Ir para conteúdo

Posts Recomendados

Não acho que seja correto julgar qualidade de um produto pelo local de fabricação. 

Acredito que as reduções na qualidade dos componentes são geralmente resultado da tentativa de redução de custos (como na série G)  e do peso.

Quer confiabilidade? vai na antiga série E que já foi testada e aprovada milhares de vezes.

Agora na minha opinião, não tem como comparar um modelo de varios anos atrás com outro totalmente reformulado com várias melhorias em vários aspectos. Eu não pensaria duas vezes.

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu tenho a G7 e HG e já pesquei com a E7,   a HG é muito mais livre e macia além de ser menor ficando mais confortável, o freio de regulagem externa ajuda muito, acho ela superior a E7 sem dúvida, porém podia ser mais leve por volta de 190g pelo menos

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Segundo relatos uns dizem que a fabrica do Shimano na Malásia é melhor estruturada que a do Japão.  Acho que não é pq a carretilha é fabricada na Malasia, Korea e China elas são inferiores as Japonesas.  Vide o Exemplo da Smoke e Exo que são Chinesas, as Abu Revo que são Korenas.  O que queimou a Shimano Malasya é a Curado G7 pois fizeram uma carretilha inferior ao modelo anterior E7 e não porque foi produzida na Malasya   sim pq  tiraram um monte de coisa da carretilha,  lógico  colocariam a culpa no País e não na Shimano. A tendência hj é todos produtos serem produzidos na China  e ETC. pois o custo da mão de obra é muito menor. 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu até compreendo que o custo de mão de obra seja menor e que as fábricas fora do Japão são bem instaladas.

Mas não acredito que as fábricas fora do Japão sejam melhores que a do Japão.

Note que a primeira linha da Shimano (Antares, Aldebaran, Core, Metanium) é feita no Japão, o que sugere ser a melhor fábrica.

Na verdade o fato de a carretilha ser produzida no Japão passa uma confiabilidade maior, mesmo que por mera impressão.

Abraços.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Quando uma empresa procura baixar custos

procura na Mão de Obra e no Material também, mantendo a coerência.

A mão de obra japonesa é mais cara pois o custo de vida e salários são maiores no Japão

mas estes tem uma filosofia de qualidade igual a uma religião.

Os países em volta como Coréia tambem sofrem desta influência mas bem menos.

Já a China e vizinhança é bem diferente.

Japão é Japon.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Achei que a nova scorpion seria japa mas é ching tbm rs

A meu ver é a chronarch 200(201)E7 que será uma boa migração e ela é feita no Japão.

Foi o que fiz, tenho duas curados 201E7 e adiquiri no começo do ano passado uma chronarch 201E7.

São exelentes carretilhas no entanto as curados acima saem de fabrica com os dois discos da frenagem de DARTANIUM e a Chronarch com um de DARTANIUM e um de CARBONTEX. No meu caso passei todos para CARBONTEX.

 

::tudo::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Apenas uma colocaçao...

Acho que a Shimano, pelo tamanho que a marca representa, nao produziria em qualquer lugar fora do Japao se nao fosse uma producao com "qualidade Shimano".

PRA MIM, simples assim...

Enviado do meu iPhone usando o Tapatalk

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Sim Jorel!

Todo mundo diz, e eu mesmo nunca peguei na g7. Com certeza tem diferença.

Mas eu acho que é pra ser diferente mesmo. Igual carro que possui o mesmo modelo com diferentes versoes.

Acho que o pensamento é por ai. As vezes a G7 nao era para ser igual a E7. Se fosse para ser igual, o nome do modelo produzido seria E7 tambem.

Com certeza, pelo menos eu acho que a linha logica de raciocínio é essa, todo modelo sucessor deveria ser melhor.

Nao foi o caso da e7 para a g7, mas penso eu que por "erro" de projeto. Nao pelo fato de ter sido produzida na Malasia.

Deu p entender? Acho que me enrolei um pouco rsrsrs

Abracao"

Enviado do meu iPad usando o Tapatalk

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Respeito tua opinião mas o que me diz da curado e7(japão) X curado g7(malásia)?, a g7 como sucessora da e7 deveria ser até melhor mas não é isso que o mundo diz, alias é quase uma unanimidade quando dizem que a g7 é inferior ...

O problema não foi a Malásia ou Japão, o problema foi  a Shimano. Pra diminuir o custo da Curado passaram a produzi-la na Malásia até aí entendo, porém tiraram 2 rolamentos, a estrela metalizada e  o guia de Titânio, ou seja depenaram a carretilha. E o pior, pegaram a E7 pintaram de Pérola, subiram o preço e chamaram de Chronarch ,  pegou tão mal que em menos de 2 anos já lançaram modelos novos como a série i e a c14

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Parceiro, iria sem duvidas de HG 200, a tecnologia do XShip (microdentes nas engrenagens) resulta num picho suave, carretilha leve que abastece uns 110 metros de multi 50 libras, freio de 7kg de carbontex, carretilha versatil que vc pesca até tucunaré açu com ela, e velocidade de recolhimento de 7.2, arremessa muito muito bem iscas de 6 gramas para cima independente de onde seja fabricada a qualidade e tecnologia é shimano. 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Respeito tua opinião mas o que me diz da curado e7(japão) X curado g7(malásia)?, a g7 como sucessora da e7 deveria ser até melhor mas não é isso que o mundo diz, alias é quase uma unanimidade quando dizem que a g7 é inferior ...

O problema não foi a Malásia ou Japão, o problema foi a Shimano. Pra diminuir o custo da Curado passaram a produzi-la na Malásia até aí entendo, porém tiraram 2 rolamentos, a estrela metalizada e o guia de Titânio, ou seja depenaram a carretilha. E o pior, pegaram a E7 pintaram de Pérola, subiram o preço e chamaram de Chronarch , pegou tão mal que em menos de 2 anos já lançaram modelos novos como a série i e a c14

Ta vendo...?! Produziram conforme a Shimano especificou.

Ficou ruim? Pode ter ficado, mas a culpa nao foi producao na malasia e sim de projeto...

Enviado do meu iPhone usando o Tapatalk

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Também acho que a G ficou de menor qualidade que a E por opção da Shimano, já em relação a HG peguei na mão e achei uma teteia.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O problema não foi a Malásia ou Japão, o problema foi  a Shimano. Pra diminuir o custo da Curado passaram a produzi-la na Malásia até aí entendo, porém tiraram 2 rolamentos, a estrela metalizada e  o guia de Titânio, ou seja depenaram a carretilha. E o pior, pegaram a E7 pintaram de Pérola, subiram o preço e chamaram de Chronarch ,  pegou tão mal que em menos de 2 anos já lançaram modelos novos como a série i e a c14

x2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

acabei de voltar de uma pescaria, testei e aprovei a minha curado HG.....carreta pincha muito, macia pra recolher, extremamente silenciosa... até estranhei, pois tenho outras shimanos TOP que fazem o famoso tectec na hora de trabalhar isca, já a HG não tem isso.... gostei demais...

 

 

 

Abraço

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Se o problema é Malasia (baixa qualidade) e Japão (exigente) o que vcs me dizem da Nova Scorpion HG estar sendo fabricada na Malasia PARA o mercado Japones?

Se Malasia=baixa qualidade e Japao exigente...Como a Malasia teria a capacidade de produzir e atender um mercado tao exigente se não tivesse a qualidade necessária?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eita...o tópico perdeu a finalidade, hein?!?!   mau::  mau::  mau::

 

Mais um caso onde pode acabar ocorrendo um homicídio em virtude de briguinhas bobas....Se fosse pelo menos por uma carretilha made in Japan, valeria a pena...mas fabricada na China?!?!? kkkkkkk...

 

Ow...parou, ok?!?!

Pensei em apagar todos os tópicos q nada tem a ver com o título, isso pq sou o Gordinho dono da bola, mas por acreditar q ainda dá pra salvar alguma coisa de útil no tópico e q daqui pra frente a coisa vai andar como deve, estou deixando as mensagens (para q outros amigos não façam a mesma cagada), mas estou de olho nele. Saiu da linha é banimento de 1 semana para os 2 envolvidos, ok?!?!  Não quero saber nem quem começou....

 

 

E apenas para informar a turma.

NADA, ABSOLUTAMENTE NADA tem a ver a qualidade de um produto e o fato dele ser fabricado na CHINA, ou em qualquer outro lugar do mundo. O q dita a qualidade é a política da empresa e não o local onde ele é produzido.

O q é barato na China é a mão de obra, é a matéria prima....A qualidade do produto pode ser exatamente a mesma de um produto feito no Japão ou nos EUA.

 

Tanto q várias fábricas Japonesas estão produzindo seus produtos na China, e tudo, de primeiríssima qualidade.

Os blanks da Major Craft, e outras super varas são todos fabricados na China.

 

A Shimano sabe exatamente o q está fazendo, não se iludam. E digo isso não por saber de tudo....mas se nós, pobres mortais, nos achamos os espertões...o q eles são, visto q são bilionários?!?!? kkkkkkk :gorfei:

 

Então, nada de briguinhas ou de ser o dono da razão, blz?!?!

Postem algo proveitoso.. ::tudo::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Experiência de quem trabalhou no Japão:

Fiquei por longos e intermináveis 3 meses trabalhando numa linha de impressoras da Epson.

Lá fabricávamos impressoras pro mercado interno de ALTÍSSIMA exigência e também impressoras para exportação de ALTA exigência.

Eram as mesmas impressoras, só alterava a caixa e os manuais de instalação (era Cd-Rom naquela época).

Oque mudava mesmo era o nível de controle de qualidade dos lotes. 

No lote para o mercado japonês quase todo palet tinha uma caixa aberta aleatoriamente pra inspeção. Ver se algum brasileiro não tinha feito cáca. 

Nos outros talvez 1 vez por dia.

 

Agora sejamos sinceros. Uma carretilha não tem tantas peças assim, nem peças eletrônicas, nem tanta sofisticação na montagem (veja que nós mesmos abrimos e remontamos), portanto não requer uma fábrica de outro mundo. Além do mais, lá nessa fábrica, eles só montam o produto. As peças vem de outros lugares.

Pra mim não faz diferença nenhuma.

O primordial é saber se usa Rolamentos Top e se os materiais de usinagem são bons.

Onde ela é montada é secundário.

Mesmo porque, quem vcs acham que trabalha nas fábricas japonesas!?? Ou é brasileiro, ou é Coreano, ou é chinês.  blink:: 

 

Sobre preferência, proponho outra comparação:

Vc prefere :

Curado-E X Bantan X HG

 

Eu prefiro a mais nova porque tem mais tecnologia incorporada.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pois é Rafael, a carreta é muito boa mesmo, superou minhas expectativas, usei ela como vem de fábrica e já gostei, mais nesse final de semana abri ela, tirei toda graxa em excesso, limpei os rolamentos do óleo original.

Passei umas graxas mais top e óleo especial...... Acho que ela agora vai voar....... Tb recomendo ela, muito boa mesmo.....

Abraço

Enviado do meu iPhone usando o Tapatalk

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Sou Shimaneiro de carteirinha: 3 curados 201 E7, 1 Chronarch 201E7, 1 Metanium HG, 01 Metanim MG7 DC, 1 core 51 e 1 scorpion XT 1001. Já tive outras, que vendi.

Não tenho a resposta pra sua pergunta, mas hj puxo hélice c 2 curados, pesco no mangue com curado e pesco os pinimas daqui usando iscas pequenas com curado, metanium DC e core 51.

Resumindo: a 201 E7 é uma máquina, especialmente com rolamentos cerâmicos.

Só chamo a atenção para o fato óbvio que as varas devem estar ajustadas às iscas utilizadas. Exemplo: robalo na galhada uso vara 12 libras + curado.

Abraço

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em Saturday, May 10, 2014 at 23:49, Jorel disse:

É verdade, e vou além será que a shimano quer que um produto seu feito em outro pais tenha a mesma qualidade de um produto feito na matriz no japão??

Todo mundo sabe porque eles vão pra esses centros industriais de mão de obra barata pra conseguir competir com os concorrentes pra reduzir custos e isso tem um preço no caso a qualidade, a carretilha pode parecer maravilhosa mas já que estão reduzindo custos será que o composto do pinhão por exemplo de uma carretilha  feita na malásia é o mesmo de uma feita no japão 

Você , se fosse dono de uma empresa renomada no mercado , aceitaria abrir mão de qualidade pra ganhar dinheiro? Com certeza a Shimano tbm não! A fábrica da Malásia existe exclusivamente para reduzir os custos por causa do preço de mão de obra, em questão de peças, a Scorpion 71 por exemplo, possui exatamente as mesmas peças nos dois países, isso é padrão.

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa

Você pode postar agora e se registrar depois. Se você tem uma conta, CLIQUE AQUI para postar com a sua conta.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.

Processando...

×
×
  • Criar Novo...