original. Há, e esqueci, também precisamos de mais energia elétrica, que se danem as piraíbas, pirararas, matrinxãs, cacharas, etc, etc, etc...

Concordo com suas palavras palmas::

E sobre Belo Montes:

Já pararam para pensar se economicamente essa usina sera viável? Pois os maiores consumidores de energia estão a mais de 2.000km da usina,e ai fica a pergunta essa energia vai de fibra ótica,via satélite ou vão derrubar 2.000km de mata para construção das redes de alta tenção?sabem a resposta né?

Sou contra a construção de mais usinas,pois temos outras fontes de energias bem mais limpas(eólica)pois as usinas hidrelétricas geram gás carbônico na decomposição de matéria (vegetação)ou consomem com toda a flora existente em toda a extensão da represa?

Bom esse é o meu ver,o ponto de vista de um mero mortal.

Abraços :amigo:

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Caro Leonardo

Respeito sua opinião e a da Rede Globo também ...

Mas gerar energia para desenvolver o pais é muito relevante.

Falando em pescaria - acredito que grande parte da pesca esportiva no sul e sudeste são feitas em aguas represadas

Dificil imaginar São Paulo sem as barragens do Tietê e do Rio Grande (seja pelo nosso esporte seja pela produção de energia eletrica)

Sem elas este e-mail nem seria enviado por falta de energia

Haverá imparto - CERTAMENTE ! más haverá benefícios também !!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pessoal, confesso que quando vi o video corri e aderi a campanha, mas quando recebi o texto abaixo do Reinaldo Azevedo percebi que deveria me aprofundar um pouco mais antes de sair dando parecer contra ou a favor, pois existem muitas coisas que nao sabemos e somos induzido de alguma forma.

O texto e longo, mas vale a pena. Abs a todos,

Belo Monte e as Magdas e os Magdos da TV Globo. É o maior Festival de Besteiras jamais ditas num vídeo. E olhem que a concorrência é grande!

Há dias estou para tratar do assunto. Os leitores também estavam cobrando. Mas os remelentos, as Mafaldinhas e alguns de seus professores aloprados tomavam o meu tempo… Vamos lá.

Vocês sabem muito bem o que penso sobre o governo do PT, petistas e congêneres. Vivo aqui fazendo as contas de todas as promessas que a presidente Dilma Rousseff não vai cumprir: creches, UPAs, UBSs, quadras nas escolas, casas… Mais ainda. Fui crítico do rumo que tomou o leilão e o financiamento da usina de Belo Monte. Aqui está apenas um dos textos que escrevi a respeito. Ao exigir um preço muito baixo para o megawatt-hora, o governo Lula — e a área estava sob o comando da então ministra Dilma — espantou o capital privado, e, na prática, o Tesouro acabou assumindo encargos e riscos excessivos. Muito bem! Essa é uma crítica procedente. E não é só minha. Considerar, no entanto, que a usina é desnecessária ou que o Brasil não pode mais fazer hidrelétricas, aí não dá! Aí estamos diante de uma estupidez que vai além do aceitável!

Todos vocês conhecem o vídeo — uma cópia esfarrapada e apenas mais ou menos assumida de uma campanha surgida nos EUA em defesa do voto (já chego lá) — em que alguns atores globais falam sobre a Usina de Belo Monte e tentam convencer o público de que ela é uma desnecessidade. Fosse eu outro, embarcaria na onda. Poderia pensa: “Como o governo não vai mesmo voltar atrás, esses artistas acabam colaborando para dar uma queimada nos petistas; não gosto deles. Tudo o que é contra o PT me serve!” Mas eu não entro nessa, não! Quando gosto, digo “sim”; quando não gosto, digo “não”. NEM TUDO O QUE NÃO É PT ME SERVE. Há obscurantismos maiores e potencialmente mais perversos no Brasil. A nossa sorte é que não são ainda tão articulados. E o “marinismo” — sim, derivado de Marina Silva! — é um deles.

Nunca antes na história destepaiz tantas bobagens, mentiras, parvoíces, sandices e vigarices intelectuais foram articuladas em meros cinco minutos! É uma coisa espantosa! É claro que todos aqueles “bacanas” estavam ali exercendo o seu ofício, por mais “engajados” que estejam. Falavam um texto sei lá escrito por quem. A direção é de Marcos Prado, produtor de Tropa de Elite e integrante de um tal movimento “Gota d’Água”, que responde pelo trabalho. Um dos líderes é um ator chamado Sérgio Marone, que também atua. Não sei quem é nem fui atrás de saber. Segue o vídeo. Volto depois.

Maitê Proença, essa eu conheço, já tirou o sutiã, estou certo, por melhores motivos. Eu vou fazer aqui uma continha que talvez a deixe um tanto constrangida. Um dos atores — não sei o nome; era o irmão mais chato da novela chata do Gilberto Braga — diz com aquele ar severo e desafiador de Hamlet diante do usurpador do trono: “A usina de Belo Monte vai alagar, inundar, destruir 640 quilômetros quadrados da Floresta Amazônica”. Pois é…

Por que Maitê deveria ter ficado com o seu sutiã, ao menos nesse caso? Prestem atenção. A Floresta Amazônica toda tem 5,5 milhões de Km², 60% dos quais no Brasil (3,3 milhões de Km²). Logo, aqueles 640 representam 0,012% do total da floresta e 0,019% da parte brasileira. Vou ter de ser didático. Digamos que Maitê pese 58 kg: 0,019% do seu peso corresponde a 0,01102 kg — seu sutiã é muitas vezes mais pesado. Não sei quantas porque ignoro o peso da peça. Nunca o vi por esse ângulo. Aliás, associado a uma hidrelétrica, também é a primeira vez. Digamos que Marcos Palmeira pese 70 quilos; no seu caso, aquele 0,019% corresponde a 0,0133 kg. Uma de suas orelhas, dada a comparação, equivaleria a muitas usinas de Belo Monte…

Ator, cineasta, malabarista… As pessoas são livres para dizer o que lhes der na telha. Quando, no entanto, fazem um trabalho como esse porque se sabem figuras públicas e pretendem interferir no comportamento das pessoas, aí não podem mentir. Ou até podem. Mas têm de ouvir o contraditório e se explicar. A usina não vai desalojar índio nenhum! Isso é uma grande falácia, usada para mobilizar personalidades internacionais para a causa. Haverá, sim, populações ribeirinhas, mas não indígenas, que terão de sair de algumas localidades. Desde que sejam reassentadas com dignidade, a chance de que a vida delas melhore, já que vivem no abandono, é gigantesca. Sem contar que a Constituição e as leis democráticas consagram o direito que a sociedade tem, por meio de seus orgãos de representação, de fazer desapropriações.

O que mais impressiona nesse vídeo cretino é que, notem!, ele não é contra apenas Belo Monte em particular. É contra a energia hidrelétrica como um todo!!! O fanático que redigiu o texto descobriu que ela também é uma energia suja. E aí vem aquele que, pra mim, é o grande momento. Ainda de sutiã, Maitê Proença faz um ar sábio, de quem estudou profundamente o assunto, e indaga: “De onde tiraram essa idéia de que hidrelétrica é energia limpa?” Huuummm… Ela parece saber mais do que nós. Um dos filhos de Chico Anysio, também não vou pesquisar qual, sei que é humorista, faz o contraponto, o bobo, o ingênuo, e diz: “Energia elétrica é energia limpa; é muito melhor que usina nuclear e carvão”. Bem, é mesmo! Mas não no vídeo! Então Letícia Sabatella assombra o mundo:“Seria energia limpa se fosse no deserto, mas na floresta?”

Heeeinnn??? Quer dizer que energia hidrelétrica só seria limpa se fosse produzida no deserto? Fico aqui a imaginar um rio Xingu ou o Amazonas cortando o Saara. Suspeito que deserto não seria, não é mesmo? Parece piada! Mas eles estão falando a sério! Depois engatam a defesa das energias eólica e solar como se tais projetos fossem financeiramente viáveis no médio prazo ao menos e pudessem mesmo gerar a energia de que o país precisa. Uma coisa é desenvolver fontes alternativas no terreno ainda da pesquisa e da experimentação e buscar modos de torná-las viáveis economicamente. Outra é considerar que elas podem ser uma matriz energética. Qual é a hipótese desses gênios? O mundo ainda não é movido a vento por quê? “Por causa dos grandes interesses”, logo responde o dublê de ator e pensador. Sei. E por que não haveria “grandes interesses” nos ainda caríssimos aerogeradores???

Um terço da capacidade?

A mais desonesta de todas as críticas é a que sustenta que a usina vai gerar apenas “um terço de sua capacidade”, conforme diz um dos ignorantes convictos, também não sei quem. Ai, ai… Assim será porque se decidiu fazer a usina pelo sistema fio d’água, sem reservatório, justamente para diminuir o impacto ambiental, o que já é temerário. Belo Monte terá capacidade para produzir até 11.233 MW, mas vai gerar, na média, 4.571 MW médios. Por quê? No período chuvoso, funcionará com potência máxima; na seca, cairá para 690 MW por causa justamente da falta de reservatório.

SE HÁ ALGUMA ESCOLHA ERRADA EM BELO MONTE, E HÁ, ELA ESTÁ JUSTAMENTE EM TER CEDIDO À PRESSÃO DOS AMBIENTALISTAS ALOPRADOS. Olhem aqui: ainda que Belo Monte alagasse uma área 20 vezes maior (11.280 km²) — fazendo, pois, o reservatório —, isso corresponderia a 0,34% da parte brasileira da Floresta Amazônica. Se Letícia Sabatella pesa 57 Kg, um alagamento de Belo Monte 20 vezes maior corresponderia a 0,19 Kg do seu peso. Seu cérebro consegue ser bem mais pesado do que isso… Será que essa gente tem noção da besteira que está falando ou acha que matemática é coisa de reacionários que não gostam do meio ambiente?

Mesmo com Belo Monte, Jirau e Santo Antônio produzindo, mas sem os reservatórios — para proteger os bagres da Maitê, da Sabatella e da Marina —, o Brasil passa a correr riscos no período de secas e terá de recorrer, sim, a sistemas de emergência, como termelétricas, por exemplo. Vale dizer: o país já deu atenção demais aos bagres e atenção de menos às pessoas.

A falácia do preço

Outra coisa ridícula é essa história dos R$ 30 bilhões. Sim, eu fui um dos grandes críticos do peso excessivo que o Estado vai ter na construção de Belo Monte. Lá está o link. No arquivo, há outros textos. A iniciativa privada deveria estar bem mais presente. Mas daí a tentar provocar a indignação com essa coisinha estúpida: “É o seu dinheiro! Dos impostos!” Certo, especialistas! E a energia será gerada para quem? Para os marcianos? Quem será o beneficiado?

Artista pode falar. Não há lei que proíba. Mas também não há lei que os impeça de estudar, de se informar, de fazer conta, de ter senso de ridículo. Notem o arzinho enfatuado com que se dirigem ao público, com pose de especialistas. Murilo Benício, com a sua habitual cara de quem acabou de acordar, diz, com laivos de ironia sonolenta, que “índio quer educação, conforto…” E não quer??? Ary Fontoura faz blague: “Índio precisa de antibiótico”. Por quê? Não precisa??? Ciça Guimarães, na linha “a loura tonta”, pergunta: “Ainda tem índio no Brasil?”

Tem, sim, minha senhora! Proporcionalmente, eles são donos da maior fatia do território brasileiro. Correspondem 0,7% da população brasileira (isso porque mais gente passou a ser “índia” depois das dermarcações) e tem sob seu domínio, hoje, 13% do território do país. Eu tenho a certeza absoluta de que todos ali, sem exceção, ignoram esses dados. Eu tenho a certeza absoluta de que todos ali, sem exceção, ignoram que o Brasil, se crescer de forma sustentada a 4,5%, 5% ao ano (e, para reduzir a pobreza num ritmo mais acelerado, seria preciso mais do que isso), corre o risco de sofrer apagões. Apagões que punirão os pobres, não os bacanas da TV Globo (volto a esse particular no encerramento do texto).

Plágio

O vídeo é um plágio admitido, mas não com a devida ênfase, do projeto Five Friend - Vote, produzido por Leonardo DiCapprio e dirigido por Steven Spielberg em outubro de 2008. Caprio, aliás, já se prontificou a gravar um vídeo contra Belo Monte. SABE TUDO A RESPEITO!!! Naquele caso, pedia-se a adesão de cinco pessoas; os nossos atores pedem de 10. Nos EUA, vá lá, tratava-se de convencer as pessoas a comparecer às urnas — num país onde o voto não é obrigatório. No caso de Belo Monte, a história é um pouquinho diferente. Vejam, se quiserem, a realização da idéia original. Volto para encerrar.

Voltei

Há, como se vê, uma diferença entre o engajamento em favor do voto e uma campanha que tem, evidentemente, um sentido político, com óbvio viés ideológico. O “marinismo” é alma desse troço, como era daqueles outros vídeos contra o Código Florestal — com o mesmo rigor científico, diga-se. Nesse caso em particular, queira ou não, a Globo, que põe no ar todos os dias esses rostos, acaba comprometida com a causa que seus astros abraçam. É inevitável! “Ah, eles podem dar a opinião que quiserem como cidadãos”. Huuummm. Cidadãos tentam convencer as pessoas com argumentos, não com a força de sua popularidade. No caso, essa popularidade foi conquistada não exatamente porque esses astros sejam notórios por seus conhecimentos na área de energia elétrica, meio ambiente e… matemática, não é mesmo? Faces identificadas com a emissora, há que se lembrar o seu compromisso com a verdade.

É isso. Letícia Sabatella continua a perturbar o meu juízo: “Hidrelétrica seria energia limpa no deserto“. Ela deve ter querido dizer alguma coisa, cujos sentido me escapou. E isso sempre me deixa muito perturbado…

Por Reinaldo Azevedo

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Caro amigo Luizinho, vc está segurando um belo tucunaré açu, então creio que conheça bem a bacia amazônica, que infelizmente ainda não conheço.

Lí todo o texto que vc postou, e até o momento não consigo mudar meu ponto de visto como pescador esportivo. Concordo plenamente que o vídeo da rede globo possa ter alguns absurdos, mas não estou aqui para defender o vídeo, mas sim os rios dessa bacia.

Ví que o autor do texto faz uma comparação da floresta amazônica com a área que será alagada pela construção da usina, realmente é quase insginificante perto do tamanho dessa floresta, mas, e os rios ? Será que é insignficante mudar as características do rio xingú? Um rio de aguas rápidas, na qual são muito importantes para determinadas espécies? Talvez seja bom para algumas espécies, como o tucunaré que encontra o seu habitat perfeito em aguas represadas, e não estou de forma alguma criticando o tucunaré, até mesmo porque é uma das minhas espécies favoritas. Estou apenas imaginando o quanto as outras espéceis nos farão falta.

Essa usina é apenas UMA, das várias que serão construídas na região, porque só no rio Teles Pires serão mais 3 que já estão em construção... Se o impacto na floresta será insignificante como diz o autor, nos rios será um desastre...

Mas cada um tem a sua opinião, e cada um puxa a sardinha para o seu lado, mas sinceramente, EU preferia conviver sem energia elétrica, do que conviver com todas essas alterações no que temos de melhor, que é a natureza, que nesse país já foi tão judiada e ignorada... Mas, como eu disse em mensagens anteriores, que se danem os peixes, vamos pensar no nosso conforto e bem estar não é mesmo ?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Parceiro,

Concordo em partes contigo, também sou defensor da natureza como um todo, porem nos dias atuais a humanidade não sobreviveria sem as tecnologias necessárias.

Confesso que já revoltei muito pelo que “VI” a mais de 20 anos sobrevôo a Região Amazônica, “Manaus, Boa Vista, Belém” tenho vários amigos pilotos que estão atuando naquela região.

Graças a Deus também tive o privilégio de conhecer alguns bons lugares de pesca de Tucunaré, onde na medida do possível procuro ir no mínimo uma vez por ano, pois não sabemos ate quando teremos aquele paraíso.

Se você tivesse idéia do que ocorre com certeza se revoltaria muito mais, e veria que belo monte somado a tudo o que acontece não é nada, “Triste realidade”.

Abs,

:amigo:

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

É amigo, não conheço de perto essa realidade, mas acompanho todas as noticias sobre o que acontece na floresta, e sem dúvida é revoltante, mas como eu disse, pelo menos a floresta é imensa, sei que um dia tb acaba, e acho absurdo tudo isso, mas no caso das usinas, elas "acabam" com os rios, que não são muitos.

Vou fazer como vc, aproveitar enquanto ainda existe, porque desse jeito vai acabar, e o pior é que será no curto prazo..

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Salve povo que sabe viver! Não quero provocar polêmica, mas assisti muitos vídeos sobre Belo Monte, e um me chamou a atenção. Se é todo verdade, não posso dizer, mas se for, o impácto ambiental será muito menor do que está sendo veiculado no vídeo da rede globo. http://www.vermelho.org.br/noticia.php? ... id_secao=1 Grande abraço a todos.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Boa discussão:

Desenvolvimento X preservação

influência da mídia X opinião isenta. ( No caso da Globo acredito que isso não exista)

Ecoterrorismo X Ecologia

Minha forma de pensar:

1- Se a globo apoia já tô fora.

2- Prefiro uma dúzia de hidroelétricas a uma usina nuclear ( ainda mais no Brasil) caveira:: caveira::

3- Energia limpa é caríssima POR Kilowatt/hora. Vai subir muito a conta para todos. Inclusive para as celebridades globais, MAS ELAS PODEM PAGAR.

4- O rio será represado, não vai sumir de lá. Quero dizer que com estudos e um desvio para as espécies fazerem a piracema, elas não irão morrer. ( Ou alguém acha que isso não está sendo exigido!? )

5- O Brasil aprendeu muito com Balbina, que foi Sim eu gigantesco desastre; além do que, tem baixa eficência.

O projeto de Belo Monte já mostrou ser diferente. Só não produzirá mais que Itaipu. (revista Veja)

E quem for contra a usina ponha o dedo aqui rindo2:: , rindo3:: MAS REDUZA O SEU CONSUMO DE ENERGIA EM 5% AO ANO. rindo3::

PS: Não achei a opinião do Kikuta Bairrista. Ele apenas relatou opiniões contrárias, que por acaso vem de uma das mais bem conceituadas universidades do país. Só! Não disse que a universidade dele é a melhor .

ABRAÇÃO.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Com relação ao video q está circulando, qualquer um percebe q estes artistas são todos pau-mandados...estão defendendo interesses da poderosa Globo e de ONGs internacionais. Quero ver se algum destes "nobres artistas" q se diz contra a construção das usinas hidroelétricas, se algum deles abrem mão das mordomias de um banho quente no chuveiro, ar-condicionado e ter um monte de eletrodomésticos em casa...ou se comprometem em diminuir 1% do q consomem. São todos hipócritas e demagogos.

O Brasil p/ crescer e criar empregos tem q aumentar consideravemente a produção de energia...infelizmente este é o custo do progresso.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Com relação ao video q está circulando, qualquer um percebe q estes artistas são todos pau-mandados...estão defendendo interesses da poderosa Globo e de ONGs internacionais. Quero ver se algum destes "nobres artistas" q se diz contra a construção das usinas hidroelétricas, se algum deles abrem mão das mordomias de um banho quente no chuveiro, ar-condicionado e ter um monte de eletrodomésticos em casa...ou se comprometem em diminuir 1% do q consomem. São todos hipócritas e demagogos.

O Brasil p/ crescer e criar empregos tem q aumentar consideravemente a produção de energia...infelizmente este é o custo do progresso.

Viram so? A Globo é marqueteira mesmo...o debate dos estudantes pela internet com ampla divulgação pela revista Veja mostrou a farsa dos dados que o vídeo contra a usina alardeavam. (ver matéria na qual os estudantes nocautearam os artistas ecochatos)

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Esses dois videos demonstram como podemos ser facilmente influenciados. QUando vi o primeiro da rede globo, junto com essa campanha, vi que fazia razoável sentido. Quando assisti ao segundo, fui obrigado a mudar de ideia, realmente a Globo forçou a barra com os argumentos levianos. Longe de me posicionar a favor das usinas, mas infelizmente o Brasil precisa crescer e buscar manter-se atrativo. Não basta a boa vontade, são necessárias açoes, e nesse momento, a energia que apresenta o melhor custo-beneficio é a hidroelétrica.

O governo optou por esse modelo energético com base em estudos técnicos. Existe um núcleo de apoio ao executivo, que auxilia no momento das tomadas de decisão, e esse núcleo eh formado por pessoas altamente Técnicas, reduzindo assim as chances de apostas erradas e opiniões politicas equivocadas. As grandes hidroelétricas que estão saindo do papel hoje, sao resultado de estudo de vários anos, e não vierem junto com Lula ou Dilma, mas sim desde o governo FHC que se desenha esse modelo para o pais. Sendo assim, como ja dito acima, essas usinas são um mal necessário.

abraços e boa noite

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Concordo com o Walter, é um mal necessário !

É importante conhecer a vida sofrida dos ribeirinhos e sair de frente da televisão. É fácil ser contra uma obra dessas tendo água e luz em sua casa, morando de frente para o mar. Difícil é ficar no esquecimento dessa região, vivendo como um neandertal e sabendo que energia elétrica e água já são uma realidade nos grandes centro urbanos há décadas. Acho que a opinião das pessoas que moram lá é a que conta, e , se for para matar o último bixo da mata para garantir o que nós já conquistamos, me dá a espingarda aqui.........

Henrique

Esses dois videos demonstram como podemos ser facilmente influenciados. QUando vi o primeiro da rede globo, junto com essa campanha, vi que fazia razoável sentido. Quando assisti ao segundo, fui obrigado a mudar de ideia, realmente a Globo forçou a barra com os argumentos levianos. Longe de me posicionar a favor das usinas, mas infelizmente o Brasil precisa crescer e buscar manter-se atrativo. Não basta a boa vontade, são necessárias açoes, e nesse momento, a energia que apresenta o melhor custo-beneficio é a hidroelétrica.

O governo optou por esse modelo energético com base em estudos técnicos. Existe um núcleo de apoio ao executivo, que auxilia no momento das tomadas de decisão, e esse núcleo eh formado por pessoas altamente Técnicas, reduzindo assim as chances de apostas erradas e opiniões politicas equivocadas. As grandes hidroelétricas que estão saindo do papel hoje, sao resultado de estudo de vários anos, e não vierem junto com Lula ou Dilma, mas sim desde o governo FHC que se desenha esse modelo para o pais. Sendo assim, como ja dito acima, essas usinas são um mal necessário.

abraços e boa noite

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Todo mundo sabe que energia é necessário para manter nosso modo de vida, assim como sabemos que a construção de hidrelétricas e outras grandes obras mantem o "sistema" rodando...o governo injeta grana nas grandes empreiteras que por sua vez repassam parte dos lucros p/ uma pequena elite do governo. Isso é um fato que contribui na continuidade do nosso modelo de geraçao de energia.

Apoio a geração sustentavel de energia e sei que o homem tem inteligencia suficiente para encontrar soluções para qualquer problema. Conseguimos construir barragens gigantescas e estradas intercontinentais, mas uma coisa que nós ainda nao conseguimos fazer é RESTAURAR UMA ESPÉCIE DEPOIS QUE ELA É EXTINTA OU REFAZER UM ECOSSISTEMA DEPOIS QUE ESSE É DESTRUIDO, pra isso nao tem solução e é pra isso que estamos caminhando.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

apoio incondicionalmente a campanha contra belo monte e qualquer tipo de barragem ou usina desta magnitude, não só porque sou pescador, mas porque gostaria de ver todos os curso d'água correrem naturalmente limpas e todas as matas preservadas. acredito que mantendo os ecossistemas naturais pagaremos um preço menor no futuro por nossa incompetência em administrar os recursos naturais.

além do impacto ambiental causado pelo grande volume d'água acumulado indevidamente em uma região alterando seu microclima mais as matas alagadas e devastadas ao seu redor. calcula-se um aumento de 50% no número de habitantes em Altamira ou seja + ou - 50.000 pessoas fazendo cocô diretamente no rio Xingú fora detergentes, garrafas pet, sacos de lixo etc.... que ficarão enfeitando os galhos das árvores e margens rio abaixo. no rio Madeira e sete quedas não será diferente. construirão cidades e a devastação continua. não existe tratamento de esgoto por lá e em quase todo o território brasileiro e o destino final são os rios. desbravar regiões quase intocadas da natureza aqui no Brasil não é progresso e sim devastação além de uma grande burrice. aqui é impossível desenvolvimento sustentável, infelizmente, no geral, não temos seriedade nem cultura para isto. estudo de impacto ambiental, me perdoem os contra, mas não é sério. o Lula até dividiu o IBAMA para facilitar as liberações de obras. aqui compram-se todos ou calam a boca de quem está certo, como em tudo que vem do governo, não dá para acreditar em muita coisa. não sou reacionário ou qualquer coisa do gênero, em outros setores os péssimos exemplos estão a todo o momento no noticiário. basta ver o estudo ambiental de balbina no amazônas, serra da mesa em Goias e sabe lá quantas outras. muita água acumulada para pouca energia gerada. depois falam: - erramos. um comentário do Lula sobre a liberação daquela usina no rio Madeira: "não vou deixar de contruir a hidrelétrica por causa de um bagrinho" referindo-se a um peixe de nome dourada um bagre que faz rota migratória. pela declaração dá para ver o descaso com a natureza. acho que existe outros meios, outros rios, usinas menores, soluções menores e também eficientes para geração de energia. a contra partida é que se a obra é menor o volume de dinheiro envolvido é menor e as licitaçãoes são menores, o enriquecimento de alguns poucos também sera menor. será que é por isso? enquanto isso estamos ficando sem matas, rios, lagos naturais, espécies nativas indo a extinção, pesca predatória sem controle eficiente, fiscalização deficitária, bla, bla, bla daqui e dali e nossas pescarias cada vez mais com menos peixes e por ai vai ....... acho que devemos pensar e refletir......

gostaria de esclarecer que é minha opinião, sem pretenção de doutrinar ou convencer alguém, mas é simplesmente o que observo no dia a dia de nosso país.

abraço a todos do FTB e boas pescarias

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Será que eu realmente estou lendo esse comentário ??

Lamentavel essa postura... Não precisamos te dar nenhuma espingarda, o governo já está fazendo isso, não se dê o trabalho....

Respeito a opinião de quem é a favor da usina, apesar de discordar totalmente, mas ler um comentário como esse me causa total indignação, ainda mais em um fórum que preza pela preservação da natureza... Acho que o senhor está no lugar errado...

Ainda bem que temos outros paises que não pensam assim, como os nossos vizinhos do mercosul. Em breve estaremos implorando à eles para pescar em suas aguas as espécies que foram exterminadas e rumaram para bem longe dessas hidrelétricas...

Concordo com o Walter, é um mal necessário !

É importante conhecer a vida sofrida dos ribeirinhos e sair de frente da televisão. É fácil ser contra uma obra dessas tendo água e luz em sua casa, morando de frente para o mar. Difícil é ficar no esquecimento dessa região, vivendo como um neandertal e sabendo que energia elétrica e água já são uma realidade nos grandes centro urbanos há décadas. Acho que a opinião das pessoas que moram lá é a que conta, e , se for para matar o último bixo da mata para garantir o que nós já conquistamos, me dá a espingarda aqui.........

Henrique

Esses dois videos demonstram como podemos ser facilmente influenciados. QUando vi o primeiro da rede globo, junto com essa campanha, vi que fazia razoável sentido. Quando assisti ao segundo, fui obrigado a mudar de ideia, realmente a Globo forçou a barra com os argumentos levianos. Longe de me posicionar a favor das usinas, mas infelizmente o Brasil precisa crescer e buscar manter-se atrativo. Não basta a boa vontade, são necessárias açoes, e nesse momento, a energia que apresenta o melhor custo-beneficio é a hidroelétrica.

O governo optou por esse modelo energético com base em estudos técnicos. Existe um núcleo de apoio ao executivo, que auxilia no momento das tomadas de decisão, e esse núcleo eh formado por pessoas altamente Técnicas, reduzindo assim as chances de apostas erradas e opiniões politicas equivocadas. As grandes hidroelétricas que estão saindo do papel hoje, sao resultado de estudo de vários anos, e não vierem junto com Lula ou Dilma, mas sim desde o governo FHC que se desenha esse modelo para o pais. Sendo assim, como ja dito acima, essas usinas são um mal necessário.

abraços e boa noite

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa

Você pode postar agora e se registrar depois. Se você tem uma conta, CLIQUE AQUI para postar com a sua conta.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.

Processando...
Entre para seguir isso  

×
×
  • Criar Novo...