Ir para conteúdo

O FTB foi atualizado e otimizado.

Antes, para visualizar todas as nossas salas, era preciso descer a barra de rolagem por muito tempo. Isto dificultava a nossa vida, principalmente a dos novos usuários, que não encontravam as salas/assuntos de interesse.

Agora as salas foram transformadas em "sub salas" e incluídas em grandes fóruns.

Esperamos que tenham gostado. :amigo:

ThiagoRossi

Membro
  • Total de itens

    1.376
  • Registro em

  • Última visita

  • Dias Ganhos

    3

Histórico de Reputação

  1. Like
    ThiagoRossi recebeu reputação de Edson C. Martins (CAPITÃO) em Qualidade Vídeo Go Pro (tamanho x qualidade imagem)   
    Fala @TiagoAsa.... então não tem jeito mesmo, os vídeos ficam grandes de qq jeito !!! Pensei que poderia estar fazendo algo errado pois ficam consideravelmente grandes os vídeos.
    Vou tentar essa configuração que passou pra ver ficam menores um pouco.
    Obrigado pela dica.
  2. Like
    ThiagoRossi recebeu reputação de Edson C. Martins (CAPITÃO) em Qualidade Vídeo Go Pro (tamanho x qualidade imagem)   
    Bom dia a todos,
    Tenho feito gravações com minha Go Pro mas um vídeo de 10 minutos gera um arquivo de 2,5 Gb.
    Alguém pode dar uma dica ou indicar uma configuração de vídeo que resulte numa qualidade de gravação boa mas que não resulte em vídeos de tamanho tão grandes ?
    Agradeço antecipadamente.
     
  3. Like
    ThiagoRossi recebeu reputação de VitorMorais em 14lb para tucunas...Redai R1 Custom   
    Puxa vida... será que um dia consigo!!!
  4. Upvote
    ThiagoRossi recebeu reputação de Felipe Reinehr Faganello em Lanterna confiavel.   
    Boa tarde ! Se não quiser ter problemas com esse tipo de equipamento vai de Maglite. Comprei um ML50LX e ilumina demais, três modos de luz, ajuste de foco.
    No modo economico as pilhas chegam a durar 150 horas de uso. Não terá preocupação com bateria e coisas do tipo.
    Vai pagar seus 400,00 nela mas é pra deixar pros netos.
    É sem dúvida melhor gastar mais em algo de qualidade que ter que comprar duas dessas chinesas por ano ao custo de uns 100 pila.
    Para se encaixar nos 300,00 que deseja, só escolher outro modelo que não esse de 400,00. No ML tem um vendedor que vender Maglites originais, de confiança. Senão me engano ele é de Goiás.
     
  5. Upvote
    ThiagoRossi recebeu reputação de Armando Ito em VENDA- VARAS DE PESCA PARADAS EM CASA   
    Consegui com a ajuda de um amigo aqui do fórum falar com o Marcelo Moreno que me explicou os motivos que fizeram com que ainda não tenha postado o produto.
    Segundo ele, fará a pastagem.  Vamos aguardar e posto aqui o desenrolar.
  6. Upvote
    ThiagoRossi recebeu reputação de Gabriel Pires em Isca Rapala, Cucu e estojos   
    MP @Gabriel Pires !
    Vai por aqui mesmo, fui mandar MP e diz que você não pode receber mensagens privadas.
     
    Tem como ver quanto fica o frete das duas iscas para o frete 14.910-000. Quero ver se compensa.
    Abraço.
  7. Upvote
    ThiagoRossi recebeu reputação de Dowglas em DESAPROVADO - Pitstop do Pescador   
    Já comprei algumas coisas lá... nunca tive problemas. Espero que consiga resolver isso logo.
  8. Upvote
    ThiagoRossi recebeu reputação de Lorena Almeida em É impressão minha, ou tem pouca gente postando ?   
    Algo que ninguém há de tirar de um fórum é o tanto de conhecimento que nele está armazenado. Passe dias, passe anos, todos retornam.
    Zap zap é momentâneo, você pergunta sobre um equipamento, o tempo passa e depois você volta la nas mensagens tentando achar o que o amigo falou.... já era. Você limpou a conversa.
    Face é a mesma coisa, o fluxo é tão grande e rápido que sua postagem rende curtidas agora, daqui uma hora vai la tentar encontrar ela no rol de postagens de uma pessoa, você fica uma hora passando o dedinho na tela e não encontra mais. Já foi porque milhões de coisas aconteceram e o que você postou já é passado.
    E outro detalhe em relação ao Face, as vezes as pessoas preferem postar no face do que fazer um relato aqui, sua família está no seu face mas não está aqui no fórum, seus amigos de longa data estão no seu face, mas não estão aqui. Tem isso também, há de se pensar nesse ponto.
    O que talvez faça com que as coisas entrem num modo slow motion de postagens no fórum tem a ver com o esgotamento de assuntos. Essa é minha opinião.
    Na prática, um fórum é movido por quem detêm conhecimento sobre assuntos e quem entra pra aprender. É uma troca. Quem entra pra aprender entra pra isso e posta dúvidas, não posta solução (experência/aprendizado que se traduzem em dicas).
    Quando você já tem vários tópicos que tratam sobre os mesmos assuntos e isso tem de porre, quem entra pra aprender até posta a dúvida dele, mas quem está ai pra ajudar fica na dele. Ele já contribuiu em algum tópico, se o faz novamente, faz uma ou duas vezes, depois para.
    Isso é normal. Num fórum, a quantidade de pessoas que entra para aprender é muito superior a quem entra para ensinar. Isso é mais do que normal.
    Então temos um fórum que consome tráfego, os cadastros acontecem mas denovo, mais gente para aprender do que com experiência para ensinar. Por trás desse trafego que se mantem alto pode ter certeza que tem muita gente aprendendo, lendo e relendo tópicos.
    Isso pra mim é melhor do que se fosse o contrário, pois algum dia os que buscam conhecimento hoje se tornarão aqueles que irão ensinar amanhã e o fórum cria condições disso acontencer.
    O cara entra, aprende e vai praticar, quando ele volta, já tem condições de ensinar alguma coisa, por mais simples que seja, sobre o equipamento/técnica que ele adquiriu e isso vai agregando.
    Há forma de melhorar ? minha opinião, deixa rolar... é cíclico o negócio, as pessoas tem um tempo de aprendizado... os que estão para contribuir, já o fizeram muito... tem de haver o tempo dos que querem aprender...
    Sempre surgirão tópicos bons sobre determinados assuntos mesmo porque a evolução continua... equipamentos novos (drones, carretilhas, varas, motores, barcos), técnicas novas, etc...
    Mas é normal que no geral, haja um esgotamento.... afinal já são 10 anos. Mas as coisas fluem, todos retornam... o conhecimento está guardado aqui dentro.
     
  9. Downvote
    ThiagoRossi recebeu reputação de Vinicius Lusa em Navegação cruzeiro (3 mil rpm)   
    Foto show... representação perfeita do que esse mundo representa a todos que apreciam esse esporte.
  10. Upvote
    ThiagoRossi recebeu reputação de Ricardo A. em É impressão minha, ou tem pouca gente postando ?   
    Algo que ninguém há de tirar de um fórum é o tanto de conhecimento que nele está armazenado. Passe dias, passe anos, todos retornam.
    Zap zap é momentâneo, você pergunta sobre um equipamento, o tempo passa e depois você volta la nas mensagens tentando achar o que o amigo falou.... já era. Você limpou a conversa.
    Face é a mesma coisa, o fluxo é tão grande e rápido que sua postagem rende curtidas agora, daqui uma hora vai la tentar encontrar ela no rol de postagens de uma pessoa, você fica uma hora passando o dedinho na tela e não encontra mais. Já foi porque milhões de coisas aconteceram e o que você postou já é passado.
    E outro detalhe em relação ao Face, as vezes as pessoas preferem postar no face do que fazer um relato aqui, sua família está no seu face mas não está aqui no fórum, seus amigos de longa data estão no seu face, mas não estão aqui. Tem isso também, há de se pensar nesse ponto.
    O que talvez faça com que as coisas entrem num modo slow motion de postagens no fórum tem a ver com o esgotamento de assuntos. Essa é minha opinião.
    Na prática, um fórum é movido por quem detêm conhecimento sobre assuntos e quem entra pra aprender. É uma troca. Quem entra pra aprender entra pra isso e posta dúvidas, não posta solução (experência/aprendizado que se traduzem em dicas).
    Quando você já tem vários tópicos que tratam sobre os mesmos assuntos e isso tem de porre, quem entra pra aprender até posta a dúvida dele, mas quem está ai pra ajudar fica na dele. Ele já contribuiu em algum tópico, se o faz novamente, faz uma ou duas vezes, depois para.
    Isso é normal. Num fórum, a quantidade de pessoas que entra para aprender é muito superior a quem entra para ensinar. Isso é mais do que normal.
    Então temos um fórum que consome tráfego, os cadastros acontecem mas denovo, mais gente para aprender do que com experiência para ensinar. Por trás desse trafego que se mantem alto pode ter certeza que tem muita gente aprendendo, lendo e relendo tópicos.
    Isso pra mim é melhor do que se fosse o contrário, pois algum dia os que buscam conhecimento hoje se tornarão aqueles que irão ensinar amanhã e o fórum cria condições disso acontencer.
    O cara entra, aprende e vai praticar, quando ele volta, já tem condições de ensinar alguma coisa, por mais simples que seja, sobre o equipamento/técnica que ele adquiriu e isso vai agregando.
    Há forma de melhorar ? minha opinião, deixa rolar... é cíclico o negócio, as pessoas tem um tempo de aprendizado... os que estão para contribuir, já o fizeram muito... tem de haver o tempo dos que querem aprender...
    Sempre surgirão tópicos bons sobre determinados assuntos mesmo porque a evolução continua... equipamentos novos (drones, carretilhas, varas, motores, barcos), técnicas novas, etc...
    Mas é normal que no geral, haja um esgotamento.... afinal já são 10 anos. Mas as coisas fluem, todos retornam... o conhecimento está guardado aqui dentro.
     
  11. Upvote
    ThiagoRossi recebeu reputação de Fabrício Biguá em É impressão minha, ou tem pouca gente postando ?   
    Algo que ninguém há de tirar de um fórum é o tanto de conhecimento que nele está armazenado. Passe dias, passe anos, todos retornam.
    Zap zap é momentâneo, você pergunta sobre um equipamento, o tempo passa e depois você volta la nas mensagens tentando achar o que o amigo falou.... já era. Você limpou a conversa.
    Face é a mesma coisa, o fluxo é tão grande e rápido que sua postagem rende curtidas agora, daqui uma hora vai la tentar encontrar ela no rol de postagens de uma pessoa, você fica uma hora passando o dedinho na tela e não encontra mais. Já foi porque milhões de coisas aconteceram e o que você postou já é passado.
    E outro detalhe em relação ao Face, as vezes as pessoas preferem postar no face do que fazer um relato aqui, sua família está no seu face mas não está aqui no fórum, seus amigos de longa data estão no seu face, mas não estão aqui. Tem isso também, há de se pensar nesse ponto.
    O que talvez faça com que as coisas entrem num modo slow motion de postagens no fórum tem a ver com o esgotamento de assuntos. Essa é minha opinião.
    Na prática, um fórum é movido por quem detêm conhecimento sobre assuntos e quem entra pra aprender. É uma troca. Quem entra pra aprender entra pra isso e posta dúvidas, não posta solução (experência/aprendizado que se traduzem em dicas).
    Quando você já tem vários tópicos que tratam sobre os mesmos assuntos e isso tem de porre, quem entra pra aprender até posta a dúvida dele, mas quem está ai pra ajudar fica na dele. Ele já contribuiu em algum tópico, se o faz novamente, faz uma ou duas vezes, depois para.
    Isso é normal. Num fórum, a quantidade de pessoas que entra para aprender é muito superior a quem entra para ensinar. Isso é mais do que normal.
    Então temos um fórum que consome tráfego, os cadastros acontecem mas denovo, mais gente para aprender do que com experiência para ensinar. Por trás desse trafego que se mantem alto pode ter certeza que tem muita gente aprendendo, lendo e relendo tópicos.
    Isso pra mim é melhor do que se fosse o contrário, pois algum dia os que buscam conhecimento hoje se tornarão aqueles que irão ensinar amanhã e o fórum cria condições disso acontencer.
    O cara entra, aprende e vai praticar, quando ele volta, já tem condições de ensinar alguma coisa, por mais simples que seja, sobre o equipamento/técnica que ele adquiriu e isso vai agregando.
    Há forma de melhorar ? minha opinião, deixa rolar... é cíclico o negócio, as pessoas tem um tempo de aprendizado... os que estão para contribuir, já o fizeram muito... tem de haver o tempo dos que querem aprender...
    Sempre surgirão tópicos bons sobre determinados assuntos mesmo porque a evolução continua... equipamentos novos (drones, carretilhas, varas, motores, barcos), técnicas novas, etc...
    Mas é normal que no geral, haja um esgotamento.... afinal já são 10 anos. Mas as coisas fluem, todos retornam... o conhecimento está guardado aqui dentro.
     
  12. Upvote
    ThiagoRossi recebeu reputação de Fabio Giovanoni em Embarcação para mar abrigado   
    Minha opinião...

    Antes de olhar borda, se é redonda, quadrada, se flutua, senão flutua... olharia outros pré-requisitos para o uso que deseja.

    Olharia o seguinte:

    Barco com Proa lançada em V > Borda mais alta que a convencional > Motor com potência de sobra pois é ele quem vai lhe tirar do sufoco > Popa fechada, o resto tanto faz.

    Esqueceria qualquer casco que não fosse quilhado, semi quilhado então nem com “bomba”.

    Cascos do tipo, Marfin, Boto, Wave, Robalo... estariam na minha lista, vai do $$$.

    Se optar por olhar esses itens com cuidado, reduz bastante a chance de naufrágio, não evita, claro, mas ajuda bastante. Teria equipamento para tentar evitar.

    Agora se for pra “tomar caldo”, em condições de uso com peso, vai boiar ou afundar de qualquer forma, não é uma borda que vai segurar.

    Agora em relação ao preenchimento para a flutuação, seja de isopor, pet, borrachão... é uma questão de entrar em contato com a fábrica e verificar isso direitinho, dar uma reforçada, algo do tipo.

    Nunca naveguei no mar, isso é fato, teria condições de opinar neste post, tenho.

    Navego a muitos anos no Rio Paraná, um mar de água doce.

    Já topei com situações que qq barco, seja ele da marca que for, “num da conta”.

    Em rio que piloteiro com 30 anos nas costas vira pra ti e diz, vaza parceiro enquanto é tempo, a coisa é feia.

    Por diversas vezes fique horas no barranco esperando passar... eu, uns colegas e suas Marajós.

    Ahhhhhh mas a Marajó num é um barco bom, então “to loco”.

    Fico imaginando como seria no mar.

    Sendo assim, em minha humilde opinião:

    Barco com Proa lançada em V > Borda mais alta que a convencional > Motor com potência de sobra pois é ele quem vai lhe tirar do sufoco > Popa fechada, etc.

  13. Upvote
    ThiagoRossi recebeu reputação de Fabio Giovanoni em Robalo, Miraguaia ou Boto   
    Ao meu ver... em ordem de qualidade e quantidade (minha opinião somente): Boto > Robalo > Miraguaia
  14. Upvote
    ThiagoRossi recebeu reputação de Fabio Giovanoni em Robalo, Miraguaia ou Boto   
    Imaginei... iria de Boto sem dúvida se o $$$ não for problema.
  15. Upvote
    ThiagoRossi recebeu reputação de Leonardo Cortez em Embarcação para mar abrigado   
    Leonardo, logo os mais entendidos aparecem e surgirão muitas opiniões.
    Não vejo outro casco que não os que citou, incluiria também o Boto (uma amigo aqui do fórum, o Kikuta) já navegou com o Boto (Fluvimar) dele em locais como o que citou e, segundo ele, foi tranquilo. Acho que consegue customizar com uma borda mais alta também.
    Outro casco que gosto muito é o Wave da Maresias, baita de um barco e os caras tem bastante expertise na construção de barcos de pequeno porte para uso em mar abrigado, detalhe dele é que é um pouco mais pesado que os 130 Kgs que citou. Mas, como constroem sob encomenda, vale a pena dar uma olhada visto que não fica tão longe de sua cidade.
    Quanto ao motor, barco mais pesado pede motor mais potente e pra esses modelos não tenho experiência pra lhe dizer se o 30 é pouco, inclusive tenho essa dúvida também.
    Se limitar seus gastos em 20 mil, um Tohatsu 30 hoje sai por aproximadamente R$ 10.000,00 a R$ 10.500,00, metade do valor do conjunto, esses cascos mais reforçados geralmente são mais caros.
    Pensaria em um 40 HP usado e de boa procedência que sairia até mais barato, acredito, que um 30 novo. Teria mais motor pra tocar um casco mais pesado como o que busca, com isso teria mais segurança em eventualidades.
    Mas como disse, logo o pessoal aparece e dará dicas com mais conhecimento de causa.
  16. Upvote
    ThiagoRossi recebeu reputação de André Affonso em Qual a Cota de Tucunarés em Paulicéia, SP ( Rio Paraná )   
    André, minha forma de ver as coisas:
    CERTO

     
     
    ERRADO

     
    Boa pescaria
     
     
  17. Upvote
    ThiagoRossi recebeu reputação de Joao Chaves em REFLEXÃO sobre os Torneios de Pesca !   
    REFLEXÃO sobre os Torneios de Pesca

    Antes que digam que sou contra esse tipo de Torneio, deixo claro que sou 1000% a favor pois considero a melhor forma hoje de disseminar a cultura do pesque e solte.

    Trago aqui apenas um pensamento, uma reflexão (deem o nome que quiserem) sobre a forma como são feitos hoje. Vamos falar somente do que acontece dentro do rio, do que nos interessa mais.

    Como funciona hoje!

    Os barcos dão a largada e vão em busca do peixe, alguns andam alguns metros, outros quilômetros (e “bóta” quilômetro nisso). A tendência é que os que andam metros passem a andar quilômetros também pois vão adquirindo equipamentos que possibilitam isso.

    Os pontos de medição são colocados em lugares estratégicos, acredito, bem distribuídos.

    Pensemos a respeito dos peixes que são capturados e colocados nos viveiros para posteriormente serem medidos, assim:

    ·       Imagino uma fêmea ou macho que está cuidando de sua ninhada e que ataca a isca para defendê-los. É (são) capturado (s) e colocado (s) no viveiro e levado (s) para medição (s) a kms de distância do local, o que acaba deixando os “pequenos” completamente vulneráveis.
    ·         Não consigo imaginar esses adultos retornando para o local em que foram capturados para cuidar dos “pequenos”, mesmo que o façam, pode ser tarde.
    ·        Também há de se considerar o estresse do peixe em deixa-lo no viveiro, mesmo que seja para soltá-lo depois.
    ·         Não sei se há mais algo a considerar, além desses 2 itens.

    Existe alguma forma de contornar isso ?

    Acredito que sim, como poderia ser feito ?

    Penso o seguinte:

    No dia do torneio poderia ser disponibilizado a cada embarcação uma régua com um grafismo especifico do torneio para que os peixes sejam capturados e soltos no local. Hoje em dia todos têm um smartphone ou câmera portátil para tirar fotos, item essencial pra quem pratica o pesque solte inclusive.

    Porque o grafismo especifico? Exatamente para evitar que as embarcações apresentem fotos/vídeos tiradas em pescarias anteriores. Divulgando essa régua na hora da largada, todos terão que usá-la e eliminaria completamente a chance de “maracutaia”.

    Hoje em dia o sistema de fotos já é utilizado em caiaques, sabemos. Claro, pela falta do viveiro, pelo tempo que se demora pra chegarem nos pontos de medição, pela dificuldade de medir no caiaque, etc.

    Mas porque não nos barcos?

    Se todos os competidores souberem como fazer a medição correta, fácil de fazer e ensinar, seguir alguns parâmetros para registro por meio de foto ou vídeo, acredito que chegaríamos em um nível superior.

    Alguns podem dizer e seria legal que posicionassem a todos, já estamos pensando em fazer isso ? Mas porque ainda não fizeram? Simples de implementar e colocar em prática.

    Peço desconsiderarem caso considerem esse assunto ultrapassado ou algo do tipo ou que até mesmo não faça sentido falar disso.
    Minha intenção é trocar ideia, pensar, não polemizar.
    Abraço a todos.


  18. Upvote
    ThiagoRossi recebeu reputação de Anderson Luis Ribeiro Blas em REFLEXÃO sobre os Torneios de Pesca !   
    REFLEXÃO sobre os Torneios de Pesca

    Antes que digam que sou contra esse tipo de Torneio, deixo claro que sou 1000% a favor pois considero a melhor forma hoje de disseminar a cultura do pesque e solte.

    Trago aqui apenas um pensamento, uma reflexão (deem o nome que quiserem) sobre a forma como são feitos hoje. Vamos falar somente do que acontece dentro do rio, do que nos interessa mais.

    Como funciona hoje!

    Os barcos dão a largada e vão em busca do peixe, alguns andam alguns metros, outros quilômetros (e “bóta” quilômetro nisso). A tendência é que os que andam metros passem a andar quilômetros também pois vão adquirindo equipamentos que possibilitam isso.

    Os pontos de medição são colocados em lugares estratégicos, acredito, bem distribuídos.

    Pensemos a respeito dos peixes que são capturados e colocados nos viveiros para posteriormente serem medidos, assim:

    ·       Imagino uma fêmea ou macho que está cuidando de sua ninhada e que ataca a isca para defendê-los. É (são) capturado (s) e colocado (s) no viveiro e levado (s) para medição (s) a kms de distância do local, o que acaba deixando os “pequenos” completamente vulneráveis.
    ·         Não consigo imaginar esses adultos retornando para o local em que foram capturados para cuidar dos “pequenos”, mesmo que o façam, pode ser tarde.
    ·        Também há de se considerar o estresse do peixe em deixa-lo no viveiro, mesmo que seja para soltá-lo depois.
    ·         Não sei se há mais algo a considerar, além desses 2 itens.

    Existe alguma forma de contornar isso ?

    Acredito que sim, como poderia ser feito ?

    Penso o seguinte:

    No dia do torneio poderia ser disponibilizado a cada embarcação uma régua com um grafismo especifico do torneio para que os peixes sejam capturados e soltos no local. Hoje em dia todos têm um smartphone ou câmera portátil para tirar fotos, item essencial pra quem pratica o pesque solte inclusive.

    Porque o grafismo especifico? Exatamente para evitar que as embarcações apresentem fotos/vídeos tiradas em pescarias anteriores. Divulgando essa régua na hora da largada, todos terão que usá-la e eliminaria completamente a chance de “maracutaia”.

    Hoje em dia o sistema de fotos já é utilizado em caiaques, sabemos. Claro, pela falta do viveiro, pelo tempo que se demora pra chegarem nos pontos de medição, pela dificuldade de medir no caiaque, etc.

    Mas porque não nos barcos?

    Se todos os competidores souberem como fazer a medição correta, fácil de fazer e ensinar, seguir alguns parâmetros para registro por meio de foto ou vídeo, acredito que chegaríamos em um nível superior.

    Alguns podem dizer e seria legal que posicionassem a todos, já estamos pensando em fazer isso ? Mas porque ainda não fizeram? Simples de implementar e colocar em prática.

    Peço desconsiderarem caso considerem esse assunto ultrapassado ou algo do tipo ou que até mesmo não faça sentido falar disso.
    Minha intenção é trocar ideia, pensar, não polemizar.
    Abraço a todos.


  19. Upvote
    ThiagoRossi recebeu reputação de Marcelo Pupim em REFLEXÃO sobre os Torneios de Pesca !   
    REFLEXÃO sobre os Torneios de Pesca

    Antes que digam que sou contra esse tipo de Torneio, deixo claro que sou 1000% a favor pois considero a melhor forma hoje de disseminar a cultura do pesque e solte.

    Trago aqui apenas um pensamento, uma reflexão (deem o nome que quiserem) sobre a forma como são feitos hoje. Vamos falar somente do que acontece dentro do rio, do que nos interessa mais.

    Como funciona hoje!

    Os barcos dão a largada e vão em busca do peixe, alguns andam alguns metros, outros quilômetros (e “bóta” quilômetro nisso). A tendência é que os que andam metros passem a andar quilômetros também pois vão adquirindo equipamentos que possibilitam isso.

    Os pontos de medição são colocados em lugares estratégicos, acredito, bem distribuídos.

    Pensemos a respeito dos peixes que são capturados e colocados nos viveiros para posteriormente serem medidos, assim:

    ·       Imagino uma fêmea ou macho que está cuidando de sua ninhada e que ataca a isca para defendê-los. É (são) capturado (s) e colocado (s) no viveiro e levado (s) para medição (s) a kms de distância do local, o que acaba deixando os “pequenos” completamente vulneráveis.
    ·         Não consigo imaginar esses adultos retornando para o local em que foram capturados para cuidar dos “pequenos”, mesmo que o façam, pode ser tarde.
    ·        Também há de se considerar o estresse do peixe em deixa-lo no viveiro, mesmo que seja para soltá-lo depois.
    ·         Não sei se há mais algo a considerar, além desses 2 itens.

    Existe alguma forma de contornar isso ?

    Acredito que sim, como poderia ser feito ?

    Penso o seguinte:

    No dia do torneio poderia ser disponibilizado a cada embarcação uma régua com um grafismo especifico do torneio para que os peixes sejam capturados e soltos no local. Hoje em dia todos têm um smartphone ou câmera portátil para tirar fotos, item essencial pra quem pratica o pesque solte inclusive.

    Porque o grafismo especifico? Exatamente para evitar que as embarcações apresentem fotos/vídeos tiradas em pescarias anteriores. Divulgando essa régua na hora da largada, todos terão que usá-la e eliminaria completamente a chance de “maracutaia”.

    Hoje em dia o sistema de fotos já é utilizado em caiaques, sabemos. Claro, pela falta do viveiro, pelo tempo que se demora pra chegarem nos pontos de medição, pela dificuldade de medir no caiaque, etc.

    Mas porque não nos barcos?

    Se todos os competidores souberem como fazer a medição correta, fácil de fazer e ensinar, seguir alguns parâmetros para registro por meio de foto ou vídeo, acredito que chegaríamos em um nível superior.

    Alguns podem dizer e seria legal que posicionassem a todos, já estamos pensando em fazer isso ? Mas porque ainda não fizeram? Simples de implementar e colocar em prática.

    Peço desconsiderarem caso considerem esse assunto ultrapassado ou algo do tipo ou que até mesmo não faça sentido falar disso.
    Minha intenção é trocar ideia, pensar, não polemizar.
    Abraço a todos.


  20. Upvote
    ThiagoRossi recebeu reputação de Rodrigo Pontara em Barco Levefort Squalus 600s   
    E ai Rodrigo... como vai?
    Coloca as fotos ai pra darmos uma olhada. Quero ver esse seu barco.
    Abs
×
×
  • Criar Novo...