Ir para conteúdo
Entre para seguir isso  
Kid M

Diferenças de tração molinete x carretilha...

Posts Recomendados

Como sou ( e continuarei sendo ) usuário de molinetes, tenho observado ( e esta é a razão do tópico ) que algumas iscas quando usadas com carretilha não apresentam o mesmo rendimento do que com molinete e vice versa...

Apenas para exemplificar a questão !

arrow:: Iscas perversas da Borboleta com molinete são MUITO MAIS eficientes do que quando usadas com carretilhas ! Poderia ser por conta da forma da linha ser puxada para enrolar no carretel, e com isso gerar um movimento diferenciado ?

arrow:: Iscas Açu da AICAS com carretilha são MUITO MAIS eficientes do que quando usadas com molinetes ! Será que a ação do stick e zara se adapta melhor a tração das carretilhas que é quase contínua no recolhimento ?

Estou "alucinando" ou alguém mais já percebeu essas sutilezas ?Imagem Postada

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Também as colheres (blue fox e johnson) e jigs são mais eficientes nos molinetes, talvez, devido à velocidade diferenciada em relação às carretilhas.

Apesar disso, prefiro as carretilhas por serem mais versáteis ao uso da maioria das iscas, principalmente as de superfície.

Se precisar de mais parpites, estamos à disposição, rsrsrs....

Abraços.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Tb acredito q seja em função da velocidade de recolhimento, Kid...Vc já experimentou usar equipamentos de mesma velocidade?

Como as varas tb são diferentes a ação do blank tb pode estar interferindo nesse trabalho.

Se todo o conjunto for de mesma velocidade, ação, bitola de linha, etc...acho q não tem pq existir essa diferença.

Ah...tb tem a experiência/prática do pescador, né?!?!? Acho q se hj eu usar uma simples zara num conjunto de molinete, o trabalho q farei será uma lástima... seila::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Grande Kid,

Acredito que existem diferenças significativas!

Já ví coisas com molinetes prá lá de interessantes...Por exemplo, uma vez lá em Presidente Epitácio (no Araguaia também), um ribeirinho (que só pescava de molinete) estava trabalhando com jigs de penas (volumosos) e o índice de capturas comparado com quem estava usando os plugs foi de 5 x 1! (Isto é: para cada peixe que a gente pegava com plugs ele pegava 5). Mas tem um "jeitinho", pois ele fazia o recolhimento oscilando bastante a vara.

Molinete também pega melhor com iscas softs. Aí eu acredito que tenha a ver com a velocidade do recolhimento, pois como já foi dito acima, os molinetes funcionam muito bem com as colheres.

Já com os "plugs" creio que a carretilha apresenta muito mais recursos...

abs

kruel

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Acredito que a forma de bobinamento do molinete que causa torção na linha(às vezes essa torção é até demais) acaba passando isso pra isca. E assim fazem com que iscas de nado errático tenham um nado mais erratico ainda.

Assim podemos imaginar que as forças exercidas(com molinete) na isca não são só aquelas produzidas pelo toque de ponta de vara, mas sim o movimento de torção da linha em torno de seu eixo.

Deu pra entender ou eu compliquei ?

E nas zaras essa torção pode até atrapalhar o zig zag da isca...pode atrapalhar a constancia do movimento... esquerda-direita-esquerda-direita

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

A carretilha é mais "ergonômica (confortável)" por ter o peso da carretilha mais próximo à vara, o que lhe dá vantagem em relação ao molinete para o trabalho com a maioria das iscas...

No caso das zaras e sticks, o movimento precisa ser absolutamente harmônico e cadenciado para o máximo desempenho da isca, a ergonomia ganha!

Mas os molinetes recolhem a linha com velocidade bem maior.

No caso da twichbait, a distância de arremesso maior (deixando mais linha para a isca trabalhar mais livre) e a vara mais longa (transmitindo toques mais enérgicos e fazendo a isca trabalhar mais "nervosa" ou errática) ganha!

Outro detalhe é que o molinete tem uma "força pertubadora excêntrica (não arrumei termo melhor para poder me expressar)", o que deixa o recolhimento com toquinhos involuntários... É que quando se dá uma manivelada, o pescador tem de compensar a força usada na manivela na outra mão, o que sempre deixa o recolhimento com toquinhos! Quando a manivela desce, ela acaba tendo maior velocidade do que quando sobe...; e a isso se soma o movimento que a vara faz para compensar essa "força pertubadora excêntrica"! Em outras palavras, a linha afrouxa e estica durante o recolhimento; e o pescador pode não se dar conta disso!

Plugs de barbela, colheres,... por exemplo; têm um trabalho mais "interessante" com essa velocidade de recolhimento variando...

É claro que isso é conseqüência direta do molinete ser pouco ergonômico, mas se acaba pegando mais peixes...

De qualquer forma, devo adimitir que, uma vez que os que pescam com carretilha tenham se dado conta dessa diferença; eles podem imitar o que o pescador com molinete faz sem perceber, dar toquinhos curtinhos ao recolher a linha...

Porém; iria cansar tanto quanto (ou mais que) pescar com molinete!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Moacyr, vc tem certeza que o molinete recolhe mais rápido que a carretilha? Eu particularmente acho que não. Não tenho base de estudo sobre isso, mas na prática sempre acho a carretilha mais rápida, inclusive com força de tração maior.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Moacyr, vc tem certeza que o molinete recolhe mais rápido que a carretilha? Eu particularmente acho que não. Não tenho base de estudo sobre isso, mas na prática sempre acho a carretilha mais rápida, inclusive com força de tração maior.

Acho que em metros de linha o molinete recolhe dem mais sim! A relação de recolhimento geramente é menor, 4,8:1 , 5,1:1, porém o diametro do carretel no molinete é bem maior e no final isso gera um maior recolhimento de linha se comparado à carretilha.

Carretilha de perfil alto relmente/geralmente tem o drag maior que o dos molinetes.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Moacyr, vc tem certeza que o molinete recolhe mais rápido que a carretilha? Eu particularmente acho que não. Não tenho base de estudo sobre isso, mas na prática sempre acho a carretilha mais rápida, inclusive com força de tração maior.

Acho que em metros de linha o molinete recolhe dem mais sim! A relação de recolhimento geramente é menor, 4,8:1 , 5,1:1, porém o diametro do carretel no molinete é bem maior e no final isso gera um maior recolhimento de linha se comparado à carretilha.

Carretilha de perfil alto relmente/geralmente tem o drag maior que o dos molinetes.

O Beto já disse tudo! doutor:: mestre::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Moacyr, vc tem certeza que o molinete recolhe mais rápido que a carretilha? Eu particularmente acho que não. Não tenho base de estudo sobre isso, mas na prática sempre acho a carretilha mais rápida, inclusive com força de tração maior.

Acho que em metros de linha o molinete recolhe dem mais sim! A relação de recolhimento geramente é menor, 4,8:1 , 5,1:1, porém o diametro do carretel no molinete é bem maior e no final isso gera um maior recolhimento de linha se comparado à carretilha.

Carretilha de perfil alto relmente/geralmente tem o drag maior que o dos molinetes.

O Beto já disse tudo! doutor:: mestre::

Só não concordo em relação ao drag, pois pelo que ví no site da shimano comparando carretilhas de perfil redodndo com molinetes equivalentes em capacidade de linha e nível e função, notei o contrário!

Abraço!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Só não concordo em relação ao drag, pois pelo que ví no site da shimano comparando carretilhas de perfil redodndo com molinetes equivalentes em capacidade de linha e nível e função, notei o contrário!

Abraço!

Teoricamente, nada teria maior tração que uma carretilha de perfil redondo...

Mas na prática, isso pode variar.

Observo que os molinetes de mesma capacidade tendem a ser mais pesados, sem contar que os molinetes têm um limite máximo de fricção, a apartir do qual fica difícil aumentar sua robustez, o que não ocorre com carretas de perfil redondo.

Se você comparar carretilhas e molinetes de mesmo peso, certamente as carretilhas terão maior força de tração.

Só para complementar, ter fricção e quebrar não adianta nada!

Temos ainda de considerar que é mais fácil quebrar um molinete que uma carretilha redonda! Por isso que, quando tração é tudo o que importa; nada supera as carretas redondas!

Aquele abraço!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Só não concordo em relação ao drag, pois pelo que ví no site da shimano comparando carretilhas de perfil redodndo com molinetes equivalentes em capacidade de linha e nível e função, notei o contrário!

Abraço!

Teoricamente, nada teria maior tração que uma carretilha de perfil redondo...

Mas na prática, isso pode variar.

Observo que os molinetes de mesma capacidade tendem a ser mais pesados, sem contar que os molinetes têm um limite máximo de fricção, a apartir do qual fica difícil aumentar sua robustez, o que não ocorre com carretas de perfil redondo.

Se você comparar carretilhas e molinetes de mesmo peso, certamente as carretilhas terão maior força de tração.

Só para complementar, ter fricção e quebrar não adianta nada!

Temos ainda de considerar que é mais fácil quebrar um molinete que uma carretilha redonda! Por isso que, quando tração é tudo o que importa; nada supera as carretas redondas!

Aquele abraço!

Se for considerar em relação as carretilhas gigantes de pesca de corrico em mar de grandes peixes, tem toda a razão até porque desconheço molinetes para essa finalidade, mas fo for analizar nas categorias de Jumping Jug e pesca de arremeso verás que o Drag dos molinetes são mais fortes!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Excetuando nos incríveis casos do super hiper drag das novas Revo e da nova marine sports ´dizem que é a mesma revo, agora muito estranho essas revo terem drag superior as carretilhas Calcuta algumas elétricas e a alguns molinetes Stella!

Abraço!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pinguim;

É por isso mesmo que eu observei que não adianta ter a fricção e quebrar, e também é por isso que eu observo que eu estava me referindo à tração (capacidade de rebocar o peixe) e não à fricção (capacidade de impedir que o peixe tome linha)... wink

Não estou dizendo que suas observações são inválidas, pelo contrário! doutor::

Mas ocorre que o uso para estes molinetes está desvirtuado pelos interesses comerciais! Eles não deveriam ter tanta fricção, e sua fricção deveria ser mais macia (e com maior "progressividade"); mas na hora de construir, usa-se discos de fricção de acordo com o espaço disponibilizado pelo carretel, mas de mesmo material que é usado para as carretas... O resultado são forças de fricção maiores que o molinete pode suportar!

E para as carretilhas, o material dos discos de fricção deveria ter maior atrito

sendo mais capaz de aproveitar que uma carretilha, "naturalmente", deveria ter maior tração... Mas isso de aumentar a fricção das carretas, para não resultar em quebras, demandaria que as carretilhas fossem melhor construídas!

Vou corrigir minhas declarações:

O molinete tem maior fricção porque o disco de fricção é maior, e isso ocorre simplesmente porque ele acompanha o maior tamanho do carretel; mas um molinete normal não é capaz de suportar tal força de fricção!

E a maior parte das carretilhas de perfil baixo deveria ter maior força de fricção, mas isso não ocorre porque o disco de fricção é do tamanho do carretel e por isso subdimensionado...

E, no caso de uma minoria das carretilhas de perfil baixo, assim como no caso das carretas redondas (e molinetes); usar maior força de fricção prejudicaria a progressividade, sem contar que demandaria engrenagens mais fortes e feitas de aço ou material mais resistente que os materiais usados hoje em dia (antimônio, duralumínio, grafite,...).

Até onde me consta, apenas a Van Stall mestre:: se interessou por essa linha de raciocínio; tornando seus molinetes lendas... love:: ; e caríssimos! ::medo::

Obrigado Pinguim por me dar a chance de analisar melhor o assunto! mestre::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pinguim...

Eu aprendo com todas as postagens, até com as minhas... lingua::

Eu sempre soube que carretas são, teoricamente, de maior força de tração de molinetes...

Mas eu nunca tinha analisado tão profundamente esse assunto...

A idéia de um fórum é justamente conversarmos sobre nossas dúvidas e chegarmos a consensos que nos deixam todos mais espertos!

Eu saí bem mais esperto desse papo, e te agradeço por me questionar!

O caminho é esse, não aceitar nada que não faça sentido! mestre::

Um ex-professor e amigo me disse uma vez que: "A boa teoria é aquela que funciona na prática, e a boa prática é aquela que permite formular uma teoria!"

Como você bem observou, algo não tava batendo (molinetes com fricções maiores que as carretilhas), e eu mesmo não tinha observado isso...

Mas você não deixou escapar,...; não é? doutor:: mestre:: doutor::

Aquele abraço Pinguim!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
Entre para seguir isso  

×