Ir para conteúdo
Entre para seguir isso  
Marlúcio Ferreira

COMPETIÇÃO NA PESCA ESPORTIVA...SERÁ NOSSO FUTURO?

Posts Recomendados

Em Outubro de 2011 acontecerá o TOPESCA NOVA PONTE. ( link viewtopic.php?f=9&t=19493 ) Este tópico tem por finalidade questionar se a Pesca Esportiva no Brasil poderá seguir os moldes dos torneios Norte Americanos que são profissionais e movimenta um mercado bilionário. Nossa realidade "hoje"é bem outra, no entanto, percebe-se que a competição na pesca tem um grande número de adeptos, visto que os torneios de pesca tem uma adesão muito grande de pescadores. Em 2011 tivemos torneios em nossa região que tiveram 196 embarcações inscritas, quase 600 pescadores esportivos em uma só competição. joia:::

Penso que estamos com grandes oportunidades batendo em nossas portas. ::tudo::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Bom eu acredito que, com o passar dos anos, muitos já vem se manifestando de forma diretamente positiva, favorecendo o crescimento desta modalidade esportiva e as formalidades de trabalho. Agora basta somente a divulgação, assim como vc já faz esse incessante trabalho de forma gloriosa, Parabens!

Nós, temos que unir forças, mas que ja temos... Para concretizar e fortalecer essa parcela de pescadores adeptos da pesca esportiva... participando principalmente desses torneios e reunioes que por ventura venham a acontecer..

Para o Brasil, país com tantas riquezas de fauna e flora... com certeza, precisamos de alguem de pulso firme e forte para que "exploremos" essa vantagem a nosso favor!!

Vamo que Vamo!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Marlucio,

Acho que a tendencia é aumentar, mas nao vejo um futuro promissor nos moldes estrangeiros e explico pq:

A primeira questao de impedimento, e tu deve saber até melhor que eu, é a questao das parcerias. lojas de pesca sao raras as que se comprometem em colaborar. Empresas do mesmo setor, nao vêem isso como algo produtivo, apesar que algumas tem mudado esse pensamento.

Empresas de outros ramos que poderiam fazer por varias questoes, nao o fazem. Voce ve uma pessoa conseguir patrocinio para participar de um campeonato de peteca, mas pra pesca nao consegue.

Inclusive isso vc encontra dentro do proprio governo. Alguns esportistas reclaman que o governo nao os ajuda até mesmo para representarem o país em torneios, olimpiadas e afins.

Evidente que se voce pesquisar a fundo, tu acha o governo patrocinando até campeonato de bolinha de gude, mas pra pesca nao consegue.

Esse é o primeiro fator. Nao sao todos que têm bala na agulha pra bancar do proprio bolso participar de torneios.

A segunda questao é a cultura. Infelizmente, quando vc fala que participa de torneios para alguem que nao é do ramo, ou alguem que pesca, mas é o conhecido linguiceiro, eu, como testemunha viva, passo por motivo de chacota dos tais.

Nao sou e nem quero ser melhor pq participo de torneio, eu gosto da trama do negocio, de curtir a tensao pré etapa etc...

Creio que estamos evoluindo muito, mas a passos lentos demais e acho eu, que até por culpa nossa mesmo. Acho que eu, por exemplo, poderia lutar e colaborar mais em prol disso.

Eu espero, que isso que tu comentou inicialmente, seja realmente nosso futuro. Ver esse anseio dos americanos por um Bass Master Classic é coisa fora de serie. Televisao noticiando, ESPN agitando, mostrando os 3 dias de etapas sequenciais, todo acompanhamento ao vivo...é fora de serie, nao?

Enfim, torço pra que isso realmente aconteça, nao precisa ser forma milionaria, mas que seja organizado e valha a pena participar.

abraço

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Em Outubro de 2011 acontecerá o TOPESCA NOVA PONTE. ( link viewtopic.php?f=9&t=19493 ) Este tópico tem por finalidade questionar se a Pesca Esportiva no Brasil poderá seguir os moldes dos torneios Norte Americanos que são profissionais e movimenta um mercado bilionário. Nossa realidade "hoje"é bem outra, no entanto, percebe-se que a competição na pesca tem um grande número de adeptos, visto que os torneios de pesca tem uma adesão muito grande de pescadores. Em 2011 tivemos torneios em nossa região que tiveram 196 embarcações inscritas, quase 600 pescadores esportivos em uma só competição. joia:::

Os amigos e non-amigos,

Em 1967 eu estava entre o primeiros participantes na história de competição de pesca de esporte.

Um homem sábio nomeou Ray Scott promoveu e administrou a primeira Pesca Torneio Competição em Beaver Lago no estado de Arkansas em junho, 1967.

Havia 106 de nós competidores que cada, USD$100 liquidado para entrar. Stan Sloan ganhou e $2000 e primeiro lugar por pegar o a maioria peso naquele dia.

Logo lá depois que a revista de BassMaster fosse publicada e nós começamos educando e se aprendendo logo, como preservar o peixe de esporte para o futuro de pesca de esporte em nossos lagos, rios, & vias fluviais.

Daquele dia infame em 1967 para esta última estação foi uma viagem com milhares de pescadores de pesca de esporte que contribuem a torneios de pesca de esporte.

Um amigo meu, Kevin Van Dam que pescou o Rio Negro comigo tambem, elle ganhou agora novamente o 2011 Campeonato de B.A.S.S durante a quarta vez e foi o conduzindo todo o dinheiro de tempo o vencedor de em algum lugar mais de $5.6 milhões de dólares.

Pescando tem veio um modo muito longo.

Marlucio meu amigo,

minha opinião, depois de mais de 27 anos Brasil pescando é;

Brasilaros têm uma possibilidade muito pequena para construir um circuito de torneio de pesca de esporte sustentável & tenha muita aprendizagem para fazer sobre " sustentabilidade " em pesca de esporte, muito, muito, muito.

Também todos os brasileiros e não pessoalmente para qualquer individual;

1. primeiro, você tem que se tornar pessoalmente envolvido nas políticas que decidem sua pesca futura. (Se você não se preocupa, quem os cuidados de inferno para você?)

2. agora alguns operadores são ilegalmente & pescando exclusivamente em conservas de índio? (O que fez você para parar isto?) Nós conhecemos este plano ano passado?????????????? Este deveria ser um embaraço principal a tudo, e mais especialmente para líderes nesta indústria !!!!!!!!!!!

3. são enredados mils de quilos de Tucanos e venderam todos os dias do único pesca conserva no Negro mediano?

(Quando não há nenhum mais Tucanos....o que?)

4. sobre o que fez você forçando barcos de operador a obedecer leis sobre liberação de esgoto cru e lixa no Rio Negro? (Joseph, Mary, & o Jesus…… .que estupidez é?)

5. o que você fez sobre operadores que solicitam turismo sem próprias licenças operar e satisfazer para exigências. (Você não tem uma idéia, porque você não se preocupa!)

6. onde é sua contribuição individual a educação pública sobre pague & soltar e por que é importante. (Sem educação não há nenhum conhecimento?)

7. quantos e-mails o telephono enviou você aos políticos e administradores sobre suas expectativas para o Brasil Pesca De esporte? (Só isso que eu pensar……Nada, nunca?)

8. camisas caprichosas e bonitos quadros do photo não consideram para caga, quando seu neto não pode achar um Tucano para pegar! (E tudo porque você deixou isto acontecer, você tudos!)

Você é o responsável e só você! diabo:: chorei::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

WD Allen,

Não se engane quanto ao que estamos fazendo para construir a Pesca Esportiva enquanto um negócio capaz de criar emprego e gerar renda. Estamos progredindo muito neste sentido, claro, há muuuiiito o que fazer. No entanto, aqui no Triângulo Mineiro a competição na pesca já é uma realidade, precisamos mesmo é de canalizar essa nova modalidade para um rumo onde efetivamente as coisas funcionam,e nós conhecemos esse caminho, estamos caminhado rápido nesse sentido. Logo teremos novidades.

Obrigado pelo comentário

Marlúcio Ferreira

Em Outubro de 2011 acontecerá o TOPESCA NOVA PONTE. ( link viewtopic.php?f=9&t=19493 ) Este tópico tem por finalidade questionar se a Pesca Esportiva no Brasil poderá seguir os moldes dos torneios Norte Americanos que são profissionais e movimenta um mercado bilionário. Nossa realidade "hoje"é bem outra, no entanto, percebe-se que a competição na pesca tem um grande número de adeptos, visto que os torneios de pesca tem uma adesão muito grande de pescadores. Em 2011 tivemos torneios em nossa região que tiveram 196 embarcações inscritas, quase 600 pescadores esportivos em uma só competição. joia:::

Os amigos e non-amigos,

Em 1967 eu estava entre o primeiros participantes na história de competição de pesca de esporte.

Um homem sábio nomeou Ray Scott promoveu e administrou a primeira Pesca Torneio Competição em Beaver Lago no estado de Arkansas em junho, 1967.

Havia 106 de nós competidores que cada, USD$100 liquidado para entrar. Stan Sloan ganhou e $2000 e primeiro lugar por pegar o a maioria peso naquele dia.

Logo lá depois que a revista de BassMaster fosse publicada e nós começamos educando e se aprendendo logo, como preservar o peixe de esporte para o futuro de pesca de esporte em nossos lagos, rios, & vias fluviais.

Daquele dia infame em 1967 para esta última estação foi uma viagem com milhares de pescadores de pesca de esporte que contribuem a torneios de pesca de esporte.

Um amigo meu, Kevin Van Dam que pescou o Rio Negro comigo tambem, elle ganhou agora novamente o 2011 Campeonato de B.A.S.S durante a quarta vez e foi o conduzindo todo o dinheiro de tempo o vencedor de em algum lugar mais de $5.6 milhões de dólares.

Pescando tem veio um modo muito longo.

Marlucio meu amigo,

minha opinião, depois de mais de 27 anos Brasil pescando é;

Brasilaros têm uma possibilidade muito pequena para construir um circuito de torneio de pesca de esporte sustentável & tenha muita aprendizagem para fazer sobre " sustentabilidade " em pesca de esporte, muito, muito, muito.

Também todos os brasileiros e não pessoalmente para qualquer individual;

1. primeiro, você tem que se tornar pessoalmente envolvido nas políticas que decidem sua pesca futura. (Se você não se preocupa, quem os cuidados de inferno para você?)

2. agora alguns operadores são ilegalmente & pescando exclusivamente em conservas de índio? (O que fez você para parar isto?) Nós conhecemos este plano ano passado?????????????? Este deveria ser um embaraço principal a tudo, e mais especialmente para líderes nesta indústria !!!!!!!!!!!

3. são enredados mils de quilos de Tucanos e venderam todos os dias do único pesca conserva no Negro mediano?

(Quando não há nenhum mais Tucanos....o que?)

4. sobre o que fez você forçando barcos de operador a obedecer leis sobre liberação de esgoto cru e lixa no Rio Negro? (Joseph, Mary, & o Jesus…… .que estupidez é?)

5. o que você fez sobre operadores que solicitam turismo sem próprias licenças operar e satisfazer para exigências. (Você não tem uma idéia, porque você não se preocupa!)

6. onde é sua contribuição individual a educação pública sobre pague & soltar e por que é importante. (Sem educação não há nenhum conhecimento?)

7. quantos e-mails o telephono enviou você aos políticos e administradores sobre suas expectativas para o Brasil Pesca De esporte? (Só isso que eu pensar……Nada, nunca?)

8. camisas caprichosas e bonitos quadros do photo não consideram para caga, quando seu neto não pode achar um Tucano para pegar! (E tudo porque você deixou isto acontecer, você tudos!)

Você é o responsável e só você! diabo:: chorei::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Não vejo perfil no brasileiro para competição de pesca...

Vejo cada vez mais a busca pelo Ecoturismo.

Acredito que os pescadores estão cada vez mais procurando, lugares de fácil acesso, de conforto, que tenha estrutura para acomodar a família bem e que tenha "cultura". Vejo gente procurando integrar visitas a atrações culturais durante o pacote de pesca.

Penso que o caminho mais promissor é o seguido pelas pousadas de Ecoturismo. Exemplo: Juma Lodge na Amazônia. Integram pesca, conforto, cultura( conhecimentos de fauna e flora ).

Essa é minha modesta opnião...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Beto,

Você precisa ver o que estamos fazendo qui no Triângulo Mineiro. Temos torneios que premiam os vencedores com prêmios de R$ 10.000,00 a R$ 60.000,00.

Penso que a competição será a diferença entre o Pescador Esportivo e o pescador amador.

Quem viver verá!

Marlúcio Ferreira

Não vejo perfil no brasileiro para competição de pesca...

Vejo cada vez mais a busca pelo Ecoturismo.

Acredito que os pescadores estão cada vez mais procurando, lugares de fácil acesso, de conforto, que tenha estrutura para acomodar a família bem e que tenha "cultura". Vejo gente procurando integrar visitas a atrações culturais durante o pacote de pesca.

Penso que o caminho mais promissor é o seguido pelas pousadas de Ecoturismo. Exemplo: Juma Lodge na Amazônia. Integram pesca, conforto, cultura( conhecimentos de fauna e flora ).

Essa é minha modesta opnião...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Tenho recebido MPs e e-mails sobre esse post de pessoas que preferem se manifestar fora do fórum. De todos que recebi, um chamou-me a atenção em particular. Não vou transcreve-lo aqui, no entanto, quero manifestar o quanto me sinto feliz em abordar esse assunto que para alguns é tabu, pois, não gostam e não "aceitam" a Pesca Esportiva como competição e NÃO querem ser chamados de pescadores amadores .

Em um futuro próximo haverá carteiras de pescadores Esportivos emitidas por órgãos de governos. Esse reconhecimento será o marco para que a Pesca Esportiva seja considerada uma categoria onde pescadores poderão se profissionalizar neste segmento fazendo desta atividade sua fonte de renda. Terão eles atribuições e direitos distintos dos demais pescadores.

Penso que Pescadores Esportivos serão aqueles que :

01- Pagarão licença diferenciada da categoria Amadora;

02-Pescarão só por esporte, por isso serão adeptos ao Pesque Solte;

03-Pescarão somente com iscas artificiais - Não usarão iscas vivas ou orgânicas;

04-Cota ZERO para transporte - Peixe para a Pesca Esportiva não serão transportados em rodovias;

05-Respeitarão os tamanhos mínimo e máximo para abate, no caso de optar em comer um sashimi na pousada ou barranco ( ninguém é de ferro, né?).

Quem não optar pela categoria, por não concordar com as regras, pagará um licença de PESCADOR AMADOR, e ficará tudo como "dantes nas terras de Abrantes".

Embora essa enquete tem como amostragem números pífios, creio que também mostra um rumo:

http://www.tucunazul.com.br/forum/viewt ... 586a56c92e

Marlúcio Ferreira

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Rodrigo,

Penso que na verdade falta mesmo é coragem de nossa parte. Nada vem de graça, construir a Pesca Esportiva como categoria que gera negócios preservando o meio ambiente não será uma tarefa fácil. O maior gargalo será a convivência de um esporte com uma atividade extrativista, que é a pesca profissional em nosso país. A saída (penso eu), é termos áreas distintas para a prática das atividades de pesca em águas interiores ( exemplos bons neste sentido, temo rios aqui no Triangulo Mineiro e o decreto N 31.150, de 06 de Abril de 2011/para o Rio Negro) . Estamos nos mobilizando politicamente neste sentido, pasme, estamos conquistando muito terreno, para o desassossego de alguns.

Obrigado pela contribuição. joia:::

Marlúcio Ferreira

Marlucio,

Acho que a tendencia é aumentar, mas nao vejo um futuro promissor nos moldes estrangeiros e explico pq:

A primeira questao de impedimento, e tu deve saber até melhor que eu, é a questao das parcerias. lojas de pesca sao raras as que se comprometem em colaborar. Empresas do mesmo setor, nao vêem isso como algo produtivo, apesar que algumas tem mudado esse pensamento.

Empresas de outros ramos que poderiam fazer por varias questoes, nao o fazem. Voce ve uma pessoa conseguir patrocinio para participar de um campeonato de peteca, mas pra pesca nao consegue.

Inclusive isso vc encontra dentro do proprio governo. Alguns esportistas reclaman que o governo nao os ajuda até mesmo para representarem o país em torneios, olimpiadas e afins.

Evidente que se voce pesquisar a fundo, tu acha o governo patrocinando até campeonato de bolinha de gude, mas pra pesca nao consegue.

Esse é o primeiro fator. Nao sao todos que têm bala na agulha pra bancar do proprio bolso participar de torneios.

A segunda questao é a cultura. Infelizmente, quando vc fala que participa de torneios para alguem que nao é do ramo, ou alguem que pesca, mas é o conhecido linguiceiro, eu, como testemunha viva, passo por motivo de chacota dos tais.

Nao sou e nem quero ser melhor pq participo de torneio, eu gosto da trama do negocio, de curtir a tensao pré etapa etc...

Creio que estamos evoluindo muito, mas a passos lentos demais e acho eu, que até por culpa nossa mesmo. Acho que eu, por exemplo, poderia lutar e colaborar mais em prol disso.

Eu espero, que isso que tu comentou inicialmente, seja realmente nosso futuro. Ver esse anseio dos americanos por um Bass Master Classic é coisa fora de serie. Televisao noticiando, ESPN agitando, mostrando os 3 dias de etapas sequenciais, todo acompanhamento ao vivo...é fora de serie, nao?

Enfim, torço pra que isso realmente aconteça, nao precisa ser forma milionaria, mas que seja organizado e valha a pena participar.

abraço

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Marlúcio, excelente questão.

Acredito eu que hoje o Triângulo Mineiro e alguns locais da região Sudeste / Sul estejam bem mais avançados nesta questão, q o resto do País. E põe avançado nisso...hehee...

Em minha opinião os torneios, para se tornarem expressivos como sonhamos, precisam ser criados, frequentados e aprovados por um determinado grupo de uma região e ir, aos poucos, se alastrando pelas proximidades, até q um dia, quem sabe um dia, o Brasil siga este exemplo?!?!?! Não vejo outra forma deles se tornarem grandes.

Vcs estão de parabéns (turma do Triângulo)....Vcs estão lutando pela preservação de sua região e, de quebra, fazendo os torneios de pesca se tornarem algo realmente atrativo para boa parte dos pescadores.

Acredito ainda q falta mesmo é incentivo do Governo, q ainda não consegui enxergar VOTOS daqueles ou, naqueles, q preservam e geram renda para toda uma região. No dia em q os Deputados, Senadores, Prefeitos e etc, verem a quantidade de pessoas adeptas a pesca esportiva / amadora, e q tem direito a voto (única coisa q eles se preocupam), os discursos mudarão. Tenho certeza q os torneios de pesca explodirão Brasil adentro. Os nossos governantes não viram q os pescadores amadores / esportivos são em muito maior número q os profissionais.

O Governo tb lasca toda e qualquer indústria e o todo o empresariado com cargas altíssimas de impostos e, de quebra, faz vista grossa para o contrabando...Não tem como a indústria de pesca, sem incentivo do Governo, investir em torneios de pescaria.

Por outro prisma, muitos pescadores não são muitos fãs de torneios, eu sou exemplo disto.

Gosto muito de ver explosões na superfície e me sentir "largado" em minhas pescarias, enquanto q os torneios, como vc mesmo sugere, será para muitos mais uma ou a única forma de renda, então, ou vc passa a usar iscas e técnicas menos "bonitas" e mais efetivas, ou dificilmente irá se adaptar a mais um momento de competitividade social, lembrando que toda disputa gera sabores e dissabores.

Tb tenho a humildade de falar q de torneios eu não entendo nada. Pode ser q um dia, quando eu participar de um, mude meus conceitos.

Pelo pouco q sei, existem categorias q não disputam as premiações principais, acredito q esta seja uma forma de trazer para os torneiros boa parte dos desportistas.

Bem...este assunto é por demais complexo. Já fiz uma salada de posições acima e não quero lascar este tópico tão interessante...hehee....Boa sorte na luta e estamos aqui na torcida para q o Triângulo Mineiro arraste o resto do País com seus exemplos. palmas::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Acredito ainda q falta mesmo é incentivo do Governo, q ainda não consegui enxergar VOTOS daqueles ou, naqueles, q preservam e geram renda para toda uma região. No dia em q os Deputados, Senadores, Prefeitos e etc, verem a quantidade de pessoas adeptas a pesca esportiva / amadora, e q tem direito a voto (única coisa q eles se preocupam), os discursos mudarão. Tenho certeza q os torneios de pesca explodirão Brasil adentro. Os nossos governantes não viram q os pescadores amadores / esportivos são em muito maior número q os profissionais.

O Governo tb lasca toda e qualquer indústria e o todo o empresariado com cargas altíssimas de impostos e, de quebra, faz vista grossa para o contrabando...Não tem como a indústria de pesca, sem incentivo do Governo, investir em torneios de pescaria.

Fabrício, concordo plenamente com esta sua colocação. Um outro detalhe, é que o governo aumentou o imposto sobre material de pesca aqui em MG, somente aqui em 20%.

Até agora não sei o motivo, e olha que tenho procurado aqui por todo lado.

Agora com relação ao caminhar dos eventos/torneios de pesca aqui em MG, a coisa está é bem adiantada mesmo. Em tempo teremos muitas conquistas neste quesito.

E falo isso de cadeira mesmo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Fábrico,

Nosso trabalho no sentido de criarmos uma categoria para a Pesca Esportiva tem realmente conseguido respaldo fora do Triângulo Mineiro, um bom exemplo, é um jovem também muito batalhador neste sentido que é o Alexandre Dick. Ele está conseguindo muito progresso no Sul do país, está a frente dos torneios que acontecem no lago de Itaipú.

Obrigado pela manifestação

Marlúcio Ferreira

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Não acho que o futuro esteja na pesca competitiva... Não acho que seja a resposta para a devastação dos rios, lagos e represas. De maneira alguma! Acho que uma competição dessas, com dezenas, às vezes, centenas, de barcos zunindo para cima e para baixo, causam mais mal que bem.

Acredito, contudo, que ela pode ser uma forma de divulgar a pesca esportiva em lagos e represas ARTIFICIAIS e com ESPÉCIES EXÓTICAS. Essa é exatamente a codição da pesca do bass nos EUA e do tucunaré no Triângulo Mineiro.

Para os demais lugares, acredito que a proibição do armazenamento e transporte de pescado seja a única saída viável. Paralelamente, o incentivo à pscicultura e às pesquisas, assim como a regulamentação da pesca esportiva (não competitiva, que são duas coisas completamente diferentes para mim), ajudariam muito.

Viajando no Amazonas e vendo a miséria daquele povo de lá, vejo que só a pesca esportiva pode salvá-los! A floresta já não consegue mais sustentá-los e os afamados "Programas Sociais" passam longe de lá (imagina o cara ter que viajar 10 ou 12 dias (ida e volta) para receber a "Bolsa Esmola" dele, arcando com todas as despesas???), assim como a educação e a saúde.

Nos EUA, liberaram o jogo dentro de reservas indígenas, de forma a garantir renda para eles.

Aqui precisa mudar tudo!!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Não acho que o futuro esteja na pesca competitiva... Não acho que seja a resposta para a devastação dos rios, lagos e represas. De maneira alguma! Acho que uma competição dessas, com dezenas, às vezes, centenas, de barcos zunindo para cima e para baixo, causam mais mal que bem.

Acredito, contudo, que ela pode ser uma forma de divulgar a pesca esportiva em lagos e represas ARTIFICIAIS e com ESPÉCIES EXÓTICAS. Essa é exatamente a codição da pesca do bass nos EUA e do tucunaré no Triângulo Mineiro.

Para os demais lugares, acredito que a proibição do armazenamento e transporte de pescado seja a única saída viável. Paralelamente, o incentivo à pscicultura e às pesquisas, assim como a regulamentação da pesca esportiva (não competitiva, que são duas coisas completamente diferentes para mim), ajudariam muito.

Viajando no Amazonas e vendo a miséria daquele povo de lá, vejo que só a pesca esportiva pode salvá-los! A floresta já não consegue mais sustentá-los e os afamados "Programas Sociais" passam longe de lá (imagina o cara ter que viajar 10 ou 12 dias (ida e volta) para receber a "Bolsa Esmola" dele, arcando com todas as despesas???), assim como a educação e a saúde.

Nos EUA, liberaram o jogo dentro de reservas indígenas, de forma a garantir renda para eles.

Aqui precisa mudar tudo!!!

Excelente!

Concordo com tudo acima sem mudar um ponto ou uma vírgula!

Parabéns Gustavo Martins!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O tema é por demais árduo, e que permite uma quantidade muito grande de interpretações, de acordo com o "gosto" do usuário...

Estou mais na linha do Gustavo.

Diria até que chego a ser um pouco mais radical embora reconheça a dificuldade de lidar com a questão da "pobreza" x sustento dos ribeirinhos" nessas questões ! Mas tem coisas claras na minha cabeça ;

arrow:: Transporte de peixe silvestre de forma comercial é para ser extinto imediatamente !

arrow:: Implementação de criadorouros de peixe para garantir a sustentabilidade silvestre é melhor que "bolsa auxílio", mesmo que aconteça de forma subsidiada...

Com relação ao foco da questão postada, também aho difícil que a implementação dessas ações / torneios vingue de forma perene no nosso meio ! Em locais como o triângulo mineiro, onde essa prática já acontece há mais tempo, e os seus custos de implementação são menos caros, pode ser que venha dar certo, e depois - quem sabe - virar um paradigma a ser copiado em outros locais do País... ( mas sou cético com relação a isso ) !

Concordo com uma tendência cada vez mais esportiva de um segmento crescente no país, que hoje já pratica ( mesmo parcialmente ) o pesque & solte ! Cada vez mais, eles próprios se tornarão exigentes em encontrar os peixes que cada vez mais ficarão mais distantes e em menor quantidade...

Temos um processo de "re-invenção" de tudo isso, de pouca adaptação ao que hoje já existe ( a começar pelas leis e suas impunidades ) perpassando os aspectos culturais da população ( cadê a educação ? ) e superando os entraves da miséria ( qual a opção existente para muitos desses "profissionais" alimentarem suas famílias ? )

O Wd Allen faz alguns posicionamentos que não são agradáveis de serem lidos, mas que representam ( ainda que parcialmente ) um pouco de nossa realidade tupiniquim ! É preciso não esquecer por trás do "modelo americano" existe uma indústria bilionária direcionada a pesca, e mais que isso, a cultura e hábitos da classe média ( lá existe isso ! ) permitem um desenvolvimento que justifica grande parte desse espetáculo !

Sem querer polemizar, e colocando cada um em seu lugar, já paramos para pensar nos investimentos realizados no futebol profissional ? Não estou falando de esportes, mas simplesmente no futebol profissional... ?

Dá para criar uma relação parecida com o que pretendemos estabelecer como um "terreno apropriado" para o desenvolvimento da pesca esportiva ? Não é por acaso que os fabricantes esportivos estão investindo ( cada vez mais ) no "nosso esporte nacional", pois isso dá retorno...

Quando falamos de um "torneio de pesca" ( independente de onde aconteça - respeitando todos eles ), qual é o público alvo disso ?

Qual a dimensão de algo assim ?

Gostaria de lembrar que nem mesmo programas de pesca esportiva conseguimos manter veiculados nas nossas televisões abertas ( respeitando exceções regionalizadas ).

Temos muito a "navegar"... ::fishing

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Não vejo como comparar um torneio como o B.A.S.S. Master com qualquer outro do mundo. Muito menos com o Brasil.

Inegavelmente há méritos em "alguns" torneios nacionais joia::: , mas o modelo não me agrada. Esse negócio de sorteio do premio principal entre os participantes é um negócio que não dá pra conceber. doeu:: Sei que é uma forma de aumentar o número de participantes e viabilizar o evento. Mas então não deveria se chamar torneio e sim ENCONTRO.

Torneio que é torneio premia o MÉRITO, e não a sorte na roleta.

Também acho que existem regras esdrúxulas e feitas para a conveniencia de alguns surtei:: . regras que acabam por deixar em suspeita o evento.

Não vou citar, mas existem torneios que é permitido contratar um pirangueiro, ou guia, da região e o mesmo pode pescar. Caramba, então um barco com 2 pescadores sai prejudicado porque tem outro com mais grana contrata um guia e são agora 3 pescando. Cadê a igualdade de condições? chorei::

Para mim torneio tem que ser um pescador sozinho no barco. É ele e a natureza. ::fishing

Discutir se torneio vai mudar ou não a cabeça das pessoas em geral, aí sinceramente é forçar a barra. O nível médio de civismo e consciencia ambiental e social não permite isso. Alem do que muitos realmente precisam pescar pra não passar fome. Explica pra ele que tem que soltar os peixinhos para garantir o amanhã. O cara tá preocupado com o agora. No longo prazo pode ser que estejamos todos mortos.

Somo um povo de carencias enormes, do mais básico que é a comida. A Pesca esportiva é um conceito muito distante da maioria.

O peixe no Brasil só não acabou porque temos rios demais, lugares distantes e inúmeras bacias e ecossitemas. Em qualquer outro país a situação estaria crítica ou em irreversibilidade.

A piscicultura,bem essa eu conheço e já trabalhei nela. Pouca esperança no curto prazo! Piscicultura no Brasil é pra produzir peixe de pesque pague, não para o abate. Não há como competir com o preço do peixe extraido da natureza que é MUUUUITo mais barato.

Não tenho dados atualizados, mas acredito que o kilo do filé de Tilápia esteja por volta dos R$15,00. Com esse preço a maioria compra carne pro churrasco.

Por fim, acho que a pesca esportiva e os torneios terão chance quando houverem reservas protegidas onde seja proibida a pesca comercial. Tipo essas reservas biológicas e parques nacionais da vida selvagem.

Imaginem comigo, um grande lago no Sudeste, proibido o extrativismo onde os ribeirinhos sejam os agentes fiscalizadores e guias turisticos. Local com estrutura para pousadas e campings para pratica do pesque solte. Será que dá $$$?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Rodrigo,

Muito pertinente seus comentários. Vou pontuar algumas colocações sua para ficar mais esclarecedor (pelo menos do meu ponto de vista), com isso espero esclarecer dúvidas de outros. joia:::

01- Realmente não há como comparar NOSSOS torneios com o BASS Master americano, nós temos o BASS Master como inspiração, quem sabe, ONE DAY? ::fisherman

02- Também somos contra os BINGÕES (sorteio de prêmios) em nossos torneios, tanto é que nosso regulamento premia os campeões , veja o regulamento: ::link2:: viewtopic.php?f=9&t=19493

Acreditamos na Pesca Esportiva TAMBÉM como COMPETIÇÃO, em uma competição quem ganha leva. Quem quiser ganhar na sorte, deve jogar na mega sena. ::tudo::

03- Nosso regulamento para a categoria OFICIAL (que é de competição) determina que cada dupla leve em seu barco o Co-Pescador( para quem conhece as regras do BASS Master, sabe que existe uma categoria onde pescam ANGLER e CO-ANGLER), em nosso torneio temos PESCADORES (dupla) e CO-PESCADOR. Em torneios futuros, serão somente dois no barco, PESCADOR e CO-PESCADOR (ANGLER e CO-ANGLER). Este formato permite que nossos torneios tenham chances mínimas de FALCATRUAS, pois um fiscaliza o outro. Está no regulamento, vale a pena dar uma olhada. joia:::

03-Pescar sozinho em um torneio aqui no Brasil é uma UTOPIA. Penso que deveremos dar passos seguros e no rumo para onde poderemos chegar. Caminhar olhando apenas para o Horizonte é o caminho para o fracasso. lacou::

04-Sabemos que a pesca de SUBSISTÊNCIA é uma realidade em nosso país, no entanto, penso que, é também papel das entidades e dos pescadores esportivos fomentar discussões que mostre soluções para esta questão. joia:::

05- Para terminar, transcrevo o final de seu post, penso que aí estão todas as respostas: palmas::

"Por fim, acho que a pesca esportiva e os torneios terão chance quando houverem reservas protegidas onde seja proibida a pesca comercial. Tipo essas reservas biológicas e parques nacionais da vida selvagem.

Imaginem comigo, um grande lago no Sudeste, proibido o extrativismo onde os ribeirinhos sejam os agentes fiscalizadores e guias turisticos. Local com estrutura para pousadas e campings para pratica do pesque solte. Será que dá $$$?

::thanks

Marlúcio Ferreira

Não vejo como comparar um torneio como o B.A.S.S. Master com qualquer outro do mundo. Muito menos com o Brasil.

Inegavelmente há méritos em "alguns" torneios nacionais joia::: , mas o modelo não me agrada. Esse negócio de sorteio do premio principal entre os participantes é um negócio que não dá pra conceber. doeu:: Sei que é uma forma de aumentar o número de participantes e viabilizar o evento. Mas então não deveria se chamar torneio e sim ENCONTRO.

Torneio que é torneio premia o MÉRITO, e não a sorte na roleta.

Também acho que existem regras esdrúxulas e feitas para a conveniencia de alguns surtei:: . regras que acabam por deixar em suspeita o evento.

Não vou citar, mas existem torneios que é permitido contratar um pirangueiro, ou guia, da região e o mesmo pode pescar. Caramba, então um barco com 2 pescadores sai prejudicado porque tem outro com mais grana contrata um guia e são agora 3 pescando. Cadê a igualdade de condições? chorei::

Para mim torneio tem que ser um pescador sozinho no barco. É ele e a natureza. ::fishing

Discutir se torneio vai mudar ou não a cabeça das pessoas em geral, aí sinceramente é forçar a barra. O nível médio de civismo e consciencia ambiental e social não permite isso. Alem do que muitos realmente precisam pescar pra não passar fome. Explica pra ele que tem que soltar os peixinhos para garantir o amanhã. O cara tá preocupado com o agora. No longo prazo pode ser que estejamos todos mortos.

Somo um povo de carencias enormes, do mais básico que é a comida. A Pesca esportiva é um conceito muito distante da maioria.

O peixe no Brasil só não acabou porque temos rios demais, lugares distantes e inúmeras bacias e ecossitemas. Em qualquer outro país a situação estaria crítica ou em irreversibilidade.

A piscicultura,bem essa eu conheço e já trabalhei nela. Pouca esperança no curto prazo! Piscicultura no Brasil é pra produzir peixe de pesque pague, não para o abate. Não há como competir com o preço do peixe extraido da natureza que é MUUUUITo mais barato.

Não tenho dados atualizados, mas acredito que o kilo do filé de Tilápia esteja por volta dos R$15,00. Com esse preço a maioria compra carne pro churrasco.

Por fim, acho que a pesca esportiva e os torneios terão chance quando houverem reservas protegidas onde seja proibida a pesca comercial. Tipo essas reservas biológicas e parques nacionais da vida selvagem.

Imaginem comigo, um grande lago no Sudeste, proibido o extrativismo onde os ribeirinhos sejam os agentes fiscalizadores e guias turisticos. Local com estrutura para pousadas e campings para pratica do pesque solte. Será que dá $$$?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Fabrício,

Obrigado pelo incentivo. joia:::

Tenho certeza de que nosso futuro será promissor. Goiás é um bom exemplo onde as leis são bem feitas, a fiscalização é que fica a desejar. Aqui em Minas temos um caminho mais longo a percorrer, salvo alguns rios aqui do Triângulo, o restante do Estado não tem leis que REALMENTE protegem o peixe. Creio que logo teremos novidades.

Obrigado pelo comentário. joia:::

Marlúcio Ferreira

Marlúcio, excelente questão.

Acredito eu que hoje o Triângulo Mineiro e alguns locais da região Sudeste / Sul estejam bem mais avançados nesta questão, q o resto do País. E põe avançado nisso...hehee...

Em minha opinião os torneios, para se tornarem expressivos como sonhamos, precisam ser criados, frequentados e aprovados por um determinado grupo de uma região e ir, aos poucos, se alastrando pelas proximidades, até q um dia, quem sabe um dia, o Brasil siga este exemplo?!?!?! Não vejo outra forma deles se tornarem grandes.

Vcs estão de parabéns (turma do Triângulo)....Vcs estão lutando pela preservação de sua região e, de quebra, fazendo os torneios de pesca se tornarem algo realmente atrativo para boa parte dos pescadores.

Acredito ainda q falta mesmo é incentivo do Governo, q ainda não consegui enxergar VOTOS daqueles ou, naqueles, q preservam e geram renda para toda uma região. No dia em q os Deputados, Senadores, Prefeitos e etc, verem a quantidade de pessoas adeptas a pesca esportiva / amadora, e q tem direito a voto (única coisa q eles se preocupam), os discursos mudarão. Tenho certeza q os torneios de pesca explodirão Brasil adentro. Os nossos governantes não viram q os pescadores amadores / esportivos são em muito maior número q os profissionais.

O Governo tb lasca toda e qualquer indústria e o todo o empresariado com cargas altíssimas de impostos e, de quebra, faz vista grossa para o contrabando...Não tem como a indústria de pesca, sem incentivo do Governo, investir em torneios de pescaria.

Por outro prisma, muitos pescadores não são muitos fãs de torneios, eu sou exemplo disto.

Gosto muito de ver explosões na superfície e me sentir "largado" em minhas pescarias, enquanto q os torneios, como vc mesmo sugere, será para muitos mais uma ou a única forma de renda, então, ou vc passa a usar iscas e técnicas menos "bonitas" e mais efetivas, ou dificilmente irá se adaptar a mais um momento de competitividade social, lembrando que toda disputa gera sabores e dissabores.

Tb tenho a humildade de falar q de torneios eu não entendo nada. Pode ser q um dia, quando eu participar de um, mude meus conceitos.

Pelo pouco q sei, existem categorias q não disputam as premiações principais, acredito q esta seja uma forma de trazer para os torneiros boa parte dos desportistas.

Bem...este assunto é por demais complexo. Já fiz uma salada de posições acima e não quero lascar este tópico tão interessante...hehee....Boa sorte na luta e estamos aqui na torcida para q o Triângulo Mineiro arraste o resto do País com seus exemplos. palmas::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olá Marlúcio, eu não li as regras todas do torneio, mas pelo que vi é um dos mais bem elaborados e deve ser copiado. joia:::

Achei uma grande idéia manter o peixe vencedor VIVO para a solenidade de premiação, nada mais justo e emblemático. ::tudo:: ::tudo::

Sobre os diversos torneios existente; aí...... há de tudo. Teve até um no Paraná, salvo engano, onde os peixes além de mortos foram expostos num varal. Muitos fora de medida. ::nada:: ::nada:: ::nada:: ::nada::

por tudo isso, observo que invariavelmente os torneios dependem de auxilio do municípío, BOA VONTADE DO PREFEITO, aí que mora o perigo.

Político só faz politicagem. Pescador de fora não dá VOTO. Mas o ribeirinho e o profissional de lá sim. Lembra da taxa da prefeitura de Barcelos?

Os governantes muitas vezes só buscam o benefício. Dá uma ajudinha, fala no microfone que é o tal, que a prefeitura tá de portas abertas (ESSA é de doer!) Conada , e termina com: Enquanto eu for prefeito, bla bla bla bla....... doeu::

Então a hora que a cidade possuir PEIXE , infraestrutura hoteleira e lugar pro pescador e pra MULHER do pescador poderem GASTAR, aí a coisa muda de figura. Essa a razão da minha utópica concepção descrita no final, com um lago preservado só pra prática da pesca esportiva.

Mas de repente, VAMOS SONHAR JUNTOS ::tudo::

Abração e boa sorte no evento. alegre::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Amigos!

Sou a favor dos torneios e encontros e também sou um dos organizados do Torneio de Três Marias - MG.

Hoje vivo algumas felicidades, vendo muitos pescadores participandos dos torneios pela primeira vez e se tornando competidores! Acho que cada pescador, esportivo ou não deveria dar a oportunidade a si mesmo, participando (vivendo um dia de um torneio bem organizado). Não conheço nenhum que tenha ficado insatisfeito! Pelo contrário, vejo vários comentários positivos e a satisfação em participar em outros torneios.

Acho também que o momento maior de qualquer esporte é a competição. Muitos começam a praticar um esporte qualquer por hobie e logo entram nas competições, porque na pesca não pode ser assim também? E é neste caso que sonhamos em ter algo como o Bass Master aqui no Brasil.

Lembro do tempo de escola, sempre pratiquei esporte e sempre me envolvi nos eventos e competições realizados na escola... era futebol, vôlei, peteca, ping-pong, handebol, natação e outros...

Acredito também que algo tem que ser feito pelo nosso esporte, ficar nos fóruns somente debatendo o assunto, não vamos conseguir mudar nada...

Acredito que com os eventos (torneios de pesca esportiva) vamos conseguir algum progresso. Aqui no lago de Três Marias já conseguimos chamar atenção de importantes empresas para o nosso esporte... segue abaixo o link dos eventos:

viewtopic.php?f=4&t=13400&p=142820&hilit=torneio+tr%C3%AAs+marias#p142820

Neste primeiro torneio nacional tivemos a participação do Banco do Brasil

viewtopic.php?f=4&t=19457&hilit=torneio+tr%C3%AAs+marias

Neste segundo que foi realizado este ano, tivemos a participação da Votorantim Metais, e para 2012 já estamos trabalhando para tornar o evento ainda maior!

Com isso já estamos conseguindo chamar a atenção do poder público. Até o ano de 2009 os políticos de Três Marias não tinham a idéia do poder de um peixe como o Tucunaré em levar o turismo para o município. Hoje eles participam diretamente na realização dos torneios e a cada ano nos fortalecemos cada vez mais!

A luta não é fácil, disso todos nós sabemos, como bem disse o amigo Marlúcio, em breve teremos muitas novidades!

Forte abraço

Otávio Vieira

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Concordo muito com voce Otávio, e desde que participei do meu primeiro torneio a alguns anos peguei grande gosto pela coisa, pois além da competição (que é muito legal) acaba que os torneios são grandes oportunidades de nos confraternizarmos e trocarmos experiencias, além de colocar cada vez mais nosso esporte em evidência.

Infelizmente não conseguimos ir ao Torneio de 3 Marias deste ano, mas pretendemos estar no de 2012 com voces, que sempre participam e prestigiam os eventos aqui do Triângulo Mineiro.

Abraço

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
Entre para seguir isso  

×