Ir para conteúdo
Astra-Taranis

reviews: Loja Multibarco, Flashbass calaça e robalo 600 brazilnautica

Posts Recomendados

Bom pessoal, há alguns dias venho escrevendo sobre meus dissabores com algumas lojas de náutica/pesca que andei visitando.

Para quem não acompanhou, seguem os dois links:

http://www.turmadobigua.com.br/forum/topic/37874-est%C3%A1-dando-ao-luxo-de-perder-cliente-olha-l%C3%A1-hein/?hl=luxo

http://www.turmadobigua.com.br/forum/topic/38164-desaprovado-estaleiro-ventura/#entry436352

 

 

Dessa vez saímos meu pai e eu até Mococa, interior de SP, aproximadamente, uns 120 km de Ribeirão Preto, com o intuito de conhecer o famoso FlashBass Calaça e poder ter uma base melhor do que queremos comprar. Pesquisar sempre é muito bom!

 

A loja que fomos é a Multibarcos www.multibarcos.com.br . É importante dizer o nome, pois quando é pra falar mal a gente fala, mas quando é pra elogiar também precisamos fazer. Reconhecer o trabalho e o esforço de quem se dedica com verdade e vontade é importante.

 

Claro que não compramos nada ainda (estamos pesquisando), então não vou falar como experiência de compra e sim de atendimento ok? Não sei se a loja cumpre prazos, preços, acordos etc... ME parece que sim, ao menos me deixou bastante confortável em comprar e fechar por telefone pelo menos.

 

Se olharem meu segundo tópico referente a um feirão náutico aqui em Ribeirão, talvez podem ter a idéia de que eu estava procurando pompas, glamour, loja grande etc. Não ! Não estava não.

 

A multibarcos é justamente o oposto do que encontrei aqui na cidade: uma loja dentro de uma barrancão antigo, sem vitrine, uma porta normal e uma dessas que entra um carro, numa parte residencial da cidade, pouca iluminação natural, mas com duas coisas que eu não encontrei nas outras lojas:

a)      Uma pessoa que sabia o que estava vendendo e sabia MESMO.

b)      Uma pessoa focada em atender o cliente, não focada em coisas nada haver como arrais, tralha, sítio, feijoada ou sei lá o que.

 

Achou que era só isso? Não!

 

Tinha barcos, muitos barcos, dezenas deles, várias marcas, modelos, alguns motores, uma loja de acessórios e ... TUDO LIMPO.. Caramba que diferença faz você entrar numa loja limpa.

 

Quem nos atendeu foi o Luiz, dono da loja, rapaz simples mas que entende absurdo de barco, sem pressa, sem gírias, sem palavreado chulo, sem tentativa de enganar, deixou a vontade pra andar, ver, mostrar coisas. Muito diferente de um cara que não sabe o que está falando e começa a se dar de sabichão pra te enganar, você se sente no mesmo nível da pessoa e ainda aprende: isso é saber vender. Em nenhum momento desmereceu o que tinha de inferior ou de outros fabricantes e lojas, mas não deixou de mostrar e ensinar a gente a perceber esses detalhes que fazem toda diferença no barco.

 

Tinha luxo? Não. Tinha pompa? Não. Mas foi sério, concreto, me pareceu honesto e teve VONTADE em atender.

Precisa de mais? Sem dúvida ele deve vender os 80 barcos/mês que disse, haviam barcos lá que nem saíram da embalagem (caiaques tb) e já estavam vendidos.

 

Antes de falar sobre os barcos, vou falar sobre uma questão que eu levantei sobre motores, perguntei sobre a agulha colar, dificuldade de partida dos Mercury. Ele disse que realmente isso existe mas apenas em quem não usa óleo bom, ou seja, Yamaha, evinrude, etc, óleo sintético, quem usa óleo 2t de posto, cola mesmo.

 

Alguém que usa esses óleos mais caros confirma isso?

 

Mudando para barcos, o Luis nos explicou por que hoje se vende tanto barco de 5 e 5.5metros e não mais os de 6 metros como antes.

Segundo ele, realmente os barcos de 6 navegavam melhor, tinha mais espaço etc. Mas isso quando os barcos eram bem estreitos, então o que vendia era 6 metros borda alta, chapa grossa. Até por que os de 5 metros estreitos eram instáveis d+, os de 6 ajudava mais.

 

Hoje como os barcos ganharam mais largura, mais tecnologia e especialmente fundos mais planos, essa diferença se diminuiu muito, hoje um de 5 é mais leve e mais estável que um de 6 antigão, ainda se vende o de 6 mas é mais indicado para quem pesca em 4 ou carrega mais peso, pescarias mais pesadas (com mais gasolina, tambores de cevas, monte de tralha, quirela pra dias etc) , em 2 ou 3, o de 5 basta em termos de espaço e praticidade.

 

E olha, sempre falei como podem ver no fórum que os barcos de 5 metros eram aberrações mas depois de entrar num calaça ou num semi chato brazilnautica de 1.10 de fundo, mudei minhas considerações. Embora talvez ainda na parte de navegar isso ainda tenha diferença, mas só saberei isso na prática. Começo a olhar com bons olhos os de 5 metros! Ainda acho as plataformas de 5metros muito pqna, é quase um engana bobo, mas ajuda... Um barco de 6 obviamente teria mais espaço útil ali, se por uma cadeira então quase some a tal plataforma, mas é uma opção!

 

Antes de sair comparando o FlashBass e o Robalo600 da BrazilNautica (com z mesmo). Vou falar o que vimos e aprendemos lá:

a)      Barcos soldados, são melhores? Podem ser, mas a solda é muito desigual, num mesmo modelo e marca há diferenças bizarras de um soldador para outro, mas é muita diferença mesmo, então é algo a se pensar para quem sonha com um soldado, se vc tiver sorte de pegar um soldado razoável (pq BEM soldado já digo, não TEM NENHUM) ótimo, se pegar um soldado numa segunda depois das 5 da tarde, tá lascado...

b)      Há realmente muita diferença entre um barco desses que custam menos de R$4000 para outros como os dois exemplos que vou focar abaixo, a qualidade de construção , visual, acabamento, é absurda. Os rebites desiguais, desnivelados, com distancias maiores em relação a um de melhor qualidade (mais ou menos o dobro de rebite no melhor), alinhamento do barco como um todo e alinhamento das chapas. Nos de entrada literalmente parece que foram batidos, tem desnível em cada rebite, chapa, junção. Nos mais caros isso não ocorre, sem contar o tamanho dos vincos, quantidade de vincos, quebra onda mais pra frente ou pra tras, tudo isso influencia absurdamente a segurança, velocidade e prazer de pilota, é a diferença entre voltar um bagaço chupado e jogado no chão  e voltar cansado da pescaria .

c)       Há coisas que somente ao vivo pra perceber, como pintura, arremates, alinhamento, borda fechada ou aberta, qualidade do alumínio (tem uns que visivelmente são inferiores, por incrível que pareça). Por isso, é bom pesquisar.

 

Haviam dezenas de opções lá, então vou focar nas melhores na minha opinião. Calaça Flash Bass e Robalo 600 da Brazil Nautica.

 

São duas coisas absolutamente distintas, o flashbass é um barco muito moderno, mas para entender ele você precisa desconstruir tudo que sabe sobre barcos. Esquece, é outra proposta e perfil. Moderno, atual, chama atenção, visivelmente ele vai andar mais que outros, mais leve, enfim, mais abaixo eu comento sobre ele.

 

O Robalo 600 é um barco diferente, uma qualidade de construção, alinhamento, rebitamento, acabamento impecáveis. Excelente mesmo. Possui 1.10 de fundo, paredes altas, fundo 1.5 e borda 1.2, é barcão. Já vem com toda fiação elétrica pra motor, com luzes de led interna e externas, jacaré para motor elétrico dedicado, suporto pro motor elétrico, dois viveiros (um deles uma sacada muito legal, fica no canto da popa, todo lacrado internamente mas cheio de furos na lateral e no espelho de popa, então naturalmente entra e sai agua para iscas vivas, como é pequeno esse lugar, não chega a pesar na navegação . É uma bela idéia, simples de fazer mas muito legal. Também tem toda fiação pronta com tomada para carregar celular (bem legal isso), um porta documentos e celular debaixo da plataforma com uma fechadura diferente, isso não deixa molhar quase o barco vire, ainda sobre o barco, tem sei lá quantas pets dentro das cavernas e plataforma, o que não deixa o barco afundar.

 

Ainda tem os porta varas inclinados o que facilita bastante quem pesca de rodadinha, porta copos e um picador (um plástico igual esses de tabua de cortar carne de cozinha) em cada banco (integrado). Tem também borda fechada, o que é um acabamento melhorado, todo pintado por dentro (bem pintado!), já reforçado para motor 40hp.

 

Enfim, um baita barco mesmo. É um barco tradicional, ou seja, quadradão, cheio de vigas de reforço, rebite inteiro (muito bem feito!) popa aberta, cadeira na plataforma, bancos altos (isso é importante!). Luzes... Um barco excelente mesmo, mas obviamente um barco tradicional semi chato.

 

Agora o Calaça flashbass...

 

Primeira coisa, esquece tudo que você conhece de barco, construção, vigas, cavernas, tamanhos, formatos, etc. Esquece MESMO.

 

O flashbass é totalmente diferente, pro bem e pro mal, ou se preferir estilo ame ou odeie (estou mais amando que odiando!), suas virtudes também podem se tornar seu calcanhar de aquiles.

 

E não tem outro jeito, a Calaça desconstruiu o barco que conhecemos e partiu do zero para fazer algo moderno, novo, inovador e diferente.

 

E sinceramente? Acho que acertaram muito nessa idéia viu ! Ainda que tenham alguns deslizes de acabamento e detalhes, o resto supera bastante os outros.

 

O primeiro é o conceito do barco, em fotos é difícil entender isso mas ao lado de outros fica claro que ele foi feito com o intuito de ser simples, leve e rápido. Se vc olhar ele de cima vai perceber que é um formato de flecha, a boca na proa é mais estreita, lembra ate um bico fino já a popa é bem larga, dá quase o dobro da proa.

 

Se você olhar de frente, percebe que o bico semi chato não é bem um semi chato tradicional, ele é mais quilhado, ele é um semi chato com vontade de ser bico fino. É uma simbiose de ambos pra ser exato, definitivamente com essa proa mais estreita e esse bico, ele realmente deve ser muito próximo de um bico fino, ainda mais esses estilo antigÕes que de fino só o bico mesmo.

 

Realmente qdo vc olha prum flashbass e para um barco tradicional a impressão é como o João fala, o barco do resto parou no tempo há 40 anos atrás eles evoluíram.

 

A borda flutuante dá uma rigidez muito grande no barco, aliado aos vincos mais fortes que outros barcos e em lugares estratégicos, de fato, deixam o barco muito forte.

 

Se você bater num barco 1.5mm tradicional e no calaça 1.2mm, vai achar que o calaça tem 2mm. Ficou muito diferente e bom !

 

Mas por que disso? Pq tem uma viga que passa em ambos os lados de fora a fora e é bem grossa, o que confere um super reforço no barco ! isso mais as plataformas e mais os bancos (que são ligados nessa viga) deixam o barco muito muito estável e travado. É muito diferente dos outros barcos, por mais reforçados que sejam.

 

Como a lateral do flashbass é bem pra fora ou inclinada como quiser, a calaça conseguiu colocar um fundo de 1 metro mas o espaço interno é muito grande, vc não sofre pra andar dentro, e essa lateral ajuda bem na flutuação também.

 

A plataforma de popa é espaçosa, a de proa ao menos para o de 5 metros é apenas suficiente.

Mas também não são tudo mil maravilhas... Há deslizes, algumas delas fazem parte justamente do que fez o barco ser tão atrativo, outras a fábrica precisa rever mesmo.

 

O flashbass é um barco para ser simples, rápido, sem frescuras, embora chame muito atenção, portanto, não tem luzes, não tem elétrica, não tem porta motor elétrico, não tem porta treco , os porta copos são de plástico na lateral do casco, não tem carregador, etc..

 

Justamente o que faz ele ser tão forte e estável, a tal viga que vai de fora a fora nas laterais é um problema (de fácil solução ao meu ver, basta colocar umas cadeiras , coisa que quase todo mundo vai fazer), pois ela é baixa, assim os bancos que vão apoiados nessa viga e servem para travar o barco, são muito baixos. Eu tenho 1.80 e não aguentaria ficar 15 minutos sentado, meu pai operado da coluna, não consegue nem sentar... Então a cadeirinha é obrigatório a menos que vc tenha menos de 1.70 e pese menos de 70 kilos.

 

A plataforma de popa é outra coisa ame ou odeie, de um lado vc ganha espaço em pé, de outro você perde bons lugares pra por as pernas enquanto está sentado ou pra guardar alguma tranqueira, quirela, sei lá o que. Embora possa colocar embaixo da plataforma, pra pegar depois é difícil, tem que agachar, esticar todo, etc... Os buracos tradicionais atrás do banco do piloto me agradam mais, além de propiciar fazer o tal viveiro furado como do barco Robalo que mencionei. Vai do gosto do freguês.

 

O acabamento ... Ahhh .. O acabamento é o seguinte, de longe o barco chama muita atenção, colorido, diferente, invocado etc. De perto tem falhas na pintura, não que não está pintado mas sim que o pintor parou no meio ou elevou ou abaixou a mao aí ficam aquelas marcas quando se olha de lado.

 

As soldas são razoáveis, há excesso de solda em alguns pontos e em vários deles pingos de solda (poxa uma lixa resolveria isso em 60%).

 

Falta um capricho a mais, nesse quesito.

 

Não é algo que deixe você chateado , frustrado, mas sem duvida tem muito o que melhorar nesses detalhes.

 

Qual dos dois barcos eu gostei mais? Gostei do flashbass mesmo, me pareceu muito mais moderno, interessante, alegre, prazeroso. Mas o outro é mais bem acabado e para quem pesca de noite (coisa que eu nunca fiz, talvez esteja perdendo muito nisso), toda questão elétrica chame muito a atenção. Acho que é uma questão de perfil mesmo do comprador. Tradicional ou moderno? Mas digo, ate meu pai que é bem tradicional e metódico gostou do Calaça.

 

Para mim, o flashbass deve ser um belo barco , com uma motorização de 30hp deve voar baixo, deve ser fácil de pilotar.

 

Obvio que isso são impressões em terra, mas acho que na água o flashbass deve ser ainda mais interessante.

 

É isso aí, ficou grande mas tentei ajudar o pessoal.

 

tem mais coisas mas ai fica muito extenso pra ler...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Astra parabéns pela descrição pois muita gente realmente está procurando esses basses para compra e ficam na dúvida mesmo , seria muito legal incorporar nesse review o link desses barcos específicos . gostei demais da sua impressão e detalhismo em relação as pequenas nuances que acabam passando desapercebida pela maioria , abraços.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

eduardo, que bom que gostou, ng falou nada, achei que ng se interessou..

 

bom o link do barco robalo : 

direto da loja :  http://www.multibarcos.com.br/mais.asp?categoria=666(a diferença é que a loja tem uma parceria com a fabrica e faz os barcos com 1.10 de fundo só pra eles)

da fabrica : http://www.brazilnautica.com.br/category/embarcacoes/  (notem nas fotos a qualidade dos rebites, alinhamento, as chapas nao estao onduladas, a qualidade deles realmente salta aos olhos, embora eu ache horroroso pintura camuflada em barco)

 

já o link do flashbass: http://www.calaca.com.br/index.php?flashBass

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

eduardo, que bom que gostou, ng falou nada, achei que ng se interessou..

 

bom o link do barco robalo : 

direto da loja :  http://www.multibarcos.com.br/mais.asp?categoria=666(a diferença é que a loja tem uma parceria com a fabrica e faz os barcos com 1.10 de fundo só pra eles)

da fabrica : http://www.brazilnautica.com.br/category/embarcacoes/  (notem nas fotos a qualidade dos rebites, alinhamento, as chapas nao estao onduladas, a qualidade deles realmente salta aos olhos, embora eu ache horroroso pintura camuflada em barco)

 

já o link do flashbass: http://www.calaca.com.br/index.php?flashBass

 

Astra concordo contigo a pintura camuflada realmente mata demais a embarcação já que estamos falando abertamente dos 2 barcos ( eu pendí demais para o flashbass) , qual eram os preços deles ?

Pois vc acabou atiçando as minhas lombrigas aqui , kkkk , e outra coisa vc acha que um console nesses barcos mataria por completo o espaço interno deles , pois sinceramente acho uma opção interessante para quem vai ficar o dia todo embarcado

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Sobre os barcos não opinarei,mais responderei sua questão em relação ao que tange MINHA experiência com o óleo 2 tempos mencionado...sim meus 2 antigos motores novos,trancaram a agulha e o óleo usado sempre foi o quiksilver tcw3 recomendado pela mercury outboards,e nunca em nunhum momento óleo mineral.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Astra... muito bom o tópico... se puder falar dos preços aqui ou se achar que não, pode me mandar por MP. Gostei desse robalo.

 

Aproveitando... já que estamos falando da Multibarcos... olhei no site deles e gostei mais do Robalo 550 Sport... quem quiser dar uma olhada.... olha o link ai embaixo, a unica coisa que faria, talvez, seria solicitar um 550 com 2 bancos o invés de 3 (não sei se é possível).

 

O acabamento me pareceu ser muito bom mesmo, o único detalhe é que consta um peso de 90 Kg pra ele, o que duvido pelo porte do barcohttp://www.brazilnautica.com.br/robalo-550-sport/

 

Outro barco que já andei olhando e que é exatamente o que procuro e que também só encontrei na Multibarcos há um tempo atrás e que agora não achei mais é esse:

 

http://www.pescacaboats.com.br/barco-piapara-5500-55-metros

 

Esse é exatamente o modelo que considero ideal para mim... 5,5 metros, 2 bancos com um espaço bom entre o banco do passageiro e o piloto, popa fechada, plataforma de proa, quilhado, boca de ótima largura.... detalhe: muuuuito pesado para meu Sea Pro e demasiadamente caro.

 

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Astra concordo contigo a pintura camuflada realmente mata demais a embarcação já que estamos falando abertamente dos 2 barcos ( eu pendí demais para o flashbass) , qual eram os preços deles ?

Pois vc acabou atiçando as minhas lombrigas aqui , kkkk , e outra coisa vc acha que um console nesses barcos mataria por completo o espaço interno deles , pois sinceramente acho uma opção interessante para quem vai ficar o dia todo embarcado

 

Eduardo, acho que até é possível colocar um console nos barcos, mas vai matar o barco, são barcos mais simples mesmo, não que vá complicar a questão desempenho ou outra coisa (isso todo mundo sabe) mas falo mais por espaço mesmo, no caso do calaça o console iria bem onde ha o estreitamento do casco, se vc colocar ali um console iria matar o barco, isso se for possível , ja no outro, acho que até cabe com menos dores mas vai ficar igualmente apertado. Pra isso existem a linha Panther da calaça e no caso dos tradicionais tem outros modelos mais largos.

Sobre os barcos não opinarei,mais responderei sua questão em relação ao que tange MINHA experiência com o óleo 2 tempos mencionado...sim meus 2 antigos motores novos,trancaram a agulha e o óleo usado sempre foi o quiksilver tcw3 recomendado pela mercury outboards,e nunca em nunhum momento óleo mineral.

 

Algacir, muito obrigado! É esclarecedor ! 

Astra... muito bom o tópico... se puder falar dos preços aqui ou se achar que não, pode me mandar por MP. Gostei desse robalo.

Preço hoje é algo complicado, tudo tem subido do dia pra noite, culpa da dilma e do pt, só energia é uma caixa de surpresas todo mes, mas no flash pediram R$4900 e no robalo plataformado com toda eletrica e opcionais R$6900, isso a vista, a prazo aumenta um pouco.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Excelente post Astra,vai ajudar muitos a escolherem o barco,mas vim aqui para referendar ,mesmo que eles não precisem a Muitibarcos,foi lá que comprei minha embarcação,fui muito bem atendido por eles,e depois de vários contatos telefônicos e por e-mail,fechei a compra ,juntamente com a carreta Odne,e eles levaram o barco ate Taquaritinga,cumpriram tudo o que tratamos por telefone,recomendo a todos,o Luis como se falava antigamente(minha época)é fio de bigode.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Astra... muito bom o tópico... se puder falar dos preços aqui ou se achar que não, pode me mandar por MP. Gostei desse robalo.

 

Aproveitando... já que estamos falando da Multibarcos... olhei no site deles e gostei mais do Robalo 550 Sport... quem quiser dar uma olhada.... olha o link ai embaixo, a unica coisa que faria, talvez, seria solicitar um 550 com 2 bancos o invés de 3 (não sei se é possível).

 

O acabamento me pareceu ser muito bom mesmo, o único detalhe é que consta um peso de 90 Kg pra ele, o que duvido pelo porte do barcohttp://www.brazilnautica.com.br/robalo-550-sport/

 

Outro barco que já andei olhando e que é exatamente o que procuro e que também só encontrei na Multibarcos há um tempo atrás e que agora não achei mais é esse:

 

http://www.pescacaboats.com.br/barco-piapara-5500-55-metros

 

Esse é exatamente o modelo que considero ideal para mim... 5,5 metros, 2 bancos com um espaço bom entre o banco do passageiro e o piloto, popa fechada, plataforma de proa, quilhado, boca de ótima largura.... detalhe: muuuuito pesado para meu Sea Pro e demasiadamente caro.

 

Thiago, nao tinha visto a segunda parte do teu comentario, entao segue la a resposta:

 

Tb achei os pesos no site meio irreal, veja, tem um barco la que se diz pesar 60 kilos! estranhei ... tb acho que nao deve ser 90 kilos , deve ta proximo de uns 110-115 kilos, ate pq ele é homologado pra motor 40, o que exige reforços (e eu vi os reforços, são parrudos), fora a questao de eletrica, o paiol, dois viveiros, bancos altos, acho 90 difícil, mas tb as vigas de reforço deles sao normais, pequenas e baixas, nao agregam muito peso tb, mas pela quantidade de rebite + todo mais, acho dificil.

 

Eu vi exatamente esse barco lá na multibarcos, segundo o Luis, a fluvial é uma empresa nascida dentro da Brazil, ou se vc preferir, funcionário que brigou com o patrão e montou o seu igualzinho, mesmo projeto, medida, material, etc, etc, etc, etc, etc. Vi os barcos, lado a lado, realmente são identicos em questao de projeto, detalhes mínimos de acabamento que a Fluvial uso para diferenciar, mas sao detalhes, como por exemplo onde pega a mao pra levantar o barco tem o nome do estaleiro e coisas assim.

 

Ambos tem a mesma idéia interna etc. Basicamente muda o bico, ate 1.5 antes da proa, é exatamente o mesmo.

 

Sinceramente? Acho um absurdo esses 10 mil num barco de aluminio, por mais que tenham algumas sacadas legais como o porta celular, tomada de carregar celular, jacaré do motor elétrico (acho que para fazer tudo isso, vc nao gasta nem 300 reais fazendo por fora...).

 

Vou te dizer a realidade: pra mim, um barco (nao lancha), tem que ser prático, bem feito e barato. Com pouco mais de 10 mil vc compra um casco de lancha de 19 pés usado em perfeito estado, ou compra um calaça com console, 6 metros, 1.90 de boca, é outro nível !!

 

Se vc olhar meus últimos tópicos, verá que eu comecei pesquisando lanchas de fibra , passei para barcos de aluminio pesca/passeio, voltei pras lanchas, e continuo pesquisando barco exclusivamente pesca.

 

Parece ridículo, mas tenho que casar algumas coisas que simplesmente não conversam: 

a) quem vai comprar é meu pai, portanto é ele que tem q ser agradado

b) o desejo dele seria uma lancha passeio/pesca, mas para isso teria que ficar num lugar controlado, coisa que hoje é inviável.

c) nao sendo lancha, entao deveria ser um barco largo, estável, confortável, pois nem eu nem ele queremos ficar mal instalados e voltar puto de dor de uma pescaria

e) se for barco,ficará num rancho de um amigo, só que lá vai um parente dele que é um problema, se vc der uma barra de ferro de 3cm de diametro pra ele segurar por 30 minutos, te juro que em 15 ou ele quebra ou enverga a barra... em 40 minutos ele perde.

 

diante disso, fico num fogo cruzado, de um lado investir mais de 50 mil num barco que pouco iremos usar e ainda vai custar uma mensalidade por mes em estacionamento?

 

investir num barco legal tipo esses do topico, algo durável e bem feito e ter que aceitar que vai encontrar o barco sujo, usado, riscado, provavelmente com algum problema toda vez que for pescar (por causa do parente do nosso amigo) ou investir quase nada, comprar a coisa mais barata que encontrar e desencanar que o cupim de ferro existe?

 

ate pq, sejamos franco, um barco la no rancho parado, com o tal parente usando, outros que podem ir (amigos dos amigos,etc) e o caseiro todo dia, é pra se pensar, afinal nossa disponibilidade de tempo é pequena pra ir pescar, é de se pensar o que fazer...

 

(nao tem jeito, pode por corrente, um pit bull, trancar, chumbar no chao, fazer o que for, esse povo vai dar um jeito de usar, achar diferente disso é ilusão!)

 

tudo isso eu ainda estou colocando na balança, medindo, vendo o que é mais inteligente.

 

Escolhido a tal opção eu te faco uma pergunta: que tipo de bico vc vai querer?

 

Sejamos francos: um bico fino corta marola melhor, mas vc vai ser tonto de encarar uma tempestade ou ficar esperando as marolas chegar quando ver uma lá longe? independe do bico, saia correndo meu amigo, vai embora! 

 

Ai eu te falo o seguinte: ok, entao o bico nao é mais tao determinante assim, ok... o que importa entao? aomenos pra gente, um barco seguro,estável, afinal vc ta la ha horas debaixo do sol, bate aquela vontade de fazer um xixi, vai tentar fazer isso com um bico fino e quilha pronunciada com 70 anos nas costas... é horrível, ou vc se mija todo, ou cai na agua ou fica segurando ou vai ate a margem ehehheeh nao tem outro jeito.

 

Pelo menos um semi chato, te da a liberdade de se resolver, alem de poder andar no barco sem grandes problemas, quer coisa mais chata que ter que ficar se apoiando nas cabecas das pessoas, tropecando em tudo, todo mundo contra balanceando o barco pq vc teve qr fazer alguma coisa? 

 

PRa isso nao tem jeito, vai ter que comprar um barco largo e semi chato, preferencialmente.

 

Se esse é o seu caso: conforto e outros obstaculos, repense ... Mas de qqr forma, 10 mil num barco desses é maluquice, com 3800 vc compra um barco de 6 metros bico fino, ok, é simples de td, falta acabamento etc... mas de 3800 pra mais de 10 mil tem muito dinheiro.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Concordo em tudo o que disse... por isso citei a questão do preço mesmo... é muita coisa. Algo que venho percebendo nas minhas pesquisas... e olha que já olhei e perguntei preço de tudo o que é barco em tudo o que é fábrica. Todas tem os seus barcos dito "normais" com as medidas padrão que é igual para praticamente todas as marcas. Qualquer coisa que fugir disso, você vai pagar caro. Modelos hoje que tem alguma modificação, uma borda mais alta, boca mais larga, etc... o preço se torna meio salgado.

 

Isso tem virado uma tendência... a de criar novos modelos com modificações na tentativa de aumentar as vendas. Veja a Levefort (Levesport), Mogi Mirim, dentre outras.

 

Por mais que esse barco Piapara 550 se enquadre naquilo que considero ideal, o preço é pesado demais. Em relação ao bico semi chato, gosto mais também, mas tem a questão das marolas. Com certeza vou sempre procurar sair antes do mau tempo chegar, mas já aconteceu de não dar tempo e ai meu amigo.... pensei que ia morrer.

 

Poderia pedir para alguma outra fábrica montar um nesses parâmetros, mas pode ter certeza, lá vai seus R$ 7, 8 mil tranquilo. E olha que ele não tem nada demais não, boca de 1,50, 2 bancos só, uma plataforma na proa e popa fechada.

 

Um barco normal que custa R$ 3.700,00 com boca de 1,40. Faz sentido cobrar R$ 8.000,00 pelo fato de ter 10 cm a mais de alumínio mais sei lá, 1 m² de chapa pra fechar a popa ?

 

Concordo com você em relação à comodidade de ter uma boca larga.. um bom espaço interno... é isso que procuro.

 

De todos os mais em conta hoje... com essas características que citei e que me atenderia, foram os da Pety e Duraboats (o site da Duraboats tá fora do ar há um bom tempo).

 

To na procura ainda.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Sobre os barcos não opinarei,mais responderei sua questão em relação ao que tange MINHA experiência com o óleo 2 tempos mencionado...sim meus 2 antigos motores novos,trancaram a agulha e o óleo usado sempre foi o quiksilver tcw3 recomendado pela mercury outboards,e nunca em nunhum momento óleo mineral.

Exatamente Algacir, oleo é menos vilão, o problema nosso é a gasolina com etanol, se usar oleo 2T nautico tcw3 de marcas como Castrol, Ipiranga, BR, além dos vendidos pelas marcas de motores ( Evinrude XD30, Quick Silver e Yamalube) não terá problema, o que não pode é usar oleo de moto( já usei mto no passado hehehehe) e marcas que ninguém conhece.  

Aliás o pior oleo que já usei é o  Yamalube da Yamaha, o bicho solta uma fumaça lazarenta e o motor fica ruim de partida, várias pessoas que já usaram dizem o mesmo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

é isso que me afasta de um mercury/tohatsu/nissan, poxa, essa questao da agulha é um saco, imagino eu la, depois de 2 meses sem pescar, tenho 1 sabado e meio domingo pra pescar (relaxar e espairecer a cabeca) ea droga do motor nao liga.... putz... impensavel isso...por isso me faz pensar no yamaha ou manter meu johnson quinzinho 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Aí Guto e Astra,vou falar uma coisa...estou realizado,feliz da vida com minha escolha de comprar o yamaha,...ja usei mais de dez vezes em 40dias e nem uma ratiada sequer,pega fácil e anda liso....só alegria. ..

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Astra só lembrando esses problemas com a agulha acontece praticamente   no Seapro 25hp,  além disso foram alguns não todos.

 

justamente o que caberia pra mim, hehehhe, com a minha sorte, capaz de vir um 25 mas bloco de 15 e carburador colante de 8.8...

Vi em algum lugar, não sei onde, que estão lançando o Yamaha 25 HP nos mesmos moldes do 15 e 40 novos. O desenho mudou e carcaça dele um pouquinho também, não sei por dentro.

lancaram esse mes, ficou mais economico em 18% (segundo a yamaha neh), mas desempenho nao falam nada, se nao diminuiu como fizeram com a geracao atual ja é um alento.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

thiago, ainda nao vi, parece maluquice mas é que nao deu tempo de ir na martinelli... q fica ha 500 metros daqui hehehe, fomos pra mococa pq era o unico dia que meu pai conseguia ir e eu tb estou atolado aqui. como ver o calaca era algo q qriamos muito ver, optamos ir la antes, essa semana devo ir la conferir..

 

mas por eqto, o 40hp é algo desejado mas odiado ao mesmo tempo. Inclusive motivo de reflexao:

 obvio que qremos um 40 ! anda mais, chega mais rapido, é um motor resistente etc, etc, etc, etc.... mas tem o lado complicado dele também: 

a) exige um barco que aceite o 40

b) é pesado pra caramba, e a menos que eu resolva um lugar de onde colocar que nao seja no rancho (e ai as opcoes podem ser maiores e melhores), o 40 é impossivel de se usar, meu pai nao pode pegar peso e eu nao faco academia ehehe pra mim um 15 ja eh pesado, um 25 estaria no limite, um 40hp eunao faria nada com ele. Nao tem como um sozinho carregar todo dia do barco pro carro, do carro pro barco, etc...

c) o mesmo motor que dá alegrias, pode ser um tormento para deslocamento pqnos, de um galho pro outro, lugares apertados, etc... um 15 é muito mais pratico nesse sentido, ja num rio aberto é totalmente diferente. qm tem um 40 tem um motor eletrico normalmente... 

 

diante disso, por eqto o 40 nao é opcao.. pelo menos por eqto, vai q td muda neh? se eu achar um lugar ou alguem no predio alugar a vaga pra mim, ai a brincadeira pode mudar de conversa, tamanho, largura, console, ehhehehe ai a coisa vai ficando top... 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pessoal, gostaria da ajuda de vcs, comprei um flashbass e aparentemente, pois ainda não o usei, o motor elétrico não encaixará na lateral do barco, pelo fato da coluna flutuante ser grande. Qual a solução? 

Lembrando que tenho um minnkotta 36lbs...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pessoal, gostaria da ajuda de vcs, comprei um flashbass e aparentemente, pois ainda não o usei, o motor elétrico não encaixará na lateral do barco, pelo fato da coluna flutuante ser grande. Qual a solução?

Lembrando que tenho um minnkotta 36lbs...

Rafael, tudo bem?

Como você e de Goiânia e mais fácil ainda, de uma passada aqui na Calaça que colocamos o suporte para você, só avise com um pouquinho de antecedência para quando chegar já estar tudo pronto apenas para instalar.

Att. João Caio Calaça

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Outra solução meu camarada é vender essa flashbass e comprar outra, repare que os porta varas não permitem o encaixe bem feito da vara, os porta copos ficam totalmente inclinados e só se pode colocar latas com o líquido até a metade além do que tome muito cuidado com peso na proa desse barco, pois ele é rebaixado e só aqui na região já afundaram 4 em 2015.

 

O barco é bonito, mas...na minha opinião deixa muito a desejar.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

glauco, meus porta varas sao perfeitos, molinete, vara fina grossa etc, entra perfeitamente. o porta copos nao usei mas nao vi nada d+ neles. devem funcionar perfeitamente tb

 

agora sobre afundar 4 ai.. conta isso melhor... 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

tem certeza q eh o mesmo barco? tem outros com a proa rebaixada... o flash tem a borda flutuante e isopor no casco... soh os borrachoes do barco aguentam 70 kilos de flutuabilidade... soh eles ja deixariam o barco no memso nivel da agua..

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

×