Ir para conteúdo
Entre para seguir isso  
Belau Big Fishing

Como pescar esse peixe ???????????????????

Posts Recomendados

TÉCNICA PARA FISGAR CORIMATÁ / BRANQUINHA

EQUIPE OS CANGUSSUS

Caros Amigos Pescadores,

Temos um açude particular, aqui perto de nossa cidade, e lá temos uma grande quantidade de uma espécie de peixe de escamas, que aqui conhecemos com corimatá ou branquinha, portanto gostaria de saber se alguém conhece uma técnica produtiva para captura esportiva dessa espécie.

Gostaria de saber de temos como capturá-la com iscas artificias e qual seria a melhor técnica com anzol e molinete.

Segue abaixo algumas fotos:

Imagem Postada

Imagem Postada

Imagem Postada

Belau

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Curimba, Curimbatá, Curimatã... seja qual for o nome, fazer uma boa ceva já ajuda!!!

Tem uma revista Pesca & Cia que foram usadas lantejoulas... de cores vermelha, dourada e prata... e funcionou!!!

Geralmente usa-se massa e anzol... e qualquer mexidinha ou mudança de direção pode ser peixe!!!

Minha mãe, quando pescava no rio São Francisco, pescava esse peixe com vara telescópica, linha fina, chumbadinha e garateia pequena com massa!!!(Vira e mexe ela perdia umas grandes maiores que 05 kg...)

Boa sorte pescador!!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pesca para corimba com anzol.

Faça uma "massinha" (teste vários tipos até achar o ideal - procure na internet).

Use uma vara de bambu grande com uma ponta PERFEITA e FINÍSSIMA.

Sem chumbada (o peso da massa irá levar a isca para o fundo).

Procure um lugar para fixar as varas (de preferência faça uma ceva).

Os locais ideais são "espraiados" ou similares (lembre-se que um dos nomes da curimba é "papa-terra").

Fixe a vara no chão (NÃO SEGURE NA MÃO, não dá resultado - pelo menos não os melhores).

Se quiser caprichar, amarre na ponta da vara um pedaço de sacolinha de supermercado, para que observe quando a ponta da vara abaixe (ajuda bastante).

Fique próximo da vara (normalmente, uso três, quatro varas uma ao lado da outra).

Observe ATENTAMENTE o movimento da ponta da vara (o movimento é realmente mínimo).

Assim que a ponta da vara abaixar um pouquinho (com o tempo vc pega o macete), dê um baita TAPA por baixo da vara: E PREPARE-SE, que a briga é bruta . . . joia:::

Quanto a iscas artificiais, peguei uma única corimba (curimba) até hoje; foi no Lago Grande, em Luís Alves, com uma papa black branca com cabeça vermelha/laranja.

Boa sorte e não se esqueça de contar o resultado pra nós.

Forte abraço,

Wellington . . .

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

:bompost:

Sempre tive curiosidade sobre a pesca das curimatãs, mas quando perguntava a resposta era: "não dá pra pegar com anzol"

Agora amigo Belau, vamso comprar umas lantejoulas e marcar a pescaria...KKKKKKKK

Amigo Cavalcante,

Recebi as artificiais que vc mandou pra mim, e já deu um baita resultados !!! PENSE NUM RESULTADO GRANDE...

Peguei as lantejoulas vermelhas que vc deixou pra mim e coloquei no bolso da camisa e fui trabalhar. Cheguei a noite em casa, conversando com a minha esposa e tal, quando tirei a camisa, no meio da conversa, cai no chão aquele brilho todo reluzente e ela bateu logo o olho de águia em cima do retalho...

Aí vc imagine o resultado q deu !!!!! E que ainda tá dando....

E depois pra provar pra ela que aquele retalho de lantejoulas vermelhas, mais parecido com um pedaço da calcinha da feiticeira, era uma isca artificial...

Se algum dia eu ainda for liberado pra ir pescar ligo pra vc´s.

Foi um prazer,

Abraço,

AQUI JAZ, O FUTURISTA CARNAVALESCO PESCADOR DE CURIMATAS

ASS.: FINADO BELAU

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Curimba, Curimbatá, Curimatã... seja qual for o nome, fazer uma boa ceva já ajuda!!!

Tem uma revista Pesca & Cia que foram usadas lantejoulas... de cores vermelha, dourada e prata... e funcionou!!!

Geralmente usa-se massa e anzol... e qualquer mexidinha ou mudança de direção pode ser peixe!!!

Minha mãe, quando pescava no rio São Francisco, pescava esse peixe com vara telescópica, linha fina, chumbadinha e garateia pequena com massa!!!(Vira e mexe ela perdia umas grandes maiores que 05 kg...)

Boa sorte pescador!!!

Caro Amigo Belau,

Fico tirste com o resultado tão desastroso desta isca, mas veja que a culpa no fundo é do Jean que frisou que a lantejoula para pesca de curimatã deve ser vermelha ou dourada. Nã tendo encontrado dourada comprei 20cm de lantejoulas vermelhas e quando passei na Trilha deixei a metada para o amigo pescador "com a melhor das boas intenções".

Agora já avisado do fato que lhe ocorreu, vou tratar de separar as lantejoulas que me restam e enfiar logo em uns anjois pequenos... há sabe comprei tambem algumas missangas ( já imaginou que podem ser confundidas com pedaços de puseira ou colares...) éééé.... camarada preciso me previnir para continuar pescando.

Agora precisamos é achar a tal revista que fala destas tais lantejoulas

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

heheheheheheheheh seila::

esse peixe é o mais dificil de ser fisgado... muita gente fala que ele come de ponta cabeça... mais todos os pescadores que conheço.... utiliza uma "seva" só com farelo... e massa branca... porem... muitas veses esse peixe é pego pelo meio... ou seja... passa na linha... procure pescar em lugares que a agua corrente faz um remanço... com muita seva...e paciencia.. muita msm :D

espero que ajude...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Enrole um pouco de veda-rosca abaixo do olho do anzol, que dá um baita resultado. Mas, produtividade mesmo é a tal de melequinha de farinha de trigo. É aquela que voce enrola com palito. Com material brilhante já pesquei tambem.Funciona quando tem muito peixe. Enrolava aquele aluminio para assar costela e etc. Hoje não faço mais isso, prefiro a meleca, pois, aí entra chimboré, tambiú, saguirú, e os perdidos (piauçu, patinga, piau, etc)

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Cara, não há segredo na pesca de curimba...

Pelo o menos, do jeito e onde eu pesco, dá bastante certo.

Massinha, daquelas comuns que vc compra em qualquer loja de pesca.

Bota num anzol, numa vara qualquer de molinete ou carretilha, lança com uma chumbada e deixa lá. O peixe é manhoso, não mexa na vara até ter certeza de que ou a massa saiu, ou que tem peixe.

Já pesquei o dito cujo na vara de bambu, isca: salsicha.

Na ração com boia e lider bastante grande também da certo...

No mais, boa pescaria! ::tudo::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

ótima pergunta,bom nós aqui no espirito santo, onde eu pesco de vez em quando, tem um lago que tem boas curimatãs, nos usamos vara telescópica 3m adaptada para micro molinete, linha 0,27 á 0,37 mm, chumbo de 5 gramas e uma gara téia pequena com massinha de trigo, ração guabi nº 28 , farinha e um pouco de açucar, se vocÊ nao quizer utilizar molinete, pode ser só a vara telescópica sem adaptação.. falou amigo ??

danca:: Boas Pescarias!!!!! danca::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Sabiki de lantejoulas é a técnica mais produtiva e esportiva,trabalha-se o sabiki como um ''mini-jig'' com um chumbo pequeno no fundo.as vezes vem 2 ou 3 e dá trabalho para tirar em,,,

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olá amigo.

Já tem um tempo que seu tópico está aqui, mas sou novo no fórum, e gosto muito de pegar corimbas, ou como dizemos por aqui Papa-terras.

Infelizmente não tenho aqui fotos para fazer um tutorial para você, mas vou tentar explicar da forma mais simples possível.

Aprendi a pescar este peixe em um lago artificial. Fazia essa pesca uma vez por semana ou uma vez a cada quinze dias e pude aprimorar bem as técnicas de captura.

O primeiro passo para uma boa pescaria de papa-terras é ajeitar a tralha.

Para isso você deve saber a média do tamanho dos peixes que ocorrem onde você vai fazer a pescaria.

Dai você pode comprar uma vara telescópica e uma linha adequadas à situação.

Onde eu pescava, eu usava uma vara de 14lb com um molinete Shimano Spirex 1000 com linha de multi 0,14mm e duas varas telescópicas de 4m daquelas com a ponta mais grossa (mais parruda) e uma linha que variava de 0,50mm a 0,70mm.

Uma boa dia é cortar a ponta da vara telescópica uns 5cm abaixo daquele cordão que vem afixada à vara para se amarrar a linha de pesca. Assim você poderá passar a linha de pesca por dentro da vara e amarrá-la ao cabo. Isso garante que mesmo se a vara quebrar você conseguirá retirar o peixe. Além do que aquele cordãozinho não aguenta desaforo.

já o esquema do anzol que eu indico é o seguinte:

Coloque um anzol Chinu nº6 a 9 atado à linha e uns 10cm abaixo deste, coloque uma pequena garatéia (de preferência reforçada) na mesma linha.

Não é necessária a utilizaçao de chumbada (exceto em lugares que a água for corrente).

A massa que eu faço é bem fácil e extremamente eficiente.

Compre meia dúzia de bananas nanicas. Deixe-as amadurecer até ficarem pretas por fora. Elas não estarão podres, estarão muito maduras e quando você descascá-las estarão muito moles e com a cor amarelo escuro.

Descasque as bananas, adicione farinha de trigo e mel.

vá adicionando a farinha de trigo até que a massa fique igual a uma borracha.

O modo de colocar essa massa no anzol para garantir mais eficiencia é bem curiosa.

Peque a massa e coloque-a entre as duas mãos e faça um movimento de vai-vem, para que ela fique comprida. Então coloque-a desde o anzol chinu até a garatéia e repita o movimento do vai-vem. (cuidado pra garatéia e o anzol não fisgarem sua mão)

a massa esconderá o anzol chinu, os 10cm de linha e a garatéia.

Agora é jogar a linha na água, deixá-la bem esticada e colocar a vara num suporte que permita que ela fique quase na horizontal.

É importante que esse suporte permita que a vara saia em um tapa.

A papa-terra, fica mamando a isca, quando ela der um puxão mais forte você deverá dar um tapa firme na vara para ferrá-la.

Com esta técnica, se o anzol chinú não entrar na boca, a garatéia entrará, seja na boca, seja no queijo ou em qualquer parte da cabeça do peixe.

NÃO TEM ERRO.

DICA DE OURO:

CEVE O LOCAL um dia antes da pescaria com farelo de arroz azedo (basta deixar na água de um dia pro outro, mas quantos mais dias melhor)

LEVE A CEVA também no dia da pescaria. Faça bolas do tamanho de um melão e jogue próximo às suas linhas.

ATENÇÃO MÁXIMA a todo tempo. A papa-terra é sutil e dificilmente se ferra sozinha, sem atenção é bem dificil ter produtividade.

ai meu amigo... é só curtir a puxada, que é uma delícia.

Espero ter ajudado.

Grande Abraço

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Sabiki de lantejoulas é a técnica mais produtiva e esportiva,trabalha-se o sabiki como um ''mini-jig'' com um chumbo pequeno no fundo.as vezes vem 2 ou 3 e dá trabalho para tirar em,,,

Opa, poste uma foto desse Sabiki de lantejoulas.

Abraço

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Uai gente, é o peixe que eu mais pesco!

O problema é que a corimba de açude ou lagoa costuma ter gosto forte de barro, as de rio de água clara não ficam com esse gosto não.

Pra pescar a curimba recomendo o material vara de ação média a lenta, linha 0,35 a 0,45, anzol 06 a 08, secretário.

Na chumbada vc vai prender o quibe, que nada mais é do que uma ceva. Vc mistura terra de formigueiro com farinha de trigo e ração, mistura e molha com a água do rio até fazer uma massa firme, então vc faz tipo um quibe envolvendo a chumbada, a vantagem do quibe é que a ceva fica próxima do anzol, atraindo o peixe aonde vc está jogando.

A isca mais eficiente é o grude, vc mistura farinha de trigo com raspa de queijo e água do rio, mas mistura bem até ficar bem grudento, e cobre o anzol todo.

A técnica consiste em arremessar num local de remanso e que seja mais fundo, o peixe fica no fundo do rio e come material em decomposição e larvas. Arremessando sempre no mesmo lugar você vai estar cevando sempre o mesmo ponto e cedo ou tarde entra um no anzol. A vara deve ficar parada, por isso o secretário é essencial, a beliscada da corimba é bem sutil, você tem que ficar bem atento e tomar cuidado pra não comer mosca. Outra dica é usar 2 ou 3 anzóis, assim você tem menos chance de ter a isca roubada e nem ver.

Espero ter ajudado.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Caro Bilau, ops.... quer dizer Belau , :gorfei: :gorfei: :gorfei: :gorfei: hahahahaha brincadeira...

e o seguinte , tem um topico ai no forum que da muita informação, to mandando o link joia:::

To sem tempo agora Frio:: mas logo te mando mais algumas informações..

Abraço.

viewtopic.php?f=147&t=10636&p=248110&hilit=curimba#p248110

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
Entre para seguir isso  

×