Ir para conteúdo

Kid M

Moderador
  • Total de itens

    10.653
  • Registro em

  • Última visita

  • Dias Ganhos

    35

Histórico de Reputação

  1. Upvote
    Kid M recebeu reputação de FabianoTucunare em [Pioneirismo] Coaching de Pesca Esportiva   
    Amigo Marcel,
    Não o conhecesse, diria que estaria se "amostrando" com tanto peixe exibido... 🤣🤣
    Tenho certeza de que essa "nova iniciativa" complementa todas as demais fases que já superou !
    A questão da visão do pescador com relação ao que está sendo proposto através "coaching" ainda é pouco esclarecida.
    Pioneirismo tem essa questão ! Apenas fazendo um paralelo, há tempos (muito tempo), a ideia de ter um guia de pesca era esquisita. Na abundância de outrora, o "piloteiro" era mais que suficiente para as pescarias funcionarem... Tempo em que não se falava em motor elétrico, e até mesmo em "pesque e solte". Depois a evolução foi chegando e com ela as melhorias das tralhas e os novos conceitos de pesca esportiva. Romper os paradigmas sempre será uma função difícil e feita apenas por aqueles (como você) que acreditam no propósito oferecido.
    Particularmente e pessoalmente, acho o propósito fantástico não apenas para os que estão começando, como também para os que estão a beira da aposentadoria como eu ! Ainda me acho tão necessitado de aprendizados, que esse esquema seria uma coisa a ser pensada ! Quem sabe não me convenço a mudar de molinete para carretilha ? 😁  
    Tenho a convicção que muito em breve você já terá expandido seus horizontes dentre desse enorme potencial de pesca, que é nosso país !
    Sucesso será uma decorrência natural do seu trabalho, sempre ético, perspicaz e elegante perante seus colegas e amigos ! Nem preciso lhe desejar sorte...
  2. Upvote
    Kid M recebeu reputação de FabianoTucunare em [Pioneirismo] Coaching de Pesca Esportiva   
    Amigo Marcel,
    Não o conhecesse, diria que estaria se "amostrando" com tanto peixe exibido... 🤣🤣
    Tenho certeza de que essa "nova iniciativa" complementa todas as demais fases que já superou !
    A questão da visão do pescador com relação ao que está sendo proposto através "coaching" ainda é pouco esclarecida.
    Pioneirismo tem essa questão ! Apenas fazendo um paralelo, há tempos (muito tempo), a ideia de ter um guia de pesca era esquisita. Na abundância de outrora, o "piloteiro" era mais que suficiente para as pescarias funcionarem... Tempo em que não se falava em motor elétrico, e até mesmo em "pesque e solte". Depois a evolução foi chegando e com ela as melhorias das tralhas e os novos conceitos de pesca esportiva. Romper os paradigmas sempre será uma função difícil e feita apenas por aqueles (como você) que acreditam no propósito oferecido.
    Particularmente e pessoalmente, acho o propósito fantástico não apenas para os que estão começando, como também para os que estão a beira da aposentadoria como eu ! Ainda me acho tão necessitado de aprendizados, que esse esquema seria uma coisa a ser pensada ! Quem sabe não me convenço a mudar de molinete para carretilha ? 😁  
    Tenho a convicção que muito em breve você já terá expandido seus horizontes dentre desse enorme potencial de pesca, que é nosso país !
    Sucesso será uma decorrência natural do seu trabalho, sempre ético, perspicaz e elegante perante seus colegas e amigos ! Nem preciso lhe desejar sorte...
  3. Upvote
    Kid M recebeu reputação de FabianoTucunare em Vazzoleri Camp é recorde mundial! Agora é oficial!   
    Grande Marcel,
    Fico muito feliz (mas não surpreso) com esse mais novo sucesso de sua operação.
    Gente como você, sempre faz a diferença, e não é por acaso que o sucesso aparece ! 
    Ainda chego por lá... (de novo) ! 
  4. Upvote
    Kid M recebeu reputação de FabianoTucunare em Vazzoleri Camp é recorde mundial! Agora é oficial!   
    Grande Marcel,
    Fico muito feliz (mas não surpreso) com esse mais novo sucesso de sua operação.
    Gente como você, sempre faz a diferença, e não é por acaso que o sucesso aparece ! 
    Ainda chego por lá... (de novo) ! 
  5. Upvote
    Kid M recebeu reputação de FabianoTucunare em Recorde Vazzoleri - agora vai!   
    Amigo Werner,
    Em nada me surpreende essa atitude em se tratando do amigo, sempre ético e zeloso dos seus vínculos profissionais e humanos.
    Pesquei, como já lhe disse, anteriormente à sua ida ao rio Paracutu e Nhamundá (há mais de 20 anos) e retornei atrás dos valentes Vazzoleris da região !
    Claro que numa organização muito deficiente e precária, diferentíssima do que hoje oferece aos seus amigos e clientes !
    Não sei se ainda conseguirei retornar à região, mas bem que gostaria de fazê-lo, e certamente - se isso acontecer - desfrutar do seu conhecimento e amizade !
    Acredito que sua demonstração de apreço pelo cliente, colocando-o num patamar especial, possa (e torço para que venha) servir de exemplo para outros profissionais do ramo ! Parabéns
    Forte abraço
  6. Upvote
    Kid M recebeu reputação de Jorel em Tralha de pesca vs avião   
    As notícias que soube por quem já viajou, é que ainda não há (ou havia) uma determinação formal, e as companhias aéreas não estavam agindo de forma idêntica nos diversos locais de onde faziam seus voos. 
    Contudo, já teve gente com o tubo cobrado, e pior ainda, com taxação de bagagem especial (ainda mais cara por não estar dentro da dimensão autorizada - não é nem pelo peso). Soube que a LATAM já estaria praticando essas cobranças (por trecho voado) e que a GOL também estaria prestes a dar início ao procedimento. As demais possivelmente irão seguir essa tendência !
    Cada vez mais obstáculos para o pescador esportista se deslocar em voo para os pontos de pesca.
    Os que estão com viagens marcadas, SUGIRO verificarem previamente junto às respectivas companhias aéreas, qual a política por elas adotadas, não só por conta dos tubos, mas também por conta do resto das tralhas (se seriam permitidas como bagagem de mão). Se não puderem ser levadas como bagagem de mão, vejam a conta de + uma mala despachada e + uma bagagem especial despachada, quando tudo isso não terá nem 20 quilos, se houver continuidade do voo após MAO para Barcelos e/ou SIRN (por conta do peso no voo de avião regional). 
  7. Like
    Kid M recebeu reputação de Custom by Marco em O que chamamos de projeto Top dos top.   
    O problema não é confiar, e sim viciar...
    Não vai querer qualquer outra vara que não customizada ! Recomendo 
  8. Like
    Kid M recebeu reputação de Custom by Marco em O que chamamos de projeto Top dos top.   
    O problema não é confiar, e sim viciar...
    Não vai querer qualquer outra vara que não customizada ! Recomendo 
  9. Like
    Kid M recebeu reputação de Custom by Marco em Muito bonita ( Molinete)   
    Sempre um "colírio" para os olhos e uma tentação para a "carteira"... Parabéns Marcão !
  10. Like
    Kid M recebeu reputação de Octávio Amaral em R$ 18.000,00   
    Amigo Dair,
    Essa é uma questão que iremos nos deparar com maior frequência de agora em diante ! Fazer preservação apenas com base no processo cultural demora mais tempo do que o aniquilamento dos peixes na Amazônia. Isso não significa que concorde com a tese de exclusividade de um operador apenas, pois acredito que o processo de competição ajusta a realidade comercial.
    Precisamos entender que o "nosso paraíso" de outrora já está em outro patamar, certamente mais difícil de ser usufruído pelos brasileiros de menor poder aquisitivo ! Apenas para entenderem o teor das minhas palavras, lembram-se da exuberância do Pantanal, pois então, quantos dos que aqui frequentam já não conseguem "pensar" em ir naqueles recantos onde antes a piscosidade era extrema e hoje é difícil encontrar exemplares dentro das medidas legais... (quantos operadores quebraram naquela região...). Claro que as condições eram diferentes, não havia pesque e solte, e até mesmo indústrias se instalaram na região. Mas será que a Amazônia estará tão distante disso ?
    Gerar recursos para a população ribeirinha (indígena ou não) é sempre uma bandeira para essas ações, e acredito que sejam válidas, principalmente se for obrigatória a utilização (mesmo que pequena) de mão de obra local. Quem está disposto (ou pode) pagar R$ 18 mil numa ida à Amazônia, certamente será exigente com o que pretende receber em serviços, onde o peixe se torna uma consequência.
    Difícil contudo (pelo menos para mim) é acreditar que essas "soluções" não sejam criadas e estabelecidas através de "esquemas", onde o valor final se torna excessivo pela "cadeia alimentar" dos pagamentos... Outra coisa, e a transparência desses processos, será que os responsáveis (sejam municipais, estaduais ou federais) estão envolvidos e capazes de prestar contas desses procedimentos à sociedade ?
    Apenas para ciência, já comecei a receber ofertas de pescarias semelhantes às dos nossos barco hotéis amazônicos, só que dos nossos "vizinhos", com custos inferiores aos praticados pelas operadores brasileiras na região do Negro e adjacências... Será que seremos a próxima geração de "gringos" pescando em águas estrangeiras ? 
  11. Upvote
    Kid M recebeu reputação de Bruno Merino em Molinete para vara robaleira   
    Concordo integralmente com o Armando ! Sem qualquer dúvida uma excelente opção 

  12. Like
    Kid M recebeu reputação de Octávio Amaral em R$ 18.000,00   
    Amigo Dair,
    Essa é uma questão que iremos nos deparar com maior frequência de agora em diante ! Fazer preservação apenas com base no processo cultural demora mais tempo do que o aniquilamento dos peixes na Amazônia. Isso não significa que concorde com a tese de exclusividade de um operador apenas, pois acredito que o processo de competição ajusta a realidade comercial.
    Precisamos entender que o "nosso paraíso" de outrora já está em outro patamar, certamente mais difícil de ser usufruído pelos brasileiros de menor poder aquisitivo ! Apenas para entenderem o teor das minhas palavras, lembram-se da exuberância do Pantanal, pois então, quantos dos que aqui frequentam já não conseguem "pensar" em ir naqueles recantos onde antes a piscosidade era extrema e hoje é difícil encontrar exemplares dentro das medidas legais... (quantos operadores quebraram naquela região...). Claro que as condições eram diferentes, não havia pesque e solte, e até mesmo indústrias se instalaram na região. Mas será que a Amazônia estará tão distante disso ?
    Gerar recursos para a população ribeirinha (indígena ou não) é sempre uma bandeira para essas ações, e acredito que sejam válidas, principalmente se for obrigatória a utilização (mesmo que pequena) de mão de obra local. Quem está disposto (ou pode) pagar R$ 18 mil numa ida à Amazônia, certamente será exigente com o que pretende receber em serviços, onde o peixe se torna uma consequência.
    Difícil contudo (pelo menos para mim) é acreditar que essas "soluções" não sejam criadas e estabelecidas através de "esquemas", onde o valor final se torna excessivo pela "cadeia alimentar" dos pagamentos... Outra coisa, e a transparência desses processos, será que os responsáveis (sejam municipais, estaduais ou federais) estão envolvidos e capazes de prestar contas desses procedimentos à sociedade ?
    Apenas para ciência, já comecei a receber ofertas de pescarias semelhantes às dos nossos barco hotéis amazônicos, só que dos nossos "vizinhos", com custos inferiores aos praticados pelas operadores brasileiras na região do Negro e adjacências... Será que seremos a próxima geração de "gringos" pescando em águas estrangeiras ? 
  13. Upvote
    Kid M recebeu reputação de Bruno Merino em Molinete para vara robaleira   
    Concordo integralmente com o Armando ! Sem qualquer dúvida uma excelente opção 

  14. Like
    Kid M recebeu reputação de Octávio Amaral em R$ 18.000,00   
    Amigo Dair,
    Essa é uma questão que iremos nos deparar com maior frequência de agora em diante ! Fazer preservação apenas com base no processo cultural demora mais tempo do que o aniquilamento dos peixes na Amazônia. Isso não significa que concorde com a tese de exclusividade de um operador apenas, pois acredito que o processo de competição ajusta a realidade comercial.
    Precisamos entender que o "nosso paraíso" de outrora já está em outro patamar, certamente mais difícil de ser usufruído pelos brasileiros de menor poder aquisitivo ! Apenas para entenderem o teor das minhas palavras, lembram-se da exuberância do Pantanal, pois então, quantos dos que aqui frequentam já não conseguem "pensar" em ir naqueles recantos onde antes a piscosidade era extrema e hoje é difícil encontrar exemplares dentro das medidas legais... (quantos operadores quebraram naquela região...). Claro que as condições eram diferentes, não havia pesque e solte, e até mesmo indústrias se instalaram na região. Mas será que a Amazônia estará tão distante disso ?
    Gerar recursos para a população ribeirinha (indígena ou não) é sempre uma bandeira para essas ações, e acredito que sejam válidas, principalmente se for obrigatória a utilização (mesmo que pequena) de mão de obra local. Quem está disposto (ou pode) pagar R$ 18 mil numa ida à Amazônia, certamente será exigente com o que pretende receber em serviços, onde o peixe se torna uma consequência.
    Difícil contudo (pelo menos para mim) é acreditar que essas "soluções" não sejam criadas e estabelecidas através de "esquemas", onde o valor final se torna excessivo pela "cadeia alimentar" dos pagamentos... Outra coisa, e a transparência desses processos, será que os responsáveis (sejam municipais, estaduais ou federais) estão envolvidos e capazes de prestar contas desses procedimentos à sociedade ?
    Apenas para ciência, já comecei a receber ofertas de pescarias semelhantes às dos nossos barco hotéis amazônicos, só que dos nossos "vizinhos", com custos inferiores aos praticados pelas operadores brasileiras na região do Negro e adjacências... Será que seremos a próxima geração de "gringos" pescando em águas estrangeiras ? 
  15. Upvote
    Kid M recebeu reputação de Eder campos em UM DESABAFO   
    Amigo Dair,
    Relendo o que foi postado pelo Fabrício, começo a "suspeitar" que o nosso (pescadores esportivos) problema, não está na atividade, e sim naquilo que nos cerca e que nos trás incômodos de "viver a vida" ! Dificilmente ouvirá de um pescador que está chateado com a pescaria - é um paradoxo ! Mas esse mesmo indivíduo, se olhar em seu entorno, descobrirá tantos motivos para perturba-lo, que a "pesca" termina pagando a conta ! Melhor dizendo, como é possível acreditar que um pescador esteja "sem saco" para pescar ? Ele está "sem saco" sim, para encarar todas essas bandalheiras que envolvem a sua vida direta e indiretamente ! E convenhamos, não tem quem não perca seu humor e propósitos quando vê tanto de ações erradas e indevidas ocorrendo em todos os setores de nossas vidas !
    Claro - e ninguém precisa afirmar mais isso - que o problema da ausência de educação de nosso povo é uma vertente fundamental para o equacionamento desses problemas, inclusive os de pesca esportiva, mas o que vem sendo feito efetivamente para mudar esse cenário horripilante de desmando e desapego das lideranças em priorizar a causa e não os efeitos delas ? Segurança, saúde e preservação ambiental são (e serão sempre) consequência natural a ser tratada com as pessoas tendo um mínimo de conhecimento (cultura educacional). 
    Na minha forma de ver essa situação da pesca esportiva, e já não é a primeira vez que menciono isso, é estabelecer um marco onde a comercialização do peixe silvestre seja proibida, a exemplo do que acontece com a caça (claro que a caça continua existindo, mas em muito menor escala). Peixe para a alimentação tem que ter origem em criação doméstica, que já está mais que comprovada sua viabilidade comercial. Falta sim, a aplicação dessas decisões (se assim for desejado) pelas autoridades constituídas... mas e os pescadores profissionais, como irão sobreviver com um medida como essa ? Vão buscar alternativas, inclusive com a criação dos peixes comercialmente. Esse processo de assistencialismo que cada vez mais parece se irraizar na nossa população (principalmente as menos assistidas), precisa mudar. Não quero entrar nisso, que é uma semântica pior do que o "ovo ou a galinha".
    Assim como o Fabrício, também estou cansado de ver tanto descaso ao passar dos anos. Os esforços são pontuais e quase que "individuais", quando muito através de pequenas associações ! Não que elas estejam erradas em tentar mudar esse cenário, mas precisam pensar melhor na forma de agir, senão ficarão "esgarçados" de tanto esforço para o resultado aquém do desejado. É como se estivéssemos acelerando um motor de popa, com suas hélices na flor d'água !
    Mas a vida continua e minha admiração aos que se dedicam a tentar minorar essa situação.
        
  16. Upvote
    Kid M recebeu reputação de FabianoTucunare em UM DESABAFO   
    Pessoal,
    Antes de mais nada, é importante manter no FTB uma heterogenia de opiniões e pontos de vista ! Isso gera possibilidades...
    Não é para "adular ou criticar", mas quando se trata de levar as coisas mais a sério, a classe de pescadores é bastante desunida...
    Claro que tem aqueles que fazem disso um "propósito de vida", até mesmo uma crença de que é possível fazer a diferença...
    Os grandes nomes desse cenário, ícones da pesca esportiva em algumas oportunidades, até que tentam compatibilizar suas agendas comerciais com visões pessoais, mas nem sempre tem boa aceitação no meio em que andam... o nível de exposição e desgaste é enorme.
    Por outro lado, sem deixar de fazer o contraponto, posso exemplificar outros (não menos ícones) que se dedicam a buscar efetivas melhorias nesse cenário (JCKruel é um deles), mas quase sempre esbarram em "forças maiores" que refreiam os objetivos maiores, e essas ações vão sendo "melhoradas" a cada "revisão legal"...
    Por fim, nosso país é inconclusivo no que pretende ser entre seu discurso e sua prática. Potencialmente geramos "invejas" a outros, mas em termos práticos, continuamos no mesmo procedimento tacanho e miúdo, que beneficia poucos em detrimento de tantos... mas isso é a cara do Brasil ! Mudanças são necessárias, é claro, mas elas irão começar por onde ? Educação, Saúde, Segurança, ou por práticas mais consistentes e reais dentro da nossa realidade brasileira ! 
    Uma das poucas vantagens de se ficar mais velho (se é que possa ser vantagem) é poder ter uma visão mais ampla do conjunto de "cagadas" que são feitas nesse local que nascemos, ou moramos ! Indignações estão sempre presentes, expectativas e esperanças se renovam a cada ano, mas o que acontece de fato a cada eleição ? Mesmos nomes ou "novos nomes" com as mesmas práticas...
    Sou solidário ao Dair e a tantos outros que gostariam de ver um cenário mais coerente com o futuro da pesca esportiva, mas "esse não é um país sério"  (dito há décadas pelo presidente francês Charles De Gaulle - com plena razão...) 
  17. Upvote
    Kid M recebeu reputação de FabianoTucunare em [Tucunaré Açu] Novo recorde mundial capturado ontem (21/11/17)???   
    Existe a surpresa pelo porte desse troféu, independentemente de ser (ou não) homologado !
    Tenham certeza de que quem o pegou já teve a adrenalina que supera qualquer homologação de recorde ! 
    Parabéns aos envolvidos, não importando onde tenha ocorrido  
  18. Like
    Kid M recebeu reputação de Bernardo Cassaro em Vara para Molinete [até 16lbs] - CxB   
    Bernardo,
    Tem uma "irmã" da Berkley Lightnnig - a Cherrywood - que não é nenhuma "Brastemp", mas atende o que dela se espera !
    Dá uma olhada onde ela está a venda ! Boa sorte ! 
     http://www.paranapesca.com/produto/vara-berkley-cherrywood-hd-molinete/95392
  19. Upvote
    Kid M recebeu reputação de FabianoTucunare em [Tucunaré Açu] Novo recorde mundial capturado ontem (21/11/17)???   
    Existe a surpresa pelo porte desse troféu, independentemente de ser (ou não) homologado !
    Tenham certeza de que quem o pegou já teve a adrenalina que supera qualquer homologação de recorde ! 
    Parabéns aos envolvidos, não importando onde tenha ocorrido  
  20. Upvote
    Kid M recebeu reputação de FabianoTucunare em [Tucunaré Açu] Novo recorde mundial capturado ontem (21/11/17)???   
    Existe a surpresa pelo porte desse troféu, independentemente de ser (ou não) homologado !
    Tenham certeza de que quem o pegou já teve a adrenalina que supera qualquer homologação de recorde ! 
    Parabéns aos envolvidos, não importando onde tenha ocorrido  
  21. Like
    Kid M recebeu reputação de Rafael Cunha em Amazônia - Pescaria frustrada (de novo)   
    Prezados amigos, 
    De forma indesejada, estou trazendo ao FTB uma polêmica real, ainda que baseada num processo de desabafo de minha parte.
    Longe de qualquer propósito de lançar "bravatas" ou "ficar de mau com a vida" ! Quem me conhece sabe da minha índole...
    Agradeço às diversas formas de elogio que vi postadas a minha pessoa, seja pela dedicação ao FTB, seja pela forma equilibrada de me comportar como Moderador, ou mesmo pela generosidade de alguns mais próximos, que chegaram a visualizar pontos "fora da curva", como se íconos fôssemos (isso são para os rotulados e profissionais da pesca esportiva).
    Meu amigo Fabrício chegou a "esfolar" alguns dos temas abordados na sua longa descrição (raríssimo feito), distribuindo conceitos e porradas a torto e a direito.
    Não quero, nem vou, colocar mais combustível nesse tema, por mais que o mesmo deva e precise ser tratado por aqueles que se julgam dentro desse processo !
    Pescar para mim, e para muitos de nós, tem que ser visto como a magia & fantasia do encantamento !
    Claro que precisam ter regras, critérios, leis, taxas e o escambau... (sem problemas)
    Mas precisa mesmo é de ter a crença do pescador que todas essas ações em que ele esteja participando (ou co-participando) sejam transparentes !
    Há de se ter mais "diversão" em busca dos Açus amazônicos do que num "pesque & pague", mas neste último (P&P) não há frustração por conta de regras e critérios.
    Pegou, pagou ! Claro que não se trata do mesmo programa, muito menos da adrenalina de navegar pelos rios amazônicos, mas há uma certeza de que a regra do jogo é clara... 
    Enganam-se aqueles que pensam não ter havido diversão e aproveitamento nesses dias de pescaria no Jurubaxi ! Claro que houve, e muita para até não encanar com o fato de levar comida do barco para não ficar sem comer no barranco... sim, isso mesmo, pois nem os fogosos e constantes borboletas estavam ativos... Nem por isso deixamos de pescar, brincar e transformar em limonada aquele azedume de limão verde que enfrentamos !
    Desabafos acontecem, e peço aqueles que se importaram com o que expus, que me permitam ter o benefício da dúvida pelo que escrevi... passado uns dias, repetiria tudo - mesmo assim... 
    Apenas por uma questão de forma de ser, irei responder a todos aqueles que se importaram em enriquecer esse tópico que postei, independente do ponto de vista abordado.
    E vamos em frente, pois a vida (com ou sem Açus) continua... 
  22. Like
    Kid M recebeu reputação de Fred Pisces em Amazônia - Pescaria frustrada (de novo)   
    Que nada meu amigo ! Entendi na boa o sentido que pretendia dizer o que escreveu ! Em se tratando de pescaria, tem os ônus e os bônus ! Só não pode ter é pouca transferência e/ou sacanagem, pois aí o projeto de um ano é totalmente desperdiçado ! Mas como sempre disse que peixe é detalhe... vamo que vamo ! 
  23. Upvote
    Kid M recebeu reputação de Ibrahim em Amazônia - Pescaria frustrada (de novo)   
    Vicente, ele está operando a partir do Rio Negro Lodge, próximo à Barcelos ! Equipamento poderoso com Bass Boats e muita mobilidade... 
    Acho que é um pouco por aí ! Temos criatividade quando desejamos, mas não temos nem ética nem bom senso para tratar do tema de forma duradoura... 
    Vamos deixar passar um tempo para buscar nessa sua frase um "alento" para o futuro ! Gostaria muito de um dia, ter meus netos desfrutando da Amazônia...
    "ícones" ? Menos meu amigo... Bons relatos são sempre precedidos de muita alegria e fascínio, independente do sucesso alcançado ! Quem sabe não role algum... 
    Tenho a impressão que isso é algo que ainda vai dar muito "pano pra manga"... aguardemos... 
    Grande Rodrigo,
    Muita generosidade de sua parte fazer esses comentários !
    A despeito do que vemos acontecer, tento - dentro do possível - deixar minha contribuição... Está cedo para retornar ! 
    Mas foi muito legal aquele "bate bola" na viagem de ido no Caravan ! Conversa que nem essa, faz com que a viagem passe bem mais depressa... mas a volta (no início) foi punk 
    Viapiana, meu amigo, agradeço-lhe pelos votos de saúde ! Pescaria sempre haverá, mesmo que sob forma de escrita e virtual ! Sucesso para você também ! 
    Amigo Fabrício,
    Não vou dar continuidade nos pontos abordados, muitos dos quais estão - como de hábito - acertivos e bem formulados !
    Respondo-lhe apenas, como uma forma geral de complementação do que postei, que gente na "melhor idade"  tem formas diferentes de vivenciamento !
    Quero vê-lo sempre nas fronteiras das batalhas, brandindo seus pontos de vista e rebatendo os "espertos" com ação e presença, não necessariamente física ! 
    Se alguém merece ser reconhecido por enfrentar uma briga inglória, posso testemunhar pelos tempos que nos conhecemos, que você é o cara ! Bola pra frente...
    Resumiu tudo para que algo que possa ser visto como um "fracasso" se torne em algo inesquecível ! Não importa onde, ou o que, sempre vale a pena...
    Pode ser uma solução se essa fosse a questão ! Éramos 16, e não tivemos problemas maiores dentre os integrantes... Grupo foi (e será sempre) o melhor dessas aventuras ! 
    Estou nesse time também Renato ! Peixe sempre foi uma consequência, que quando acontece, anima mais, mas nada além disso...
    Grande Neco, mesmo meio sumido de postagens, vejo que permanece atento como de hábito ! Obrigado pela participação ! 
  24. Upvote
    Kid M recebeu reputação de FabianoTucunare em Amazônia - Pescaria frustrada (de novo)   
    Apenas para concluir as respostas...
    Fred, nada me foi prometido de uma pescaria amazônica que não soubesse antecipadamente. Não tenho queixas de repiquetes, peixes sem comer, e coisas do tipo ! Amazônia é sempre uma surpresa, se não em pescados, em alegrias e compartilhamento de emoções ! Possivelmente não consegui me expressar adequadamente. Sorry 
    Pois é Márcio, possivelmente você deve ter acertado o cerne da questão ! Tudo está tão chato e negativo que não tive a capacidade de filtrar essas condições na pescaria...
    Grande Fabiano, obrigado pela generosidade de suas palavras, e quando nos encontrarmos (quem sabe numa barranca) espero não decepcionar essa sua expectativa.
    Assim como você, espero que as coisas melhorem, mesmo já tendo a felicidade de ter presentes comigo em pescarias, meu filho e genros !
    Tomara possa fazer o mesmo com os netos (3 até o momento...). Privilégio de levá-los para conhecer a Amazônia e até embarcar uns tucunas será bom demais !
  25. Like
    Kid M recebeu reputação de Rafael Cunha em Amazônia - Pescaria frustrada (de novo)   
    Prezados amigos, 
    De forma indesejada, estou trazendo ao FTB uma polêmica real, ainda que baseada num processo de desabafo de minha parte.
    Longe de qualquer propósito de lançar "bravatas" ou "ficar de mau com a vida" ! Quem me conhece sabe da minha índole...
    Agradeço às diversas formas de elogio que vi postadas a minha pessoa, seja pela dedicação ao FTB, seja pela forma equilibrada de me comportar como Moderador, ou mesmo pela generosidade de alguns mais próximos, que chegaram a visualizar pontos "fora da curva", como se íconos fôssemos (isso são para os rotulados e profissionais da pesca esportiva).
    Meu amigo Fabrício chegou a "esfolar" alguns dos temas abordados na sua longa descrição (raríssimo feito), distribuindo conceitos e porradas a torto e a direito.
    Não quero, nem vou, colocar mais combustível nesse tema, por mais que o mesmo deva e precise ser tratado por aqueles que se julgam dentro desse processo !
    Pescar para mim, e para muitos de nós, tem que ser visto como a magia & fantasia do encantamento !
    Claro que precisam ter regras, critérios, leis, taxas e o escambau... (sem problemas)
    Mas precisa mesmo é de ter a crença do pescador que todas essas ações em que ele esteja participando (ou co-participando) sejam transparentes !
    Há de se ter mais "diversão" em busca dos Açus amazônicos do que num "pesque & pague", mas neste último (P&P) não há frustração por conta de regras e critérios.
    Pegou, pagou ! Claro que não se trata do mesmo programa, muito menos da adrenalina de navegar pelos rios amazônicos, mas há uma certeza de que a regra do jogo é clara... 
    Enganam-se aqueles que pensam não ter havido diversão e aproveitamento nesses dias de pescaria no Jurubaxi ! Claro que houve, e muita para até não encanar com o fato de levar comida do barco para não ficar sem comer no barranco... sim, isso mesmo, pois nem os fogosos e constantes borboletas estavam ativos... Nem por isso deixamos de pescar, brincar e transformar em limonada aquele azedume de limão verde que enfrentamos !
    Desabafos acontecem, e peço aqueles que se importaram com o que expus, que me permitam ter o benefício da dúvida pelo que escrevi... passado uns dias, repetiria tudo - mesmo assim... 
    Apenas por uma questão de forma de ser, irei responder a todos aqueles que se importaram em enriquecer esse tópico que postei, independente do ponto de vista abordado.
    E vamos em frente, pois a vida (com ou sem Açus) continua... 
×