Ir para conteúdo
Kid M

Amazônia - Pescaria frustrada (de novo)

Posts Recomendados

Esquema de manejo em SIRN ainda precisa melhorar, e muito... Conada

Não bastassem as condições climáticas adversas (ainda em repiquete), o direcionamento dos locais de pesca segue um critério desconhecido (pelo menos sem maior transparência) e ilusório para alguns dos operadores na região ! ::nada::

Cada vez me convenço que estamos desperdiçando a oportunidade de construir algo positivo em termos de pesca esportiva regional ! :wild:

Não estou postando esse tópico nos Relatos de Pesca, pois não é meu propósito descrever dias de muito esforço para pouquíssimo retorno !

Estou sim, intrigado como o fluxo comercial dessa atividade apelidada de Pescaria Esportiva está desviando os princípios básicos desejados por qualquer pescador, ou seja, desfrutar de um período de tempo em que aquela grana gasta (crescente a cada ano) renda-lhe algumas alegrias !

  • Taxa de pesca na base de R$ 50,00 dia por pescador é o cartão de chegada da Prefeitura de SIRN... 
  • Serviços de comunicação (cel) deficientes para as necessidades dos que por lá vão... (VIVO fora do ar, Oi abandonada e Claro a meia boca)
  • Infra-estrutura de turismo (por conta da taxa cobrada) simplesmente não existem (ou não foram percebidas).
  • Não se escolhe onde pescar, e sim recebe-se um destino, independente das condições de pesca... (problema é de quem pesca) !
  • Navegação por locais onde há proibição de pesca ao longo do rio, ou seja, alto custo de deslocamento e tempo perdido...

Começo a colocar em prática meu propósito de efetiva aposentadoria ! Temo já ter me despedido da Amazônia...

59ecb9af1d690_G28c.JPG.940825f23662ed3a9cb8369edb646ece.JPG

Nada a ver com a pescaria deste ano, seja em termos de pessoas (grupo excelente sob a Coordenação de João Biguá), de atendimento (o pessoal do Angatu Açu foi show de bola), e da própria embarcação, que conhecia apenas da época em que estava sendo construída ! SHOW !

59ecb9a4c9dbc_G28a.JPG.eeb0f76a0e9aede9d6e9d4d596802ce1.JPG 

Da esquerda para a direita : Capacete, Mandubé, Tracajá, Mandi, Sardinha, Traíra, Pacuzinho, Animal, João, Kid, Haroldo, Rômulo, Francisco e Tiago Furlan  

59ecb9b9d4d69_G28b2.JPG.6fa8971c20d3ead43df4c367036d95aa.JPG

Fileira superior : Mandi, Sardinha, Animal, Tracajá, Traíra, Capacete, Kid, Haroldo, João e Tiago

Abaixados : Mandubé, Francisco, Pacuzinho, Bicuda, Mitú e Rômulo 

Desejo aos que por lá forem, que superem as adversidades encontradas e tragam bons relatos dessa incrível Amazônia... palmas::

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Grande Kid!

Tenha calma q isso passa! Já há alguns anos que curto a decepção com o atendimento SIRN/Barcelos. Tirei umas férias mas o chamado do açu é irresistível. 

Para não sucumbir de vez, no próximo ano pretendo conhecer Balbina e depois, quem sabe, volto a encarar os desmandos dos gênios que deveriam administrar a pesca esportiva do rio Negro.

Abrax 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Com toda a certeza Kid,  muita gente vai abandonar a pesca que já não está tão fácil por diversos motivos na amazônia, preços cada vez mais abusivos por parte das operadoras, problemas adversos climáticos, lei precárias e feitas pra meia duzia de beneficiários, cada vez está ficando mais difícil, e os mais interessados deveriam  ser a população que vive de muitos benefícios que a pesca traz e as operadoras que com a diminuição dos pescadores vão acabar por sucumbir a essas situações e vão ter que repensar seus pacotes de pesca, os primeiros a começar a organizar essa ``ZONA´´ desculpa a palavra, seria as operadoras de pesca, onde tem o poder de conversar com os pescadores pois passam uma semana com eles, e ver realmente oque demanda em todos os sentidos a pesca esportiva... Abraços 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Kid meu amigo, não seja pessimista... Eu estou apostando que essa "tramoia" que inventaram em Sirn terá vida curta... E sobre o clima é cíclico... Há 2 anos tivemos uma temporada fantástica...  Já fiz todos os planos possíveis para pescar tucunaré em outros cantos do Brasil e a Amazônia com todos os poréns encabeça a lista dos melhores lugares! Sempre!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Boa noite kid!

Na próxima semana estarei em Barcelos pela segunda vez. A primeira, em janeiro deste ano, um fiasco, tentarei uma “segunda chance”, se o fiasco se repetir, certamente não voltarei, não em Barcelos ou SIRN com os atuais operadores de pesca, uma ressalva quem sabe para a operação do Eribert (que pelo custo ainda está fora de cogitação), mas quem sabe, outros locais na “Amazônia”...

Abs!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Grande Kid!

Um dos motivos que fez mudar os planos amazônicos foi exatamente o que você disse. A pescaria de açu tem se tornado cada vez mais difícil não apenas pelos fatores climáticos mas também pela ganancia do ser humano. A operação de pesca faz uma diferença gritante no sucesso da pescaria.

Tendo lido tantos relatos negativos acabei mudando o foco do Negrão e afluentes para o Rio Trombetas, graças a Deus fiz a coisa certa. Meu sonho é ainda encarar os grandes açus, mas com tanto relato negativo e por conversar com amigos que ficaram frustados assim como você, eu conclui que para pessoas como eu que tem que organizar uma pescaria desta com um ano de antecedência, acaba se tornando um tiro no escuro. Por isso no próximo ano minha pescaria amazônica mais uma vez não será de açu e sim de pinimas no Sucunduri.

Desejo sucesso a todos que estão com pescaria no Rio Negro e afluentes para esta temporada.

Abraço

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

saudade do tempo que juntava 4 ... enfiava tudo dentro da F1000 ( + carreta com o barco ) ... enfrentava 2 dias de estrada de terra ...

e ainda dormia dentro de barraca , tomando banho no rio e fazendo as necessidades no mato ... rsrsrsrs

hj virou puro comércio ...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

A pescaria de Açu tem se tornado cada vez mais difícil e não é de agora. Bastar acompanhar os relatos e comentários dos amigos ao passar dos anos.

Me registrei no fórum em 2008, fazem 9 anos que entre semanalmente para ler relatos no fórum. Em 2008, foi ano que fiz minha primeira pescaria na AM, após essa data fui consequentemente 5 anos seguidos pescando toda temporada. Encerrei minha pescaria na AM em 2012 por vários motivos e não é de hoje que tenho minha opinião formada sobre essa pescaria. Meu objetivo na AM já foi alcançado e infelizmente HOJE, acredito que ser mto difícil supera-ló.

Sem via de dúvidas pescar na AM, é o sonho de todo pescador esportivo, o local é mágico ... porém nem tudo são flores. Uma pescaria na AM é um alto custo de investimento para MUITAS variáveis. Concordo com os amigos, dependemos demais da operadora, do grupo que está indo, do guia, do clima, do esforço da operação ... etc. E queria ou não, a influencia e o conhecimento que vc tem da região ajudam e mudam o destino da sua pescaria. 

O que eu fico triste de ver é q relatos como do @Fabrício Biguá em 2006, 2007 ... estão cada vez mais raros de se ver. Pescarias mágicas e inesquecíveis na AM estão cada vez mais extintas. Por que , por pressão de pesca ? Repiquete toda temporada ? Afluente errado ? 

Voltaria para AM hj ? Não sei ... Talvez, mas com o intuito de relaxar e não com o objetivo de pescar e capturar grandes exemplares em grande quantidade.

Lembrando, essa é minha opinião. Cada um tem a sua.

 

Grande abs turma ... 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
17 horas atrás, Eloy Fonseca disse:

Tenha calma q isso passa!

Mais calmo só debaixo de sete palmos... prazer em falar com você ! Não acredito que vá responder a esse chamado do açu... mas boa sorte para você !

15 horas atrás, Preto Barcellos disse:

muita gente vai abandonar a pesca

Pois é meu amigo, esta é uma realidade cada vez mais visível naqueles magníficos pontos de pesca amazônicos ! Faz pena... mas estamos atirando no próprio pé !

13 horas atrás, Beto Caranha disse:

Kid meu amigo, não seja pessimista...

Betão, não é caso de pessimismo, mas - talvez - de idade ! Quando você estiver de cabelos brancos, vai ver que o nível de tolerância diminui muito... 

12 horas atrás, Rodrigo Coutinho disse:

tentarei uma “segunda chance”,

Grande Rodrigo, desejo-lhe sucesso ! Soube que o "estacionamento" de barco hotéis em Barcelos está igual aos dos "shopping centers" ! 

3 horas atrás, Eder Nascimento disse:

no próximo ano minha pescaria amazônica mais uma vez não será de açu e sim de pinimas no Sucunduri.

Pois então Éder, essa pode ser uma estratégia bastante válida ! Diminuir o tamanho dos peixes e buscar por fartura ! Sucesso para você.

2 horas atrás, Vagner disse:

cada vez mais dificil

E bota difícil nisso ! Muita navegação, deslocamentos, suor e pouquíssimas respostas... Tem que pensar bastante antes de ir...

2 horas atrás, Armando Ito disse:

hj virou puro comércio ...

Grande Armando, essa é a sensação cada vez mais nítida de quem frequenta a região amazônica ! Estamos vivenciando o já ocorrido no Pantanal... Uma pena !

2 horas atrás, Felipe Teixeira disse:

Pescarias mágicas e inesquecíveis na AM estão cada vez mais extintas. Por que , por pressão de pesca ? Repiquete toda temporada ? Afluente errado ? Voltaria para AM hj ? Não sei ... Talvez, mas com o intuito de relaxar e não com o objetivo de pescar e capturar grandes exemplares em grande quantidade.

Felipe, por maior que seja o propósito de não fazer com que "o objetivo" seja o peixe, a "contaminação de desânimo" pela ausência dele é inevitável ! A questão do benefício x custo em tudo isso é fator preocupante, pois está se tornando cada vez "mais custoso" ir aos pontos considerados (não necessariamente confirmados) bons de pesca. Se for para relaxar, mesmo em termos de Amazônia, recomendo Alter do Chão (rio Tapajós), próximo à Santarém, que é muito mais negócio na época da seca...  

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
15 horas atrás, Rodrigo Coutinho disse:

Boa noite kid!

Na próxima semana estarei em Barcelos pela segunda vez. A primeira, em janeiro deste ano, um fiasco, tentarei uma “segunda chance”, se o fiasco se repetir, certamente não voltarei, não em Barcelos ou SIRN com os atuais operadores de pesca, uma ressalva quem sabe para a operação do Eribert (que pelo custo ainda está fora de cogitação), mas quem sabe, outros locais na “Amazônia”...

Abs!

Rodrigo, qual o barco da operaçao do Eribert?

Abs

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

É verdade, Kid. A temporada concentra uma grana preta naquela região, porém pouco se "cuida" da pesca esportiva/turismo em si, assim como aconteceu com vários pontos de pesca esportiva pelo Brasil. O lastimável não é estar nesta situação, é não vislumbrar uma saída. Idéias sempre haverão, iniciativas também, entretanto, o que lasca tudo é o homem, sempre ambicioso e sem escrúpulos.

Espero que não tenha sido sua saideira... Desejo-lhe muitos açús na ponta da linha ainda! joia:::

Abraxxxx

Soone

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
5 horas atrás, Felipe Teixeira disse:

A pescaria de Açu tem se tornado cada vez mais difícil e não é de agora. Bastar acompanhar os relatos e comentários dos amigos ao passar dos anos.

Me registrei no fórum em 2008, fazem 9 anos que entre semanalmente para ler relatos no fórum. Em 2008, foi ano que fiz minha primeira pescaria na AM, após essa data fui consequentemente 5 anos seguidos pescando toda temporada. Encerrei minha pescaria na AM em 2012 por vários motivos e não é de hoje que tenho minha opinião formada sobre essa pescaria. Meu objetivo na AM já foi alcançado e infelizmente HOJE, acredito que ser mto difícil supera-ló.

Sem via de dúvidas pescar na AM, é o sonho de todo pescador esportivo, o local é mágico ... porém nem tudo são flores. Uma pescaria na AM é um alto custo de investimento para MUITAS variáveis. Concordo com os amigos, dependemos demais da operadora, do grupo que está indo, do guia, do clima, do esforço da operação ... etc. E queria ou não, a influencia e o conhecimento que vc tem da região ajudam e mudam o destino da sua pescaria. 

O que eu fico triste de ver é q relatos como do @Fabrício Biguá em 2006, 2007 ... estão cada vez mais raros de se ver. Pescarias mágicas e inesquecíveis na AM estão cada vez mais extintas. Por que , por pressão de pesca ? Repiquete toda temporada ? Afluente errado ? 

Voltaria para AM hj ? Não sei ... Talvez, mas com o intuito de relaxar e não com o objetivo de pescar e capturar grandes exemplares em grande quantidade.

Lembrando, essa é minha opinião. Cada um tem a sua.

 

Grande abs turma ... 

Perfeita sua colocação, concordo plenamente.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Esse tipo de informação que recebemos "infelizmente com uma certa frequência hoje em dia" da um start para quem quer ir conhecer o AÇU na amazônia, não acredito que o pescador que nunca foi lá vá desistir de ir mas pelo menos ele não vai com tanta expectativa e já sabendo dos riscos a frustração se ocorrer vai ser de forma minimizada.

Mas de qualquer forma é uma pena que ícones aqui do fórum e que fazem agente conhecer o AM pelos maravilhosos relatos não sinta mais aquela vontade de voltar lá e de qualquer forma muito obrigado pelas informações!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pensei milhões de vezes antes de escrever para não desestimular ninguém, mas acho que se estivesse indo pela primeira vez gostaria de ter muitas opiniões para ler.

Eu pesco sempre em barcelos e esse ano realizei o sonho de conhecer SIRN e o Angatu Mirim, além de ter o privilégio de pescar com uma turma  de pescadores "lendas amazônicas" que admiro muito.

Estive na mesma semana que o kid e tive a honra de conhece-lo pessoalmente e voar junto com ele no mesmo avião para SIRN e fiquei me imaginando um pouco no lugar dele.

Tivemos a sorte de cair em um bom afluente e secando, mesmo assim a pescaria foi muito difícil, era minha 5 viagem e nunca tinha visto nada igual aquilo tamanho era a dificuldade, mas ainda assim saíram alguns belos peixes, então pensei, se a nossa estava Phodis assim, imagina o que esses caras passaram.

Eu falei para o kid no aeroporto na volta para Manaus: bom você é obrigado a pescar no afluente X, só que o afluente X está em repiquete, então é melhor ficar no negro, só que ai o negro também está em repiquete, então o que você faz? put@ acho Phodis demais isso, para não falar outra coisa. É compreensível entender a frustração deles, mas é extremamente complicado, as pessoas fecharam seus pacotes na maioria das vezes com um ano de antecedência e muitos se desdobram para pagar o pacote e no momento do fechamento não foi passado que teria esse rodizio, poderiam ter esperado passar essa temporada e  a partir da próxima incluir esse rodizio, ai seria por conta e risco de cada um. Então, não vejo como tirar a razão do kid. Você chegar lá e pagar 300 reais de taxa  e não receber nenhum comprovante de pagamento por isso, não ver nenhuma fiscalização, complicado!

Claro que pescaria é uma coisa "secundária" e estar lá com uma turma top, beber, curtir e dar risada é o que mais tem valor, mas o complicado é chegar lá e quebrar seus sonhos logo de cara por influências humanas e não da natureza. As pessoas passam um ano sonhando e se planejando para chegar lá e além de contar com milhões de adversidades da natureza, contar com mais essa do ser humano. Sabemos que os bons operadores se desdobram com as condições adversas da natureza e na maioria das vezes conseguem contornar os obstáculos e manter vivo o sonho dos pescadores, agora com o rodizio fica extremamente complicado.

Uma pessoa que conhece pescaria de açus, jamais poderia tomar uma decisão como essa, sem base em nada, sem estudo nenhum, mas é apenas minha opinião.

Que fique bem claro que não tenho um há para reclamar da operação nem da minha pescaria difícil, pelo contrário estava tudo muito muito top e também sei que os operadores estão batalhando para tentar mudar as coisas.

E também gostaria de fazer um grande pedido ao kid que esqueça esse negócio de aposentadoria, pessoas de bem como você só tem enriquecido, ajudado a melhorar e acrescentados coisas boas no mundo da pesca.

 

abraços e ótimas pescarias a todos.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Há tantos anos acompanhando o fórum, acredito que perdi o prazo para conhecer a pescaria de tucunaré açu... De 2, 3 anos para cá vejo mais comentários negativos que positivos... 
Meu pai quer conhecer a região (eu perdi a vontade com o passar dos anos), mas fico preocupado pois apesar de o maior sonho de pescaria dele, infelizmente as chances de nos frustrarmos é atualmente BEM maior que as chances de fazermos a pescaria que ele tanto sonha. 

Os preços então... Não tem quem aguente pagar uma fortuna por uma pescaria que já percebi que é um verdadeiro tiro no escuro. 

Virou comércio puro! ainda mais com essas legislações toscas piorando a vida do pescador esportivo a cada ano... Cheguei a uma conclusão: Quanto mais se lê e estuda sobre a pescaria de Açu na amazônia, menos você se anima de ir, pois o que mais chama atenção hoje em dia não são os peixes, e sim a viagem de milhares de km, os gastos absurdos que a grande maioria nunca vai conseguir bancar na vida, e os desaforos a serem engolidos quando se depara com um repiquete ou guia ruim ou taxas inesperadas etc... 

Quem sabe hora que vendermos de vez a Amazônia pros gringos a coisa não melhore né 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em 22/10/2017 em 13:39, Kid M disse:

omeço a colocar em prática meu propósito de efetiva aposentadoria ! Temo já ter me despedido da Amazônia...

Não desanime Mestre Kid, lhe desejo muita saúde e muitos anos de pescaria para poder dar o troco nesta frustração rsrs... Sei como é planejar uma pescaria assim, e se não ocorre do jeito que planejamos, seja por qualquer motivo, isso realmente desanima o grupo e acaba atrapalhando algo que esperamos tanto chegar. Eu tbm já desanimei de Barcelos e este ano vou conhecer e pescar no Juma (sem expectativas), meu objetivo mesmo é rever e fazer novos amigos e curtir a Amazônia! 

Não conheço Santa Isabel, e pelo andar das confusões que estão aprontando por lá to sem previsão!!

Animo Kid, sei que já deve conhecer esse Brasilzão todo mas sempre tem uma poça de água nova pra explorar kkk ::fisherman::bassboat::

Grande Abraço

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Entendo perfeitamente a frustração do Kid, apesar de não acreditar (e é o q espero tb), que ele não se aposente de lá...:amigo:

Me perdoem os comentários abaixo...mas eu estou tentando sair da "chatice" q o mundo está tentando me levar (e não estou falando especificamente dos comentários do Kid, falo de tudo). Eu resolvi NÃO ACEITAR ISSO...pois, se eu for entrar nessa, daqui a pouco serei um dos milhões em depressão q vemos por aí. Coloquei na minha cabeça "EU NÃO QUERO ISSO PRA MIM!!!". 

Como eu disse num outro tópico daqui do fórum, o mundo está ficando mais e mais chato, e na pesca a coisa não é diferente.

Se formos observar os comentários de todos acima (e turma, não estou atacando ninguém, blz?!?! estou apenas tentando justificar o q vou postar abaixo...sou da paz...rs)...mas vejo tudo muito "carregado"...todos frustados, com mágoas profundas decorrentes de ações da natureza (outras não)...mas muita coisa eu não concordo com o q foi postado (mas respeito).

O Kid mesmo (meu maior considerado do fórum), postou q não sabia o rio que iriam subir...Oras, eu já havia comentado com ele como havia sido a nossa semana por lá....E acredito q temos outros tópicos aqui no fórum falando sobre estes MALDITO RODÍZIO que está havendo em SIRN. Mas vamos ao q comentei na semana anterior a ida deles pra lá.

Citar

Apesar do decreto ter caído e os vereadores estarem do lado dos operadores, o Ibama e a FUNAI estão lá fazendo pressão do outro lado.
Os operadores q estão lá estão tentando derrubar tudo para q o acesso aos rios não seja mais feito em forma de rodízio. A ideia é q todos possam ir e vir para onde quiserem.

Nem o Kid disse isso ao grupo....Pior, o meu pai, q era o "chefe" da turma....q também já me ouviu falar disso pelo menos umas 1000 vezes, disse ao grupo que tb não sabia desse rodízio ou como ele era feito. blink::   
Mas tb não difícil deduzir...em SIRN existem apenas 2 afluentes com capacidade de acesso para barcos grandes, o Jurubaixi e o Uneiuxi...E atualmente são 07 barcos operando por lá....(apenas 1 grande, ou 02 pequenos, podem subir o rio por vês)...a coisa tá complicada. 
E tem mais, tem empresa q abre mão de subir pq naquela semana o grupo quer pescar peixe de couro...ou seja, ele dá a vez para outra empresa...Mas, se daqui 02 ou 03 semanas ele quer subir um destes dois afluentes, a preferência é dele, é claro. E assim aquela turma de lá tem sofrido com este rodízio.

Digo mais, se a turma tivesse subido o afluente e tivesse arrebentado de pegar, a impressão teria sido outra...E isso não é difícil de ocorrer, ok?!? Não estou falando besteira. Em 2015 estive lá e aqui mesmo no fórum falaram a água estava espumando (sinal de q estaria subindo lá pra cima)...mas meu grupo resolveu subir assim mesmo. Resultado?!?! Arrebentamos de pegar peixe. Arriscamos e pegamos muito.
Hj afirmo que NENHUM AFLUENTE de SIRN está com peixe ativo. A água subiu 1.4m desde a primeira semana de setembro (em todos os afluentes). E aí, será q existe rio "milagroso"?!? Claro q não...Só uma coisa é certa, uma hora o peixe terá q comer.

Pior, todos nós pescadores (E EU ME INCLUO NESSA), se pescamos de um lado do barranco, queremos arremessar do outro lado...Massssss, se estivéssemos do outro lado, estaria arremessando do lado de cá...rsrs...ou seja, nunca, MAS NUNCA, ACHAMOS Q ONDE ESTAMOS é o lugar ideal.

O papo já está longo, mas vou postar uma historinha interessante pra vcs.
Ano passado o meu barco subiu um afluente...Logo atrás subiu o barco com um grupo do meu pai. Chegamos ao topo do rio...Acima do ponto onde estávamos fundeados, apenas uns 10 bons lagos pra pescar. Numa noite lá, o gerente do barco do meu pai saiu do barco dele para me falar q a turma estava puta comigo, pois eu havia proibido todos de passarem o nosso barco...blink::
Disse a ele q aquilo era mentira e que, duas horas antes, eu havia me encontrado com um dos pescadores do grupo do pai que me informou que o barco deles iria ultrapassar o nosso. Eu disse a ele QUE ESTA TÁTICA NÃO ERA A MAIS INTERESSANTE, pois, com os 16 pescadores do nosso barco + os 14 do barco dele, só teríamos 10 lagos pra pescar. Tentem imaginar 15 barcos pescando em apenas 10 lagos?!?!
O jumento ao invés de entender a minha informação como sendo uma boa dica...ele quis entender como sendo uma imposição que os atrapalharia...surtei::
Disse ao gerente q no dia seguinte eles poderiam ultrapassar o nosso barco sem problema.
Sabe o q o meu grupo fez?!?! TODOS DESCERAM e pescaram pra baixo do barco do meu pai.....kkkkkkkk....Detalhe, foi um dos melhores dias de pescaria.
Ah...bastou uma forte chuva aparecer para q às 15h todos do grupo do meu pai descessem para o barco deles...ou seja, além de não ter muito lago pra bater pra cima, não insistiram nos pontos.
No final da pescaria o meu grupo brindava uma excelente semana de pescaria...enquanto q no outro barco só se via cara feia. O grupo saiu sem se falar da pescaria...rsrs..(tô rindo pra não chorar)...E tudo isto sabe por conta de que?!?! Por conta de 10 curvas de rio q o barco deles ficou abaixo do nosso...surtei::

 

...voltando....
Enquanto a turma do meu pai e dos Mocorongos agonizava dentro de um afluente de SIRN, uma outra empresa estrangeira está fazendo de tudo para pescar exclusivamente lá dentro com norte americanos...Eles chegaram a fechar o rio para "o resto do mundo"....mas, por uma associação de fatores e pressão dos outros empresários (q ficaram sem opções), a coisa não deu certo....Ou seja, o rio que seria perfeito pra um, está sendo maldito pra outros. 

Por pior q seja o esquema do rodízio, ele ainda está havendo, pois, se dependesse da povo de SIRN (comunidades ribeirinhas, secretaria do meio ambiente e parceiros de ONGs estrangeiras), não tinha ninguém pescando lá dentro.
A taxa q era de R$ 30,00 passou para R$ 50,00....E pra que?!?! Pra nada, pois lá ninguém vê pra onde este dinheiro vai. E este aumento ocorreu numa canetada do prefeito (através de um decreto ilegal que não regulamentava lei alguma)...Tudo isso eu falei aqui no fórum. Mal ou bem apareceram poucos para comentar...mas, a grande maioria, nada...Como bons brasileiros, somos todos acomodados.
Sobre este assunto ainda tem uma parte boa, pois o judiciário está cobrando os recibos dos depósitos feitos. Agora a Secretaria do Meio Ambiente de SIRN está obrigada a prestar contas.

Ainda sobre o rodízio, o estado de nervos dos operadores de SIRN está nos limites. Eles mesmos não estão se falando direito, a discussão é diária. Só para vcs terem uma ideia, o grupo do meu pai e do Kid foi para o Jurubaxi....Enquanto isso eu ouvi de um féla de um operador de lá, que eu só olhava para o meu umbigo, e q não respeitava o rodízio dos rios, pois um outro barco (o Mirim), havia subido para o Uneiuxi, sendo que aquela semana este operador é q queria ir pra lá...Ou seja, ALÉM DE NÃO SER O RESPONSÁVEL POR RODÍZIO DE BARCOS, E O MEU PAI E UM DOS MELHORES AMIGOS ESTAREM NO RIO QUE ELES NÃO QUERIAM ESTAR, ainda tenho q ouvir de um merda, q eu sou egoísta. Pior, o cara parece uma fifí nos grupos do zapzap, diz q eu não sei de "porra" nenhuma, afinal, só vou lá 01 vez por ano....mas se esquece de falar q antes dele conhecer o fórum ou passar horas comigo conversando sobre AM, o mais longe q ele pescava era a 300Km da casa dele. Disse ao operador que ele ESTAVA CERTO EM RECLAMAR....mas que reclamar para o BOZO não iria resolver o problema, e q ele o fizesse a quem o resolveria. Ele?!? Não está nem aí...para se dar bem ele vende a alma pro capeta...mimimi, mimimi e mais mimimi no zapzap....(e tem bobo que acredita nele). E assim o estress tem tomado conta de todos q trabalham por lá.
Hj estou sendo vítima de ataques de gente q estou ajudando....Relevo tudo isso pelo q disse lá cima....EU NÃO VOU CAIR NA BABAQUICE E NA CHATICE DO MUNDO. Se quiser conversar comigo, venha com a solução do problema (pra tudo na vida). Não me venha de mimimi q só tem por objetivo, fazer barulho.

Tenho pescado em SIRN apenas 1 semana por ano (sendo q poderia ir a qualquer hora, pois, como disse, tenho 03 operadores q me consideram parceiros e me convidam sempre)....mas não vou pq tenho evitado estar com gente chata (me refiro aos possíveis pescadores chatos q só aumentam). Vou apenas com a mesma turma pelos 06 últimos anos...e, se um não puder estar no ano seguinte, outro só poderá entrar com uma exigência...O DE NÃO SER CHATO....Se um do grupo for chato, no ano seguinte ele é LIMADO...

Estivemos em SIRN 15 dias atrás...Rio bufando (e subindo)...todas as praias debaixo da água...mas meu grupo estava lá, firme e forte...Alguns ainda chegaram a fraquejar (mas chatice, jamais) e quiseram descer para o Negro (tática adotada por 99% dos grupos)...mas nós insistimos e permanecemos lá...Sabem o resultado?!?! Um peixe de 26.5lbs, outro de 24lbs, um de 22.5lbs, 01 de 22lbs e vários abaixo disso.
Estou com o relato pronto pra soltar....mas o mundo está tão chato, q esta turma não está a fim de ouvir os mimimis depressivos do mundo. A alegria de alguns está sendo o "inferno astral" de outros.
Ah, e esqueci de falar...Ao pescarmos naquele último "meio-dia" de pesca q fazemos (aquele q todos acham perdido), encontramos com os amigos de outro grupo/operador no Negrão...Os caras haviam pescado a semana inteira no "filé" do Negrão e não haviam pegado nada...Almoçamos na praia todos juntos e às 14h saímos para um conhecido lago da região. Eles já haviam pescado lá no período da manhã e não haviam pegado nada...Mesmo assim abrimos uma cerveja e partimos pra lá...Acertamos um de 18lbs e meia hora depois um de 20lbs. 
Chegamos no barco por volta das 17h...e no Negrão outros 02 amigos haviam acertado um de 22lbs e outro de 17lbs...Tudo isso, com água alta e subindo.

Pescaria é fé, é esperança, é DESENCANAMENTO...uma hora o peixe entra.

A Associação dos Operadores de Turismo de SIRN (chamada de COTA), já gastou uma porrada de dinheiro com advogados, consultores, transporte e hospedagem de vereadores, prefeito e tals...Tudo numa tentativa de impedir o avanço dos grupos estrangeiros na amazônia e na homologação da TI-Jurubaxi-Téa. Se esta homologação sair sabe quando eu, vc, nós q estamos lendo este texto poderemos pescar lá dentro?!?! NUNCA MAIS!!! SIM, NUNCA MAIS!!! :help:

Uma obrigação que era pra ser do Legislativo de SIRN, pois, se aquilo lá for declarado TI o município estará fudido....quem hoje briga por um dos maiores municípios do País são PARTICULARES...sim, estes operadores q vcs falam aí.

Vejo todos falando da tal da "ganância" dos operadores de pesca.....mas eu, q vivo a operação de pelo menos 3 operadores de SIRN, posso afirmar CATEGORICAMENTE...que vcs estão totalmente errados. A primeira pergunta q faço a vcs é a seguinte: - Qual empresário hoje está bem neste País???... ou será q vcs acham q apenas o nosso/seu negócio é q está ruim?!?!

Hj um pacote de pesca em SIRN gira em torno dos R$ 5.000,00 por pescador. Sim, passagem aérea, hospedagem, transfers e etc, são geradores de renda para terceiros...o q o operador coloca a mão são nos R$ 5.000,00 mesmo.
Nestes 5.000 ele toma conta do pescador por 8 dias...Dividindo isso por 8, dá uma diária de R$ 625,00. E ele paga combustível a R$ 5,00 o litro, água mineral de R$ 2,00 a garrafa pra eu escovar os dentes, picanha/filé para colocar na mesa de um monte de mamute q come pela manhã 01 dúzia de ovos e 10 mistos quentes, e por aí vai..Quero ver uma operação de pesca NO BRASIL q ofereça o q a de Barcelos e SIRN oferecem. Eu pesco por aí só para valorizar ainda mais as operações do norte. A tripulação sequer tem tempo de descansar. Trabalham por meses e meses sem folga. Tudo isso tem custo...
As turmas dão pití, vão pra outras operações e, depois de 02 ou 03 anos, voltam novamente quando descobrem as "merdas" q temos no restante do Brasil (estou generalizando, ok?!!), ou, se é bom, chega a ser muito, mas muito mais caro q lá pra cima.
Mas deixo claro, pagar um total de R$ 8.000,00 (com transfers, passagens e etc) pra pescar em SIRN é um absurdo de caro (dá pra ir pros EUA), mas como disse acima, tirem essa idéia de que os operadores são os "inimigos" desta história...pois falo com 100% de propriedade q eles são heróis por estarem lá. TUDO TEM UM CUSTO...e o de lá é alto, muito alto.

Outros amigos acima falaram q querem ir pra uma operação "X" no ano q vem...Só não sabem q no meu grupo deste ano, um dos pescadores esteve nesta operação no ano passado. Palavras do pescador:  "Aquilo lá não me pega mais"...rsrs...e não foi só este, outros 3 ou 4 amigos disseram o mesmo...Muita propaganda pra pouco resultado, e não estamos falando de peixe não, estamos falando de operação mesmo...ou seja, o pescador se frusta este ano e tem tudo pra se frustar ano q vem...Sabe o resultado disso?!?! Nunca mais ir pra AM.

Turma...parem de achar q existe um culpado pra tudo. Não estou dizendo isto "apenas" para o meu pai, q é "o meu referencial",  ou para o Kid (q tb é dos responsáveis pelo meu caráter, pois é um ser humano ducaraio...rsr)...falo isso pra todos, falo isso para cada um de vcs que está desmotivado com a sociedade q nos cerca....não vamos deixar este sentimento nos tirar da pesca. 
Querem uma dica?!?! Larguem os grupos depressivos e/ou muito exigentes, larguem os chatos...arrume um amigo top (e animado) e vá pescar caladinho. Talvez, e somente talvez, daqui 1 ou 2 anos vc estará pescando como antigamente.

Bj no coração de todos q tiveram saco pra ler tudo....rsrs love::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Prezados, bom dia.

Tenho ficado um pouco afastado dos Fóruns de Pesca, mas não posso deixar de compartilhar minha opinião sobre este tema.

Pesco na amazônia desde 2004, cerca de duas vezes por ano. Nestas vinte e poucas semanas eu tive apenas duas semanas excelentes e umas três boas. No resto foi FERRO!! Mesmo nas semanas boas, fiquei pelo menos um dia dedão, visto que pesco quase exclusivamente de hélice, pois acho que seleciona peixe grande.

Fui um dos primeiros pescadores esportivos a pescar em SIRN, antes de qualquer operação de pesca estruturada na região. Mesmo tendo todos os rios a minha disposição, na maioria das semanas foi FERRO!!

São muitas variáveis climáticas, físicas e organizacionais envolvidas! A chance de tudo conspirar a favor é mínima! Quem vai achando que a cada arremesso é uma ação, com certeza vai se frustrar. Várias vezes eu saí de lá falando algo do tipo: "Isso aqui não me pega mais!!", "Nunca mais eu volto nesta m...!", "Esse operador FDP tá de sacanagem comigo!"...etc.

Mas eu sempre voltava, por dois motivos:

1- A sensação de pegar um troféu é indescritível! Faz você esquecer todo o sofrimento das jornadas frustradas!

2- Com o tempo aprendi a valorizar mais a pescaria que o peixe!

Comecei a curtir cada momento, da chegada a Manaus ao retorno para casa: o banho de rio, a noite com o céu estrelado, as cachaças no deck do barco, os fogos de chão, os papos cabeça, o baralho, as piadas e, principalmente, os novos amigos fisgados a cada semana! HOJE, TENHO MAIS AMIGOS NA PESCA ESPORTIVA QUE FORA DELA!

Também passei a prestar mais atenção na técnica de pesca, na melhoria das minhas habilidades. Comecei a sentir prazer em acertar a isca naquela loca, fazer um trabalho diferente, escolher o tipo de isca mais produtiva para a condição de pesca, aprender a fazer leitura do rio... etc. Peixe passou a ser consequência!!  EU GOSTO É DE PESCAR!!

Um marco na minha jornada de pescador amazônico, foi a comparação entre duas turma de pesca:

- Na primeira, estávamos em 14 pescadores e TODOS pegaram peixe acima de 20lb. Na hora de recolher a caixinha, vários se recusaram a participar do rateio por motivos bestas, puro mimimi... fulano não falou bom dia para mim, beltrano deixou a cerveja esquentar, zezinho posicionou mal barco, etc... 

- Na segunda, pegamos repiquete no afluente e nem peixe para o assado conseguimos capturar. Nem praia para o Luau existia no rio!! Quando chegava a noite no barco hotel, era só felicidade, turma alegre, ouvindo música, jogando truco, cozinhando, contando piada... sabe quantas reclamações eu ouvi? ZERO!!

A mensagem é: ESCOLHA BEM SEUS PARCEIROS DE PESCA!! COM CERTEZA O PASSEIO VAI SER TOP!!

 

Em relação ao rodízio dos operadores, eu acho que falta transparência e clareza nas regras. Mas alguma regra é melhor que nenhuma!

É mandatório algum tipo de ordenamento pesqueiro na região!

SIRN não suporta os 50 barcos de Barcelos. A estrutura de pesca é restrita, pois o rio negro fica muito na caixa naquela região (menos lagos, ressacas, ilhas e paranas).

Espero que a regulação seja aprimorada a cada ano e que estes recursos não caiam na mão dos estrangeiros!!

 

 

 

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
10 horas atrás, Fabrício Biguá disse:

Entendo perfeitamente a frustração do Kid, apesar de não acreditar (e é o q espero tb), que ele não se aposente de lá...:amigo:

Me perdoem os comentários abaixo...mas eu estou tentando sair da "chatice" q o mundo está tentando me levar (e não estou falando especificamente dos comentários do Kid, falo de tudo). Eu resolvi NÃO ACEITAR ISSO...pois, se eu for entrar nessa, daqui a pouco serei um dos milhões em depressão q vemos por aí. Coloquei na minha cabeça "EU NÃO QUERO ISSO PRA MIM!!!". 

Como eu disse num outro tópico daqui do fórum, o mundo está ficando mais e mais chato, e na pesca a coisa não é diferente.

Se formos observar os comentários de todos acima (e turma, não estou atacando ninguém, blz?!?! estou apenas tentando justificar o q vou postar abaixo...sou da paz...rs)...mas vejo tudo muito "carregado"...todos frustados, com mágoas profundas decorrentes de ações da natureza (outras não)...mas muita coisa eu não concordo com o q foi postado (mas respeito).

O Kid mesmo (meu maior considerado do fórum), postou q não sabia o rio que iriam subir...Oras, eu já havia comentado com ele como havia sido a nossa semana por lá....E acredito q temos outros tópicos aqui no fórum falando sobre estes MALDITO RODÍZIO que está havendo em SIRN. Mas vamos ao q comentei na semana anterior a ida deles pra lá.

Nem o Kid disse isso ao grupo....Pior, o meu pai, q era o "chefe" da turma....q também já me ouviu falar disso pelo menos umas 1000 vezes, disse ao grupo que tb não sabia desse rodízio ou como ele era feito. blink::   
Mas tb não difícil deduzir...em SIRN existem apenas 2 afluentes com capacidade de acesso para barcos grandes, o Jurubaixi e o Uneiuxi...E atualmente são 07 barcos operando por lá....(apenas 1 grande, ou 02 pequenos, podem subir o rio por vês)...a coisa tá complicada. 
E tem mais, tem empresa q abre mão de subir pq naquela semana o grupo quer pescar peixe de couro...ou seja, ele dá a vez para outra empresa...Mas, se daqui 02 ou 03 semanas ele quer subir um destes dois afluentes, a preferência é dele, é claro. E assim aquela turma de lá tem sofrido com este rodízio.

Digo mais, se a turma tivesse subido o afluente e tivesse arrebentado de pegar, a impressão teria sido outra...E isso não é difícil de ocorrer, ok?!? Não estou falando besteira. Em 2015 estive lá e aqui mesmo no fórum falaram a água estava espumando (sinal de q estaria subindo lá pra cima)...mas meu grupo resolveu subir assim mesmo. Resultado?!?! Arrebentamos de pegar peixe. Arriscamos e pegamos muito.
Hj afirmo que NENHUM AFLUENTE de SIRN está com peixe ativo. A água subiu 1.4m desde a primeira semana de setembro (em todos os afluentes). E aí, será q existe rio "milagroso"?!? Claro q não...Só uma coisa é certa, uma hora o peixe terá q comer.

Pior, todos nós pescadores (E EU ME INCLUO NESSA), se pescamos de um lado do barranco, queremos arremessar do outro lado...Massssss, se estivéssemos do outro lado, estaria arremessando do lado de cá...rsrs...ou seja, nunca, MAS NUNCA, ACHAMOS Q ONDE ESTAMOS é o lugar ideal.

O papo já está longo, mas vou postar uma historinha interessante pra vcs.
Ano passado o meu barco subiu um afluente...Logo atrás subiu o barco com um grupo do meu pai. Chegamos ao topo do rio...Acima do ponto onde estávamos fundeados, apenas uns 10 bons lagos pra pescar. Numa noite lá, o gerente do barco do meu pai saiu do barco dele para me falar q a turma estava put@ comigo, pois eu havia proibido todos de passarem o nosso barco...blink::
Disse a ele q aquilo era mentira e que, duas horas antes, eu havia me encontrado com um dos pescadores do grupo do pai que me informou que o barco deles iria ultrapassar o nosso. Eu disse a ele QUE ESTA TÁTICA NÃO ERA A MAIS INTERESSANTE, pois, com os 16 pescadores do nosso barco + os 14 do barco dele, só teríamos 10 lagos pra pescar. Tentem imaginar 15 barcos pescando em apenas 10 lagos?!?!
O jumento ao invés de entender a minha informação como sendo uma boa dica...ele quis entender como sendo uma imposição que os atrapalharia...surtei::
Disse ao gerente q no dia seguinte eles poderiam ultrapassar o nosso barco sem problema.
Sabe o q o meu grupo fez?!?! TODOS DESCERAM e pescaram pra baixo do barco do meu pai.....kkkkkkkk....Detalhe, foi um dos melhores dias de pescaria.
Ah...bastou uma forte chuva aparecer para q às 15h todos do grupo do meu pai descessem para o barco deles...ou seja, além de não ter muito lago pra bater pra cima, não insistiram nos pontos.
No final da pescaria o meu grupo brindava uma excelente semana de pescaria...enquanto q no outro barco só se via cara feia. O grupo saiu sem se falar da pescaria...rsrs..(tô rindo pra não chorar)...E tudo isto sabe por conta de que?!?! Por conta de 10 curvas de rio q o barco deles ficou abaixo do nosso...surtei::

 

...voltando....
Enquanto a turma do meu pai e dos Mocorongos agonizava dentro de um afluente de SIRN, uma outra empresa estrangeira está fazendo de tudo para pescar exclusivamente lá dentro com norte americanos...Eles chegaram a fechar o rio para "o resto do mundo"....mas, por uma associação de fatores e pressão dos outros empresários (q ficaram sem opções), a coisa não deu certo....Ou seja, o rio que seria perfeito pra um, está sendo maldito pra outros. 

Por pior q seja o esquema do rodízio, ele ainda está havendo, pois, se dependesse da povo de SIRN (comunidades ribeirinhas, secretaria do meio ambiente e parceiros de ONGs estrangeiras), não tinha ninguém pescando lá dentro.
A taxa q era de R$ 30,00 passou para R$ 50,00....E pra que?!?! Pra nada, pois lá ninguém vê pra onde este dinheiro vai. E este aumento ocorreu numa canetada do prefeito (através de um decreto ilegal que não regulamentava lei alguma)...Tudo isso eu falei aqui no fórum. Mal ou bem apareceram poucos para comentar...mas, a grande maioria, nada...Como bons brasileiros, somos todos acomodados.
Sobre este assunto ainda tem uma parte boa, pois o judiciário está cobrando os recibos dos depósitos feitos. Agora a Secretaria do Meio Ambiente de SIRN está obrigada a prestar contas.

Ainda sobre o rodízio, o estado de nervos dos operadores de SIRN está nos limites. Eles mesmos não estão se falando direito, a discussão é diária. Só para vcs terem uma ideia, o grupo do meu pai e do Kid foi para o Jurubaxi....Enquanto isso eu ouvi de um féla de um operador de lá, que eu só olhava para o meu umbigo, e q não respeitava o rodízio dos rios, pois um outro barco (o Mirim), havia subido para o Uneiuxi, sendo que aquela semana este operador é q queria ir pra lá...Ou seja, ALÉM DE NÃO SER O RESPONSÁVEL POR RODÍZIO DE BARCOS, E O MEU PAI E UM DOS MELHORES AMIGOS ESTAREM NO RIO QUE ELES NÃO QUERIAM ESTAR, ainda tenho q ouvir de um merda, q eu sou egoísta. Pior, o cara parece uma fifí nos grupos do zapzap, diz q eu não sei de "Puts" nenhuma, afinal, só vou lá 01 vez por ano....mas se esquece de falar q antes dele conhecer o fórum ou passar horas comigo conversando sobre AM, o mais longe q ele pescava era a 300Km da casa dele. Disse ao operador que ele ESTAVA CERTO EM RECLAMAR....mas que reclamar para o BOZO não iria resolver o problema, e q ele o fizesse a quem o resolveria. Ele?!? Não está nem aí...para se dar bem ele vende a alma pro capeta...mimimi, mimimi e mais mimimi no zapzap....(e tem bobo que acredita nele). E assim o estress tem tomado conta de todos q trabalham por lá.
Hj estou sendo vítima de ataques de gente q estou ajudando....Relevo tudo isso pelo q disse lá cima....EU NÃO VOU CAIR NA BABAQUICE E NA CHATICE DO MUNDO. Se quiser conversar comigo, venha com a solução do problema (pra tudo na vida). Não me venha de mimimi q só tem por objetivo, fazer barulho.

Tenho pescado em SIRN apenas 1 semana por ano (sendo q poderia ir a qualquer hora, pois, como disse, tenho 03 operadores q me consideram parceiros e me convidam sempre)....mas não vou pq tenho evitado estar com gente chata (me refiro aos possíveis pescadores chatos q só aumentam). Vou apenas com a mesma turma pelos 06 últimos anos...e, se um não puder estar no ano seguinte, outro só poderá entrar com uma exigência...O DE NÃO SER CHATO....Se um do grupo for chato, no ano seguinte ele é LIMADO...

Estivemos em SIRN 15 dias atrás...Rio bufando (e subindo)...todas as praias debaixo da água...mas meu grupo estava lá, firme e forte...Alguns ainda chegaram a fraquejar (mas chatice, jamais) e quiseram descer para o Negro (tática adotada por 99% dos grupos)...mas nós insistimos e permanecemos lá...Sabem o resultado?!?! Um peixe de 26.5lbs, outro de 24lbs, um de 22.5lbs, 01 de 22lbs e vários abaixo disso.
Estou com o relato pronto pra soltar....mas o mundo está tão chato, q esta turma não está a fim de ouvir os mimimis depressivos do mundo. A alegria de alguns está sendo o "inferno astral" de outros.
Ah, e esqueci de falar...Ao pescarmos naquele último "meio-dia" de pesca q fazemos (aquele q todos acham perdido), encontramos com os amigos de outro grupo/operador no Negrão...Os caras haviam pescado a semana inteira no "filé" do Negrão e não haviam pegado nada...Almoçamos na praia todos juntos e às 14h saímos para um conhecido lago da região. Eles já haviam pescado lá no período da manhã e não haviam pegado nada...Mesmo assim abrimos uma cerveja e partimos pra lá...Acertamos um de 18lbs e meia hora depois um de 20lbs. 
Chegamos no barco por volta das 17h...e no Negrão outros 02 amigos haviam acertado um de 22lbs e outro de 17lbs...Tudo isso, com água alta e subindo.

Pescaria é fé, é esperança, é DESENCANAMENTO...uma hora o peixe entra.

A Associação dos Operadores de Turismo de SIRN (chamada de COTA), já gastou uma porrada de dinheiro com advogados, consultores, transporte e hospedagem de vereadores, prefeito e tals...Tudo numa tentativa de impedir o avanço dos grupos estrangeiros na amazônia e na homologação da TI-Jurubaxi-Téa. Se esta homologação sair sabe quando eu, vc, nós q estamos lendo este texto poderemos pescar lá dentro?!?! NUNCA MAIS!!! SIM, NUNCA MAIS!!! :help:

Uma obrigação que era pra ser do Legislativo de SIRN, pois, se aquilo lá for declarado TI o município estará fudido....quem hoje briga por um dos maiores municípios do País são PARTICULARES...sim, estes operadores q vcs falam aí.

Vejo todos falando da tal da "ganância" dos operadores de pesca.....mas eu, q vivo a operação de pelo menos 3 operadores de SIRN, posso afirmar CATEGORICAMENTE...que vcs estão totalmente errados. A primeira pergunta q faço a vcs é a seguinte: - Qual empresário hoje está bem neste País???... ou será q vcs acham q apenas o nosso/seu negócio é q está ruim?!?!

Hj um pacote de pesca em SIRN gira em torno dos R$ 5.000,00 por pescador. Sim, passagem aérea, hospedagem, transfers e etc, são geradores de renda para terceiros...o q o operador coloca a mão são nos R$ 5.000,00 mesmo.
Nestes 5.000 ele toma conta do pescador por 8 dias...Dividindo isso por 8, dá uma diária de R$ 625,00. E ele paga combustível a R$ 5,00 o litro, água mineral de R$ 2,00 a garrafa pra eu escovar os dentes, picanha/filé para colocar na mesa de um monte de mamute q come pela manhã 01 dúzia de ovos e 10 mistos quentes, e por aí vai..Quero ver uma operação de pesca NO BRASIL q ofereça o q a de Barcelos e SIRN oferecem. Eu pesco por aí só para valorizar ainda mais as operações do norte. A tripulação sequer tem tempo de descansar. Trabalham por meses e meses sem folga. Tudo isso tem custo...
As turmas dão pití, vão pra outras operações e, depois de 02 ou 03 anos, voltam novamente quando descobrem as "merdas" q temos no restante do Brasil (estou generalizando, ok?!!), ou, se é bom, chega a ser muito, mas muito mais caro q lá pra cima.
Mas deixo claro, pagar um total de R$ 8.000,00 (com transfers, passagens e etc) pra pescar em SIRN é um absurdo de caro (dá pra ir pros EUA), mas como disse acima, tirem essa idéia de que os operadores são os "inimigos" desta história...pois falo com 100% de propriedade q eles são heróis por estarem lá. TUDO TEM UM CUSTO...e o de lá é alto, muito alto.

Outros amigos acima falaram q querem ir pra uma operação "X" no ano q vem...Só não sabem q no meu grupo deste ano, um dos pescadores esteve nesta operação no ano passado. Palavras do pescador:  "Aquilo lá não me pega mais"...rsrs...e não foi só este, outros 3 ou 4 amigos disseram o mesmo...Muita propaganda pra pouco resultado, e não estamos falando de peixe não, estamos falando de operação mesmo...ou seja, o pescador se frusta este ano e tem tudo pra se frustar ano q vem...Sabe o resultado disso?!?! Nunca mais ir pra AM.

Turma...parem de achar q existe um culpado pra tudo. Não estou dizendo isto "apenas" para o meu pai, q é "o meu referencial",  ou para o Kid (q tb é dos responsáveis pelo meu caráter, pois é um ser humano ducaraio...rsr)...falo isso pra todos, falo isso para cada um de vcs que está desmotivado com a sociedade q nos cerca....não vamos deixar este sentimento nos tirar da pesca. 
Querem uma dica?!?! Larguem os grupos depressivos e/ou muito exigentes, larguem os chatos...arrume um amigo top (e animado) e vá pescar caladinho. Talvez, e somente talvez, daqui 1 ou 2 anos vc estará pescando como antigamente.

Bj no coração de todos q tiveram saco pra ler tudo....rsrs love::

kkkk

Pescar caladinho, é o que estou fazendo a tempos... rs

Abraços,

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Fabrício e Fabio falaram tudo...é isso aí meus amigos....melhor uma semana de repiquete e ruim de peixe,mas com uma turma TOP que uma semana TOP de trabalho ....boa temporada a todos !!!! vamo que vamo !!!!!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Estou no fórum desde 2007

Muita gente aqui nem me viu postando nada. Mas já segui o fórum diariamente por anos. Tudo tem seu tempo.

Pesquei várias temporadas seguidas na Amazônia e há 3 anos estou sem ir ao Rio Negro

Nos últimos anos (bem mais de três  anos) o nicho do mercado e a crescente demanda de pescadores pra lá vem causando algumas dificuldades. Essas novas regras tentam resolver isso. Muito provavelmente de forma equivocada, mas não estou por dentro pra opinar.

O que posso opinar é sobre a pescaria na região.

 

A pescaria no Rio Negro, especialmente em SIRN, é muito seletiva... Não é pra todos os pescadores (isso é muito real)

Tem muita gente que vai pescar Açu sem nunca ter pego uma traíra no Plug.

Lógico que esse não é o motivo da frustração de alguns como nossos experientes Kid e Eloy. 

O que vem frustrando experientes pescadores de maneira direta ou indireta é a famosa MUVUCA. Estou errado?

Pescaria é assim. Dez dias do peixe e um do pescador. Começar a entender isso não é fácil. Ainda mais se você gastou milhares de reais e está com a expectativas lá na lua.

A primeira vez que fui pra lá tinha a expectativa de pegar um Açu com mais de 4 kilos. Resultado voltei muito feliz.

Das outras vezes queria pegar alguns açus e voltei feliz novamente.

Após ter pego todos os peixes que nem imaginava que pegaria voltei pra lá com a expectativa de descansar da rotina e jogar isca na água... aí o fundamental foi encontrar pessoas com esse mesmo espirito. Isso me custou duas temporadas em grupos heterogêneos e com gente chata.

Após achar uma turma boa, já fizemos outras pescarias ruins sem perder o ânimo.

Faz três anos que não vou pra SIRN é o motivo é um só. Não tenho disponibilidade pra fazer várias pescarias ao ano. Se tivesse iria todo ano... Mesmo pra se ferrar no repiquete. Como disse meu amigo Fábio, o importante tem q ser jogar isca na água e como disse o amigo Fabrício, com boas pessoas.

Estou vendo essa insatisfação geral com bom olhos. Vai ter q haver um equilíbrio no fluxo do pescadores pra região... por enquanto só tem aumentado. Isso é insustentável.

Se continuasse assim o resultado seria um só. Ou o preço aumentaria acima do razoável ou em breve teríamos dez  barcos operando lá.

Cair de gaiato em um grupo pra Amazônia com a expectativa alta tem grande chance de te frustrar. Simples assim, não vá.

Vá pra outros locais... Tem muita opção por aí 

Eu estou nessa. Dando um tempo.

 

Assim que a galera perceber como a pescaria lá é de verdade e souber filtrar o q está nas redes sociais um novo equilíbrio tem q ser atingido.

Aí estarei de volta

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

×