Ir para conteúdo
Entre para seguir isso  
Marcio Boechat

Fogo Fogo Fogo!!!!!!!!

Posts Recomendados

Como no fim do ano, entre os dias 9 e 15 de Novembro, estarei realizando uma expedição de pesca com o objetivo de gravar programas e matéria de revista, decidi que seria melhor conhecer o local antes para que pudesse mostrar pra vocês a beleza do lugar além do potencial de pesca que é inquestionável. Com esse objetivo, passei esse fim de semana pescando na Pousada Salto Thaimaçú.

Imagem Postada

Saí do aeroporto de Brasília no Sábado por volta de 10:20 da manhã e com a mochila nas costas, tinha certeza que desta vez não estaria esquecendo das carretas, como aconteceu na minha última ida à Serra da Mesa.

Imagem Postada

Já voando, ao olhar pela janela, avistei uma enorme barragem, que acredito ser a nossa querida SM.

Imagem Postada

A trajetória da viagem seria Brasília-Cuiabá. Em Cuiabá haveria uma conexão com vôo daTrip e depois seguiria com uma escala até Sinop e depois até Alta Floresta, onde uma funcionário da Pousada estaria me aguardando para melevar até o local de destino. A região de Cuiabá é predominantemente agrícola e era possível ver do alto imensas plantações de soja com pequenas áreas demarcadas a "régua" de floresta preservada. Infelizmente ou não, precisamos comer.

Imagem Postada

Pegando vôo da Trip

Imagem Postada

Em Cuiabá encontrei com uma turma de Brasília que estava indo pra mesma região mas pescariamna pousada Portal da Amazônia.

Imagem Postada

Chegando em Alta Floresta, o Beto, funcionário da pousada há 15 anos já me esperava com tudo pronto para percorrer um trecho de 160km de estrada de chão em 4 horas de média de viagem. Sinceramente com o conforto do carro, perguntas e mais perguntas ( da minha parte ) ao Beto de como era o local, local onde os peixes se encontravam, tipos de isca e cores etc, a exuberante floresta Amazônica com árvores gigantescas que nunca tinha visto em outro lugar, nem vi o tempo passar.

Imagem Postada

Castanheira

Imagem Postada

Para começar a falar um pouco de como são as pessoas que trabalham no Thaimaçu, relatarei o que estou acostumado a ter.

Vou sempre na Pousada da Ni onde sou muito bem tratado.Todosme respeitam e gostam de mim mas nunca fui tão bem tratado como no Thaimaçu.

Aodesembarcar eu me apresentei ao Beto e ele não deixou que eu pegasse nem uma bolsa se quer. Pegou todo meu material e malas, levou pra caminhonete, me ofereceu água, perguntou se queria almoçar antes de seguir viagem e não parava de me chamar de senhor. Era até engraçado ser chamado de senhor por um cara que é só um pouco mais velho que eu.

Alta Floresta faz parte do estado de Mato Grosso e para chegar ao Thaimaçu, que fica no rio São Benedito, teríamos que atravessar o famoso rio Teles Pires de balsa e depois de mais 20km já estaríamos no estado do Pará.

Aohegar na pousada, mais um choque. Primeiro pela paisagem que vi e logo em seguida por mais um atendimento 5 estrelas da pousada. Ao desebarcar, já me esperavam a D. Eunice ( dona da pousada ) o Preto ( gerente ) e o guia que iria pescar comigo, o Bira.

Todos se apresentaram pra mim e o Giovane, Preto, me explicou dos horários da pousada, saida e retorno da pescaria, horário das refeições, e me apresentou ao Bira dizendo que ele daria uma olhada no meu material e me indicaria qual equipamento usar. Além de pegar todas as minhas bagagens, o Bira só saiu de perto de mim depois que tudo estava pronto e montado para o dia seguinte. Depois de tudo pronto ele me disse: Às 6 da manhã já estarei pronto para pescar com o "Senhor".

Lembram daquela pescaria que o Johnny pegou um trairão, arrementou a linha e com uma outra isca ele conseguiu fisgar a própria isca que estava presa a boca do peixe? O Bira estava guiando ele.

Imagem Postada

Eu eo Preto no refeitório.

Imagem Postada

Depois de comer um jantar maravilhoso, fui conhecer o mascote da pousada que aparece quase todas as noites para comer verduras e frutas.

O senhor de barba branca é o dono da revista Pesca Brasil

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/IMG_4093.jpg

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/IMG_4091.jpg

Depois da excelente refeição ( tudo é produzido na pousada ) era hora de descansar para começar o trabalho no dia seguinte.

Os quartos têm cama box, ar condicionado, banheiro, suporte para varas e freegobar e tv. Não preciso de mais nada. Só dormir e pronto.

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/IMG_4089.jpg

A pescaria parte 1.

Ao sair do quarto Bira já me esperava para carregar toda minha tralha. Aproveitei para tirar umas fotos de lugares que me faziam perder o fôlego só de imaginar a quantidade de peixes que poderiam estar naqueles locais.

Corredeira do rio São Benedito em frente a pousada

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/IMG_4143.jpg

Tralha no barco, era hora de subir rio atras dos peixes. Meu objetivo era conseguir pescar a maior variedade de peixes possíveis,não importando tamanho e quantidade mas para mim eu poderia não pegar muitas variedades mas eu queria voltar pra casa com um foto e um belo tucunaré fogo.

Floresta densa e fechada dos dois lados do rio.

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/IMG_4105.jpg

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/IMG_4104.jpg

Objetivo 1. TUCUNARÉ-FOGO.

A 10 minutos da pousada tem um lago. O primeiro lago marcado por eles. E foi lá o nosso primeiro ponto de parada.

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/IMG_4164-1.jpg

Diferente de outras épocas, o rio estava muito cheio. A água estava dentro da mata o que tornaria a pescaria difícil. Era preciso extrema precisão e arremessar nos buracos paratentar atrair os bocudos. Nossa estratégia era pescar nas bocas de lagoa.

No primeiro pincho um tucuna passa igual uma bala em baixo da isca e meu coração dispara. Será que é agora? Arremessei mais algumas vezes e nada. Troquei a isca e mais nenhuma ação dos bocudos. No último arremesso neste local engatei uma bicudinha, o primeiro peixe do dia.

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/IMG_4106.jpg

Continuamos subindo e logo em seguida paramos em mais uma boca de lago. As estruturas de pesca de lá são diferentes das nossas aqui. Lá tem muita praia de areia, capim na água, igarapés e árvores que ficam dentro da água mas só na época da cheia.

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/IMG_4118.jpg

No ponto seguinte pinchei uma meia água e engatei um tucuna. Sua coloração era linda com eu jamais tinha visto. Chegando perto do barco ele se solta e me vejo frustrado e a pressão aumentando. Mas ainda era 7 da manhã. Fiz um pincho errado que agarrou na grama. Sacudi até a isca sair e depois vim recolhendo. Sob meuspés explode uma bomba que erra a isca. Pensei rapidamente se poderia ser um tucunão. Joguei a meia água e um trairão gigante logo embaixo do barco dá uma beiçadinha na isca e solta. Mais um peixe perdido.

O Bira me chama e diz. Joga perto dessas árvores que eles gostam de ficar aí. Pinchei no buraco e fiz um recolhimento devagar. Depois de alguns minutos meu primeiro peixe estava na ponta da linha e pronto para ser fotografado e solto.

Objetivo número 1 alcançado.

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/IMG_4128.jpg

No mesmo lugar ainda consegui capturar e segundo peixe que formava o casal

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/IMG_4152.jpg

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/IMG_4110.jpg

Saimos do rio São Benedito e entramos num afluente, o rio Azul, atrás de outras espécies de peixes como trairão mas não obtivemos sucesso. Apenas uma matrinxã foi pega.

Descendo o rio para chegarmos ao São Benedito arremessei num banco de areia e engatei um peixão. Disse ao Bira: é bicuda grande. Depois de tomar linha ela passa por baixo do barco e grito....vai pular vai pular. Num salto expetacular ela se solta da isca e dou adeus a um grande troféu. A maior bicuda que já vi até hoje. Ela tinha aproximadamente 1 metro de comprimento e pesando de 6 a 7 kg. Uma "tora de árvore".

A noite foi chegando e era hora de pertir para os peixes de couro. Não é a minha praia mas mesmo assim foi divertido. As cachorras me deram uma surra e só um jáu de loca, nome da região, foi pego.

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/IMG_4139-1.jpg

O primeiro dia de pescaria havia terminado. Alguns peixes haviam sido capturados e outros perdidos. Era descansar pra uma nova etapa. Jantei e fui conversar com os piloterios que tem no mínimo 5 anos de experiência na região.

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/IMG_4098.jpg

D. Eunice, seu filho e o Beto.

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/IMG_4099.jpg

Parte 2

A estratégia do segundo dia era continuar com os tucunas e depois descer a cachoeira e ir atrás dos peixes de couro.

Paramos novamente no primeiro lago. 3 ataques e 3 peixes perdidos. Não estava com sorte neste local mas disse ao Bira que queria voltar lá antes de ir para a pousada e descer a cachoeira.

Resolvi mudar a cor da isca e coloquei um de cor vermelha ( cor da água ). Usei a TNT Coral da Marine Sports e logo ela trouxe o bocudo.

Onde está a isca?

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/IMG_4116.jpg

No fim da manhã entramos numa lagoinha. Arremessei a isca no meio do capim e vim trabalhando bem lentamente mas fazendo barulho pra que estimulasse os peixes a sairem do mato. ( os peixes não estavam muito ativos). De repente uma onda sobe atrás da isca. Acelerei o trabalho e num piscar de olhos a isca havia sido sugada e por incrível que pareça, com muita timidez. O peixe logo aparece ao lado do barco. Olho pro peixe e vejo que a isca estava enxarutada. Alívio!!!!!!! Um lindo fogo de 3kg.

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/IMG_4160-1.jpg

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/IMG_4172.jpg

Já estava satisfeito com a pescaria.

Na volta para a pousada parei no primeiro lago e arremessei nos locais de sempre. Entrou um pequeno, soltou , entrou outro maior e soltou também. Não era possível que eu não conseguiria tirar nenhum tucunaré daquele local. Troquei a isca de superfície por uma colher arremessei e fiz um trabalho bem lento. Entrou um lindo Fogo que foi capturado, fotografado e solto.

Alívio.

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/IMG_4169.jpg

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/IMG_4175.jpg

Depois de almoçar fui conhecer e fotografar uma nascente que cai no São benedito conhecido como rio Água Clara. Advinhem o por que do nome?Ao chegar no barco enormes pacús borracha nadavam em cardume com muita tranquilidade encostados no barranco.

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/IMG_4194-1.jpg

Rio Água Clara

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/IMG_4199.jpg

Depois das fotografias descemos o rio em busca das cachorras, e peixes de couro. A cachorras mais uma vem me deram aula. Ferrei umas 10 e não tirei nenhuma. kkkkkk. Só peguei uma corvina e várias fotos das cachoeiras foram tiradas. Locais onde outrora o Rubinho pegava os imensos jaús e gritava: " BRUUUUUUTOOOOOO !!!!!!

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/IMG_4219.jpg

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/IMG_4212-1.jpg

A despedida.......

Em meio a jacarés-açu, antas, mutuns, jacús-cigana e inúmeras variedades de peixes, o Thaimaçu é formado por uma família de pessoas que se dedicam a nos atender da melhor forma possivel e com toda a simplicidade eseus sorrisos, nos encantam. Aos que vão comigo em novembro....parabéns pela escolha. De qualquer forma......EU VOU VOLTAR.

Jacús-cigana

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/IMG_4145-1.jpg

Eu, D. Eunice, Preto e as cozinheiras

http://i40.photobucket.com/albums/e243/Boechat/IMG_4234.jpg

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Poxa Márcio... Passa um programa sobre pesca aqui em BH falando da pesca nessa região e você vem e tasca um relato no mesmo lugar só pra deixar a gente doido de vontade para pescar nesse lugar!!!

Lugar maravilhoso... peixes muito bonitos esses tucunas fogo!!!

Parabéns amigão!!! mestre:: mestre:: mestre::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Simplesmente fantastico!!!!!!!!!!!!!!

Eita lugarzinho bacana, e ai como esta as programações para novembro.

Principalmente os valores, será que esse simples mortal pode ir nele "lugarzinho"???

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Cara, que lugar Fantástico!!! alegre:: alegre:: alegre::

Show Márcio...parabéns pela pescaria!!!

Cuidado que esse lance de dar uma de bombeiro hein??!! ::evil:: ::evil:: ::evil::

Ainda irei conhecer e pescar nesse lugar..!!!!!! Obrigado por me atiçar!! :gorfei:

Abração!!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Sempre quis conhecer esse local mas a falta de tempo ($) nunca deixou rsrsrsrsrs.

Maravilha de lugar, sempre tenho essas imagens guardadas da cabeça.

Um dia vou lá com certeza.

Bem, sonho realizado, mas no geral foi pouco peixe né Marcio? Porque estava perdendo tanto peixe assim conseguiu descobrir? Isso seria uma boua dica para quem for para lá não é mesmo. Alguma lição aprendida?

Bração!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Lindo relato Marcio!!!

Belos tucunarés!!que coloração fantástica!!!

e a estrutura do local parece bem arrumada!!!

O que os guias falaram da pesca na região, qual a melhor época para se visitar o lodge?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Show demais Márcio....aff...

Primeiro gostaria de parabenizá-lo pelo belíssimo relato...muitos detalhes, e emoção em cada palavra escrita.

Depois pelas fotos....todos belíssimas.

E ainda por vc estar descobrindo novos lugares e estar aumentando o seu rol de experiências e negócio. ::tudo::

Ainda quero conhecer essa região e tirar uma foto ao lado desse belíssimo tucunaré. palmas::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Simplesmente fantastico!!!!!!!!!!!!!!

Eita lugarzinho bacana, e ai como esta as programações para novembro.

Principalmente os valores, será que esse simples mortal pode ir nele "lugarzinho"???

Com certeza Popper. Se eu fui, você vai também. A data da viagem é de 9 a 15 de novembro. Saímos dia 9 de Bsb e chegamos em Alta Floresta às 14hrs. De Alta Floresta até a pousada vc tem 2 opções: caminhonete( como eu fui )4 horas de estrada e R$ 250,00 ida e volta e chega na pousada por volta das 18hrs. Ou avião R$ 2500,00 ida e volta para 5 pessoas. Se for sozinho tem que pagar o valor sozinho. 30 minutos de vôo. A diária é R$ 660,00 com tudo incluído. Se for de avião dá pra pescar a metade do dia e é cobrado metade da diária. Se for de caminhonete vai chegar a noite e será cobrado R$ 150,00 pela pernoite com tudo incluído. Como vamos pescar 5 dias completos, será R$ 3300,00 + 150,00 da peronite ou 330,00 da meia diária + transporte que pode ser caminhonete 250,00 ou 500,00 de avião. Vou fechar o pacote no fim de julho mas ainda tem vaga. Abração.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Poxa Márcio... Passa um programa sobre pesca aqui em BH falando da pesca nessa região e você vem e tasca um relato no mesmo lugar só pra deixar a gente doido de vontade para pescar nesse lugar!!!

Lugar maravilhoso... peixes muito bonitos esses tucunas fogo!!!

Parabéns amigão!!! mestre:: mestre:: mestre::

O peixe e local são maravilhosos. Vamos com a gente em novembro....

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Sempre quis conhecer esse local mas a falta de tempo ($) nunca deixou rsrsrsrsrs.

Maravilha de lugar, sempre tenho essas imagens guardadas da cabeça.

Um dia vou lá com certeza.

Bem, sonho realizado, mas no geral foi pouco peixe né Marcio? Porque estava perdendo tanto peixe assim conseguiu descobrir? Isso seria uma boua dica para quem for para lá não é mesmo. Alguma lição aprendida?

Bração!

Bom Bruca..foi pouco peixe sim. O rio estava alto demais e entrando água dentro da floresta. Havia subido o nível nas últimas semanas. Toda hora ouvia os barulhos de ataque dentro da mata. Tinha que separar o peixe da água. Quem não sabia arremessar bem não pegava peixe com facilidade. Tinha que pinchar detro do buraco mesmo. Com relação a perda de peixes, até os ataques na superfície não foram explosivos. Eram manhosos. Com as cachorras foi aula mesmo. Tentei de todas as maneiras que imaginei e não consegui tirar. Eu usei vara de 25 libras de ação rápida, tuvira como isca ( não bateu nas artificiais ) e anzol 10/0. Cheguei a dar 3 fisgadas e nada. Era dia do peixe mesmo. O guia achou que a vara tinha que ser mais pesada...mas acho que a tralha era boa. A lição que aprendi talvez nem tenha sido com a pescaria em si mas com as pessoas e atendimento da pousada. De domingo para segunda fui o último a sair do refeitório vendo TV. O Preto ( gerente ) continuou arrumando o salão e com certeza foi dormir depois de mim. No dia seguinte ele me acordou 5 30hrs da manhã. ( todo mundo é acordado este horário ao menos que peça para não ser acordado ). Abri a porta e ele estava com um sorriso no rosto e me deu bom dia...Pensei: " como ele pode ter dormido depois de mim, acordado antes, está com essa cara de felicidade e um sorriso no rosto? " Se fizer o que gosta, vai fazer bem feito e ser bom no que faz.

Abração.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa

Você pode postar agora e se registrar depois. Se você tem uma conta, CLIQUE AQUI para postar com a sua conta.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.

Processando...
Entre para seguir isso  

×
×
  • Criar Novo...