Ir para conteúdo

O FTB foi atualizado e otimizado.

Antes, para visualizar todas as nossas salas, era preciso descer a barra de rolagem por muito tempo. Isto dificultava a nossa vida, principalmente a dos novos usuários, que não encontravam as salas/assuntos de interesse.

Agora as salas foram transformadas em "sub salas" e incluídas em grandes fóruns.

Esperamos que tenham gostado. :amigo:

Entre para seguir isso  
Renato Barreto

Yes, a Amazônia é nossa!!!

Posts Recomendados

Nessa temporada são esperados pelo menos 10 mil turistas pescando na AM, sendo 95% deles americanos, segundo a Amazonastur.

Citar

São esperados pelo menos 10 mil turistas, sendo 95% deles americanos, segundo a Amazonastur

AMAZONIATEMPORADA2017.jpgSetembro é o mês da abertura da temporada de pesca na Amazônia. Segundo a Empresa Estadual de Turismo do estado do Amazonas (Amazonastur), são esperados pelo menos 10 mil turistas até a primeira semana de março de 2017.

É durante este período que os rios locais atingem as condições mais propícias para a pesca aos tucunarés, sobretudo os da espécie açu. 

A projeção aponta que haverá um aumento de 10% do volume de visitantes e comparado ao de 2015-16.

Os turistas devem injetar mais de R$ 21 milhões na economia regional, de acordo com uma estimativa revelada pelo presidente da Amazonastur, Oreni Braga.

“Barcelos é o munícipio que mais destaca no estado quanto ao turismo de pesca”, aponta Braga.

Outras cidades turísticas são: Autazes, Nova Olinda do Norte, Borba, Careiro, Santa Izabel do Rio Negro e São Sebastião de Uatumã. 

Do total de turistas, pelo 95% são vindos dos Estados Unidos. Entre os brasileiros, os paulistas são os que mais visitam o estado em busca da pesca recreativa.

Os pacotes custam de 3 a R$ 10 mil e cada pescador fica em média de quatro a sete dias em um empreendimento, que pode ser pousada ou barco-hotel.   

http://revistapescaecompanhia.com.br/noticias/temporada-de-pesca-amazonas?utm_source=splio&utm_medium=email&utm_campaign=boletim13set

Nada contra a "invasão" dos Americanos, pois tem o lado positivo de criar empregos, trazer divisas e injetar dinheiro na economia regional...só esperava que a participação dos pescadores Brasileiros fosse maior...mas essa baixa porcentagem de participação é com certeza reflexo da nossa crise econômica atual...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Concordo Renato, esta crise esta dificultando demais as coisas. Não é fácil para quem tem família, filho pequeno e salário de professor como eu tirar cerca de quase oito mil reais para gastar em uma semana. 

Sei que vale cada centavo, mas tudo esta o preço da morte hoje em dia e tirar um valor do orçamento mensal para separar para pesca esta cada vez mais difícil. 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Amigos não é reflexo da crise apenas, são poucos os que podem pagar uma pescaria na amazônia, imaginem vocês que a renda per capita do Brasil é de cerca de 1200 reais, quem consegue pagar para ir pescar nesses lugares ou é uma pessoa que dispõe de bastante dinheiro ou consegue poupar muito!

 

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Com todo o respeito q tenho pela Amazonatur ou pela Revista Pesca e Cia (q apenas replicou a matéria), mas é certo q está havendo um equívoco aí.

Não vou me meter no assunto quando falamos de turismo na selva, ou de observação de pássaros, ou coisa do gênero....mas falar q 95% destes 10 mil esperados turistas de pesca são norte americanos, tá de brincadeira né!??! hehe..

Barcelos hj conta com mais de 50 barcos hotéis...Se colocarmos apenas uma média de 10 pescadores por barco e por semana (500 x 7 dias = 3.500 pescadores)...isso por semana...Multiplicamos por 4 semanas e teremos 14.000 pescadores por mês na região de Barcelos.

E não estamos falando de acampamentos, de pescadores q ficam apenas nos hotéis da cidade, e das dezenas de barcos hotéis q sobem de Barcelos por todo o Rio Negro. Ah, e não estamos falando de turismo de pesca em outras cidades, como Manaus e região, q tem muito mais turistas q Barcelos.

Então, se numa simples conta rápida constatamos q são muito mais de 14.000 pescadores (só em barcos hotéis em Barcelos), destes, a maioria Brasileiros, acho q o pessoal da Amazonastur tá parecendo aquele cara em Barcelos q fica medindo o nível rio pendurado numa rede lá dentro de casa....kkkkkkk. Vá ser ruim de conta assim lá longe...kkkk

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Também acho que "95% dos pescadores são americanos" é um exagero,devem ter errado na conta mesmo.

Mas uma coisa não tem como negar : PESCAR NA AMAZÔNIA ESTÁ CARO DEMAIS....

Parece até que o setor de turismo pesqueiro não acompanhou a crise...Talvez mesmo diante dela o número de pescadores esportivos não tenha diminuído...Mas se for isso mesmo,são os mesmos pescadores de todas as temporadas,pois com certeza iniciante nenhum tem condições ou coragem de gastar 7 mil reais numa semana.

Se analisarmos bem,mesmo com um bom número de pescadores indo à aquela região e gastando essa grana,esses valores fogem completamente da realidade da maioria esmagadora dos pescadores esportivos brasileiros.

Mesmo sabendo que operações que atuam em Barcelos ou SIRN tem altos custos devido à logística,que é bem complicada naquela região,ainda acho que alguns operadores "abusam" dos valores.

Uma prova disso,é que a maioria dos pacotes,quando oferecidos com bastante antecedência da temporada,custam sempre 5,5 mil ou 6 mil reais,mas alguns desses mesmos pacotes,quando não vendidos,são oferecidos à pouco mais de 4 mil reais no início da temporada. Claro que sabemos que são vagas esporádicas,estão com um preço mais em conta,pois é apenas para completar alguma vaga não preenchida.Mas mesmo assim,ainda acho exorbitante demais para nosso país alguns valores praticados.

Cabe a pescadores como eu,"pobres mortais rsrs",procurar por opções mais em conta,pelo menos pra satisfazer nossa vontade de pescar,como pousadas mais simples e mais próximas de Manaus por exemplo,o que "pode siginificar" uma pescaria menos produtiva do que um barco-hotel,mas isso não quer dizer que "seja uma pescaria fraca",muitas vezes pelo contrário,dá pra satisfazer bem os ânimos de pescadores como nós.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Essa conta aí tá esquisita mesmo, pelo menos em SIRN ou Barcelos o que vejo, pelo menos em Barcos Hotéis a grande maioria dos cliente são Brasileiros essa é a percepção que eu tenho, não sei nos flutuantes da vida que esses ai está muito fora do meu orçamento então nem olho como é. 

Relação ao preço para mim sim é caro, tenho que poupar muitooo para conseguir ir, mas não reclamo do preço, imagino a dificuldade de se operar ali, e tem que se analisar, tem demanda? Se cobrar preço X e tem pessoas dispostas a pagar para tornar a operação viável então não ta caro, se não conseguir preencher as vagas então tá caro tem que abaixar o preço rsrsrs, ainda moramos em um país capitalista graças a Deus.

  

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Realmente a conta não fecha.. apenas 500 pescadores Brasileiros?? Não sabemos como chegaram a esse número, e quanto ao custo da pesca no Amazonas, acredito que preço e qualidade andam juntos, precisei ir a 5ª vez pra fazer uma pescaria boa caímos as vezes na armadilha de operadores amadores que dão voltinhas no entorno de Barcelos a um custo de 2.500,00 vai de cada um mas eu prefiro não ter barco e poder ir pra Barcelos pelo menos uma vez por ano com certa possibilidade de pegar algum bitelo e isso dificilmente se consegue por um valor baixo. Cabe a nós por mais custoso que seja ao estar na Amazônia aproveitar cada segundo, botar fé em cada arremesso e se possível ter mais histórias pra contar..

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Cristiano Rochinha....concordo com vc q a coisa não está fácil pra ninguém...rsr..Ah e longe de mim falar q uma pescaria de 1 semana na AM está barata...mas se vc fizer as contas, ela ainda é uma das mais baratas q temos.

Faça uma busca por aí...

Hj um pacote de pesca em Barcelos custa em média R$ 4.500,00...mas isso são para 6 dias inteiros de pesca (mas o operador tem q ficar 7 dias com vc a bordo)...mas vamos falar nos 6 dias inteiros...Teremos uma diária de R$ 750,00...(e cliente ainda come e dorme por mais 1 diária inteira lá). É um valor alto, mas para estar tudo incluído, desde o transfer do aeroporto, guia, todas as refeições, bebidas até cair de bêbo, combustível, guia, roupa lavada e etc...acredito q seja uma das mais em conta do Brasil, ainda mais contando com a distância dos grandes centros e dificuldade de acesso.

Hj temos pousadas relativamente próximas destes grandes centros q chegam a cobrar mais q isso.

Outro dia um amigo me chamou pra pescar no Marié pega bagatela de 16 mil reais a semana...Ocorre q só o hidroavião custa mais de 20 mil reais pra levar e buscar os pescadores do grupo, a balsa fica há mais de 1.000km de Manaus por água, dentro da balsa tudo é muito mais luxuoso q dentro de muito shopping por aí, inclusive com banheiras jacuzzi no deck....rsrs....ou seja, não é o pacote q é caro....eu é q sou pobre...rsrsrs..:gorfei:

Mas pode ter certeza, a crise bateu pra todo mundo..Tudo subiu absurdamente de preço...doeu::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
8 minutos atrás, Fabrício Biguá disse:

@Cristiano Rochinha....concordo com vc q a coisa não está fácil pra ninguém...rsr..Ah e longe de mim falar q uma pescaria de 1 semana na AM está barata...mas se vc fizer as contas, ela ainda é uma das mais baratas q temos.

Faça uma busca por aí...

Hj um pacote de pesca em Barcelos custa em média R$ 4.500,00...mas isso são para 6 dias inteiros de pesca (mas o operador tem q ficar 7 dias com vc a bordo)...mas vamos falar nos 6 dias inteiros...Teremos uma diária de R$ 750,00...(e cliente ainda come e dorme por mais 1 diária inteira lá). É um valor alto, mas para estar tudo incluído, desde o transfer do aeroporto, guia, todas as refeições, bebidas até cair de bêbo, combustível, guia, roupa lavada e etc...acredito q seja uma das mais em conta do Brasil, ainda mais contando com a distância dos grandes centros e dificuldade de acesso.

Hj temos pousadas relativamente próximas destes grandes centros q chegam a cobrar mais q isso.

Outro dia um amigo me chamou pra pescar no Marié pega bagatela de 16 mil reais a semana...Ocorre q só o hidroavião custa mais de 20 mil reais pra levar e buscar os pescadores do grupo, a balsa fica há mais de 1.000km de Manaus por água, dentro da balsa tudo é muito mais luxuoso q dentro de muito shopping por aí, inclusive com banheiras jacuzzi no deck....rsrs....ou seja, não é o pacote q é caro....eu é q sou pobre...rsrsrs..:gorfei:

Mas pode ter certeza, a crise bateu pra todo mundo..Tudo subiu absurdamente de preço...doeu::

Exatamente Fabricio, a crise chegou à todos.

Mas acho que os operadores de Barcelos e SIRN poderiam dar mais opções ao pescador,facilitando um pouco a vida.

Um exemplo:

Poderiam vender pacotes com um dia a menos de pescaria,já que a maioria trabalham com 6 ou 6 dias e meio de pesca.

Entendo que essa é a melhor programação para se chegar nos locais de mais difícil acesso e, consequentemente, as chances de uma boa pescaria são maiores.Mas sei lá,acho que isso poderia ser acertado com o grupo que pretendo ir....

O que eu quero dizer,é que simplesmente a maioria dos pescadores infelizmente não tem condições de pagar mais do que 5 conto numa pescaria,aí acabam optando por lugares mais em conta.

Por exemplo,no Araguaia existem pousadas com boas estruturas e lugares onde pode-se fazer excelentes pescarias,gastando entre 3 a 4 mil reais.Claro que não estou fazendo comparações,são regiões distintas,Amazônia,como dissemos é bem mais longe e tem mais dificuldades com logística,mas o pescador acaba indo à lugares que cabem no seu bolso,e pescar na Amazônia realmente não está fácil.

Nos resta rezar para que essa fase do kct acabe logo.

Grande abraço!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

essa conta nao fecha mesmo, tenho certeza que tem muito mais brasileiro do que americando pescando no estado do AMAZONAS, mais muito mais mesmo, na real que os gringos ja deixaram de vim ja tem e tempo, hoje em dia, vem bem menos gringo, eles vinham quando se pegava tucunas acima de 22 libras a CADA  semana de pesca, hoje em dia se conta quantos peixes acima de 22 libras sairam na temporada inteira rsrsrsrrs, essa conta ai, ta no minimo equivocada... p nao dizer outra coisa...

como disse o FABRICIO, SAO  MAIS DE 14 MIL PESCADORES POR MES, SO EM BARCELOS, COMO UMA REVISTA TAO CONCEITUDA PUBLICA UMA MATERIA DESSAS... QUERENDO ENCHER A BOLA DOS GRINGOS, SENDO QUE O BRASILEIRO QUE DEIXA A GRANDE FATIA DE DINHEIRO NA REGIAO, UMA PIADA DE MAU GOSTO

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.

Processando...
Entre para seguir isso  

×
×
  • Criar Novo...