Ir para conteúdo
Kid M

Rio Negro - Temporada 2020 ???

Rio Negro - Temporada 2020 ???  

39 votos

  1. 1. Como estarão as operações de pesca na temporada ?

    • Operações em menor número mais funcionando sem maiores problemas
    • Ainda em dúvida se vai querer pescar na Amazônia nesta temporada
    • Vamos enfrentar dificuldades, mas elas serão encaradas por todos que estiverem por lá
    • Acesso aéreo será duvidoso, mas tem sempre a opção do regional ou o expresso
    • Não vai dar para perder a temporada de modo que vou de qualquer jeito
    • Grupos comunitários pois não haverá demanda para exclusividade na maior parte das datas escolhidas
  2. 2. Relação financeira com o operador escolhido pelo / para o Grupo

    • Corro o risco de ter que mudar a data, mas pagamento de 100% honrado previamente
    • Corro o risco de data prorrogada, mas pagamento é parcial (inferior à 50% do total)
    • Sei do risco, mas mesmo assim acredito que o operador vai dar seu jeito, até porque recebeu 100%
    • Desejo algo que permita pagar um sinal (30%) e o restante no acesso à pescaria, quando esta ocorrer...
    • Optei em pagar mais caro num operador tradicional (ou premium) por conta disso, já que é dele o risco.
    • Preciso "rediscutir as condições contratuais" com o operador, principalmente com vistas aos pagamentos.


Posts Recomendados

Barcelos.jpg.d9e502f4e57c08aadbe4c94d3d638fbf.jpg

 

Como estarão as operações de pesca na temporada (a partir de agosto) ?

 

Um grande desafio pela frente, não apenas para os Grupos tradicionais, mas principalmente para os operadores.

Independente do controle da pandemia que já poderá ter acontecido (há controvérsias), tem a questão da economia regional.

Num procedimento tradicional, o fluxo semanal de chegadas e partidas dos Grupos "roda" a economia e a viabilidade da pesca.

Num cenário mais cruel (que espero não aconteça), o fluxo financeiro gerado por essas operações terá uma acentuada queda. 

Na verdade estamos sempre antecipando situações que em tese não deveriam estar acontecendo até como "resguardo" dos clientes.

Algo inquestionável é ter a pescaria paga antes da mesma se iniciar, mas fazer antecipações nessa situação é bem complicado.

Coerente (a meu ver) é ter algo do tipo de 30% de adiantamento por conta de reserva do período escolhido e o resto "contra entrega".

Longe de pretender não reconhecer a lisura de grande parte dos operadores, alguns dos quais até aceitam transferir datas previamente acertadas.

A questão é um pouco mais complexa, pois os custos de um fluxo não contínuo podem gerar até a inviabilidade da temporada...

Lembrem-se que o avião que traz os novos grupos é o mesmo que leva o anterior e o custo é dividido por ambos os grupos...

E se não tiver "antes e depois", como é que trata os que estão firmes no propósito de chegar no destino e se isolar por diversos dias ?

Sem pretender ser alarmista, é bastante possível (infelizmente) que parte das operações não sejam mais viáveis e venham a fechar.

Sendo ainda mais enfático, como estará a saúde e economia desses portos ribeirinhos de onde os barco-hotéis se abastecem ? 

Por conta disso já retratado é que me chama atenção (daí a enquete) para saber o que pensam dessa situação...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Complementando minhas observações (ou receios), um aviso que me chegou hoje.

A Bahia não terá sua festa de interior mais popular que é o São João, por conta do COVID

Essa já era alguma coisa que se tornou esperado com a disseminação da pandemia.

Mas o prefeito de Salvador informou hoje que também o carnaval de 2021 poderá não acontecer.

Segundo ele, um evento que reúne 3 milhões de foliões durante uma semana não teria condições de ser controlada.

Ou seja, mesmo que seja cedo para se ter essa visibilidade, há preocupação com o tema, logo...  

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Kid, sem dúvida as suas considerações são muitíssimo pertinentes.

A situação não será simples de ser resolvida, e por várias outras questões (além das já elencadas por você).

O receio de levar o vírus para as aldeias será tão grande q pode acontecer do município não autorizar a pesca esportiva na região.

Vários pescadores/clientes perderam seus empregos ou tiveram suas receitas reduzidíssimas. Isso poderá inviabilizar vários grupos. Some-se aí os mais idosos, que são uma parcela considerável dos que frequentam a região, até por já estarem mais estabilizados economicamente. O problema é q estes são do grupo de risco (acima de 60 anos e/ou possuidores de comorbidades).

 

Fato é q muita coisa poderá ocorrer. Prudência aos grupos (pagando apenas 30% do sinal), com a opção de remarcação para uma data não tão distante.

Confiar no "poder financeiro" do operador tb é fundamental. Tem muito grupo aí q não faz ideia de como andam as condições da empresa contratada. Isso vai dar o q falar, pode apostar.

 

Mas vamos acompanhando para ver onde o problema irá chegar...😉

 

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pois então pessoal, vamos participar da enquete. :help:

arrow:: Não tem custo, não dói, e trata-se apenas do SEU ponto de vista. seila::

Não precisa sequer se preocupar com a pescaria, pois buscamos apenas agregar opiniões.

arrow:: Quanto mais participações tivermos, melhor será a "leitura do resultado".

Claro que isso não tem nada a ver com os operadores, até pelo contrário... ::bassboat::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Bom,não estou na lista dos que iriam ou vão pra Amazônia esse ano,mas queria aproveitar o tópico também (sem desviar o foco principal,que é Amazônia),para lembrar de outras regiões que já estão sofrendo as consequências da falta de pescadores,como Pantanal e principalmente rio Araguaia. Acontece que estamos no exato momento do início da mais alta temporada do Araguaia (maio a julho) e quase todas as cidades ribeirinhas estão proibidas de receberem turista. No Araguaia, o turismo de pesca normalmente vai de meados de março até agosto (tendo seu pico nos meses de maio,junho e julho) justamente os meses mais afetados.Rotineiramente,os meses de setembro e outubro já não são de grande importância para o setor,pois são meses de rio muito seco e consequentemente,baixa temporada. Como então irão fazer as pousadas?Se justamente no período deles ganharem o dinheiro do ano todo,estão fechados. No meu caso,tenho um grupo de 10 pessoas e iríamos pro Cristalino em junho.Já cancelamos e remarcamos pra junho de 2021.Uma parcela de pouco mais de 20% do valor total foi depositada,e estamos aguardando pra vermos se poderemos depositar mais um pouco ainda esse ano.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Realmente uma situação muito complicada para todos nós e tenho sofrido com isso.  Estamos com uma pescaria marcada para setembro no rio uatumã na Pousada do Dica (Pousada Tarumã) e cercado de dúvidas como:

1) Teremos condições sanitárias de ir no caos que está Manaus?

2) O grupo irá conseguir manter o pagamento combinando?( Infelizmente dois do meu grupo já sinalizaram que não)

3) como fazer com a logística? Eu que estou organizando essa parte e tem hotel, passeios, translado e tudo mais que exigem sinal de reserva.

 

Duas semanas atrás optamos por comprar as passagens para Manaus cercados de confiança.

 

Agora é aguardar e, no meu caso, ter fé em Deus que em breve tudo será resolvido não apenas pela pescaria, mas por vários outros aspectos.

 

Um abraço e saúde a todos!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Fabrício,

 

Suas dúvidas são mais que preocupantes e não se afastam da maioria dos que pretendem ir à Amazônia esta temporada.

1 - Condições sanitárias em Manaus é algo MUITO PREOCUPANTE pois a população não tem condições de seguir as orientações governamentais. O "vírus" ainda irá "pegar" muita gente... negativo::

2 - Outro ponto que é complicadíssimo. Não me refiro a "honrar" mais de "produzir o recurso". Com a economia do jeito que está, não vejo um cenário de melhoria (para as pessoas) ainda em 2020. Conada

3 - A logística só pode funcionar com os serviços funcionando e isso é algo totalmente imprevisível, não pelo desejo, mas pela ausência de público. Não estranharei se houver uma determinação de paralização de atividades não essenciais na cidade e seus arredores. Se é assim em Manaus, já pensou em outros lugares ainda com menor infraestrutura ?

 

Me parece ser conveniente avaliar com a companhia aérea a possibilidade de transferir as passagens emitidas, só como garantia. 

 

Quando postei a ENQUETE tinha o propósito de chamar a ATENÇÃO de algumas dessas situações com antecedência, até para que elas pudessem se ajustar à realidade.

Claro que ainda temos "alguns meses" pela frente, mas será que o cenário desejado para fazer uma pescaria na região será aquele pelo qual estaremos pagando ?

Indo um pouco além, será que os "operadores" tiveram condições de manter suas programações (inclusive pessoal) nesse período? Temo por muitos fechamentos... :blush:

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Kid M a remarcação com a companhia aérea já até estamos alinhados. Mas o ponto que levantou de encontrar as condições pelas quais pagamos no pacote realmente são difíceis de saber. No caso só nos resta aguardar e segurar bem a ansiedade, pois as chances de ser remarcada essa viagem são grandes

Um abraço, saúde e boas pescarias a todos!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Partindo do princípio que nossos pacotes foram ou serão contratados junto a empresas/operações sérias que nos darão todo o suporte inclusive no quesito de locomoção Manaus/Barcelos/Manaus ( no meu caso), me resta como principal preocupação a questão sanitária!

Pelo que estamos vendo em Manaus, a pandemia esta totalmente descontrolada e sem perspectiva de melhora no curto/medio prazo. Os hospitais lotados, gente morrendo .... caos total !!!!

Mas a pergunta é .... Se hoje em nossos lares, estamos nos cuidado e respeitando a quarentena, o distanciamento social, nós privando do contato com entes queridos....será que é conveniente ou até inteligente  irmos para uma região que esta impregnada por uma doença de certa forma letal ou com alta taxa de letalidade, para fazer uma pescaria ??? Imagina se um piloteiro, membro da tripulação ou um turista do seu grupo da um espirro do seu lado ? Acabou a pescaria .................

Sei lá..... estou com 7 temporadas ininterruptas em Barcelos e com minha próxima já marcada para novembro/20, mas sinceramente meu sentimento não é dos melhores para este ano... Até que ponto vale o risco ....

 

abraço a todos

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
5 horas atrás, Alexandre Gomes de Almeida disse:

Pelo que estamos vendo em Manaus, a pandemia esta totalmente descontrolada e sem perspectiva de melhora no curto/medio prazo.

Alexandre,

Acredito que seu posicionamento está mais que coerente.

O "problema" nem sempre é a operação, mas seu entorno.

Que fique claro meu respeito e admiração aos empresários operadores do Rio Negro ( e de toda a Amazônia

A situação de descontrole ao combate da pandemia na região amazônica é muito preocupante e sem prazo visível de encerramento.

Por mais que tentemos encontrar um caminho seguro para chegar ao meio do rio, os riscos serão inevitáveis... 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em 09/05/2020 em 17:10, Kid M disse:

Alexandre,

Acredito que seu posicionamento está mais que coerente.

O "problema" nem sempre é a operação, mas seu entorno.

Que fique claro meu respeito e admiração aos empresários operadores do Rio Negro ( e de toda a Amazônia

A situação de descontrole ao combate da pandemia na região amazônica é muito preocupante e sem prazo visível de encerramento.

Por mais que tentemos encontrar um caminho seguro para chegar ao meio do rio, os riscos serão inevitáveis... 

Pois é Mestre Kid...

Infelizmente estamos em uma sinuca de bico!!!

Sinceramente não tenho qualquer receio com relação a operação que contratei, no que tange a logística ou qualquer coisa que compete a eles para fazer a pescaria acontecer ( traslado aéreo, barco hotel, alimentação e  pescaria em si)  !! 

Meu único e principal receio é com relação ao controle do vírus na região ( Manaus e Barcelos).

Meu raciocínio é bem simples : Se até novembro conseguirem encontrar um remédio eficaz e ou uma vacina para esta doença, tomarei os cuidados de praxe e irei pescar.... Caso contrario, infelizmente abortarei a missão e  ficarei em casa !

 

uma grande abraço

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
58 minutos atrás, Alexandre Gomes de Almeida disse:

Meu raciocínio é bem simples : Se até novembro conseguirem encontrar um remédio eficaz e ou uma vacina para esta doença, tomarei os cuidados de praxe e irei pescar.... Caso contrario, infelizmente abortarei a missão e  ficarei em casa !

Alexandre,

Acredito que uma boa parte dos Grupos vai adotar algo desse tipo de atitude que descreveu,

Assim como você, estarei na expectativa de haver uma solução do vírus, mas não acredito que possa ser implementada á tempo.

Sucesso na sua pescaria (quando esta acontecer).

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

De todos os problemas para se pescar na região do rio negro a partir de outubro, Manaus será o menor deles.

Os modelos matemáticos indicam que cidades que passam por picos agora estarão em situações muito melhores em 60 dias. O mesmo já não pode ser dito para Barcelos e sirn, por exemplo.

É mais provável contrair covid em Barcelos do que em Manaus em outubro.

Creio que o grande problema será a infraestrutura e logística mesmo. Hoje não há garantia nem que latam e gol estejam operando em outubro. Imagina a aviação local.

Operadores irão falir, voos ficarão ainda mais caros e a situação financeira dos pescadores estará muito pior.

Acredito que o futuro do turismo esteja bem complicado para os próximos dois anos.

Para os privilegiados, os açus estarão esperando de bocas enormes e abertas. A pressão de pesca vai diminuir muito. Se o clima ajudar, tende a ser boa demais a temporada pra quem conseguir ir.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Meus Caros, 

 

Por hora não contratei operadora ainda até porque a duração da pandemia é uma incognita e já previa isso desde dos primordios 

das noticias. Não é algo que se resolve da noite para o dia ainda mais no nosso pais em que a grande maioria da população é carente,

analfabeta e desinformada e não tem a minima ideia de comos previnir. Isso não é desmerito da população mas o  fruto que estamos

colhendo de sucessivos maus governos que tivemos ao longo de decadas. 

Mas voltando ao que realmente interessa ando doente por não pescar e certamente farei todo possivel para estar presente na Amazonia 

nesta temporada...mas como sou do grupo de alto risco vou pensar e analizar todos os prós e contras antes de tomar uma uma decisão.

Belo tópico Kid. Botou o dedo na ferida com muita propriedade

 

Abraços a todos.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em 12/05/2020 em 18:02, Guilherme Martins disse:

o grande problema será a infraestrutura e logística mesmo.

Guilherme,

Acredito que o impacto será muito grande mesmo.

Não está fácil perceber que precisará haver um "novo recomeço" para as populações ribeirinhas.

Vamos torcer para ser viável uma recuperação social e econômica na região.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em 12/05/2020 em 18:17, João Rech disse:

Mas voltando ao que realmente interessa ando doente por não pescar e certamente farei todo possivel para estar presente na Amazonia 

nesta temporada...mas como sou do grupo de alto risco vou pensar e analizar todos os prós e contras antes de tomar uma uma decisão.

Amigo João,

Pescaria é sempre um vício - felizmente saudável...

Depois de se ir à Amazônia é difícil "convencer-se" da impossibilidade de um retorno (pelo menos) a cada ano.

Nos dias de hoje os "grupos de alto risco" se tornaram aqueles que vão passar por Manaus, Barcelos e/ou arredores.

Desta feita estou fora (cabeça feita) de viagens aéreas para o Norte. Se possível, as demais regiões também...

Sucesso sempre

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Bom dia a todos.

 

Eu e mais dezessete estamos com pescaria contratada na pousada Alto Trombetas Lodge em outubro. Contratada desde janeiro/19 com a operadora Brazil Fishing Aventures. 

 

A princípio está tudo confirmado e os dezoito ainda firmes na proposta de ir. Fosse em julho, já teríamos trabalhado a hipótese de adiamento. Estamos em permanente contato com a operadora e temos tido ótimo retorno.

 

A situação é grave, mas acredito que nesse contexto a melhor medida é avaliar dia a dia, semana a semana, mês a mês. A hipótese de adiamento é real, sem dúvida. Mas não vamos nos antecipar aos fatos.

 

Abraços.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 hora atrás, Rafael Taveira disse:

pousada Alto Trombetas Lodge em outubro

Rafael,

Ainda temos um bom tempo pela frente. 

A questão maior não me parece ser lá na Pousada, e sim na logística para chegar.

Todo cuidado será importante, mesmo com os acessos serem "privados" (serão ?).

O tempo mínimo de "isolamento social" é de 14 dias, ou seja, para maior segurança, teoricamente não deverá ter havido outro grupo na quinzena anterior...

Tanto os piloteiros quanto as pessoas da equipe de apoio deverão estar isoladas e não terem pego de algum pescador que tenha passado por lá.

Enfim, muita expectativa e atenção de todos, sem falar na ansiedade de esticar as linhas... Sucesso

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Boa Noite a todos;

 

Acredito que enquanto não tivermos uma vacina, difícil sair de casa .

Morando ao lado de um hospital, centro de referência, o percentual de obtos por covid gira de 2 a 4 %. Imagine no Alto Trombetas, Alto Aracá. Acredito que pescaria só em 2021 e se tivermos a vacina    

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Bom chegamos em junho e graças a Deus ainda vivos!!

 

O que tenho acompanhado ate aqui, esta difícil acreditar que essa "pandemia " realmente exista, alguns irão atestar que tiveram pessoas próximas que faleceram dessa epidemia, meus pêsames!!!

Mas,minha interpretação dos fatos e que estão usando tudo isso como jogo politico, estão roubando o erário publico, como se não houvesse amanhã, estão subindo em cadáveres para fazer palanque politico, lamentavelmente que perdeu algum ente querido, independente do óbito, não pode fazer uma despedida honrosa, muito triste !!

Há um movimento mundial para instalar de vez o comunismo, primeiro prendendo a população em casa, depois colocando mascaras (cabrestos), minando suas finanças, fechando seus comércios., fazendo a população correr atras de $ 600, ficando dependente do estado

 

" Você é livre para fazer suas escolhas, mas é prisioneiro das consequências"

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
13 minutos atrás, Cristiano Rochinha disse:

o governo do Amazonas vai liberar o retorno do turismo no estado a partir de 15 de junho. 

A questão Cristiano não será "a canetada", mas as condições da logística envolvidas.

Ao que saiba, as empresas aéreas estão receosas de voltarem a operar (falta de passageiro e risco elevado de COVID)

Não sei como anda a questão do abastecimento numa cidade tão isolada como Manaus (mas isso se dá um jeito)

Espero que venha dar certo, pois o Estado já vem sofrendo muito com a pandemia.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Boa noite amigos.

 

Embora não se trate especificamente de pescaria no Rio Negro, mas no alto Trombetas, voltei a conversar com a operadora com a qual contratamos a pescaria que será realizada em meados de outubro.

 

Informação é de que a comunidade de Cachoeira Porteira está fechada, mas as atividades estão previstas para retornar em agosto.

 

Logística de transporte, situação de saúde em três estados (MG, AM e PA), enfim. Nada é certo com essa situação toda. Mas a pescaria, até segunda ordem, está marcada.

 

Abraços a todos.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa

Você pode postar agora e se registrar depois. Se você tem uma conta, CLIQUE AQUI para postar com a sua conta.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.

Processando...

×
×
  • Criar Novo...