Ir para conteúdo
Entre para seguir isso  
Carlos Vettorazzi

BARCELOS (MUITO SECO), DEZEMBRO DE 2015

Posts Recomendados

BARCELOS – DEZEMBRO DE 2015

 

 

Foi um ano de muitas trocas de ideias, pessoalmente ou por e-mails, e de reuniões praticamente mensais, com a ansiedade a cada dia se aproximando mais do limite. Mas, enfim, dezembro chegou e com ele a nossa tão aguardada pescaria em Barcelos.

 

Eu checava o nível do rio Negro com frequencia, pelos sites da Agência Nacional de Águas e da CPRM e a preocupação era se haveria água suficiente para uma boa pescaria, uma vez que o El Niño tratou de “enxugar” os rios da região.

 

 

1_zpsqszxi7so.jpg

 

 

O encontro da turma toda foi no café-da-manhã no hotel em Manaus, já que não foi possível todos viajarem juntos de Piracicaba a Manaus.

 

O voo fretado de Manaus a Barcelos foi bastante tranquilo, rápido e confortável. O movimento de pescadores era pequeno, porém compreensível pela proximidade com o Natal.

 

 

2_zpsxsa67qbv.jpg

 

 

3_zps667iugrd.jpg

 

 

Lá embaixo as previsões se confirmavam. Praias e mais praias ao longo do Negro e dos afluentes.

 

 

4_zpsghjin1va.jpg

 

 

Enfim, Barcelos. Terra dos açus!

 

 

5_zps3v83dvqy.jpg

 

 

No porto de Barcelos, onde o nível baixo da água chamava a atenção, fizemos a foto oficial da turma. Da esquerda para a direita: Álvaro, Cláudio, Carlos (eu), Wilson, Thomas e Chaud.

 

 

6_zpsvlwpabhk.jpg

 

 

7_zpsqjutdikv.jpg

 

 

A proposta do pessoal do nosso barco, o Poraquê, era de pescarmos no rio Itu, onde haviam feito boas pescarias na temporada e o nível ainda estaria dando para navegar. E foi para lá que rumamos.

 

 

8_zpskdfzcb4f.jpg

 

 

Preparando a tralha.

 

 

9_zpsmakw73tt.jpg

 

 

Na primeira tarde de pesca, já na região da boca do Itu, tivemos muitas ações, mas de peixes pequenos.

 

 

10_zpsy70w0up1.jpg

 

 

11_zpsgp05vzpc.jpg

 

 

12_zps0xljkyww.jpg

 

 

13_zps5m3ekail.jpg

 

 

14_zpscuy4mpuj.jpg

 

 

15_zpsaqzfekui.jpg

 

 

16_zpskz1jubt0.jpg

 

 

No dia seguinte os peixes maiores começaram a aparecer.

 

 

17_zpsejpo4gtx.jpg

 

 

18_zpsdsmr398t.jpg

 

 

19_zpsswugkmgk.jpg

 

 

20_zps0kkj7rst.jpg

 

 

21_zpsx1rg70vn.jpg

 

 

22_zpsnd0dxzdt.jpg

 

 

A nossa parada para o almoço foi em uma praia belíssima.

 

 

24_zpsxded0sl9.jpg

 

 

23_zpszuieuflz.jpg

 

 

25_zpsyc8ztrqt.jpg

 

 

26_zpskx5rrdbt.jpg

 

 

O nível baixo e a água limpa nos permitiam ver os peixes em alguns locais.

 

Em uma ressaca muito rasa eu fiquei impressionado com a quantidade de arraias, de todos os tamanhos. Nunca antes havia visto tantas juntas. Logo me veio à cabeça o risco que corremos quando entramos na água para arrastar os barcos para algum lago.

 

Estávamos preocupados com o nível do rio, que estava secando muito rapidamente.

 

 

27_zpsqr3myygd.jpg

 

 

28_zpsxjrhlkm1.jpg

 

 

29_zpsfliwexz9.jpg

 

 

30_zpsttivptsd.jpg

 

 

31_zpsb39tcpoj.jpg

 

 

32_zps2f9j2dr9.jpg

 

 

No dia seguinte, terça-feira, conseguimos pescar no Itu apenas até a hora do almoço. Tivemos que voltar ao Negro, pois o risco de ficarmos encalhados no afluente era muito grande.

 

Nesse dia saíram alguns peixes de bom tamanho, inclusive os maiores da pescaria.

 

 

33_zpsrx7qayi3.jpg

 

 

34_zpsjakuqycz.jpg

 

 

35_zpslzcheopk.jpg

 

 

36_zpsmzwtozic.jpg

 

 

37_zpsd1tzxshv.jpg

 

 

38_zpsl6xib8gw.jpg

 

 

39_zpsht3phub7.jpg

 

 

40_zpsmhaojvdw.jpg

 

 

41_zpsgxfitqow.jpg

 

 

42_zpsj3jt8qnw.jpg

 

 

Começamos a descer o Negro e nele pescamos até o final da semana. Exploramos praias, paranãs, lagos e ilhas e os peixes foram saindo. E saíram em boa quantidade.

 

 

43_zpsbhbkos5m.jpg

 

 

44_zpsm83hdomt.jpg

 

 

45_zpsxr2g7hpp.jpg

 

 

46_zpsucdpbtwc.jpg

 

 

47_zps6pd39dsl.jpg

 

 

48_zpslwsbeo81.jpg

 

 

49_zpspllj7rzt.jpg

 

 

50_zpsvr2hir1u.jpg

 

 

51_zpsgbexpjm6.jpg

 

 

52_zpsemnihgnb.jpg

 

 

53_zpshvbis056.jpg

 

 

54_zpsrgky8u2x.jpg

 

 

56_zpskfsz7glh.jpg

 

 

57_zpsmbpegdrc.jpg

 

 

 

59_zpss8jhauvb.jpg

 

 

60_zpsk0ssfzsa.jpg

 

 

61_zps2bzk7oam.jpg

 

 

Na sexta-feira à noite fomos presenteados com um churrasco maravilhoso, comemorando nossa excelente pescaria. O lugar escolhido era belíssimo.

 

 

62_zps2l5dxlh2.jpg

 

 

63_zpsljegicaj.jpg

 

 

64_zpsm9xzrpx3.jpg

 

 

65_zpsobkvbuos.jpg

 

 

66_zpsaewilryp.jpg

 

 

67_zpslgt7rbim.jpg

 

 

68_zpsmc6a9bvj.jpg

 

 

Sábado, nosso último dia de pescaria, amanheceu com um céu fantástico.

 

 

69_zps7s0trwdq.jpg

 

 

70_zpsdvgestuv.jpg

 

 

Já estávamos bem próximos a Barcelos e mesmo assim a pescaria foi bem produtiva.

 

 

71_zpsbldwlcfu.jpg

 

 

72_zpsbmyjmajh.jpg

 

 

73_zps0tcwsqiy.jpg

 

 

74_zpsgjcudwey.jpg

 

 

75_zpske1a4w3u.jpg

 

 

55_zpswckomfym.jpg

 

 

Resumidamente, podemos dizer que foi uma pescaria excelente em termos de quantidade, com muitos peixes na faixa de quatro a seis quilos. No quesito qualidade foram poucos os troféus, mas o suficiente para deixar a todos bastante satisfeitos com a pescaria.

 

 

Quanto às iscas, pescamos praticamente apenas com as de superfície. Em algumas poucas situações tivemos que usar as twitch baits e os jigs. Eu, particularmente, durante noventa e cinco por cento do tempo, pesquei apenas com duas iscas: jumpin’ minnow e rip roller.

 

 

76_zpso0z7vz8i.jpg

 

 

Outras iscas que deram bons resultados para os companheiros, além das duas já citadas, foram a Bonnie 128 e a Dr. Spock, da KV.

 

 

Após uma semana, estávamos de volta a  Barcelos.

 

 

77_zpsynn4yxft.jpg

 

 

Fim da pescaria.

 

 

78_zpsevvi5vp4.jpg

 

 

Até a próxima rio Negro!

 

 

79_zpswtgzsml8.jpg

 

 

Na minha opinião, o ponto alto da pescaria foi o entrosamento do grupo. Não faltou alegria, companheirismo e disposição para ninguém. Foi apenas a minha segunda pescaria em Barcelos, mas para os outros cinco era a sua estreia com os açus e eles ficaram tão contentes que a próxima já está agendada.

 

 

80_zpsfpypfeof.jpg

 

 

Quero deixar aqui registrado meu agradecimento a toda a equipe do Poraquê, que se desdobrou para que fizéssemos uma boa pescaria.

 

Quero deixar também um abraço a cada um dos parceiros, que contribuíram para que essa tenha sido uma das melhores pescarias que já fiz.

 

E, finalmente, quero agradecer a Deus e a minha família por mais essa oportunidade de passar uma semana maravilhosa na Amazônia, fazendo uma das coisas que mais gosto, que é pescar ao lado dos amigos!

 

 

Um grande abraço a todos.

 

 

Carlos Vettorazzi

Piracicaba, fevereiro de 2016

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Amigo Carlos,

 

Que belo relato com ótimas fotos !  ::tudo:: 

Sem qualquer dúvida, esses esquemas de grupos menores tendem a aproximar (ainda mais) os companheiros do Grupo, inclusive no desfrute da pescaria !

arrow:: Conheço o rio Itu, com suas muitas curvas de acesso, e seus lagos com bastante saicangas - não as encontrou ??  ::fishing 

O local é de fato muito bonito, ainda mais seco como se apresentou !

arrow:: Mas acredito que o bom mesmo foi o nosso "velho e produtivo Negro", que nunca nos deixa na mão !  mestre::

arrow:: O visual sempre é fantástico, com suas praias de areias finas e águas transparentes, sempre convidativas !  palmas::

Tem uma foto (vou ver se a reproduzo abaixo) que me parece estarem debatendo a "situação do cenário brasileiro"...  :gorfei:

 

Pescari%20Dez%202015%20-%20Carlos%201_zp

 

Não me lembro de ter visto Barcelos com tão pouca água assim ! Certa feita encontrei algo parecido em Santarém, numa das piores secas havidas na região, mas que muito se aparentava a essa situação que vocês encontraram ! A navegação só podia ser feita nos canais !  :choquei:

 

arrow:: Felizmente vocês superaram todas essas adversidades, e mais que isso, fizeram uma ótima pescaria com belíssimos exemplares fotografados !

 

A T20 mostrou sua comprovada eficácia (como de hábito) e as hélices ainda desentocaram uns belos exemplares...  ::fishing

Não chegaram a testar umas sub-superfícies (twitch bait) ? Deveriam estar no seu elemento com águas tão baixas e transparentes !

 

Foram de ATR e voltaram de Caravan ? Foi o que me pareceu pelas fotos... Usaram o Magal (despacho aéreo) nos "transfers" de Manaus / Barcelos ?

 

Não pesquei no Poraquê, mas sempre ouvi falar muito bem dele, o que se comprova mais uma vez pelo seu relato !  palmas::

 

Por fim, e contrariamente ao que as pessoas possam pensar, a região próxima a Barcelos é SEMPRE fantástica !  :choquei:

arrow:: Mesmo com tantos pescadores lançando iscas na temporada, nunca deixa de produzir bons resultados !

Tem uma sequência de lagos praticamente dentro da cidade, que sempre nos brinda com exemplares próximos à 8 quilos !  ::fish2 

 

Pelo visto, já entraram no "vício" de começarem a se programar para retornar na próxima temporada ! Isso é mais que normal !  aplauso::

 

arrow:: Mais uma vez PARABÉNS pelos resultados apresentados !  doutor::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

aplauso::  aplauso::  aplauso:: Maravilha de narrativa, belos exemplares em outubro será minha vez de pescar o açu expectativa desde já muito grande... Parabéns a todos pela linda empreitada.

 

Abraçoss.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Excelente pescaria professor, aliás, como sempre!

 

Esse ano o negócio está feio lá por cima. Ontem vi na TV que a represa de Balbina secou. O pessoal das pousadas estão pescando no leito do Uatumã no meio da represa.

 

abs.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Amigo Carlos,

 

Que belo relato com ótimas fotos !  ::tudo:: 

Sem qualquer dúvida, esses esquemas de grupos menores tendem a aproximar (ainda mais) os companheiros do Grupo, inclusive no desfrute da pescaria !

arrow:: Conheço o rio Itu, com suas muitas curvas de acesso, e seus lagos com bastante saicangas - não as encontrou ??  ::fishing 

O local é de fato muito bonito, ainda mais seco como se apresentou !

arrow:: Mas acredito que o bom mesmo foi o nosso "velho e produtivo Negro", que nunca nos deixa na mão !  mestre::

arrow:: O visual sempre é fantástico, com suas praias de areias finas e águas transparentes, sempre convidativas !  palmas::

Tem uma foto (vou ver se a reproduzo abaixo) que me parece estarem debatendo a "situação do cenário brasileiro"...  :gorfei:

 

Pescari%20Dez%202015%20-%20Carlos%201_zp

 

Não me lembro de ter visto Barcelos com tão pouca água assim ! Certa feita encontrei algo parecido em Santarém, numa das piores secas havidas na região, mas que muito se aparentava a essa situação que vocês encontraram ! A navegação só podia ser feita nos canais !  :choquei:

 

arrow:: Felizmente vocês superaram todas essas adversidades, e mais que isso, fizeram uma ótima pescaria com belíssimos exemplares fotografados !

 

A T20 mostrou sua comprovada eficácia (como de hábito) e as hélices ainda desentocaram uns belos exemplares...  ::fishing

Não chegaram a testar umas sub-superfícies (twitch bait) ? Deveriam estar no seu elemento com águas tão baixas e transparentes !

 

Foram de ATR e voltaram de Caravan ? Foi o que me pareceu pelas fotos... Usaram o Magal (despacho aéreo) nos "transfers" de Manaus / Barcelos ?

 

Não pesquei no Poraquê, mas sempre ouvi falar muito bem dele, o que se comprova mais uma vez pelo seu relato !  palmas::

 

Por fim, e contrariamente ao que as pessoas possam pensar, a região próxima a Barcelos é SEMPRE fantástica !  :choquei:

arrow:: Mesmo com tantos pescadores lançando iscas na temporada, nunca deixa de produzir bons resultados !

Tem uma sequência de lagos praticamente dentro da cidade, que sempre nos brinda com exemplares próximos à 8 quilos !  ::fish2 

 

Pelo visto, já entraram no "vício" de começarem a se programar para retornar na próxima temporada ! Isso é mais que normal !  aplauso::

 

arrow:: Mais uma vez PARABÉNS pelos resultados apresentados !  doutor::

 

 

Caro Kid

 

Esse esquema de grupos pequenos é realmente muito bom. Já pesquei por diversas vezes (teimosia) em grupos grandes (mais de dez pessoas) e as experiências, em geral, não foram totalmente positivas.

 

O rio Itu é muito bonito mesmo, pena que não conseguimos subir mais e pescar por lá por mais tempo.

 

Não encontrei as saicangas, mas, em compensação, tinha traíra de monte. Em alguns lugares, era só arremessar rente à margem e trabalhar um pouco o stick que a pancada vinha. E cada cavala...

 

A T20 foi, para mim, a isca da semana, ao lado da rip roller, mas esqueci de dizer que a sará-sará também pegou muitos peixes. Usei a perversa no início da pescaria mas, depois que afirmei com a T20, praticamente não usei outros plugs.

 

O voo para Barcelos foi contratado pela nossa operadora. Quem estava no Eduardinho nos auxiliando era a Lene. Fomos de Brasília e voltamos de Caravan.

 

Quanto à foto que você destacou, longe de nós estarmos debatendo a "situação do cenário brasileiro" rsrsrs. Após uma semana de pinchos, a "molecada" estava entregue. Uma questão puramente de "data de nascimento" rsrsrs.

 

Grande abraço!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

aplauso::  aplauso::  aplauso:: Maravilha de narrativa, belos exemplares em outubro será minha vez de pescar o açu expectativa desde já muito grande... Parabéns a todos pela linda empreitada.

 

Abraçoss.

 

 

João, vá se preparando, pois a pescaria lá por cima é sempre uma experiência única.

O duro é lidar com essa ansiedade não é mesmo?

 

Abraço!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Belo relato e lindas imagens, parabéns ao grupo.

Tenho certeza que a próxima vai ser melhor ainda!

Enviado de meu SM-G355M usando Tapatalk

 

Muito obrigado.

Deus te ouça e que a próxima seja ainda melhor!

 

Abraço!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Mais um ótimo relato Carlos, obrigado por compartilhar !

 

 

abraços

 

 

Law

 

 

Muito obrigado Law!

 

Seus relatos também são excelentes, mas faz tempo que não relata mais suas pescarias. Seus relatos fazem falta!

 

Grande abraço!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

No final de novembro tambem fiz uma maravilhosa pescaria com o poraque no rio itu, só eu peguei mais de 300 peixes alguns de 9 quilos, pescaria dos sonhos!

 

 

Dalcio, espero voltar algum dia no rio Itu.

Além de ser um rio bonito, tem muito peixe bom!

 

Abraço!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

até hoje não aprendi a postar as fotos, que vergonha! ajuda aí Fabricio! já li e reli as instruções mas não estou conseguindo! analphabite é a mãe rsrsrs

 

 

Dalcio, o primeiro passo é armazenar as fotos em um site como, por exemplo, o Photobucket.

Você já fez isso?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Excelente pescaria professor, aliás, como sempre!

 

Esse ano o negócio está feio lá por cima. Ontem vi na TV que a represa de Balbina secou. O pessoal das pousadas estão pescando no leito do Uatumã no meio da represa.

 

abs.

 

 

Grande Gilson!

 

A coisa está mesmo feia por lá.

Fico só imaginando Balbina seca, com aquela pauleira toda.

 

Grande abraço!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa

Você pode postar agora e se registrar depois. Se você tem uma conta, CLIQUE AQUI para postar com a sua conta.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.

Processando...
Entre para seguir isso  

×
×
  • Criar Novo...