Ir para conteúdo
Fabrício Biguá

[Bateria] Entenda melhor como cuidar delas.

Posts Recomendados

WhatsApp Image 2017-05-08 at 10.04.50.jpeg

Imagem postada pelo nosso amigo Elias.

 

Turma...esta imagem acima diz tudo sobre o assunto.

Quanto mais vc deixar a sua bateria descarregar, menos vida útil (menos ciclos de vida) ela terá.
Daí vc me pergunta....mas Fabrício, o q fazer para diminuir este problema?
- Instalação de alternador on-board. A grande maioria dos motores com TRIM elétrico (50hp pra cima) vem com alternador onboard. Existem tb os kits altenador/regulador de voltagem q são instalados separadamente nos motores menores...e ainda existem os alternadores onboard de alta performance (tipo um módulo de som). Muitos acham q ele é desnecessário, mas apenas os 5Amps/h q ele carrega, pode representar 250 ciclos de vida da sua bateria.
- Utilização de baterias maiores. Sim, se vc usa uma bateria de apenas 45Amps, por exemplo, em um dia de pescaria vc irá descarrega-la quase q por completo, ou seja, com menos de 250 cargas a sua bateria irá para o espaço. Agora, se vc compra uma de 105Amps, por exemplo, neste menos dia de pescaria a sua bateria será descarregada entre 40% e 50% apenas...ou seja, ela irá aguentar um pouco mais de 500 cargas.

Espero q as dicas tenham sido úteis. :good:

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Uma bateria usando ou nao dura entre 2 e 5 anos, se vc pescar digamos todo fds, tera um uso de 2 anos na mesma de qqr forma, isso obviamente se falando de condicoes perfeitas, na pratica se vc descarrega completamente ou mais de 95% dela, esses 250 cicloa reduzem drasticamente, e nao serao 250 x com a mesma duravao, ou seja, vai diminuindo a cada ciclo. 

 

No fim das contas da qse no mesmo, a diferenca eh na qldd da batt, baterias de primeira linha aguebtam o tranco, ja as de segunda linha podem durar dois dias ou dez anos, vai da sorte

 

eu compraria uma de moto se o uso for minimo, baixo custo e baixo peso, uma de 48 amp top se uso mediano e eventual ou uma de 105 ou maior de caminhao de segunda linha se fosse uso severo, pq nesse caso em 90 dias ou ela abre o bic ou vai durar uma erternidade. 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ótimo tópico Fabrício! joia:::

Muitos aqui sabem, que se tem alguém que faz muito uso das baterias SOU EU  danca:: rsrs.

Já procurei informações tanto na Net quanto em "especialistas" e oq acabei encontrando foram divergências :tease:

Tirando aquele que está correto ou não, acabamos que por anos fazendo nossos próprios testes e chegamos a esta conclusão: melhor é não judiar das meninas kkkkk como fazemos muito uso, levamos duas Moura Clean de 105ah e na metade da pescaria é feita a substituição. 

Outro detalhe importante é utilizar baterias "corretas" (siclo profundo estacionárias) faz muita diferença :good:

:amigo:

 

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Muito legal a postagem e as respostas, já quebrei a cabeça com baterias muitas vezes, pesquisando e não encontrando nada tão concreto sobre o assunto. As postagens acima me deixou mais ciente do assunto quando se trata de motor Elétrico na pescaria.


O melhor seria fazer o que o amigo falou, levar 02 estacionárias de 105 AH e substituir na metade da pescaria, assim você terá uma bateria para 03 a 05 anos, no minimo.

levando em consideração o que o Astra disse, dou razão, se tratando de baterias estacionárias, a duração média é de 03 anos, usando 01 vez ao mês durante as pescarias de 02 a 03 dias, muito difícil ela não durar no mínimo esses 03 anos, levando em consideração o preço de uma estacionárias de 105 AH na internet hoje que é em torno de R$ 700,00 com frete incluso, vale muito mais a pena do que comprar baterias convencionais de carro.


Tenho algumas dúvidas que talvez os amigos podem responder, vamos lá:

-  quando usamos a bateria apenas 01 vez por mês durante nossas pescarias e recarregando elas a noite durante a pesca e no final damos uma carga lenta para completar a carga total da bateria e deixamos a mesma para durante cerca de 30 dias, ao longo do tempo se torna prejudicar esse uso não continuo? Pergunto pois as baterias que usamos nos veículos duram muito mas são usadas todos os dias e recarregadas também.

- Tenho um carregador (retificador de corrente) no meu Yamaha 2012 25 HP, alguém sabe se alcança os 5 HP/H com o motor acelerado no máximo? Já ouvi falar que não para de 2 AH/H.

- Carga para uma bateria Estacionária de 105 AH - Hoje tenho um carregador de 5 AH/H automático, sei que demora muito para carregar uma bateria de 105 AH, lento na net, vi que o ideal seroa um carregador que carregue em torno de 10% o total de AH da bateria, sendo assim no mercado se encontra uns de 12 AH/H, sei que demora muito mais para carregar com um carregador de 5 AH/H, porém seria prejudicial para bateria ou não afeta? Já vi algumas pessoas falaram que a carga "lenta" não carrega a bateria completamente, gostaria de tirar essa dúvida também.

 

Bom, são essas as minhas dúvidas, grado desde já.

 

Abs.

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
3 horas atrás, Silas Fabiano disse:

Bom, são essas as minhas dúvidas, grado desde já.

 

Abs.

 

Blz Silas!

Qdo digo que faço muito uso...FAÇO MESMO! Nossas pescarias duram em torno de 12h/dia e 2 x mês (esse mês num vai dá chorei::)

Nosso motor elétrico é um Minn Kota Endura C2 34lb, que fica 90% da pescaria LIGADO na maior parte deste tempo nas velocidades 01 e 02.

Utilizo um carregador Vonder que dá a opção de carregamento lento/rápido (utilizo sempre na posição lento 07 ah)

assim que chegamos da pescaria a bateria que foi utilizada primeiro já entra na carga (+ 24h) e depois é a vez da outra...

- Quanto ao   (retificador de corrente) do seu Yamaha 2012 25 HP deixo pros amigos :good: (más teria que andar muuuito pra ter efeito seila::)

- Entre uma pescaria e outra, sempre coloco as crianças na carga. (uma vez por semana umas 3 horas cada e na véspera da pescaria tbm)

E por último, uma informação que foi unanime entre tudo que pude adquirir é que o carregamento "lento" prolonga a vida útil da bateria.

Lembrando que faço uso desta forma e tenho obtido bons resultados... más pode ter informações melhores por vir :amigo:

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Cristiano, as baterias automotivas ditas "normais" utilizam uma solução ácida que, com o tempo, decompõe as placas (eletrodos) internas da bateria. Quando a bateria fica em repouso, esse resíduo de decomposição acumula no fundo e pode inclusive promover um curto circuito interno ou colaborar com a descarga da bateria mesmo quando não existe nada conectado a ela. Sim, essas baterias vão "se estragando" com o tempo em repouso e, por esse motivo é que, para quem não usa regularmente o melhor é comprar baterias geo-estacionárias. Por fora são exatamente iguais as outras, mas essas baterias geo-estacionárias tem um gel como solução, que mantém os resíduos da decomposição natural em suspensão, sem deixar que eles decantem e se acumulem no fundo. Esse é o grande lance.

Só para aproveitar a oportunidade, a vida útil de toda bateria está diretamente e "PRINCIPALMENTE" relacionada ao afundamento de carga quando em uso. Quando se usa uma bateria com motor elétrico até que a sua tensão chegue, ou desça abaixo de 10,6 volts, o usuário faz com que a vida útil dela caia vertiginosamente de 2.500 ciclos ou mais de carga/descarga, para algumas dezenas de ciclos ou poucas centenas, conforme a repetição desses eventos na melhor das hipóteses. Por isso é muito importante que se use baterias de mais capacidade. Não para se ter uma maior autonomia simplesmente, o que é bom, mas para que em seu uso normal, o percentual de descarga seja menor e a vida útil dela seja maior. 

 

Desculpem os colegas pela mensagem extensa.. kkkk ;-)

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
2 horas atrás, Marcelo Terra disse:

Blz Silas!

Qdo digo que faço muito uso...FAÇO MESMO! Nossas pescarias duram em torno de 12h/dia e 2 x mês (esse mês num vai dá chorei::)

Nosso motor elétrico é um Minn Kota Endura C2 34lb, que fica 90% da pescaria LIGADO na maior parte deste tempo nas velocidades 01 e 02.

Utilizo um carregador Vonder que dá a opção de carregamento lento/rápido (utilizo sempre na posição lento 07 ah)

assim que chegamos da pescaria a bateria que foi utilizada primeiro já entra na carga (+ 24h) e depois é a vez da outra...

- Quanto ao   (retificador de corrente) do seu Yamaha 2012 25 HP deixo pros amigos :good: (más teria que andar muuuito pra ter efeito seila::)

- Entre uma pescaria e outra, sempre coloco as crianças na carga. (uma vez por semana umas 3 horas cada e na véspera da pescaria tbm)

E por último, uma informação que foi unanime entre tudo que pude adquirir é que o carregamento "lento" prolonga a vida útil da bateria.

Lembrando que faço uso desta forma e tenho obtido bons resultados... más pode ter informações melhores por vir :amigo:

Entendido, usa hoje baterias de 105 AH estacionária? usando dessa forma que você usa realmente terá bateria para muito tempo. 


Quanto a carregar as baterias durante os 30 dias que não estou pescando, rs, também faço uma carga de 15 em 15 dias, como o carregador é automático, essas cargas não passam de 5 minutos pois o carregador já diz que já estão carregadas por não ter uso nesses dias parados.

 

Valeu pelas respostas e vamos aguardar mais respostas dos amigos.

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
2 horas atrás, AlexOHolanda disse:

Cristiano, as baterias automotivas ditas "normais" utilizam uma solução ácida que, com o tempo, decompõe as placas (eletrodos) internas da bateria. Quando a bateria fica em repouso, esse resíduo de decomposição acumula no fundo e pode inclusive promover um curto circuito interno ou colaborar com a descarga da bateria mesmo quando não existe nada conectado a ela. Sim, essas baterias vão "se estragando" com o tempo em repouso e, por esse motivo é que, para quem não usa regularmente o melhor é comprar baterias geo-estacionárias. Por fora são exatamente iguais as outras, mas essas baterias geo-estacionárias tem um gel como solução, que mantém os resíduos da decomposição natural em suspensão, sem deixar que eles decantem e se acumulem no fundo. Esse é o grande lance.

Só para aproveitar a oportunidade, a vida útil de toda bateria está diretamente e "PRINCIPALMENTE" relacionada ao afundamento de carga quando em uso. Quando se usa uma bateria com motor elétrico até que a sua tensão chegue, ou desça abaixo de 10,6 volts, o usuário faz com que a vida útil dela caia vertiginosamente de 2.500 ciclos ou mais de carga/descarga, para algumas dezenas de ciclos ou poucas centenas, conforme a repetição desses eventos na melhor das hipóteses. Por isso é muito importante que se use baterias de mais capacidade. Não para se ter uma maior autonomia simplesmente, o que é bom, mas para que em seu uso normal, o percentual de descarga seja menor e a vida útil dela seja maior. 

 

Desculpem os colegas pela mensagem extensa.. kkkk ;-)

Muito bem explicativo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

carga rapida vc aquece os eletrodos da bateria e frita eles, carga lenta (abaixo de 5amp hora, qto menor melhor, tipo 0.5 ou 1 ampere/hora) é MUITO melhor, e carrega completamente, a velocidade nao interfere na quantidade de carga que entra, mas interefere na vida util. 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 hora atrás, Astra-Taranis disse:

carga rapida vc aquece os eletrodos da bateria e frita eles, carga lenta (abaixo de 5amp hora, qto menor melhor, tipo 0.5 ou 1 ampere/hora) é MUITO melhor, e carrega completamente, a velocidade nao interfere na quantidade de carga que entra, mas interefere na vida util. 

É o que penso também Astra, muito bom saber disso, caso realmente não tenha problema carregar uma bateria de 105 Ah com um carregador lento de 5 AH/H o único problema que vou ter é a demora entre as cargas.


Grato.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Nas especificações de cada bateria o fabricante informa em quais condições de descarga, se consegue esses 105 Ah. Não é em qualquer condição que se consegue usar todo potencial da bateria e o uso é potencialmente perigoso para a vida dela. Se o consumo é maior você não irá conseguir essa quantidade de energia. Importante mesmo é monitorar constantemente a tensão da bateria e nunca deixar ela sair dos limites. Existem voltímetros muito baratos no Mercado Livre.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em 08/05/2017 em 15:28, Silas Fabiano disse:

- Tenho um carregador (retificador de corrente) no meu Yamaha 2012 25 HP, alguém sabe se alcança os 5 HP/H com o motor acelerado no máximo? Já ouvi falar que não para de 2 AH/H.

Bom, são essas as minhas dúvidas, grado desde já.

Abs.

Boa noite. O retificador de corrente nada mais faz do que transformar a energia que foi gerada pelo ESTATOR do seu motor em corrente contínua para carregar a bateria e regular esse carregamento para que não ultrapasse a capacidade de carga da bateria danificando-a.

Assim, a amperagem gerada pelo ESTATOR é, no caso do yamaha 25 6A. Só que cabe ao retificador, bem como ao alternador regular essa amperagem para que não sobrecarregue a bateria. Desse modo, no início da pescaria, com a bateria carregada, não vai mandar mesmo os 6A, mas conforme a amperagem vai baixando, essa carga aumenta conforme a demanda até o limite do fornecimento do estator.

Eu também tenho no meu sea pró retificador, por causa da partida eletrica que instalei, e, no meu motor funciona perfeitamente.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em 08/05/2017 em 13:45, Marcelo Terra disse:

Ótimo tópico Fabrício! joia:::

Muitos aqui sabem, que se tem alguém que faz muito uso das baterias SOU EU  danca:: rsrs.

Já procurei informações tanto na Net quanto em "especialistas" e oq acabei encontrando foram divergências :tease:

Tirando aquele que está correto ou não, acabamos que por anos fazendo nossos próprios testes e chegamos a esta conclusão: melhor é não judiar das meninas kkkkk como fazemos muito uso, levamos duas Moura Clean de 105ah e na metade da pescaria é feita a substituição. 

Outro detalhe importante é utilizar baterias "corretas" (siclo profundo estacionárias) faz muita diferença :good:

:amigo:

 

 

boa maneira de não estragar.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

×